Inferno – Dia 2

anjos2

Os anjos que auxiliarão Satanás na sua divina tarefa de torturar os condenados… Divina sim! Por que não?! Esqueceu que faz parte do plano divino? Se faz parte do plano, é divina também. Pois bem, aqueles anjos… você alguma vez pensou neles?

Por que eu estou me referindo aos demônios como anjos? Mas, minha querida, não reza a lenda que eles eram anjos que seguiram Lúcifer, que se rebelaram contra Deus e foram expulsos do Céu? Você pode chamá-los do que quiser, mas eles foram criados como anjos. Criados por Deus… não esqueça disso também, porque vai ser muito importante. E, se você leu meus textos iniciais sobre esse assunto, deve estar se perguntando, até hoje, como é que os demônios ganharam asas de morcego e ficaram feios, se, como anjos, eles eram bonitos e tinham asinhas de pombo…

Mas a questão é que andei pensando um pouco sobre aqueles anjos… criados por Deus… Não dá para saber que arranca-rabo houve no Céu, mas o fato é que eles foram expulsos. Não foi assim? Pelo menos foi o que me disseram quando eu era uma criancinha indefesa e morria de medo de demônios. Mas se esses anjos seguiram Lúcifer e deixaram o Céu… o que eles pretendiam, para onde iriam, o que fariam sem a permissão e o aval do Todo-Poderoso? Que eu saiba, nada.

Lembra daquela dúvida do texto “O guia do mochileiro do Inferno“?: Deus teve a ideia do Inferno no momento da Criação ou só depois?

Percebeu como é relevante? Se Deus planejou o Inferno desde o começo, ele precisaria de alguns “funcionários” não é? Será que os anjos foram expulsos mesmo, ou foram criados como demônios desde o início? Já pensou? Deus criando seres que seriam exímios torturadores? A imagem do Deus bonzinho some na hora, não acha?

Então, ele criou o Inferno depois e aproveitou os anjos malvados? Tudo bem. Só que eu gostaria muito que alguém me explicasse por que esses anjos rebelados iriam, depois, fazer parte do plano de Deus torturando almas… Não é estranho? Muito mais provável que eles tivessem mandado Deus catar coquinho do que resolvido participar de qualquer coisa comandada por ele. Eles já não haviam se rebelado? Se fosse para continuar recebendo ordens, teriam ficado no Céu! Será que Deus os ameaçou de alguma forma para que eles entrassem no plano? Tipo: “Ou vocês fazem como eu digo, ou acabo com a sua raça!!” A imagem do Deus bonzinho vai pras cucuias de novo, né não?

Vou deixar você com essas questões e voltar à minha. (Mas não as deixe de lado, senão o Inferno desmorona…)

Pois bem… os anjos… Independetemente do que tenha havido no Céu, ou de quando o Inferno tenha sido criado, o que eu pensei sobre eles foi o seguinte: por que eles iriam querer torturar almas? Ou nossos corpos físicos? [Espero que tenha seguido meu conselho e lido os textos sugeridos n’O guia do mochileiro do Inferno. Essas questões foram apresentadas nesses textos.] Por que eles iriam querer habitar o Inferno, atormentar as pessoas na Terra e ficar esperando o Juízo Final para terem, por toda a eternidade, quem torturar?

Por mais que você não goste de mim; ou mesmo que você me deteste, ou me odeie; mesmo que eu tivesse feito uma coisa muito ruim para você como ter te dado um fora, ou te roubado uma namorada, eu sou capaz de apostar que você, uma criatura imperfeita, um “reles” mortal, não iria querer me torturar por causa disso. Por que criaturas celestiais haveriam de querer?

Muita coisa a explicar para manter o Inferno de pé, não é mesmo?

Anúncios

20 Respostas

  1. Não podemos, de facto, analisar estas questões à luz da razão. Quando o fazemos… a coisa torna-se tão pouco coerente, tão confusa – perturbada até – que se torna um obstáculo muito grande para quem acredita nisto. Vão chover comentários, Barros. Prepare-se!!! Mas já está habituado não é? Já sabe: vai arder no Inferno. Aliás, vamos todos eheheheheh

  2. Oi! Pois é, mas acho que não vão dar muita trela para o meu texto, não. Acho que vou começar a fazer propaganda do meu blog apenas entre os ateus. Os religiosos, quando tomam conhecimento do site, olham uma vez e fingem que não viram. É mais fácil assim, porque não precisam explicar nada a ninguém e continuam acreditando em conjunto.

  3. É isso mesmo.duas proposições advém:

    1- Ou Deus não existe´- (esta é a melhor)
    2- Ou Deus criou tudo, do satanás, á maldade e gosta de manter do jeito que está. criou os anjos maus pra torturar e infernizar..

    prefiro aceitar que Deus não existe, senão é o cara mais perverso do universo e céu.e inferno..afinal o diabo é inferior e segue ordens

  4. Muito bacana! Parabéns.

  5. Obrigado, e seja bem-vinda, Daniela.

  6. Daniela,

    Que bom que esteja aqui! É sempre bom ver alguém lendo e comentando! quando mais pessoas, mais enriquecemos nosso conhecimento, pelas proposições do seus pontos de vista, nos abrindo a mente às novos entendimentos

  7. Daniela, fiz um link pro Sem Religião. Pode fazer um pro DeusILUSÃO também?

  8. […] Inferno – Dia 2 […]

  9. Muito interessante… Deu ateh vontade de estudar sobre isso. Sério msm :)

    Isso pode (eu disse PODE) levar a crer q td naum passa de uma grande e antiquuíssima “prosopopéia flácida para acalentar bovinos”. hehehe

  10. Olha, eu acabei de conhecer seu site depois de começar uma busca sobre gravuras do inferno. E achei interessante. Nunca fui muito de discutir religião, evolucio- e criacionismo mas sempre acho interessante ler sobre essas coisas e argumentar, sem tentar fazer a cabeça da pessoa com quem se argumenta porque isso é patético. Não percebi nenhuma tentativa sua até agora [ li os dias 1 e 2 apenas, continuarei a minha leitura dos demais dias ] de mudar a maneira de pensar. Suponho que você incite o pensamento sobre isso. Alguém com fé em Deus provavelmente sairá mais firme sobre sua fé do que antes de ler esses textos, assim como quem tem fé em seu ateísmo saíra mais ateu do que entrou. :D

    Mas uma coisa que me chamou a atenção e também me fez querer comentar aqui antes mesmo de terminar de ler todos os textos e guias e etc..
    Deus não criou o Inferno. Eu vejo Deus e o Diabo como duas forças opostas e equivalentes. Um deles tem um “rebanho” um pouco menor. Se o Diabo era um anjo rebelado com a maneira que Deus tratava seus devotos [arrependeu-se, aceitou Deus, tá absolvido, bem vindo ao Paraíso] e descendeu. Fazendo isso, saindo da graça divina, foi amaldiçoado e o seu ódio o transformou no que “é”. O ódio, que dá tanto poder para aqueles que o cultivam, criou para ele [ o mano vermelhinho lá de baixo ] seu reino.

    Eu acho que você analisa isso racionalmente DEMAIS. Se você parte da premissa que anjos existem para questionar como partiram de asas lindas e plumosas para asas de morcego, perde sua linha de raciocínio ao tentar analisar isso de maneira muito fria. E eu não consigo acreditar que analisou as torturas eternas do inferno como uns exímios torturadores que torturam corpos físicos. De novo, se saiu da premissa que o inferno existe para questionar os métodos de tortura e os aplicantes destes, imaginar que corpos físicos que reagem a leis biológicas mundanas seriam os tais “sentenciados à cólera satânica da tortura eterna” foge totalmente do seu mini paradigma do texto.

    Eu acredito em Deus, sou totalmente desligado de religiões e acredito da maneira que sinto que o mundo seja, acima e/ou abaixo. E também acredito no Demônio. Pra mim, negar a existência dele me tira do senso que toda força tem uma contraparte, em TUDO.
    Da mesma maneira que todos os Deuses do mundo tem suas contrapartes e você [ não VOCÊ, imagino, mas você entendeu ] escolhe para qual dará sua devoção, assim escolhemos para qual dos ‘Deuses’ do nosso paradigma daremos NOSSA devoção. Acima… ou abaixo.

    Boa noite

  11. Bruno Perissotti,

    Seja bem-vindo. Toda a existência de diabos, infernos, denota a impossibilidade de um deus.}SEnão ele assim será um conivente com a maldade eterna.

    O fato de o suposto ser imaginário deus, permitir a existência do “demo”, e seus infernos, o tranforma num colaborador da maldade, em se sabendo, virtulamente que deus tem mais força que o cão..rsrs

    Toda essa bobagem não encontra guarida numa mente pensante….na verdade, a não existência faz o papel da inocÊncia divina….ainda bem…senão ele seria um outro diabo…pros humanos..

  12. Mas é aí que discordo da sua linha de pensamento…

    Eles coexistem. Assim como Hades e Zeus o fazem. Hades é deus do submundo, Hades está constantemente contra Zeus e são incontáveis as histórias que figuram Hades armando contra Zeus e os demais Olimpianos. Assim são Odin e Loki, e em todas as outras mitologias.

    Você que apenas fala de Deus na hipótese, o faz muito mais soberano do que é. Ele é um Deus, que tem sua contraparte. E toda contraparte visa o equilibrio. Um equilibrio perverso, insano e tudo o mais, sim… mas equilibrio.

    Darei início ao restante da leitura do seu guia Infernal.

  13. Bruno Perissotti,

    O absurdoda coexistência, supondo existirem, é que dá a mostra da sua malignidade. Claro que não conto com isso. Prefiro que não exista e é o que acontece.

    Os exemplos citados, apenas corroboram que o deus judaico-cristão é também um mito, afinal nunca existiu Hades nem Zeus..nem Odin nem Loki.

    Mais uma vez, se deus depende da existência de outros deuses menores – demos – para equilíbrio, só mostra a incapacidade do deus..

  14. QUERIDO OU QUERIDA PARA SABER SOBRE O TEMA DE SEU TEXTO …E MUITO SIMPLIS ,,VEM CONHECER A IGREJA QUE CONGREGO … IGREJA EVANGELICA DA FÉ SITUADA NA CIDADE DEVOLTA REDONDA A QUAL TEM UM PASTOR TEMENTE E OBEDIENTE A DEUS

  15. QUANTA PERCA DE TEMPO …. SE CONTINUAR ASSIM COM CERTEZA VC IRA PARA LA TA

  16. Né Saracura se só existia um deus no começo como ele pode ter um lado oposto ?
    Só se ele criou a maldade como desculpa hehehe.
    E Veralucia igreja é igual clubinho cada uma se acha certo, mas todas tem as próprias regras é só olhar como a fé é fragmentada.

  17. Leo,
    Sim se deus sempre existiu permitiu a criação da maldade…tudo é meio confuso…E essa menina aí que fica nos chamando pra igreja dela como se fosse a iluminada….é de uma idiotice só..valeu

  18. Sra. Vera Lucia porque não chama seu pastor pra debater aqui? todos da tua igreja estão convidados a vir aqui e desbancar os ateus nas idéias.
    Ou vcs só são valentes nos hinos? que pisam o diabo ; qeu o Sr. dos exércitos vai na frente etc.
    Mas o ateu faz “bú” o exércitos dos crentes corre em disparada.

  19. Seria interessante se tivesse um espaço para nós ateus descrever como viramos ateístas!Mudei de opinião a pouco tempo e gostaria de saber como foi o processo de descrença de cada um.

  20. Sillenny, já respondi seu e-mail.

    Grato.
    Barros

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: