Voo e Queda (Episódio 1, parte 1)

.

Quando preenche seu plano de voo para ir de uma localidade A para uma localidade B, o piloto é obrigado a informar, também, pelo menos uma localidade C para onde o voo seguirá, no caso de não ser possível completar o pouso na localidade B pretendida, por conta de mau tempo, ou mesmo indisponibilidade temporária da pista. A localidade A é chamada de “origem” do voo; B, de “destino”; e C, de “alternativa”. Por conta disso, regras internacionais prescrevem que a aeronave seja abastecida o suficiente para, a partir de A, chegar até a alternativa C, passando pelo destino B, mais ainda uma quantidade x de combustível que lhe permita voar por mais 45 minutos além de C, como margem de segurança. 

Dependendo da época do ano, por exemplo, devido ao clima, ao engarrafamento aéreo, ou a uma combinação disso, uma aeronave precisará manter-se em espera por quase uma hora, sobrevoando algum ponto já nas imediações do seu destino, antes de ser autorizada a pousar em certos aeroportos dos Estados Unidos.

Atrasos e esperas precisam ser levados em conta na hora do abastecimento, o que não permite que ninguém pense em fazer economias nas despesas com o combustível. Isso além de outros muitos fatores, como se o voo será realizado com vento a favor ou contra, ao longo da rota; peso da aeronave, de todos os passageiros e bagagens somados; altitude em que o voo irá se realizar; temperatura do ar e demais condições climáticas nas localidades envolvidas. E o que pouca gente pensaria em pôr no cômputo: o peso do próprio combustível.

O querosene que uma aeronave carrega nos tanques também pesa, e uma boa parte dele terá a única função de transportar-se a si mesmo. Mas aqui há um detalhe: o combustível vai se consumindo ao longo do voo, à medida que o tempo passa. A quantidade de querosene que chega ao destino é bem menor do que aquela que decolou com a aeronave, e isso também precisa ser calculado. Portanto, para que um piloto responsável possa determinar com quantas libras de combustível irá abastecer sua aeronave, ele precisará se preocupar com variáveis tão diversas como as distâncias entre A e B, e B e C; altitude do voo, vento contrário, temperatura, e condições climáticas nessa altitude; atrasos previstos para a rota; número de passageiros que irá transportar e o peso de suas bagagens; peso inicial do combustível com que irá decolar, e quanto desse peso será diminuído ao longo da viagem, nos trechos A-B e B-C. 

É um procedimento muito, muito complexo, e muito, muito sério, o de calcular a quantidade certa para abastecer uma máquina de várias toneladas que vai se elevar a quilômetros do solo transportando pessoas. Não há espaço para erros. E também não há espaço para fé. 

Nesse episódio, vou contar a história de um voo em que se resolveu incluir uma variável não prevista no cálculo do combustível: Deus.

.

CONTINUAÇÃO:

EPISÓDIO 1:    Parte 2  –  Parte 3  –  Parte 4  –  Parte final  

EPISÓDIO 2:   Parte única

A PANE

O VERDADEIRO PROBLEMA DE ÍCARO

ÚLTIMA PARTE

.

Anúncios

11 Respostas

  1. […] on Voo e Quada (Episódio 1, parte…Carlos Mello on Voo e Quada (Episódio 1, parte…Voo e Queda (Episódi… on Voo e Quada (Episódio 1, parte…Voo e Quada (Episódi… on Voo e Queda (Episódio […]

  2. […] Voo e Queda (Episódi… on Voo e Queda (Episódio 1, parte…Hunig on Espiritismo: sua alma é recicl…Hunig on […]

  3. […] on A Divina Revelação do Inf…Voo e Queda (Episódi… on Voo e Queda (Episódio 1, parte…Voo e Queda (Episódi… on Voo e Queda (Episódio 1, parte…Hunig on Espiritismo: sua […]

  4. […] on “Na Mira da Verdade…Marcos on “Na Mira da Verdade…Voo e Queda (Episódi… on Voo e Queda (Episódio 1, parte…Voo e Queda (Episódi… on Voo e Queda (Episódio […]

  5. […] << início […]

  6. […] Voo e Queda (Episódi… on Voo e Queda (o verdadeiro prob…Valmidênio Barros on Voo e Queda (a pane)Valmidênio […]

  7. […] << início […]

  8. […] Voo e Queda […]

  9. […] Voo e Queda […]

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: