De olhos bem fechados (1ª parte)

INTRODUÇÃO

Parafraseando (=plágio) um comentário de um vídeo religioso no YouTube, o cristão vive num mundo em que um zumbi judeu de 2 mil anos — que está esperando, numa outra dimensão, a hora certa para entrar em cena e fechar com chave de ouro o showzinho amalamanhado que ele armou, escreveu e dirigiu para ele mesmo estrelar; que nasceu de uma mulher casada que nunca fez sexo; que era o seu próprio pai — pode te fazer viver, para sempre, num mundo encantado se você comer a carne do corpo dele e beber o seu sangue, além de, telepaticamente, dizer a ele que o aceita como seu Senhor (de “senhor de escravos”) e Salvador (do lugar horrível que o próprio criou para quem não o aceitasse como tal), de forma que seja removida a maldição que ele mesmo colocou em você, por causa de uma mulher feita da costela de um homem de barro ter sido convencida por uma cobra falante a comer uma fruta mágica.

Mas eu entendo você, cristão, e entendo esse seu mundo mágico, porque eu mesmo já vivi nele. Não foi uma opção minha, porque não é uma questão de escolha. Assim como eu e como todo mundo, você foi ensinado, condicionado, doutrinado a aceitar isso, a ver as coisas desse jeito. Você foi mentalmente estuprado durante a sua primeira década de vida e nem notou. Depois disso, o mundo não poderia mesmo ser outro que não esse em que você vive. Não tivesse sido isso, talvez você, hoje, acreditasse em outras coisas mais ou tão absurdas quanto; talvez até tivesse inventado o seu próprio deus. Mas o fato de existir essa propensão humana para acreditar em deuses não é, como muito ardilosamente se sustenta, uma evidência de que há mesmo um Deus, ou deuses. Porque não há. E eu vou mostrar isso a você.

Mas não se preocupe: eu não sou um estuprador de cérebros. E mesmo se fosse, você não é mais uma criancinha indefesa. Eu só quero mostrar a você o mundo em que eu vivo hoje. O mundo que chamo arrogantemente de “mundo real” mesmo sabendo que até isso é uma ilusão. O universo só existe porque você existe. Se você não existisse, o universo também não existiria, porque, para existir, ele precisa de um cérebro que o reconheça, que dê a ele um sentido. E só o seu cérebro pode fazer isso. O meu cérebro também faz a mesma coisa, mas é o meu cérebro, portanto, o meu universo.

Antes de dormir hoje, tente imaginar o que seria se ninguém existisse. É difícil, mas tente. Você pode até pensar: “Ah, mas o universo continuaria lá…” É mesmo? E quem concluiu isso? Você? Mas você também não existiria, lembra? Você perderia o sono, se conseguisse se aproximar do entendimento da frase em negrito acima; portanto não pense muito a respeito.

Mas como eu disse, não se preocupe com os textos que estão por vir, como parte dessa série. O único risco que você corre é o de começar a enxergar as coisas de uma outra forma. Uma forma nova e inconvenientemente mais aceitável. Se isso ocorrer, você pode, eventualmente, perder Deus de vista e se ver, de repente, num outro mundo para o qual, talvez, não esteja preparado. Mas antes que isso aconteça, você terá sempre à mão uma forma de garantir a sua permanência no seu atual universo: basta lembrar que você não precisa entender nada do que lhe disseram; só aceitar.

A realidade não está ao nosso redor e sim dentro das nossas cabeças. Por isso, mesmo tendo dito que vou te provar que Deus é só uma ilusão, você poderá sentir exatamente o contrário. Basta querer.

E manter sempre os olhos bem fechados…

.

CONTINUAÇÃO:

2ª parte

10ª

11ª

12ª

13ª

14ª

15ª

16ª

17ª

18ª

19ª

20ª

21ª

parte final

.

Anúncios

53 Respostas

  1. Sensacional a primeira parte, sobre o zumbi de 2 mil anos. Muito boa mesmo.
    O resto também é bom, mas a entrada foi demais.
    Parabéns Barros.

  2. Estou gostando deste e de outros blogs para divulgar as idéias ateístas. Então vou criar um blog e o que mais for necessário. Pois não vejo nenhum daqui de Porto Alegre.

  3. Olha o que me mandaram no email a respeito das tragédias no rio de janeiro, eles acham que as tragédias se tratam de um aviso e misericórdia e consideram isso como uma coisa boa para todos

    Em meio a tantas tragédias, fica uma sensação de que as coisas nesse mundo estão caminhando para algo glorioso.
    Sem sombra de dúvidas, nada que acontece é por acaso. Deus está avisando o mundo para se arrepender de suas más obras, pois Ele é rico em Misericórdia e só quer nosso bem, basta O Amarmos e conhecer e obedecer o Seu querer.

    A MAIOR PROMESSA DO DEUS ALTÍSSIMO não é prosperidade, cura, bens materiais, ainda que Ele as dá quando Lhe apráz, a maior e mais gloriosa promessa do SENHOR é inigualável, incomparável, inegável, infinita, tremenda, sem palavras…

  4. Não sei como ainda não saiu um texto aqui no deusillusão dizendo : Deus mata 600.

    E engraçado os qeu se salvam foi milagre de Deus e os que morrem? Deus n~çao conseguiu segurar a lama?

  5. Rafael lembra do Dilúvio ?
    Jeová mata o homem pois o homem é mal e depois se arrepende pois o homem é mal, bela lógica não é mesmo ?
    E a maior promessa é sim dar tudo que você quiser:

    Mateus 21

    22 – E tudo o que pedirdes na oração, crendo, o recebereis.

  6. Acreditar que desastres naturais significam q Deus está querendo nos dizer algo é muito primitiva e lamento muito q isso ainda seja acreditado hoje em dia

  7. E aê Santonio então como o seu deus fala com você ?
    Como é a voz dele ?

  8. Hum Santonio eu acho que li o comentário errado hahaha.

  9. Sem problemas Leonardo.

  10. O problema do religioso é pensar q o mundo gira em torno dele, ou melhor, em torno de sua religião. Eu acredito q o mundo seria um lugar bem melhor pra se viver se não houvesse religião.

  11. Quando recebi esse email, gargalhei muito

  12. Hahah de boa Santonio as 4:24 q

  13. Ops Cont. quando li estava meio sonolento hahaha.

  14. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (8ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (7ª…De olhos bem fechado… on De […]

  15. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (8ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (7ª…De olhos bem fechado… on De […]

  16. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (8ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (7ª…De olhos bem fechado… on De […]

  17. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (8ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (7ª…De olhos bem fechado… on De […]

  18. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (8ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (7ª…De olhos bem fechado… on De […]

  19. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (8ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (7ª…De olhos bem fechado… on De […]

  20. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (8ª…De olhos bem fechado… on De […]

  21. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  22. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  23. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  24. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  25. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  26. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  27. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  28. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  29. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  30. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  31. […] De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De olhos bem fechados (1ª…De olhos bem fechado… on De […]

  32. Oi, bom dia, essa é a primeira vez que visito esse site porque me mandaram esse link e eu estou imprimindo esses textos De olhos bem fechados, mas não tem os links ativos da parte 21 e a final, por isso gostaria de saber onde posso conseguir essas 2 partes finais, a 21 e a final. Obrigada.

  33. Esse é meu E-mail e MSN. POr favor, me mande o link das partes que faltam. Obrigada.

  34. Jucilene, os links todos estáo do lado direito da página, abaixo das fotos dos blogs.

  35. Encontrei os links pra os textos. Muito obrigada.

  36. […] seria de se esperar, uma pessoa que “enxerga” o mundo de olhos fechados não se daria muito bem com outra que vê as coisas com os olhos abertos. Assim que Deus é […]

  37. […] De olhos bem fechados […]

  38. Estive lendo seu blog. Senti pena de vc… Tenho a impressão de que vc foi criado num ambiente religioso mt rígido e é uma pessoa revoltada com isso.
    De minha parte nada contra se vc é ateu… Mts são e nem por isso são do mal/ mau. So não vejo sentido em ficar querendo provar a inexistencia de Deus e/ou ridicularizar Jesus e/ou a fé das pessoas.
    As pessoas não tem culpa se a liderança das religioes equivocaram e distorceram ensinamentos simples e libertarios com a finalidade de fazê-los de otários.
    Vc fica querendo provar que os ensinamentos religiosos são inúteis. Sim, podem ser inúteis para uma pequena parcela das pessoas, mas para muitas eles são úteis e até necessários. Eu acho menos ruim se as pessoas estiverem frequentando uma religião qqr do que se estiverem se ligando a organizações criminosas. Portanto vejo algo de bom nas religioes.
    Após duzentos anos do último filosofo materialista ninguém conseguiu provar o materialismo, mt pelo contrário. Alias nem mesmo essa coisa que chamamos de realidade, isso que percebemos como realidade é totalmente real. Atualmente a física quantica aponta pra isso . Até mesmo a medicina hoje tem estudos que apontam para a percepção extrasensorial.
    Eu acho que vc deveria abrir mais que os olhos… Tente perceber o mundo com tds os seus sentidos, inclusive o sexto. Talvez praticar Ioga lhe fizesse bem. Use o seu terceiro olho. Deixe que a sua pineal funcione.

    Fui.

  39. […] em “Na Mira da Verdade…André em “Na Mira da Verdade…Rita em De olhos bem fechados (1ª…Hunig em O outro nome de DeusAMIGO em O outro nome de DeusD&C em “Na Mira […]

  40. Primeiro, é totalmente absurda essa ideia de que “o mundo real é uma ilusão”; a ideia de que “se você não existisse, o universo não existiria, porque, para existir, ele precisa de um cérebro que o reconheça, e dê a ele um sentido.”

    Isso é uma confusão das noções de sujeito e objeto.

    A realidade é ao mesmo tempo objeto e sujeito: ela é objeto de nossas observações e de nossos atos, mas também é sujeito, porque estimula nossas percepções. Se o cérebro reconhece alguma coisa, é porque há um estímulo externo que possibilita e, de certo modo, determina essa percepção. É por isso que, se há uma cadeira em uma sala, todos que tenham a mente sadia e os sentidos funcionando reconhecerão que ali há uma cadeira, e não outra coisa.

    É a existência real da cadeira que impõe limites à percepção, impedindo que fulano perceba aquilo como um bolo de fubá, outro perceba como uma vassoura, outro como uma retro-escavadeira. Se existe certa unidade na percepção, é porque há uma realidade na qual essa percepção se apoia. O que é relativo é apenas o modo como cada um entende as informações da realidade.

    Mesmo na hipótese de que a cadeira não seja reconhecida, devido ao acréscimo de algum outro elemento que atrapalhe a percepção (uma lona sobre ela, por exemplo), ninguém vai achar que ela deixou de ser uma cadeira por causa disso: a própria experiência que temos com o mundo nos leva à conclusão de que não tem a menor lógica achar que uma coisa deixa de existir no momento em que não há ninguém perto dela, e que reaparece magicamente quando chega alguém.

    Mais absurdo ainda é usar essa ideia de que “a realidade é uma ilusão” em um texto que tenta “provar” que Deus não existe. Ora, se tudo, para poder existir, depende de um “cérebro que o reconheça, e dê a ele um sentido”, a discussão sobre a existência de Deus não tem a menor necessidade, pois esse pensamento leva à conclusão de que, ao mesmo tempo, Deus existe e não existe: existe para quem o reconhece e não existe para quem não o reconhece.

    Se “a realidade não está ao nosso redor e sim nas nossas cabeças”, então o que leva você a entender que o que se passa dentro da sua cabeça é mais válido do que o que se passa dentro da cabeça de qualquer outro?

    Se tudo é uma ilusão, Deus é uma ilusão, certo?

    Mas, se tudo é uma ilusão, a ideia de que “tudo é uma ilusão” também é uma ilusão, assim como a ideia de que “Deus é uma ilusão” também é uma “ilusão”; e a ideia de que é ilusão a ideia de que Deus é uma ilusão, por sua vez, também é uma ilusão, e assim sucessivamente até o infinito, numa absurdidade monstruosa e contraditória.

    Isso tudo está errado.

    A realidade existe e foi investigando a realidade que o homem chegou à ideia de Deus. Deus existe, e Ele é como Ele é, independente de como nós o percebemos. Ele é como a cadeira por debaixo de uma lona. O fato de que haja confusões no entendimento de Deus, de modo algum prova sua inexistência.

  41. Olá, Carlos Mello

    Acabo de concluir as minhas pesquisasde 10 anos sobre religiões, o que daria até um livro de 650 páginas, mediante investimento de +- 15 mil reais. Mas de qualquer forma, apoio a sua iniciativa e vale à pena abrires um Blog, pois quanto mais religiosos e ateus debaterem o assunto melhor o mundo vai ficar. Alguns capítulos já disponiveis no meu modesto Blog e agradeco tambem o valioso incentivo e contribuilçao de DeusIlusão:

    http://livrodeusexiste.blogspot.com/2009/08/carta-de-apresentacao-do-autor.html

    SUMÁRIO – Capítulos do Livro “Deuses Existem?”
    01-Apresentação
    02- Nos bastidores da História
    03-Só porque criou o mundo pensa que é Deus (humor)
    04-Da onde viemos – As Teses da Origem do Universo
    05-Com que fim Deus criou os homens?
    06-TESE I – Deus criou a terra e o homem
    07-TESE II – A vida veio do espaço
    08-TESE III – De onde viemos – O acaso e a necessidade
    09-BIG BANG e a origem do Universo
    10-Como tudo começou – A primeira religião, os primeiros deuses
    11-EINSTEIN Acreditava em deus?
    12-As descobertas da NASA – Planeta Terra único e frágil!
    13-Como Darwin e a Ciência mataram Deus
    14-Deus um Delírio, afirma o biólogo Richard Dawkins
    15- Stephen HAWKING – Quebra a casca de nós
    16-Deus existe ou não existe – A Aposta de Pascal
    17-A Pré-História – E os primeiros humanos
    18-O Cristianismo – Nada é original no cristianismo
    19-Os Manuscritos do Mar Morto – A outra bíblia
    20-Religiões: Ortodoxa, Protestante, Pentecostais, Testemunhas de Jeová, Adventistas, Candomblé, Umbanda…
    21-Mormons – Igreja dos Santos dos Últimos Dias
    22-Espiritismo – Os mortos se comunicam
    23- MAOMÉ, O Islã, Acorão e o Paraíso Eterno!
    24- Democracia, um desafio ao Islamismo
    25-JUDAÍSMO – Jerusalém o Centro do Mundo com três religiões
    26-Religiões Orientais e crenças milenares
    27-BUDISMO – Nada em excesso, só o ouro dos templos budistas
    28-Cientologia – A religião dos artistas e famosos de Holliwood
    29-Vida após a morte?
    30-Guerra Santa das religiões brasileiras
    31-A Homossexualidade e a opinião das religiões
    32- A crença religiosa faz as pessoas se comportarem melhor?
    33-Abuso Sexual – Pedofilia e os crimes de batina
    34-Educando nossas crianças sem necessidade de religião
    35-Quem tem boca vaia Roma
    36-Povos da Antiguidade Oriental e Ocidental
    37-O deus Faraó vivo e a civilização egípcia
    38-Deuses egípcios e suas vidas no além
    39-Deuses vivos na civilização da Mesopotâmia
    40-Fenícios e Persas – Sua história e seus deuses
    41-Grécia Antiga – A Grande Mãe Deusa
    42-Deuses do Olimpo e a Ilha Sagrada
    43-Pitágoras, Sócrates, Platão – Grandes filósofos gregos
    44-O Cristianismo e a queda do império romano
    45-Na Idade Média, mediante o pagamento o perdão
    46-As reformas da igreja e a desmoralização do clero
    47-A Inquisição – Em nome de Cristo o manual de tortura
    48-Deus, seus assessores e o suicidio
    49-Deus, não é, e nunca foi grande
    50-Sociedades Secretas – O que são e como funcionam
    51-MAÇONARIA – Os Segredos
    52-OPUS DEI – A morte do Papa e os escândalos do Vaticano
    53-Neuroreligião – Os segredos do cérebro: De onde vem a fé e a crença na religião
    54-Madre Teresa, sua fé e seus segredos
    55-Guerras: Em nome de Deus e do Diabo
    56-Arqueólogos contestam o Êxodo da Bíblia
    57-O Dilúvio e a Arca de Noé nunca existiram!
    58-Arqueologia comprova: Maior parte dos fatos são lendas e mitos
    59-JESUS e Maria quem foram? Lenda, mito ou fato?
    60-JESUS- O Incômodo silêncio da História
    61-JESUS – Nunca existiu!
    62-JESUSes – Qual?
    63-OSHO – O homem mais perigoso desde Jesus
    64-Osho – A única saída é voltar-se para dentro
    65-HUMANISMO – Isso é com Você!
    66-Bem Okri – Pensem por si mesmos
    67-ROUSSEAU – Confissões de um vigário
    68-A BÍBLIA – Origem, enigmas e mistérios
    69-A Bíblia – Humanistas falam sobre os Argumentos Relativos
    70-A Bíblia – E as razões para Humanistas negarem a Inspiração Divina
    71-Humanistas denunciam as Crueldades relatadas na Bíblia
    72-Bíblia – Ensinamentos inconsistentes com a estrutura física do Mundo
    73-Bíblia – Ensinamentos incompatíveis com as Leis da Natureza
    74-Bíblia – Profecias não realizadas colocam em dúvida relatos religiosos
    75-Bíblia – Afirmativas incorretas sobre a História
    76-RUSSEL – Por que não sou Cristão
    77-INGERSOLL – Por que sou Agnóstico
    78-A crítica da religião é a crítica dos conceitos
    79-JEOVÁ – Era Bom ou Mau?
    80-Ateus famosos
    81-Sartre, Nietzsche: Deus está morto!
    82-Razões para não crer em deuses e H. L. Menchken
    83-A história da criação e do dilúvio (com muito humor)
    84-Ciência x Religião
    85-Fé e Ciência. CRIACIONISMO ou Evolucionismo?
    86- As Leis da Natureza
    87-Design Inteligente – Deus das lacunas
    88-MITOLOGIAS – Joseph Campbell
    89-Mitologias – Deuses, qualquer semelhança é pura coincidência
    90-Pseudociência e Charlatanismo
    91-DAWKINS – “Carta para sua filha Juliet”
    92-Quem criou o Projetista – falácias
    93-O Eclesiastes na bíblia e nossa existência efêmera
    94-O Problema do Mal
    95-Por que não acredito em Livros Sagrados
    96-Por que não acredito em deuses
    97-Deus existe? Ainda não! O melhor da humanidade está por vir
    98-Livre Arbítrio
    99-A oração ajuda?
    100-O Diabo funcionário de Deus
    101-Eu não sabia que podia ser tão fácil me livrar da religião
    102-A prova de que não há nenhum deus
    103-Os estilos de pregação religiosa (humor)
    104-O Sentido da Vida – Por que não acredito em deuses
    105-Como ficamos sem religião?
    106-Vou abrir a minha igreja, e já volto (humor)
    107-Pensamentos famosos
    108-Mercadores da Fé
    109-Qual religião seguir (humor)
    110-O que é viver filosoficamente
    111-Friedrich NIETZSCHE
    112-Deus e Ateísmo – A minha realidade
    113-Quer fazer o mundo um lugar melhor?
    114-O maior acobertamento da História – CRESTUS dos Essênios
    115-Bibliografia e leituras recomendadas

    Para achar o assunto no Blog, digite na caixa de pesquisa, segue um Link sobre: Pitágoras, Sócrates, Platão…
    http://livrodeusexiste.blogspot.com/2010/05/capitulo-43-grandes-filosofos-gregos.html

    De Oiced Mocam para a posteridade!
    consultorcomercial@gmail.com
    Porto Alegre/RS.

  42. Barros não vou nem ler o resto… Vc eh um humorista. Quer dizer que daqui pra frente seu post vai provar que Deus não existe. Fantástico.
    Te entendo afinal vc foi estrupado quando criança indefesa (segundo vc mesmo) e se o Universo só existe se vc existe, então quem é Deus? Adivinha..
    ..É você.. Não acho que sou Eu.. Não é o Tiririca

  43. Você não vai ler o resto porque não teria como refutar o que eu escrevi sobre a sua ilusão de Deus. Aí você fala umas gracinhas pra disfarçar o seu medo. Típico de crente “pombo”.

  44. […] A leitora RITA escreveu em seu comentário: […]

  45. Esse texto seu deveria ser publicado na primeira pagina de um grande jornal!! todos deveriam tomar conhecimento!! és uma obra de arte! pena que as pessoas adoram a mentira e tem aversao a verdade

  46. Greg, muito obrigado!
    Abraço

  47. […] De olhos bem fechados  […]

  48. Bem, logo após primeiro texto lido neste blog fiquei chocado!

    Genial ! Magnifico ! Sublime !
    Rapidamente adiquiriste lugar no meu reservado lote de escritores favoritos.
    Nao só pela bela escrita, o TOQUE sarcástico e a capacidade de argumentaçao, mas tambem por me identificar tanto com teus pensamentos.

    ainda nao li todos os teus textos, mas por favor continua.

    obrigado, e muitos parabens por teu fantastico trabalho.

  49. […] De olhos bem fechados   […]

  50. Tão pequena é a importância da existência de um deus pessoal, nada vai fazer mesmo.De certo o deus impessoal e impassível,esse demostra, muda, transforma e faz acontecer.é de um determinismo inexorável.deus sive natura.abraços spinozista.

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: