Quando Deus cagava no mato

>

Longe de ser uma prova de amor (“Deus amou tanto o mundo que deu seu filho unigênito…”, blah!), o suposto sacrifício de Jesus teria sido uma indiscutível prova de idiotice. Se Deus existisse, essa sua ideia de “salvar” a humanidade (dele mesmo, só lembrando…) através de um sacrifício humano já seria, por si só, ridícula. E seria tanto mais ridícula quanto mais poderoso fosse esse Deus. Ou isso, ou estaríamos todos nós vivendo num universo governado por uma divindade extremamente sádica.

Pense bem. Deus, uma criatura que é capaz de construir de átomos a galáxias, teria bolado um plano para nós escaparmos de sua ira. Isso porque, em algum momento, parece que nós o deixamos puto por não seguirmos as suas regras imbecis. O fato de um bando de macaquinhos arteiros feito nós termos tido a capacidade de enfurecer um Deus não é tão revelador quanto o fato de um Deus criador de universos ter-se enfurecido conosco. Mas, mesmo deixando isso de lado, e o crente faz questão de deixar isso de lado, considere-se apenas a solução que esse ser superior arranjou para o problema.

Ele teve um filho com uma mortal.

Ora, mas se não era um expediente muito em voga nas várias mitologias da época! Parece que, depois do descanso do Sétimo Dia, Deus ficou sem inspiração nenhuma e resolveu tirar algumas ideias das estorinhas que esses macacões aqui costumavam contar para ninar seus macaquinhos…

Esse filho, na verdade, seria ele mesmo disfarçado de gente. Nessa condição, ele se deu uma missão suicida, pela qual deveria ser executado após promover umas tantas badernas, e criar inimizades com os sacerdotes do seu povo, por transgredir as leis sagradas que ele mesmo, como Deus, lhes havia imposto. Uma vez morto e ressuscitado, ele iria querer que as pessoas acreditassem que ele, como Jesus, era Deus, e que a sua tortura e morte na cruz serviria para apaziguá-lo, como Deus, de estar puto porque nós não seguíamos as suas regras (as mesmas que ele também não seguiu enquanto estava aqui embaixo cagando no mato como todo mundo), mas ele continuaria puto se nós não acreditássemos que ele fez isso, assim como eu estou dizendo.

Não se envergonhe de ler o parágrafo acima de novo. A coisa é assim tão ridícula a ponto de deixar a gente zonzo. Isso parece mesmo, pra você, um plano concebido por um ser que sabe construir átomos e galáxias? Você só pode tá de sacanagem! Até o pessoal do SEBRAE teria inventado uma solução melhor! Isso pra mim tá mais parecendo um plano bolado por um bando de velhotes ignorantes que limpavam a bunda com areia quente.

.

Anúncios

186 Respostas

  1. Barros, teu linguajar é tão vulgar, quanto as besteiras que você escreveu.

    Eu sou ateu, não acredito num deus julgador de seus atos em vida, para lhe garantir um lugar ao sol do outro lado da morte, tanto quanto você.Mas tenho minhas crenças e elas são válidas para mim, muito embora você também possa achar ridículas quanto tentar conceber um universo consciente.

    Mas isso não nos dá o direito de destruir as crenças dos outros, pelo simples fato que não sabemos o que ocorre do outro lado. Tudo é uma questão de fé. Já muito jovem nos são contadas histórinhas que ajudam melhor a fixar em nossas vidas as crenças, bem como o carater, a moral e outras virtudes, e depois de adultos, podemos até nos livrarmos um pouco de todas essas amarras que a religião institucionalizada prega, mas sempre por baixo fica o essencial, e o essencial é apenas aquela fé de acreditar em alguma coisa que está acima do ser comum.

    Você é tão idiota quanto os idiotas que pregam a fé irracional, pois está também desprezando o que que move todos nós: a necessidade de crer em alguma coisa, além do qual também está agindo da mesma maneira: acreditando apenas na sua verdade e tentando destriuir a verdade de todos os outros.

    Bom natal, amigo, e pense nisso, não é a história em si que é importante, mas a mensagem que ela trás, e de como essa mensagem pode nos tornar melhor.

    George Kieling

  2. George Kieling, lamentavelmente você sequer sabe se definir em relação às suas crenças. Não sei que religião você inventou pra si, não sei em que tipo de deus você resolveu acreditar pra suprir suas carências emocionais e existenciais, mas seguramente você não é ateu. Lamento que seja eu o primeiro a lhe dizer isso, meu caro, mas alguém precisava lhe abrir os olhos.

    Fico muito satisfeito em você não ter podido escrever um “a” que fosse para sustentar seus argumentos em relação ao meu texto. Isso diz muito sobre você e sobre o que eu escrevi. Já faz quatro anos que eu escrevo todo tipo de coisa aqui no meu blog, e meus argumentos nunca são confrontados, muito menos subjugados pelos comentários de crentes, como você, que só vociferam sua raiva em terem suas crenças idiotas afrontadas.

    Mas tenho minhas crenças e elas são válidas para mim, muito embora você também possa achar ridículas

    Não tenho dúvidas de que suas crenças são válidas para você. É por isso que há milhares de religiões no mundo. Quando um ser humano frágil e tolo inventa um deus ridículo para venerar, e cria um sistema estúpido de crenças recheado com rituais imbecis, ele geralmente consegue apoio de um sem-número de idiotas que acham aquelas crenças válidas. Claro que nem todo mundo vai achar, e aí o processo se repete: outro sistema de crenças idiotas é desenvolvido, e vai angariar um outro sem-número de crentes imbecis.

    Não tenha dúvida de que eu vou achar as suas crenças ridículas, independente de quais elas sejam, portanto, você fez muito bem em omiti-las.

    Mas isso não nos dá o direito de destruir as crenças dos outros,

    Como todo crente, você dá material de sobra pra um ateu mais perspicaz, como eu, deitar e rolar sobre as declarações insensatas que faz. Se você considera que crenças religiosas são “destruíveis” por textos publicados quase diariamente na internet, você está simplesmente assumindo que crenças em deuses são ilusões muito fracas para serem mantidas, quando submetidas a uma mínima exposição ao bom-senso. E fico feliz em poder concordar com você nisso. O seu erro é achar que sou eu que destruo as crenças. Não, não sou eu. Quem destrói são os próprios crentes, quando começam a perceber que esse estado de demência intelectual em que vivem lhes traz mais mal do que bem.

    Tudo é uma questão de fé.

    Você, como crente que é, citou uma das minhas frases preferidas. Mas só posso concordar contigo se você me permitir revelar (em duas palavras) o que está implícito nessa frase: “Tudo NA RELIGIÃO é uma questão de fé”. Sem fé, sem Deus. Isso porque deuses só existem, só atuam e só se manifestam através de uma rede neural humana.

    Já muito jovem nos são contadas histórinhas que ajudam melhor a fixar em nossas vidas as crenças, (…)

    Pois é. E tudo o que a humanidade conseguiu de progresso até hoje foi graças ao fato de que a grande maioria de nós, mesmo os religiosos, não levou isso muito a sério.

    bem como o carater, a moral e outras virtudes,

    KKKkkkkk A eterna “coleta” de coisas relativamente aproveitáveis que o crente precisa fazer no esgoto de imundícies que compõe sua crença.

    De novo, como não sei que religião você fundou pra si, vou me ater à corrente religiosa que conheço melhor: a cristã. Os cristãos são exímios em pinçar coisas relativamente boas de sua Bíblia, fazendo de conta que não precisam levar em conta a parte podre. Tanto é que os cristãos se obrigaram a matar Deus (aquele, o do Antigo Testamento), e criaram Jesus Cristo para substituí-lo.

    Mas mesmo Jesus não traz nada de aproveitável em matéria de moral, caráter e virtude. E as poucas coisas que talvez se aproveitem, são ideias mais antigas do que Jesus, tiradas do confucionismo, do taoísmo, etc., e atribuídas a ele pelo cara que escreveu suas falas.

    Quando Jesus diz que se você não puxar o saco de Deus vai se fuder no Inferno, ele está sendo original. Mas quando Jesus diz pra oferecer a outra face quando te agredirem, ele está só plagiando. Deu pra entender?

    É isso, por ora, meu caro. Vou me ausentar por alguns dias, mas espero que você volte aqui, e nos conte mais sobre essa nova religião que você inventou, e nos dê mais detalhes sobre como você idealizou o seu inferno e o seu paraíso, bem como nos descreva esse deus em que você achou melhor acreditar.

  3. Cara…o que fizeram com você ??? …isso aconteceu na sua infância, ou foi depois de adulto mesmo? deve haver um completo vazio escuro na sua alma….

    Diga, assim desse jeito você consegue amar alguém, ou também não acredita no amor, mas apenas no sexo para procriação ou para prazer individual??

  4. Barros, meus parabéns… você deitou e rolou!!!!

  5. como assim “o que fizeram com você”? naum entendi….

  6. Um dia Barros você vivenciará situações que chamará por Deus e que Ele tenha misericórdia da sua alma

  7. Barros
    Esse texto é um dos meus preferidos. Você consegue em poucas palavras expor todo o nonsense dessa mitologia em particular, fazendo isso com a dose de humor ácido exata.
    Tem um aspecto dessa mitologia que os crentes nunca enxergam, mas que deveria servir para abrir os olhos de qualquer um e desmontar toda a coisa num átimo.
    Se Jesus era Deus, não teve sacrifício nenhum, ele era…Deus, ué.

  8. George Kieling,

    não sei se você é novo por aqui mas acho que o problema começou por foi você ter falado que é ateu e em seguida se contra-dizer…

    Acredito que todos somos moradas de hipocrisias e mentiras mas os excessos embutidos nos sistemas religiosos/teístas são, na minha opinião, mais evidentes e por isso mais passíveis de críticas de toda sorte. Talvez você ainda não esteja acostumado com isso mas a liberdade de expressão tem sido explorada das mais diversas maneiras hoje em dia. Em termos de linguagem, você notou que o Barros abusa da acidez. Eu particularmente adoro a ironia. E você ?

    Como é que você veio parar aqui ?

  9. Quero vê no Dia do Juízo voces com essa arrogancia todas. O machado já está pôsto à raiz das árvores. Voces vai ser lançados ao fogo.

  10. Ana, esse “o que fizeram com você” implica em dizer que aconteceu alguma coisa na vida deste cara, em algum momento, pois passaram um rolo compressor na mente dele; não é que ele não acredtida em Deus, mas o problema é que ele quer provar que todos os outros estão errados, e dá para perceber, entre uma linha e outra, que ele não acredita na própria vida.
    Eu posso não concordar com o que ele diz, mas devo respeitar a opinião dele (como se diz: “defenderei até a morte, sua liberdade de dizê-lo”), e como dito já acima, a liberdade de expressão é uma dádiva.

    Fernando, sou novo realmente, e vi o link postado para esta página no facebook.
    Sim, como você disse, somos moradas da hipocrisia, e nossa luta diária deveria ser as sucessivas tentativas de nos livrarmos dela, deveriamos fazer, aquilo que pregramos. Usamos várias máscaras no trato com nossos semelhantes; idolatramos as pessoas e deuses errados, por desconhecimentos ou por favorecimentos, .. tudo isso aceitável.A medida que você vai vivendo, ganhando experiencia, adquirindo novos connhecimentos, vivendos outras realidades, novas portas vão se abrindo e as pessoas que você deixa pra trás, tornam-se cada vez mais ignorantes perante você (a ponto, inclusive, de você ser taxado de louco perante elas, quando vier com novas idéias).
    Mas a critica que devemos fazer a um sistema religioso deveria ser a de que se ele realmente serve para você.

    … amanha continuo este papo…que estou indo dormir…abs

  11. ótimo texto, vou compartilhar na minha página. Outra coisa. O cara que mentiu dizendo ser ateu, é religioso CRISTÃO dos mais fervorosos. O papinho é o mesmo de todos, inclusive a mentira de se dizer ateu ou ex-ateu, que é extremamente comum. Afinal era moda nos templos se dizer ex-drogado, ex-estuprador. Agora, mais uma..

  12. Bruno, você não me conhece, portanto, não é capaz de dizer se estou ou não mentindo. Ser ateu não é questão de modisfmo, como você falou, pois você está julgando seguindo seus próprios parâmetros, pois é assim que funciona. Se você tiver uma rica experiência de vida, com aculturação em vários lugares e povos, sabedoria experimentada pela leitura de vários livros, formação técnica continuada da nossa sociedade, você terá uma base melhor para julgar alguma coisa, mas mesmo assim,ainda não seria um julgamento justo, mas julgar alguém é para lá de surreal, pois você não viveu o que este alguém viveu para saber como ele se sente.
    Ser ateu é uma experiência pessoal e não compartilhada, nem ao menos deve ser defendida, como se faz aqui. Vejo muitas pessoas, e aqui isto está bem representado, querendo dar uma de Don Quixote, lutando por causas perdidas e se sentido o máximo, principalmente quando escreve tão vulgarmente assuntos religiosos, como se quisesse gritar aos sete ventos que não dá a minima para nada, pois no fundo se trata exatamente disso quando você não dá a minima para nada: É PORQUE VOCÊ REALMENTE É UM NADA.

    São pessoas ou grupos assim, que se estivessem no dominio de uma sociedade maior, em uma posição de liderança, ou tivessem o dom da oratória e do convencimento, provavelmente levariam seus súditos à guerra e à destruição de si, pois é isso que sabem fazer: DISCÓRDIA.

    Amigos, sejam mais criativos e deixem que cada um pratique o que quiser praticar, acredite no que quiser acrediar, pois esta verdade está muito além da nossa ciência.

    Vou reafirmar minha posição aqui: não acredito em um deus criador de tudo, não acredito em julgamentos após a morte, Jesus para mim foi um lider, tal qual já tivemos tantos outros ao longo dos últimos seculos e milênios e sua palavra é um bom ensinamento filosófico: que basicamente pregava o amor, tal qual Gandhi também pregava.

    A religião cristã foi institucionalizada e amorallizada na idade média e hoje ainda tem alicerces baseado em hierarquia e poder e dominiio de seus súdidos através de uma completa lavagem cerebral, mas para quem tem um visão um pouco mais aberta, pode se livrar disso tudo, e ficar apenas com o básico, se quer ralmente acreditar nela.

    Mas nada nos dá o direito de dizer que isso é errado, cada um que descubra o que é errado por si mesmo.

    Independente das necessidades de alguns mais esclarecidos, sempre haverá a necessidade maior, de um grupo da sociedade que apenas sobrevive, esquecida, enfraquecida e descrente. Para este grupo nós temos a religião institucionalizada, temos Faustão., temos Fantástico, temos Jornal Nacional , temos beijos de políticos em épocas eleitorais, e temos tudo mais que nossa midia consegue inventar para dar um pouco de alento aos mais necessitados de esperanças. Há…esqueci de falar, que para aqueles necessitados de alguma crença, mas que se julgam espertos ainda temos aquela infinita informação de auto-ajuta, vindo trasfigurada de filosofia.

    Boas festas, amigos.

  13. Estudei 15 anos em colégio católico, e desde sempre questionei esse “Deus” que se prega no cristianismo.

    Para mim, ele tem a mesma imagem que tenho de um ditador do terceiro mundo, é arrogante, vaidoso e psicopata, vc tem o livre arbítrio de viver segundo suas regras, do contrário ele se vingara de vc, com doenças, desastres naturais, matando quem vc gosta, etc.

    Se esse “Deus” é assim, não consigo nem imaginar como é o “Diabo”.

  14. George Kieling
    O seu ateísmo é contraditório, mas se você está bem com isso, vá lá que seja, direito seu.
    Se você tem problemas em confrontar o pensamento dominante, é uma questão particular. Se ao longo da História todos tivessem agido como você, ainda estaríamos achando que a Terra é o centro do Universo, ou mulheres ainda estariam morrendo aos montes por infecção puerperal, só para nos determos em dois casos de pensamento dominante equivocado quando não danoso.
    Não são as pessoas que se encolhem conformadas com o status quo que trazem mudanças necessárias ainda que venham a reboque problemas e dores. Mas a crise é necessária, muitas vezes.
    E tudo que é amoral,antiético, pernicioso, não só pode, como deve ser confrontado e combatido.
    A maioria das pessoas segue suas religiões pacificamente, posso concordar com isso, mas não são elas que causam diretamente tantos males, são os líderes, são aqueles que usando o peso que a massa de crentes lhes confere, tripudiam sobre o indivíduo e sobre o coletivo. Nesse fim de ano, por exemplo, Joseph Ratzinger incitou o ódio e a intolerância contra os homossexuais; o Talibã patrocinou um ataque terrorista em Peshawar, o conflito israelo-palestino só tende a piorar, dia 23 agora um homem foi linchado no Paquistão por supostamente ter cometido blasfêmia; o rol é interminável.
    Então, se para você, quedar-se submisso e calado é uma opção confortável e conveniente, assuma isso.
    Só não venha tentar fazer parecer que por agir assim você está num patamar superior em relação a quem pense diferente.

  15. Fernando, se esse deus tem a imagem de um ditador, então, no fundo, você acredida em um deus, mesmo que ele seja um arrogante. Se você estudar as diversas civilizações que já habitaram a Terra verá que a religião sempre acompanhou a todos, mesmo sem explicação ela ainda assim é uma necessidade humana. Hoje, analizando a Mitologia, percebemos que os deuses eram diversos e tinham virtude e defeitos humanos, com o passar do tempo, passamos a crer em um deus único, mas que estabeleceram diversas religiões pela Terra. Com a separação da religião-filosofia-ciência estamos nos afastando um pouco de deus, pois agora vivemos numa era muito material e as imagens em que acreditamos são outras, ou seja, aquelas trazidas pela ciencia: metodologia cientfifica, computadores, NASA, google, etc – continuamos acreditando numa força que foge ao nosso entendimento -, e mais modernamente, com as descobertas da fisica, e entendimento de que materia e energia são duas faces da mesma moeda, começamos novamente a acreditar em um deus, que agora é individual, e que está dentro de cada um.
    Embora esteja sempre mudando, há a necessidade de uma entidade que estabeleça ordem no caos, e mesmo não querendo isso, ainda assim acreditamos em alguma coisa. A pergunta que fica é: EM QUE ACREDITAMOS?

  16. Barros,
    Parabéns pelo seu excelente e esclarecedor texto. Esse seu estilo ácido e “vulgar” é o que torna seus textos interessantes, atraentes e… verdadeiros! (desculpa aí, George Kieling).

    Shirley S. Rodrigues,
    Fantástica a sua resposta ao sr. George Kieling discorrendo sobre o pensamento dominante e mostrando quem são os verdadeiros responsáveis pelas mudanças positivas na nossa sociedade. Se hoje vivemos num mundo “relativamente” confortável (do ponto de vista moral, social, econômico, político etc.), com certeza não se deve a homens “…que limpavam a bunda com areia quente” (se é que você me entende, George Kieling) e sim a pessoas, como o barros, que não estão “nem aí pra nada”, mas falam o que pensam e contribuem para o confronto ao pensamento dominante.

    George Kieling,
    Seja bem vindo a este blog.
    Deu pra perceber que você escreve muito bem e possui um nível cultural bem acima da média. Isso é muito bom.
    Um conselho: imprima o texto da nossa amiga Shirley S. Rodrigues, e coloque na sua cabeceira. Leia-o pelo menos umas vinte e uma vezes todos os dias antes de dormir e aí, provavelmente você entenderá, por tabela, o que o Barros quis dizer no seu tão criticado post.
    Todos nós temos o direito de acreditar (e pagar) no que bem entendermos. Mas também temos o direito de sermos alertados aos danos que isso pode estar nos causando e a outrem. Se estes “alertas” serão educados, politicamente corretos ou vulgares, agressivos e escrachados, e, principalmente, se surtirão efeito aos alertados, aí já é outra história!!!

  17. Pois é, caro Barros. Este texto medonho só prova uma coisa: Você não entende nada de Bíblia. Como faz falta o Espírito ao homem!

  18. “Estudar é bom”… o texto da Shirley é bastante coerente, mas é uma pena que não acrescenta nada as minhas idéias e acabo não aprendendo muita coisaa, mas com a cabeça deturpada do resto de vocês, isto sim dá para aprender alguma coisa. No fundo pensamos (Shilery) de maneira parecida, muito embora ela tenha colocado uma ou outra frase para “marcar território” e fazer a devida distância.de nossos textos.

    Mas “estudar é bom”, seu texto anterior parece meio incoerente, pois você diz que meu nivel cultural é bom, mas mesmo assim, manda eu ler umas vinte e uma vezes o texto da Shirley. Será que com apenas uma leitura eu não o entenderia?

    Ou talvez você acha que repetindo uma idéia de alguém varias vezes eu acabaria absorvendo esta idéia, tal qual se prega nos cultos religiosos diversos? …sim, mas isto então seria a mesma arma dos religiosos que você diz ser contra! ora…você está pregando uma coisa e fazendo outra e isto meu amigo “Estudar é bom” … é por que você, no fundo,, é um hipócrita!

    Espero que você não se ofenda com “hipócrita” pois estou usando algumas palavras do seu dicionário “ácido”, que você parece tanto gostar. Aliás, Noam Chombsky afirmava que se você quer respostas inteligentes, faça perguntas inteligentes e se você quer respostas burras, faça perguntas burras – ele tentava explicar como ocorre a manipulação das massas pelos meios de comunição e cictou até o Wiliam Bonner do JN, que faz telejornal para imbecis, quando os trata como imbecis, que é algo parecido que ocorre aqui no blog.

    Não gosto muito deste linguajar “ácido”, mas compreendo que ele é uma apelo popular muito oficiente para chamar a atenção de classes menos instruidas, e muito interessante seu uso quando carece-se de argumentos convincentes.

    A questão central aqui, se vocês ainda não se deram conta, é que não interessa a idéia defendida, pois é um disparate ficar discutindo se deus existe ou não existe, pois é apenas uma questãao de fé, mas importante é a discussão em si, pois ela é que nos engrandece, nos faz pensar,

    Vejam amigos, se vocês ainda não tem a resposta que querem, talvez seja porque ainda não estejam fazendo as perguntas certas.

    George Kieling

  19. Amados irmãos da congregação,

    só pra esclarecer : eu sou o caminho, a verdade e a vida…

    O outro é Fernando.

  20. O outro é Fernando [ com cara de ] Diabo…

    KKKK!!!

  21. Ainda bem que você esclareceu, Fernando!

    Quer dizer que dentro de você existem duas pessoas ? – que fique bem claro: NO BOM SENTIDO! …rs…rs.. -, de qualquer forma, isto quase que implica em dizer que você vive uma dualidade, uma dúvida, entre o que você aprendeu e entre o que você quer aprender, não seria isso?

    Uma dúvida marca o inicio do conhecimento, pois é quando começamos a nos questionar, que surgem as verdadeiras perguntas com sentido, mesmo achando que não fazem sentido algum.

    Mas a cara do diabo nos instiga mais, não é assim? só que esta máscara fica sempre em segundo plano, para não sermos taxados de loucos.

  22. Eu aceito a mensagem numa boa, sem me incomodar com a ideologia por trás disso, porque a mensagem é uma mensagem de paz e amor e o mundo precisa disso. Não quer dizer que me vergo perante seus fundamentos, pois afinal, para que serviria o livre arbítrio e o senso crítico?

  23. “Ana, esse “o que fizeram com você” implica em dizer que aconteceu alguma coisa na vida deste cara, em algum momento, pois passaram um rolo compressor na mente dele;”. Eu não entendi. VocÊ não consegue refutar os argumentos do texto nem dizer nada que refute os argumentos e espera que o cara seja doido ou um infeliz desesperado para que com isso os argumentos que você não consegue refutar sejam invalidados. POis eu te digo que não vi nada disso que você falou no texto em tela, e mesmo que o texto tivesse sido escrito por uma suicida você não poderia usar isso para desmerecer o que foi argumentado aqui. Eu acho isso uma grande falta de estrutura intelectual o fato de querer invalidar argumentos tentando desmerecer quem os fez e nao os próprios argumentos.

    Pat

  24. George Kieling, Deus não existe cara.. se amanhã vc acorda e percebe que todos, ou a maioria dos seres humanos do planeta acreditam veemente que se você sair sem usar cueca você morrera no fim do dia, o que você faria??? Não te daria vontade de dizer pra todo mundo que essa crença é absurda?? de estapear o rosto do seu melhor amigo pra que ele volte a ser são? É assim que eu me sinto como ateu.. Ser ateu é perceber que todas as pessoas que você ama acreditam numa mentira, e quase não poder fazer nada…

  25. Ana, leia um pouco os textos de Joseph Campbel sobre “O Poder do Mito” e você poderá perceber que lendas, mitos e religião precisam ser encaradas não cientificamente, mas sim dentro de um contexto socio-cultural. A função do mito (talvez da religião) é muito mais apazigar nossa alma com explicações intermediárias de fatos que desconhecemos, mas que a vista de um longo periodo fazem todo o sentido. O texto do blog quer explicar cientificamente algo que não pode ser explicado desta maneira, portanto, está usando de argumentos que não explicam nada. Todo o mito vem envolto em uma áurea de simbolismo que só se justifica se você fazer uma pesquisa mais ampla, e não com argumentos “caseiros” e besteirol….

    Não há argumento algum que possa ser justificado neste texto, bem como no que você está dizendo…ou seja, VOCÊ ESTÁ FALANDO NO VAZIO.

  26. João Pedro. Eu não acredito em deus – este é um ponto; mas o outro, é também aceitar o fato que eu não posso provar que ele não existe, bem como não posso provar que ele existe.

    Baseamos-nos em metodologia científica para dizer que ele não existe; mas na idade média a metodologia científica usada para extrair uma confição era a tortura, e se você ler o “Martelo das Feiticeiras” poderá ver que os inquisidores acreditavam piamente nisso e era a ciência da época. O que hoje é uma ferramenta para creditar os fatos, amanhã, poderá ser apenas bruxaria,

    Devemos deixar as pessoas livres com suas crenças,

    Não é correto dizer que deus não existe, porque não podemos provar isso, e os “argumentos” usados aqui não podem ser válidos, pois ainda não temos as ferramentas para isso (e a julgar pelo caminho que seguimos nem teremos tão cedo), nem o devido preparo psiquico para entender o que realmente significa VIDA.

    Tudo o que podemos ter são conjecturas, preconceitos. e fé.

  27. Barros, meu bom Barros, você cobra tanto argumentos e, no entanto, não oferece nenhum!!! Seus textos são meros xingamentos gratuitos à fé alheia. Você parece uma criança birrenta e mal educada, tão ridículo que nem se dá conta.
    Ser ateu é um direito seu, isso é inquestionável e legítimo. Só que, no seu caso, seus “argumentos” são tão puerris!, TODOS os seus textos são arremedos de alguém mal consigo mesmo quee, como defesa, agride.

    Por que você cobra tanto provas? Acaso já nos apresentou alguma da sua “certeza”?

    Seja FELIZ, sempre! Muita PAZ, AMOR e LUZ em tudo na sua vida. Meu votos são SINCEROS, acredite!

  28. não, George Kieling, você não é ateu… você fala como se houvesse 50% de chances de deus existir e 50% de não… se vc realmente se informasse sobre o assunto você perceberia que isso é um absurdo… Na comunidade cientifica nunca temos 100% de certeza de nada, mas analisando a história do cosmos, do planeta, da vida e da raça humana podemos perceber que a possibilidade de existência de um deus religioso é praticamente nula… todos os eventos desde o big bang pra cá podem ser descritos puramente por ciencia, logo, de lá pra cá não houveram forças sobrenaturais agindo sobre o universo. Recomendo que você pesquise sobre o chamado “deus das lacunas”.. e você vai ver que quanto mais evoluímos nossa ciência, mais fenômenos são explicados e, portanto, menos papel tem um deus… e a tendencia é que isso continue assim… ja acreditamos em bruxa, como você mesmo disse, mas hoje não acreditamos mais.. por que vc acha que no futuro voltaremos a acreditar? Deus não existe cara… sua concepção ideológica é completamente ilógica.. tome isso como prova… um ser onipotente não pode ser oniciente, se ele sabe tudo o que ele vai fazer, ele não pode fazer qualquer coisa, mudar de planos… esses dois ‘poderes’ são mutuamente excludentes…
    ta aí a sua prova

  29. Por que você cobra tanto provas? Acaso já nos apresentou alguma da sua “certeza”?

    Meu caro, não sou eu que tenho amigos imaginários… Essa recorrente lenga-lenga de pedir provas aos ateus acerca da inexistência de Deus só tem um nome: desespero intelectual.

    E preciso lhe lembrar que você, como todos os crentes, nunca se deram ao trabalho de refutar meus argumentos. Tudo o que vocês sabem é chorar o eterno mimimimimi de quem não pode responder à altura, pelo simples fato de que não há como responder à altura…

    E fico-lhe muito grato por isso.

  30. aconteceu alguma coisa na vida deste cara, em algum momento, pois passaram um rolo compressor na mente dele; (…) e dá para perceber, entre uma linha e outra, que ele não acredita na própria vida.

    Isso, meu caro: procure encontrar defeitos acerca do autor dos argumentos, porque os argumentos você não tem como refutar. Vá em frente, quase nem dá pra perceber que você tá fazendo isso…

  31. Baseamos-nos em metodologia científica para dizer que ele não existe;

    Eu não. Eu me baseio nas bobagens que levam o crente a dizer pra mim que Deus existe:

    — Deus ouve minhas preces e me protege dos perigos.

    — É mesmo, irmão? Vamos ver se isso é verdade?

    Devemos deixar as pessoas livres com suas crenças,

    Ah, como é fácil dizer isso num tempo em que ninguém é mais queimado vivo por não acreditar num monte de idiotices…

  32. Barros eu estou com um blog no wordpress e uso o mesmo tema que o seu mais eu não consigo deixar os comentaristas em destaque como você , então eu gostaria de saber qual é o widget que você usa pra esta função ali onde você escreveu Pedradas, se puder me ajudar eu agradeço.

  33. Olha lá nos Widgets disponíveis que tem que ter um chamado “Comentários”. É só arrastar para a barra lateral.

  34. valeu barros muito obrigado.. eu estou começando agora e também é sobre ateísmo meu blog..ainda não estou divulgando , mais assim que tiver mais posts eu começo a divulgar..no facebbok , twitter etc

  35. Barros,

    fico pensando se até diante de pessoas sãs você já deve encontrar alguma forma de resistência para a publicação do livro, imagino como será o embate com os crentes. Fico imaginandO se você vai mesmo conseguir uma editora para publicá-lo. Você se lembra do Salman Rushdie ? Já pensou você lá no Jô falando do sucesso espinhoso do livro ?

    Allahu Akbar , só que não …

    Se quiser responder em “off” tudo bem.

  36. Não, George Kieling,
    eu não sou hipócrita. O que eu fiz, ao sugerir que você lesse o texto da Shirley vinte e uma vezes, foi usar de ironia. Desculpe por me esquecer de colocar aspas, achei que fosse desnecessário (interpretação de texto também demonstra nível cultural). Porém, ao ler o que você escreveu “… o texto da Shirley é bastante coerente, mas é uma pena que não acrescenta nada as minhas idéias e acabo não aprendendo muita coisaa” percebo que preciso corrigir meu conselho passá-lo de ironia para literal. Corrigindo:… imprima o texto da nossa amiga Shirley S. Rodrigues, e coloque na sua cabeceira. Leia-o pelo menos umas TREZENTAS e vinte e uma vezes todos os dias antes de dormir e aí, provavelmente você entenderá, por tabela, o que o Barros quis dizer no seu tão criticado post.

    Outra coisa: se der tempo, assista esse video (é divertido e leve) do seu quase homônimo George Carlin. Quem sabe você pode “acrescentar algo às suas ideias e acabar aprendendo muita coisaa” com ele.
    Fica com Deus!

  37. Eu desafiaria qualquer um aqui a pensar em um questão sobre a qual nós uma vez tivemos uma resposta científica, porém inadequada, mas para a qual agora a melhor resposta é religiosa.

    Sam Harris.

  38. Fernando, o livro vai ter que esperar mais um pouco, porque eu andei vendo uns preços com uns profissionais que conheço, e descobri que só pra fazer a capa e a diagramação de um livro de 400 páginas, eu teria que desembolsar uns 10 mil reais, no mínimo. O preço pra diagramar uma única página fica em torno de 20 a 30 reais. Por aí você tira…

    Abraço

  39. Fernando, você é como um crente seguidor de maus líderes. E sua ignorância o faz tender apenas para um lado da moeda.

    Sam Harris, neste debate, se descontrola e passa a agredir a Bíblia, e torna-se ofensivo contra a epistemologia e a semântica moral cristã quando vê seus argumentos virarem pó. Uma vergonha seu líder!

    http://mikemooreac.blogspot.com.br/2011/07/debate-william-lane-craig-x-sam-harris.html

  40. Para quem estiver interessado no debate completo, mas é em espanhol. Os neo-ateus já são considerados subversivos doutrinários.

    http://descontradizendocontradicoes.blogspot.com.br/2012/07/debate-completo-entre-william-lane_05.html

  41. Como o senhor Barros pretende escrever até mesmo um livro de 400 páginas, seu blog será indicado à Sociedade Conservadores Ateus.

    Sociedade Conservadores Ateus: Nota de repúdio a algumas organizações ditas ateístas

    A Sociedade Conservadores Ateus vem, por meio desta, declarar que não reconhece as seguintes entidades como representantes dos ateus brasileiros – sequer os consideramos como entidades ateístas: “ATEA – Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos”, “Ateus do Brasil”, “Bule Voador”, “LiHS – Liga de Humanistas Seculares” e “UNA – União Nacional de Ateus”. Não possuímos qualquer ligação, compromisso, parceria, irmandade, solidariedade com as tais. Repudiamos todas as suas manifestações (escritas, audiovisuais ou de qualquer outra natureza) quando pretendem falar em nome do ateísmo. Não reconhecemos como representantes dos ateus brasileiros os senhores (as): Eli Vieira, Asa Heuser, Daniel Sottomaior e Yuri Grecco, dentre outros.

    A Sociedade Conservadores Ateus vem, por meio desta, declarar a todos os irmãos brasileiros que ateísmo é simplesmente ausência de fé em deuses, como se pode facilmente deduzir do próprio termo “ateu”, do grego “atheo”. Alertamos a todos para as distorções que os grupos anteriormente mencionados têm feito com relação ao significado de ateísmo. Do fato de não acreditarmos em divindades, não implica em sermos contrários à sua religião, à sua fé, aos bons costumes, ao conceito de família, à decência, à moral ou à ética.
    A Sociedade Conservadores Ateus desaprova, desaconselha, repudia e combate todas as formas de antiteísmo e anticristianismo. Entendemos ser o direito à fé e à crença, como sendo inalienáveis. Bem como o direito à descrença.
    A Sociedade Conservadores Ateus apela a todos os ateus desavisados que não promovam as organizações mencionadas. E convida a todos os verdadeiros ateus a que se unam num protesto contra estas organizações que têm tentado vincular ateísmo (simples ausência de crenças em deuses) às suas ideologias pessoais e visões de mundo.
    Não há qualquer vínculo do ateísmo à apologia homossexual, à agenda gay, ao feminismo, ao abortismo, à militância pela descriminalização das drogas ou ao humanismo secular.
    Paz a todos!

    Fonte:
    http://conservadoresateus.blogspot.com.br/2011/12/aviso-nota-de-esclarecimento-sobre.html

  42. Um bando de covardes esta Sociedade Conservadores ateus; não tem coragem de ir pra luta e expor suas idéias.
    Alias até penso que estão mancomunados com a liderança religiosa.

  43. Eu mesmo crendo em Deus adorei o comentário da Shirley; espero que gente como ela, o Barros etc; nunca se acovardem como esta Tal sociedade C. Ateus.
    O Bule voador ta cagando e andando pra esta sociedade de covardes.

  44. Eis aqui um cara mais sensato

  45. LIVRE,

    A Sociedade Conservadores Ateus(SIC) ,esqueceu-se de dizer que o ateísmo nada tem a ver com o comunismo,como soem dizer alguns cristãos.Nem com o ruralismo…ou o cientificismo…ou com a astrologia…ou com o capitalismo…enfim,cada ateu tem sua idiossincrasia.Essa tal “Sociedade” deve ser composta por aqueles idiotas que desejam refundar a famigerada ARENA.Esta “Sociedade” não me representa e não tem nenhuma autoridade para reconhecer ou não quaisquer movimentos ligados ao ateísmo.
    Você também deve ser um conservador,daqueles que acham que a máfia gaysista,juntamente com os iluminatis e os maçons, querem dominar o mundo e torná-lo um antro de fornicação e luxúria.Além do “genial” Craig,você deve ler Olavo de Carvalho,Reinaldo Azevedo,Diogo Mainardi,Merval ,Villa ,Fiúza e quejandos.É um direito seu.Creia no que e em quem você quiser.Só não espere,você e a tal “Sociedade” ,que nós,verdadeiros ateus,fiquemos quietos diante de toda ignomínia causada pelas religiões e seus deuses.Nosso direito de livre opinião é tão sagrado quanto o seu direito de ser um conservador e cristão.Se a tal “Sociedade” é contra a manifestação ou a divulgação do ateísmo,ela própria não poderia sequer existir.Fie-se aos seus pseudo-pensadores e restrinja-se ao seu universo mítico-mágico.Talvez assim sua argumentação torne-se mais palatável e menos inverossímil.

    Até.

  46. Washington da Cruz,

    Eu apenas exponho – sociologicamente – os fatos, e, em nenhum momento, pretendo seguir a nenhum grupo, pois procuro seguir ao meu líder verdadeiro, desde que esteja de acordo com meu bem estar (o que de fato acontece), logo, chamar o neo-ateísmo de um grupo onde cada um é individual, não somente é falacioso como descaradamente mentiroso, uma vez que o único argumento que vocês possuem, é o de ofender, invectivar as pessoas que têm algum tipo de fé ou crença. Tal postura não poderá ser aceita; e digo que, dentro em breve haverá discussões mais sérias no Senado a respeito de tal postura maquiavélica. E não adianta você ficar sugerindo leituras como se eu fosse ignorante, essa falácia e estupidez não colam comigo. A “verdade”, geralmente pode ser discutida e interpretada sob vários pontos de vista, entretanto, meu caro, a subversão e agressão dos neo-ateus já chegaram aos altos escalões políticos, e como todo grupo subversivo, deverão se preparar para questionamentos, a começar pela questão: em que vocês se baseiam para auferir autoridade e liberdade em se expressar, usando estratégias bélicas, parecendo um grupo de animálias ferozes que querem impor, pela violência (mesmo que verbal) seu lugar na natureza, ou seja, suas crenças absurdas? Seus líderes já estão sendo observados e combalidos, e quando a cabeça for degolada, o corpo, fatalmente cairá. Concordo com discussões saudáveis, apresentação de fatos científicos, novas ideologias, etc. Porém a postura iracunda desse contra-senso chamado neo-ateísmo já está mexendo com o status quo talvez, mas em um sentido deplorável. Se fosse uma revolução para o bem da humanidade, não haveria necessidade de tantas agressões às pessoas de fé. Se não acredita, espere para ver onde dará tal movimento baseado em mesquinharia e sordidez humanas. Não se força situações, antes, com inteligência, amor à humanidade e silogismos homens mudam uma era, uma visão.
    “Cada ateu tem sua idiossincrasia” – Você, me desculpe, é mestre em falácias pobres, pois todos vocês têm a mesma linguagem: a da ofensa e do cinismo. O que me fez lembrar Dostoiévski que disse que “a perversidade deve não somente ser autorizada, mas reconhecida como a saída mais razoável de cada ateu.”

  47. Agradeço à participação da “Sociedade Conservadores Ateus” e pelas suas colocações ao tópico. Eu ia colocar algumas informações adicionais, que dizem respeito à argumentação científica sobre a existência ou não de um deus, de como o mundo científico está mofificando sua idéias sobre religião baseado em novas pesquisas científicas e também uma opinião pessoal sobre ciência e religião, mas fica muito evidente aqui que a questão não é discutir isso, mas sim a defesa de um único ponto de vista pessoal e muito radical onde a argumentação não parece ter muita relevância.

    Dizer simplemsmente que não concorda e que as linhas gerais da base religiosa não fazem sentido não é argumentação para discutir religião, pois carece da interpretação de símbolos, carece de levar em conta a fé das pessoas, carece de um estudo hstórico de como as religiões surgiram e como evoluiram, carece de um espírito evoluido e sem preconceitos para avaliar criticamente sem se deixar influenciar por opiniões pessoais.

    Apoiar a idéia de ser ateu é uma coisa, combater quem não é ateu é outra coisa. No fundo, grupos tão radicais assim são muito parecidos com aqueles que vemos causando males ao mundo como é o caso dos neonazistas, skinhead e kkk.

    Amigos, saiam dessa, pratiquem o ateismo com sabedoria, sem tentar converter ou combater quem não o seja, apenas passem a mensagem de forma amigável, não sejam radicais!

    Despeço-me do tópico, foi um prazer discutrir com vocês e desejo a todos boas festas.

    George Kieling

  48. ADAMANTDOG,

    Você, como se diz, está mais perdido do que cego em um tiroteio.

    “Eu mesmo crendo em Deus adorei o comentário da Shirley;”

    Como alguém que supostamente crê em Deus pode “adorar” um pensamento ateísta repleto de falsidade ideológica? Não será você quem está mancomunado com os ateus? Vejo-o como alguém em cima do muro esperando para ver quem está certo.
    Apenas como exemplo cito uma frase do adorado texto:

    “E tudo que é amoral,antiético, pernicioso, não só pode, como deve ser confrontado e combatido.”

    O termo “combatido” não revelaria um certo incitamento a brigas? “Questionado” denotaria mais civilidade e tolerância, a meu ver. E não é isso que esses neo-ateus mais fazem, ou seja, combater, ao xingarem deuses e pessoas, provocando guerras psicológicas e verbais? E quem seria a autora para definir o que é amoral, antiético, e pernicioso à humanidade?

    Como “adorar” textos tão tendenciosos e estultos?

    Decida-se, meu camarada. Diz a Bíblia, antiga e sem valor para ti, que a pior espécie de homem, para Deus, é aquele morno, nem quente e nem frio.

    “Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; oxalá foras frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és quente nem frio, vomitar-te-ei da minha boca.”
    Apocalipse 3:15-16

    Fique na Paz!

  49. Washington da Cruz,

    Com todo respeito, mas sua posição me fez lembrar Mateus 12.25:

    Está escrito:

    “Jesus, porém, conhecendo-lhes os pensamentos, disse-lhes: Todo reino dividido contra si mesmo é devastado; e toda cidade, ou casa, dividida contra si mesma não subsistirá.”

    E agora, ateus contra ateus?!

  50. Sr. Livre no seu primeiro comentário falou igualzinho ao inquisitor da idade média e se isto qeu o Sr. falou sobre o Senado for verdade (O que eu não duvido) sera o maior retrocesso da história (quer dizer não temos argumentos então vamos calar a boca dos ateus a força)

    Agora ja teu segundo comentário eu gostei; então quero te dizer Sr. Livre que: Descer do muro naõ tem que ser depressa (ninguem se torna ateu da noite pro dia é todo um processo) larva ; crisalida e por fim borboleta.

  51. Barros sabe se os livros do Alfredo Bernacchi ja estão disponiveis na internet de novo? (eu vivo formatando o meu pc).
    Qual a melhor nuvem pra guardar estas coisas?(gostaria da mais popular)
    Que triste os crentes qeu se dizem tão perseguidos fazerem esta inquisição contra o Alfredo (Depois reclamam que naõ tem liberdade nos paises islamicos)

  52. Esqueci de um detalhe Sr. Livre : Qdo um ateu fala em combater é combater as idéias; agora qdo um crente fala em combater eu tenho até medo porque ai é usando todo artificio possivel desde das leis até a violencia. (Menos Deus ; deixar pra ele não da )sera qeu não é porque no fundo bem la no fundo não o acham um apático inutil?

  53. LIVRE,

    [[Eu apenas exponho – sociologicamente – os fatos, e, em nenhum momento, pretendo seguir a nenhum grupo, pois procuro seguir ao meu líder verdadeiro, desde que esteja de acordo com meu bem estar (o que de fato acontece), logo, chamar o neo-ateísmo de um grupo onde cada um é individual, não somente é falacioso como descaradamente mentiroso, uma vez que o único argumento que vocês possuem, é o de ofender, invectivar as pessoas que têm algum tipo de fé ou crença.]]
    R: além do fato do uso da conjunção “logo” não fazer o menor sentido,os demais argumentos são contraditórios ,pois você mesmo diz ter encontrado um grupo de “neo-ateus” que não corresponde às características por você descritas;

    [[Tal postura não poderá ser aceita; e digo que, dentro em breve haverá discussões mais sérias no Senado a respeito de tal postura maquiavélica.]]
    R:que elas aconteçam.Espero que as diatribes proferidas pelos cristãos contra ateus e contra as demais religiões sejam também contestadas nesta seção;

    [[E não adianta você ficar sugerindo leituras como se eu fosse ignorante, essa falácia e estupidez não colam comigo.]]
    R:Eu não sugeri leituras.Disse que provavelmente elas seriam suas leituras de cabeceira.Todos estes “pensadores” que citei são de linha de pensamento semelhantes a sua.

    [[A “verdade”, geralmente pode ser discutida e interpretada sob vários pontos de vista, entretanto, meu caro, a subversão e agressão dos neo-ateus já chegaram aos altos escalões políticos, e como todo grupo subversivo, deverão se preparar para questionamentos, ]]
    R:notável o incômodo causado pelos ateus aos detentores da verdade bíblica suprema;

    [[a começar pela questão: em que vocês se baseiam para auferir autoridade e liberdade em se expressar, usando estratégias bélicas, parecendo um grupo de animálias ferozes que querem impor, pela violência (mesmo que verbal) seu lugar na natureza, ou seja, suas crenças absurdas?]]
    R:idem á pergunta;

    [[Seus líderes já estão sendo observados e combalidos, e quando a cabeça for degolada, o corpo, fatalmente cairá.]]
    R:profecias apocalípticas?Falar em metáforas é mais fácil do que ser direto?Que tipos de ameaças mais os “neo-crentes” têm a fazer?

    [[Concordo com discussões saudáveis, apresentação de fatos científicos, novas ideologias, etc. Porém a postura iracunda desse contra-senso chamado neo-ateísmo já está mexendo com o status quo talvez, mas em um sentido deplorável. Se fosse uma revolução para o bem da humanidade, não haveria necessidade de tantas agressões às pessoas de fé. Se não acredita, espere para ver onde dará tal movimento baseado em mesquinharia e sordidez humanas. Não se força situações, antes, com inteligência, amor à humanidade e silogismos homens mudam uma era, uma visão.]]
    R:que mixórdias mais sem sentido.Que mente confusa emite tamanhas insanidades e ainda se crê dona da verdade?Há maior contrassenso que uma revolução pacífica?Tenha dó!!!

    [[“Cada ateu tem sua idiossincrasia” – Você, me desculpe, é mestre em falácias pobres, pois todos vocês têm a mesma linguagem: a da ofensa e do cinismo. O que me fez lembrar Dostoiévski que disse que “a perversidade deve não somente ser autorizada, mas reconhecida como a saída mais razoável de cada ateu.]]
    R:mestre da falácia pobre?”Quanto mais gosto da humanidade em geral, menos aprecio as pessoas em particular, como indivíduos.”Quem disse isso? O mesmo Dostoiévski .Quer que encaixe novas citações ao meu pensamento,contradiga o seu e o torne mais convincente?Veja esta:”Não será preferível corrigir, recuperar, e educar um ser humano que cortar-lhe a cabeça?”Novamente Dostoiévski.Quanto ao ateísmo há uma dele excelente:”Tenho de proclamar a minha incredulidade. Para mim, não há nada de mais elevado que a ideia da inexistência de Deus. O Homem inventou Deus para poder viver sem se matar.” Quer uma sobre a coexistência da Ciência e da Religião?Ei-la: “A fé e as demonstrações matemáticas são duas coisas inconciliáveis.”E,para finalizar,esta é mais uma dele especial para você LIVRE: “Não há nada mais desesperador para o homem do que, vendo-se LIVRE, encontrar a quem sujeitar-se”.

    Até.

  54. Washington da Cruz,

    Plac-plac-plac!! Palmas para o “mestre”! Você se acha bom mesmo, mas perde a razão quando concorda com textos do tipo “Deus cagava”; e é aí que sua máscara intelectual cai e se suja toda nas fezes de textos neo-ateístas.

    Dostoiévski fez parte do Existencialismo, portanto, e sendo ele russo, você não poderia fazer esse “apanhado” de aforismos e aplicá-los ao seu movimento pós-moderno e confuso.

    És treinado em derrubar a fé e os argumentos alheios, contudo, apenas incautos e néscios cairiam em suas armadilhas bem articuladas. Vejamos:

    – Por que a a conjunção “logo” não faria sentido se eu quis dizer justamente que não pertenço a grupos, fazendo referência a esse mal afamado grupo de neo-ateus? Hum?

    – Anelo que em tal Sessão (com 2 esses) discuta-se o respeito entre os cidadãos, sendo eles crentes ou não; e que entenda-se que xingar pessoas crentes juntamente com seus deuses é crime, e que se reveja o “Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa” (21 de janeiro) por meio da Lei nº 11.635, de 27 de dezembro de 2007, sancionada pelo presidente Luis Inácio Lula da Silva, o que foi um reconhecimento do próprio Estado da existência do problema.

    – Quanto aos livros me pareceram sugestões sim. Porém leio muito ficção, filosofia, e meu livro de cabeceira é a Bíblia e alguns autores que não interessa citar neste tópico.

    – “notável o incômodo causado pelos ateus aos detentores da verdade bíblica suprema;” O que incomoda, de fato, é a postura mal educada, grotesca e baixa com que vocês “analisam” a fé alheia. É ofensivo e odiável.

    – A ferocidade está com vocês e com os islâmicos xiitas que têm tentado extinguir os cristãos árabes que migram para Europa e países como Chile e El Salvador.

    – Não falo de Apocalipse, ou falo. Daí é questão de fé esperar pelo futuro, não?

    – Não pode haver mudanças revolucionárias pacificamente?! Já ouviu falar em Mahatma Gandhi, Jesus Cristo, Dalai Lama? E ainda que revoluções, muitas delas, como a Revolução Francesa tenham se valido de guerras e motins, o fim era honesto, ao contrário de um bando querer convencer o mundo de que Deus não existe, com pedras e palavrões.

    – Quanto a Dostoiévski, comecei falando dele, mas já que você esnobou, mando a réplica dostoievskiana de quem leu quase todos os seus livros:

    “A maior felicidade é quando a pessoa sabe porque é que é infeliz.”

    Fiódor não era ateu, meu caro, era um escritor conflituoso, existencialista e que, genialmente, mergulhava na alma humana.

    Paz!

  55. LIVRE,

    [[Plac-plac-plac!! Palmas para o “mestre”! Você se acha bom mesmo, mas perde a razão quando concorda com textos do tipo “Deus cagava”; e é aí que sua máscara intelectual cai e se suja toda nas fezes de textos neo-ateístas.]]
    R:obrigado pelas palmas.Se gizuiz era a forma humana de deus,é óbvio que ele defecava,ou será que ele não tinha sistema digestório?

    [[Dostoiévski fez parte do Existencialismo, portanto, e sendo ele russo, você não poderia fazer esse “apanhado” de aforismos e aplicá-los ao seu movimento pós-moderno e confuso.]]
    R:sabendo-se da existência de uma vertente ateísta do movimento existencialista(Sartre e Camus entre outros);sabendo-se que o ateísmo nada tem de pós-moderno e;sabendo-se que o fato de Dostoiévski ser russo nada acrescenta ao seu raciocínio,conclui-se que nada me impede de aplicar os aforismos dele para corroborar minhas teses e com isso,assim como você, mergulhar de cabeça na falácia do apelo à autoridade;

    [[És treinado em derrubar a fé e os argumentos alheios, contudo, apenas incautos e néscios cairiam em suas armadilhas bem articuladas. Vejamos:]]
    R:se a fé e os argumentos alheios forem falaciosos,não hesitarei em tentar derrubá-los;

    continua…

  56. …continuando.

    [[Por que a a conjunção “logo” não faria sentido se eu quis dizer justamente que não pertenço a grupos, fazendo referência a esse mal afamado grupo de neo-ateus? Hum?]]
    R:a conjunção em questão designa conclusão e a segunda perte de seu arrazoado não é conclusiva;

    [[Anelo que em tal Sessão (com 2 esses) discuta-se o respeito entre os cidadãos, sendo eles crentes ou não; e que entenda-se que xingar pessoas crentes juntamente com seus deuses é crime, e que se reveja o “Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa” (21 de janeiro) por meio da Lei nº 11.635, de 27 de dezembro de 2007, sancionada pelo presidente Luis Inácio Lula da Silva, o que foi um reconhecimento do próprio Estado da existência do problema.]]
    R:esta lei não foi criada só para proteger crentes de ateus,mas sim,e principalmente,crentes de crentes,senão vejamos: http://www.paulopes.com.br/2011/07/evangelico-invade-sitio-tematico-e.html ;

    [[- Quanto aos livros me pareceram sugestões sim. Porém leio muito ficção, filosofia, e meu livro de cabeceira é a Bíblia e alguns autores que não interessa citar neste tópico.]]
    R:não,não são sugestões.Jamais sugeriria estes autores reacionários a nenhum mortal;

    [[- “notável o incômodo causado pelos ateus aos detentores da verdade bíblica suprema;” O que incomoda, de fato, é a postura mal educada, grotesca e baixa com que vocês “analisam” a fé alheia. É ofensivo e odiável.]]
    R:hahá!então vocês realmente se acham detentores da verdade suprema!

    [[- A ferocidade está com vocês e com os islâmicos xiitas que têm tentado extinguir os cristãos árabes que migram para Europa e países como Chile e El Salvador.]]
    R:não sabia que ateus e islâmicos eram tão amigos.Islamismo, por acaso, é uma subdivisão do ateísmo?

    [[- Não falo de Apocalipse, ou falo. Daí é questão de fé esperar pelo futuro, não?]]
    R:também não falava,estava sendo irônico.

    [[Não pode haver mudanças revolucionárias pacificamente?! Já ouviu falar em Mahatma Gandhi, Jesus Cristo, Dalai Lama? ]]
    R:os dois primeiros foram mortos e o terceiro está longe de seu país.A violência circunda as revoluções,seja por parte dos revolucionários,seja por parte dos mantenedores do status quo.Além disso,Gizuiz não fez nenhuma revolução em seu tempo.Se esta realmente ocorreu(com o que eu não concordo),deve-se às ensanguentadas mãos do nada pacífico imperador Constantino,300 anos depois,tão somente para melhor controlar seu imperio;

    continua…

  57. …continuando.

    [[Quanto a Dostoiévski, comecei falando dele, mas já que você esnobou, mando a réplica dostoievskiana de quem leu quase todos os seus livros:
    “A maior felicidade é quando a pessoa sabe porque é que é infeliz.”]]
    R:ao menos nesta indicação de leitura concordamos.E aí,você sabe por que é infeliz?

    [[Fiódor não era ateu, meu caro, era um escritor conflituoso, existencialista e que, genialmente, mergulhava na alma humana.]]
    R:eu,em nenhum momento, disse que ele seria ateu.

    Até.

  58. Barros
    Se não fosse o risco de linchamento, eis aí uma bela sugestão de título para seu livro, Quando Deus Cagava no Mato.

    Só dei uma olhada nos comentários, mas pelo visto o que mais incomodou o povo foi o título do post, já que debater com “sustança” o exposto no texto, necas.
    Quando Deus Cagava no Mato é um achado, é divertido, irônico e põe o dedo na ferida.

  59. E por falar em excreções, que bando de cagões esses da tal sociedade. Pfff!!

  60. Washington da Cruz,

    Espero que não estejas querendo “bater boca” até à madrugada kkk.

    – Apenas algumas correções: “O ateísmo nada tem de moderno”, mas eu disse e sempre digo Neo-Ateísmo.

    – Escrever “gizuiz” seria a mesma coisa se eu o chamasse de “Washington ateiazinha”. Seria ofensivo e idiota de minha parte.

    – Se Você acha que tem como missão derrubar a fé, vá em frente; derrube as religiões, mas apenas em sua imaginação, pois jamais o homem deixará de crer em Deus. Usando um pouco de ironia (por que não?), derrubar fé e religião, deve ser um bom passatempo para os infelizes com Deus; todavia qual homem derrubaria a Deus?

    – Esqueçamos o “logo” e esqueçamos também “seção” com cedilha. rsrs

    – Não comparei Islã com Neo-ateísmo, a não ser no quesito “ódio” aos cristãos.

    – Com relação à Lei, qualquer um sabe que ateus entram também, seja honesto. Um cristão não deve chamar pai-de-santo de demônio, bem como ateu não pode chamar cristão de “burro com amigos imaginários”. Que eu saiba Lei é para todos.

    – Jesus Cristo está tão distante de Constantino quanto eu de Marte.

    – Minha vez: Por que a defesa agressiva quanto a ser feliz ou não? Bem, eu sou feliz, com todos os meus dissabores na Terra. Falta de grana, carro usado, calor insuportável e ar condicionado quebrado sinto-me feliz, acredite ou não. Por outro lado, nota-se quase que fisicamente suas mágoas. Mas isso é problema seu.

    Por favor, ambos deixamos claro nossos pontos de vista, não falarei mais, e aviso-o para não parecer mal educado de minha parte.

    Sê feliz e tenha Paz, meu caro!

  61. Livre, estou incerta de como me dirigir a você, pois fica cada vez mais parecendo que você é uma outra pessoa, impressionante a semelhança! Vamos ver como anda isso.
    Me diga, você acha que está vivendo onde? Numa ditadura qualquer aí da vida? Então nós ateus seremos aniquilados da face da terra e nossos “líderes” já estão sendo observados e creio que você quis dizer combatidos? (combalido é outra coisa). Você tem líder, cara-páilida, não eu e pelo visto, os ateus daqui também não, salvo esse espécime curioso que é o George Kieling.
    Me diga, o que é que vocês querem? Por que vocês pensam que têm o direito de se sentir ofendidos? Criatura, são vocês que querem ser ofendidos, já que vêm aqui, lêem os textos e comentam com a grosseria que lhes é própria. É problema de vocês se o que escrevemos aqui os incomoda; vá confraternizar nos blogs cristãos, se o que você quer é comunhão de ideias. Se vem aqui, venha para debater, mesmo que discorde de tudo, não venha para postar um comunicado de gente sem coragem, achando que nos intimida; não venha se expor ao ridículo com ameaças de discussões no Senado a nosso respeito, criatura tola, a Constituição ainda vigora no Brasil e ela nos garante livre direito de manifestação – aliás, aproveite o conselho do Washington da Cruz e entre as leituras que ele recomenda, leia a Constituição e mais alguma coisa de Direito, está bem?

  62. E mais uma coisa, vocês crentes precisam parar com essa hipocrisia de ficar desejando paz e amor logo depois de praticarem exatamente o contrário.

  63. Quanto ao infeliz comentário da senhora parva Shirley, digo que Washington se saiu mais elegante usando o termo “defecar”, que em nada ofende o cristão. Como Jesus era Homem e Deus, evidentemente gozava de prazeres terrenos como beber e comer e, claro, defecava. O que intriga no título é justamente a maliciosa tentativa de atingir a Deus Pai, aquele que ninguém jamais viu e que, certamente não faz o que a senhora faz depois de comer.
    Jesus fala sobre o processo digestivo e há analogia espiritual inclusive. A Bíblia fala desse processo num versículo pequeno, simples, mas muito profundo, que diz: ”Examinai tudo. Retende o que é bom”. I Tessalonicenses 5:21

    E me pergunto como seu esposo não lhe ensina coisas tão básicas da Bíblia? A senhora deve ser o homem da casa, algo tão comum em nossos dias.

  64. Adamantdog
    Estou ficando sua fã.

  65. De todos os que conheci aqui, a senhora é realmente, e de longe a mais estudável.

    “Livre, estou incerta de como me dirigir a você, pois fica cada vez mais parecendo que você é uma outra pessoa, impressionante a
    semelhança! Vamos ver como anda isso.”

    Não vamos ver nada, pois até que me explique do que se trata, tens meu mais absoluto silêncio a partir de agora, se é que voltarei aqui. Quanto à Lei, aguardemos apenas.

  66. “Livre”
    Como assim, “Examinai tudo. Retende o que é bom?!!!
    tipo, eu vou lá no trono, faço o serviço, dou uma boa olhada e recolho o que…o quê? Se o organismo está excretando o que não era aproveitável de início, eu devo contrariar as leis da natureza? Ou talvez você esteja falando sobre fazer adubo? Eca! Há outros métodos e materiais, criatura.
    Aliás, se era para seguir o ensinamento de Gzuiz, para que foi que se desenvolveu o sistema sanitário, né?
    E me ilumine com sua vasta sabedoria: afinal de contas, o que foi que aconteceu lá nas plagas da Galiléia hein? Deus deu uma passadinha lá na casinha da Maria (enquanto José estava na marcenaria) e a ajudou a cometer adultério – contra sua própria lei, mas acho que sendo Deus, isso era o de menos; Deus fecundou Maria num passe de mágica (também conhecido como milagre), ou encontrou uma forma de se autofecundar no ventre dela?
    Pergunto porque tem hora que Gzuiz é Deus, tem hora que não; tem hora que ele “defecava”, notou a elegância? tem hora que só pensar nisso é …” maliciosa tentativa de atingir a Deus Pai…” e fica assim uma coisa contraditória, talvez você possa me esclarecer.
    Ah e meu marido possui em larga medida uma coisa que você desconhece por completo, chama-se respeito. Como boa crente,ops, desculpe, mas você parece mesmo outra pessoa, digo, bom crente praticante, você acaba de desmerecer e desrespeitar uma pessoa que nem sabe que você existe, com essa frasesinha tão típica de pessoas plenas de amor cristão sobre quem é o homem da casa.

  67. LIVRE,

    [[Apenas algumas correções: “O ateísmo nada tem de moderno”, mas eu disse e sempre digo Neo-Ateísmo.]]
    R:neo-ateísmo não existe,é pura invenção dos conservadores;

    [[ Escrever “gizuiz” seria a mesma coisa se eu o chamasse de “Washington ateiazinha”. Seria ofensivo e idiota de minha parte.]]
    R:chame-me de ateiazinha e mostrará por mim o mesmo desprezo que tenho por Gizuiz;

    -[[Se Você acha que tem como missão derrubar a fé, vá em frente; derrube as religiões, mas apenas em sua imaginação, pois jamais o homem deixará de crer em Deus. Usando um pouco de ironia (por que não?), derrubar fé e religião, deve ser um bom passatempo para os infelizes com Deus; todavia qual homem derrubaria a Deus?]]
    R:derrubar deus é o mesmo que derrubar uma sólida edificação que ainda não foi construída.Talvez a planta baixa(em todos os sentidos) desta edificação seja a bíblia;

    -[[Esqueçamos o “logo” e esqueçamos também “seção” com cedilha. rsrs]]
    R:estão esquecidos;

    -[[Não comparei Islã com Neo-ateísmo, a não ser no quesito “ódio” aos cristãos.]]
    R:só uma pequena parte do islã nutre ódio por outras denominações.Já nós, ateus,combatemos somente as ideologias e os ideólogos das religiões,mormente aqueles que delas se locupletam;

    [[Com relação à Lei, qualquer um sabe que ateus entram também, seja honesto.]]
    R:foi o que eu disse,e isto está bem claro,seja honesto;

    [[Um cristão não deve chamar pai-de-santo de demônio, bem como ateu não pode chamar cristão de “burro com amigos imaginários”. Que eu saiba Lei é para todos.]]
    R:você ,propositadamente,confunde tolerância com aceitação ;

    [[Jesus Cristo está tão distante de Constantino quanto eu de Marte.]]
    R:diga isso aos historiadores;

    [[Minha vez: Por que a defesa agressiva quanto a ser feliz ou não? Bem, eu sou feliz, com todos os meus dissabores na Terra. Falta de grana, carro usado, calor insuportável e ar condicionado quebrado sinto-me feliz, acredite ou não. Por outro lado, nota-se quase que fisicamente suas mágoas. Mas isso é problema seu.]]
    R:vejo que você não entendeu coisa nenhuma do paradoxo contido na máxima Dostoievskiana;

    [[Por favor, ambos deixamos claro nossos pontos de vista, não falarei mais, e aviso-o para não parecer mal educado de minha parte.]]
    R:que pena!Isso quer dizer que não entraremos pela madrugada.

    [[Sê feliz e tenha Paz, meu caro!]]
    R:o mesmo para você,afinal rancor e ressentimentos são percepções demasiado baixas,tanto para nós ateus quanto para vocês cristãos.

    Até.

  68. Cara Shirley,

    Sinto-me na obrigação de ensinar-lhe. O versículo supracitado é a analogia espiritual, entretanto, o que fala sobre o funcionamento orgânico é:

    “E ele disse-lhes: Assim também vós estais sem entendimento? Não compreendeis que tudo o que de fora entra no homem não o pode contaminar,

    Porque não entra no seu coração, mas no ventre, e é lançado fora, ficando puras todas as comidas?”

    Marcos 7.18,19

    Isso é Paz, voltar atrás por amor… às Escrituras, e consequentemente aos meus semelhantes.

    Boa noite.

  69. Washington da Cruz,

    Começo a nutrir simpatia por você, embora essas suas respostas… Quem sabe amanhã continuemos, meu caro.

    Boa noite.

  70. Cara ou caro Livre
    Sinto-me na obrigação de fazer notar que você não está me ensinando, está se corrigindo e fazendo uma salada ainda maior, além de demonstrar por “A” mais “B” que Gzuiz não sabia o que falava, mas tinha pretensão de ensinar a outros. Um capiau da roça sabe que dependendo do que a pessoa ingira, ela pode até morrer, assim como sabe que o que se come vai para o estômago, coração serve para outras coisas. Nem como alegoria serve esse amontoado de asnices e se houve um homem que afirmou isso ele foi muito, muito ignorante e arrogante já que pretendia estar ensinando outros.
    Mas o mais incrível é que em pleno ano de 2012 se possa ver uma pessoa repetindo isso com ares doutos e antepondo o verbo ‘ensinar’…

  71. ssrodrigues,

    Creio que o ou a LIVRE não seja má pessoa.Seu ideário é que é meio tresloucado.
    Quanto a você,peço licença ao Barros para dar-lhe as boas-vindas.É sempre bom ter o contraponto feminino por estas bandas.Aliás, os mais novos comentaristas têm trazido um frescor ao blog que muito o abrilhanta.Democracia e liberdade de expressão em estado bruto,é isso que temos por aqui.Meus sinceros agradecimentos ao Barros que em nenhum momento censurou ninguém neste espaço,nem ateus,nem crentes..Este blog foi uma grata surpresa num emaranhado de hipocrisia virtual.

    Excelente 2013 a todos.Ateus ou não.

  72. Na verdade, o mais impressionante é assistir o que foi falado há milênios: que pessoas sem revelação do Espírito de Deus andariam no escuro. E que até nesta geração encontraríamos “asnos” para provarem que Deus não mente. Você, Shirley, não passa de um exemplo clássico do que o Mal fez e faz às almas ingratas.

    Em tempo: Insinuas o quê? Que sou homossexual, bissexual, alguém que você gostaria que eu fosse? Qualquer que seja a questão, que tal você ser mais mulher e corajosa, e crer no que pensa, afinal, para tudo há explicação, menos para gente assim, que fica enviando propostas ininteligíveis. Ou seja, começo a me interessar por suas investigações a meu respeito. Até onde vai sua covardia? De fato, é difícil seguir só, sem ajuda espiritual. Eu sou homossexual? Ou bissexual? Qual seria o seu delírio, pequena?

    Desculpe-me, mas não me corrijo, estúpida mulher; para isso existe o Espírito Santo. E como você não O conhece, debate-se em suas limitadas análises. Sou homossexual, é isso? Caso seja essa a sua desconfiança, presumo que a detonarei com mísseis inimagináveis. Porque, ao contrário de ateus (ateias ainda pior), posso provar minha identidade, não só cristã, como humana. E então? A senhora acusa-me de bicha? Seria isso?

  73. Concordo com Washington. Como proprietário do blog, Barros poderia mandar alguns para aquele lugar, além de Deus. Porém eu disse em um tópico que saberiam quem sou eu, o LIVRE. No entanto, me desculpem as damas, mas para quem acha que sou “O” ou “A”, terão, talvez, grata surpresa, e isso me enternece, pois a mulher, como me disseram, é, realmente gagá. E posso prová-lo. Esperemos e vejamos a resposta da “acusadora” ao me alcunhar efeminado. rsrs

    Quanto aos votos de um bom 2013, compartilho, da Cruz! Sinceramente!

  74. “Cara ou caro Livre”

    Homofobia clássica!

  75. LIVRE,

    O que a ssrodrigues quis dizer é que seu “nick” é ambíguo,somente isso.Será que você já nos absorveu a intolerância?Será que errei no meu juízo preliminar a seu respeito?Espero que não.

    Até.

  76. Como advogado da mulher, foste fraco. Apenas pedi explicação, mas nada disso importa. Quem sabe eu seja mesmo um ser bissexual? Relaxa, “cumpadre”. rsrs

  77. Washington da Cruz
    obrigada pelas boas vindas e concordo totalmente a respeito do Barros; e é revigorante, para mim, ler pessoas comuns, no sentido de que não somos aqui, presumo, doutores em nada, mas com disposição e capacidade de pensar.
    Faço coro a você, que tenhamos todos um 2013 excelente, ateus ou não.

  78. “LIVRE”
    Não estou bancando a homofóbica contra você.
    Recentemente andou aqui pelo blog uma moça que se comunicava exatamente como você; grandiloquência das colocações; incoerência das afirmações; agressividade exacerbada contra uns, tentativas de aproximação com outros para em seguida se voltar contra esse alguém; uso repetitivo de algumas palavras,sendo falácia uma favorita;
    Ora parece observar certa sobriedade no linguajar para em seguida adotar um estilo mais…gaiato.
    O uso alternado de ‘Tu’ e ‘Você’ num mesmo período.
    Sem falar na indignação contra o fato de, sendo mulher, eu ser ateia. Tal como ela, você insiste em tentar me colocar no lugar que você considera adequado a uma mulher.

    Veja esse trecho: ” E como você não O conhece, debate-se em suas limitadas análises”. Lembro-me de ler algo praticamente igual numa das diatribes da tal moça, que se assinava Day.

    Ou esse “No entanto, me desculpem as damas, mas para quem acha que sou “O” ou “A”, terão, talvez, grata surpresa, e isso me enternece, pois a mulher, como me disseram, é, realmente gagá.” Exatamente o mesmo estilo.
    Notável também como a condição homossexual parece incomodar tanto “LIVRE”, quanto incomodava Day, vide: ” A senhora acusa-me de bicha? Seria isso?” Ou esta: …”e vejamos a resposta da “acusadora ao me alcunhar efeminado”. Ou esta outra: ” Insinuas o quê? Que sou homossexual, bissexual, alguém que você gostaria que eu fosse?” Destaco esses trechos por serem tal e qual o estilo adotado pela moça de quem falo.
    Minha pergunta: porque o uso do termo ‘acusa’?

    Essa moça pediu ao Barros que retirasse seus comentários, então não há, de fato, como fazer a comparação, mas se você não é a Day, estudou na mesma escola de prosódia que ela.
    Uma vez estabelecido que evidentemente não posso afirmar sem medo de errar que sejam ambos ou ambas uma só pessoa (aliás, apesar das constantes “deixas”, você não nos diz se é homem ou mulher), resta aceitar sua afirmação sobre poder provar ” minha identidade, não só cristã, como humana”.

  79. Shirley,

    Pensarei com carinho no caso. Ainda não sei se poderia confiar em uma pessoa tão certa sobre tudo. Como disse, estou aqui a estudar, e como todo estudante, aprendo e ensino, porém com você percebo que não há como estabelecer uma relação que não seja repleta de farpas. Nada tenho contra sua posição de mulher ateia, na verdade. A questão é que, vai saber por que, há em ti (ops!) uma severa postura em relação às suas convicções. Mas nenhum ser humano pode estar tão certo sobre tudo o tempo todo. Mesmo para quem crê em Deus, muitas vezes sua alma é acometida de conflitos, sua consciência é atingida por erros cometidos, e seu espírito dá-se ao luxo até mesmo de duvidar. Todavia, no seu caso, noto uma forte determinação em afirmar algo que na verdade você e nem ninguém sabem. Essa postura de “dona da verdade” é mesmo insuportável, faz mal às pessoas. Talvez por essa razão você decrete que sou incoerente, um ser dúbio, e inconstante, ou seja, sou um ser humano absolutamente normal. Tenho problemas, tenho crises, fico triste, alegre, mergulho em solidão, e fluo como qualquer riacho na natureza. Mas a sua natureza cética não permite um contato mais caloroso; você sempre aparece no blog da mesma forma, vestindo uma seriedade irritante, elevando sua autoestima de forma não crível. Você é sempre zombeteira, desrespeitosa, irônica, falaciosa, julgando sempre estar no controle da situação. Na boa, se todas as mulheres fossem como você – e não se ofenda – não haveria poesia no mundo, Romeu e Julieta nem pensar! Não gosto de sua forma dura de lidar com as pessoas de fé; você abusa do direito de não crer, e fere os sentimentos das pessoas. Entendo que todos temos o direito de expressar nossas convicções, mas chegar ao absurdo de sugerir ao Barros que o título do livro deveria ser “Quando Deus cagava no mato” é, não só inestético de sua parte, como burlesco, principalmente porque você sabe que quando diz essas coisas, está ferindo, agredindo e provocando pessoas. Esquece essa coisa de homofobia, pois você não me conhece, mas em sua arrogância, torna-se cega, acreditando mesmo saber do que se trata, então cai na fatídiga falácia, entende? Todos somos hipócritas, é da natureza humana, porém você exagera com essa postura insensível, implacável, e até, muitas vezes cruel. Até mesmo com seus companheiros, pois um amigo não sugeriria tal título para um livro que trate, ao menos aparentemente, de coisas sérias. Você me parece uma pessoa má, cruel… Algo mais além do fato de ser ateia, pois não há necessidade para tanta frieza.

    Resolvi:

    O nome verdadeiro do LIVRE é FRANCIS, um personagem que eu, a DAY estou escrevendo para um livro e peça para teatro. E não pense que estou me “entregando” porque você fez pressão, pois desde o início o LIVRE disse que se revelaria, afinal, não sou louca e nem mentirosa. Ou melhor, até sou um pouco louca porque crio o tempo todo, e como escrevo ficção, lido, de certa forma, com a mentira. Contudo, não gosto de prejudicar ninguém, e você, cara mia, tira de mim o meu pior, justamente por você ser meu oposto. Onde você é durona, eu choro feito menina; onde você afirma com certeza que Deus não existe, eu amo acreditar que sim. Enquanto você tem as palavras certas sobre as pessoas, eu as estudo e invento personagem a partir delas. Somos o oposto uma da outra, e isso é inegável. Por favor não me julgue mal, e quanto à palavra “acusar” é do personagem, pois em minha crença somente o Mal faz acusações sobre nós, humanos. E você, por mais durona que seja, é humana, esposa, mãe, mulher, nada de baboseira que ateu é demônio, aff.

    Bem, é isso. Devo parar por aqui. Obrigada por me mostrar onde o Francis estava sendo Day rsrs. Embora você não conheça a Daisy, pessoa comum, longe da virtualidade. Você iria se surpreender… no bom sentido.

    No mais, alguns detalhes mais íntimos ficarei devendo; apenas o Barros e o Saracura2 sabem. Eu quis ser sua amiga, mas não deu.

    Boas entradas, e um ano novo muito bom para todos!

    Em tempo: Caso você pense que a Day é doida, sugiro conhecer meus blogs literários, meu contos e poesias. mas só se você achar que sou louca. ;)

    Abraço, Shirley. E, sinceramente, me desculpe qualquer coisa.

    http://carva1.wordpress.com/

    http://escombrosdovacuo.blogspot.com.br/?zx=36004c238218a4ec

    Ass. Daisy Carvalho

  80. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Day voce me mata de rir; nem sei explicr porque ; mas gosto de voce;
    ja a Shirley é Sherlock Holmes achou a Day escondida kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Ta no muro tb né Day?! rrsss
    Eu ja tava com saudades

  81. Olha que coisa bonita do blog da Day

    O sábio é aquele que deixa as feridas chegarem; é o que espera que elas cicatrizem no meio da morte, e aguarda as próximas dores, sendo elas homens ou mulheres. O sábio que vive a vida de verdade, nem se lembra das investidas do Mal em sua carne, tampouco chama
    por Deus. Ele percebe que nem sabe por que envelhece, e por isso a ninguém incomoda. Portanto, sábio é aquele que sabe respeitar a própria vida passageira; ele sabe que não dá tempo para duelar, menos ainda vencer sem nada entender. O sábio não ganha nem perde. Ele vive, e apenas isso.

    (Para Augusto)

    Tipico poema de um ateu

  82. Mandei minha verdade, né? Obrigada por ler algo meu ADAMANTDOG! :)

    Beijos a todos!

  83. Minha cara, meu rosto, minha identidade. :)

  84. LIVRE,ou Day ,ou Francis,

    Minha cara, meu rosto, minha identidade:

    Até.

  85. Day

    Vemos coisas diferentes no título deste post. Você vê ofensa, intenção de agredir, fica chocada com o uso de uma expressão considerada vulgar ser aplicada ao que você considera sagrado.
    Eu vejo propriedade, em consonância com o conteúdo do texto; vejo
    talento de uma pessoa capaz de sintetizar em quatro palavras toda uma argumentação.Vejo o humor, a blague feita no tom certo. Esse título, para mim, é a melhor demonstração da capacidade que o Barros tem de demonstrar a autoria da humanidade na ideia de Deus e sim, admiro muito essa capacidade dele.
    Acho que um dos pontos básicos de desentendimento entre você e eu é que não vejo nada de sagrado na ideia de Deus, não sinto necessidade alguma de demonstrar respeito por algo que não existe.
    Claro, você sempre pode argumentar que em todo caso falto com o respeito á crença das pessoas. Mas você não me verá em lugar algum virtual atacando crentes, chamando-os de parvos, néscios, questionando-lhes a sexualidade com a evidente intenção de desqualificação, chamando-os mal-amados, pervertidos, drogados.
    Devo dizer que no tocante a crentes, há aqueles que respeito, por entender suas necessidades, medos e conflitos e há aqueles a quem desprezo, por ver o que realmente os move.

  86. Eu a entendo, Shirley. Mas é preciso entender que “Deus não existe”, mas seres humanos sim. É a eles que se deve respeito, e isso serve para os crentes também. Essa é minha visão. Odeio xingar as pessoas, mas cedo fácil às provocações. Não quero mais saber disso, pois me faz mal mesmo.

    Abraço,

  87. Ah, Washington da Cruz… Não fique magoado rsrs. E sei que você é uma pessoa bonita, tira essa foto daí. :)

  88. ADAMANTDOG,

    O poema foi para uma pessoa que saiu da doutrina da igreja, o Augusto. Não sei se um dia eu ficaria em cima do muro, mas por enquanto não. Gosto de você também. Gosto de todos, até da Shirley, senão não viria aqui, ora. :)

  89. Shirley, obrigado pelo seu comentário elogioso. Como raramente eu leio alguém elogiando o que eu escrevo (muito pelo contrário), os elogios se destacam no meio de todo o resto.

    Quanto ao meu livro, gostaria de dizer que é um projeto certo, porque quero ter meus textos reunidos em um volume que eu possa carregar, ter na minha estante, ou presentear alguém. Não sou escritor e certamente não vai ser a publicação desse livro específico que vai me transformar em um. Também não espero reaver o dinheiro que vou investir para realizar esse projeto. Portanto, se alguém, no futuro, virar pra mim e disser cheio de maldade que o meu livro foi um fracasso de vendas, eu vou poder ser irônico e agradecer à pessoa, por ela ter estado esperando que o livro fizesse sucesso, coisa que nem eu esperaria.

    Mas, enfim, o título do livro vai ser mesmo Deusilusão. Eu tava tentando enfiar os pés pelas mãos e comecei a procurar me informar dos preços de confecção de capa e diagramação, o que iria me custar, por baixo, uns 8, 10 mil reais, segundo um colega que trabalha com isso, porque o livro teria umas 400 páginas. Mas acho melhor começar pelo começo e preparar logo o texto. Obviamente o texto eu tenho, mas precisa ser todo editado, e isso vai tomar um tempo enorme, porque eu tenho muito pouco tempo livre pra fazer o que quer que seja. Vou ter que tirar uma hora das minhas madrugadas para fazer o serviço. Pra resumir, o produto final vai demorar a sair, mas espero estar ainda com o Deusilusão no ar para divulgar aqui o lançamento.

    Obrigado, e um Feliz Ano Novo a todo mundo.

  90. Barros, como lido com isso posso passar alguns contatos mais em conta e com qualidade, já que vc vai dispensar revisor e editor.

    E, Shirley, muito obrigada por ir ao meu blog e comentar (elogiar) meu poema. Ufa, finalmente acho que somos amigas! rsrs

    Beijos e mais uma vez, Feliz Ano Novo a todos, com saúde e realizações!

  91. Day vc é muito bonita ; feliz ano novo pra voce e: PARA TODOS AQUI DO DEUSILUSÃO

  92. Valeu, amigo, pra ti também!!!

  93. A todos do blog,
    Estou prestes a me converter pois descobri pastor Adélio,o primeiro pastor sincero.Vejam:

    Amém.

  94. kkkkkkk que coisa! E pouco talentoso o humorista, e um oportunista, pois distorcer as estórias da Bíblia é muito fácil para um roteirista, se eu quisesse faria melhor kkkk… Mas para ateus deve ser um orgasmo kkkkk, aff! Só você mesmo, da Cruz.

  95. Day,

    Ele disse somente o que está escrito.Nada mais.Sem tirar nem pôr.Esteja certa de que a bíblia possui muitas outras passagens tão escabrosas quanto esta.Interpretação ipsis literis é o que a maioria dos evangélicos exige e foi isso que ele fez.

    Até.

  96. Barros, acho essa sua exolicação tão lúcida que chega a assustar! Clareza meridiana! Parabéns.

  97. Day, você não aceita a vedade? A bíblia diz outra coisa? Ora , ora…que planeta você vive e qual bíblia você lê?

  98. Meninos, há duas formas de se ler a Bíblia: Linear e literalmente, e espiritualmente. Podem crer nisso.

    Juca (oi!) eu lia a Bíblia para me inspirar a escrever. Depois me permiti lê-la com humildade, para ver se existia mesmo duplo sentido. E, que coisa! Existe! O vídeo interpreta a forma mais literária, o que eu acho até engraçado; difícil, como foi para mim, é encontrar a verdade espiritual neste livro.

    “Ele disse somente o que está escrito.”

    da Cruz, gosto de ti (muito), por sua inteligência, e ela mesmo disse: “só o que está escrito”.

    Difícil é ir além disso.

    Beijos! (agora posso mandar beijos rsrs)

  99. Mas é isso o que os crentes tem que fazer mesmo – quando lêem um monte de merda procuram achar algum sentido espiritual.

  100. Filha obtusa, que se chama por Denise: Quem andou com Jesus teve a mesma dificuldade, pois uma coisa é o que se vê e escuta com os sentidos carnais; outra é conseguir subir uns degraus. E não me exalto por isso, ao contrário, sofro cada vez mais ao ver pessoas como você que estão ainda procurando a escada. ;)

  101. “pois uma coisa é o que se vê e escuta com os sentidos carnais; outra é conseguir subir uns degraus.”

    Agora sim eu entendi. Obrigada…..

  102. Não, enquanto sua ironia tapar seus olhos você não entenderá, querida. Vou orar pela sua dor.

  103. Washington da Cruz Credo!

    Se voce continuar a importunando as meninas deste blog serei obrigado a chamar o Deus &Ciência para vir te atormentar , ja pode ir preparando o Google para tentar demonstrar todo o seu “conhecimento” filosófico.

  104. Oi, Criaturo!!!! Feliz Ano Novo, querido! :)

  105. Coé Criaturo?Beleza?

    Não se preocupe,o Diogo achou um blog a sua feição,por isso o Ctrlv/Ctrlc está de folga.Mas as vezes sinto saudades de suas teorias conspiratórias e de sua “ciência” alternativa.
    Você sempre me desmascarando hein?!Você não toma jeito mesmo, rapaz!Tudo de bom para você e seus chegados.
    Aproveito para desejar o mesmo e mandar um abração para o Cristiano que anda meio sumido.Nós nos divertíamos muito com o Aztech.

    Beijundas.

  106. oi, Barrros tbm venho para te elogiar sem relaçao ao texto. nao acho acido e nem imoral, citando a biblia, o livro de contos e “estorias” preferidos da humanidade – seja quente ou frio nao morno senao vomito, nao acho q vc deva se preocupar como vc se expressa , afinal o bolg é seu! vc o criou e faz dele o que quiser, como o (criador) com o universo, se o altissimo estiver incomodado, o que parece q ele nunca esta, que use seus poderes e delete o seu blog do cosmos!

  107. Greg! Como você é inteligente!

  108. Deus, talvez, nem ouça nossas sandices. hehe Porque somos miseráveis seres ignóbeis, falhos, mortais, acometidos de doenças, ínfimos, dependentes, loucos, misérrimos, carentes, medrosos, iracundos, mentirosos, traidores, hipócritas, ignorantes, e pequenos. Vocês, ateus, estão levando aos Céus, um mau cheiro, e essa é a verdade: Quando fede aqui demais, chega aos Céus. Obrigada, Greg, por sua estupidez.

  109. Barros esse é seu sobrenome, nao é mesmo? entao temos algo em comum alem do fato de enchergar algo de muito estranho e absurdo nesta historia de Jesus,ate acho que ele possa ter existido, como hitchens mesmo chegou a dizer é bem provavel que possa ter havido alguem, uma especie de filosofo moderno para aquela epoca , é claro! com pensamentos diferentes e com uma visao da realidade diferente, querendo ate com audacia e uma dose de coragem mudar a visao das pessoas e talvez quem sabe melhorar a vida em comunidade delas,mas isso nao tem nada a ver com poderes
    sobrenaturais e ser filho, ou deus ou o que mais for q um ser humano possa inventar – tipo um x men da epoca!
    talvez o tempo de vida em que ele esteve fora da biblia, aquele periodo entre o fim da adolescencia, ate o momento em que ele reaparece possa ter servido de meditaçao, observaçao da natureza, um periodo de reflexao em que ele chegou a conclusao de que essas ideias que ele estava tendo seriam boas para as pessoas da epoca e sendo ele juddeu e sabando das historias de um messias, um predestinado , um NEO – do matrix – ele se aproveitou da credulidade e da esperaça do povo, para se fazer especial e ter suas palavras e ideias aceitas pelos pobres e sofredores daquela regiao!

  110. E o Barros tem tudo para ser um bom escritor, mas vocês, malignos, o incentivam a fazer a coisa errada. Barros tem ótimos argumentos, porém se deixa levar pela baixaria dos leitores. Mas eu aposto no Barros. E sei que ele tem vários idiotas invejosos. A mente do Barros é privilegiada, ora. Mesmo sendo crente, vou defendê-lo sempre!

  111. Greg! Vá estudar!!!!

  112. Greg!, com todo respeito: Estude, fio! Imagina que eu li a Bíblia como escritora, e depois como crente, e até hoje a leio. Não passe vergonha, criança! Não veja o Barros como mestre, siga-o sim, mas fazendo o que ele tenta fazer: entender a Bíblia! Que por sinal é o livro mais lido e pesquisado do planeta de todos os tempos. Volte para seu catecismo, garoto! Ou volte a conversar com seus pais!

  113. Greg,

    “sobrenaturais e ser filho, ou deus ou o que mais for q um ser humano possa inventar – tipo um x men da epoca!”

    Você passou de ano??

  114. Barros , com todo o respeito acho que o futuro livro seu deveria se chmar mesmo o titulo desse seu texto.
    concordo com a shirley. esse nome é bom! 1 – se temos que respeitar as religioes e suas sandices (besteirol mesmo) elas tem que respeitar as opinioes alheias, pra quem ja queimou e matou tantos para proibir a liberdade de expressao, isso nao é nada demais! se cristaos ou qualuer outros religiosos sao tao bons , que eles façam e sigam uma de suas premissas, como perdoar e da r a outra face para bater ! quem diz que DEUS é total amor e tal , nao deveria estar se preocupando com esse tipo de coisa! –
    so que na verdade o q vemos é o contrario, eles ficam indignados e querem condenar os ateus e ate mesmo outros cristaos de instituiçoes diferentes e outros pensamentos perturbadores a puniçao eterna ou a algum tipo de castigo pelo fato de haver contrariedades as suas convicçoes – continua………..

  115. 2 – concordo com a shirley e acho que um nome forte, agressivo e comercial deveria ser o titulo do livro, afinal quem sabe assim voce consiga um patrocinio ou o interesse de alguma editora, com isso voce nao precisaria investir seus proprios recursos, afinal voce nao pode usar o argumento de que isso é para a obra de deus !!
    so se deus com seus misterios quer que um ateu escreva contra ele afim de que um (sabio) cristao venha e desmascare esse livro fajuto e herege e consiga desta vez atraves de argumentos logicos e plausiveis provar a existencia de deus de bondade e todo poderoso levando assim a triunfante vitoria do deus cristao (0 almighty) sobre aqueles que nao acreditam e tambem; é claro; sobre aqueles que acreditam no isla, no judaismo, taoismo, budismo, espiritismo, no deus rama, apolo, odin, zeus, caverna do dragao, cavaleiros do zodiaco e etc…. +++nao posso colocar todos os nomes de deus porque sao mais de 500+++
    sera inegavel ou melhor inefável llllllllllllll a vitoria de deus sobre o pensamento livre do homem atraves de um ateu que fora enganado por apenas 10,0000 mil moedas de prata! quero dizer reais!

  116. Pergunto de novo, Greg: Você estudou? Só na Índia existem milhões de deuses! Esses ídolos aí de desenhos animados NÃO são deuses, embora alguns sejam inspirados na mitologia grega. E eu, DAY, duvido que alguma editora, mesmo paga, publicaria um livro com o título sugerido pela Shirley. Vá estudar, garoto!

  117. respondendo a Day que entrou na conversa!
    1 – li os posts anteriores e acho a day falsa pra carai……… – hora concorda e bate no barros, agora elogia e paga pau pra ele, discutiu com a shirley que deu pra ver que é infinitamente mais racional e inteligente, sempre fazendo o que um religioso faz de melhor, xingar, gritar, esperniar, berrar, chorar e apresentar argumentos para as suas convicçoes nada! neca! apenas muitas vezes querendo diminuir o autor das ideias, e como GRANDE PROVA ! experiencia unica e pessoal de contato com espirito santo, seres de outro planeta, anjos, fadas, gnomos, sacis, fadas, nada de novo, deppois chamam os ateus de neoateistas ! so porque com passar dos tempos as lacunas estao se acabando, se fechando e vai ficar somente uma (DEUS) uma coisa puramente pessoal que se passa na cabeça das pessoas.
    2 – ate a mim que entrou no site a pouco e sou desconhecido pelas pessoas deste forum, poderia ser o proprio deus, ou quem sabe ahahahahha o proprio (((diabo))) a estar se comunicando com vcs, afinal deve ser muito chato e monotono a vida desses 2 seres misticos que vive em luta a infindaveis anos, periodos ou sei la! –
    fui chamado de estupido, idiota , de garoto sendo que nem dei a entender minha idade, que acabei de passar de ano, como todos vcs, afinal hj é dia 1o!!! mas nao tô nem ai pra isso, afinnal discutir ou melhor expor ideias a pessoas dogmaticas é assim mesmo!
    3 – nao entendi a day ainda – fala que é crente mas me manda para o catecismo, é muito antagonismo pro meu gosto!
    meu filho de 3 anos é mais racional e sensato! mesmo tendo acreditado em papai noel este ano! mas acho que vaii durar pouco – ate uns 7 e talvez quem sabe ele seja possuido pela ideia de outro papai noel que nao costuma trazer so presentes, mas; bem mais castigos para aqueles que se comportam mal e alguns dizem que o castigo é eterno, pena que os gozos e os presents nunca são!!!!!!!!

  118. e se eu for dono de editora e quiser publicar o seu deus vai me impedir? day
    me apresente qualquer argumento do porque dos hindus estarem errados e cristaos certos!

    Pergunto de novo, Greg: Você estudou?
    estudou o q? biblia ou literatura seria?
    estudo da bilblia e teologia é a mesma coisa que estudar sobre harry potter ou a saga crepusculo, todas as estorias tem valores morais a transmitir e conceitos filosoficos, mas nenhuma delas hoje em dia leva credito e é aceita ao ponto de serem verdadeiras, sendo que tem jovnes nos EUA principalmente que acham que podemm se tornar vampiros! e seus pais acham que um dia vao levantar dos tumulos e voltar a vida, mas nao era eterna????????/
    quem tem razao! ?? acho que os filhos desses pais estao mais proximos da verdade!!!! crepusculo passa na tv, ate em 3d acho que é mais real do que as estorias dos povos que esfregavam a bunda na areia quente! na epoca nao tinha cinema e efeitos especiais de auto nivel!!! por isso que eles morriam muito cedo na epoca, as filmagens eram perigosas,o cara que foi fazer deus, nao resistiu e morreu ! amém!

  119. mas agora é serio!
    barros vc ja leu o livro (impio – o evangelho de um ateu) esta em todas as livrarias do brasil e faz o maior sucesso o autor esteve no JÔ — livro muito bem escrito e agradavel de ler, um humor inteligente parecido com o seu, mas um pouco menos acido! nem acreditei quando li um livro desses em meio a um monte de livros espirituais ou espiritualistas como queiram! tantos livros sobre DEUS – conversando com deus, caminhando, brincanco, voando, matando, comendo é fazendo de tudo, ainda nao encontrei o titulo trepando com deus, mas com tantas teorias new age na moda, ainda vamos encontrar !
    porq ja encontrei fazendo amor atraves de deus ou (com) algo assim, sao inumeros titulos deste genero, nemhum deles contudo contam segredos importantes para a vida, como: a cura do cancer, ou como evitar que uma criança indefesa morra de acidente como o que aconteceu no rio de janeiro na virada deste ano, que uma criança, nao lembro a idade agora, sei que pequena caiu da sacada do predio nos arredores de copacabana e morreu! pena que deus estava ocupado preparando a queima de fogos e nao pode salva-la! iria atrasar as festas! mas pelo menos ela viu as comemoraçoes la de cima, so que sem os pais!

  120. Day, em 31/12/2012 às 16:09 disse:
    Oi, Criaturo!!!! Feliz Ano Novo, querido! :)

    igualmente para voce e toda sua familia, muita paz, saude e muitas realizações todo os anos.

  121. Washington da Cruz, em 31/12/2012 às 18:55 disse:
    Coé Criaturo?Beleza?
    Não se preocupe,o Diogo achou um blog a sua feição,por isso o Ctrlv/Ctrlc está de folga.Mas as vezes sinto saudades de suas teorias conspiratórias e de sua “ciência” alternativa.
    Você sempre me desmascarando hein?!Você não toma jeito mesmo, rapaz!Tudo de bom para você e seus chegados.

    eu pensei que fosse eternas brigas de casal, mas parece que acabou dando divorcio mesmo, sinto muito parecia ser um relacionamento tão promissor do tipo os opostos se atraem.
    Não se preocupe Google é usado por todos.
    tudo de bom todos os anos!
    abraço!

  122. Pois é Criaturo,eu até tentei,depois de ser convidado pelo Diogo,dialogar com ele lá no blog Darwinismo(?).com,mas,infelizmente não foi possível,o divórcio foi inevitável.

    Até.

  123. Washington, Criaturo, Greg, Shirley, Barros, Saracura2, Márcio, Cristiano, ADAMANTDOG, Fernando,… e quem mais eu possa ter esquecido,

    Acordei agora com muita tristeza. Eu já sabia que ateus não têm amor ao próximo, que ironizam a fé alheia, que pisam e maltratam a nós que cremos. Mas fui vítima de um crime, ou seja, fizeram comentários usando meu nick “Day” e “LIVRE” que eu, honestamente, já havia dito que é um personagem para teatro. Sinceramente estou muito cahateada, pois JAMAIS esperaria que alguém fizesse isso. Acho que é homem, pela forma do raciocínio. Copiei tudo para publicar e mostrar que quando ateus falam que MORAL independe de religião, estão mentindo. Meu marido ficou boquiaberto, e disse que tal ato nem tem como classificar: além de bizarro e covarde, é fascista, cruel e amoral. Eu jamais estive em um hospital, a não ser para visitar minha filha quando esteve internada (seis vezes), portanto, essa falta de amor e consideração pelo próximo eu dispenso, e agora, finalmente está provado que a coisa mais rara é encontrar um neo-atreu de bom coração. Ironias e brincadeiras é uma coisa, mas escrever coisas atribuindo à minha autoria é crime. Crime, disse meu advogado. No seu PC, Barros,tem o endereço do PC (IP) de quem comentou. Gostraria de sua colaboração, pois não quero gastar grana e tempo com isso, mas se for preciso eu o farei. Quem fez isso comigo é uma pessoa muito má, sem moral, de caráter duvidoso, e a representação de como seria o mundo sem conceitos morais, tipo cada um por si. Acho que é homem, e meu marido e uns amigos aqui disseram que adorariam vê-lo pessoalmente. Um detetive cobra 2 mil para achar a pessoa, mas não sou do mal como ela. Mas um processo por atribuir a mim comentários tão graves, isso vai acontecer. Já passei o endereço do seu blog para o Dr. Rocha, mas nada contra você Barros. Apenas queremos processar quem inventou esses comentários. Detalhe: os horários não batem, pois tenho álibe de onde estava quando a pessoa os escreveu. Bem, é isso.

    E Greg, me desculpe, eu estava exaltada exatamente por isso. Não me importa quem seja Deus, ou se Ele deixa criancinha morrer. A mim me importa mais entender o mundo em que vivemos, repleto de pessoas más e criminosas.

    Barros, me desculpe, mas esse blog entra em investigação, e eu vou descobrir quem fez tamanha covardia comigo e minha família. Nesse exato momento minha filha está andando pelas ruas sem rumo, como um robô. E eu nem tenho ideia de onde ela está. O úinico ser que ama isso é o Capeta que deve estar rindo de mim agora.

    Abraço. Espero que você não saia prejudicado, Barros. Sinceramente.

    Eis os copmentários falsos:

    LIVRE, em 01/01/2013 às 08:00 disse:

    DESEJO QUE CADA ATEU ENCONTRE-SE COM A MORTE NO ANO DE 2013
    LIVRE, em 01/01/2013 às 08:30 disse:

    Barros, fofo!, apague meu comentário acima. O que eu quis dizer é isso:

    DESEJO QUE CADA ATEU ENCONTRE-SE COM A MORTE NO ANO DE 2013 -mas não para morrer – DE FORMA QUE POSSA SENTIR A NECESSIDADE DESESPERADA E EXTREMA DE PRECISAR CONTAR COM UMA FORÇA SUPERIOR QUE O IRÁ SOCORRER E AMPARAR COMO UM PAI FARIA.

    NESSE MOMENTO DE DESESPERO EXTREMO -CUJO QUAL FREQÜENTEMENTE NÓS PASSAMOS NA VIDA – CADA UM VAI VER A FACE DE DEUS NA SUA PRÓPRIA VIDA.

    POR ISSO O MEU DESEJO DE QUE CADA UM DE VOCÊS SE ENCONTRE COM A MORTE EM 2013!!
    LIVRE, em 01/01/2013 às 08:35 disse:

    Por favor Barros!, apague esses meus dois ultimos comentários pois não ficou muito bom não. Pode ser que as pessoas menos cultas não entendam a minha mensagem real nessas palavras.
    Day, em 01/01/2013 às 08:38 disse:

    Que palhaçada é essa? Esse livre aí não sou eu! Seja homem, rapaz, e assine o próprio nome pra me enfrentar.
    Day, em 01/01/2013 às 08:40 disse:

    Barros, eu exijo que você apague todos esses comentários desse LIVRE que não sou eu. E aproveitando apague imediatamente todos os comentários do LIVRE que era eu mesma escrevendo como se fosse outra pessoa. Por favor!
    Washington da Cruz, em 01/01/2013 às 10:52 disse:

    Day,

    Se todos nós agíssemos como você,o pobre do Barros não mais produziria nada,de tanto ter que apagar comentário.Não creio que estejamos em posição de exigir nada do autor do blog.O máximo que podemos fazer é pedir, mas,ainda assim,você está,em minha opinião,passando dos limites.Se este LIVRE não é você,deixe-o à vontade.Muito em breve ele mesmo irá se enrolar em seus comentários e nós o desmascararemos.Entretanto,se realmente for sua outra persona,não se envergonhe dela e continue comentando,não há problema nehum quanto a isso pois já estamos acostumados a vilipêndios.

    Até.
    Day, em 01/01/2013 às 11:21 disse:

    Washington da Cruz,

    Fofo! Obrigada!!!

    Realmente, eu concordo com vc e acho que as pessoas descobrirão que fui eu mesma que escrevi aquilo acima que pedi que fosse apagado. De formas que não pretendo me preocupar com isso realmente. Obrigada!
    LIVRE, em 01/01/2013 às 11:23 disse:

    Só corrigindo…. eu quis ecrever “QUE AS PESSOAS DESCOBRIRÃO QUE NÃO FUI EU MESMA”, é que faltou o NÃO e as pessoas poderiam achar que eu estava escrevendo isso falando que tinha feito aquilo.
    Day, em 01/01/2013 às 11:23 disse:

    Esse LIVRE acima sou eu, a Day.
    Day, em 01/01/2013 às 11:32 disse:

    Barros, tem alguém se fazendo passar por mim no seu blogue!! Por favor delete todos os comentários envolvendo o meu nome. Tantos os que comentei com meu nome e os que comentei usando o nome de LIVRE. E apague também todos os comentários dessas pessoas que estão comentando em meu nome. Isso é uma palhaçada! Sério. Tenha um mínimo de respeito pelas pessoas que freqüentam o seu blogue e se livre dos comentários do LIVRE, inclusive os que eu mesma fiz com esse nome e em meu próprio nome. APAGUE TUDO.
    Anônimo, em 01/01/2013 às 11:33 disse:

    Que porra é essa?
    Anônimo, em 01/01/2013 às 11:39 disse:

    Da Cruz, cara, não suporto injustiças. Tem alguém comentando nos comentários e fazendo-se passar por mim. Isso tudo tem que ser apagado. O que você faria se lesse um comentário escrito em seu nome sendo que não foi você que escreveu! Estou indiguinada, sério!
    LIVRE, em 01/01/2013 às 11:41 disse:

    O Anônimo acima sou eu, a Day.

    Beijos a todos e um FELIZ 2013. Deus ama a todos vocês. Vocês são lindos.

    Barros, não precisa apagar nada. Deixe tudo como está. NO FIM A VERDADE SEMPRE PREVALECE.

    Beijos mil. Adoro o seu blogue.
    Day, em 01/01/2013 às 11:45 disse:

    Cara, isso tá virando uma palhaçada!

    Barros, por favor!, apague todos esses comentários. Não sou eu quem está escrevendo isso. Sério.
    Anônimo, em 01/01/2013 às 11:47 disse:

    Trás um EXORCISTA rápido!!!!!!!!!!!
    ADAMANTDOG, em 01/01/2013 às 12:14 disse:

    kkkkkkkkkk Quem assistiu procurando nemo? aquela peixinha azul não lembra a day? eu acho qeu até o nome dela era Day mesmo não era?
    Day, em 01/01/2013 às 12:31 disse:

    ADAMANTDOG,

    Eu esperei a manhã toda pra ver até quando esse palhaço iria continuar com essa falácia.

    Só o Barros e o Saracura sabiam que eu estava no hospital por problemas de saúde, mas resolvi abrir o jogo e abandonar as respostas dúbias, pois a minha recuperação foi que me despertou de volta a fé porque foi algo milagroso. Estou completamente curada. E de uma forma sobrenatural.

    Vou até escrever um livro a respeito, e talvez apareça algo até no Fantástico porque foi algo inédito no Brasil.

    Mas voltando ao assunto, eu vou pedir ao Barros para apagar todos os comentários meus onde eu não apareco com meu próprio Avatar, e não esses inestéticos bonequinhos gerados igualmente pra todos os que comentam aqui, até em nome de outrem. Como foi o caso.

    Aos que me lêem sabem que eu não escrevi essas absurdidades mais acima, e sim foi outra pessoa querendo aparecer, ou não tendo nada pra fazer no ano novo.

    Eu estou aqui primeiro porque vi que estava sendo difamanda, o que ocorre freqüentemente com quem é inteligente e expressa sua inteligência de forma inequívoca, e achei que precisava informar o que estava acontecendo. Outra coisa é que estou ainda no hospital e não tenho mesmo para onde ir. Recebo alta essa semana e vou começar o meu livro. Talvez não retorne com muita freqüência porque faço milhares de coisas ao mesmo tempo, escrevo pra jornal e faço peça de teatro, e não passo muito tempo em casa.

    A todos um bom 2013. Que Deus os abençoe.
    Beijo ;)
    Washington da Cruz, em 01/01/2013 às 13:42 disse:

    Day,

    Vou ter que concordar com o Adamantog e com o anônimo(se você não estiver fazendo tudo isso propositadamente,óbvio):

    Sai desse corpo,capeta!

    Só Gizuiz na causa!Derrama sua unção!

    Lava a sunga e ergue,siri canta lá na praia,choabalacantalabaceiasaleias!Lafachúúúúúrias!Caô cabecile!Caôôô!

    Até!

  124. Schahin Sposito (Saracura2), enviei mensagem no face. Leia, por favor! ;)

  125. NOTA: A LEITORA “DAY” SOLICITOU, POR E-MAIL, QUE EU AFIRMASSE QUE OS COMENTÁRIOS TRANSCRITOS ACIMA NÃO FORAM DE AUTORIA DELA, BASEADO NOS ENDEREÇOS DE IP A QUE TENHO ACESSO, COMO ADMINISTRADOR DO BLOG.

    A RESPOSTA SEGUE NO PRÓXIMO COMENTÁRIO:

  126. 1. Na primeira vez que a leitora Day ameaçou entrar na justiça contra o meu blog, nem lembro mais por qual motivo, ela também me pediu para apagar todos os comentários que ela havia feito nele. Como eu achei que não precisaria me preocupar com o processo judicial com o qual ela me ameaçava, tão ridícula teria que ser a acusação (que nem lembro mais qual era), concordei em deletar os comentários dela. Entretanto, percebi que teria que perder uns bons 10 minutos do meu tempo livre para apagar os comentários individualmente, porque não seria possível deletar todos eles ao mesmo tempo, visto que os comentários da leitora Day tinham endereços de IP diferentes.

    2. Dito isso, posso apenas afirmar o que segue.

    2a. O endereço de IP usado para os comentários transcritos acima só apareceu essa vez no blog, nesses comentários apenas.

    2b. Isso não é suficiente para me permitir afirmar, como me foi solicitado por e-mail, que não foi a própria Day que os escreveu, pelo que foi exposto em (1) acima. Ora, se os comentários dela sempre tinham endereços de IP diferentes, não há como dizer que esse em particular, que também é um IP novo, não teria sido usado por ela também.

    3. Entretanto, intuitivamente falando, acho completamente improvável que tenha sido a Day a autora dos comentários, pelos seguintes motivos:

    3a. A intenção era evidentemente fazer piada com as constantes mudanças de discurso da leitora em questão, incluindo o fato de a mesma ter entrado nos debates se fazendo passar por outra pessoa, com o nick de LIVRE. Acredito que ela não chegaria ao ponto de zombar de si mesma.

    3b. O autor dos comentários falsos, certamente tendo lido os comentários antigos dela (inclusive os que eu já deletei), menciona erradamente que ela estaria internada num hospital, achando que esse era o “problema” ao qual ela havia se referido anteriormente, e revelado “apenas a mim e ao Saracura”. Como o “problema” não é esse, percebe-se a dedução equivocada do autor dos comentários falsos.

    3c. A escrita de uma pessoa é quase como uma impressão digital, e comparando a dos comentários falsos em nome da Day e do LIVRE, vê-se que são diferentes em tudo, não só pelos erros de português, como pelas próprias estruturas empregadas.

    CONTINUA

  127. Acreditando ter atendido à solicitação constante do e-mail da leitora, uma vez que me parece evidente demais que não foi ela a autora dos comentários transcritos mais acima, quero ainda tecer algumas considerações.

    1. Lendo os comentários falsos, não consigo perceber nada assim tão hediondamente criminoso, nem mesmo o fato de alguém ter se passado por outra pessoa, expediente adotado pela própria Day, que por vários dias iludiu a todos os demais frequentadores do blog, passando-se por um tal de LIVRE. Sinceramente, não vi nada que pudesse ensejar as nossas autoridades, a Polícia Federal, o FBI, ou a quem quer que o senhor advogado da leitora vá recrutar, a envidarem esforços na busca para localizar o autor e levá-lo diante de um juiz. Na verdade, eu acho preocupante saber que a leitora acha que isso seria possível, e mais ainda se ela estivesse realmente empenhada em gastar tempo e dinheiro para levar adiante essa empreita. De fato, nem sei se ela desistiu de abrir o primeiro processo do qual me ameaçou, e que eu nem lembro o motivo, como já disse.

    2. Tendo esse bafafá todo surgido por conta da leitora Day ter se sentido ofendida, eu reli os comentários dela, e juntamente com a lembrança de todos os outros que já apaguei, eu me pergunto o que diabos ela considera ofensa, porque, sinceramente, eu a considero uma das pessoas mais ofensivas e vilipendiadoras que já passaram pelo Deusilusão. Não lembro de ter lido comentários tão agressivos ao ponto de me obrigarem a fazer uma coisa que eu raramente faço, que é censurar um comentário. Se alguém quiser pesquisar, acho que vai encontra nos comentários frases de leitores como “vai se fuder”, ou me mandando fazer coisas altamente prejudiciais à minha masculinidade. Considero isso apenas vitupérios de mentes incapazes de me vencer numa discussão civilizada, sendo, portanto, troféus que eu coleciono. Mas certas coisas que a leitora Day escreveu, principalmente direcionadas à leitora Shirley S. Rodrigues, eu considerei tão ofensivas que as apaguei do blog. E nem tinham palavrão. Mas eram ofensas realmente pesadas — além de gratuitas — , capazes de ofender uma pessoa de bem que, ao contrário dela, nunca ofendeu ninguém aqui.

    3. A Day não tem papas na língua quando classifica os outros de “bizarro e covarde, é fascista, cruel e amoral”, mas não parece acostumada a avaliar sua próprias declarações sexistas

    Acho que é homem, pela forma do raciocínio

    como se fosse vedado a um ser humano do sexo feminino ter tido a motivação e inteligências necessárias para fazer algo que só um homem poderia ter feito. Nem tem pudores em expressar sua avaliação de atitudes alheias:

    Quem fez isso comigo é uma pessoa muito má, sem moral, de caráter duvidoso, e a representação de como seria o mundo sem conceitos morais, tipo cada um por si.

    Embora endosse como deveria ser o mundo imerso nos conceitos cristãos:

    Acho que é homem, e meu marido e uns amigos aqui disseram que adorariam vê-lo pessoalmente.

    4. Eu perdi aqueles 10 minutos do meu tempo livre deletando, um por um, todos os comentários da leitora Day, que me prometeu que se eu fizesse isso, ela não comentaria mais no Deusilusão. Eu cumpri a minha parte e ela não cumpriu a parte dela. De novo, ela me ameaça com um “processo na justiça”, ao mesmo tempo que me chama de “amigo” e deseja “sucesso” ao meu blog. O mesmo que ela está processando. Duas vezes.

    5. Day, não quero sua amizade. Se você tem tempo, dinheiro e motivação, se não tem nada mais sério com o que se preocupar, pode pedir ao Dr. Rocha, seu advogado, para iniciar sua batalha contra aquele criminoso que escreveu algumas coisas em seu sagrado nome nesse blog quase que imperceptível ao mundo.

    6. Caso interesse, deixo você com o direito de postar mais um comentário-resposta no Deusilusão. Tudo o mais que você escrever depois dele, eu me obrigarei a encontrar tempo para identificar como seu, como do LIVRE ou como de um outro personagem, e apagar.

  128. Querido Barros,

    Se você detectou dois IPs diferentes é pelo motivo que meu HD deu pau e foi instalado um novo. Eu jamais mentiria. Quanto ao LIVRE, em breve vcs saberão que será mesmo um personagem para teatro. Da vez em que mencionei “justiça” foi porque um amigo seu e leitor mandou-me enfiar Deus no cu. Mas obviamente eu não perderia meu tempo e grana com isso, e confesso que exagerei e me desculpo. Obrigada por usar sua inteligência a meu favor, deduzinho que não fui eu quem escrevi tantas bobagens. Como lhe disse via e-mail, pretendo parar de frequentar seu blog que para mim era um aprendizado, honestamente, pois admiro gente inteligente e articulada, porém devido ao que estou passando, percebo que ando sem paciência e muito explosiva. A última coisa que eu quereria seria prejudicar seu trabalho, afinal vivemos em uma democracia, ainda que meio fajuta, você tem todo o direito de se expressar, com ou sem ironia. E finalmente, peço desculpa a todos, pois é sábio reconhecermos quando estamos atrapalhando. Não nos conhecemos pessoalmente, o que é uma pena, porque vocês veriam que sou uma pessoa tranquila e que jamais discuto política e religião. Bem, até aqui, entre mortos e feridos, salvaram-se todos. Infelizmente aprendi que é quase impossível amizade entre crentes e ateus, ao menos via net, porque virtualmente nós nos aproveitamos e exageramos na hipocrisia e violência. Não quero saber quem fez a maldade comigo, isso não importa, apenas espero que esta pessoa repense sua vida e o amor aos semelhantes. Na verdade odeio essa coisa de xingar Deus e crentes, mas acabo caindo na armadilha e ofendendo a vocês. Isso me faz muito mal mesmo. Acreditem ou não, eu gosto de vocês, muitas vezes dou gargalhadas com seu humor, e acima de tudo admiro sua inteligência e equilíbrio. E já que causo tanta inconveniência, vou me esforçar para deixar de vir aqui. Contudo, desejo, de coração, paz e saúde a todos no ano que se inicia. Abraço e beijo a todos!!!

  129. Agora li que fui expulsa hehe. Ok!

  130. Putz, pensei que após a virada do ano, fosse vir aqui e ler algo construtivo, mas que decepção!

    Não há nada que se possa aproveitar, muitas ofensas, nem fé nem argumentos que sustentem algo, palavras vazias.

    Amigos, vão para casa e pensem bem em sua religião e também no que que é ser ateu. Parem de enaltecer seus egos discutindo coisas sem sentido.

    Defendam sua ideologia mas não combatam a do seu semelhante.

    Desde que surgiram os blog qualquer analfabeto, como eu, pode escrever o que quiser, livros também podem ser escritos, você pode até mesmo pregar palavras absurdas, que sempre irá haver um pequeno grupo ou uma multidão a te seguir, pois afinal, “a unanimidade é burra”, mas ficar discutindo ao vento, sem sentido, bobagens que não levam a lugar algum…?

    Temos mais coisas a fazer, ou não temos?

  131. Barros , com todo o respeito acho que o futuro livro seu deveria se chmar mesmo o titulo desse seu texto.
    concordo com a shirley. esse nome é bom! 1 – se temos que respeitar as religioes e suas sandices (besteirol mesmo) elas tem que respeitar as opinioes alheias, pra quem ja queimou e matou tantos para proibir a liberdade de expressao, isso nao é nada demais!
    a e outra coisa Barros, acho que voce deveria realmente excluir a DAY e outras pessoas que aparecem aqui com intuito de sacanear o seu bkog e te fazer perder tempo!
    A day ou é louca total com transtorno tri – polaar ou essa pessoa esta fingindo isto tudo e te fazendo perder tempo, nao vejo seriedade de alguem que quer dialogar sinceramente e honestamente com o que pensa!
    acho ate que voce deveria ficar de olho a outros candidatos a DAY que possam aparecer. sendo assim vc excluiria logo e nao perderia tempo!

  132. Greg, eu acho melhor (pra mim, inclusive) deixar quem participa dos debates escolher com quem discutir alguma coisa. Mesmo porque não é sempre que as pessoas se engalfinham por aqui. Geralmente, só ocorre problema quando algum crente aparece como se fosse o novo Jesus Cristo.

    Abraço

  133. Agora que vi que esse texto teve o maior número de compartilhamentos no Facebook: 56.

  134. Esta é para o Criaturo:

    Graças ao Google,amém.

  135. Sr. George Kileling se é por falta de adeus

    ADEUS PRA VC VÁ EM PAZ

    O Sr. tem muito o qeu fazer para estar perdendo tempo aqui; Adeus George Kieling va em paz.

  136. George Kieling,

    Tem mais coisas a fazer, ou não tem?

    Beijinho,beijinho,tchau,tchau!!!

  137. ME SALVE IRMÃ POR FAVOR ME SAAAAAAALVE

  138. Sra. Fátima ; RRSSSS de novo os mesmos argumentos

    O planeta jupiter quem quiser ver é so ir em um observatório e o vera.

    O vento todos sentem agora Deus só os crentes e por ai vai…

  139. Fátima

    “Eu não consigo ver o planeta Júpiter da sacada do meu apartamento e ainda assim ele existe.”
    Experimenta um telescópio, irmã. Para ver Júpiter, bem entendido, pois esse planeta existe; Deus, não, então sem telescópios. Sem difamação também, impossível difamar o nada. O mesmo para a “AUSÊNCIA”; só pode estar ausente algo ou alguém que exista.
    O vento tem uma dinâmica comprovável, algo a ver com movimento de massas de ar, com temperaturas diferentes, que sencontram. A miscelânea que você cita (o amor das filhas, girassóis, manhãs de beleza tênue – muito poético isso) tudo isso é passível de comprovação e só fazendo notar, na sua versão de mundo, seu Deus é bem perverso, pois enquanto teria te dado tanta coisa legal, não viu o menor problema em privar muitos outros de muita coisa mais importante, mas provavelmente você justifica isso se convencendo de que por ser uma fiel seguidora, mereça tudo isso.
    Deus não é de jeito nenhum como uma obra de arte; até as mais ‘esquisitas’ obras de arte trazem uma beleza que seu Deus não tem mesmo. Ao contrário, é horroroso.
    E sites como esse são “tão ferrenhamente” mantidos pela necessidade de se ter um contraponto saudável a essa coisa que vocês crentes fazem, de estar sempre a lançar maldições e pragas como antigos bruxos ou bruxas e feiticeiras/os pagãos. É um tanto chato esse tique nervoso de vocês, sabe?
    A respeito de lembrarmos de você na hora da tal justiça, vai ser meio difícil, a lista de rogadores de pragas e maldições é longa.

  140. Posso chutar cachorro morto ? Digo, expulso ?

    Não ? Que pena …

    Então vou dar um dica pra ela, digo pra ele; o cachorro . Entre com outro nome , consiga um disfarce . Não precisa se fingir de descrente nem parar de falar as mesmas esquisitices mas lembre-se que a gente vai perceber seu cheiro de longe.

    Se bem que eu até poderia dizer : Fica com Deus, estamos tão bem sem você por aqui …

  141. Anônimo,

    já que você tem pena de nós e vai perder só mais um pouco de tempo, então vamos lá. Vou participar do seu desafio mortal e vou ter coragem de te responder sucintamente.

    Prefiro passar a eternidade no inferno.

    Veja que de acordo com suas regras eu não poderia me aventurar em explicações… Então papo encerrado. Suponho que é justo que tal regra sirva também pra você, o que te coloca agora na condição de mudo.

    Mas não fique triste ! Perceba que você ganhou o debate !

    Não é o máximo ? Pode sorrir ! Vai mandar um beijo pra quem ?

  142. fátima,

    já que quero economizar nos açoites que vou receber lá no inferno, prefiro não abusar e postar de novo o que acabei de escrever. Então leia o que respondi ao Anônimo aqui em cima e veja se serve…

  143. Opa ! Você é rápida !

    Mas esses embates entre ateus e crentes tendem a ser longos como bem sabe. Ambos cantam vitória e se vangloriam do que a consciência lhes permite.

    Enfim, quer começar a briga ? Sabia que aqui vale tudo ?

    KKKK ! Tô Brincando !

  144. Anônimo
    Que ninguém vai desconfiar ser a tal Fátima, claro.
    Sobre ir pro céu ou pro inferno, céu me parece o lugar mais chato da eternidade, além do quê, ouvi dizer que o pessoal do heavy metal vai todo morar com Mr. Lúcifer, então inferno, aí vou eu!
    Sobre essa sua biografia, família inclusa, de faz-de-conta, é só isso mesmo, então nem vale a pena retrucar.
    Sabe o que mais?
    Uma pessoa que se dá o trabalho de ficar na internet inventando historinhas para supostamente defender o seu mito particular (pois com essa coisa de Deus é assim os crentes adaptam o modelo inicial, que já é precário, ás suas conveniências), tem problemas.
    Vá arrumar uma ocupação, um hobby, um tratamento.

  145. Fátima
    Você tem talento eu ri um bocado com as invocações das 02:43, a parte de arrancar os cabelos foi um achado! Pronto, está aí uma ocupação para você não precisar ficar mentindo on line. Faz o seguinte: vista uma saia bem comprida, uma blusa abotoada até o pescoço, bote uma bíblia embaixo do braço e vá até a praça mais próxima aí da sua “Veneza brasileira” e ponha-se a berrar a plenos pulmões tudo que você escreveu aqui e mais o que sua imaginação mandar. Confiando no seu amiguinho imaginário, não desista se por algumas vezes você for enfiada num camburão e levada até o hospício mais próximo, sempre tem gente disposta a ser enrolada com o patoá divino, inclusive lá no hospício mesmo você poderá arregimentar uns seguidores. Persistindo e confiando, logo você poderá abrir uma portinha, coisa modesta, cadeiras de plástico e tal, mas caprichando nesse seu dom da oratória, logo, logo você estará construindo uma bela sede, comprando carros modelo do ano, quem sabe até importado. E sabe o que mais? Seu Deus já iluminou os poderes públicos, fazendo com que isentassem o ‘religious business’ de impostos, então se você se der bem, logo poderá até mesmo ir morar na Veneza original.

    PS.: a parte sobre confiar no amiguinho imaginário era só figura de linguagem, está bem? Se você se fiar só disso, vai continuar gritando só aqui mesmo nesse blog, portanto arregace as mangas e vá lá para a pracinha!

  146. Anonimo, fátima,

    Nós rimos bastante com essas pragas a nós endereçadas! Queria saber quais de nós ela conseguiu convencer a ser crentes, mesmo pedindo ao Deus todo poderoso, solenemente!

    Eu moro na veneza brasileira, será que você vai pro parque D. Lindu pregar com a bíblia debaixo do braço, dado o ser “poder” de convencimento? Taí queria filmar isso!

    Por estas coisas que preferimos o inferno! Quanta bobagem!

  147. Eu morro de medo desse povo.

  148. Estou começando a ficar com saudades do Diogo…

    Brincadeiras a parte, parece que as pessoas estão começando a encontrar na “internet social” a tão sonhada emoção que lhes falta na vida privada….

    A propósito, essas brigas e processos são chatos… entretenimento verdadeiro são as ameças… Essas sim nunca saem de moda…

    Abraço
    Cristiano

  149. Washington da Cruz, em 28/12/2012 às 21:21 disse:
    LIVRE,ou Day ,ou Francis,
    Minha cara, meu rosto, minha identidade:

    Até.

    R: deixe de implicância com o professor Google este é o CARA QUE SABE TUDO.
    Quanto a sua foto acredito que voce postou a foto de outro mais , bonito, apenas por vergonha de aparecer, mas pelo menos a intenção de não querer assustar os outros foi bacana da sua parte.

  150. Sra. Fatima a sra. toma remédio controlado? entrou aqui gritando e almadiçoando feito uma louca!! leia aqui esta passagem:

    51 E aconteceu que, completando-se os dias para a sua assunção, manifestou o firme propósito de ir a Jerusalém.
    52 E mandou mensageiros adiante de si; e, indo eles, entraram numa aldeia de samaritanos, para lhe prepararem pousada,

    53 Mas não o receberam, porque o seu aspecto era como de quem ia a Jerusalém.

    54 E os seus discípulos, Tiago e João, vendo isto, disseram: Senhor, queres que digamos que desça fogo do céu e os consuma, como Elias também fez?
    55 Voltando-se, porém, repreendeu-os, e disse: Vós não sabeis de que espírito sois.

    Eu te pergunto vc sabe de qeu espirito é?

  151. Outra coisa que ja ia me esquecendo; passaram muitos crentes por aqui que amaldiçoaram o site muito mais do que sra. mas o site só faz é crescer em todos os sentidos até livro vai sair.

  152. Pessoal,

    Será que temos que responder pela enésima vez que não cremos em infernos, pragas, milagres,diabos, deuses malucos, sacis, cobras falantes, almas e espíritos estupradores, nada disso nos afeta!

    Na realidade os últimos coments nem são dignos de respostas, só de estupefação com tanta baboseira.

    Por estas que nos fazem mais felizes por sermos ateus!

    Abração

  153. eu quis dizer que não são dignos de respostas os comentários da Fátima, não do ADAM.

    abraço ADAM

  154. Pobre Fátima… Mais uma oração que não será respondida…

  155. Acho que a Fátima é um misto de Aztech e day,ou Livre e Diogo,sei lá…Livretech,Dayogo,Livreogo ou Azeday?

    Até.

  156. é, infelizmente a day, francis está de volta como anonimo e fátima agora! — pena que nao temos como evitar essa intromissao de bobagens que parece feitas no copy & cola! isso realmente prejudica o blog ! é bom quando pessoas contrarias vem pra cá com argumentos e tenta convencer, debater com outros o seus pontos de vista!

    agora ficar com essas bobagens de jogar praga, como bruxus contemporaneos, nao acho graça!
    é chato, parei de ler! se quisesse isso iria a algum culto, com descarrego, expulsao de demonios e tal !

    estou aqui saboreando o livre pensamento criado pelo ser humano e sua capacidade de pensar! – jogar praga é o argumento dos covardes e ignorantes – esse tipo de gente deveria estar no site do bbb, mas como nao é possivel evitar sua entrada, so resta nao ler & deixar sem resposta esse tipo de ser!

    so assim acho que essa pessoa irá realmente embora! e parar com essa chatice crente de irmao, amigo, paz , querido(a),, amado,VAI SE FUDER – nao sou (somos) seus amados ou queridos, nao estamos aqui para sermos chamados assim! nao gostamos de falsidade e queremos o inferno com todo o seu calorzinho!

    que fique registrado: acho que nao devemos ficar dando papo para esse tipo de gente, nao podemos responder, se dermos corda, essa estupidez nao acaba! devemos ppostar pra gente seria, mesmo que sejam religiosos e crentes, mas que nao fiquem com essa pilantragem de amado, querida, paz pra todos voces ———– logo apos de ter dito asneiras para os ceticos e condenado nossas almas ao inferno, rogado praga e o caramba. desejam o mal para as pessoas que nem conhecem pessoalmente e depois vem com essa de meu anjo, amores, amados, —— se fomos condenados por deus ou algum estupido e arrogante intercessor , eu rogo aos meus amigos Rá, Zeus e Tupã aos quais renovei contrato de proteçao divina total, com pagamento a vista no banco do brasil, a retirar de mim essas pragas e macumbas e manda-las de volta ao remetente!

    sao 3 deuses contra 1 – so posso dizer que qualquer crente otario tá FUDIDO! porque eles so pagam dizimo a 1 deus e eu tenho contrato assinado por 2 anos de proteçao ilimitado com 3 senhores do universo! quero ver agora! pode vir!, vai ancarar!?

    por mais algumas moedas de prata, eu consigo um bonus e a proteçao estendida para mais amigos a minha escolha com mais 1 ano gratis podendo escolher mais um deus entre os inumeros deuses indianos, que pelo fato de serem muitos sao baratinhos e estao sempre com promoçoes arrasadoras!
    deu pra entender ——– sumam do site ou vcs terao a ira de ganesh e compahia – —— os vingadores estao comigo!

  157. Day
    Não sei se essa é sua ideia de diversão ou se você tem problemas de outra ordem, em qualquer caso, você está ultrapassando todos os limites. Não somos seu parquinho de diversão particular, não somos espécimes de laboratório para que você fique fazendo essas tentativas toscas de experimento. Tenha noção do ridículo a que você está se expondo, tenha um mínimo de contenção. É muito constrangedor ver uma pessoa se prestando a tão lamentável papel. Você se aproveita do fato de o Barros não fazer moderação e faz um papelão desses em troca de quê?
    De toda forma, sempre que você assume um novo personagem, sua interpretação engana apenas inicialmente, logo você retoma a persona habitual.
    No que me diz respeito, antes de voltar a comentar, me certificarei de que não seja você travestida de qualquer que seja o personagem de momento.

  158. Washington da Cruz
    Apesar das combinações hilárias, é só a Day mesmo. Acho que para o bem dela e nosso, devemos parar de responder a qualquer personagem que ela assuma.

    Greg
    concordo totalmente com o que você diz sobre os crentes ficarem desejando paz, amor e o resto, é hipocrisia e cinismo. Adorei seu contrato com a “deusaiada” aí. rrsrsrrsr

  159. Marquei a Fátima como Spam, depois que verifiquei nos comentários dela o mesmo endereço de IP da pessoa que estava comentando usando o nick da Day e do LIVRE.

    Como havia “diagnosticado” antes que a pessoa em questão não era a Day, posso inferir que a tal de Fátima também não é.

    Durante os 4 anos de blog, devo ter bloqueado leitores umas 3 ou 4 vezes. Acredito que ninguém vai sentir falta de quem só escreve bobagens e ainda por cima usando o nome de outra pessoa.

    E também concordo com o Greg aí. Acho que damos atenção demais a quem não merece.

  160. ssrodrigues – é so vc ir a qualquer agencia bancaria e fazer um seguro de vida e escolher quak deus ou deuses vc quer que te proteja. nao escolhi o deus judaico – cristao por acha-lo muito voluvel!
    vai que ele na hora nao cumpre o contrato e manda outro refazer a lei = quero dizer o contrato!
    adorei o seu gravatar , a imagem = parece ate bem espiritualista!
    o olho que tudo ve!
    de todos os posts que li, achei vc uma das mais , como posso dizer:
    interessante e sagaz do blog!
    vou te fazer 1 pergunta: a quanto tempo vc é ateia? e o que fez vc ter essa convicçao, ou opçao de vida?
    acho que so conheço ateia em livros e ficçao, e que fulana de tal é !
    pessoalmente nunca conversei com alguem que se declarasse isso!

  161. principalmente para Barros e ssrodrgues : é tanta historia que tenho, e tanta coisa que gostaria de discutir , na boa é claro , que um dia gostaria de ter vcs numa mesa, ou algo do tipo , como : o encontro de hitchens, dawkins, san harris e o outro desculpe esqueci agora! ali conversando, tranquilos, expondo as ideias e debatendo numa boa! acho isso genial !
    quanta coisa interessante deve ter saido dali, hein?
    acho que isso é uma coisa que falta aos ceticos, ou aqueles ate religiosos que tem bom senso de conversar esse tipo de assunto , o que é raro!
    experiencias de vida, e a visao de cada um do mundo!
    na verdade isso esta faltando e muito na sociedade! em todos os sentidos e assuntos, nao so filosoficos!
    as pessoas so tendem a dialogar com pessoas do mesmo grupo e ideias, isso é ruim e sempre foi perigoso!

    tem uma parte do livro – deus um delírio que dawkins conta com emoçao quando na universidade , um outro professor provou que existia complexo de golgi nas celulas,por A + B e o professor que a 15 anos na faculdade nao acreditava passou a reconhecer o seu erro e aceitou a ideia ! quem dera o mundo assim?! acho pouco provavel, a religiao nunca vai deixar isso acontecer.
    nao sei vcs ! mas se realmente existir algo de sobrenatural e transcendental,ou algum tipo de deus! eu nao iria ficar chateado, nao muito ) rsrsrsrsrsrs! —- reconheceria e pronto acabou! se é (existe); entao é , fazer o que!? estive errado e pronto, mas quanto mais se procura e investiga vemos que menor fica essa hipotese.
    adorei quando dawkins veio ao brasil e numa entrevista, acho que globo news, tem no you tube!—- no final de tudo,foi perguntado a ele:
    se vc morresse e descobrisse que há deus e vc estivesse frente a frente com ele o que vc diria ou faria? adorei a resposta dele: perguntaria qual deus voce é???? – simples assim! cristao, do isla , judeu, afinal , qual??? a pergunta que todos querem saber, ate os religiosos! ——- pra depois uma meia duzia dizer, viu !! ?? eu é que estava certo! ,na minha igreja! segui o deus certo!!!!!
    muitos podem achar apenas deboche do dawkins, é um pouco de piada sim! claro! , mas tambem há verdade nessas palavras que diz:
    é , pois é ; me enganei , entao existe deus , o criador , agora assim aceito e reconheço, com certeza a outra pergunta do dawkins a deus e possivelmente a nossa seria: pô, porque voce nao disse antes e apareceu e falou a todos de maneira inequivoca? voce precisa melhorar ou contratar um ser de relaçoes publicas; deus! tal. (talvez ganesh) / muitos acreditaram em outro deus, (essa é por minha conta)
    o que quero dizer com isso é o seguinte, acho que tanto dawkins ou qualquer outro discrente nao teria o menor problema em reconhcer deus e aceitar, como no caso do complexo de golgi ! se existe, entao existe, nao somos ceticos simplesmente porque nao queremos acreditar , mas porque nao temos provas e evidencias de que exista o mestre do universo, o INEFAVEL –
    nao somos do contra , so pra irritar as pessoas e amaldiçoar o mundo! se for provado e tiver argumentos convincentes, com certeza estaremos dispostos e tranquilos a aceitar, afinal , se nós erramos 99% das pessoas tambem erraram como nós, pois, só pode haver uma religiao ou pensamento certos, ou aquele tipo de deus, nao seremos os unicos a falhar!
    é isso que os religiosos nao entendem, acham que estamos de provocaçao e nao temos sentimentos como eles dizem ter!
    devem achar que temos outro deus escondido, so pode!?
    NAO, nao temos! so nao acreditamos, talvez quem sabe, um dia.
    vi na resposta do dawkins a sinceridade que falta nos religiosos, nao gostamos de errar e voltar atras, mas se tiver que ser assim, nao podemos ser como os fanaticos religiosos que nao aceitam outras opinioes! devemos ser melhores! neste sentido!
    ERRAR É HUMANO, PERSISTIR NO ERRO É SER CRENTE!
    e acho que isso , nao somos !
    thanks ! ——–sermão ateu!

  162. Greg, eu estou sempre disposto a discutir e debater. Será sempre um prazer. O que eu não suporto são os crentes, que nunca entram num debate para “defender” seu ponto de vista e sua visão de mundo. O que ele quer é “repassá-la”.

    O outro Cavaleiro do Apocalipse era o Daniel Dennett.

  163. Barros,

    Já pensou em fazer um debate usando um Hangout do Google? :-)

  164. *Usando o e não um

  165. Ícarus, sinceramente, eu acho que não daria certo. Eu, geralmente, não tenho muita paciência pra lidar com crentes fervorosos, porque essa “fervura” deles geralmente fazem aflorar a minha arrogância. E isso nunca é uma coisa muito salutar para um debate. Eu prefiro ouvir uma posição de um crente sobre um determinado tema, respirar, contar até 10 e tentar responder da melhor maneira possível, de preferência quando estou de bom humor. Isso eu já faço aqui no blog.

    Um abraço

  166. Fiz uns testes e descobri que se você escrever um texto entre os símbolos << (e o seu invertido) o texto não aparece. Foi essa a "maldição" que a leitora presenciou mais acima. Tem a ver com as tags do HTML da página. Não é um bug, mesmo porque esses símbolos não deveriam ter sido usados como aspas.

  167. Greg, oi
    Obrigada pelo ‘sagaz’, normalmente sou chamada de espírito de porco mesmo, então gostei.
    Sobre o gravatar, estava pesquisando imagens no Google, vi essa e gostei. E sobre ser ateia, falo um pouco disso aqui:

    https://deusilusao.com/2012/11/13/minha-deusilusao-por-shirley/

  168. Greg
    uma vez uma testemunha de Jeová me pediu para imaginar o seguinte: tendo morrido, eu descobria enfim que a existência de Deus era um fato, o que eu faria então; respondi que minha reação perante ele dependeria da reação dele para comigo. O homem-testemunha me disse para imaginar que Deus me cobraria minha falta de fé nele e o que eu teria a responder.
    Disse que responderia a ele o mesmo que dizia naquele momento ao homem-testemunha: um ser capaz de criar o Universo estar se preocupando com o que nós achamos dele seria, quando muito, merecedor de um medo tremendo, se a gente fosse considerar a combinação de poder (afinal ele criou tudo que existe) com a insegurança em nível cósmico mas pensando bem, não responderia nada nesses termos, já que estaria transida de pavor, afinal ele seria o todo-poderoso e eu só uma mera humana.
    O homem-testemunha me disse que sentia muito por mim, por estar tão só e que não dava para conversar comigo se eu não o levava a sério.
    E esse é o ponto, não dá para levar a sério a ideia de existir um deus criador, que está diretamente interessado no nosso rumo aqui nesse planeta perdido na beira de uma galáxia,qualquer deus.
    Supondo que exista algum ser que foi capaz de, de uma forma ou outra, criar o Universo, esse ser está tão além da nossa capacidade de compreensão que no fim das contas, é totalmente irrelevante o que achamos, fazemos, sentimos, dizemos e pensamos, tanto nós em relação a ele, quanto ele em reação a nós.
    Esse raciocínio pode não fazer sentido para os outros, mas faz para mim, e baseada nele eu me sinto tranquila em afirmar que deuses não existem, não na forma como são caracterizados pelo ser humano e se existir de alguma outra forma, continua não tendo importância para mim na medida em que seria totalmente absurdo me preocupar em pautar minha vida (que dirá a dos outros) pelos desígnios de um ser que estaria completamente fora da minha escala de compreensão.
    Então que de forma um tanto enviesada, eu concordo com você: não somos descrentes de deuses por birra, por pirraça ou como os “experts” em ateus nos definem, por traumas, desilusões, falhas de caráter. O somos por não encontrar sentido, bom senso, lógica, nada que sustente a ideia seja desse deus cristão, seja de outro qualquer, para não falar de provas.
    Penso que o que enfurece os crentes não é tanto o fato de não crermos, mas de termos, não diria coragem, mas serenidade de admitir o fato da não-existência de qualquer deus e continuarmos vivendo sem que o céu caia nas nossas cabeças…rsrsrsrrssr…
    Fico imaginando se em algum nível da consciência de um crente não há um completo estado de perplexidade permanente.
    P.S.: o anônimo aí de cima sou eu, esqueci de logar.

  169. Washington da Cruz, em 03/01/2013 às 22:23 disse:
    Acho que a Fátima é um misto de Aztech e day,ou Livre e Diogo,sei lá…Livretech,Dayogo,Livreogo ou Azeday?
    Até.

    HE…HE.HE…HE…HE…HE…..HE

  170. afinal Barros sobre a pergunta que fizeram ao dawkins? da possibilidade de encontrar deus (ou algum deles) o q voce diria?

    depois de ver a resposta da shirley acima , me fez raciocinar para 1 hipótese, acho que ela foi bem lúcida e racional na sua colocação!
    se houver deus, acho que esssa figura estará muito acima da nossa compreensão, do nosso entendimento, será algo de tão extrordinario que a princípio , talvez, nem o reconheceriamos, afinal o cara cria universos e nos! — apenas mortais preocupados com o pao de cada dia! a distancia de inteligencia é muito grande!
    MAS isso mostraria tambem que: os que se dizem religiosos tambem nao o compreenderiam, na verdade seria dificil para ateus e ceticos que tentam buscar explicaçoes e entender o mundo, imagina como seriam para os crentes e dogmaticos? eles devem estar mais longe ainda do que os que estudam e analisam as coisas.

    E – sendo ele tao superiormente inteligente, acho que ele veria a gente como nós vemos, sei lá, as formigas e sua sociedade no formigueiro – comparando mal, mas comparando a grosso modo, e ai, é o seguinte: onde quero chegar, esse ser fantastico nao poderia nos julgar dessa forma como querem os religiosos e inventar esse tal de pecado.
    é como se nós víssemos as formigas e as considerássemos pela sua falta de inteligencia, avanço cientifico e tecnologico pecadoras por agir daquela forma. Na genesis diz: fomos criados a imagem e semelhança do fodão, mas… só fisicamente entao, a inteligencia nao!
    qualquer atributo especial nos foi negado – porque? so por diversao entao! fazendo outra analogia. nós como seres humanos, e pai ou mae tentamos ensinar o maximo os filhos e prepará-los com tudo o que sabemos e podemos oferecer; e o mais importante: tentando evitar sofrimento aos filhos e ate aos outros descendentes da especie!
    portanto deus como pai deveria evitar ao menos os graves sofrimentos, as coisas banais e outras que podemos contornar tudo bem, podemos até acreditar em algo do tipo: isso é assim para ensinar!
    mas tem coisas que passam do limite e nao tem volta!
    1- ex: 2a guerra mundial – precisava? o que aprendemos? valeu a pena o chefão ficar assistindo de camarote aquilo tudo?

    se é assim que ele ensina, acho que nao é tão inteligente como previamos? sera que matar ou deixar que isso aconteça seria opção em nossas vidas para ensinar? eu que sou pai não desgraçaria a vida do meu filho só para provar que estou certo ou que algo deveria ser de tal forma. para os ateus um absurdo, mas para os crentes: mistérios de deus!

  171. Greg, eu acho tremendamente difícil encontrar a resposta para essa pergunta, porque seria a mesma coisa que eu poderia pensar em dizer para uma fada, ou um duende, ou para o Papai-Noel, se desse de cara com um deles.

  172. Barros,

    Estou LIVRE para dizer que o TOC ,a depressão e a coprolalia são comorbidades desta doença.
    Ó nossa senhora de Fátima, Day…digo,dai livramento para esta alma.

    Até.

  173. Anônimo, em 06/01/2013 às 10:56 disse:

    Greg, o idiota da vez. Burrice tem limite. Já leu “O Idiota” de Dostoiévski?
    R – voce nao deveria ler este tipo de livro – esta no index! – é paganismo! veja: livros para voce!
    conversando com deus!
    Livro: A batalha de todo homem – Stephen …
    http://www.mundocristao.com.br › Loja Virtual › Inspiração
    Livro: A dádiva da dor – Philip Yancey – Paul …
    1. Cristianismo puro e simples (C.S.Lewis)
    2. O fim de uma era (Walter McAlister)
    3. O livro dos mártires (John Foxxe)
    4. Maravilhosa graça (Phillip Yancey)
    5. Teologia Sistemática, Histórica e Filosófica (Alister McGrath)
    6. As Institutas (João Calvino)
    7. Confissões (Agostinho de Hipona)
    8. A renovação do coração (Dallas Willard)
    9. Crer é também pensar (John Stott)
    10. Icabode (Rubem Martins Amorese)
    obs:o numero 9 é meio contraditorio! crer nao é= a pensar, nao mesmo
    http://www.ebooksgospel.com.br/
    livros.gospelprime.com.br/
    http://www.casadabibliaonline.com/categoria/livros-evangelicos?spage=1

    isso foi o que eu peguei em 10 segundos no google, mas pelo que eu vi. tem livros para varias vidas sua!

    agora, livros que voce NAO pode ler: cientificos, ate didaticos mesmo!
    Na escola ou faculdade nao responda segundo a ciencia atraves de resultados pesquisados e testados , mas sim abra a biblia e estude!

    nao recomendavel: deus um delirio, deus nao é grande e tambem a obra recente de antony flew, (ex ateu que se diz agora acreditar em alguma coisa) essa ultima obra tambem nao seria util a voce, afinal o autor segue o panteismo! onde Deus nao esta muito presente, nao opera milagres e nao atende as preces! apenas vive no seu mundo jogando xadrez ou playstation com satã! olhando pra baixo comendo pipoca!
    entao nao serve para a fé cristã ou qualquer outra! afinal FLEW ficou gaga por causa da idade, mas nem tanto assim!
    viu!? estou ate lhe ajudando a selecionar melhor sua leitura! nao precisa agradecer ta bom?!
    e esqueça tambem = carl sagan! – sam harris – pensadores iluministas!
    andre cancian = brasileiro que tambem tem um site, e escreveu uma obra prima em prol do ateismo! – melhor do que de varios escritores estrangeiros! – pena que voce nao pode ler, senao pode acabar com a sua ilusao!
    e tambem o futuro livro do barros, que deve ser muito bom!

  174. Aos queridos leitores do Deusilusão que estão visitando essa página de comentários:

    Como forma de “proteger” vocês mesmos, e esse espaço saudável para discussões, eu sugiro — sugiro apenas, que é só o que me cabe — que não dirijam mais a palavra para essa senhora, que só demonstrou ser uma pessoa tão agressivamente desagradável, nem mencionem mais seu nome sequer, para não dar a deixa para ela retornar aqui novamente, embora já tenha prometido inúmeras vezes que não mais faria isso.

    Essa senhora certamente não está em boa saúde mental e não vou deixar que ela venha se utilizar do meu blog para exorcizar os seus demônios.

    Eu, infelizmente, não estou dando conta de bloquear os acessos dela ao blog, como prometi mais acima, porque ela deve estar acessando o site a partir de uma lan-house, visto que seus endereços de IP são diferentes a cada vez. Isso me impede de marcá-la como spam, já que não acessa o blog do mesmo computador.

    Além de ter marcado essa senhora como spam aqui no blog, fiz o mesmo no meu e-mail pessoal, porque essa senhora vem sistematicamente me mandando mensagens ameaçadoras, dizendo que vai me processar, que vai levar as ofensas que está recebendo para a TV, para os tribunais, que o marido é amigo de desembargador, que já sabe onde eu moro, e coisas do tipo. Se ela continuar frequentando o site como anônima, vou divulgar as mensagens aqui para enfatizar que meu pedido para ignorá-la tem fundamento.

    Tenho arquivados todos os e-mails de ameaças que ela vem me dirigindo (que são alternados com pedidos de desculpa e dados pessoais como o próprio número de telefone fixo), bem como tenho arquivados todos os comentários ofensivos e preconceituosos que ela postou no Deusilusão. Ela já ameaçou por três vezes me processar, mas o estado mental dela não a deixa perceber que o comportamento que mais se aproxima do que poderia ser enquadrado como crime virtual seria o dela.

    Portanto, mais uma vez, encarecidamente eu peço para que vocês a ignorem, para, assim, quem sabe, ela acabe se cansando e vá cuidar da própria saúde.

    Espero contar com a compreensão dos leitores, que sempre demonstraram ter bom-senso e educação.

    Barros

  175. oi , Barros ! quase q eu mandei 1 email reposta para esse anonimo! nao percebi como o da Cruz que era a perturbada de sempre! – a sorte foi q a minha net caiu e eu perdi tudo o q ja tinha escrito, tinha postado alguns links e nomes de livros cristaos para essa pessoa se divertir a vontade e postado nomes e links de livros que ela nao deveria ler de jeito nemhum, um index!
    e falando nisso vc ja ouviu falar de um brasileiro chamado Andre Cancian, ele escreveu um livro muito bom, bom mesmo, ate melhor do que de outros escritores estrangeiros sobre o Ateismo!
    ele ja comercializa a muito tempo, acho que no site dele esta 35 R$ ! se vc nao conhece poderia dar uma pesquisada!
    ja ouviu falar do ex ateu antony flew que esta sendo reverenciado pelo religiosos ja faz um tempo! so que no livro dele – Deus Existe ! palavra de um ateu! – os crentes nao leram ou nao entenderam que ele se referia ao deismo como posiçao de crença!
    o q vc achou dele?

  176. Barros,

    Concordo com você e vou ignorá-la.

    Até.

  177. tenho pena de você!

  178. E você que conversa com o vento pedindo presentinhos e mágicas!!?… Eu morro de pena…

  179. Eu fico pensando… O crente tava pesquisando o que no Google pra achar o link pro meu texto Quando Deus cagava no mato?

    E mais, por que diabos ele teria a curiosidade de ler um texto que diz que o seu Deus defecava na moita? Que porra de curiosidade é essa?

    Ele podia pensar: “Ah, tem um condenado ao Inferno que resolveu escrever umas tantas blasfêmias sobre o ser mais poderoso que já existiu e, certamente, terá seu castigo. Não quero nem chegar perto…”

    Mas não, ele vem aqui ler… rsrssss Vem ler as minhas blasfêmias…

  180. Por mim, Deus é um Deus do cuzão mesmo, veio aqui deu umas belas cagadas no mato e se mandou deixando uma serie de regras e deixou o “livro arbítrio”, mas também deixou o inferno como consequência de quem não o obedecesse. Então não dar para compreender o que é livre arbítrio para Deus já que você sofre uma pressão ( ir pro inferno) caso não o obedeça…
    Devido alguns comentários sobre o brlog-
    .A liberdade de expressão ou dizer o que acha em algum momento vai interferir na ilusão de outra pessoa, pois não dar para limitar suas ideias ate onde não atinja a ilusão de outra pessoa. Assim o seu pensamento ficaria muito restrito, é melhor nesse caso nem pensar e reproduzir tudo que escuta ou aprende, imutavelmente, para outros, logo, não poderia apartir daí chamar isso de liberdade de expressão ou de pensamento livre…

  181. *”livre arbitrio”

  182. Concordo plenamente contigo!!! o deus idiota!!! e tem gente que ainda acredita nessas baboseiras…

  183. […] Quando Deus cagava no mato  […]

  184. […] Quando Deus cagava no mato  […]

  185. […] Quando Deus cagava no mato […]

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: