O Estupro Sagrado da Virgem Maria

>

Bendito é o fruto do vosso ventre: Jesus!

>

O Evangelho de Mateus passa meio que por cima do assunto, sem querer entrar muito em detalhes, o que é bem compreensível, visto a natureza deveras escabrosa do ocorrido. Mas o livro de Lucas, segundo o meu ponto de vista, descreve uma recatada moça de família, virgem e maritalmente comprometida sendo vítima de assédio sexual seguido de estupro.

Na verdade, e a bem da verdade, o termo “estupro” não se ajusta perfeitamente nesse caso específico. É que, tecnicamente falando, o nosso Código Penal não abrange a situação em que o intercurso sexual se dá sem a presença do estuprador, mesmo que, como prova do crime, tenha resultado uma gravidez indesejada, como foi a de Jesus Cristo. Uma vez que o meliante autor do delito estava presente apenas em Espírito, esse crime hediondo meio que escapuliu do devido enquadramento legal, visto que um princípio jurídico determina que nenhum ato pode ser considerado criminoso sem uma lei prévia que o estabeleça como tal.

Explica-se, então, que a atitude divina para com aquela plebeia judia só não pode ser considerada adequadamente um estupro por conta de nossa ferrenha atenção às normas que nós mesmos criamos. Mas se não foi aquilo um estupro, teria sido o quê? Um contato imediato do sexto grau? Para quem não sabe, um CI-VI é aquele em que um humano tem relações sexuais com extraterrestres. (No caso em questão, o E.T. seria Deus; ele “não é terreno”, logo, a terminologia se aplica.)

Assim, por falta de uma nomenclatura vigente; por o caso em apreço não ter se configurado uma conjunção carnal propriamente dita — segundo nossas próprias definições — , eu passarei a adotar uma expressão própria para me referir ao ato da concepção do Salvador, daquele que é a Luz do mundo e sem o qual ninguém chegará ao Pai.

Segundo a Bíblia, embora não esteja lá assim tão claramente posto, Deus assediou sexualmente e violentou de uma forma sobrenatural a Virgem Maria. Um caso clássico, portanto, de “estupro sagrado”.  

E é isso que passo a analisar agora, dando início com a transcrição do B.O., digo, das Escrituras:

E estando Isabel no sexto mês, foi enviado por Deus o anjo Gabriel a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, a uma virgem desposada de um varão chamado José, da casa de Davi, e o nome da virgem era Maria.

Entrando pois o anjo onde ela estava, disse-lhe:

“Deus te salve, cheia de graça! O Senhor é contigo! Bendita és tu entre as mulheres.”

Ela quando o ouviu, turbou-se do seu falar, e discorria pensativa que saudação seria esta. Então o anjo lhe disse:

“Não temas, Maria, pois achaste graça diante de Deus. Eis que conceberás no teu ventre e darás à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus.” (…)

E disse Maria ao anjo:

“Como se fará isso, pois eu não conheço varão?” 

E respondendo, o anjo lhe disse:

“O Espírito Santo descerá sobre ti, e a virtude do Altíssimo te cobrirá da Sua sombra. E por isso mesmo o Santo, que há de nascer de ti, será chamado Filho de Deus.” (…)

Então, disse Maria:

“Eis aqui a escrava do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra.”

E o anjo se apartou dela.

(Lucas, 1:26-38)

.

CONTINUAÇÃO:

Um estupro versículo a versículo (parte 1)

Um estupro versículo a versículo (parte 2)

Não deixe de ler, também:      A Cobiçada Vagina de Nossa Senhora

.

Anúncios

42 Respostas

  1. Bem, se José não foi “corno” eu não sei o que ele teria sido.

  2. HA ha ha, muito boa. Hoje em dia a gente sabe muito bem como um “Espirito Santo” faz para engravidar uma virgem, mas naquela época era uma ótima desculpa.
    Alias acho que o São José, como todo merecimento, é o Santo dos Cornos.

  3. Faltou a descrição do estupro, que claro, não consta dos textos de Lucas, mas deve ter sido algo assim::

    Tcham,Tcham,Tcham,Tcham,!!!!! ZzzAAAAPPP!!! Tchum” Aiiiiii!!!!!… Ui… ui, ui, ui…Uaaauuu!…
    Valei-me meu deus!… Fui fodida pelo espírito santo! E gozei!!!… Gozei sagradamente!…
    abç

  4. Em que momento o espirito santo “inunda” Maria com sua semente sagrada? Ela nada sentiu? Que egoísta…..só pensou nele mesmo!

  5. Vocês têm muita pouca fé e têm dificuldade pra entender as coisas. U “deus” nem ‘rélô’ na gurizinha, senão ela tinha “pecado” (olha o prêmio aí pros ateus — resolvendo a charada); ele meteu um supositório nela (lá dentro ele remendou e mudou o “canal”) — e não foi pela bôca porque seria sacanagem, ela teria pecado também recebendo uma ‘penetrada’ oral; no ouvido seria meio festa, aí também a gente não sabe — Sobrou o pinga-gôta no olho, via canal lacrimal. E resta a cezariana. Amanhã na mídia, todo o mundo cristão-evangélico-espírita pode divulgar: Deusilusão responde o mistério da virgem — jeósuis naisceu* (*português evangélico) de sete mês via cezária. E concluindo: O ricardão divino nem cortou, ele abriu a barriga e o jeósuzin pulou. Mas ele tava lá em cima (nas núvi); assim que a barriga abriu ele saiu correndo (voando) e pulou pra dentro e depois pulou pra fora. Pra ele foi mole fazer isso. Ele só não deu pros homens o remédio que ele passou na cabeça do Jusé; pra ele não se irritar com o calombo que incomodava. Se ele deixasse esse remedinho com as garotas ía ser uma beleza. Ah! Esqueci! Esse supositóio ele deu pros padres e pastores, é só o homem deixar a mulher de bobeira lá pelas igrejas e logo,logo, dão um pra ela;e se deixar as crianças aí piorou, o supositório rola solto.

  6. Sinto muito, mas acho que ele veio engarrafado, e a tampa foi aberta no nariz dela, e ela deu uma “puxada” no “espírito”, o cheiro foi meio intragável, desses de latrina de banheiro público embafunhado de crack, mas ela ficou “legal”, e dormiu sete meses. Só acordou já com molequin gritando para o corno “não é a mamãe”. Agora aquele remedinho amansa corno ía vender mais do que loção para nascer cabelo em careca. Nas baladas ía ser o bicho. As garotas já podiam botar três filhos na mão de cada um, pegar a pensão deles, dar os dez por cento para o fancho divino lá de cima, e o ‘crescei e multiplicai-vos’ ía ser bonito, a Terra ía chegar fácil nos 14 bilhões, metade tudo corno, 1/4 de guris procurando pai, e o restante de virgenzinhas que nem nunca deram, mas cada um com uns 10 pimpolhos. Paraíso versão FULL.

  7. Deus brada inconformado:
    – Foi consentido, porra!!!

  8. Pois é, foi só uma violenta coerção, assim, ‘vai me dá ou vai pro inferno?”; E para o corno foi assim, “foi só uma rapidinha de galo, fica manso. e ela tem o hímen elástico; pode chegar junto que depois a gente ajeita isso na escritura, e meto o jamegão que é isso mesmo e acabou, tá todo mundo no saco. Esse negócio é deixar com os caras da caneta, eles têm “caneta pra fazer miséria”. Ninguém vai te encarná não, esse calombo aí você mete um chapéu tipo maico jeksu e ainda tira uma onda, “sô aconchavado com o hômi lá di cima”, eli meteu um plastic na minha esposa,ficou tudo certo, e ainda deixou eu sair na bronha, quer tá tudo arrumado. Eli vai me dá um montão di presente pra ficar quietinho,porque isso aí vai dar dinheiro lá mais pra frente, ele também tá fazendo um pé de meia. Eli meteu as carta dele tudo lá nos seis dias, agora se a gente não trabalhá e dá o dízimo ele tá fud*do, tirar só dos governos não dá não é pouco, eli tem um montão de virgempra sustentá, tudo “zero bala” (só eli qui comi, come e méti plastic e passa adiante pra quem é fiel na firma.

  9. DEUS TRABALHA DE FORMAS MISTERIOSAS !

    A origem de Jesus Cristo o garoro de deus foi assim – Maria morava na pequena vila de Nazaré, província da Galiléia. Sobre sua descendência seus pais seriam Joaquim e Ana e não existe nenhum documento importante do século I. A própria genealogia de Cristo que aparece em S. Lucas é apenas de S. José . Quando chegou à idade núbil (idade de casar), com 14 (ou 16) anos, os sacerdotes do Templo procuraram-lhe não um esposo, mas um guardião para sua virgindade, dentre os vivos de Israel. José foi o indicado por um “sinal Divino”.

    Quando depois da anunciação do anjo, Maria se viu “grávida” pela ação de um “sopro’ do anjo, um murmúrio, um silêncio, entrou em seu ventre. Pela ação do Divino Espírito Santo.

    Enviou ao planeta um filho feito com os seus próprios espermatozóides (há quem afirme que deus não é matéria mas isso fica para os biólogos explicarem). Como não havia deusa lá no céu, emprenhou uma mulher comprometida, corrompendo os nºs. 7 e 10 do seu código de honra (bonito exemplo para as gerações vindouras), esse “estupro” sagrado pelo Espírito Santo. Pensando e repensando, conclui-se haver falta de virgens sem dono. Quem sabe a pedofilia já era regra nessa era!

    José teve suas dúvidas dissipadas por uma revelação de que o arcanjo Gabriel, lhe apareceu. Pedindo que esse compreendesse o que iria ocorrer e se acalmasse quando a visse grávida, uma vez que não haviam tido relações sexuais para que tal acontecesse. Foram divulgados muitos pormenores fantásticos, imaginosos e improváveis, (para não dizer cômicos) a respeito do nascimento de Jesus (Buda e outros).

    Hoje sabemos que “Deus não dorme”, e estamos em condições de saber porquê não dorme.

    Ele não dorme porque cometeu uma falta grave que nem a homem é perdoável. Existe a visão histórica de que Jesus nasceu num estábulo conforme a lei judaica da época. Do ponto de vista da fé, (embora a estória dos 3 Reis Magros não tenha realmente existido) o fato ocorre na manjedoura como prova de humildade.

    Da infância de Maria nada se sabe, apareceu em cena quando

    Jesus tinha 12 anos, numa visita ao Templo de Jerusalém. Maria não morreu como todo mundo, (a mãe de Buda morreu uma semana depois de dar à luz). Maria adormeceu e seu corpo elevou-se ao céu, (chamam seu sono de “dormição” e sua subida ao céu de “assunção”, o que significa “elevação”), não houve decomposição do corpo. Não havia sido contaminada pelo pecado de sua mãe Eva. Seus pais a conceberam imaculada.

    Deuses trabalham de formas misteriosas !

    Especial Humor: Jesus era brasileiro?
    De brinde, foto da mulher de Jesus!
    http://desciclopedia.ws/wiki/Jesus_Cristo

    Oração: AVÉ MARIA.
    De brinde, foto exclusiva da virgem Maria na noite em que foi concebida:
    http://desciclopedia.ws/wiki/Virgem_Maria

  10. Aquela vaca da maria deveria ter sido apedrejada até a morte, conforme as leis amorosas do deus dela.
    Na verdade jesus nasceu por uma via alternativa(não foi cesárea), mantendo assim o sagrado cabaço da vadia, digo, maria.

  11. Nunca existiu concepção virginal e também nunca houve ressurreição corporal ,já foi achado que os primeiros cristãos acreditavam que jesus ressuscitou de uma forma não corporea.

  12. Este cristianismo que muitos se acham verdadeiros mestres e doutores do cristianismo são na verdade uns grande palhaço enganados de verdade pela igreja católica já desde os primeiros séculos. Já vi gente querer defender até as contradições bíblicas como se fosse tudo verdadeiro ,mais na verdade são contradições grosseiras e muitas até inventada ,se inventaram a genealogia do tal jesus porque não inventáriam tantas outras coisas. Como você pega um livro que diz ser a palavra de um tal suposto deus e já da de cara com uma mentira sobre a genealogia do tal jesus.

  13. Se o Stanislau Ponte Preta estivesse vivo, certamente incluiria esse site no Febeapá… Meu Deus ! (ops, falei a palavra proibida…) como pode um sujeito escrever tanta bobagem?!
    Você brigou com Deus, cara, e está tão profundamente magoado com ele, que até surtou. Quanta besteira junta, e o que é pior: o car nem, sequer se dá ao trabalho de se ATUALIZAR, vale-se de preceitos antigos, em desuso, para fundamentar suas opiniões…
    Cara, vai procurar um psicólogo, seu caso tem solução.
    Saúde e paz, sempre!

  14. O cara sofre um baque na vida e bota a culpa em Deus. Fala sério, Barros, VAI SE TRATAR!

    Não foi Deus o culpado das suas dores, ele SEMPRE estará com você, pois o sofrimento faz crescer. ENTENDA isso, meu bom, e PARE DE BRIGAR com sua própria essência!

  15. A “essência” que quer “tratar” caridosa e “espiritualmente” da “saúde’ das pessoas é o que está por trás dessas “aparências”. E isso não é coisa boa para nós, nem individualmente e nem socialmente:
    http://universityprimer.blogspot.com/#!/2012/03/o-que-ha-por-tras-disso-nao-nos-serve.html

  16. Engraçado que os cristãos não parecem ter como rebater as criticas feitas a sua religião, senão com esse tipo de revolta infantilóide e birrenta, de quem não gostou do que se disse e não tem nada melhor pra fazer do que berrar.

  17. Pura falta de argumentos , traduzido em baixarias.
    qual o problema da virgindade de Maria ?
    Garanto que muitas das mães de voces quando casaram não eram mais virgens e daí ?
    Nem por isso deixaram de serem boas por isso!

  18. Essa história de imputar uma vida “errante”, “tenebrosa”, triste aos ateus, não tem fundamento! Brigar com os deuses não é uma afirmação correta. Brigamos contra a ignorância e isso não é sofrer de um mal.

    Não crer num deus e na mitologia e histórias ridículas de “virgem Maria”, “burras falantes”, “milagres” é uma constatação tácita das incongruências dos tais “livros sagrados”.

    Os deuses, no geral, parecem não aceitar nascer de uma mulher formada, sempre há necessidade do “hímen” na mocinha, mesmo não possuindo um pênis, estes deuses “comungam” do mesmo preconceito utrapassado dos cidadãos da época. Mulher, só a virgem presta!

    Podem verificar, os deuses sempre nascem de “intocadas”, como se fossem valer mais por essa razão. Sempre com mágica eles descobrem quem é virgem, qual é a melhor….

  19. Para reflexão dos ateus, esses seres que PENSAM não acreditar em Deus…Mas é para REFLETIR de verdade, hein, feito gente grande!

    ” Nasceste no lar que precisavas. Vestiste o corpo físico que merecias, moras onde melhor DEUS te proporcionou, de acordo com teu adiantamento. Possuis os recursos financeiros coerentes com as tuas necessidades: o justo para as tuas lutas terrenas. Teu ambiente de trabalho é o que elegeste espontaneamente para a tua realização. Teus parentes, amigos são as ALMAS QUE ATRAÍSTES, com tua própria AFINIDADE. Portanto, teu destino está constantemente SOB TEU CONTROLE.
    Tu escolhes, recolhes, eleges, atrais, buscas, expulsas, modificas tudo aquilo que te rodeia a existência. Teus PENSAMENTOS e VONTADES são a chave de teus ATOS e ATITUDES: são as fontes de atração e repulsão na tua jornada vivência.
    Não reclames nem te faças de vítima. Antes de tudo, analisa e observa. A mudança está em tuas mãos. Reprograme tua meta, BUSQUE O BEM E VIVERÁS MELHOR.
    EMBORA NINGUÉM POSSA VOLTAR ATRÁS E FAZER UM NOVO COMEÇO, QUALQUER UM PODE COMEÇAR AGORA E FAZER UM NOVO FIM.”

    (FRANCISCO CANDIDO XAVIER)

  20. Outra para reflexão daqueles que PENSAM não acreditar em Deus. Esse trecho foi transcrito – com adaptações – do EVANGEKHO SEGUNDO O ESPIRITISMO, cuja leitura eu recomendo, SEM PROSELITISMO,.

    “(…) A lei do AMOR é contrária às chagas morais. O AMOR é um fenômeno natural: um dia será tão fácil amar como respirar.
    O AMOR é como um fogo sagrado e TODOS NÓS trazemos essa centelha em nossos corações; do AMOR decorrem todas as nossas virtudes. Alegria, paciência, desapego, humildade, respeito e perdão são alguns dos frutos que colhemos com a lei do AMOR.
    AMAR é abrir as portas de nossos corações, SEM FORÇAR ninguém a passar por ela. AMAR é mostrar caminhos dando sempre as oportunidades necessárias, pois o AMOR nos ajuda a COMPREENDER, e não se revoltar, com as privações humanas.
    Amigo leitor, não deixe nunca de manifestar seu carinho e seu amor de forma clara, sem receio de ser mal interpretado. Abrace todos aqueles a que m você deseja demonstrar seu afeto e de uma chance à aquele que você julga não ser merecedor de sua afeição. E lembre-se sempre que o AMOR é a SEMENTE do CRISTO em nós”.

  21. Então as crianças africanas que morrem de fome são a prova da inexistência ou descaso de deus??? as crianças chinesas que são obrigadas a fazer trabalho escravo também?
    Para de ser hipócrita, nesse mundo existem muitas pessoas morrendo por motivos idiotas e simplesmente sendo esquecidas para morrer… e vem me dizer que deus da tudo que as pessoas precisem???? para de pensar que o mundo é teu.
    E amor não passa de reações físico-química em nossos cérebros, se ela é a prova de deus… o ódio é a prova de quem??? E do amor que existia antes das civilizações cristãs, ou por alguém que nunca ouviu falar de jeová ou jesus… prova baal… afinal foi deus que deu… o deus deles….
    Você PENSA que acredita em deus… mas na verdade tem muito medo de admitir a verdade… usar falácias como essas são fáceis… pare de hipocrisia.

  22. Religião a 1000 anos atrás: Única explicação

    Religião hoje: Covardia + Ignorância

    Quem não quer ser eterno né…

    Abraço
    Cristiano

  23. É Zé!!! vc me fez pensar algo dentro desta teoria do rapaz ai
    Por ex: Uma criança indiana que nasce vive e morre na miséria sem conhecer o Deus cristão?!
    Então foi ele mesmo que quiz assim?
    se foi
    A salvação não é unica e exclusivamente através de Jesus?! (segundo os crentes)
    As cianças e as pessoas que nunca ouviram falar de Jesus e ai?

    Fica vendo o monte de estórias paralelas a biblia que eles vão inventar pra tentar justificar isto caso resolvam responder.

    Ai pode tudo, na hora de justificar a biblia vale tudo

  24. Para reflexão dos ateus, esses seres que PENSAM não acreditar em Deus…Mas é para REFLETIR de verdade, hein, feito gente grande!

    Amigos ateus, que PENSAM não acreditar em Deus, eu lhes pedi para REFELTIREM, mas vocês vieram com argumentos pré-concebidos.

    Por gentileza, REFLITAM apenas. E eu NÃO FAÇO proselitismo.

    ” Nasceste no lar que precisavas. Vestiste o corpo físico que merecias, moras onde melhor DEUS te proporcionou, de acordo com teu adiantamento. Possuis os recursos financeiros coerentes com as tuas necessidades: o justo para as tuas lutas terrenas. Teu ambiente de trabalho é o que elegeste espontaneamente para a tua realização. Teus parentes, amigos são as ALMAS QUE ATRAÍSTES, com tua própria AFINIDADE. Portanto, teu destino está constantemente SOB TEU CONTROLE.
    Tu escolhes, recolhes, eleges, atrais, buscas, expulsas, modificas tudo aquilo que te rodeia a existência. Teus PENSAMENTOS e VONTADES são a chave de teus ATOS e ATITUDES: são as fontes de atração e repulsão na tua jornada vivência.
    Não reclames nem te faças de vítima. Antes de tudo, analisa e observa. A mudança está em tuas mãos. Reprograme tua meta, BUSQUE O BEM E VIVERÁS MELHOR.
    EMBORA NINGUÉM POSSA VOLTAR ATRÁS E FAZER UM NOVO COMEÇO, QUALQUER UM PODE COMEÇAR AGORA E FAZER UM NOVO FIM.”

    (FRANCISCO CANDIDO XAVIER)

  25. Outra para reflexão daqueles que PENSAM não acreditar em Deus. Esse trecho foi transcrito – com adaptações – do EVANGEKHO SEGUNDO O ESPIRITISMO, cuja leitura eu recomendo, SEM PROSELITISMO.

    Mais uma vez lhes peço, amigos que PENSAM não acreditar em Deus: REFLITAM DE VERDADE.

    Por favor favor, SEM ARGUMENTOS PRÉ-CONCEBIDOS.

    “(…) A lei do AMOR é contrária às chagas morais. O AMOR é um fenômeno natural: um dia será tão fácil amar como respirar.
    O AMOR é como um fogo sagrado e TODOS NÓS trazemos essa centelha em nossos corações; do AMOR decorrem todas as nossas virtudes. Alegria, paciência, desapego, humildade, respeito e perdão são alguns dos frutos que colhemos com a lei do AMOR.
    AMAR é abrir as portas de nossos corações, SEM FORÇAR ninguém a passar por ela. AMAR é mostrar caminhos dando sempre as oportunidades necessárias, pois o AMOR nos ajuda a COMPREENDER, e não se revoltar, com as privações humanas.
    Amigo leitor, não deixe nunca de manifestar seu carinho e seu amor de forma clara, sem receio de ser mal interpretado. Abrace todos aqueles a que m você deseja demonstrar seu afeto e de uma chance à aquele que você julga não ser merecedor de sua afeição. E lembre-se sempre que o AMOR é a SEMENTE do CRISTO em nós”.

  26. Amigos ateus, que PENSAM não acreditar em Deus.
    É SIMPLES assim, meus caros: a vida É FEITA DE ESCOLHAS, e VOCÊS são a PROVA da BONDADE e PERFEIÇÃO de Deus
    Sabem por quê? porque VOCÊS também possuem a CENTELHA DIVINA nos seus corações. DEUS sabe disso e ISSO BASTA, meus caros.
    Em outras palavras: NÃO precisa acreditar nele (ou PENSAR que não acredita)…

  27. HUASSUASSHUASDASH … Lavaram a cabeça dele com diabo verde … Mariinha, tu vai mim dá i é agora, pu caisza di quê ni minha cási num téin querê !!! Ô jusé toma a tôca di coirlnu … sô bãozin qui só cum minnhas orvêlinhas

  28. […] O Estupro Sagrado da… em Um estupro versículo a versícu…O Estupro Sagrado da… em Um estupro versículo a versícu…Maritinha em O Estupro Sagrado da Virgem…Raimundo […]

  29. […] Um estupro versículo… em O Estupro Sagrado da Virgem…O Estupro Sagrado da… em Um estupro versículo a versícu…O Estupro Sagrado da… […]

  30. Amigos ateus, que PENSAM não acreditar em Deus.
    É SIMPLES assim

    Não é simples. É simplório, como o pensamento do crente.

  31. Essa conversa de ateus que “pensam que não acreditam em deus” é uma palhaçada. Coisa de gente imbecil.

  32. Ainda bem que você reconhece, ao menos isso, Eddie, pis é EXATAMENTE isso: você PENSA que NÃO acredita em Deus, TODOS os ateus PENSAM que NÃO acreditam…

  33. Amigo,

    Quanta doideira! Os religiosos pensam que são crentes, no mínimo são ateus quando se trata dos deuses dos outros..pensam que sabem..pensam que não estão falando bobagem quando dizem que ateu pensa que não crê. Nossa, quanta sabedoria, achar que sabem a mente atéia!

    Religiosos pensam que o deus dele é o maior! Pensam que os milhões de deuses vão sumir da mente dos crentes diversos. pensam que a inexistência dos deuses é coisa boa! Não é!

  34. […] O estupro sagrado da Virgem Maria […]

  35. vcs sao loucos de escreverem essas coisas
    tomara que Deus um dia possa perdoar vcs

  36. Qual deles Jhenny?

  37. ATEUS PENSAM QUE NÃO ACREDITAM EM DEUS…
    Que pensamento ridículo… Isso me lembra de quando eu era criança e pedia qualquer coisa para minha mãe e ela dizia “Não”. Eu perguntava “Mas porquê?” e a resposta: “Porque não”. Eis uma das respostas mais frequentes ao se indagar um religioso sobre deus…
    Lamentável, uma vez que “Porque não” ou “Porque sim” são afirmativas terminais utilizadas quando não se encontra mais resposta ou argumento. Em outras palavras, um subterfúgio (E o que mais seria uma religião se não uma subterfúgio à realidade)
    Eu não preciso do perdão deste suposto “Deus” incongruente com suas próprias leis. Esse seu deus judaico está mais parecido com um Cthulhu lovecraftiano (Aliás, eu até lhe recomendo ler The Call of Cthulhu de H. P. lovecraft) que não pode ser questionado, e cujo principal pedido de seus “fiéis”, é que ele os mate rapidamente ao contrário dos “infiéis”, que sofrerão horrores indizíveis… Um pastor e suas ovelhas… Por essa definição, a possível existencia de Jeová tornaria seus fiéis nada mais nada menos que GADO.
    Deus é o subterfúgio final, a mais antiga e maior das invenções já criadas pelo homem

  38. Isso Ai E Uma Ofensa Ao DEUS Sagrado Lembre-se Q Na Palavra De DEUS Diz Q Ofensas Ao ESPÍRITO SANTO N Tem Perdao #Fika A Dika

  39. #Foda-SEoESPÍRITOSanto

  40. MUITO BOM O BLOG,, E O PIOR DE TUDO É QUE DEUS AINDA TEM QUE EXPLICAR O CASO DO REI DAVI COM JONATAS, E MAIS PORQUE ELE PERDOOU O REI CITADO APOS , O MESMO TER PRATICAMENTE TER MATADO URIAS, APOS COMER A MULHER DELE BATSEBA LKKKKKKK

  41. […] O estupro sagrado da Virgem Maria […]

  42. “EIS QUE A VIRGEM CONCEBERÁ E DARÁ A LUZ A UM FILHO…..”
    É PEDREIRA . . .

    Com mais Humor, Artigo de (escritor e ex-pastor) SERGIO MESQUITA RANGEL

    O grande problema moral da frase acima é que ela foi originalmente dita numa época em que a grande maioria das pessoas não sabia que o que definia o sexo dos bebes, eram os cromossomos X e Y.

    É que hoje sabemos que o homem possui espermatozoides X ou Y mas, a mulher, possui, apenas, o óvulo com o cromossoma X, invariavelmente, X.

    Se, digamos, Deus, quisesse fazer Maria engravidar por partenogenese, moralmente, o máximo que ele poderia fazer, seria duplicar o material genético de Maria, e, nesse caso, ELA JAMAIS DARIA A LUZ A UM FILHO; seria sempre uma filha, melhor dizendo, um clone de Maria.

    Em toda a natureza, mesmo nos casos em que há, reconhecidamente, a partenogenese, ela só ocorre de sexo feminino para sexo feminino.

    E isso já acontecia milhões de anos antes da gente saber que existiam os cromossomos X e Y. Ou seja, A NATUREZA NUNCA ENTROU EM CONTRADIÇÃO COM A CIÊNCIA, ao contrário, a ciência é a simples tomada de conhecimento do que a natureza já vinha realizando muito antes da gente estudar e conhecer.

    A natureza já vinha seguindo a regra dos cromossomos X e Y, mesmo naqueles tempos!!! Imaginem!…

    Mas, Maria, se deu à luz A UM FILHO, com toda a certeza, temos aqui, um cromossomo “Y”, estranho, QUE JAMAIS PODERIA TER SIDO ORIGINALMENTE, DE MARIA.

    Ora, se Maria recebeu em seu corpo, para gerar um filho, a inclusão de um cromossomo “y”, vindo de outra fonte, que não dela, ou de José, seu marido legítimo, então temos aqui, claramente, a quebra de, pelo menos, dois mandamentos: “não cobiçarás a mulher de teu próximo” e “não adulterarás”; não importando, aqui, se esse cromossomo “Y” foi fornecido pelo padeiro, pelo leiteiro, pelo entregador de pizzas ou sintetizado no espermatozoide do Espírito Santo.

    Alguém já pensou em José???…

    Alguém já focou o coitado do José??!!

    Alguém já sentou-se ao lado dele e perguntou o que realmente ele estava sentindo, com relação a aquilo tudo???..

    Os fins justificam os meios???!!

    Pro “Filho de Deus” nascer de uma virgem pura, só serve se for uma virgem deliberadamente adultera, ??!!!

    Por que ela não declinou da proposta do anjinho maroto?!

    Por que ela não disse:

    “Olha seu anjo, tudo bem, tá muito legal; eu me sinto até honrada pela proposta, mas acontece que, agora não dá mais: sou casada, tenho compromisso, vou ter uma família . . .Por que o Sr. não me procurou antes?? Por que não conversou com meu marido antes? Já falou com meu marido? Afinal de contas, ele também merece alguma satisfação, né seu an[o]jo?”…

    “Ah seu anjo, até que eu queria mesmo ser “mãe de Deus”, me perdoe, mas será muito ruim ser mãe do Filho de Deus nessas condições!… Não se zangue, Sr. Gabriel, mas, fica para uma próxima vez. . .”

    O que aconteceu com Maria, mãe de Jesus, foi mais ou menos, o mesmo que aconteceu com Semíramis, mãe de Tamuz.

    Qualquer semelhança, talvez não seja mera coincidência. . .

    Pra não ficar aí dizendo que “é maldade desse povo”, o próprio escritor bíblico foi justamente o primeiro a aventar essa terrível possibilidade, quando diz que “José, não a querendo infamar (nem ser tachado de corno) resolveu deixá-la secretamente.”

    Esse é, exatamente, o primeiro sentimento que o escritor bíblico, (“inspirado pela pombinha sagrada”, diga-se de passagem) põe na cabeça de José.

    O correto, (já que estamos falando de “virtudes cristãs”) não seria o sentimento de gratidão a Deus por ser pai (adotivo) do “Salvador do mundo”?

    Mas, segundo o escritor bíblico, José cala-se e planeja sua saída do cenário. . .

    Sabe por que? . . .

    Por que não falaram nada com ele!!! Por que ele foi, simplesmente, atropelado por um caminhão!!! Por que, na verdade, ele tomou uma “pernada”!!! Porque o marido é sempre o último a saber!!!

    O Anjo entregador de pizzas, Gabriel, só falou mesmo com Maria, a Virgem, porém, adúltera e desleal!!!

    O anjinho não falou nada com José!!! Vejam os senhores!

    Maria, por sua vez, além de virgem, muito “honesta” e “pura”, por sinal, também não falou absolutamente nada com o maridinho, sobre sua “entrevista” com o “anjo”. . . Que pena! Será que estava tão exultante por ser a “Mãe de deus”, que esqueceu-se?. . .

    Toda vez que José queria “algo mais” com sua esposa querida, ela estava sempre com “aquela” terrível “dor de cabeça”.

    E José perguntava, e perguntava, e comprava doril, tilenol, paracetamol, e nada da Dona Maria chegar junto!!!

    Até que, lá pelo quinto mês de total abstinência sexual, (abstinência essa, que, diga-se de passagem, iria durar por toda a vida…) o Zé resolveu “tirar o time”. . .

    Coitado do Zé! . . .

    Vocês conseguem mesmo imaginar, num cenário real, as consequências reais, das historietas absurdas e ridículas contadas pela bíblia???

    Está muito difícil perceber que essa é uma estorieta muito mal contada, com terríveis e intransponíveis erros de edição???!!!

    O Deus bíblico não demonstra o menor respeito para com José.

    O an[o]jo do Senhor, só chega para falar com José, quando vê que ele vai, realmente, abandonar o caso.!!!

    Se José fosse do tipo “corno manso”, até hoje a gente não ia ficar sabendo que Jesus era filho do Ricardão celestiall.!!!

    Já reparou???!!. . . Não há, nos evangelhos, uma única palavra de josé, dizendo se gostou, se não gostou, se aprovou ou não, o que Deus fêz . . .

    O seu mais absoluto silêncio foi a melhor resposta que encontrou, ou, o melhor que o escritor bíblico “sábia e previsivelmente” achou que deveria fazer.

    Ou seria isso, apenas, mera coincidência?! . . .

    Eu acho, particularmente, que, na verdade, José não gostou nada, nada, daquela situação.

    Mesmo que o Ricardão fosse o próprio Deus, acho que qualquer homem, neste planeta, iria se sentir ultrajado e humilhado.

    A humilhação, o ultraje, a total falta de escrúpulos, a situação em si, era tão vergonhosa que o escritor bíblico, praticamente foi obrigado a escrever que josé ia mesmo tirar o time de campo…

    O que Deus fêz com José, era o mesmo que os senhores feudais faziam com os seus camponeses, na idade média; chama-se “prima noctis” – ou seja “A primeira noite”. Quando um camponês se casava, o Senhor feudal era o primeiro a dormir com a mulher. Veja o filme “Coração Valente” para entender.

    Se José tivesse aprovado o ultraje a que foi submetido pelo próprio Deus, teria, também entoado um “cântico”, nos mesmos moldes do cântico de Maria.

    Mas também acho que não existe uma única palavra na Bíblia sobre José ter gostado ou não, por uma simples questão literária . . .

    Iria ser simplesmente, o cúmulo se o escritor Bíblico registrasse qualquer tipo de reação, EM PALAVRAS, de José, aprovando ou desaprovando o que Deus fêz com ele, bem como ficaria mesmo, muito ruim para o Cristianismo.

    Assim, creio eu, a opção “mais lógica” no caso, seria mesmo (como realmente foi o mais completo silêncio, por parte de Jose.

    Porque qualquer reação explícita de jóse, evidenciaria demais essa verdadeira vergonha divina, que foi, digamos, a “concepção-fantasma” de Jesus Cristo.

    Dessa forma, entendo eu, que o próprio escritor bíblico, sabia muito bem, que estava escrevendo algo vergonhoso, inconveniente e moralmente impróprio.

    Reenviado, por Oiced Mocam

    Fonte, original publicado em: http://irreligiosos.ning.com/profile/SERGIOMESQUITARANGEL

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: