Símbolos religiosos

Entre outras propostas polêmicas, o 3º Programa Nacional de Direitos Humanos sugere que haja mecanismos para impedir a ostentação de símbolos religiosos em estabelecimentos públicos.

Como todas as culturas estão fundadas sobre religiões, pode-se dizer que onde não há religião, não há cultura. Entra numa batalha suicida o Estado que nega a presença de símbolos religiosos. Ao impedir a ostentação desses símbolos – o crucifixo, por exemplo –, o Estado brasileiro estará ignorando o passado e, com isso, a identidade do povo que pretende organizar. Não há como negar a importância central do cristianismo, sobretudo em sua vertente católica, na formação da nação brasileira.

Desde seu primeiro nome – Terra de Santa Cruz –, passando pelos nomes de suas principais cidades e dos acidentes geográficos costeiros, nomeados pelos navegantes portugueses segundo as datas do calendário cristão que vivenciavam até a multiplicidade atual de festas populares e o recorrente surgimento de novas denominações cristãs, não há como falar da história, da cultura, das tradições do povo deste País sem fazer referências aos símbolos cristãos.

Faz sentido, sim, lutar pelos direitos das minorias. No caso, os não-cristãos ou os que não professam religião alguma. Há que se considerar, porém, que o conceito de dignidade humana, com o consequente respeito à consciência e à liberdade de cada ser humano, tem sua raiz no cristianismo. A palavra pessoa, tão central em nossa civilização ocidental, nasceu no contexto dos debates teológicos dos séculos 3 a 5, que concluíram haver três pessoas na unidade do único Deus, sendo que uma delas é a pessoa divina do Filho que se fez homem em Jesus de Nazaré, o qual, portanto, é uma pessoa divina em duas naturezas, a divina, que lhe é própria, e a humana, que ele assumiu na encarnação. Na semelhança do Filho de Deus humanado encontra-se o ideal de qualquer ser humano. Ao lutar, pois, pelos direitos das minorias, não se pode menosprezar o direito das maiorias. Sobretudo quando é na religião e na cultura dessas maiorias que se funda, filosoficamente, o direito de todos.

Sem símbolos religiosos que fortaleçam a identidade cultural de nossa sociedade, haverá a substituição por outros símbolos. Os ídolos do futebol, as deusas da moda, a foto dos políticos… Novos deuses serão içados ao patamar da memória religiosa do povo: o dinheiro, o status, a moda. Serão eles a configurar a nova identidade de nossa nacionalidade?

Como não há sociedade sem religião, é ilusão imaginar um Estado neutro. A proposta filosófica e política de um Estado laico, partilhada também pelos chefes religiosos, sobretudo do judeu-cristianismo, não deve confundir-se com um Estado laicista, neutro, ateu. O direito à liberdade religiosa diz respeito à liberdade de exercer ou não determinada religião, mas não à liberdade de confrontar-se com as religiões.

Um Estado que se pretenda laico não pode negar a realidade religiosa da sociedade que organiza. A partir do momento em que passe a lutar contra a religião e seus valores e símbolos, estará instaurando um fundamentalismo antirreligioso, cúmplice do fundamentalismo religioso.

Vitor Galdino Feller

Padre e teólogo


A NOTÍCIA – Jornal de Joinville com notícias, esportes, colunistas e mais

Anúncios

36 Respostas

  1. A falta do crucifixo em um estabelecimento público não vai aumentar e nem diminuir para os Evangélicos.

    Isto é conseqüência da falta de prestígio que a Igreja católica vem perdendo ao longo dos séculos.

    Lembre-se! Antes a Igreja Católica dominava até reinos, o estado vivia atrelado ao Clero.
    Hoje ela vem se tornando um grande elefante branco.

  2. Mimimi, respeitar crucifixo, mimimi, religião é importante, bla bla bla, o pais precisa… Muita conversa fiada para apresentar os mesmos velhos argumentos de que um pais laico tem que manter símbolos da estupidez religiosa à vista, fora dos templos.
    O que um teólogo estuda?

  3. Sou contra qualquer símbolo, de qualquer religião, não só a católica, em estabelecimentos do Estado.

    O Estado não possui uma religião, é laico, e por isso suas repartições tem que se apresentar assim. Por respeito a todos que ali frequentarem.

    Se há uma Bíblia, um crucifixo, um relógio-quadro citando um Salmo, ou até uma gravura de Oxum em uma repartição pública, ela ali está por vontade do funcionário, ou funcionários, que trabalham naquele ambiente. É algo pessoal, privado, e que deveria ser mantido portanto em ambiente pessoal, privado.

    Apesar de isso em pouco ou nada me afetar, me sinto incomodado ao ver tais símbolos, e imagino que um crente como o Hagnus, que não se incomoda com crucifixos, não gostaria de ver um estátua de Exú na secretaria da escola de seu filho.

  4. o Brasil é laico apenas no papel… ou ninguém lembra do acordo Brasil-Vaticano que o governo votou e aprovou em tempo recorde por debaixo dos panos???

    no próprio preâmbulo da constituição já começa errado…

  5. Padre sem vergonha, dizer que o conceito de dignidade humana tem raiz no cristianismo! E “com o consequente respeito à consciência e à liberdade de cada ser humano”… Quem esse hipócrita pretende enganar com essa conversa fiada de dignidade humana? E a Inquisição? E a escravidão dos negros? E o assassinato das civilizações indígenas na América Latina? E onde fica a defesa da dignidade humana quando padres abusam de crianças? E a proibição do uso da camisinha, enquanto a epidemia da AIDS se alastra pelo mundo? Conversa para boi dormir… Vá para o inferno canalha!!!!
    Na verdade, a motivação deste texto é o medo da irreversível perda da clientela e poder que vem se acelerando a cada dia que passa… “Sem símbolos religiosos que fortaleçam a identidade cultural de nossa sociedade, haverá a substituição por outros símbolos. Os ídolos do futebol, as deusas da moda, a foto dos políticos…”
    A Igreja Católica está acuada e perdendo terreno a cada dia, é inevitável que, com a tendência da abolição dos símbolos religiosos em repartições públicas, sua importância e influência continue a minguar, enfraquecer, até se tornar irrelevante…
    Chora padreco e reza bastante para ver se a situação se reverte…
    Há braços,
    Maximiliano

  6. Despindo Mitos,

    Eu tenho um irmãozinho com idade de 7 e um sobrinho com idade de 8
    Nas escolas deles até o momento não possui nenhum símbolo religioso.

    Realmente isso é algo pessoal, na minha casa eu posso ouvir meus hinos e vestir a camisa do meu time, mas em um ambiente coletivo devo sempre respeitar a opinião dos outros.

    Como moro no Brasil, automaticamente vivo sempre respeitando a fé alheia.Todos aceitam o nosso Deus.

  7. poxa Hagnus… você vem em um site de conteúdo ateu e diz:

    Todos aceitam o nosso Deus.

    nonsense

    :-p

  8. “Todos aceitam o nosso deus” by Hagnus

    Que ofensa!!!! Quanta cara de pau!!!!

    Quem aqui aceita deuses e outros lixos inventados por povos analfabetos e ignorantes há milênios?

    Esse cara tem algum problema mental sério ou é somente um sem vergonha descarado? Ou ainda: ambos?

    Há braços,
    Maximiliano

  9. Tem uma crente que que eu conheço que diz que tolera a amiga lésbica, mas conversando mais um pouco ela acabou deixando claro que por ela essa amiga está errada e vai para o inferno do mesmo jeito, tolerar não é aceitar e o seu deus não faz ambos não tolera e não aceita logo não ama a todos e sempre tem um favorito.Quem lembra de Caim e Abel ? Deus gostou mais do sacrifío de uma animal do que os vegetais de Caim. Sim meu querido deus foi o motivo da primeira morte no mundo(no seu mundo), com toda essa carência dele. Um deus assim não tem espaço na minha vida.

  10. Sim meu querido deus foi o motivo da primeira morte no mundo(no seu mundo),

    Caraca!, Leonardo. Eu nem tinha me tocado disso. Ehehehe. Vamos ver como o crente se sai dessa.

    Com a palavra: HAGNUS.

  11. Quem quiser relembrar a estorinha de Cain e Abel, clique aqui.

    Hagnus, seus comentários aqui não me parecem muito respeitosos com a fé alheia. Principalmente esse que se seguiu, “Todos aceitam o nosso Deus.”, que ignora completamente todas as religiões não cristãs e aqueles que não possuem religião.

  12. pessoal, relevem é o Hagnus.

  13. A igreja católico nadou e mandou nos anseios da população, reis, costumes, dentro outros. Agora que está perdendo espaço, não quer deixar de “mamar” na ignorância do povo….o triste é saber que quando sai um crucifixo, entra os dizeres evangélicos, mais veementes, hostis e agressivos aos normais….

    Já é um avanço colocar o projeto assim! Chama atenção pra alienação generalizada que existia!

  14. BARROS disse:
    Caraca!, Leonardo. Eu nem tinha me tocado disso. Ehehehe. Vamos ver como o crente se sai dessa.

    Com a palavra: HAGNUS.
    ______________________________

    RESPOSTA: Mamão com açúcar!

    Contém na Bíblia: Deus ama o pecador, mas abomina o pecado.

    Sendo assim já respondo o Barros e o Leonardo.

    Amaria essa lésbica e não amaria o lesbianismo,
    Simples! Tenho um primo viciado em química!
    Eu amo o meu primo e não a s drogas que ele usa.

    kkkkkkkkkkkkk

    Show de bola em? “Só não v quem não quer”

    kkkkkkkkkkk

    Hô mô paie! Manda uma mais difícil! Essa eu derrubei de letra.

  15. Vixe mainha!

    Que gostinho delicioso!
    Agora vou alí dormir mais feliz!

    ehehehehe……

  16. KKKKKKK… Esse post esta para lá de engraçado!

    Max,
    há braços, é jóia!
    Mas eu aposto que é problema mental,e você?
    Mas como o professor Doug , diz com toda paciÊncia ”releve”

    rsrs!
    Mas quanto ao texto, estou com Don Juan, verdade verdadeira!

  17. Maximiliano,

    Um conselho!
    Juntamente com o Amorim vá locar o filme ” TRATAMENTO DE CHOQUE”

    Compre umas pipoquinhas para tomar com Maracujina.
    O senhor com certeza vai se maximizar no controle psico-emocional.

    Estamos todos aquí em uma corrente torcendo pelo senhor! Ce vai ficar bem.

  18. NâoJULG Ar nádia Jabor.

    Por favor não.

  19. NaJUNG,

    :-)
    O problema é mental mesmo, o cérebro deles é apenas enfeite, são incapazes de raciocinar por si mesmos. Quando eles não tem uma resposta para justificar suas asneiras, se fingem de mortos, como nesse caso do “Todos aceitam o nosso deus.” que, é uma afirmação pra lá de escrota, e que beira à oligofrenia!

    Há braços,
    Maximiliano

  20. Que resposta mais meia-boca ela continua indo para o inferno mesmo sendo amada.Pensa mais um pouco vai.E deus vive arrumando defeito na “obra prima” dele como o prepúcio deus quase matou Moisés por isso

    Êxodo 4

    24 – E aconteceu no caminho, numa estalagem, que o SENHOR o encontrou e o quis matar.

    25 – Então, Zípora tomou uma pedra aguda, e circuncidou o prepúcio de seu filho, e o lançou a seus pés, e disse: Certamente me és um esposo sanguinário.

    26 – E desviou-se dele. Então, ela disse: Esposo sanguinário, por causa da circuncisão.

    Deus decide matar Moisés porque o filho dele não foi circuncidado. Para sorte dele, a sua esposa egípcia, Zípora, levou uma pedra afiada e cortou o prepúcio do filho, e lançou aos pés dele, e disse: “Certamente me és um esposo sanguinário.” Assim ele (Deus) o deixa ir. Esta história mostra a importância do pênis para Deus, e o ódio dele de prepúcios.

    E você ainda se acha a obra mais perfeita dele, ele vive enxergando defeito no ser humano.E olha que foi “ELE” que fez e mesmo assim saiu “torto” não faz nada direito mesmo.

  21. Leonardo,

    ce me mencionou a 1ª aliança.
    olho por olho e dente por dente.

    Isto eu ja havia respondido por aki varias vezes.

    Foi assim mesmo! Sem rodeios.

  22. Não me respondeu porque deus vive achando defeitos no ser humano ?

  23. Gênesis 38

    7 – Er, porém, o primogênito de Judá, era mau aos olhos do SENHOR, pelo que o SENHOR o matou.

    “Er, porém, o primogênito de Judá, era mau aos olhos do SENHOR, pelo que o SENHOR o matou.” O que ele fez para atrair a ira de Deus? A Bíblia não diz. Talvez ele tenha apanhado alguma lenha no sábado.

    8 – Então, disse Judá a Onã: Entra à mulher do teu irmão, e casa-te com ela, e suscita semente a teu irmão.

    Depois que Deus matou Er, Judá diz para Onã que “entre” à esposa do irmão. Mas Onã “soube que essa semente não havia de ser para ele; e aconteceu que, quando entrava à mulher de seu irmão, derramava-a na terra, para não dar semente a seu irmão. E o que fazia era mau aos olhos do SENHOR, pelo que também o matou.” Esta adorável história da bíblia, raramente é lida em Escolas Dominicais, mas é a base de muitas doutrinas cristãs, que condenam a masturbação e o controle de natalidade.

    9 – Onã, porém, soube que essa semente não havia de ser para ele; e aconteceu que, quando entrava à mulher de seu irmão, derramava-a na terra, para não dar semente a seu irmão.

    10 – E o que fazia era mau aos olhos do SENHOR, pelo que também o matou

    Mais um linda história de como deus é ‘Amor mas também é Justiça”.

  24. Há um coliforme aqui com a alcunha HAGNUS que aprecia muito aparecer e ostentar livremente a sua estupidez, e que ainda se acha engraçado.

    Não entendo como um Blog que quer discutir em alto nível assuntos e problemas sérios que afetam nossas vidas (pois a ignorância deles torna nossa vida pior) permite que um palhaço qualquer, que sequer é homem o suficiente para assinar o próprio nome, utilize este espaço para fazer provocações, defecar, ofender e emporcalhar todas as discussões.

    Peço ao dono do Blog que considere seriamente as vantagens (?) e desvantagens de ter o Deusilusão transformado em CIRCO. E infelizmente não um circo de divertimento, sorriso e alegria, mas um circo de horrores. O que se espera onde não se impõe limites à infantilidade e falta de civilidade? A continuidade desse tipo de escória poluindo os posts afastará do Blog as pessoas sérias e que tem contribuições efetivas a dar. Este seria o maior prejuízo, noves fora a perda da credibilidade do Blog.

    Aproveito para divulgar novamente (já o fiz em outro post, porém o que é inteligente nunca é demais): segue abaixo o endereço do melhor site de documentários que conheço, onde vocês podem baixar de graça toda a série Cosmos do Carl Sagan, vários excelentes documentários do Richard Dawkings, o filme Religulous (muito hilário!), o documentário Controlando Mentes, a série A Breve História do Ateísmo, e muito mais (documentários sobre ciência, história, filosofia, artes, música, etc…):

    http://www.bestdocs.com.br/

    Há braços,
    Maximiliano

  25. Maximiliano valeu pelo link, já está nos meus favoritos.

  26. Leonardo disse:

    Não me respondeu por que deus vive achando defeitos no ser humano?
    ____________________________________
    RESPOSTA:
    Não precisa ele achar, nos mesmos achamos os defeitos.
    _________________________________________
    Romanos 3
    23 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus;
    24 Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus.
    25 Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus;

  27. Não me respondeu ainda, porque deus acha defeitos no ser humano ?

  28. A frase “Há braços” divertiu a NãoJULG,

    Tá na hora do maximilizado rever os conceitos.

  29. Leonardo,

    O HOMEM É PE-CA-DOR.
    Assim ele se encotra destituidos da gloria de Deus.

  30. Agora me responda porque o homem é um eterno pecador ?

  31. do cristianismo só gosto do vinho e dos pecados” Rê Bordosa ”

  32. Maximiliano,

    “Há um coliforme aqui com a alcunha HAGNUS que aprecia muito aparecer e ostentar livremente a sua estupidez, e que ainda se acha engraçado.
    Não entendo como um Blog que quer discutir em alto nível assuntos e problemas sérios que afetam nossas vidas (pois a ignorância deles torna nossa vida pior) permite que um palhaço qualquer, que sequer é homem o suficiente para assinar o próprio nome, utilize este espaço para fazer provocações, defecar, ofender e emporcalhar todas as discussões.”

    Respondo você com uma frase de Voltaire:

    ““Não concordo com o que dizes, mas defendo até a morte o direito de o dizeres””

    Quem é mais intolerante? Você ou o crente? (que é tosco, admito)

    Isto posto, nenhuma discussão produtiva acontece entre pares. É necessário o advogado do diabo, é necessário o teste da argumentação. Conversa apenas entre semelhantes é culto, não é discussão. A natureza fundamental da troca de idéias reside nas diferenças, não nas similaridades. Você quer apenas ecos dos seus pensamentos?

    Um abraço. E abra sua cabeça, pois você está se comportando da mesma maneira que os fundamentalistas religiosos! :)

  33. PADRE CORAJOSO
    O Ministério Público Federal de São Paulo ajuizou ação pedindo a retirada dos símbolos religiosas das repartições publicas.
    Pois bem, veja o que diz o Frade Demetrius dos Santos Silva.

    “Sou Padre católico e concordo plenamente com o Ministério Público de São Paulo, por querer retirar os símbolos religiosos das repartições públicas…

    Nosso Estado é laico e não deve favorecer esta ou aquela religião.
    A Cruz deve ser retirada!
    Aliás, nunca gostei de ver a Cruz em Tribunais, onde os pobres têm menos direitos que os ricos e onde sentenças são barganhadas, vendidas e compradas.
    Não quero mais ver a Cruz nas Câmaras legislativas, onde a corrupção é a moeda mais forte.
    Não quero ver, também, a Cruz em delegacias, cadeias e quarteis, onde os pequenos são constrangidos e torturados.
    Não quero ver, muito menos, a Cruz em prontos-socorros e hospitais, onde pessoas pobres morrem sem atendimento.
    É preciso retirar a Cruz das repartições públicas, porque Cristo não abençoa a sórdida política brasileira, causa das desgraças; das misérias e sofrimentos dos pequenos; dos pobres e dos menos favorecidos”.

    Frade Demetrius dos Santos Silva * São Paulo/SP
    Fonte: FOLHA de SÃO PAULO, de 09/08/2009

  34. Vamos lá Padre! Faça como fez a Anne Graham quando foi entrevista pela TV BBC.

    Na época a apresentadora achava que ia arrasar os argumentos irracionais Dela.

  35. Não tem um pingo de vergonha na cara; a cruz tá mais em baixa do que cocô de porco :::: “vamos prestar mais atenção” disse o clero da imundície no caso das 13 vítimas da Bélgica. Estão prestando tanta atenção que até postar comentários nas páginas das notícias está difícil. Puxa vida! Eles não estão conseguindo sumir com os padrófilos e pastutos e nem acabar com a família inteira das vítimas difamando-as e matando-as; que desastre. Hoje tá rolando uma reunião de ‘conselho de segurança de bairro’, onde? Numa igreja. Como gostam de cuidar da gente. “Conheçam seus vizinhos” ::: Tradução: Metam o bedelho na vida alheia e tragam como lacaios pra nós a vida de cada um, para que possamos fazer nossos ‘milagres’ de fazer os garotinhos de 05 a 07 anos de idade aguentarem uma cruz nas costas ::: Nós gostamos de ver eles gritarem ::: isso muito nos apetece ::: “Vão meus anjos protetores, entrem nas casas, fuçem, espreitem por trás da cortina” (lições descaradas nas reuniões). “Todos são ruins, deixem que nós tomemos conta de vocês”.
    Agora estarreçam: “Precisamos colocar anjos de ébano nas casas santas para dar a ‘mamadeira’ pra os nenens antes de eles pegarem o peito das mães”, é o jeito de eles servirem fielmente pela lembrança protetora da infância”.
    Estão andando por aí soltos, mas parece que essas pilastras de pilantras vão cair bastante feio.

  36. Eu acho cruz algo tão morbido, era usada como lugar de morte e humilhação pelos romanos, cruz para mim significa morte.
    Se bem que ela já foi símbolo de outras culturas e religiões.

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: