Além do bem e do mal.

Por IORI BRUNO

Dizer que uma pessoa é boa ou má apenas pelo resumo de suas convicções, sejam elas religiosas ou não, me faz rir pra não chorar. Uma pessoa não pode ser rotulada como tal porque temos pessoas com opiniões diferentes fazendo as mesmas coisas, boas ou ruins. Uma comprovação disso é a proporção de crentes e não-crentes em uma cadeia. Quando não é a mesma, a quantidade dos primeiros supera a segunda, mas isso não quer dizer -embora eu fique tentado a isso- que pessoas crentes cometem mais atrocidades que não-crentes. É apenas um reflexo da população do país, cidade ou vila em que foi feita a pesquisa. Tente fazer o mesmo no Japão, por exemplo, e poderá ver até uma virada no resultado. Além de não termos cogitado fatores como capacidade intelectual, origem e relação familiar.

Esse rótulo é uma das numerosas desculpas que são apresentadas para sustentar os motivos de seguir uma doutrina irracional: a de que ela torna as pessoas que a seguem, melhores. É o desespero de alguém que prega uma crença já manca e desacreditada com o apelo de que, mesmo não sendo verdade, o valor ético que ela sugere tem alguma utilidade, além da famosa “fé na fé”, que diz que o simples fato de ter fé no sobrenatural funciona como um freio para pessoas que, sem ela, fariam qualquer coisa. Mas o fato de funcionar não quer dizer que exista. É o famoso efeito placebo.

Um típico comportamento de alguém que encontra dificuldades em justificar a necessidade de algo em que simplesmente gosta de acreditar. Apenas gosta, mesmo que não seja verdade.

Voltando ao início e colocando em termos práticos, dizer que Stálin foi genocida porque era ateu (além de um patético nacionalismo religioso estadunidense) é resumi-lo ao conjunto de suas crenças.

E isso não me parece certo. Não é porque ele (provavelmente) não acreditava em um deus que usava de métodos cruéis e opressores. É o mesmo que dizer que o grande inquisidor Tomás de Torquemada torturou e matou milhares de pessoas na idade média porque acreditava em um deus. Não. Ele era um sádico, um psicopata e um fanático. E um cristão. Mas nunca “sádico-por-ser-cristão”. Seria, no mínimo, injusto colocá-lo ao lado de católicos corretos, não seria?

Por outro lado, não posso deixar de lembrar (sim, isso é uma “alfinetada”) que governos totalitários, genocidas e opressores como os dos supostos ateus Josef Stálin (União Soviética), Mao tsé tung (China) e Kim Jong-il (Coréia do Norte) são infinitamente mais parecidos com teocracias e instituições religiosas do que com associações ateístas ou científicas. As semelhanças são evidentes: A obediência e/ou adoração, muitas vezes involuntária ou até manipulada, ao seu líder (totalitarismo), medidas extremas para firmar sua influência (genocídio) e condenação de qualquer idéia contrária (opressão). Plagiando a mim mesmo (ver o texto “Por que você é ateu?”), digo: Não, infelizmente não é uma coincidência.

Longe de ser um exemplo, as religiões mais influentes do planeta divulgam sua moralidade baseadas no medo e na recompensa. Isso, também não me parece certo. Mas é apenas a minha opinião.

Uma questão que não abordei neste texto até agora foi a de que julgar uma pessoa como boa ou má é uma atitude arbitrária e um tanto quanto hipócrita, já que uma ação considerada má por uma maioria não a torna absolutamente má. Por sua vez, uma ação não pode ser considerada absolutamente boa, ainda mais quando a fonte deste julgamento é um livro sagrado ou uma imposição patriótica opressora, justamente porque suas origens e motivações são duvidosas. Tampouco um julgamento individual pode ser levado a sério pois ninguém pode ser nomeado(ou auto nomeado) como o dono da verdade.

Uma observação interessante foi deixada pelo brilhante Nietzsche : “Tudo evoluiu; não há realidades eternas: tal como não há verdades absolutas”. Gostaria de acrescentar mais uma coisa não absoluta: A moral. O fato de a definição de moralidade mudar, dependendo da época e da situação, confirma isso. Mas em alguns lugares pode ser encontrada uma definição moral absoluta. Estes lugares são a bíblia (corão, torá e etc.) e livros de história. Nos livros sagrados está em toda parte e nos de história está, especificamente- mas não somente- nos maiores conflitos armados que já ocorreram. Conflitos esses em que seus governantes, mesmo protegendo uma posição verificada errada hoje (uma verificação arbitrária, é lógico), fizeram pessoas inocentes lutarem e morrerem por dizerem ou realmente acharem estar do lado da moral. A moralidade não escolhe um lado. Mas os lados sempre a escolhem. E esse é o problema.


Anúncios

7 Respostas

  1. Resolvi ILUSTRAR com essa face cuja expressão TRADUZ bem através do OLHOS …

  2. Eis a mió forma para se conhecer o sepulcro caiado.

    Lucas 6:43,44

    Porque não há boa árvore que dê mau fruto, nem má árvore que dê bom fruto.
    Porque cada árvore se conhece pelo seu próprio fruto; pois não se colhem figos dos espinheiros, nem se vindimam uvas dos abrolhos.
    _____________________

    Mateus 23:27
    Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda a imundícia.
    ____________________

    Se iêu convivessi cum a NãoJULG durante uma

    semana já seria possível saber se ela seria do bem

    ou da raça ruim! A Naja JUNG.

  3. Caráter ou moralidade não se mede por fé Agnaldo ou por falta de fé , hahaha é incrível como não entende o que lê hahaha.E tenta deixar uma mensagem sem pé nem cabeça pra pelo menos dizer algo sobre o assunto.Sem contar pessoas que vivem casadas há 50 anos e não se conhecem né esperto ?
    “Abençoado quem se abstém de falar, nos poupando da evidência de que não tem nada a dizer.”
    ( George Eliot ).

  4. Leonardo postou:

    Caráter ou moralidade não se mede por fé Agnaldo ou por falta de fé ?

    Quando, onde e como eu AFIRMEI isso?

    O verso diz que iremos conhecer a árvore pelos frutos.

    QUE LOUCURA!

  5. Hahaha os versículos que usou se referem a hipocrisia Agnaldo pessoas que pregam uma coisa e fazem outras por estarem em certo cargo, e a continuação do outro

    Lucas 6

    45 – O homem bom, do bom tesouro do seu coração, tira o bem, e o homem mau, do mau tesouro do seu coração, tira o mal, porque da abundância do seu coração fala a boca.

    ——————-
    Lá diz que quem é mal é mal não importa a fé e vice-versa.

    Não adianta ter fé para ser bom ou vice versa.
    Agora só ser bom ser caridoso , e negar Jeová essa pessoa é boa aos olhos dele ?
    Ou você tem que acreditar nele e puxar o saco dele sempre pedindo perdão mesmo sendo uma pessoa ruim ?
    Quem você acha que ele escolhe hein ?

  6. Só pra lembrar né o Lutero o “padrinho dos protestantes” pregava com toda vontade sua ira contra os Judeus http://pt.wikipedia.org/wiki/Sobre_os_judeus_e_suas_mentiras isso porque se achava um cristão melhor mesmo tendo fé proclamou mensagens de ódio entre outras crenças. Duras palavras e ações para seguidor de Cristo e de sua filosofia de amor não concorda ?
    Tal qual esses pastores que pregam o ódio de pais sobre seus filhos. Se eu não engano eles seguem fielmente a palavra certo Agnaldo ? Pois uma vez Jesus foi repreendido por não lavar as mãos antes de comer e respondeu isso:

    Mateus 15

    1 – Então, chegaram ao pé de Jesus uns escribas e fariseus de Jerusalém, dizendo:

    2 – Por que transgridem os teus discípulos a tradição dos anciãos? Pois não lavam as mãos quando comem pão.

    3 – Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Por que transgredis vós também o mandamento de Deus pela vossa tradição?

    4 – Porque Deus ordenou, dizendo: Honra a teu pai e a tua mãe; e: Quem maldisser ao pai ou à mãe, que morra de morte.

    ———-

  7. tststst….

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: