O sexo de Deus (parte final)

Se Adão e Eva comeram do fruto proibido eu não sei, mas, para eu estar aqui escrevendo essas heresias, Adão deve ter, obrigatoriamente, comido a Eva. Deles nasceram Caim e Abel, e depois que Abel foi comer capim pela raiz…


— Irmã… A senhora disse que, quando a gente morre, vai viver no Paraíso. Abel já vivia no Paraíso; então, depois que foi morto, ele ressuscitou?

— Vai ali pro canto, vai… Dessa vez são vinte Pai-Nossos e vinte Ave-Marias.

Depois que Abel foi assassinado, ficamos com uma proporção (em números absolutos também) de dois homens para cada mulher, o que desvalorizou muito o Paraíso em suas qualidades paradisíacas… Como Eva era a única mulher do universo, podemos dizer seguramente que o incesto rolou solto por aquela época, e que Deus não tava muito preocupado com isso, não. Contanto que ninguém mexesse no pomar dele, filho transar com a própria mãe, irmão transar com irmã, pai transar com filha, nada disso parecia ser um problema.

Um conhecido meu já quis me explicar que Deus havia criado toda a humanidade de uma só vez, e que Adão e Eva eram apenas os representantes ou personagens principais daquela mensagem divina…


É preciso inspiração do Espírito Santo para compreender plenamente o verdadeiro significado dos textos sagrados…

Sério? O Espírito Santo inspira alguém para escrever suas mensagens e, depois, precisa fornecer mais inspiração para que elas sejam entendidas? E você tá me dizendo que foi esse mesmo um aí que construiu o universo? Mas ele parece não ter competência sequer para  passar numa prova de redação!…

Mas, enfim, uma vez que tudo foi devidamente esclarecido, e admitiu-se que o Gênesis apenas “relata de uma forma simbólica” a criação do universo e do ser humano (leia-se: é um mito, uma fábula, como a da Chapeuzinho Vermelho), Richard Dawkins chamou a atenção do mundo religioso para outro detalhe: por que Deus teria tido o trabalho de assumir a forma humana e de se oferecer em sacrifício para livrar a humanidade da maldição lançada por ele mesmo, por conta daquele pecado terrível cometido por aquelas duas pessoas que nunca existiram?

Sendo o Gênesis “simbólico”, a missão suicida do filho de Deus para salvar o mundo também deveria ser, o que, se bem entendido, quer dizer que tudo nos Evangelhos não passa de mitologia tosca e asquerosamente intragável, que sequer se presta para enfeitar nossas estantes com personagens fantásticos de histórias sublimes, como os da mitologia grega.

Um Deus bruto, turrão, violento, exibido, birrento; um Deus que não faz nada direito, que não se preocupa com detalhes… um Deus machista que engravidou uma mulher praticamente à força; um Deus ao qual nos referimos sempre por pronomes masculinos… só pode ser um Deus-macho.

Um Deus-fêmea, um Deus-mulher, uma Deusa-mãe teria, indiscutivelmente, criado um mundo muito, muito melhor.

.

<< Parte 1

.

Anúncios

8 Respostas

  1. Sim, ‘Valmidênio Barros’ Deus expulsou Adão e Eva logo depois do ‘ato’. Portanto Eva foi ter os filhos fora do paraíso…. Mas ficou muito engraçado do jeito que você escreveu….rsssssssssss bejim

  2. um Deus que não faz nada direito, que não se preocupa com detalhes…

    E os crentes fazem exatamente do mesmo jeito. Passam por cima dos detalhes.

  3. Mas não é que é mesmo?!! Vai ver foi por isso que a irmã me botou de castigo. Mas eu sou homem e homens, assim como Deus, são péssimos pra lembrar desses detalhes…

  4. Não faltam crentes para nos dizer que a história de Adão e Eva é puramente simbológica. Os mesmos crentes que dizem crer na existência de Jesus, cuja árvore genealógica começa em Adão, segundo o evangelho de Mateus. Vemos, portanto, que eles só seguem literalmente os textos da Bíblia que lhes são convenientes, buscando pretextos sem lógica nenhuma para justificar a crença infundada que depositam nela. Meu blog: http://historiaereligionis.wordpress.com/

  5. Conclusão:Eva foi provavelmente a maior vadia de todos os tempos!!!!
    Rsrsrsrsrsrsrsrsrs

  6. E mais uma vez a mesma exelencia :D

  7. Obrigado, Gustavo. O problema é que os crentes ignoram todos os detalhes que apontam para a inexistência do Deus deles. E quando não os ignoram, acham uma desculpa conveniente (pra eles).

  8. […] Parte final>> […]

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: