Teste seus amigos crentes 4 (parte 1)

.

Faça as perguntas abaixo a um amigo crente e peça para ele responder com () Sim, () Não, ou () + ou – cada uma delas:

#1 Você ama Deus?

#2 Você acredita que Deus é bom?

#3 Você acredita que a Bíblia foi escrita inspirada por Deus?

#4 Você acredita que Deus é todo-poderoso?

#5 Você acredita que Deus é perfeito?

#6 Você acredita que Deus quer a nossa salvação?

Nenhum cristão se atreverá a marcar outra coisa que não (x)Sim em todas as suas respostas. E nem precisaria ser um filósofo e conhecedor profundo, como eu, da mente religiosa para chegar a essa conclusão. Marcar um (x)Não ou um (x)+ou– seria renegar completamente toda a doutrinação que o tornou e que o define como cristão. Desde que se entende por gente, o indivíduo é ensinado a recitar esse mantra imbecil — pleonasmo: todos os mantras são imbecis — e nunca lhe veio à lembrança tentar entender o que estava repetindo — que é o alicerce sobre o qual a fé se ergue e se sustenta.

Quer fazer um crente ficar pálido e arregalar os olhos pra você, como se você fosse o próprio Satanás? Pois faça com que ele raciocine sobre as idiotices que está dizendo. Eu fiz isso, recentemente, durante mais uma daquelas visitas que a gente recebe no portão de casa aos domingos: as Testemunhas de Jeová. Antes, quando eu ainda não era um filósofo, esse tipo de coisa me irritava, porque me incomodava ter que ouvir, de uma forma bem educada, os absurdos que esses doentes mentais vinham me falar à porta de casa, enquanto tentavam me vender Jesus Cristo. Hoje eles me divertem e me são imensamente úteis, como os porquinhos-da-índia são úteis ao cientista confinado em seu laboratório.

Graças a eles, eu desenvolvi, aperfeiçoei e pus em prática esse experimento científico (a ser compartilhado nos textos seguintes) que pode ser reproduzido por qualquer um que tenha interesse ou curiosidade em ver a expressão de desespero estampada na cara de um crente que se vê obrigado a entender sua própria fé, em vez de apenas e simplesmente se utilizar dela.

Na verdade, é esse mesmo o princípio básico de toda religião: faça por onde se beneficiar ao máximo da fé que você tem, usufruindo de tudo que possa tirar de bom dela, mas nunca pense muito a respeito, nem tente entendê-la, nem explicá-la.

Como a mágica que, depois de revelada, perde toda a graça, a fé, depois que se conhece a sua origem e o modo pelo qual se mantém e se alastra, também perde o seu encanto ao revelar-se o que realmente é: um equívoco, um embuste, um jogo de faz de conta que, para existir, precisa ser aceito sem ser entendido.

CONTINUAÇÃO:

#1 Você ama Deus?

#2 Você acredita que Deus é bom?

#3 Você acredita que a Bíblia foi escrita inspirada por Deus?

#4 Você acredita que Deus é todo-poderoso?

#5 Você acredita que Deus é perfeito?

#6 Você acredita que Deus quer a nossa salvação?

Anúncios

73 Respostas

  1. Ah, Barros, com esse suspense todo, não vá decepcionar seus leitores, hein? :-)

    http://lapulgasnob.blogspot.com/2011/05/justo-castigo.html

  2. Eu sempre quis ser abordado por estes testemunhas de jeová e genéricos mas acho que tenho algum tipo de aura anti-conversa-fiada que até os ex-drogados salvos por jesus desviam de mim no ônibus.

  3. O que seria um ateu sem a bíblia ?
    O que seria um ateu sem Deus ?
    Seria qualquer coisa menos um ateu.
    Qual a necessidade de evidenciarmos uma crença que algo não existe ?
    Não existem ateus de papai-noel, mula sem cabeça, lobisomem e saci , pois por faltar evidências, sem crentes , sem ateus.
    Mas enquanto houver evidencias de uma Inteligência Imaterial, uma Razão Externa atendendo necessidades, dando um sentido e um grande propósito a vida sempre haverá crentes e ateus.
    Pois enquanto houver um Deus atendendo necessidade haverão também Ateus e crentes.
    Crentes pelas evidencias e ateus pela falta da necessidade Deus, já que ele sempre estará presente alimentando a vida para todos suas criaturas “bons e maus “, “justos e injustos”, “crentes e ateus” e para todos seus filhos pródigos.

  4. «ateus pela falta da necessidade Deus»
    Disse tudo o que importa nessa frase…

  5. Disse mesmo, porem voce só conseguirá o entender o sentido desta frase, quando Deus faltar na sua vida, então perceberá o quanto esta equivocado.

  6. @criaturo: Tu entende que só se pode ser ateu em relação a deuses (Vishnu, Toth, Brahma, Jesus…), coisas sobrenaturais como Papai Noel ou Mula-sem-Cabeça nem são cogitados nessa categoria…

    Não há evidências de uma inteligência superior, pois se houvesse essa discução não existiria ;)

  7. pelo contrario são as evidencias que convidam a grande maioria acreditar, enquanto voces são a menoria que acreditam não ter evidências, é facil desprezar um alimento que esta sendo consumindo, fique longe dele por algum tempo e descubra o quanto voce é dependente dele.
    ateu de barriga cheia é um leão desafiador, faminto é um chorão arrependido desesperado por um alimento chamado Deus.

  8. Também estou na expectativa … Veja bem uma coisa, ô seu Barros !
    Se eu não gostar não preciso pagar nada, né ?

  9. Peço desculpas mas não posso perder e oportunidade de comentar um comentário… Caro colega leitor do blog, criaturo, você foi sereno no comentário inicial mas sobre o segundo eu te pergunto:

    1 – “Quando Deus faltar”… Em que ocasiões eles vai nos faltar ? Na visão dos ateus ele falta sempre e é pelas razões já conhecidas. E falta tanto a ateus quanto crentes…

    2 – Mas no seu ( e por causa do ) infinito amor e misericórdia, Deus falta (também) aos que nele creem ?

    3 – Sendo SIM ou NÃO a resposta anterior, responda, porque ?

  10. prezado Fernando

    Em que ocasiões eles vai nos faltar ?

    R: no principio da nossa criação e atualmente a partir do nascimento, ou voce acha que choramos ao nascermos e assim continuamos por toda nossa vida eterna por termos nos aproximado mais de DEUS ?

    Mas no seu ( e por causa do ) infinito amor e misericórdia, Deus falta (também) aos que nele creem ?

    R: As imperfeições das necessidades são comum a crentes e ateus, racionais e irracionais contudo Deus esta sempre presente em todos os lugares, são as pessoas que se afastam da sua perfeição que começam a ter “maiores necessidades”.
    A luz sol brilha para todos, uns se fizeram cegos, outros o mundo as tornaram cegos e outros fecharam deliberadamente seus olhos tentando provar que a “Luz” não existe.

    Estes meus conceitos não muitos de acordo com teologias tradicionais, embora dificieis de serem aceitos são baseados em argumentos racionais

    Se for do seu intereresse e tempo disponivel podera conhece-los na integra em : http://religiaodeuslivre.wordpress.com/2011/06/03/david-hume-x-questiona-perfeicao-divina/

    sds

  11. Cara deus, nao existe , eu digo entao deus esta enfiado dentro do cú de satanas e satanas esta enfiado dentro do cú de deus.
    Então veja eu não sou nem do pseudo-satanas, nem do pseudo-deus, eu seria de quem se blasfemo de satanas e de deus??
    Provando que deus é um delirio louco dentro da mente do crente,
    Digo mais estes crente da atualidade é tudo charlatão desde waldomiro santigao até davi miranda um bando de salafrario bandido e ladrão,
    Claro na mente do crente eu estou em perigo, mais eu digo junta todos estes dai e todos os crente do mundo contra mim ,juro não vai acontecer nada , a unica coisa que vai acontecer é um monte de crente frustrado.

    Eu nem perco tempo de atender estes canalha na minha porta,.seja de qualquer religião.

  12. voce é apenas mais um tradicional ateu de religiões, seus palvrões são totalmente desnecessarios para expressar sua descrença basta argumentar com racionalidade.

  13. Nao sou ateu de religiao, mais vejo os crente como que retardados irracionais, pois a crença em deus ou em deuses mora na irracionalidade.

  14. E aeeeeeeeeee pessoal… tudo tranquilo??
    Fala Barros …. sentiu minha falta hehehehehehe

    Bom… para comemorar meu retorno a este Blog…….. gostaria de começar refutando alguns comentários um tanto quanto agressivos, de alguns companheiros equivocados….

    Caro “Mister” Anderson S. kkkk

    Cara deus, nao existe , eu digo entao deus esta enfiado dentro do cú de satanas e satanas esta enfiado dentro do cú de deus.

    Bom… por estas palavras… percebo que é uma pessoa bem “culta” e de vocabulário bem “rico” … então não perderei meu tempo sobre estes tipos de comentários, que se baseiam apenas em suas opiniões “inteligentes”.

    Então veja eu não sou nem do pseudo-satanas, nem do pseudo-deus, eu seria de quem se blasfemo de satanas e de deus??

    Já sei…. pela suas idéias, vc acha que é resultado do grande mito Naturalista “evolução” não é mesmo ???

    Provando que deus é um delirio louco dentro da mente do crente,
    Digo mais estes crente da atualidade é tudo charlatão desde waldomiro santigao até davi miranda um bando de salafrario bandido e ladrão….

    Opa….. já ví que você se perdeu aqui…… Quem disse que pelas atitudes de alguns charlatões que se utilizam no nome de Deus para satisfazer seus desejos pessoais, é evidência de que Deus é um delírio???

    Onde você consegue provar que Deus não existe????
    Só porque você crê cegamente na lenda naturalista “EVOLUÇÃO”, criado pelo grande contador de histórias, Darwin, sem que haja provas destes mitos ilusórios que ele criou, não significa que pode provar que Deus não existe.

    Claro na mente do crente eu estou em perigo, mais eu digo junta todos estes dai e todos os crente do mundo contra mim ,juro não vai acontecer nada , a unica coisa que vai acontecer é um monte de crente frustrado.

    Vc Jura???? Jura pelo que???? por Deus???? hahahahaha… de que adianta seu juramento se você vive em um mundo de fantasias criado pelo J.R.R.Tolkien…. ops errei…. quis dizer Charles Darwin.

    Quem estão frustrados são os céticos, que não conseguem encaixar as evidências ciêntíficas nas teorias absurdas que eles mesmo inventaram, somente para tentar rejeitar a existência de Deus.

    Eita….. mesmo ficando um tempo longe deste blog, percebi que os argumentos dos ateus não mudaram em nada……
    Só passam de analogias sem sentidos e ofensas……

  15. Anderson S.

    Nao sou ateu de religiao, mais vejo os crente como que retardados irracionais, pois a crença em deus ou em deuses mora na irracionalidade.

    Irracional????? Irracional são as teorias “milagrosas” que vocês acreditam no que não tem base ciêntíficas que as justifique.

    O Naturalismo é o mito mais RIDÍCULO que já vi.
    Mesmo dentro de suas próprias teorias (Criação através do Big Bang, Evolução, etc…)., a existência de um designer (Deus) fica evidênte.

    hahaha que ironico…. uma teoria que tenta negar a existência de Deus acaba por si mesma comprovando sua existência. kkkkkk.

  16. Cristianismo: A crença de que algum Zumbi Judeu pode fazer você viver para sempre se você comer sua carne, beber seu sangue e telepaticamente dizer a ele que o aceita como seu mestre.
    Então ele pode remover uma força maligna de sua alma que é presente na humanidade porque uma mulher feita de uma costela foi convencida por uma cobra falante a comer uma fruta de uma árvore mágica.Faz todo sentido

  17. D&C
    voltou com a corda toda ! heim ?
    sds

  18. Este blog sem o tempero crente é que nem ovo sem sal.

  19. Ovo sem sal é bom também…

  20. Hill, mas ele está certo: os leitores crentes são “a graça” desse blog. Nenhum comentário dos meus leitores ateus me faz rir, pra vc ter uma ideia… rsrsrs

  21. SIM A FUNÇÃO DELES NÃO FAZER GRAÇA E SIM INFLAR O SEU EGO.

  22. Warley

    Então ele pode remover uma força maligna de sua alma que é presente na humanidade porque uma mulher feita de uma costela foi convencida por uma cobra falante a comer uma fruta de uma árvore mágica.

    Pois é Warley…… Então do nada e por nada uma energia X veio a existência DO NADA, se organizando sozinho formando espaço , tempo e matéria. Então do nada e por nada os supostos amontoados de aminoácidos (ácidos monocarbônicos) teriam se agrupadas formando estruturas organizadas (Proteinas) que do nada e por nada formaram estruturas mais organizadas ainda (DNA e RNA), que do nada e por nada formaram estruturas mais organizadas ainda (Células), que do nada e por nada formaram estruturas mais organizadas ainda (procariotes) e mais organizadas (protozoários) e mais organizadas (metazoarios) mesmo com TODAS EVIDÊNCIAS mostrando que tudo parte do organizado para o desorganizado (Leis da termodinâmica) ????.

    Sem contar a lenda do “bilhões e bilhões de anos”, com as evidências provando que a distância da lua neste cenário deria de apenas 15 kilômetros da terra, e os raios solares, também neste cenário deixariam sua temperatura com mais de 150 graus.

    Muito bem… agora faz todo sentido para mim… vou rasgar minha biblia e chamar umas garotas de programa em casa.. hahahahahaha

  23. Vander

    D&C
    voltou com a corda toda ! heim ?

    hehehehe… já cheguei “descendo a botina” kkkkkk

  24. Se Deus existe, ele criou tudo DO NADA, não é mesmo? Só que não há NENHUMA evidência de nenhum deus.

  25. Matar aula dá nisso:
    «TODAS EVIDÊNCIAS mostrando que tudo parte do organizado para o desorganizado (Leis da termodinâmica) ????. »
    Daqui a pouco Deus vai se desintegrar no Caos…

  26. Deus é ciência
    Sinto lhe informar que eu nunca li Charles darwin você poderia me apresenta-lo?
    Ok, você tentou refutar o que eu escrevi, mais você infelizmente vomitou o que você pensa sobre ateismo.
    E nem vou discutir com você, pois igual todo religioso você vive naquele mundinho magico onde deus criou tudo e pronto.
    Parece que a ciencia pra voce é algo bastante desconhecido e nem esta a par do que esta acontecendo.
    Mais me desculpa pra mim vocé é um TROLL. LOL.
    E me diverti com voce tentando refutar as tolice que eu escrevi,

  27. Para o DeC o Nada só faz sentido se houver um deus que com sua inteligencia divina e vontade magica possa ser capaz de criar algo, criar algo do Nada.
    Nessa condição ele aceita a figura conceitual do Nada, mas a desconsidera quando aplicada às teorias científicas.
    Se deus é Tudo, logo o Nada não existe, então o suposto deus teria que criar usando a si mesmo, isso significa que a criação seria uma parte dele mesmo, seria ele mesmo.
    Como um dos atributos alegados para deus é a perfeição, a criação dessa forma teria que ser logicamente perfeita, entretanto segundo os conceitos de perfeição, não é assim que ocorre com o mundo nosso.
    Penso que esse Nada conceituado pela física não é o mesmo que o Nada filosófico, daí tanta confusão e a sensação de coisa ilógica quando se afirma que o universo surgiu do Nada.
    Imagino que o que a ciência queira dizer com isso é que o cenário pré-universo era destituído de toda matéria, radiações, espaço, coisas físicas tais quais as conhecemos e que formam nosso universo corrente, ou seja, não havia NADA do que há hoje. E como não se conseguiu ainda uma teoria consistente que explique esse cenário do Nada material, sem o universo, fica esta lacuna onde os religiosos tentam encaixar um deus segundo cada cultura. A ciência tenta desvendar esse cenário sem dar-lhe atributos super-humanos.

  28. Hill

    Se Deus existe, ele criou tudo DO NADA, não é mesmo? Só que não há NENHUMA evidência de nenhum deus.

    E quem disse que não há evidências de nenhum Deus??? Os naturalistas????? Você está muito enganado Hill. Todas as coisas tem a assinatura de um designer. Até mesmo um de seus “profetas” afirma isso (Dawkins).
    A assinatura é a evidência da existencia de quem o assinou.
    Vai me dizer que você não sabia???

    Matar aula dá nisso. hehehehehe

  29. Anderson S

    Sinto lhe informar que eu nunca li Charles darwin você poderia me apresenta-lo?

    Você não conhece????? mas que sacrilégio!!! hehehehehe. Como pode um seguidor da seita “naturalista” não conhecer o livro do seu principal “profeta”?

    E nem vou discutir com você, pois igual todo religioso você vive naquele mundinho magico onde deus criou tudo e pronto.

    E no que você acredita??? é igual aos céticos vive no mundinho onde do nada e por nada criou algo e pronto?????

    Parece que a ciencia pra voce é algo bastante desconhecido e nem esta a par do que esta acontecendo.

    De que ciência vc está falando???? quem disse que a macrovisão da ciência baseia-se apenas no naturalismo???? a ciência também é Criacionismo, que por sinal eplica muito melhor as evidências do que a coxa de retalhos que é a visão naturalista.

    Aposto que você não sabia que a Macrovisão naturalista foi aceita pela maioria dos ciêntistas apenas por orgulho, embazada em um radicalismo cego na afirmação “Deus não é a resposta”

    Aposto que você não deve estar entendendo nada do que estou falando, não é??

    Andou matando aula junto com o Hill?? hehehehehe

    Mais me desculpa pra mim vocé é um TROLL. LOL.

    Me desculpe mas não fui eu quem falou que algo esta no C* de algo.
    O troll para mim é você. Só retribuí os elogios. hehehehehe

    E me diverti com voce tentando refutar as tolice que eu escrevi,

    Também me diverti em refuta-las. Envie mais tolices para eu me divertir mais. hehehehehe
    Quer uma dica……. diga que somos resultados de uma “sopa de lama” (Põe tolice nisso. hahahahahaha)

  30. Marcio

    Para o DeC o Nada só faz sentido se houver um deus que com sua inteligencia divina e vontade magica possa ser capaz de criar algo, criar algo do Nada.
    Nessa condição ele aceita a figura conceitual do Nada, mas a desconsidera quando aplicada às teorias científicas.

    Eu conheço as teorias ciêntíficas, Marcio. Tanto na Macrovisão Naturalista quanto na Criacionista.
    A ciência não se baseia apenas na macrovisão Naturalista, mas sim também em Criacionista.

    O Nada que me referí não foi o vácuo que conhecemos (vácuo quântico) mas sim o nada que não conhecemos (ex- nihilo)

    Se deus é Tudo, logo o Nada não existe, então o suposto deus teria que criar usando a si mesmo, isso significa que a criação seria uma parte dele mesmo, seria ele mesmo.

    Esta sua equivocada visão baseia-se no panteismo. Deus não é deste mundo ou desta criação (igual muitos o descrevem como um velho barbado em cima das nuvens ou como ele sendo parte de tudo )
    Ele é Imaterial, aespácial, atemporal. Ele não se limita a sua criação (espaço, tempo e matéria)
    Este universo, é apenas uma morada.

    Como um dos atributos alegados para deus é a perfeição, a criação dessa forma teria que ser logicamente perfeita, entretanto segundo os conceitos de perfeição, não é assim que ocorre com o mundo nosso.

    A imperfeição do mundo é justamente a evidência da perfeição de Deus, ao criar o lívre arbítrio ao homem, que por si mesmo decidiu viver de forma imperfeita.

    Se Deus fosse imperfeito, pensando igual aos homens que são imperfeitos, ele faria um parque de diversões onde todas as criaturas fossem perfeitas, eliminando o livre arbítrio.
    O mal não entrou através de Deus, mas sim pelos desejos contrários do homem.
    Este argumento que você utilizou, é um argumento filosófico que já foi refutado por vários filósofos apologéticos (William Lane Craig, por exemplo)

    Penso que esse Nada conceituado pela física não é o mesmo que o Nada filosófico, daí tanta confusão e a sensação de coisa ilógica quando se afirma que o universo surgiu do Nada.

    Então… como citei acima existe dois “nadas”:
    O ciêntífico – Vácuo quantico e o Filosófico – ex-nihilo
    o que me referi foi ao filosófico, ou metafísico, ou sobrenatural (ex-Nihilo)

    E como não se conseguiu ainda uma teoria consistente que explique esse cenário do Nada material, sem o universo, fica esta lacuna onde os religiosos tentam encaixar um deus segundo cada cultura

    As lacunas que você cita, não são da ciência, mas sim na macrovisão Naturalista. Na macrovisão Criacionista, não há lacuna nenhuma.
    Não confundam…. a ciência que estuda as origens (cosmogonia) baseia-se na visão Naturalista e Criacionista. vocês utilizam a visão naturalista como a “VERDADE ABSOLUTA”.
    Não é isso que as evidências mostram.
    A visão naturalista está cada vez mais perdendo força, de acordo com o aumento da tecnologia e com o descobrimento de novas evidências.

    Nada material, sem o universo, fica esta lacuna onde os religiosos tentam encaixar um deus segundo cada cultura. A ciência tenta desvendar esse cenário sem dar-lhe atributos super-humanos.

    Você mais uma vez citou como se a ciência fosse apenas o Naturalismo….. está equivocado nesta afirmação.
    Apenas a ciência naturalista é que tenta dar explicações a tudo apenas por modos naturais (por isso ficou repleto de lacunas).
    A ciência Criacionista aceita e reconhece o designer, por isso não há lacunas.

  31. Hill

    Matar aula dá nisso:
    «TODAS EVIDÊNCIAS mostrando que tudo parte do organizado para o desorganizado (Leis da termodinâmica) ????. »
    Daqui a pouco Deus vai se desintegrar no Caos…

    Este argumento é fruto de uma inocência a respeito do conhecimento da REAL natureza de Deus…..
    Apenas as coisas criadas (Universo) partem do organizado para o desorganizado.
    Deus é Imaterial, Atemporal e Aespacial…. esta regra não se enquadra a ele, pelo contrário, ELE criou esta regra para o universo.

  32. Deus não é deste
    mundo ou desta criação (igual
    muitos o descrevem como um velho
    barbado em cima das nuvens ou
    como ele sendo parte de tudo )
    Ele é Imaterial, aespácial, atemporal.
    Ele não se limita a sua criação
    (espaço, tempo e matéria)
    Este universo, é apenas uma
    morada.

    Que merda é esta cara de onde voce tirou isto,
    Voce é bem o que a gente sabe de religiosos mesmo, são fantasiosos mesmos.

  33. Você não conhece????? mas que
    sacrilégio!!! hehehehehe. Como pode
    um seguidor da seita “naturalista”
    não conhecer o livro do seu principal
    “profeta”?

    Cara que porra é esta de naturalismo, que merda, voce esta delirando camarada falando daquilo que voce acredita e pensa, e que usando estes termos pensa estar atacando de alguma forma os ateu ou o ateismo,

    Deus não existe camarada por mais que voce tenta se desdobrar pra tentar dar a entender a presença de algum deus voce nao consegue, Pois voce é daquele tipo mesmo deus criou tudo e pronto e fica ai conjecturando nestas tuas ideias que por sinal sao muito fálidas.

    Deus não é materia???? É o que então esta porra?
    Ele nasceu do nada , nao é nada e continua sendo nada como voce mesmo disse e deu entender,

  34. Ele é Imaterial[hein], aespácial[o que?], atemporal.[como]

    Kakakakakaka ri muito agora sera de onde que este cara tirou esta porra,
    Os ateu entende muito bem a mente religiosa é um misto de fantasias e delirios um monte de conjecturas para de todos os modo tentar confabular um deus.

  35. Ele é Imaterial[hein], aespácial[o que?], atemporal.[como]

    Ri muito LOL

  36. DeC: “Deus é Imaterial, Atemporal e Aespacial…. esta regra não se enquadra a ele, pelo contrário, ELE criou esta regra para o universo.”

    Prove.

  37. DeC: “Todas as coisas tem a assinatura de um designer. ”

    Mostre que a assinatura é de Javé, Odin, ou de Zeus, ou qualquer deus ESPECÍFICO. Demonstre que a assinatura é autêntica e não falsificada por outro deus estelionatário.

    Ah, “Elohim” é um coletivo de deuses do henoteísmo hebraico. Você também deve ter cópia autenticada em cartório com a assinatura de cada um deles, né?

    Mostre as provas, com a assinatura que IDENTIFICA o/os deus/es ESPECÍFICO/S.

  38. A mente dele funciona assim, ele acredita que o mundo é de certa forma bonito demais ,perfeito demais e portanto ele acredita que existe um alguem por trás de toda a criação, e usa palavras do tipo atemporal imaterial aespecial ,porque estas palavras substancia o que pra ele é deus,tornando assim pra ele seus pensamentos satisfatorios.
    Mesmo não podendo provar que este ser tenha se originado sozinho, adquirido poderes sozinhos , o fato dele poder acreditar e confabular o torna real pra ele, mesmo sendo totalmente improvavel o tal deus, as suas conjecturas o torna substanciavel e acaba semdo totalmente satisfatorio a ele.

  39. Um exemplo ele acredita que tal ser sempre existiu e isto é satisfatorio a ele, ele acredita e pronto.
    Ele nao questiona o nascimento ou surgimento de tal ser, isso é irrelevante a ele.
    E deste ponto é de onde ele conjectura tudo o que ele diz, do ponto cego de que deus existe.

  40. Anderson S.

    Que merda é esta cara de onde voce tirou isto,
    Voce é bem o que a gente sabe de religiosos mesmo, são fantasiosos mesmos

    Se você copnhecesse um pouco de ciência, mesmo que fosse na cosmovisão naturalista…. Tomando pela suposição naturalista do big bang, a única coisa que seria capaz de gerar o universo (matéria, espaço e tempo) seria uma força que ultrapassasse a estes elementos, no caso Imaterial, Aespacial e Atemporal. Teria que ter também uma atitude para efetuar a causa da suposta expansão do universo, para isso teria de ser pessoal.
    Estas caracteristica se referem diretamente ao Designer bíblico

    Sem contar que estou utilizando a própria lógica naturalista (big bang).

    Cara que porra é esta de naturalismo, que merda, voce esta delirando camarada falando daquilo que voce acredita e pensa, e que usando estes termos pensa estar atacando de alguma forma os ateu ou o ateismo.

    Anderson… pelo que estou vendo você não entende nada de história e nem de ciência.
    O Naturalismo e o Criacionismo são duas cosmovisões que explicam a criação do universo.
    Ambos existem até mesmo anos antes de Cristo.
    A Cosmovisão naturalista declara que tudo surgiu do acaso através da geração espontânea. (Agnósticos, Céticos, ateus, Etc…)
    A cosmovisão criacionista declara que tudo foi criado propositalmente, por um designer (todas as religiões em geral)

    É isso….. criacionismo não significa Cristianismo, assim como Nauralismo não significa evolucionismo.

    Deus não existe camarada por mais que voce tenta se desdobrar pra tentar dar a entender a presença de algum deus voce nao consegue

    Você mal conhece sobre as duas cosmovisões (principalmente a que você crê – Naturalista) e ainda quer declarar algo???

    Pois voce é daquele tipo mesmo deus criou tudo e pronto e fica ai conjecturando nestas tuas ideias que por sinal sao muito fálidas.

    Na cosmovisão Criacionista, Deus criou tudo pronto e funcional. não há vácuos ou lacunas refernte a isso, principalmente com as evidências encontradas.
    Na cosmovisão Naturalista, tudo surgiu do acaso por ninguêm. Ela vai contra as evidências e a teoria é cheia de furos.
    Qual cosmovisão é falida afinal???

    Deus não é material???? É o que então esta porra?
    Ele nasceu do nada , nao é nada e continua sendo nada como voce mesmo disse e deu entender

    Estou vendo que se tornou um ateu justamente por não conhecer nada de nada. Típico
    Se você conhecesse pelo menos um pouco, mesmo que fosse do mito do big bang, saberia muito bem o que estou falando.

    Ele é Imaterial[hein], aespácial[o que?], atemporal.[como]

    Kakakakakaka ri muito agora sera de onde que este cara tirou esta porra,
    Os ateu entende muito bem a mente religiosa é um misto de fantasias e delirios um monte de conjecturas para de todos os modo tentar confabular um deus.

    Puxa… com todos os ateus que já debati até agora… você é o mais fraquinho…..
    Você não conhece nem o mito da evolução, pelo qual eu acho que acredita.

    Como vou falar de física quantica com um analfabeto????

    Ele é Imaterial[hein], aespácial[o que?], atemporal.[como]

    Ri muito LOL

    A mil anos atrás, se você comentasse que a terra era redonda… muitos ririam também.
    Eles riam porque não conheciam nada.
    Se você conhecesse algo, entenderia minhas colocações, que por sinal, utilizei das próprias lógicas naturalistas.

    Eu te dou uma dica….. estude um pouco, antes de sair falando “borrachas” por aí. Faça isso para não passar vergonha.

    E ainda dizem que os crentes é que são ignorantes… hehehehehehe

    A mente dele funciona assim, ele acredita que o mundo é de certa forma bonito demais ,perfeito demais e portanto ele acredita que existe um alguem por trás de toda a criação, e usa palavras do tipo atemporal imaterial aespecial ,porque estas palavras substancia o que pra ele é deus,tornando assim pra ele seus pensamentos satisfatorios.

    Eu não utilizei minha imaginação, mas utilizei as lógicas das lendas… ops perdão…. teorias (kkkk) naturalistas que vocês acreditam, incluindo teoria do big bang e evolução.
    Infelizmente pela sua capacidade intelectual, percebo que não consegue acompanhar a própria lógica pelo qual acredita.

    Mesmo não podendo provar que este ser tenha se originado sozinho, adquirido poderes sozinhos , o fato dele poder acreditar e confabular o torna real pra ele, mesmo sendo totalmente improvavel o tal deus, as suas conjecturas o torna substanciavel e acaba semdo totalmente satisfatorio a ele.

    É uma inocência acreditar que a força criadora do universo tenha um início. Apenas o universo (matéria, espaço e tempo) teve um início. Isso é consenso entre os Naturalistas e Criacionistas.
    Como Deus é Imaterial, Aespacial e atemporal, ele não teve um início, sendo então ETERNO.

    Um exemplo ele acredita que tal ser sempre existiu e isto é satisfatorio a ele, ele acredita e pronto.
    Ele nao questiona o nascimento ou surgimento de tal ser, isso é irrelevante a ele.
    E deste ponto é de onde ele conjectura tudo o que ele diz, do ponto cego de que deus existe.

    Affff…. estes comentários são muito infantis….. Se não percebeu, estou utilizando sua propria lógica…..
    Será que temos que começar do B-A-Bá???
    Bom… vamos lá… Não utilizarei minha lógica, mas utilizarei a sua…… me diga … como você acha que o universo teve o início??

  41. Hill

    DeC: “Deus é Imaterial, Atemporal e Aespacial…. esta regra não se enquadra a ele, pelo contrário, ELE criou esta regra para o universo.”

    Prove.

    DeC: “Todas as coisas tem a assinatura de um designer. ”

    Mostre que a assinatura é de Javé, Odin, ou de Zeus, ou qualquer deus ESPECÍFICO. Demonstre que a assinatura é autêntica e não falsificada por outro deus estelionatário.

    Ah, “Elohim” é um coletivo de deuses do henoteísmo hebraico. Você também deve ter cópia autenticada em cartório com a assinatura de cada um deles, né?

    Mostre as provas, com a assinatura que IDENTIFICA o/os deus/es ESPECÍFICO/S.

    Provar o que Hill??? Provar o que já está provado????
    Tudo bem…. mas antes tem uma frase que se enquadra muito bem a sua pergunta:

    “Todas as coisas criadas são as assinaturas de seu criador”

    Vamos lá… seguem algumas provas:

    PROVA 1 – A PROVA DO MOVIMENTO;
    PROVA 2 – A CAUSUALIDADE EFICIENTE;
    PROVA 3 – PROVA DA CONTINGÊNCIA;
    PROVA 4 – DOS GRAUS DE PERFEIÇÃO DOS ENTES;
    PROVA 5 – O GOVERNO DO MUNDO;
    PROVA 6 – O ARGUMENTO COSMOLÓGICO;
    PROVA 7 – A DA LEI MORAL;
    PROVA 8 – O PRIMEIRO SER-VIVO;
    PROVA 9 – O CÉREBRO, O OLHO HUMANO E A COMPLEXIDADE IRREDUTÍVEL;
    PROVA 10 – OS PRINCÍPIOS ANTRÓPICOS.

    Se tiver dúvidas em algumas delas, poderei detalhar melhor.
    É só perguntar, que poderemos debater.

  42. Caro DeC:

    Para o DeC o Nada só faz sentido se houver um deus que com sua inteligencia divina e vontade magica possa ser capaz de criar algo, criar algo do Nada.
    Nessa condição ele aceita a figura conceitual do Nada, mas a desconsidera quando aplicada às teorias científicas.
    (Eu conheço as teorias ciêntíficas, Marcio. Tanto na Macrovisão Naturalista quanto na Criacionista.
    A ciência não se baseia apenas na macrovisão Naturalista, mas sim também em Criacionista.
    O Nada que me referí não foi o vácuo que conhecemos (vácuo quântico) mas sim o nada que não conhecemos (ex- nihilo))

    Respondo:
    A pior coisa que existe em debates como este são as disparidades entre os conceitos de cada debatedor. Entendo eu que o nada absoluto se opõe ao tudo absoluto, se algo tem existência, mesmo que não pudermos entender a sua natureza e propriedades, ele exclui o nada automaticamente. A figura do ex-nihilo(fora do nada) faz-me pensar numa espécie de “bolha” de nada coexistindo com algo, isso contradiz a lógica do nada absoluto, nossa própria existência aqui debatendo já exclui a possibilidade do nada absoluto. Posto isso você deve ajustar a teoria de um algo criador nesse cenário onde havia algo de onde nosso universo se originou.
    Nada pode surgir do nada absoluto, já um algo primordial pode gerar imensas possibilidades.
    ————————————————————————————
    Se deus é Tudo, logo o Nada não existe, então o suposto deus teria que criar usando a si mesmo, isso significa que a criação seria uma parte dele mesmo, seria ele mesmo.
    (Esta sua equivocada visão baseia-se no panteismo. Deus não é deste mundo ou desta criação (igual muitos o descrevem como um velho barbado em cima das nuvens ou como ele sendo parte de tudo )
    Ele é Imaterial, aespácial, atemporal. Ele não se limita a sua criação (espaço, tempo e matéria)
    Este universo, é apenas uma morada.)

    Respondo:
    Não há lógica no que você afirma, o que impede que um sistema gerador use partes de si mesmo para configurar algo com arranjos diferentes, formando um universo com atributos próprios?
    Desde os meus 10 anos eu deixei de crer nessa bobagem de deuses antropomorfos, se nosso mundo foi gerado por algo que antes era a única existência, só faz sentido pensar que o universo surgiu a partir desse algo já que do nada absoluto não se tira nada.
    Na sua concepção de deus, ele deveria ser capaz também de transmutar partes de si mesmo em universos, afinal ele pode tudo né?
    ———————————————————————————–

    Como um dos atributos alegados para deus é a perfeição, a criação dessa forma teria que ser logicamente perfeita, entretanto segundo os conceitos de perfeição, não é assim que ocorre com o mundo nosso.
    (A imperfeição do mundo é justamente a evidência da perfeição de Deus, ao criar o lívre arbítrio ao homem, que por si mesmo decidiu viver de forma imperfeita.
    Se Deus fosse imperfeito, pensando igual aos homens que são imperfeitos, ele faria um parque de diversões onde todas as criaturas fossem perfeitas, eliminando o livre arbítrio.
    O mal não entrou através de Deus, mas sim pelos desejos contrários do homem.
    Este argumento que você utilizou, é um argumento filosófico que já foi refutado por vários filósofos apologéticos (William Lane Craig, por exemplo))

    Respondo:
    O livre arbítrio é uma grande torção mental (pra não dizer desonestidade intelectual) que teólogos filosóficos criaram para poder justificar a imperfeição e maldade presentes na suposta criação de um criador perfeito, como não quiseram abdicar do atributo perfeição para deus, inventaram esta besteira.
    Ainda mais que, se um deus ficasse limitado à perfeição e bondade, ele contradiz o atributo de todo poderoso.
    Como os religiosos citam sempre que deus é a pura bondade e amor, eu citei o fato do universo ser imperfeito segundo esse mesmo entendimento, e é assim independente dos seres humanos e seu suposto livre arbítrio.
    Bondade, maldade, perfeito e imperfeito são só conceitos humanos segundo suas próprias limitações e expectativas, não se aplicam ao universo que é amoral.
    ————————————————————————————-
    Penso que esse Nada conceituado pela física não é o mesmo que o Nada filosófico, daí tanta confusão e a sensação de coisa ilógica quando se afirma que o universo surgiu do Nada.
    (Então… como citei acima existe dois “nadas”:
    O ciêntífico – Vácuo quantico e o Filosófico – ex-nihilo
    o que me referi foi ao filosófico, ou metafísico, ou sobrenatural (ex-Nihilo))

    Respondo:
    Coisa complicada essa com tantos “nadas”, a ciência trata apenas do vácuo e um outro cenário pré universo onde não havia espaço também, mas havia algo que deu origem ao universo, para o qual ha inúmeras teorias que postulam o acaso ou intenção.
    Sobrenatural é coisa vaga demais e pode comportar qualquer teoria mágica, a ciência não pode lidar com isso, ela só pode inferir sobre aquilo que pode ser medido e observado, e isso só ocorre no mundo natural nosso de cada dia.

    ————————————————————————————-
    E como não se conseguiu ainda uma teoria consistente que explique esse cenário do Nada material, sem o universo, fica esta lacuna onde os religiosos tentam encaixar um deus segundo cada cultura
    (As lacunas que você cita, não são da ciência, mas sim na macrovisão Naturalista. Na macrovisão Criacionista, não há lacuna nenhuma.
    Não confundam…. a ciência que estuda as origens (cosmogonia) baseia-se na visão Naturalista e Criacionista. vocês utilizam a visão naturalista como a “VERDADE ABSOLUTA”.
    Não é isso que as evidências mostram.
    A visão naturalista está cada vez mais perdendo força, de acordo com o aumento da tecnologia e com o descobrimento de novas evidências.)

    Respondo:
    Penso que uma visão criacionista pode até ser científica desde que embasada em observações universais e seguindo o método científico, livros sagrados não servem como guia para se produzir ciência, o que eles dizem sobre os atributos de um suposto deus não são evidenciados no mundo.
    Outra coisa, evolução e criacionismo não são auto-excludentes, se o evolucionismo estiver errado não provará o criacionismo e vice-versa, na verdade a evolução das espécies trata apenas da vida na terra, ela não especula sobre a evolução do universo desde o começo, ainda que possa ser uma continuidade ou resultado desta evolução universal, que também poderia ser um meio pelo qual um suposto agente criador se utilizou na geração.
    ———————————————————————————-
    Nada material, sem o universo, fica esta lacuna onde os religiosos tentam encaixar um deus segundo cada cultura. A ciência tenta desvendar esse cenário sem dar-lhe atributos super-humanos.
    (Você mais uma vez citou como se a ciência fosse apenas o Naturalismo….. está equivocado nesta afirmação.
    Apenas a ciência naturalista é que tenta dar explicações a tudo apenas por modos naturais (por isso ficou repleto de lacunas).
    A ciência Criacionista aceita e reconhece o designer, por isso não há lacunas)

    Respondo:
    Só podemos inferir pelos meios naturais, pelas observações e medições, qualquer coisa fora disso é especulação mental baseada em mal entendimentos e vai do gosto de cada cultura e seus mitos.
    Mesmo a hipótese criacionista(para ser considerada séria) deveria se embasar apenas nos fenômenos naturais, portanto, deveria também ficar longe dos cultos aos mitos, como disse antes, coisas sobrenaturais pertencem à um reino um tanto quanto nebuloso, onde qualquer especulação sem lógica cabe nas lacunas

    Abraços e felicidades!

  43. Deus e ciencia
    So lamento, voce patina patina e não sai do mesmo lugar ,usa muitas repetições mais eu até entendo este teu jeito um pseudo-entendido, que tem como base de fundo um ser mitologico e dai todas suas conjecturas.
    Melhora rapaz voce esta muito fraquinho.

  44. uma inocência acreditar que a
    força criadora do universo tenha um
    início. Apenas o universo (matéria,
    espaço e tempo) teve um início. Isso
    é consenso entre os Naturalistas e
    Criacionistas.
    Como Deus é Imaterial, Aespacial e
    atemporal, ele não teve um início,
    sendo então ETERNO.

    Kakakaka eu acho que isto é aquele tipo de coisa eu acredito é assim e pronto, fala serio deus eterno LOL
    Bem se isto consola tua mente siga em frente,

  45. Marcio

    A pior coisa que existe em debates como este são as disparidades entre os conceitos de cada debatedor. Entendo eu que o nada absoluto se opõe ao tudo absoluto, se algo tem existência, mesmo que não pudermos entender a sua natureza e propriedades, ele exclui o nada automaticamente. A figura do ex-nihilo(fora do nada) faz-me pensar numa espécie de “bolha” de nada coexistindo com algo, isso contradiz a lógica do nada absoluto, nossa própria existência aqui debatendo já exclui a possibilidade do nada absoluto. Posto isso você deve ajustar a teoria de um algo criador nesse cenário onde havia algo de onde nosso universo se originou.
    Nada pode surgir do nada absoluto, já um algo primordial pode gerar imensas possibilidades.

    Marcio… por mais filosóficas que esta questão possa parecer, tanto o naturalismo quanto o Criacionismo concordam que o Universo veio do nada.
    Não há outra saída….. mesmo segundo a “lógica” naturalista, a única solução seria o universo vindo do Ex-Nihillo

    Não há lógica no que você afirma, o que impede que um sistema gerador use partes de si mesmo para configurar algo com arranjos diferentes, formando um universo com atributos próprios?

    É engraçado eu te responder… mas o que impede é a própria lógica e razão.
    Então seu argumento é ilógico.

    Se algo ficar parado, e não houver uma causa dele para o movimento…. ele ficará parado por toda eternidade.

    Desde os meus 10 anos eu deixei de crer nessa bobagem de deuses antropomorfos, se nosso mundo foi gerado por algo que antes era a única existência, só faz sentido pensar que o universo surgiu a partir desse algo já que do nada absoluto não se tira nada.
    Na sua concepção de deus, ele deveria ser capaz também de transmutar partes de si mesmo em universos, afinal ele pode tudo né?

    Não. como afirmei acima, o criador transcende a criação.
    Então Deus não tem Matéria, não está prezo a espaço e nem tempo.
    Ele não é parte da criação. ele é além da criação.

    O livre arbítrio é uma grande torção mental (pra não dizer desonestidade intelectual) que teólogos filosóficos criaram para poder justificar a imperfeição e maldade presentes na suposta criação de um criador perfeito, como não quiseram abdicar do atributo perfeição para deus, inventaram esta besteira.
    Ainda mais que, se um deus ficasse limitado à perfeição e bondade, ele contradiz o atributo de todo poderoso.
    Como os religiosos citam sempre que deus é a pura bondade e amor, eu citei o fato do universo ser imperfeito segundo esse mesmo entendimento, e é assim independente dos seres humanos e seu suposto livre arbítrio.
    Bondade, maldade, perfeito e imperfeito são só conceitos humanos segundo suas próprias limitações e expectativas, não se aplicam ao universo que é amoral.

    E o que te faz definir o que é amoral pelos métodos naturais?
    o que te faz definir o que é certo e o que é errado??
    Porque o certo é agradável e o errado é desagradável??
    porque o Bonito é agradável e o Feio é desagradável??

    Quer um exemplo?? porque o incesto é imoral se segundo a lógica naturalista, não tem nada de errado??
    Porque o adultério é errado, se segundo naturalismo é uma simplês manifestação do desejo humano??

    Métodos naturais não se aplicam a estes argumentos.

    Coisa complicada essa com tantos “nadas”, a ciência trata apenas do vácuo e um outro cenário pré universo onde não havia espaço também, mas havia algo que deu origem ao universo, para o qual ha inúmeras teorias que postulam o acaso ou intenção.

    Na verdade estas inúmeras teorias são braços de duas cosmovisões: Naturalismo e Criacionismo

    Sobrenatural é coisa vaga demais e pode comportar qualquer teoria mágica, a ciência não pode lidar com isso, ela só pode inferir sobre aquilo que pode ser medido e observado, e isso só ocorre no mundo natural nosso de cada dia.

    Mais uma vez você está generálizando a ciência como naturalista.
    Na frase “a CIÊNCIA não pode lidar com isso” o correto seria citar “o NATURALISMO não pode lidar com isso”

    Na verdade o naturalismo acredita em uma mágica ainda maior que o criacionismo: “Do nada e por nada tudo se formou”
    A origem da vida através de processos naturais… é muito mais mágico e milagroso do que um Designer por detrás.

    Penso que uma visão criacionista pode até ser científica desde que embasada em observações universais e seguindo o método científico, livros sagrados não servem como guia para se produzir ciência, o que eles dizem sobre os atributos de um suposto deus não são evidenciados no mundo.

    Concordo. Criacionismo não é religião. O criacionismo só indica a presença de um designer através das evidências ciêntíficas (exemplo, as 10 que citei para o Hill logo acima). As religiões só indicam qual Deus é o criador.
    Criacionismo é ciência e Religião é fé.

    Outra coisa, evolução e criacionismo não são auto-excludentes, se o evolucionismo estiver errado não provará o criacionismo e vice-versa

    Aí e já discordo. Ou o Naturalismo ou o Criacionismo está correto.
    Estas duas cosmovisões são propostas totalmente opostas. não há como as duas estarem corretas.

    na verdade a evolução das espécies trata apenas da vida na terra, ela não especula sobre a evolução do universo desde o começo, ainda que possa ser uma continuidade ou resultado desta evolução universal, que também poderia ser um meio pelo qual um suposto agente criador se utilizou na geração.

    A evolução em si é uma teoria naturalista, não contendo evidências empiricas para as afirmações. O que acontece é que muitos, criacionistas, adequaram esta teoria a seus conceitos (evolução dirigida)
    No meu caso… sou um Criacionista Bíblico, não aderindo a esta teoria (evolução)
    Mas existem criacionistas que concordem com ela.

    Só podemos inferir pelos meios naturais, pelas observações e medições, qualquer coisa fora disso é especulação mental baseada em mal entendimentos e vai do gosto de cada cultura e seus mitos.

    Concordo com você. Tudo além de observações naturais (empiricas) não passam de teorias.
    A cosmogonia não passam de teorias, tando na cosmovisão naturalista como a criacionista.
    Não há evidências concretas para as afirmações de ambas.

    Porém… existe um detalhe:
    As teorias Naturalistas, são feitos “a Priori” ou seja… faz-se as teorias e tentam encaixar as evidências nela.
    Já nas teorias Criacionistas, são feitos “A posteriori”, ou seja… verifica-se as evidências e depois se elaboram as teorias.

    Esta é a grande diferênça.

  46. Marcio

    opa… errei a fórmula.. então pstei meus comentários novamente:

    A pior coisa que existe em debates como este são as disparidades entre os conceitos de cada debatedor. Entendo eu que o nada absoluto se opõe ao tudo absoluto, se algo tem existência, mesmo que não pudermos entender a sua natureza e propriedades, ele exclui o nada automaticamente. A figura do ex-nihilo(fora do nada) faz-me pensar numa espécie de “bolha” de nada coexistindo com algo, isso contradiz a lógica do nada absoluto, nossa própria existência aqui debatendo já exclui a possibilidade do nada absoluto. Posto isso você deve ajustar a teoria de um algo criador nesse cenário onde havia algo de onde nosso universo se originou.
    Nada pode surgir do nada absoluto, já um algo primordial pode gerar imensas possibilidades.

    Marcio… por mais filosóficas que esta questão possa parecer, tanto o naturalismo quanto o Criacionismo concordam que o Universo veio do nada.
    Não há outra saída….. mesmo segundo a “lógica” naturalista, a única solução seria o universo vindo do Ex-Nihillo

    Não há lógica no que você afirma, o que impede que um sistema gerador use partes de si mesmo para configurar algo com arranjos diferentes, formando um universo com atributos próprios?

    É engraçado eu te responder… mas o que impede é a própria lógica e razão.
    Então seu argumento é ilógico.

    Se algo ficar parado, e não houver uma causa dele para o movimento…. ele ficará parado por toda eternidade.

    Desde os meus 10 anos eu deixei de crer nessa bobagem de deuses antropomorfos, se nosso mundo foi gerado por algo que antes era a única existência, só faz sentido pensar que o universo surgiu a partir desse algo já que do nada absoluto não se tira nada.
    Na sua concepção de deus, ele deveria ser capaz também de transmutar partes de si mesmo em universos, afinal ele pode tudo né?

    Não. como afirmei acima, o criador transcende a criação.
    Então Deus não tem Matéria, não está prezo a espaço e nem tempo.
    Ele não é parte da criação. ele é além da criação.

    O livre arbítrio é uma grande torção mental (pra não dizer desonestidade intelectual) que teólogos filosóficos criaram para poder justificar a imperfeição e maldade presentes na suposta criação de um criador perfeito, como não quiseram abdicar do atributo perfeição para deus, inventaram esta besteira.
    Ainda mais que, se um deus ficasse limitado à perfeição e bondade, ele contradiz o atributo de todo poderoso.
    Como os religiosos citam sempre que deus é a pura bondade e amor, eu citei o fato do universo ser imperfeito segundo esse mesmo entendimento, e é assim independente dos seres humanos e seu suposto livre arbítrio.
    Bondade, maldade, perfeito e imperfeito são só conceitos humanos segundo suas próprias limitações e expectativas, não se aplicam ao universo que é amoral.

    E o que te faz definir o que é amoral pelos métodos naturais?
    o que te faz definir o que é certo e o que é errado??
    Porque o certo é agradável e o errado é desagradável??
    porque o Bonito é agradável e o Feio é desagradável??

    Quer um exemplo?? porque o incesto é imoral se segundo a lógica naturalista, não tem nada de errado??
    Porque o adultério é errado, se segundo naturalismo é uma simplês manifestação do desejo humano??

    Métodos naturais não se aplicam a estes argumentos.

    Coisa complicada essa com tantos “nadas”, a ciência trata apenas do vácuo e um outro cenário pré universo onde não havia espaço também, mas havia algo que deu origem ao universo, para o qual ha inúmeras teorias que postulam o acaso ou intenção.

    Na verdade estas inúmeras teorias são braços de duas cosmovisões: Naturalismo e Criacionismo

    Sobrenatural é coisa vaga demais e pode comportar qualquer teoria mágica, a ciência não pode lidar com isso, ela só pode inferir sobre aquilo que pode ser medido e observado, e isso só ocorre no mundo natural nosso de cada dia.

    Mais uma vez você está generálizando a ciência como naturalista.
    Na frase “a CIÊNCIA não pode lidar com isso” o correto seria citar “o NATURALISMO não pode lidar com isso”

    Na verdade o naturalismo acredita em uma mágica ainda maior que o criacionismo: “Do nada e por nada tudo se formou”
    A origem da vida através de processos naturais… é muito mais mágico e milagroso do que um Designer por detrás.

    Penso que uma visão criacionista pode até ser científica desde que embasada em observações universais e seguindo o método científico, livros sagrados não servem como guia para se produzir ciência, o que eles dizem sobre os atributos de um suposto deus não são evidenciados no mundo.

    Concordo. Criacionismo não é religião. O criacionismo só indica a presença de um designer através das evidências ciêntíficas (exemplo, as 10 que citei para o Hill logo acima). As religiões só indicam qual Deus é o criador.
    Criacionismo é ciência e Religião é fé.

    Outra coisa, evolução e criacionismo não são auto-excludentes, se o evolucionismo estiver errado não provará o criacionismo e vice-versa

    Aí e já discordo. Ou o Naturalismo ou o Criacionismo está correto.
    Estas duas cosmovisões são propostas totalmente opostas. não há como as duas estarem corretas.

    na verdade a evolução das espécies trata apenas da vida na terra, ela não especula sobre a evolução do universo desde o começo, ainda que possa ser uma continuidade ou resultado desta evolução universal, que também poderia ser um meio pelo qual um suposto agente criador se utilizou na geração.

    A evolução em si é uma teoria naturalista, não contendo evidências empiricas para as afirmações. O que acontece é que muitos, criacionistas, adequaram esta teoria a seus conceitos (evolução dirigida)
    No meu caso… sou um Criacionista Bíblico, não aderindo a esta teoria (evolução)
    Mas existem criacionistas que concordem com ela.

    Só podemos inferir pelos meios naturais, pelas observações e medições, qualquer coisa fora disso é especulação mental baseada em mal entendimentos e vai do gosto de cada cultura e seus mitos.

    Concordo com você. Tudo além de observações naturais (empiricas) não passam de teorias.
    A cosmogonia não passam de teorias, tando na cosmovisão naturalista como a criacionista.
    Não há evidências concretas para as afirmações de ambas.

    Porém… existe um detalhe:
    As teorias Naturalistas, são feitos “a Priori” ou seja… faz-se as teorias e tentam encaixar as evidências nela.
    Já nas teorias Criacionistas, são feitos “A posteriori”, ou seja… verifica-se as evidências e depois se elaboram as teorias.

    Esta é a grande diferênça.

  47. PROVA 1 – A PROVA DO MOVIMENTO;
    PROVA 2 – A CAUSUALIDADE EFICIENTE;
    PROVA 3 – PROVA DA CONTINGÊNCIA;
    PROVA 4 – DOS GRAUS DE PERFEIÇÃO DOS ENTES;
    PROVA 5 – O GOVERNO DO MUNDO;
    PROVA 6 – O ARGUMENTO COSMOLÓGICO;
    PROVA 7 – A DA LEI MORAL;
    PROVA 8 – O PRIMEIRO SER-VIVO;
    PROVA 9 – O CÉREBRO, O OLHO HUMANO E A COMPLEXIDADE IRREDUTÍVEL;
    PROVA 10 – OS PRINCÍPIOS ANTRÓPICOS.

    Onde está escrito “Javé”, “Shiva” ou “Bumba” nas “provas” acima? Em lugar nenhum.

    REPROVADO.

  48. DeC:

    (Marcio… por mais filosóficas que esta questão possa parecer, tanto o naturalismo quanto o Criacionismo concordam que o Universo veio do nada.
    Não há outra saída….. mesmo segundo a “lógica” naturalista, a única solução seria o universo vindo do Ex-Nihillo)

    Respondo:
    Você não entendeu meu ponto, o NADA ao qual a ciência formal se refere é um cenário vazio de matéria, radiação, espaço e tempo tal qual ele se apresenta no universo, não seria o NADA ABSOLUTO, pois esse não “existe” e nunca “existiu”, se é que se pode dizer assim. Havia ALGO sobre o qual ainda nada se sabe que por ação do acaso ou intenção própria produziu a matéria, radiação, tempo e espaço que compõe o universo atual. É assim que entendo.

    ————————————————————————————

    Não há lógica no que você afirma, o que impede que um sistema gerador use partes de si mesmo para configurar algo com arranjos diferentes, formando um universo com atributos próprios?
    (É engraçado eu te responder… mas o que impede é a própria lógica e razão.
    Então seu argumento é ilógico.
    Se algo ficar parado, e não houver uma causa dele para o movimento…. ele ficará parado por toda eternidade.)

    Respondo:
    Tal sistema continha em si todo movimento e energia potencial para se gerar um universo com a configuração atual. Não seria assim por dizer algo “parado”, mas um mar de possibilidades por vir. Seria o seu próprio motor.

    ——————————————————————————
    (Mais uma vez você está generálizando a ciência como naturalista.
    Na frase “a CIÊNCIA não pode lidar com isso” o correto seria citar “o NATURALISMO não pode lidar com isso”
    Na verdade o naturalismo acredita em uma mágica ainda maior que o criacionismo: “Do nada e por nada tudo se formou”
    A origem da vida através de processos naturais… é muito mais mágico e milagroso do que um Designer por detrás.)

    Respondo:
    De novo penso que você não entendeu o conceito do nada naturalista, de novo lhe digo que ele se refere apenas ao nada material visto que o nada absoluto é uma impossibilidade.
    Havia algo dinâmico que gerou por acaso ou intenção própria o universo com tudo que há nele a partir de si mesmo.
    ————————————————————————————

    (Concordo. Criacionismo não é religião. O criacionismo só indica a presença de um designer através das evidências ciêntíficas (exemplo, as 10 que citei para o Hill logo acima). As religiões só indicam qual Deus é o criador.
    Criacionismo é ciência e Religião é fé.)

    Respondo:
    Pois penso que um criacionismo cientifico conseguiria ser realmente cientifico se apartasse das bobagens misticas de qualquer religião.
    ————————————————————————————
    Outra coisa, evolução e criacionismo não são auto-excludentes, se o evolucionismo estiver errado não provará o criacionismo e vice-versa
    (Aí e já discordo. Ou o Naturalismo ou o Criacionismo está correto.
    Estas duas cosmovisões são propostas totalmente opostas. não há como as duas estarem corretas.)

    Respondo:
    Uma evolução poderia ser um processo derivado de uma criação inicial ou do acaso.
    Ela funcionaria tanto num caso como no outro.
    ———————————————————————————–

    (A evolução em si é uma teoria naturalista, não contendo evidências empiricas para as afirmações. O que acontece é que muitos, criacionistas, adequaram esta teoria a seus conceitos (evolução dirigida)
    No meu caso… sou um Criacionista Bíblico, não aderindo a esta teoria (evolução)
    Mas existem criacionistas que concordem com ela.)

    Respondo:
    Por que o mito da criação judáico seria o mais correto do que outros mitos? Se tu tivesse nascido em outra cultura provavelmente creria numa forma de criação diferente.
    Por isso que eu acho logicamente correto desconsiderar os mitos e procurar por evidencias naturais que são universais, se o mundo natural é fruto de um criador as evidencias disso só podem ser encontradas nele(mundo) e não em delírios mirabolantes de povos antigos que não tinham os recursos tecnológicos atuais.

    ————————————————————————————

    (Concordo com você. Tudo além de observações naturais (empiricas) não passam de teorias.
    A cosmogonia não passam de teorias, tando na cosmovisão naturalista como a criacionista.
    Não há evidências concretas para as afirmações de ambas.
    Porém… existe um detalhe:
    As teorias Naturalistas, são feitos “a Priori” ou seja… faz-se as teorias e tentam encaixar as evidências nela.
    Já nas teorias Criacionistas, são feitos “A posteriori”, ou seja… verifica-se as evidências e depois se elaboram as teorias.
    Esta é a grande diferênça.)

    Respondo:
    Estranho você afirmar isso, pois o método cientifico exige que à partir dos dados coletados se formulem as teorias de tal forma que seus postulados possam ser aferidos e confirmados por qualquer pesquisador.
    Pode-se até extrapolar posteriormente usando a matemática como ferramenta, sendo requerido depois uma confirmação com experimentos e/ou obtenção de mais dados assim que o avanço tecnológico permitir.
    Já o criacionismo bíblico que você defende parte de afirmações teóricas baseadas em crenças de um povo antigo, que por sinal nada tem a ver conosco atualmente.
    Me parece justamente o contrário do que o método científico e a lógica apregoam, criacionistas bíblicos partem de pressupostos misticos e depois tentam encaixar supostas evidencias que possam comprovar tais mitos.

    Abraços!

  49. Hill

    Onde está escrito “Javé”, “Shiva” ou “Bumba” nas “provas” acima? Em lugar nenhum.

    REPROVADO.

    onde está a evidência ou argumento que o “Nada” e por nada foi capaz de criar tudo isso?? Não existe.

    DESQUALIFICADO (nem chegou a ser reprovado, pois não existe nenhum argumento para se reprovar. hahahahaha)

  50. Marcio

    Você não entendeu meu ponto, o NADA ao qual a ciência formal se refere é um cenário vazio de matéria, radiação, espaço e tempo tal qual ele se apresenta no universo, não seria o NADA ABSOLUTO, pois esse não “existe” e nunca “existiu”, se é que se pode dizer assim. Havia ALGO sobre o qual ainda nada se sabe que por ação do acaso ou intenção própria produziu a matéria, radiação, tempo e espaço que compõe o universo atual. É assim que entendo.

    Então Marcio…… eu entendi sim… O náda da ciência formal é o vácuo quantico (energia), e a matéria é o resultado das flutuações deste vácuo.

    O ex-nihillo é uma TEORIA utilizada pela maioria dos Naturalistas (e até por alguns Criacionistas)

    O Vácuo Quantico é uma evidência Empírica (eu acho kkk) e o Ex-Nihillo é apenas uma teoria.

    Na Cosmovisão Naturalista, não se há resposta de onde veio o “Nada” ciêntífico (Vácuo Quantico). porém na Cosmovisão criacionista existe a resposta.

    Tal sistema continha em si todo movimento e energia potencial para se gerar um universo com a configuração atual. Não seria assim por dizer algo “parado”, mas um mar de possibilidades por vir. Seria o seu próprio motor.

    Sim, em partes eu concordo com você…… Porém existe um questão primordial: “O que gerou a primeira causa do movimento?”
    Se os movimentos da energia fossem eternos… porque não somos energia hoje??

    De novo penso que você não entendeu o conceito do nada naturalista, de novo lhe digo que ele se refere apenas ao nada material visto que o nada absoluto é uma impossibilidade.
    Havia algo dinâmico que gerou por acaso ou intenção própria o universo com tudo que há nele a partir de si mesmo.

    Eu entendi… é que as vezes não consigo me expressar….
    Mas esta questão que você abordou, entra naquela que citei na pergunta acima.
    Se a energia sempre existiu… Qual fou a primeira causa que levou ela a expandir???

    Pois penso que um criacionismo cientifico conseguiria ser realmente cientifico se apartasse das bobagens misticas de qualquer religião.

    A religião é uma teoria como qualquer outra.
    Na área da cosmogonia, tanto o criacionismo como o naturalismo são fundamentadas em teorias.
    O fato da massa ciêntífica aderir o Naturalismo como regra, não quer dizer que o naturalismo é correto.
    não há evidências empiricas para se comprovar que o naturalismo é correto.

    Mas, com o fundamentalismo radical que os ciêntistas naturalistas adotam: “Deus não é a Resposta” ou “é patético crer em Deus” , para mim, ela também é considerada uma “religião”.
    A única diferênça é que não se ora/reza para niguêm.

    Quando naturalistas citam o termo “bobagens místicas” sobre a bíblia ou outros livros, os criacionistas citam ‘bobagens ilógicas” sobre as teorias naturalistas.

    Neste sentido, para mim, não há diferênças entre naturalismo e criacionismo, os dois são crenças do mesmo jeito.

    Uma evolução poderia ser um processo derivado de uma criação inicial ou do acaso. Ela funcionaria tanto num caso como no outro.

    bom… se enchergarmos apenas um braço da macrovisão naturalista, no caso a Evolução… eu concordo que ela entre em algum braço da cosmovisão criacionista. (Como a evolução dirigida)

    Porém a evolução, é apenas um “braço” criado pelos naturalistas, que foram adaptados por alguns braços dos criacionistas. Mas isso não significa que Evolucionistas e Naturalistas são equivalentes.
    O Evolucionismo veio do Naturalismo (tem pessoas que acabam confundindo)
    Então a base do Naturalismo é: Não existe um designer, e a base do criacionismo é: um designer existe.
    Ou o designer existe, ou não existe. Não tem como haver “meio” Designer.

    Por isso que eu disse que as duas não podem estar corretas.
    Me referí a cosmovisão e não a teoria em si. (evolucionista)

    Por que o mito da criação judáico seria o mais correto do que outros mitos? Se tu tivesse nascido em outra cultura provavelmente creria numa forma de criação diferente.

    Então… é nesta parte que muitas pessoas generalizam o criacionismo com religião.
    O fato de crer em um Deus hebreu ou egipcio, vai da fé de cada um.
    A Cosmovisão Criacionista não estuda religiões.
    Ela estuda a presença de um Designer (criador) do universo. Nada mais.

    Por isso que eu acho logicamente correto desconsiderar os mitos e procurar por evidencias naturais que são universais

    Mas é exatamente isso que o Criacionismo faz. Ele analisa as evidências FISICAS e chega um veredicto.
    O que o Criacionismo defende é que um criador para o universo existe. agora a questão de qual criador é…. vai da fé de cada um.

    Se o mundo natural é fruto de um criador as evidencias disso só podem ser encontradas nele(mundo)

    Mas isso ficou claro. as evidências do criador só é visível através das coisas criadas. um exemplo: imagine que você esta caminhando em uma mata e derrepente encontra um elefante esculpido e pintado sobre uma rocha. o que você deduz? logicamente se deduz que alguem esculpiu e pintou. Se deduz que o vento e as circunstâncias naturais seriam incapaz de criar um animal com tantos detalhes e cores diferêntes.
    O Criacionismo é isso. todas as evidências são analisadas e depois chegam ao veredicto.
    O Criacionismo é “A Posteriori” desde o início.
    Os antigos analizavam a criação e os detalhes e tentavam descobrir qual deus Criou tudo.

    não em delírios mirabolantes de povos antigos que não tinham os recursos tecnológicos atuais.

    Assim como os naturalistas possuem suas teorias (big bang, evolução, geração espontânia, etc…) os criacionistas também tem suas teorias (Jeová, Jesus, Zeus, Rá, etc..)
    Nenhuma teoria tem evidências empiricas, necessitando o uso da “Fé” para acreditar nelas.
    Agora me diga… não seria arrogância dos nauralistas chamarem as teorias dos criacionistas como delírios mirabolantes???
    Pois na visão criacionista, os naturalistas acreditarem que as coisas, na complexidade que é, formaram-se sozinhas, são delirios mirabolantes.

    Estranho você afirmar isso, pois o método cientifico exige que à partir dos dados coletados se formulem as teorias de tal forma que seus postulados possam ser aferidos e confirmados por qualquer pesquisador.

    Na área da Cosmogonia, em teoria, esta seria a atitude correta. Mas na prática não é o que acontece.
    Quem um exemplo: Quais são as evidências empiricas para a teoria da evolução???
    Quais são as evidências empiricas para a teoria do Big Bang?

    Se você perceber, não há evidências empiricas.
    O que existe, são teorias.
    o mesmo acontece com o Criacionismo.

    Afirmar “Não há Criador” não há evidências para esta afirmação.
    Já afirmar “Há um criador” todas evidências indicam isso.
    (não estou falando de qual Deus, mas sim a presença de um designer)

    Pode-se até extrapolar posteriormente usando a matemática como ferramenta, sendo requerido depois uma confirmação com experimentos e/ou obtenção de mais dados assim que o avanço tecnológico permitir.

    Concordo… mas na maioria dos casos, trastando-se de cosmogonia naturalista, nenhuma ferramente conseguiu provar empiricamente as teorias.

    Já o criacionismo bíblico que você defende parte de afirmações teóricas baseadas em crenças de um povo antigo, que por sinal nada tem a ver conosco atualmente.

    Eu discordo. Todas as citações bíblicas, podem ser comprovadas ciêntíficamente. Até em citações do antigo testamento, feito em média 4000 anos atrás, estavam avante da ciência na época. (Bactérias, Gravidade, Terra redonda, etc…)

    Me parece justamente o contrário do que o método científico e a lógica apregoam,

    Nesta eu tam,bém não concordo. Onde os métodos e a lógica apregoam que não existe um Designer?
    Onde os métodos ciêntíficos refutam a existência do designer?

    Se analisar as evidências e a ciência só reforça a existência dele, e a medida que avança, ganha-se mais força (DNA, Complexibilidade irredutível, termodinâmica, Princípios Antrópicos, etc….)

    criacionistas bíblicos partem de pressupostos misticos e depois tentam encaixar supostas evidencias que possam comprovar tais mitos.

    Bom.. esta é sua visão. Na minha visão os naturalistas evolucionistas partem de pressupostos absurdos, ilógicos e aindam tentam forçar o ensino nas escolas, destas teorias sem evidências empiricas, como se fossem “Verdades Absolutas”.
    Já fizeram isso no passado (Terra plana), porém com o aumento do conhecimento, foi refutado.

    Hoje vejo que teorias como geração espontânia, a “inerrância” do Carbono 14 e outros modelos de datação, evolução, e muitas outras teorias naturalistas estão se ruindo com o avanço da ciência. Ao passo que a bíblia tem se mantido inteira a mais de 4000 anos.
    Mas vamos ver.. somente o tempo dirá…

    Um abraço.

  51. Marcio

    Você não entendeu meu ponto, o NADA ao qual a ciência formal se refere é um cenário vazio de matéria, radiação, espaço e tempo tal qual ele se apresenta no universo, não seria o NADA ABSOLUTO, pois esse não “existe” e nunca “existiu”, se é que se pode dizer assim. Havia ALGO sobre o qual ainda nada se sabe que por ação do acaso ou intenção própria produziu a matéria, radiação, tempo e espaço que compõe o universo atual. É assim que entendo.

    Então Marcio…… eu entendi sim… O náda da ciência formal é o vácuo quantico (energia), e a matéria é o resultado das flutuações deste vácuo.

    O ex-nihillo é uma TEORIA utilizada pela maioria dos Naturalistas (e até por alguns Criacionistas)

    O Vácuo Quantico é uma evidência Empírica (eu acho kkk) e o Ex-Nihillo é apenas uma teoria.

    Na Cosmovisão Naturalista, não se há resposta de onde veio o “Nada” ciêntífico (Vácuo Quantico). porém na Cosmovisão criacionista existe a resposta.

    Tal sistema continha em si todo movimento e energia potencial para se gerar um universo com a configuração atual. Não seria assim por dizer algo “parado”, mas um mar de possibilidades por vir. Seria o seu próprio motor.

    Sim, em partes eu concordo com você…… Porém existe um questão primordial: “O que gerou a primeira causa do movimento?”
    Se os movimentos da energia fossem eternos… porque não somos energia hoje??

    De novo penso que você não entendeu o conceito do nada naturalista, de novo lhe digo que ele se refere apenas ao nada material visto que o nada absoluto é uma impossibilidade.
    Havia algo dinâmico que gerou por acaso ou intenção própria o universo com tudo que há nele a partir de si mesmo.

    Eu entendi… é que as vezes não consigo me expressar….
    Mas esta questão que você abordou, entra naquela que citei na pergunta acima.
    Se a energia sempre existiu… Qual fou a primeira causa que levou ela a expandir???

    Pois penso que um criacionismo cientifico conseguiria ser realmente cientifico se apartasse das bobagens misticas de qualquer religião.

    A religião é uma teoria como qualquer outra.
    Na área da cosmogonia, tanto o criacionismo como o naturalismo são fundamentadas em teorias.
    O fato da massa ciêntífica aderir o Naturalismo como regra, não quer dizer que o naturalismo é correto.
    não há evidências empiricas para se comprovar que o naturalismo é correto.

    Mas, com o fundamentalismo radical que os ciêntistas naturalistas adotam: “Deus não é a Resposta” ou “é patético crer em Deus” , para mim, ela também é considerada uma “religião”.
    A única diferênça é que não se ora/reza para niguêm.

    Quando naturalistas citam o termo “bobagens místicas” sobre a bíblia ou outros livros, os criacionistas citam ‘bobagens ilógicas” sobre as teorias naturalistas.

    Neste sentido, para mim, não há diferênças entre naturalismo e criacionismo, os dois são crenças do mesmo jeito.

    Uma evolução poderia ser um processo derivado de uma criação inicial ou do acaso. Ela funcionaria tanto num caso como no outro.

    bom… se enchergarmos apenas um braço da macrovisão naturalista, no caso a Evolução… eu concordo que ela entre em algum braço da cosmovisão criacionista. (Como a evolução dirigida)

    Porém a evolução, é apenas um “braço” criado pelos naturalistas, que foram adaptados por alguns braços dos criacionistas. Mas isso não significa que Evolucionistas e Naturalistas são equivalentes.
    O Evolucionismo veio do Naturalismo (tem pessoas que acabam confundindo)
    Então a base do Naturalismo é: Não existe um designer, e a base do criacionismo é: um designer existe.
    Ou o designer existe, ou não existe. Não tem como haver “meio” Designer.

    Por isso que eu disse que as duas não podem estar corretas.
    Me referí a cosmovisão e não a teoria em si. (evolucionista)

    Por que o mito da criação judáico seria o mais correto do que outros mitos? Se tu tivesse nascido em outra cultura provavelmente creria numa forma de criação diferente.

    Então… é nesta parte que muitas pessoas generalizam o criacionismo com religião.
    O fato de crer em um Deus hebreu ou egipcio, vai da fé de cada um.
    A Cosmovisão Criacionista não estuda religiões.
    Ela estuda a presença de um Designer (criador) do universo. Nada mais.

    Por isso que eu acho logicamente correto desconsiderar os mitos e procurar por evidencias naturais que são universais

    Mas é exatamente isso que o Criacionismo faz. Ele analisa as evidências FISICAS e chega um veredicto.
    O que o Criacionismo defende é que um criador para o universo existe. agora a questão de qual criador é…. vai da fé de cada um.

    Se o mundo natural é fruto de um criador as evidencias disso só podem ser encontradas nele(mundo)

    Mas isso ficou claro. as evidências do criador só é visível através das coisas criadas. um exemplo: imagine que você esta caminhando em uma mata e derrepente encontra um elefante esculpido e pintado sobre uma rocha. o que você deduz? logicamente se deduz que alguem esculpiu e pintou. Se deduz que o vento e as circunstâncias naturais seriam incapaz de criar um animal com tantos detalhes e cores diferêntes.
    O Criacionismo é isso. todas as evidências são analisadas e depois chegam ao veredicto.
    O Criacionismo é “A Posteriori” desde o início.
    Os antigos analizavam a criação e os detalhes e tentavam descobrir qual deus Criou tudo.

    não em delírios mirabolantes de povos antigos que não tinham os recursos tecnológicos atuais.

    Assim como os naturalistas possuem suas teorias (big bang, evolução, geração espontânia, etc…) os criacionistas também tem suas teorias (Jeová, Jesus, Zeus, Rá, etc..)
    Nenhuma teoria tem evidências empiricas, necessitando o uso da “Fé” para acreditar nelas.
    Agora me diga… não seria arrogância dos nauralistas chamarem as teorias dos criacionistas como delírios mirabolantes???
    Pois na visão criacionista, os naturalistas acreditarem que as coisas, na complexidade que é, formaram-se sozinhas, são delirios mirabolantes.

    Estranho você afirmar isso, pois o método cientifico exige que à partir dos dados coletados se formulem as teorias de tal forma que seus postulados possam ser aferidos e confirmados por qualquer pesquisador.

    Na área da Cosmogonia, em teoria, esta seria a atitude correta. Mas na prática não é o que acontece.
    Quem um exemplo: Quais são as evidências empiricas para a teoria da evolução???
    Quais são as evidências empiricas para a teoria do Big Bang?

    Se você perceber, não há evidências empiricas.
    O que existe, são teorias.
    o mesmo acontece com o Criacionismo.

    Afirmar “Não há Criador” não há evidências para esta afirmação.
    Já afirmar “Há um criador” todas evidências indicam isso.
    (não estou falando de qual Deus, mas sim a presença de um designer)

    Pode-se até extrapolar posteriormente usando a matemática como ferramenta, sendo requerido depois uma confirmação com experimentos e/ou obtenção de mais dados assim que o avanço tecnológico permitir.

    Concordo… mas na maioria dos casos, trastando-se de cosmogonia naturalista, nenhuma ferramente conseguiu provar empiricamente as teorias.

    Já o criacionismo bíblico que você defende parte de afirmações teóricas baseadas em crenças de um povo antigo, que por sinal nada tem a ver conosco atualmente.

    Eu discordo. Todas as citações bíblicas, podem ser comprovadas ciêntíficamente. Até em citações do antigo testamento, feito em média 4000 anos atrás, estavam avante da ciência na época. (Bactérias, Gravidade, Terra redonda, etc…)

    Me parece justamente o contrário do que o método científico e a lógica apregoam,

    Nesta eu tam,bém não concordo. Onde os métodos e a lógica apregoam que não existe um Designer?
    Onde os métodos ciêntíficos refutam a existência do designer?

    Se analisar as evidências e a ciência só reforça a existência dele, e a medida que avança, ganha-se mais força (DNA, Complexibilidade irredutível, termodinâmica, Princípios Antrópicos, etc….)

    criacionistas bíblicos partem de pressupostos misticos e depois tentam encaixar supostas evidencias que possam comprovar tais mitos.

    Bom.. esta é sua visão. Na minha visão os naturalistas evolucionistas partem de pressupostos absurdos, ilógicos e aindam tentam forçar o ensino nas escolas, destas teorias sem evidências empiricas, como se fossem “Verdades Absolutas”.
    Já fizeram isso no passado (Terra plana), porém com o aumento do conhecimento, foi refutado.

    Hoje vejo que teorias como geração espontânia, a “inerrância” do Carbono 14 e outros modelos de datação, evolução, e muitas outras teorias naturalistas estão se ruindo com o avanço da ciência. Ao passo que a bíblia tem se mantido inteira a mais de 4000 anos.
    Mas vamos ver.. somente o tempo dirá…

    Um abraço.

  52. Deus e ciencia

    Vou resumir tudo que voce tentou dizer em pouquissimas palavras fica olhando voce disse:

    Deus criou tudo e pronto Fim.

  53. saída adotada pelos criacionistas
    foi tentar ensinar o criacionismo e a
    Evolução juntos, como se tivessem a
    mesma importância dentro da
    ciência. Nascia aí o termo
    “Criacionismo Científico”. O caso foi
    novamente à justiça, em 1982, no
    Estado de Arkansas e, em 1987, na
    Suprema Corte dos Estados Unidos.
    Nesse segundo julgamento, uma
    carta, assinada por 71 ganhadores
    do Prêmio Nobel, 17 academias
    estaduais de ciências e outras 7
    associações científicas, foi entregue
    aos juízes afirmando que o
    criacionismo não possuía nenhuma
    qualidade científica e era composta
    de diversos elementos religiosos.
    Assim, o criacionismo foi banido do
    currículo de ciências nos Estados
    Unidos.
    O resultado desse julgamento
    obrigou uma mudança de estratégia
    por parte dos criacionistas: já que
    não podiam ensinar o criacionismo,
    eles passaram a atacar o
    evolucionismo e rebatizaram o
    Criacionismo para Design
    Inteligente, diferenciando-os apenas
    pelo detalhe de não nomear deuses
    como a inteligência responsável pelo
    design.
    No distrito de Dover, na Pensilvânia,
    dois membros do conselho de
    educação, que por acaso também
    eram criacionistas da Terra Jovem,
    conseguiram convencer a maior
    parte do conselho que era
    inadmissível que um livro dissesse
    que o homem descende dos
    macacos, não havendo nada para
    contrabalancear essa hipótese. Desta
    forma decidiu-se que o Design
    Inteligente deveria ser ensinado
    para os estudantes.
    Tammy Kitzmiller, mãe de um
    aluno, decidiu levar o caso à justiça,
    e argumentou o óbvio, que o Design
    Inteligente era apenas mais uma
    roupagem para o velho
    criacionismo. Os defensores
    convocaram, como testemunha,
    diversos especialistas. O primeiro
    deles foi Michael Behe, bioquímico e
    autor do famoso livro A Caixa Preta
    de Darwin, um dos marcos do Design
    Inteligente.
    Em seu depoimento, Behe, sob
    juramento, assumiu não haver
    qualquer artigo revisado por pares
    que suporte o design inteligente.
    Além disso, assumiu que pelo
    conceito de teoria científica que o
    Design Inteligente se encaixava, a
    astrologia também poderia ser
    considerada como cientificamente
    válida. O juiz concluiu, desta forma,
    que o ensino do Design Inteligente
    era inconstitucional e assim, não
    mais poderia ser ensinado nas
    escolas.
    Os criacionistas, para não caírem no
    ostracismo, reuniram esforços na
    difícil tarefa de embasar
    cientificamente suas afirmações e,
    para isso, procuram aumentar o
    número de crentes cientistas
    pagando altos prêmios, investindo
    em “pesquisas” e criando
    universidades. Felizmente, desde
    1925, a justiça têm sido coerente
    colocando o criacionismo em seu
    lugar de direito: junto das doutrinas
    religiosas.

  54. […] Teste seus amigos cr… on #6 Deus quer a nossa salv…Teste seus amigos cr… on #5 Deus é perfeito?Teste seus amigos cr… on #4 Deus […]

  55. […] #1 Você ama Deus? … on Teste seus amigos crentes…Teste seus amigos cr… on #6 Deus quer a nossa salv…Teste seus amigos cr… […]

  56. […] #2 Você acredita que… on Teste seus amigos crentes…#1 Você ama Deus? … on Teste seus amigos crentes…Teste seus amigos cr… on #6 […]

  57. […] #3 A Bíblia foi insp… on Teste seus amigos crentes…#2 Você acredita que… on Teste seus amigos crentes…#1 Você ama Deus? … on […]

  58. […] #4 Deus é todo-poder… on Teste seus amigos crentes…#3 A Bíblia foi insp… on Teste seus amigos crentes…#2 Você acredita que… on […]

  59. […] #5 Deus é perfeito? … on Teste seus amigos crentes…#4 Deus é todo-poder… on Teste seus amigos crentes…#3 A Bíblia foi insp… on […]

  60. […] geralmente, costumo ser bem educado, mas, quando o assunto é religião, eu me obrigo a aplicar o método que eu mesmo inventei para tratar com esses sonâmbulos, e ele, o método, não é muito […]

  61. […] & Ciência on O homem que colecionava f…Cristãogimento: cons… on Teste seus amigos crentes 4 (p…alfredobernacchi70an… on Uma Ateia “Ensinando…Cristiano on O homem que […]

  62. Eu só queria UMA, UMA PROVA da existência de qualquer alegação sobre algo: seja força superior, seja espirito, seja designer inteligente, seja alma, seja algo sobrenatural….

    Infelizmente, a nossa tecnologia em nossa época ainda não consegue comprovar nada disso, nos restando apenas confiar nos que tem fé que tudo isso existe.

    E quando eu quero uma prova é pelo método cientifico, a única coisa que da pra confiar. Fora isso, o resto é apenas charlatanismo, teorias de conspiração e crença, coisas que para a maioria das pessoas inteligentes não comprova nada.

  63. Quero, apenas, expressar o meu, sincero, lamento por existirem pessoas possuídas por um vazio, extremo, de consciência; ou por definição mais certa; inundadas de inconsciência. Os satânicos ou seguidores do mal detêm uma réstia de que o Cristo existe, o Caminho da Luz e o Senhor Deus existe de facto. Declaram-se contra o Senhor Deus porque O consideram “opressor”; eles (satânicos) preferem a libertinagem maléfica. Quem estudar e investigar bem (pode levar anos), encontrará com certeza, documentos devidamente reconhecidos ou não (canónicos ou apócrifos), que mesmo, sendo estes, escritos ou relatados por lunáticos, videntes, alquimistas, profetas, todos transmitem uma mensagem. Apenas temos que seleccionar o lado BEM ou MAL e então, apelando à sensatez, reconhecer o conteúdo da mensagem, porque ela, a mensagem, nunca nos é exposta na forma literal. E porquê? Porque existem dois caminhos; logo, dessa mensagem irão emergir, pelo menos duas interpretações: uma interpretação estará no caminho do Senhor Deus, outra indicará o caminho oposto. Só assim cada um selecciona o seu caminho e provavelmente o seu destino final. A CONSCIÊNCIA é formada por todos, os nossos, sentimentos. E são estes que tudo decidem na nossa vida: dar uma bofetada a alguém, e depois sofrer amargamente por o ter feito, ainda que, supostamente, fosse necessário, não é o mesmo que dar uma bofetada a alguém e em seguida vangloriar-se pelo que fez. São com toda a certeza os sentimentos que moldam a consciência, e o que molda os sentimentos é todo o ambiente que nos rodeia, desde o nosso nascimento até à hora da nossa partida para o Senhor Deus nosso Pai Eterno; desde pais, irmãos, amigos ou pessoas mais próximas, até professores…
    Cristo, profundamente consciente de cada palavra que a SUA BOCA proferia, disse: AMAI-VOS UNS AOS OUTROS… DAI A OUTRA FACE… RENUNCIAI AOS TESOUROS DESTE MUNDO… SEGUI-ME ATÉ AO PAI… SÊ-DE PERFEITOS… mensagens literais, sem circunscrição e isentas de rodeios filosóficos; aqui aplica-se apenas o SIM ou o NÃO. Estas, entre uma imensidão de proposta de Jesus o CRISTO, não carece de qualquer interpretação teológica; são rectas a todo o homem ou a toda mulher; são incontornáveis; são como flechas que visam perfurar a nossa triste consciência e os nossos sentimentos: se estas “flechas” trespassarem a nossa consciência, então a mensagem de Cristo não é acessível à nossa inteligência; entra por um ouvido e sai pelo outro. Se elas trespassarem o nosso coração; os nossos sentimentos, então é porque não temos conteúdo espiritual; estamos “mortos” espiritualmente; é o nada interessa. A anarquia espiritual morre na mais profunda solidão. Os espíritos que retêm as flechas, esses sofrerão, somente, se permitirem que alguém lhes descrave as flechas da consciência e do “coração”; pois a Luz de seus espíritos jorrará. Assim como o sangue dá vida à carne, dá a Luz vida ao espírito. As mensagens de Cristo são o verdadeiro alimento espiritual; promovem a produção da Luz ; em consequência, o fortalecimento espiritual.
    Homens e mulheres, um seguidor do BEM tem um adversário: Satan e seu exército ou discípulos, um seguidor do mal tem como adversário: o Senhor Deus Pai e seu Cristo juntamente com seu Exército e seus Discípulos. Mas um ateu (é de salientar que alguém que não professa qualquer religião, não significa ser ateísta; simplesmente não se insere nos cultos religiosos, todavia pode ser um homem ou mulher de profunda fé em DEUS, que se reflecte na mensagem “VIVA” de Cristo; os nossos actos diários), o ateu arrogante, que apenas crê em si mesmo, esse terá dois adversários; será colocado entre o BEM e o MAL e pelos dois lados será pisado.

  64. Ah!, como deve ser perturbada as cabecinhas dessas pessoas que acham que tudo no mundo se explica e se resolve com Deus e seu sabre de luz azul de um lado lutando contra Satã e seu sabre de luz vermelha do outro…

    tsc, tsc, tsc…

  65. Deus os abencoes “ateus” vieram de onde??? dos macacos ne? e os macacos vieram de onde?? da explosao ne ? e a explosao veio di ondei??? kkk muita pena de voceis ignorantes burros e ainda acima de tudo analfabetos ..Deus tenha muuuita misericordia quando vcs estiverem prostados aos pes Dele pedindo perdao !

  66. E a sua Deusa veio de onde, jana? Peça perdão pelas ofensas que acaba de fazer aos ateus.

  67. Perdao??? rss so peco perdao ao unico que eh digno de receber a honra e gloria!! Deussss…..ateu eh assim ne sempre responde uma pergunta como essa com outra pergunta..deve ser porque nao sabem a resposta nao acreditam nem no que acham que acreditam ….eh de da pena muita pena ..

  68. Nossa nunca vi uma explosao taaaoo tremenda como essa..veja so ela fez um macaco o ceu as nuvens o mar e muitas outras coisas..ai depois o macaco que ela fez se tornou em um ser humano com orgaos perfeitamente nos seus devidos lugares, ai esse ser humano gera filhos dentro do seu ventre . seu instentino funciona direitinho ..seu corpo trabalha direitinho gracas a uma explosao!!!! Poxa que maravilha ne…rss e ainda se sentem ofendidos por serem chamados de IGNORANTESSSSS

  69. As interpretações metafóricas da bíblia, só o passaram a ser quando o ridículo dos seus conteúdos começaram a ser demasiado escandalosos em face da evolução da ciência e do conhecimento em geral.
    Ditosos tempos aqueles em que a sua Igreja dominava a liberdade das pessoas e castigava os prevaricadores, poupando tempo em diálogos pacíficos e respeitadores com os “outros”, arrumando rapidamente as contendas, com gesto fácil e potente, decorrente da aliança entre o trono e o altar…
    É por demais evidente que são fruto de mentes com dúvidas e que não conseguem conviver com dúvidas! Então abdicam de procurar justificações plausíveis para as dúvidas e entregam-se numa atitude facilitista e sem esforço à delusão da religião!

  70. Porque não se encontra um ateu debatendo com um DALAI-LAMA ou um YOGUE do tibet???

  71. talvez pq eles não tentam nos convencer da verdade deles irritantemente como os cristãos!

  72. A sua sua vida deve ser muito triste,que deus venha ter misericórdia,mesmo assim Jesus continua te amando

  73. Sr Josimar, sou da opiniâo q é arriscado falar a uma pessoa q Jesus a ama. Mas por que? pq isso causa na mente dela a sutil e errônea impressâo q pode agir como bem entender q será aceita e até salva. Além de q induz a pessoa a enrolar p se converter . Nisso ela pode partir e ir parar no forno definitivo em brasas. O ideal é sempre incentivar as pessoas a se converter logi sem nhem-em-em. Concorda??

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: