O plano perfeito

TEXTO :  IORI  BRUNO

Não consigo imaginar algo mais reconfortante e amenizador que o plano divino.

Saber que a sua vida e a das pessoas que se ama estão dentro de um esquema bolado por um deus onisciente deve ser extremamente eficaz para justificar uma perda sem sentido e injustiças em geral.

Felizes aqueles que acreditam nisso ou ao menos conseguem fingir que acreditam.

Por outro lado, abdicar do direito à escolha e negar a grandeza da vida é algo covarde, medíocre, infantil e diria até irresponsável. Não apenas o fato de diminuir o absurdo e complexidade da vida, rebaixando-a aos nossos humildes e pretensiosos padrões mas dizer que tudo o que você faz na vida não foi escolha sua e que tudo está planejado, agindo de forma escusa e despreocupada.

Como lembrou Carl Sagan, é desanimador ver que as pessoas ganham na loteria quando nascem e mesmo assim, diante desta oportunidade única de passar pela vida e experimentar um pequeno flash desse assombroso universo, queiram desperdiçar seu (curto) tempo com fantasias espirituais.

Agora vamos ao propriamente dito: Faz sentido o plano divino? Novamente, não.

Por que será que não me surpreendo com isso?

Quando se fala em escolha logo se pensa em caminhos. Ou seja, dependendo da escolha, há um caminho. Mas e quando essa escolha já é conhecida? Pode-se considerar que você realmente a escolheu? Ou melhor ainda: Pode-se dizer que é justo? Afinal, foi esse o motivo (justiça) para a criação do livre arbítrio, não foi?

Mas há algo mais pernicioso no famoso plano.

Lembrarei -os agora de quem esquematizou tudo. Lembrou? Isso mesmo, o onipotente-onisciente-todo-poderoso deus criou uma linha cronológica de eventos desde o começo até o fim.

Porém, não se atentou (?) ao fato de que as pessoas talvez não gostassem do destino-presente. Na verdade quem não se atentou foi a igreja – isso é óbvio pois deus não existe, já falei isso?- quando usou a oração como linha direta com o criador e viu nisso sua oportunidade de propaganda perfeita. Quando uma pessoa reza, pede ou implora (com sua licença, Raul) por algo, ela espera o quê? Que ele mude todo o plano porque ela precisa de uma geladeira nova? E quando é atendida, diz: “Obrigado, senhor!” Mas isso já não fazia parte do plano? E quando isso não acontece, diz: “Que seja feita a vontade de deus.” É hilário.

Vamos ver, ele faz todo um esquema e está tudo bem, aí vem você e pede algo. Ele é inflexível. Não vai mudar o plano por você e você também não vai ficar chateado por isso porque sabe que já faz parte do plano. Se for atendido ou não, você vai aceitar da mesma forma, não vai? Então pra que serve rezar afinal? Não faz sentido nenhum!

A prece não é lógica nem se for só pra agradecer porque você há de concordar comigo que o plano foi bolado baseado nas suas escolhas então para todos os efeitos você é o responsável pelas ” bênçãos ” de sua vida e não ele. Pois é… Também não entendi nada. Mas deixa pra lá, pergunte isso a um padre e ele vai dizer: “Se tentar entender o plano de deus você vai ficar louco, meu filho!” Que bela saída, bem ao estilo terrorista da igreja.

Estranhezas não faltam na criação.

Depois de criar o universo, deus descansou no sétimo dia. E parece estar apenas administrando desde então. E ocupa todo o seu tempo com isso, certo? Me pergunto o porquê de administrar algo automático e usar toda a onipotência pra isso. Afinal não está tudo planejado até o juízo final? Pior seria pensar o que ele fazia antes de criar o universo… Jogava bolinha de gude consigo mesmo? Ou será que jogava com seu anjo favorito: Satanás? Se ele é tão necessário e ativo como pode ter estado um dia sem função? Se ele sempre existiu e não foi criado, mas sim criador de tudo que existe, como pôde existir no nada? E mais confuso ainda, se ele existia no nada, então o nada estava preenchido e, portanto deixava de ser nada para ser algo.

Mas o algo só existe porque foi criado ou modificado. Então algo precisa ter criado deus. A pergunta permanece: Quem?

O quão fundo você quer entrar na toca do coelho?

Anúncios

8 Respostas

  1. O Plano Perfeito….

    Bom título!

    Não existe melhor plano social de vida que a do Cristão ( Cristão Evangélico, por que o desequilíbrio do católico não deixa Ele obter sucessos).

    Talvez os ensinamentos de Mahatma Gandhi se assemelha.

  2. Hahaha o movimento Cristão tem compromisso com o imaginário, já o Humanismo Secular tem um compromisso com o ser humano http://pt.wikipedia.org/wiki/Humanismo_secular afinal de contas a maior obra de caridade é de um ateu http://pt.wikipedia.org/wiki/Funda%C3%A7%C3%A3o_Bill_e_Melinda_Gates hehehe a maioria dos cristãos é apenas bom por medo do Inferno ou por querer um Paraíso, não por ser o certo.

  3. Agora a múmia que zanza parasitando a Sociedade vai com tudo pra cima dos empresários. A “convocação” interessante é que juntou a “ciência” de sua laia para se jogar em cima do empresariado.
    Ainda há que se dar conta de muita coisa … quanto a mim, quanto a tudo que fiz e faço, o que foi queimado, roubado … esses Canalhas vão pagar, eles e esses desgraçados que são capazes até de fazer pessoas esquartejarem pais, filhos, para se apoderarem de propriedades e bens, ou atiçarem a mídia com a insuflação do terror civil na cabeça das pessoas; para que correm para os antros de pulhas sugadores dos produtores da Sociedade.
    A mais deslavada cara de safados fica estanhada com os infelizes reprimidos sentadinhos ouvindo suas asneiras e covardias difamatórias contra o viver civil, enquanto um monte de mendigos sofre frio e fome pelas ruas bem na fuça dos tão caridosos cuidadores de gente com seus rituais estúpidos. Ninguém entre os “fiéis” se dá conta de que esses canalhas dormem quentinhos, fartos de tudo que é bom da Sociedade, enquanto jogam sobre nós a culpa de haver tanta gente prejudicada e em sofrimento.
    Esses caras não vão continuar com essa safadeza escrachada contra nós seres humanos que têm dignidade em viver.

  4. Haddammann, assino embaixo e ainda acrescento um P.S.: Tome!!!

    Hagnus, meu filho, o cristão, para ser cristão tem que cumprir o que diz a palavra de Cristo, que é Deus, que foi quem mandou escrever a Bíblia. Por isso, quem nunca apedrejou um outro ser humano até à morte, para mim, não é Cristão, quem não cumpre à risca a Lei Mosaica, não é cristão, quem nunca queimou viva uma filha ou um filho para oferecer em sacrifício a Deus por uma graça alcançada, não é cristão. Ou isso, ou me mostre na Bíblia o trecho que diz que nada disso seria mais necessário… Eu já procurei e, adivinha, não encontrei.

  5. Barros, tenho uma duvida e gostaria que vc me ajudasse a esclarece-la se possivel, sou ateu e lendo seu site e outros blogs acabei de assumir mais ainda tal pensanmento que me acompanha a muito tempo, foi um grande alivio, terei um peso enorme das costas quanto encontrei varias pessoas que pensam igual a mim, ou seja, sai do armario. rss
    porem o que eu não entendo que me fez pensar nisso lendo o texto acima do Iuri Bruno é o seguinte
    como do nada pode surgir algo? partindo da teoria que os planetas foram criado pela grande explosão (o big ban), certo? ok. porem muito antes do big ban haveria, apenas concentrações de massa, ou matéria, movidas por energia, mas como do nada pode ter surgido a 1ª particula de massa no universo, seria pela concentração de energia? mas a energia vem da onde? tem que haver uma priori, sei que não existe tempo no universo sendo ele infinito, mas o que criou o 1º movimento energetico, ja que ele não pode ser criado. tenho certeza que não foi deus, mas a ciência explica isso?
    do nada surgiu tudo? ou o nada ja é em si tudo?

    desculpe minha ignorância
    mas não tenho ninguem para conversar sobre isso.

  6. Olha, desculpe me meter, mas acho que tenho algo que possa ajudar. O Big Bang é uma teoria científica, o q não quer dizer q aconteceu de verdade, mas q serve para explicar o universo em que vivemos. O que nós não engolimos é que o universo foi CRIADO por um ser super poderoso uma vez que não há nenhuma evidencia dele. E absurdo por absurdo, o universo todo ter surgido do nada é tão absurdo quanto um Deus eterno que tivesse o poder para criar o universo do nada, nao achas?

  7. Bem não sou nenhum especialista hahaha mas aqui tem uma boa base http://ciencia.hsw.uol.com.br/big-bang.htm essa é a graça da ciência querer saber, pelo que eu percebi você tem isso em você o que é uma coisa boa , espero ter ajudado.

  8. Renato,

    Existem dúvidas sobre muitas coisas. Realmente ninguém sabe sobre esta origem, mas podemos apenas conjecturar. Existe os cientistas para dizer que o “acaso” aleatrório, deu origem a isto. Mas é quase unanimidade em dizer que o Universo, existe e sempre existirá, ele é o deus..que não se preocupa com nossa vida sexual.

    O universo sempre existiu de formas diferentes e estão mudando, mas quando resolvermos estas questão, ganharemos o prêmio NOBEL de física.

    O que se pode evidenciar até agora, é que deuses como donos do mundo são pouco provaveis..

    E se alguém disser que deus quem fez o universo, perguntaremos quem fez deus? Por quê ele resolveu criar seres humanos só depois de 13 bilhoes de anos…então a figura deus não consegue ser algo viável…resumindo o universo é o deus que apenas está aí e nada faz para nosso conforto

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: