Falácias mais comuns ou perigosas da lógica e da retórica (1)

Religião e política utilizam de falácias para justificar proposições contraditórias. Carl Sagan lista algumas delas, que de tão repetidas, até já conhecemos. Estas assertivas tem o papel de enganar e enrolar para não mostrar a verdade e enganação é matéria de político e religioso! Vejamos algumas:

Ad hominem – expressão que significa “ao homem”, quando atacamos o argumentador e não o argumento. ex: Tal pessoa é fundamentalista, portanto não levamos a sério sua objeções a determinado assunto;

-Argumento de autoridade – O presidente Nixon deve ser reeleito porque tem um plano secreto para por fim à guerra no Sudeste Asiático – mas como era secreto, o eleitorado não tinha meios de avaliar os meritos do plano. O argumento se resumia a confiar em Nixon porque era presidente: um erro como se veio a saber depois; Deus tem um plano secreto para você, tão secreto que ninguém sabe – outra bobagem;

-Argumento das consequêncis adversas – deve existir um deus que confere castigo e recompensa, porque se não, a sociedade seria mais desordenada e perigosa, ingovernável. Já vimos que a sociedade se regula;

-Apelo à ignorância – a afirmação de que qualquer coisa que não se provou ser falsa deve ser verdade. O ônus sempre caberá a quem afirma. Com isto posso criar as mais absurdas idiotices;

-Alegação especial – frequentemente para salvar uma proposicção em profunda dificuldade teórica.Como um deus misericordioso pode condenar as gerações futuras a um tormento interminável, só porque, contra suas ordens, uma mulher induziu um homem a comer uma maçã? alegação especial: você não conhece a doutrina sutil do livre-arbítrio. Como pode haver um pai, filho e um espírito santo igualmente divinos na mesma pessoa? Alegação especial: você não conhece o mistério da santíssima trindade. É resposta para quase tudo. Não tendo resposta plausível, diga: você não conhece os desígnios misteriosos de deus!;

-Seleção das observações – também chamada enumeração das circusntâncias favoráveis, ou, segundo Francis Bacon, contar acertos e esquecer fracassos. “Um Estado se vangloria do presidente que gerou, mas se cala sobre os seus assassinos que matam em série”. “Crentes enaltecem as bondades e os milagres de deus, mas esquecem que ele supostamente mandou matar crianças, velhos, mulheres, enviando pragas apenas por sua carência afetiva”;

-Estatística dos números pequenos – falácia aparentada com a seleção das observações. “dizem que uma dentre cinco pessoas é chinesa. Como é possível? Conheço centenas de pessoas, e nenhuma delas é chinesa”. “tirei três sete seguidos. Hoje à noite não tenho como perder”;

-Compreensão errônea da natureza da estatística – “O presidente Eisenhower expressando espanto e apreensão ao descobrir que metade de todos os norte-americanos tem inteligência abaixo da média”;

-Incoerências – “prepare-se prudentemente pra enfrentar o pior na luta com um potencial adversário militar, mas ignore parcimoniosamente projeções científicas sobre perigos ambientais, porque elas não são “comprovadas”. “atribua a diminuição de vida na antiga União soviética aos fracassos do comunismo há muitos anos, mas nunca atribua a alta taxa de mortalidade infantil dos EUA ao fracasso do capitalismo”. “Considere razoável que o Universo continue a existir para sempre no futuro, mas jugue absurda  possibilidade de que ele tenha duração infinita no passado”;

 

 

Anúncios

14 Respostas

  1. Políticos e religiosos, os reis supremos das falácias, caluniadores por profissão. E ainda assim gozam de extremas regalias dentro dos rebanhos humanos, não passou da hora de exterminar esta doença parasitária???

  2. @vikernes

    Não. Eles não são infecções ou vermes, são seres humanos com direitos. O que fazemos então?

    Fortalecemos o “corpo”, a população, para que ela mesma tire estas pessoas de sua posição de poder.

    @all

    Achei muito bacana esta releitura com exemplos das falacias mais comuns dos teistas que escrevem no site, mas se alguem puder me esclarecer ou sugerir um link para leitura sobre o ponto abaixo:

    “Considere razoável que o Universo continue a existir para sempre no futuro, mas jugue absurda possibilidade de que ele tenha duração infinita no passado”

    Mas calmae… se o universo era uma singularidade, podemos falar em termos de “tempo infinito” no passado?

  3. vikernes,

    “não passou da hora de exterminar esta doença parasitária???”

    Me lembro de alguem que tinha um bigodinho estranho e falava estas coisas. Olha a merda que deu :-(

    Melhor vc mudar o tom, pois nós precisamos respeitar quem tem uma religião.

  4. @Icarus

    Obrigado pelo link, não entendi absolutamente nada :) Vou orar por mim para gzuis me esclarecer, mas tb vou conversar com um amigo que saca mais de física, pq ninguem é de ferro :)

    Abraços, Anjo_Z

  5. Anjo_Z,

    Olha o seu amigo que manja de física aqui :-)

    Vc já ouviu falar dos Buracos Negros?

    Se sim, os Buracos Negros absorvem toda a matéria que esta próxima. Nem a luz escapa, por isso eles são negros :-). Os buracos negros são criados quando uma estrela super massiva (acima de 20 massas solares) explode [SuperNova].

    Muito bem. Dentro do Buraco Negro é criado uma singularidade. Opa, mas o nosso Universo também não surgiu de uma singularidade? :-)

    É possível que o nosso Universo tenha sido criado por um Buraco Negro. Este processo seria melhor entendido como um Buraco Branco. Se isso se confirmar, Universos podem estar sendo criados a todo instante, e isso seria um ciclo de criação e destruição.

    Basicamente E = MC2. [2->quadrado]

  6. @Icarus

    Até esta parte eu tinha entendido, o problema é quando ele propoem que nosso universo é uma estrela de outro universo colapsada entre dois buracos-negros.

    Veja bem, primeiro temos de considerar que a matéria do nosso universo vem de outro universo, ou seja, é matéria pra caramba! Se estamos entre dois universos, falando de tempo de uma maneira linear, para fins de sanidade, eu entendi que a materia de outros universos estaria vazando parta dentro deste nosso universo. E ao mesmo tempo, nossos buracos-negros (é assim o plural?) também são sumidouros de matéria, com um universo vazando pra outro e pra outro, num ciclo infinito…

    Outro ponto interessante (leia-se ‘que me fez pirar’) é quando ele teoriza a reversão do tempo do buraco negro em um buraco branco… Isso quer dizer que o nosso universo é fruto de um buraco-negro que ainda não existente? Junte isso ao paragrafo anterior e vai ser preciso mais que um infografico pra explicar :)

    Abração, Anjo_Z

  7. Icarus

    Continuo lançando contra eles acusações terríveis, são parasitas, levantaram seus impérios baseados em mentiras e calúnias, assassinaram seus dissidentes durante séculos, inventam conflitos para lucrarem e alcançarem posições de mais poder, são como drácula, sempre atrás de sangue e recursos.
    Assassinos, genocidas, eugenistas, pedófilos.

  8. Eu não sou a favor do extermínio.

    Mas umas férias bem prolongadas, com direito a sessões diárias de trabalho forçado, numa prisão de segurança máxima, localizada em algum canto bem remoto do mundo, cairiam muito bem.

  9. vikernes,

    Não são as ideologias que fazem os seres humanos cometerem barbaries. As ideologias são apenas desculpas. O ser humano tende a se auto-destroir. Fato.

    Acusar apenas um grupo é não compreender a situação, onde nós somos todos responsáveis.

  10. Icarus

    Entendo que todos carregamos certa responsabilidade do problema, mas alguns são mais responsáveis que os outros, porque se encontram em tal posição de poder e influência que suas decisões viram a regra, enquanto um pobre diabo na África só enxerga as consequências das políticas racistas que se praticavam por lá por séculos.

  11. Anjo_Z,

    A minha idéia era só dar uma direção para a sua pergunta. Obviamente que este assunto a gente enche o espaço em disco do blog e não finaliza :-)

    Mas, os buracos negros podem teoricamente passar trilhões de anos consumindo matéria. Imagine que a nossa galáxia e a de Andromeda vão se fundir. Quando o combustível das estrelas cessar, o Buraco Negro SuperMassivo que fica no centro da galáxia terá pelo menos matéria resultante de 400 bilhões de estrelas :-).

    Outro detalhe, é que o Buraco Negro que teria dado origem ao nosso Universo, fica em outro Universo e não no nosso, logo ele já existiria antes do nosso Universo existir.

    Se vc quiser ler um bom livro sobre isso, recomendo “Universos Paralelos” do Prof Michio Kaku. Ele é um físico teórico de NY.

  12. Icarus,
    Interessante contribuição..Toda essas teorias de buracos negro, de minhoca, de aNã branca, da dinâmica do universo em plena atividade, é interessantíssima. Algumas idéias tem consenso, outras nem tanto, mas o que mais impressiona é que nada somos no vasto universo.

    Somos seres que terá uma pequena passagem, nascemos há pouco e seremos extintos em pouco tempo, em se tratando do universo. Daqui a uns 5 bilhões o nosso querido Sol vai ter um colapso e engolirá tudo….não quero prolongar, mas a pergunta que fica é para que um deus faria o homem tão insignificante? Considerando que ele exista…

    Quando nos apercebemos da nossa insignificância, e da ausência dos deuses, aí vemos que o universo é que é o deus. Sempre existiu e sempre existirá, mas que não está dando a mínima pra ninguém!
    abração

  13. saracura2,

    Obrigado pelas palavras :-).

    Para ser franco, eu não acredito que as teorias atuais impossibilitem a existência de um ser inteligente e criador. Eu considero improvável apenas. Eu mesmo não sou ateu.

    Obviamente, baseado nas evidências ele seria muito diferente do que está escrito na bíblia. Ai eu concordo com vc, ele não estaria muito preocupado se nós vamos morrer de câncer ou se vamos “traçar” a vizinha a noite :-)

    Como eu sou uma pessoa de fé, eu tenho a esperança [Posso sonhar não é??] que a humanidade vai conseguir passar pela fase da Gigante Vermelha do Sol. Mas nós vamos conseguir atráves da tecnologia espacial e não por ficar orando a nenhum deus.

    Por este motivo, eu acredito que a humanidade precisa tratar com senso de urgência o plano de colonização da Lua e de Marte.

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: