De olhos bem fechados (19ª parte)

.

O maior de todos os medos – parte 1

Eu tinha 14 anos quando li O Exorcista pela primeira vez. Era um exemplar volumoso e velho que eu havia pego emprestado de uma biblioteca e que lia sempre na cama, já bem tarde da noite, antes de dormir. Toda vez que o abria, vinha de suas páginas um cheiro suave de rosas que inundava o meu quarto. E é desde esse tempo que vem o meu vício de cheirar livros.

Foi com esse livro, e não com a Bíblia, que eu me convenci da existência de demônios. E foi desde esse tempo, também, que passei não só a acreditar neles, como também a vê-los.

Na verdade, na verdade, eu não os via, mas sentia que havia alguém ali, quando não deveria haver ninguém; quando eu estava sozinho, tentando dormir no meu quarto quente e assombrado. Porque o meu quarto era mesmo assombrado. E o rapazinho que um dia eu fui era fascinado por esse tipo de coisa: atividade paranormal, fantasmas, ufos, lobisomens, o sobrenatural como um todo. Na época, não me importei muito em descobrir se isso era a causa ou consequência do meu quarto ser assombrado, e acabei ficando fascinado, também, pelos demônios, que, até então, não faziam parte da minha lista de interesses.

Jamais vou esquecer como tudo aquilo teve início. Na primeira vez, ou no primeiro contato, ouvi um deles andando pela sala. Eu fechei os olhos bem forte e esperei que ele fosse embora. Sabia que era um demônio porque ouvia a batida dos seus cascos. No começo achei que fosse um fantasma, uma alma penada, e que as batidas eram o som que faziam seus tamancos no piso de cerâmica. Mas, então, pensando melhor: “Por que diabos uma alma penada estaria usando tamancos?” Daí concluí sabiamente que era um demônio.

Ele — o demônio — saiu da sala e veio em direção ao meu quarto. Entrou, contornou a minha cama e sentou bem do lado para onde eu tinha o rosto virado. E, então, eu senti um frio insuportável e um fedor de coisa podre, exatamente como os descritos no meu livro de cabeceira. Não lembro de mais nada porque desmaiei na hora. Ou dormi. Ou já estava dormindo… Mas foi exatamente assim que aconteceu.

Esse tipo de visita indesejada se repetiu bastante ao longo da minha adolescência. Algumas vezes acordava e não conseguia me mexer, enquanto sentia um demônio ao meu lado. Noutras, acordava gritando, sufocado por um deles que, aparentemente, estava tentando me estrangular. Havia noites em que eu acordava molhado de suor, tremendo, e nem sabia por que, até perceber o cheiro nauseante que denunciava a presença de seres infernais.

Eu lembro de noites e noites de insônia e de medo, que duraram até um certo ponto: quando comecei a ler efetivamente um outro livro. Naquelas madrugadas insones de desespero solitário, eu levantava da cama chorando e ia ler a Bíblia. Antes de fechá-la, lia sempre o versículo em que Jesus diz: “…e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do Inferno não prevalecerão contra ela”.

Aquele rapazinho medroso de 14 anos, fascinado pelo sobrenatural, há muito que faleceu dentro de mim, mas essa frase ainda hoje me comove. Porque é uma declaração tão forte, tão cheia de autoridade, tão solene, tão bonita. E porque eu lembro de como acreditava nela. Antes de voltar para a minha cama, eu repetia isso para mim mesmo. E funcionava. Eu voltava a dormir na tranquilidade e no conforto proporcionados pela certeza de que as criaturas do Inferno não podiam me fazer mal.

E foi isso o que a Bíblia significou e o que me transmitiu durante boa parte da minha adolescência: conforto, por saber que era imune às portas do Inferno, e proteção contra os demônios que, eventualmente, passassem por ela e viessem me incomodar durante o sono.

Interessante notar que nunca antes havia precisado desse tipo de conforto e proteção. Não antes de ter lido O Exorcista. Não antes de ter, primeiro, passado a acreditar em demônios.

 

 

<< Início

Anúncios

78 Respostas

  1. Muito boa a série, Bastos. Você deveria compilar isso em um livro.

    E sobre o Post:

    Agora o Vanderlei vai falar que você viu espíritos e isso prova as lorotas dele. Hahahaha!

  2. Ateu que não acredita em Deus mas que acredita em demônios… logica zero. #fail

  3. Anônimo trollzinho que não saber interpretar/ler textos com mais de um parágrafo.
    Início do oitavo parágrafo, por favor. Leia. =)

  4. Dhiogo, rapaz, de onde você tirou esse “Bastos”?? KKkkkk É “Barros”, homi. rsrrsrs Mas esquenta, não. Meu primeiro nome é Valmidênio. Já me chamaram de Valdemiro, Valdomiro, Valdimênio, Valdimédio, Valpilênio, Valdemônio…

    Eu só não processo meus pais porque eles são pobres! rssrsrs

    Will, obrigado pelo comentário e pela visita.

    Anônimo, coloca um nome aí, rapaz, e junte-se aos bons. Convida Deus também. E vê só: depois da Coca Zero, a Lógica Zero. \o/

  5. Se o Vanderlei tivesse nascido há 6 mil anos, Deus teria usado ele pra escrever a Bíblia sozinho…

  6. Hahahaha, foi mal, Barros. Agora que vim reparar no erro. É que to meio sem tempo e digitei a coisa muito rápida. Pecado capital…

    E você tem noticia do Saracura? Que aconteceu com ele?

  7. Caramba, Barros!

    tem uns textos dessa série que vc está escrevendo (e este é um deles) que me dão a sensação de que vc nada mais é do que uma segunda personalidade minha que escreve sem que eu saiba!
    :-)

    Tirando a parte da bíblia, que nunca me atraiu e com a qual nunca tive muita afinidade, o resto parece um relato bem fiel de fatos ocorridos na minha adolescência… em especial sobre a leitura do livro “O Exorcista”, o qual li umas 4 vezes (exagero? não se comparado às vezes que assisti ao filme, “só” 11), e as sensações de terror noturno…

    Abs

  8. Srs

    Quando adolescente eu via vultos, ao abrir os olhos, as imagens desapareciam.
    Era necessário eu ir dormir ao lado da cama de minha mãe, com a cabeça bem coberta de medo.
    Também caminhava pela casa, abria portas e tentava ir para a rua, sendo impedido pelos meus pais.

    Os entendidos diziam: Naldín é sonâmbulo!

    Ok! Esta é a explicação científica para o caso.

    O que me deixava curioso era como no escuro, inconsciente eu conseguia me levantar, andar sem ao menos lascar a canela no centro da sala, abrir a porta, indo em direção à rua.

    Aos 17 anos passei a frequentar cultos da Igreja e os vultos e o sonambulismo deixou de acontecer.
    Detalhe: A casa que meus pais compraram, funcionava antes nela um terreiro de macumba,

    OU SEJA!
    Isso é só para quem tem FÉ.

  9. Sr. Spock, de Star War

  10. Will Marangoni, Ce me lembra muito o

    ” Senhor Spock” do filme STAR WAR.

  11. Você só fala bobagem mesmo, Agnaldo. Spock do Star wars? Quanto sacrilégio.

  12. Não disse É, disse parece.

    =-)

  13. as leis de Deus a priore foram escritas por ele mesmo no coração da sua criação , depois tentaram passa-las para o papel.

  14. voce aprendeu a ler a linguagem humana, mas e a divina voce conhece ?

  15. Agnaldo,

    Spock é do Star Trek, para de falar bobagem.

    Vanderlei,

    Por que você não publica um dicionário da linguagem divina? A língua divina é aquela que os crentes em transe falam?

  16. Alex, eu li O Exorcista duas vezes e vi o filme umas cinco vezes. Claro que ele não me inspira mais medo, mas eu lembro perfeitamente bem de como era quando inspirava. E era um medo genuíno, autêntico. E muito obrigado pela publicação lá no Bule dos meus textos. É um privilégio ter um texto publicado lá.

    Dhiogo, o Saracura tá de férias. Tá voltando semana que vem.

  17. Obrigado Dhiogo!

    Reformulando…

    Will Marangoni, Ce me lembra muito o Sr. Spock do Star Trek.

  18. Diogo postou:
    Vanderlei,
    Por que você não publica um dicionário da linguagem divina? A língua divina é aquela que os crentes em transe falam?
    __________
    RESPOSTA: Puxa! O cara em transe falar, por exemplo, Mandarim corretamente, sem nunca houver estudado ou ouvido falar o mandarim…
    Que transe involuntário inteligente!
    Parecem ideias de Darwin, tudo acontece por acaso.
    kkkkk

    “Atos 2:8 cada um os ouviram nas línguas de nascimentos”

  19. Cadê sua fonte, Agnaldo? De onde você tirou que um leigo falou mandarim?

    Mostre-me aí algum artigo que não esteja em algum blog chapa branca de fundo de quintal.

    Pesquisas neurológicas indicam justamente o contrário:

    http://jnumedmtg.snmjournals.org/cgi/content/abstract/47/suppl_1/316P

    Olha a conclusão:

    Conclusions:

    The observed cerebral blood flow changes are consistent with some of the described aspects of glossolalia. There is a perceived loss of control during glossolalia which may be related to the decreased PFC activity. There were no changes in any language areas suggesting that glossolalia is not associated with usual language function. The increase in the superior parietal lobes may be attributable to alterations in their spatial perceptions.

  20. DHIOGO
    Pode crer se desejar, deus fala com voce quer seja através de acontecimentos na sua vida ou pelas suas obras, mas voce se faz cego e surdo.
    até poderia fazer um dicionario das leis divinas, para ateus mas, teria que ser codificado em braile ou em libras então vou ficar devendo.
    Quanto as linguas estranhas de fato faladas e ouvidas, eu mesmo ja comentei a aqui o caso do reporter do fantatisco Carlos Dorneles (se não me falha a memória) fez uma regressão de vidas passadas onde bastante excitado gritava e gesticulava falando em um idioma desconhecido.
    Depois de pesquisarem muito descobriram que ele tinha falado em russo, mas um dialeto obsoleto e muito antigo gritava:
    “Irmãos porque me trairam e agora me matam com espadas ?”
    logicamente seu cerebro pode ate ter criado as cenas na sua mente, mas criar um dialeto russo que ninguem atualmente fala é muito dificil.
    Entãso eu acredito em vidas passadas.
    sds

  21. O barros deveria ter ficado feliz por te-lo chamado de bastos pois chama-lo pelo seu verdadeiro nome ai sim seria uma tremenda sacanagem …he…he…he
    Eu tinha um amigo conhecido como Carvalho depois de muito tempo fiquei sabendo que o seu primeiro nome era : “Vespede” isto não é um nome é uma sacanagem paternal.

  22. Vanderlei esqueceu do artigo que eu te mandei sobre hipnose que ela cria falsas memórias ?
    E Agnaldo conhece pareidolia ?
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Pareidolia isso explica os vultos.
    E aquele fogo verde ?
    Que eu já mostrei que um mágico pode fazer hahaha.

  23. Tenho alguns amigos chineses lá na 25 de março em São Paulo, me manda um vídeo de alguém falando em mandarim que vou ver se eles traduzem.

  24. rafael
    eu quero ver voce traduzir as linguas estranhas que os pentecostais falam quando entram em transe , voce ja presenciou isto pessoalmente?

  25. leo
    não fórça, hipnose criando falsas memórias de um antigo dialeto russo que poucos conhecem na atualidade ? assim voce vai continuar sendo ateu mesmo, não por ter argumentos validos simplesmente porque assim deseja sua teimosia.

  26. Linguas estranhas ou balbucios inventados na hora?

    Dialeto obsoleto do Russo? Mandarim?
    Rola uns videos pra gente ver? Ou fica só na citação?

  27. “Mostre-me aí algum artigo que não esteja em algum blog chapa branca de fundo de quintal.”

    HAHAHAHAHAHA

  28. rafael
    eu quero ver voce traduzir as linguas estranhas que os pentecostais falam quando entram em transe , voce ja presenciou isto pessoalmente?

  29. ALE & TITIO iCARUS

    voar…voar…subir…subir…he…he..he… tava sumido heim ?
    ESSA REPORTAGEM FOI APRESENTADO NO FANTASTICO PELA REDE GLOBO INFORMEM SE E COMPROVARAM SUA VERACIDADE.
    MAS EU ACHO QUE JA DECIDIRAM NÃO ACREDITAR, PORTANTO NEM QUE UM MORTO RESSUCITE DIRÃO QUE É UMA FRAUDE.
    nem que um brasileiro sob transe consiga falar em russo, ta dificil heim ?
    sds

  30. “ESSA REPORTAGEM FOI APRESENTADO NO FANTASTICO”

    ônus da prova é de quem mesmo?

    simplesmente citar a reportagem é fácil… eu poderia dizer que no domingo seguinte o Fantástico apresentou reportagem desconstruindo a anterior, basicamente para desmascarar esse tipo de crendice, nos moldes do “Mister M”…

  31. E ai Vanderlei, blz?

    Cara, passa ano e vc não aprende nada não é? hehehe

    Para decidir acreditar em algo é necessário primeiro boas evidências. E não,um bando de malucos se arrastando pelo chão falando coisas doidas não serve de evidência. No máximo evidência para iniciar um tratamento psiquiátrico. ;-)

    “Alegações extraordinárias requerem provas extraordinárias”

  32. Teria que pegar uma pessoa humilde e fazer o teste com ela.
    Não com um pastor qeu ja té estudou chines e sabe muitas frases em chines.

  33. Lembrei de uma coisa o retardado daquele pastor Davi Miranda disse que Deus tinha dado o dom para ele falar em espanhol e começou na radio a pregar em espanhol muito mal falado (e nem sei pra que pregar em espanhol pra uma nação que fala portugues).
    O que eu quero dizer é: O deus incompetente este do Davi miranda nem espanhol sabe falar e pensa que sabe e fala tudo errado.

    Véio caduco

  34. ônus da prova é de quem mesmo?
    r : seria de quem afirma, mas e esse argumento fraquinho seria de quem mesmo? seu eu acho que não é, pois ele é usado por ateus de manadas, um solta uma besteira e os outros saem distribuindo gratuitamente.
    sou um crente ateu de ateus, pois eu tambem acho que ateu no seu sentido amplo e radical não existem, a maioria são de ex-crentes frustrados com religiões e por terem uma visão espiritual deturbada, confundem Deus com o genio da lampada não sendo atendidos passam dizer que o seu deus não existe, que foi tudo uma ilusão.
    Sempre consideram sua opiniões que nem sempre são originais são a mais corretas, portanto se decidiram que Deus não existe, obrigatóriamente ele não deve existir e a maioria crente deve estar errada.

  35. voces são o que ? dicipulos do psico-doido do padre quevedo: “isto no existe!”
    no gugu se não me falha a memória apresentaram um video de uma missa de setimo dia onde foram gravadas cenas nitidas de dois espiritos vestidos com roupas normais e apresentando aparencia de homens comuns, o pai do falecido reconheceu e afirmou que um dos espiritos era exatamente o filho morto dele o qual celebrava-se a missa.
    participando do programao pai do falecido e o padre Quevedo ,este afirmava que era tudo um truque da mente que a parapsicologia explicava facilmente.
    Mas o pai dizia que a parapsicologia ele não conhecia mais o filho dele que estava gravado ele conhecia muito bem.
    o interessante é que normalmente cenas de espiritos gravadas são estaticas e de dificil visualizão gerando muitos equivocos, neste caso as cenas eram bem visiveis, os dois homens entram pela porta da igreja e sentam e ficam observando.
    o mais interessante que todos esses fatos mencionados aparentemente reais e verdadeiros nunca são vistos nem comentados por ateus?
    estes preferem comentar apenas as fraudes comprovadas e mau feitas.
    sds

  36. Tudo o que resta ao Vanderlei é lenga-lenga e evidência anedótica.

  37. Pronto… citou mais um e não mostrou…

    Posso tb?

    Na semana seguinte ao programa do Gugu citado pelo Vanderlei, as pessoas que filmaram o video vieram a público no programa da Hebe e confessaram que era montagem… queriam apenas fazer uma brincadeira…

    Viu? Citar sem mostrar é fácil…

  38. O que leva alguem a assistir Gugu? ;-)

  39. Pois é, Icarus, houve um tempo em que a internet era pra poucos. hahaha!

  40. Dhiogo,

    Maldita inclusão digital hehehe

  41. o que leva ateus a assistirem o Datena? eu acho que no caso foi pieguisse e orgulho ferido.

    Alex
    ficar ridicularizando aquilo que não se conhece é leviano, estude na teoria e na pratica e depois que tiver um bom conhecimento de causa então tera formado uma opinião valida.
    Todas as pessoas que relatam visões, aparições de previsões são iludidas, falsas ou equivocadas então só restou a sabedoria de uns poucos ateus.
    Uma menoria sabia e possuidora de toda ciencia humana.
    Sera que todos os fenomenos espirituais não são apenas manipulações forjadas por crentes só para enganar ateus radicais?
    Eu acho que não, algumas são realmente autenticas, mas voce não acredita nisto não é? A descrença nasce quando nos apropriamos de toda verdade.

    dhiogo
    tanto a internet como a tv podem ser usadas para educar como emburrecer

  42. “o que leva ateus a assistirem o Datena?”

    Vou mudar um pouco a pergunta.

    O que leva um ser humano a assistir aquele lixo de programa?

  43. Vanderlei,

    formar uma opinião sobre o alcance dos meus conhecimentos é, no mínimo, leviano… como se chama isso mesmo? pré-conceito, né?

    Vc continua escrevendo, escrevendo, mas não apresenta suporto para o que relata. Do ponto de vista de um leitor, meu relato de que o cara foi na Hebe desmentir o próprio vídeo é tão válido quanto o seu relato de que na semana anterior ele esteve no Gugu mostrando o vídeo, já que nenhum de nós dois apresentou evidências.

    “odas as pessoas que relatam visões, aparições de previsões são iludidas, falsas ou equivocadas”, ou só querem atenção, como no caso analisado abaixo.

    http://www.ceticismoaberto.com/paranormal/5941/videos-de-garoto-assombrado-por-fantasma

  44. alex

    Questiono os seus conhecimento espiritual e não cientifico, isto não é preconceitos e sim observação dos seus comentarios, pois até agora não tem apresentado uma visão espiritual muito desenvolvida esse é uns dos motivos de ter virado um ateu.
    esta se limitando a insinuar que estou inventando historias, saiba que não possuo o habito de mentir alem do mais bitolados virtuais agora pensam que internet é sinonimo de confiabilidade.
    Encare a realidade voce não procura por provas que voce esta errado, voce procura provas que voce esta correto, como essa são impossiveis toda prova contraria as suas ideias deverão ser consideradas falsas e sem fundamentos é assim se se fazem donos da verdade.
    fecham os olhos e saem gritando que a luz não existe.

  45. Tá bom vanderlei…

    realmente a coleção de ideias que vc destila sobre mim não são nem um pouco pré-conceituosas.
    #sarcasmo…

    Não estou insinuando que vc está mentindo… só gostaria de ter o privilégio de ver essas mesmas evidências que vc alega ter assistido. Se vc as cita e não as mostra, simplesmente não valem nada. São, nesse sentido, equivalentes às citações que eu fiz.

    Saiba que já estudei um bocado sim sobre religiões, em especial sobre o catolicismo, na qual fui moderadamente criado, e ainda sobre o espiritismo, pois convivi durante vários anos em um ambiente familiar no qual essa era a religião de escolha.

    E se concluí pelo ateísmo, foi simplesmente por não ver evidências das alegações a que tive acesso. E assim permaneço até hj. Nada de revolta, ou falta de “conhecimento espiritual”, ou coisa parecida.

    Agora, analise o conjunto de seus comentários neste site (que eu acompanho faz tempo) e me diga sinceramente que é que “não procura por provas que voce esta errado, voce procura provas que voce esta correto, como essa são impossiveis toda prova contraria as suas ideias deverão ser consideradas falsas e sem fundamentos é assim se se fazem donos da verdade.”

    Bom, os demais leitores com certeza sabem…

  46. E aquele velhinho Vanderlei que diz que não come pois foi abençoado por uma deusa por que não o cita ?
    Ah é ele é de outra crença, eu também posso citar vários milagres de outras vai acreditar neles ?
    Mas todos tem a mesma coisa em comum com os seus, carecem de fontes confiáveis e são fraudes.
    E sobre as línguas já disse o seu cérebro guarda várias informações e em momentos de stress ou indução externa ele as expõe.
    Assistiu o filme Avatar ?
    Então criaram uma linguagem só para ele, aposto que não vai lembrar as palavras mas elas estão lá guardadas, aê por indução externa você pode pronuncia-las e pronto olha o milagre hahaha.
    Ou ainda Paixão de Cristo um filme que foi feito em aramaico.

  47. 62ª JUSTIFICATIVA: EU DIGO AS BESTEIRAS, VOCÊ PROCURA AS FONTES

    Esse argumento é usado por religiosos como maneira de se esquivar quando falam alguma bobagem pseudo-científica. Por exemplo:

    Religioso: Ora, já foi provado que o dilúvio existiu e existem milhares de provas documentais. Saiu na National Geographic, no Canal Discovery, e no History Channel.
    Cético: Engraçado. Sou assinante desses serviços e nunca vi. Mostre-me uma prova sobre o que você está falando.
    Religioso: Ah, não. Se você está interessado em ver, procura que você acha.

    Ou seja, é um misto de preguiça com deslealdade, na esperança de desobrigá-lo a admitir que falou uma bobagem. Uma falácia chamada “inversão do ônus da prova”.

    Cabe aos debatedores insistirem para ele colocar as fontes.

  48. Alex
    só gostaria de ter o privilégio de ver essas mesmas evidências que vc alega ter assistido

    R:Já que voce demonstra ter tal interesse, pare de achar e ficar desejando e comece a agir pode começar a pesquisar pois programas em rede nacional são assistidos por milhões de pessoas.
    O conhecimento espiritual o qual referiro me que voce não possui por isso virou um ateu não é o teórico que voce alega ter e sim o pratico o qual voce alega não possuir evidencias.
    por exemplo um indio pode não ter conhecimento teórico da doutrina espirita do allan kardec, mas pode ter o conhecimento e as evidencias praticas na sua vida, ja que a doutrina espirita nasceu da observação pratica de fatos reais os quais são universais, mas o fato de voce ainda não telos observados pessoalmente não prova que eles não existam.
    Então eu volto afirmar que todo ateu ainda não tem uma visão, entendimento e consciencia espiritual desenvolvidas, salvo conhecimento material cientifico e religioso teórico filosófico como no seu caso.

  49. prezado leo
    voce, pelo tempo de convivencia neste blog deveria ja ter percebido que eu não tenho a indole de querer pregar verdades falando mentiras ou inventando historia coniventes com a minha verdade.
    Portanto se eu citei esses dois casos um do fantastico outro do sbt é porque realmente eu assisti, mas independente de poder apresentalos voces mesmo vendo não acreditariam da mesma forma porque ja formaram opinião de que estão certos.
    assim é que todos os crentes são mentirosos iludidos tentando enganar ateus.
    Quanto as linguas pentecostais eu ja presensiei pessoalmente eles falam linguas desconhecidas por um longo tempo então isto não é memórias de filmes como voce alega.
    Voce tambem parece um dicipulo do padre Quevedo.
    No entanto eu concordo que este tipo de coisasdevem ser mesmo verificadas e se for fraude desmacaradas.
    sds

  50. Argumentar com o Vanderlei é perca de tempo. Ele parece só dar copy/paste em besteiras que escreve o tempo todo.

  51. ok simpatia! mande o seu sabio comentario estou aguardando…………………….

  52. e obrigado por ter se identificado no meu comentario.

  53. Exatamente Vanderlei essas coisas devem ser avaliadas e como nunca passam como reais continuam mito. E Jesus também disse que quem o acompanhasse tomaria veneno e não morreria, que conveniente os crentes só falarem línguas não é mesmo ?

  54. Eui sei que voce é quem esta falando isso só porque esta escrito não quer dizer que jesus tenha falado isso, alem do mais, se voce viveu na epoca cristã, provavelmente foi um fariseu quase ateu e guardou no intimo do seu “eu” coisas de fariseus, mas depois de seculos parece que teve um retrocesso evolutivo e acabou virando um ateu.

  55. nem tudo é Deus nem tudo é ateu o sensato fica no meio termo.

  56. Mas Vanderlei não se baseia nisso para dizer que as essa ‘linguas” são reais ?

    Marcos 16

    17 – E estes sinais seguirão aos que crerem: em meu nome, expulsarão demônios; falarão novas línguas;

    18 – pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e imporão as mãos sobre os enfermos e os curarão.

    ======
    Então quero ver tudo isso ao mesmo tempo de um “cristão”.

  57. fala serio este tipo de comentario compromete muito a seriedade do ateismo…he…he…he

  58. O ateísmo não é uma crença Vanderlei hehehe.
    E aê já tomou o seu veneno como um bom “cristão” ?

  59. se não é um crença então pare de acreditar .

  60. Acreditar no que ?
    Ateísmo é uma falta de crença, você tem isso em relação a outros deuses certo ?
    Ou os nega ?

  61. “se não é um crença então pare de acreditar .”

    Vanderlei, voce “acredita” na força de gravidade?

    Então pare de acreditar e pule do 15º andar, que voce não vai cair! Afinal, essa é a sua lógica!

    Voce acredita na sua lógica, não?

    heheheehe

  62. o Crente é tão fanatico, que ele não consegue sequer acreditar que existe alguém que não acredite no seu Deus, então ele assume que essas pessoas se decepcionaram ou estão revoltadas contra Deus, e que negam sua existência, o que existe são pessoas que cresceram e que não tiveram medo de ler um livro de contos de um Deus fantasioso e concluiram que aquilo era falso, até as crianças já estão ficando mais atenciosas e não estão mais acreditando em histórias pra boi dormir

  63. profeta ateu samuka

    Eu acredito que a lei da gravidade é uma das perfeitas leis divinas que tornam possiveis vidas inteligentes neste mundo visivel feito apartir de energias invisiveis, esta é minha lógica eu acredito muito nela.

  64. Rafael
    Voce disse algo que eu concordo.
    Eu sempre achei que ateus não existissem, que fossem mitos, que fossem no maximos revoltados contra algum tipo de religião, então por curiosidade acabei entrando neste blog e descobri que realmente existem pessoas que pensam ser ateus, mas que no seu intimo acreditam e desejam com todas as suas forças que estejam erradas, que a vida seja eterna e que exista a possibilidade de poderem estar sempre com aqueles que amam, isto é algo tão maravilhoso na cabeça de algumas pessoas que elas passaram a temer que o maior desejo na continuação de suas vidas possa não vir a ser realizado pela outra possibilidade do final eterno.
    Esse medo é tranformado em ateismoa em forma de um sistema de auto proteção ou seja:
    “vida eterna seria maravilhosa de mais para mim, mas se acredito que existe uma possibilidade dela não existir, meu mecanismo instintivo de auto proteção contra futuras frustrações diz para descarta-la.”
    É assim que sou ateu de ateus, pois acredito que todos eles anseiam como todo ser humano pela vida eterna e possuem duvidas quanto a sua razão .

  65. Vanderlei, você está fazendo uma confusão danada.

    Ateus gostariam que houvesse uma vida eterna, quem não gostaria? Mas querer isso não a torna verdadeira, exceto na cabeça de quem não consegue suportar que a vida vai chegar a um fim. O medo da morte não vira ateísmo. Existem ateus com medo da morte. O mecanismo de auto-proteção é a crença num deus. Ou seja, você inverteu tudo!

    Das duas, uma: ou você não consegue entender o ateísmo ou não consegue aceitar.

  66. “Então por curiosidade acabei entrando neste blog e descobri que realmente existem pessoas que pensam ser ateus, mas que no seu intimo acreditam e desejam com todas as suas forças que estejam erradas, que a vida seja eterna”

    Vc falou que descobriu que “algumas pessoas”, mas pra toda pessoa que entra nesse blog, no primeiro comentário, inclusive eu, vc já tacha de religioso frustrado.

    Eu não desejo a vida eterna, até porque ia se tornar chato, eu sei que vou viver pra sempre, não ia ter sentido a vida, até porque desde o começo da humanidade, de dois em dois, se todas as pessoas tivessem pelo menos um filho eterno, não caberia todas as pessoas no mundo

    Esse negócio de eterno, não existe, tudo envelhece e se danifica, vivo ou não, madeira, aluminio, aço, todos se desfazem

  67. Ateu é o individuo que não acredita em Deuses, nada impede deste individuo acreditar na vida eterna

    Agora existe o Ateu que também é cético, não acredita em Deuses, e tb não acredita em nada que não possa ser provado por métodos cientificos

    Esse é meu caso, além da provação por método cientifico, ainda sim desconfio, e filtro e analiso por mim mesmo

    A vida eterna não pode ser provada por métodos cientificos, portanto não acredito nela

    Agora a morte simples ( por meio natural ou causada) pode ser provada por métodos cientificos, então acredito nela

  68. Nossa…
    O Vanderlei surta nos comentários:

    vida eterna seria maravilhosa de mais para mim, mas se acredito que existe uma possibilidade dela não existir, meu mecanismo instintivo de auto proteção contra futuras frustrações diz para descarta-la.”

    Quantos ateus que voce conhece seguem essa linha de pensamento sua?!
    Você imagina as coisas e as transforma em verdade absouta…não viaja velho…

  69. Rafa
    estou me referindo a eternidade do “eu” da individualidade, da consciencia própria, da personalidade alma.
    A morte faz parte da vida, uma complementa a outra, renovação faz parte da vida eterna.
    Fisicamente falando a morte é uma benção que possibilita a permanencia da raça humana neste planeta por milhares de anos.
    é ilógico afirmar que algo que desconhecemos possa ser bom ou ruim.
    Mas é providencia divina o medo do desconhecido.

    stranger
    vamos dizer que que não estou completamente certo, então posicione-se que iniciaremos o debate.

    LEO

    o é chamado por varios nomes é recohnecido de acordo com o grau de compressão de cada individuo, no entanto ele é unico.
    portanto a minha crença é igual para todos os deuses, aproveito o que me serve e descarto o resto.
    Não sou um crente de manada, agora provem que voces não são ateus de manadas, falem algo que não concordam com o ateismo? he…he…he

  70. Vanderlei
    “aproveito o que me serve e descarto o resto.”

    Nada mais a dizer o Vanderlei criou a própria fé hahaha.

  71. leo
    obrigado pelo reconhecimento isto mesmo criatividade para os crentes, tudo é possivel.
    E voce virou um ateu por falta de criatividade em imaginar e conceber coisas ocultas, quer sejam leis fisicas ou espirtuais divinas.

  72. Vanderlei diz:

    obrigado pelo reconhecimento isto mesmo criatividade para os crentes, tudo é possivel.
    E voce virou um ateu por falta de criatividade em imaginar e conceber coisas ocultas, quer sejam leis fisicas ou espirtuais divinas.

    Deus não criou o Vanderlei. O Vanderlei criou deus (o dele). Acho que isso é o que se pode chamar de uma mea culpa. Talvez isso seja suficiente pra encerrar qualquer discussão, porque ele já deu toda a informação necessária.

    A dúvida é: será que ele vai entender o que fez?

  73. julio verne criou na sua mente varias maquinas que hoje são realidades.
    Ele estava se iludindo?
    Criando fantasias ?
    primeiro a imaginação depois a realidade aparece.

  74. Interessante que esse foi um dos motivos que me fizeram abandonar a religião. Eu tinha raiva por me incitarem a tanto medo. Eu tinha medo de filmes de terror, tinha medo do demônio e de espíritos e me odiava por isso, pois eu estava perdendo a alegria que sempre cultivei em razão de crenças tolas. O demônio e o mal espiritual somos nós que fazemos, seja para justificar nossos medos; seja para justificar nossos maus atos. Meu blog: http://historiaereligionis.wordpress.com/

  75. Ah então é assim que funciona Vanderlei você acredita em algo e ela vai existir ?
    Hum,,, Hahaha.
    Então quem imaginou o Saci o fez real por isso ?

  76. O espirito é a inteligencia controlando a materia, isto só é possivel quando o espirito esta parcialmente ou totalmente ligado a materia do seu corpo, assim a criação de coisas fisicas saia da mente do espirito e se torna realidade através das suas mãos.
    Mas a deusa wicca não te ensinou isso não ? eo deus cornifero? he..he….he….he

  77. Valdimenio
    Você que vê coisas e eu que sou chamado de lunatico esquizofrenico, mas lembre-se tambem de outro ensinamento cristão:
    “Vai e não volte a pecar para que males piores do que esse não te sucedam”

    buuu! buuuu! buuu! he…he…he

    o interessante é que ja e assisti muitos filmes, contudo em estado de vigilia nunca vi qualquer coisa semelhante a sua assombração, ah! menino malvado, cuidado que o bicho papão vai voltar para te pegar! he…he..he
    Engraçado que voce e o diogo ja viram e mesmo assim não acreditaram eu nunca vi e assim mesmo acredito e acho isso uma coisa natural.

  78. Caro Valmidênio, tanto quanto você também tenho um nome dificil de proncunciar guardar, mas uma vez memorizado jamais será esquecido. Brilhante tuas análises e criticas às religiões. Afinal todas ela exploraam as fraquezas humanas e vivem do mistério, medo e supertições. Como disse aquele famoso filósofo alemão, Arthur Schopenhauer: “Religião é como o pirilambor, só brilha no escuro”. Queremos mais cronicas “De olhos bem fechados” para abrirmos os nossos! Esdras

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: