Qual o sentido da vida? (fim)

saca-rolha-cromado-c-abridor-de-garrafa-vinho-western-11035_MLB-O-3193264277_092012

Sofia não aceitou muito bem meus argumentos, mas, quando nos despedimos, eu tive a impressão de que ela ainda iria passar muito tempo considerando tudo que conversamos. Enquanto voltava sozinho para a minha dimensão no nono andar, eu observava as pessoas nas calçadas, nos bancos de praça, nas esquinas de sinal vermelho. Será que alguma vez elas já se perguntaram sobre o sentido de suas vidas? Provavelmente não. Elas estão ocupadas demais em continuar girando, como uma pequena engrenagem que não faz a menor ideia de sua função dentro de uma máquina gigantesca.

Ignorantes de si mesmas, eu as vejo como mendigos, catando ao longo de suas vidas as migalhas de prazer que dão sentido a ela. E as vejo como prisioneiras, precisando se conformar com o que têm dentro de suas próprias celas, e aprender a extrair o máximo de prazer do que está em volta. Seus corpos de animais podem facilmente ter satisfeitas suas necessidades mais básicas. Mas suas mentes são animais imateriais com um apetite insaciável. E elas se alimentam apenas de prazer, que, para quase todos nós, é consumido ao ritmo de migalhas ao longo dos dias, dos meses e dos anos.

O que fazer, então, nos intervalos entre uma e outra migalha? É preciso entrar num estado em que intencionalmente iludimos nossa consciência, colocando-a num transe de embriaguez anestésica, de suspensão forçada, em que a vida é vivida em uma marcha-lenta hipnótica à espera da próxima oportunidade de recompensa. Quando essa recompensa demora, é preciso acalmar a fera sedenta que nossos corpos carregam, e nós a sedamos com drogas saudáveis e prejudiciais, palavras-cruzadas, conversas improdutivas, informações inúteis; nós a distraímos com lembranças extremamente prazerosas, ao som de músicas que nos transportam de volta a um momento maravilhoso, ou nos levam para um futuro que jamais viveremos; nós a consolamos com romances e filmes que trazem para as nossas vidas as emoções que não conseguimos obter por conta própria, ou que sequer tivemos coragem de tentar. 

Fazemos isso tão rotineiramente e há tanto tempo, que nunca nos demos conta. Mas observe o que acontece numa longa fila de banco ou de supermercado e facilmente você identificará o processo. As pessoas estarão conversando com estranhos, ouvindo música, mexendo no celular, lendo uma revista… Poderão estar, também, totalmente absortas em seus próprios pensamentos, divertindo-se com alguma lembrança boa, ou imaginando uma situação imensamente prazerosa, por mais absurda, improvável ou impossível que seja. Repare bem em seus rostos e compare suas expressões e atitudes com as daquelas que estão apenas concentradas na sua real situação: a de ter que permanecer por vários minutos numa longa fila. Só aí você irá perceber a agonia do animal humano preso na sua cela sem nenhuma migalha de prazer para saciar seu apetite voraz.

Acredito que a quase totalidade de nós não tem noção do que é, nem do que é feito, nem de “para que serve”… As pessoas não têm para si as mesmas respostas que dariam sentido a um saca-rolhas. Para elas, a vida é completamente sem propósito; uma imposição do acaso incompreensível da existência em que se descobriram, no susto de quem desavisadamente cai num rio caudaloso e é arrastado pela correnteza. O melhor que conseguem fazer é se debater vigorosa e continuadamente para manter o rosto acima da superfície da água. Elas levantam de manhã, levam seus filhos para a escola, vão para o trabalho, enfrentam o trânsito, voltam para casa à noite, dia após dia, e nem mesmo sabem por que fazem o que fazem. Na verdade, sequer encontram tempo para refletir sobre isso, ou, pior, mentem para si mesmas ao assumirem que o sentido de suas vidas está vinculado à tola esperança de viver uma outra, para sempre, num mundo encantado repleto de prazeres.

Quando admitimos que, em última análise e em última instância, é o prazer que dá sentido às nossas vidas; quando percebemos que tudo o que fazemos — ou que deixamos de fazer — é para tornar mais frequentes as oportunidades de sentirmos prazer e reduzir as situações que possam nos privar dele, então todo o resto passa a fazer sentido. Quando descobrimos os limites de nossas próprias celas; quando identificamos o que nos dá prazer ao longo dos nossos dias, e o que fazemos entre esses momentos; somente aí é que podemos dizer que realmente estamos vivendo a nossa vida, em vez de estarmos sendo arrastados por ela.

Talvez somente essa consciência do que dá sentido à vida nos permita fazer, hoje, tudo o que estiver ao nosso alcance para vivermos da melhor maneira que pudermos, e aproveitarmos ao máximo a única vida que teremos. E também para que, no futuro, quando essa mesma consciência enfim nos alertar de que nosso tempo já está inadiável e inevitavelmente no fim, nós possamos nos conformar com nosso próprio destino, e aproveitar para chorar de saudade de todos os dias que vivemos. Em vez de chorar de tristeza por tê-los vivido tão pouco.

 Para Elizabeth

 

Eu vivo

Anúncios

224 Respostas

  1. teste

  2. Uau ! Esse capítulo final foi muito bom. Parabéns.

    Toda a série ou só esse final foi para a Beth ?

  3. BARROS,

    Você disse:

    (((… possamos nos conformar com nosso próprio destino, e aproveitar para chorar de saudade de todos os dias que vivemos. Em vez de chorar de tristeza por tê-los vivido tão pouco.)))

    Acredito que, antes que você chegue a essa fase da existência terá motivos convincentes para acreditar que, melhor mesmo será o dia em que não choraremos de saudades nem de tristezas; nem por uma coisa nem por outra; mas, sorriremos de alegria por, em fim, termos dominado o medo deste momento, e a sua causa, a MORTE…

    A imortalidade nos aguarda. Só não vê quem não quer ver, de mais um tempinho ao tempo…

    Antônio F. Rosa.

  4. Lamento acabar com a brincadeira de vocês, mas independe de vocês crêem Nele ou não, Jesus existe e vive em vocês, assim como vive em mim. A diferença apenas reside na minha percepção de que eu estou certa sobre as minhas emoções e sobre o que vejo acontecer de milagres na minha vida. Quem faria tais milagres? Vocês ateus não passam de crianças merecedoras de palmadas. Eu rezo à Deus pra que Ele não desvie Sua atenção para puni vocês de tanta desobediência e rancor.

  5. NO terceiro parágrafo começa com “Elas não tem pra si…” – ELAS QUEM? Aprende pelo menos escrever…. O pronome ELAS é um referente mas ELAS não está se referindo a ninguém nessa frase.

    Falar mau de Deus é fácil – difícil é aprender Português.
    #FikaDika.

  6. Amiga Dri

    O fardo da ignorância que você carrega já me deixa compadecido o suficiente para perceber que você não merece uma resposta mal educada, muito menos irônica… meus sentimentos…

    Abraço
    Cristiano

  7. he…he…he…he…he

  8. Querido Antônio Ferreira Rosa…

    Gostaria que você lesse minha série de textos Racionalizando a Eternidade, para que pudesse ver como você responderia as questões que apresentei lá.

    Eu acho que você tem esse fascínio pela vida eterna porque, certamente, sua “vida terrena” deve ser bem confortável. Daí você querer estendê-la para todo o sempre, vontade essa que não deve ser compartilhada pelos milhões e milhões de miseráveis do mundo. Para que esse seu sonho fosse viável, seria preciso, antes, descobrir um jeito de obter recursos para cada ser humano da Terra viver tão bem quanto você, o que me parece ser algo muito mais difícil.

    E um problema que — fora os inúmeros outros que eu menciono naquela série de textos — estaria intimamente ligado à questão da “imortalidade” seria o da superpopulação. Imagina só: 7 bilhões de pessoas, todas vivendo tão bem quanto você, fazendo sexo e tendo bebês…

    Eu sou péssimo em matemática, mas, faz o cálculo aí: em 30 anos, a população mundial bateria os 100 bilhões de pessoas; em um século, meio trilhão.

    Ou seja, mesmo que a ciência desse a nós, agora, o mesmo estilo de vida que você tem, seria impossível que ela garantisse a manutenção desse estilo à medida que o tempo passasse. E como o tempo não seria problema…

    Dri, eu vou corrigir. Obrigado.

    Fernando, foi ela que me sugeriu o tema…. Então foi pra ela. Abraço.

  9. Dri,

    Todo mundo pode errar escrevendo, mesmo os mais cultos podem errar, principalmente por distração…

    Assim, já que você tá querendo ensinar português, fica a dica pra você também:

    Não se diz, como você disse: Falar “”mau”” de Deus…
    Diz-se: Falar “”mal”” de Deus…

    O contrário de Mau, é Bom; e, o contrário de Mal, é Bem…

    Assim, diz-se falar “mal” ou falar “bem”, de Deus… Jamais, falar “Mau” ou falar “Bom” de Deus…

    Você tem outros erros de português nos dois curtos textos que voce postou, mas, vamos ficar só com este que abordei acima…

  10. Vejo que você é “mágico” com os números, sete bilhões virarem cem bilhões em trinta anos; e, meio trilhão em um século, não sei que conta você fez, mas, deixa a matemática pra lá, não é minha praia também…

    Quero lembra-lo que a imortalidade é só um detalhe a mais no caminho do CONHECIMENTO ABSOLUTO… Assim, esse problema de superpopulação é uma questão meramente de IGNORÂNCIA (falta de conhecimento). Estabelecido o conhecimento, banida a ignorância e suas consequências, meu caro Barros. Simples assim!

    Deixando de lado o meu estilo de vida, por sinal bastante modesto, te digo que a questão da manutenção da população do planeta, no futuro, representará muito menos problema do que representa hoje.

    Aliás, não representará problema nenhum. Imagine você, a inserção de um ou dois genes de vegetais resistentes à falta de água como o cacto, ´por exemplo, na soja, no arroz, no milho, no feijão, possibilitando, que esses grãos sejam cultivados em regiões desérticas ou semidesérticas?

    Não vou me alongar, pra quem sabe ler um pingo é letra, não é mesmo?

    Abraço…

  11. Barros,

    Se tem uma coisa que será adquada, no futuro, é a relação demográfica com o equilíbrio ecológico. o Planeta será ecologicamente sustentável sob todos os pontos de vista…
    Pode acreditar…

    Abraço…

  12. Sem há muito ter o que dizer,proporei ao menos uma imagem,muito esclarecedora,por sinal,das práticas religiosas vigentes:

    Seria este o sentido de minha vida?Deflagrar e deslindar as boçalidades religiosas?Que seja!

  13. Washington, o crente é uma pessoa anestesiada…

    Falar o que… talvez eles mereçam…

    Uma vez reclamei do meu chefe a um amigo… ele me disse que cada um tem o chefe que merece… talvez isso se aplique a eles também…

    Mas que é um negócio tentador isso é… mas minha moral não permite….

    Abraço
    Cristiano

  14. Antônio, eu cometi um ligeiro deslize. Nunca ouviste falar de ato-falho? Por falar nisso a ‘falha’ de voces é justamente essa, ficarem de mal com Deus por causa de suas vidas fracassadas…. Não culpem Deus pelos males do mundo nem pelos seus fracasso. Peçam ajuda e Ele Lhes atenderá.

  15. Todo ateu que eu conheço é revoltadinho com alguma coisa, emprego, casamento filhos drogados, e etc.

  16. Regina

    Me diga em qual pais você vive, porque aqui no Brasil, geralmente o crente vai a igreja pedir para ganhar agora ou na outra vida o que não teve sorte ou capacidade para alcançar em vida…

    O crente só pede, pede e pede…

    Abraço
    Cristiano

  17. Ué tb estou achando qeu a Regina vive em marte ou outro planeta!
    Que eu saiba não existe ateu em presidios; hospicios e afins rrss
    Ta cheio é de crente nesses lugares todos; não assiste tv não Regina?! os Valdomiros da vida?!
    Eu sei onde a Regina vive; na lua!!

    Eu viovo sempre no mundo da luaaaaaaa, tenho alma de artista o meu papo e romantico ; futurista ; lunaticoooooo….

  18. Sra DRi olhe por favor o video ai em cima do Whashington e a Sra. vai ver qeum é que Deus ta ajudando.

  19. “A vida não precisa ter nenhum sentido, a não ser aquele que damos a ela. Por que ficarmos deprimidos? Para mim, essa é uma imagem revigorante. Justamente porque a vida é efêmera, todos nós deveríamos tirar o máximo proveito do breve momento que desfrutamos sob o sol. Deveríamos aproveitar ao máximo o fato de evoluirmos com uma consciência que nos possibilita apreciar a beleza do cosmos, ao mesmo tempo que buscamos melhorar a vida na Terra. Prefiro viver num universo onde a vida é breve e preciosa a noutro onde o sentido da vida nos é ditado por um Saddam Hussein dos céus!”

    Lawrwnce Krauss

  20. (((Prefiro viver num universo onde a vida é breve e preciosa a noutro onde o sentido da vida nos é ditado por um Saddam Hussein dos céus!)))

    Não acredito no que estou vendo, ou lendo, vindo de quem vem… Outra vida além dessa, num outro universo, passa ser uma questão de preferência, ou, de opção pessoal?…

    É o que estou entendendo nesta frase. Será que estão começando a aceitar a ideia de outra vida, noutro universo, onde a vida existiria apesar de ter o sentido ditado por um Saddam Hussein dos céus?…

    Será que estou interpretando corretamente o sentido desta frase dita pelo Lawrence Krauss e citada pelo Oiced?

    É o que está escrito…rsrsrsr.

  21. Oiced,

    A vida a aqui na terra, já teve o seu sentido ditado por milhões e milhões de “Saddans”… Não teria nenhum sentido a outra vida, após essa, também ter o seu sentido da mesma forma…

    Acredito que, apenas, a razão, a coerência, e o conhecimento absoluto, objetivando a felicidade plena e permanente, ditarão as normas da outra vida após essa vida…

    Abraço.

  22. O MAL não será eterno na odisséia humana, nem nesta vida, nem na outra; é finito e temporal, só se origina e se estabelece na ignorância e na falta do conhecimento; estabelecido o CONHECIMENTO ABSOLUTO, extinto o MAL, para sempre… Simples assim…

    http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/2012/11/a-interinidade-do-mal.html

  23. oi, Shirley. vc continua otima em suas respostas, adorei aquela historia sobre o homem ser um “cupim” do universo.
    sobre o “conhecimento absoluto” do nosso amigo ai, já tive esses delirios tambemn, tem muito a ver com a doutrina espirita, que prega que nos vamos evoluir ate chegar a ser “deus” tambem! – eles ate tem uma contagem de tempo para isso, bem maior do que o do nosso amigo Antonio. Falta cerca de 2 bilhoes de anos Shirley para voce ser rainha de um universo só seu que voce vai poder criar com seus megas poderes e conhecimento absoluto.
    Segundo psicografias estamos na metade do caminho da nossa jornada, voce ainda vai ter que reencarnar milhoes e milhoes de anos para chegar ao nivel de Jesus, que segundo os espiritas é o governador do nosso planeta e desta galaxia, as outras galaxias tem outros representantes para esta finalidade, é engraçado que jesus é tido como o governador e nao Alá, e Buda é um auxiliar de Jesus: tipo empregado – um gerente da empresa celeste. alguem arriscaria uma hipotese para isso ser com este tipo de hierarquia?
    Olha que viagem,; segundo o espiritismo nós vivemos no reino mineral, depois vegetal e agora no animal, a partir dai tomamos consciencia da nossa existencia e evoluiremos até o nosso galardão supremo – o conhecimento absoluto e nos tornaremos uma especie de Deus!
    sem ter mais o que fazer afinal saberemos de tudo, criaremos outros mundos e seres e daremos a esses organismos vivos a mesma dádiva que nos foi dada, a de ascender até o conhecimento absol…..
    e assim vai!
    o espiritismo criou essa logica e essa seguencia ad infinitum como alternativa para escapar da questao de: como fica esses montes de DEUSES NO UNIVERSO? NAO FICA, ELES VAO PARA OUTRO!
    REALMENTE IGUAIS CUPINS! —————– cUPINS CElestes!

    @DeusILUSAO

  24. Greg,

    Antes de fazer uma consideração mais aprofundada da sua postagem, posso lhe adiantar que você é muito bom em misturar “alhos e bugalhos…rsrsrs

  25. Greg

    Que tipo de drogas os espíritas usam para chegar nesse “modelo”?

    Abraço
    Cristiano

  26. eu acredito no que o Greg falou!

  27. Caro Cristiano,

    Permita-me, também, responder a sua pergunta sobre o tipo de droga que os espíritas usam… Acredito que a droga dos espíritas é a mesma de todo mundo… Dos crentes tradicionais, dos “crentes” ateus, e a dos “crentes” excêntricos, como eu, por exemplo…

    Sabe o nome desse tipo de droga? É a droga da IGNORÂNCIA…

    Sabe qual é o efeito colateral dessa droga? É o efeito do “questionamento” e da “conjectura” permanentes…
    Sabe quais são as lesões ou sequelas que ela pode provocar ao longo do tempo? São as “convicções” sem fundamentos científicos, que podem evoluir para um estágio crônico, chamado FANATISMO…
    Sabe quais são os remédios para essa droga chamada ignorância? São a reflexão filosófica, e, a CIÊNCIA e o CONHECIMENTO…

    Segundo a minha hipótese, quanto mais o ser humano tomar desse “remédio” chamado CONHECIMENTO, menos ele vai usar da droga… Devendo diminuir o seu uso à medida que avançamos no tempo, e, o estoque da droga da ignorância acabar… “IGNORÂNCIA ZERO”…

    Não lhe parece um tanto quanto óbvio, meu caro Cristiano?

    Antonio Ferreira Rosa.

  28. Antonio

    O efeito da droga ignorância não é o questionamento, o efeito da droga da ignorância são afirmações como essa:

    “Segundo psicografias estamos na metade do caminho da nossa jornada, voce ainda vai ter que reencarnar milhoes e milhoes de anos para chegar ao nivel de Jesus, que segundo os espiritas é o governador do nosso planeta e desta galaxia, as outras galaxias tem outros representantes para esta finalidade, é engraçado que jesus é tido como o governador e nao Alá, e Buda é um auxiliar de Jesus: tipo empregado – um gerente da empresa celeste”

    Mesmo que ela tenha sido postada pelo Greg de uma forma irônica e não represente corretamente a maneira imaginada pelos espíritas, sabemos que as idéias são mais ou menos na mesma linha

    E te pergunto, essas idéias são apresentadas nos centros espíritas como “uma idéia”, “uma possibilidade”, ou são transmitidas como uma verdade, ou mensagem do além? Acho que a segunda opção certo?

    Então não me venha falar que isso é um questionamento, isso é uma afirmação… os espíritas só melhoraram a idéia de deuses e como bem disse o Greg adaptaram a doutrina a algumas falhas (não todas) do cristianismo…

    Para eliminarmos, ou pelo menos diminuirmos o efeito da droga ignorância, a primeira coisa necesária é (desculpe o trocadilho) para de usar drogas para bolar esses planos celestes… a segunda é definir um plano de observação sobre esses fenômenos (se eles realmentes existirem), assim como é feito na ciência, onde as coisas são testaasdas, retestadas e podem ser comporovadas a partir de processos definidos.

    Isso já foi tentado e ela não passou, assim, ela não passa de uma bobagem, na melhor das hipóteses um desejo sincero…

    E conhecimento absoluto é só um jogo de palavras, garanto que você não consegue nem formalizar o que seria isso…

    Abraço
    Cristiano

  29. Barros

    Ótima conclusão e corajosa também.
    Enquanto lia me lembrei de algo que vi tempos atrás, não lembro onde nem quem escreveu, mas o teor era mais ou menos esse: até mesmo o mais abnegado altruísta está em busca da autossatisfação; o bem que faz visa, em última análise satisfazer a si mesmo, pelo prazer proporcionado ao ajudar outrem.
    A maioria imensa das pessoas não gosta nada de ser desafiada a por um dedo que seja fora de sua zona de conforto que no geral consiste em ser crente disso ou daquilo. Desde as pessoas mais incultas até os mais instruídos, quase todos preferem esperar descobrir o sentido da vida depois de mortos, não deixa de ser engraçado isso.

  30. Greg, seu sumido!

    Me deu a maior preguiça só imaginar os percalços até me tornar uma deusa. E depois ainda tenho que administrar um universo e criar gente para morar nele? Prefiro jogar SimCity e The Sims 3 aqui nessa vida mesmo, pelo menos tenho certeza que a diversão é imediata, sem precisar esperar séculos…rsrsr
    Bom ‘te ver ‘ de volta

    Abração

  31. Washington da Cruz

    Vendo esse tipo em ação, concluí que essas pessoas merecem o que recebem. Afinal ele só pode exercer tanto mau-caratismo porque tem quem lhe dê oportunidade de ser mau caráter. E ainda pagam por isso.
    Pior que isso, nós todos estamos pagando um belo “por fora”, já que o canalha é deputado e me parece que foi escolhido para presidir a Comissão dos Direitos Humanos na Assembléia Legislativa, mesmo tendo sido denunciado ao STF por homofobia, por declarações pesadas contra os homossexuais.
    E ainda tem quem diga que a religião não interfere na política…

  32. Greg,

    Desculpe a demora para responde-lo…

    Você disse, referindo-se aos espíritas…

    “””Olha que viagem: segundo o espiritismo nós vivemos no reino mineral, depois vegetal e agora no animal, a partir dai tomamos consciencia da nossa existencia e evoluiremos até o nosso galardão supremo – o conhecimento absoluto e nos tornaremos uma especie de Deus!”””

    Honestamente, não conheço a doutrina espírita a fundo, mas, o suficiente para achar que ela é mais coerente que a de vocês ateus, ou que a do cristianismo, por exemplo… Entretanto, afirmações como essa sobre a nossa relação com o reino mineral, vegetal e animal não desce mesmo, é muito “quadrada” pra engolir…

    Agora, aproveitar as qualidades genéticas de uma espécie, no genoma de outra, já é realidade há algum tempo… Vai ser, no futuro da humanidade, a solução para dezenas de problemas como as doenças humanas, as doenças dos vegetais que são alimentos, enfim o intercâmbio de qualidades genéticas de uma espécie pra outra, não é ficção é realidade, hoje.

    Qual é o motivo pelo qual você tá dando apoio à piadinha da shirley?
    Se os genes das características físicas podem ser trocados entre as espécies, o que faz vocês dois pensarem que os genes determinantes dos comportamentos (egoísmo, ódio, solidariedade, coletividade), também, não poderão ser trocados, no futuro?…

    Seriam vocês dois, analfabetos em genética?

    Particularmente, não acredito nessa hipótese, assim, qual o motivo da piada?

  33. Antonio Rosa
    Então já descobriram com certeza que há genes determinantes para essas características?

  34. Shirley,

    Não sou cientista, sou filósofo, mas, o que aciência passa é que todas as caracteristicas comuns aos seres vivos, são determinadas por genes específicos.

    Quanto a identificação de qual gene determina essa ou aquela caracteristica, é uma questão de pesquisas e de tempo, afinal essa área da ciência ainda é nova, por isso há espaço para a filosofia, certo ou errado? http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/2012/04/filosofia-e-ciencia.html

    Mesmo que errado não tem nada a ver com cupins destruindo o universo, a menos que o Blog do barros troque de perfil e passe para um blog de piadas e de humor, nada contra, eu também gosto do gênero, só preciso que ser avisado…

    Abraço.

  35. Antonio Rosa

    Eu não estava fazendo piada, estava fazendo ironia com a capacidade que crentes disso ou daquilo têm de selecionar apenas os aspectos que lhes convém, deixando de lado o que não se encaixa.
    Você se aferrou a essa ideia de humanos se tornando deuses, alcançando conhecimento pleno, vivendo num estado de prazer eterno, imortais.
    Desculpe a franqueza (ou não), mas esse tipo de coisa ainda é aceitável em mentes adolescentes, no máximo, então fico me perguntando quantos anos você tem e se já for adulto, o que é que te move.
    Sabe, a imaginação humana é sensacional, mas há certas coisas que quando imaginadas ficam muito bem em ficção e costumam não prestar se postas em prática para valer.
    Por alguma razão você me faz pensar nos Jim Jones da vida…

  36. Tá bão Shirley pensse o que você quizer, aliás, ainda bem que todos nós podemos pensar o que queremos, já pensou se não fosse assim…

  37. Shirley,

    Até parece que todos os ateus não crentes autênticos, por acaso vocês tem outra coisa pra sustentar a hipótese de vocês que não seja a mais pura Fé? Ohhh acorda, amadurece pra filosofia gente boa…

    Desculpa ai, to ficando cansado de dar surras de argumentos e de filosofia em vocês todos…

  38. Antonio Rosa
    Crentes são uma coisa complicada. Presos nos limites estreitos da crença, são incapazes de entender o básico a respeito de ateus: ateus não têm crenças, poxa nem é tão complicado assim…
    Agora vejamos: de que hipótese você está falando? Da mais generalizada, sobre não existir um deus criador? Ou especificamente sobre o fato de alguns aqui (eu inclusa, evidente) não acreditarmos na sua crença pessoal?
    Sobre a primeira, acho que é razoavelmente simples nosso motivo: dizem que existem deuses criadores – às mancheias – mas nunca apresentam qualquer evidência disso, nunca foram encontradas evidências disso e em contrapartida os que fazem tais afirmações esperam que aceitemos como provas uma coleção de nonsense. Pior ainda, querem decidir das vidas de todos baseados nesse nonsense.
    Sobre a sua crença pessoal. Você fala de coisas que têm apenas um fiapo muito tênue de apoio nas coisas possíveis de suceder ( o que não quer dizer que sejam prováveis de acontecer, note) mas as apresenta como fatos concretos.
    A diferença entre ateus e crentes, nunca é demais repetir, é uma só, caro Antonio.
    Vocês crentes de uma coisa ou outra não pensam, só desejam.
    No dia em que desejos forem elevados á categoria de filosofia, talvez então você fique cansado de nos surrar e sem precisar de argumentos, óbvio.

  39. Shirlei,

    Filosofia possui conceito muito amplo e subdividido. Posso lhe assegurar que todas as áreas do conhecimento passam, de alguma forma por uma área da filosofia…

    O que eu abordo no meu blog e, grande parte do que é abordado aqui nesse Blog está, principalmente, numa área da filosofia chamada METAFÍSICA… Veja um trecho da definição de Metafísica, copiado diretamente da Wikipédia…

    “””Concretamente, isso significa que a metafísica clássica ocupa-se das “questões últimas” da filosofia, tais como: há um sentido último para a existência do mundo? A organização do mundo é necessariamente essa com que deparamos, ou seriam possíveis outros mundos? Existe um Deus? Se existe, como podemos conhecê-lo? Existe algo como um “espírito”? Há uma diferença fundamental entre mente e matéria? Os seres humanos são dotados de almas imortais? São dotados de livre-arbítrio? Tudo está em permanente mudança, ou há coisas e relações que, a despeito de todas as mudanças aparentes, permanecem sempre idênticas?”””

    Como você pode dizer que o que fazemos aqui não é filosofia? Acho que você está querendo esconder as marcas da “surra de argumentos” que tem tomado…rsrsr

  40. Criaturo,

    Pra você acreditar no que o greg falou posso acreditar que você é 99% espírita?

  41. Antonio Rosa
    Quando alguém começa a fazer perguntas tais como essas aí, tem duas opções.
    Ou observa o mundo a sua volta com os meios disponíveis, procura evidências, formula hipóteses a partir dos dados existentes; separa as coisas entre as que são ao menos factíveis e as que não apresentam razoabilidade mínima; continua observando e fazendo perguntas; eventualmente chega a um ponto em que se sente à vontade para analisar, livre de medos supersticiosos, a condição humana enquanto mais um entre os organismos existentes no planeta.
    Ou, após se deparar com tudo que o cerca e avaliar, ainda que de forma subconsciente, que não há respostas prontas, que não somos necessariamente uma forma superior de vida, opta por qualquer coisa que lhe afirme o contrário; é a partir daí que constrói realidades fantásticas, que serão adotadas como verdades absolutas, as quais lhe permitirão nunca ter de sair da sua zona de conforto.
    Considerando a metafísica pelo que ela vale – apenas um ponto de partida, nunca de permanência, jamais de chegada – os ateus seguem adiante, os crentes de uma coisa ou outra ficam na esquina mais conveniente.
    Não é que crentes não se deem conta do que fazem; entendem tão perfeitamente que procuram por todos os meios distorcerem e contornarem tudo que está no caminho apontando para o fato de que não temos respostas prontas nem verdades absolutas no que concerne ao Universo, a nós mesmos e ao mundo que temos estado a criar desde que desenvolvemos autoconsciência.
    Esse mundo que vamos criando aliás se baseia na nossa capacidade de pensar em possibilidades alternativas; nenhum problema aí. Problema é assumir uma realidade alternativa, baseada em nada mais que desejo ou fuga, como coisa concreta. Daí à assunção de que tal realidade alternativa é, digamos, o caminho e a vida de todos, há um espaço bem curto a ser percorrido.
    Dependendo da aceitação por outros, o estrago pode ser imenso.
    Falei anteriormente que você me faz pensar em tipos como Jim Jones por que você adota esse tom messiânico,tão típico dos “portadores da chama”, mas esse conceito é extensível a outros ‘modelos’ de messias, como Hitler, Mao, Lênin, Stalin, Mussolini, Lula, Chaves, Khomeini, só para ficarmos em exemplos recentes.
    Não estou dizendo que você se tornará um desses, estou ilustrando como esse tipo de coisa começa.
    O comum das pessoas aferra-se a sua zona de conforto e tende, como manada, a seguir o messias mais conveniente quando essa zona de conforto fica ameaçada.
    Tendo em vista os resultados disponíveis, sempre dá m…

  42. Shirley,

    Não me venha falar em zona de conforto em relação a minha forma de pensar, ela é e eu sempre afirmei, uma cogitação, uma hipótese, e, dentro dos contornos da Metafísica…

    Sua pretensão em relaciona-la aos fanáticos históricos, é motivada pela falta de argumentos da sua concepção rica em limitações e pobre em fundamentos, cuja credibilidade se fundamenta apenas no “in-crível”, ou na fé obtusa, a mesma que fundamenta o pensamento de todo fanático…

    Caracteriza DESONESTIDADE não apenas intelectual, mas, ao que tudo indica dado o descabido, também, de percepção. Enfim, de uma visão equivocada do embate filosófico sadio.

    Saiba que, a desvantagem argumentativa, não lhe confere o direito a esse comportamento digno dos loucos históricos a que você referiu…

    Nada mais nada menos que isso… Lamentável, mas previsível, vindo desse perfil…

  43. Antonio Rosa
    Ficou nervosinho, é? É sempre assim, conteste um crente e sente-se para assistir o resultado…
    Uma das primeiras providências é tentar desqualificar o outro.
    Você me chama de fanática, de burra,diz que tenho (ou sofro…rsrsr) de fé obtusa, mas não me contesta em ponto algum das coisas que escrevi, não indo além de ficar ofendido por eu ter estabelecido um paralelo entre seu tom messiânico e alguns outros de triste e trágica memória e resultados.
    Vezes e mais vezes você vem apresentando sua crença como fato, é só reler o que você mesmo escreveu.
    Demais a mais, deixei claro que não estava afirmando que você é como um dos citados, estava dizendo que é assim que eles começaram. Se você vai ou não seguir esse caminho depende de muitas variáveis, uma delas é conseguir seguidores; proselitismo
    sobre sua crença você já faz..
    Afinal de contas quem não perde uma oportunidade de dizer que seremos deuses oniscientes imortais e apresentar as maravilhas e benefícios desse estado, está fazendo o quê, exatamente?

  44. Antonio
    Criaturo,
    Pra você acreditar no que o greg falou posso acreditar que você é 99% espírita?

    não ,mas sou simpático a ideia da reencarnação abrindo um leque de infinitas possibilidades do ser, estar ficar , permanecer , experimentar e evoluir do mineral ao anjo tudo é Deus.

  45. Shirley – Deus criou o sim city e o The sims para nós irmos nos acostumando ao nosso [arduo trabalho!
    Adoro sim city j[a joguei muito – acho que estou bem preparado, agora o The Sims ficou mais para a minha namorada! mulher gosta mais desce! talvez shirley podemos nos juntar e unir as nossas forças para governar o universo criado pela gente, um completando o outro um Deus duplo! nao tenho muita paciencia em fazer o Sim (personagem) ir pra lá ou pra ca, dar banho,dar de comer, etc. isso é mais coisa de Deusas mesmo! vou deixar isso contigo!
    Tudo o que postei sobre o espiritismo é verdade: Na Tv digital tem um canal que pega em MInas chamado Tv Mundo Maior – a 1a tv espirita do Brasil, melhor do que assistir descarrego e cultos evangélicos!
    lá vcs vao encontrar programas interessantes e “reveladores sobre a doutrina espirita” – tem um de ficçao cientifica que mistura Ets com espiritismo! relata casos de contatos extraterrestres e a interaçao com humanos, afinal o espiritismo nao rejeita os seres de outro mundo e que muitas vezes estao em outra dimensao.
    Existe livros espiritas psicografados por mensagens vindas de ets sabia? Considero o lado mais místico e negro (oculto)da doutrina.
    Os espiritas levam bem a serio e literalmente a biblia e as palavras de Jesus. ele nao disse que na casa de “nosso pai” existe muitas moradas? entao é isso! nao estamos sozinhos no universo e isso e serio ´para o espirita!
    Se alguem tiver duvida tambem pegue quaqluer “biblia” do kardec, em especial o livro dos espiritos e vcs verAO SOBRE ESSE TEMA.
    existe livro espirita so sobre ets e a vida em outros planetas e galaxias.
    é comum em relatos espiritas os mortos “desencarnados” terem contato com pessoas de outros planetas, mas que na maioria das vezes sao parecidas com a gente!
    desculpe pela demora em responder a todos é que estou meio mau, estive no pronto – socorro ontem sai de madrugada, dormi o dia inteiro de tanta fraqueza agora que estou um pouco melhor vou responder a todos e espero esclarecer as duvidas!
    abraço!

  46. Cristiano

    Mesmo que ela tenha sido postada pelo Greg de uma forma irônica e não represente corretamente a maneira imaginada pelos espíritas, sabemos que as idéias são mais ou menos na mesma linha

    nao quis ser ironico (acho que é dificil sobre esses assuntos nao parecer ironico)
    e isso representa sim a maneira como o espirita vê e entende essas questoes, se tem espirita que nao gosta muito disso e nao acredita muito ele nao esta lendo as coisas de forma literal e esta fazendo como os outros religiosos reinterpretando as coisas que lhe convém.
    Tem uma lei espirita a da reencarnaçao que funciona assim:
    se vc for boa pessoa vai reencarnado em planetas melhores, porque de acordo com a doutrina o nosso mundo é de expiaçao e dores porque ainda nao merecemos os prazeres totais da existencia. se formos bons o suficiente passaremos a reencarnar em mundos melhores sem dor e sofrimento.

    agora a parte legal: se formos mau pra caramba iremos para mundos inferiores a esse, tipo: que ainda estao na epoca em que Jesus nasceu, muita crueldade, cruxifixaçao e coisas do genero. Se ainda assim estivermos entorpecidos pelo mau e com a alma escura de maldade e pensamentos inferiores vamos retornando cada vez mais e mais ate que nnos tornaremos seres sem consciencia e em estado tao primitivos que estaremos constituidos em estados fisicos anteriores como uma planta ou pedra! isso mesmo é serio! poderemos regredir ao estado mineral e ser uma pedra no UMBRALlllllllllllllll!
    Isso esta no livro Colonia Florescer! tem nas livrarias facilmente. é um livro de perguntas e respostas sobre o outro lado da vida! que tem como tema a “suposta colonia florescer”, que é coomo o “Nosso Lar” igualzinho a esse filme e livro psicografado pelo espirito de Andre Luiz.
    o que mudou é que o nosso Lar fica num determinado lugar e essa colonia florescer segundo eles fica nos ceus de Jacarepagua – Rio de Janeiro bem acima do mar! o cara relata que ve avioes passando e isso as vezes atrapalha os recén desencarnados que sentem as vibraçoes das pessoas e dos avioes! Como isto pode acontecer?
    simples. as pessoas e o lugar estao na forma etérea em outro tipo de vibraçao! Vc ve: transito na terra – transito no céu!

    Hitler a essa altura deve estar como quartzo ou granito; ou brita de obra mesmo em outro mundo; ou melhor inferno (que eles chamam pelo nome de UMBRAL) dai vc ve a influencia enorme do catolicismo principalmente, eles nao aboliram o inferno – mas deram outro nome a ele e uma outra finalidade.
    a grande diferença é que vc nao fica la eternamente!

  47. Shirley,

    Não fiquei nervoso de jeito nenhum, apenas botei o dedo na sua ferida e enquadrei você. Coisa que não gosto de fazer, mas, às vezes se torna inevitável. Faz hora que você esta fazendo piada com minhas afirmações, pior que sem motivos, manipulação genética já é realidade há décadas, não tem motivos pra fazer piada. Agora deu pra dizer que eu pareço com meia dúzia de loucos da história, ainda esconde as garras dizendo que não está afirmando isso.

    A Minha hipótese não pede ser provada obviamente, nunca disse que sou o dono da verdade,nunca tive essa pretensão, más, é diferente das demais por se inspirar na antropologia e na retrospectiva histórica do desenvolvimento da ciência e do conhecimento humano, convenhamos, meus aliados fortíssimos.

    E as demais, inclusive a sua, se inspiram em que? Honestamente não sei, quando você descobrir, pelo menos, um fundamento, coerente, para o ateísmo, quero conhecer; se você ou qualquer ateu descobrir alguma prova de que a consciência NÃO transcende a morte do cérebro, por favor me informe…

    No mais acho bom mantermos o nível. Não sou adepto da falta de respeito, inversão de argumentos, difamações. Se a conversa for pra esse lado prefiro me calar a continuar a conversa…

  48. Greg
    Não tinha a menor ideia de tudo isso sobre o kardecismo, sabia apenas que essa doutrina prega a reencarnação. Essa coisa de mineral e o resto, francamente…é muito para minha cabeça.
    Espero que você esteja se recuperando bem, abração.

  49. Antonio-
    sua doutrina nao é nova, conhecimento absoluto é a finalidade principal da doutrina espirita, com isso voce nao reencarnará mais, a menos que voce queira fazer como Jesus ou Budda que desejaram reencarnar apenas para nos ajudar e transmitir os ensinamentos!
    isso começou com Kardec la no seculo xix – o que voce esta fazendo acaba sendo plágio.
    A Cientologia que tambem começou por volta dessas epocas tambem conta a mesma historia, so que de forma diferente. mas com a mesma finalidade. Isso vem muito a calhar com essa série de textos do Barros = vem mostrar que o prazer é a essencia da nossa vida, estamos em busca sempre desta droga “prazer” quanto a temos pouco ficamos tristes e vulneráveis, quando a temos mais que outros, ficamos mais vezes felizes e deixamos de acreditar pouco a pouco em misticismos!
    quanto mais pobres e sofrida é a pessoa maior a chance de ser religiosa e até mais de ser fanatica. e isso nao cabe só a pessoa mas tambem a um povo de forma geral, aquela sociedade que sofre muito e falta tudo ou quase tudo se entrega a opçao da felicidade em outro mundo e outra vida. Ex: mulçumanos que acreditam matar em nome de Alá e serem recompensados com trocentas virgens no ceu!
    Povos com grande numero de ateus e ceticos, ou agnosticos tem um índice de IDH (desenvolvimento humano) altissimos!
    Ja postei aqui outra vez, acho que esta na publicaçao do Barros sobre o “Alquimista” do paulo coelho. uma serie de dados, nao meus mais de pesquias serias de varias instituiçoes mostrando que os paises subdesenvolvidos e carentes sao os que mais faltam recursos e que mais tem FÈ e religiao. Os de niveis elevados de IDh sao na maioria nao relligiosos e de pouca tradiçao mistica.
    A unica excessao apenas do ponto de vista economico, mas NAO social é os EUA. Mas nao vou aqui explicar essa excessao que há contexto e argumento historico para isso, tenho até capacidade para isso porque sou formado e um estudioso nessa materia, mas a historia está ai para todos investigarem e analisar corretamente sem distorcer a favor de suas ideias a achismos, é só ler e estudar corretamente.

  50. Antonio Rosa
    Qual ferida? Enquadrou como? Eu difamei você como? Se você se ofendeu com a comparação que fiz entre o seu jeito messiânico de anunciar sua crença e a maneira como os messias de ocasião se apresentam, o problema é na verdade seu; você é quem deve repensar a forma com que se expressa.

    “O MAL não será eterno na odisséia humana, nem nesta vida, nem na outra; é finito e temporal, só se origina e se estabelece na ignorância e na falta do conhecimento; estabelecido o CONHECIMENTO ABSOLUTO, extinto o MAL, para sempre… Simples assim…”
    “… Quero ver você ou qualquer outro ateu do mundo, me provar que a CONSCIÊNCIA enquanto energia quântica evoluidíssima, morre junto com o corpo, junto com e cérebro…”

    Percebe o que quero dizer? Há por aqui muito mais disso e foi você,não outro quem escreveu.
    Eu sou ateia, Antonio; a cada dia fica mais difícil levar a sério crenças nisso ou naquilo. E não escondo que me irrita profundamente essa mania obsessiva dos crentes estarem em todo canto pregando. Eu não saio por aí tentando fazer alguém mudar de ideia sobre qualquer
    crença e assumir o ateísmo na marra. Porque vou gostar de ver crentes por todo canto tentando enfiar suas crendices na minha cabeça?
    Você diz que sou desonesta intelectualmente, mas veja só você: primeiro diz que fala hipoteticamente, em seguida afirma que a Antropologia, e a perspectiva histórica (também já citou os conhecimentos sobre Genética) são suas aliadas ‘fortíssimas’.
    Não são não. Tudo que temos feito ao longo do tempo esteve enquadrado pelos limites do meio em que estamos inseridos, ainda que em muitas situações não tivéssemos conhecimento exato desses limites. A fissão nuclear é só um dos exemplos. Antropologicamente, estivemos sempre limitados pela crença, pelos tabus.
    Manipulações genéticas também têm seus limites.
    Minha convicção, não hipótese, se inspira no grande nada que é a lenga-lenga dos deuses criadores, de reencarnações, de seres humanos se tornando deuses e por aí afora.
    E não sendo eu quem afirmo que tais coisas são reais, não me cabe provar sua realidade, cabe a quem afirma.
    Do meu lado tenho o nada. Nada do que vocês afirmam acontece ou aconteceu.

  51. adorável Shirley –
    pois é! ——————– a doutrina espirita é uma salada de frutas cristã.
    mas o espírita (principalmente kardecista) que é diferente do sujeito de terreiro e ubamdista e de suas indiossincrasias; tem uma coisa de que devemos revenrenciar e até elogiar.
    1 – eles nao enrolam e interpretam as coisas da doutrina de forma literal, 2 + 2 = 4 e pronto. é assim voce goste ou nao. voce dever fazer o bem sem ver aquem, segundo Kardec : Fora a caridade nao a salvaçao! seu slogan principal. se vc nao for caridoso vai reencarnar e continuar sofrendo neste mundo ou em outro. Nao é facil ser kardecista e seguir seus conceitos, isso é pra poucos, nada de dizimos e comprar salvaçao. sao muito diferentes do cristianismo!
    é algo renovado e sem interesses pessoais o que a deixa com ar de verdadeira e realmente sincera. Nao tem ostentaçao e desejo de expandir como as pentecostais. Afinal como eles dizem: espiritismo é do espirito, nao é nosso e nao devemos nos apossar como sendo humana, é do mundo espiritual ao qual retornaremos e é nossa verdadeira casa. Por isso o nome do filme “nosso Lar” = nossa colonia espiritual.
    2 – Kardec nao enriqueceu e nem um outro seguidor dele. como o Chico Xavier e outros tantos. De certa forma é um verdadeiro humannismo com os ideias cristaos. Posso te dizer que em anos de centro espirita kardecista que é muito diferente do de terreiro nao vi nada além de caridade e ajuda ao proximo, um lugar de muita paz, doaçao e tranquilidade, vc se sente bem relaxado num lugar desses, sem gritaria, despachos ou encostos.
    Agora : a doutrina deless estar certa a respeito das coisas é outros quinhentos, anos luz de distancia ao que venha ser verdade realmente.
    se vc me perguntar, vc viu espiritos? nao. Os lideres e responsaveis pelo lugar na maioria nunca viram e foram assombrados por eles. Aí é que esta o problema o dom da visao é para uns poucos, no centro kardecista. Porque no de terreiro todo mundo ve, ouvi,sente, os caboclos recebem tudo quanto é espirito, de velho, de moço,, de indio, de criança, principalmente no Sao cosme e Damiao. Nego entra em transe, muda de voz, o jeito de falar, conversa contigo e te dá conselhos dos mais variados e obvios.
    outro dia minha mae tava com problema grave nos rins e talvez ainda esteja: “Pielonefrite” o nome da doença. Fez tratamento médico e está melhor , mas……. o medico veio com uma noticia : talvez voce vai ter que tirar o rim, vou estudar o seu caso. como a minha mae nao gostou da noticia e esta meio que achando que o medico esta sendo radical demais, ela desta vez foi procurar ajuda espiritual, com uma amiga que recebe um espirito de um sabio indio na casa dela.

    Resultado: alem do indio achar que o mediico esta exagerando que é o que a minha mae quer ouvir, ele mandou ela fazer uma oferenda e uns “trabalhos” com artigos que devem ser comprados em loja propria de produtos para os espiritos “macumba”, Ela deve fazer a macumba do jeito correto, mas…. tambem deve continuar a ir no medico e seguir todos os conselhos e instruçoes medicas. O espirito vai tentar, mas se nao tiver jeito, por questoes espirituias que nao sabemos quais e nao devemos nem saber e o medico tiver que operá-la, assim deve ser feito, mas o espirito ficou de interceder na hora do aperto e ajudar. Nao pode curar o rim, mas…… pode ajudar na operaçao.

  52. Antonio——— isso é plagio, o mau de vc estar nesse blog é que as pessoas aqui tem o pessimo habito de ler muito e estudar as coisas.

    “O MAL não será eterno na odisséia humana, nem nesta vida, nem na outra; é finito e temporal, só se origina e se estabelece na ignorância e na falta do conhecimento; estabelecido o CONHECIMENTO ABSOLUTO, extinto o MAL, para sempre… Simples assim…”

    Essa sua afirmaçao está no Evangelho Segundo o Espiritismo de Kardec
    e em outras obras tambem!
    exceto: o SIMPLES ASSIM…. do seu texto, o resto é 99% igual.
    sinceramente acho quase impossivel vc vir com um argumento filosofico – religioso novo depois de tantos milenios a raça humana em devaneio com esse tema.

  53. Greg

    Porque as pessoas não podem ser boas e prestativas sem precisar se ancorar nalguma crença? É como se o ser humano nunca conseguisse se sentir autorizado a ser por si mesmo, sem muletas de alguma espécie.
    Mas você sempre consegue me fazer rir, salada de frutas cristãs, muito bom!

  54. Caro autor, tiro o chapéu pra você. Excelente conclusão sobre o sentido da vida.

    Falta algo aí, com certeza. Mas assim já está de ótimo tamanho.

  55. Greg
    . Minha sogra morreu por causa de um câncer no fígado; só mesmo quando não podia mais suportar o sofrimento ela acedeu em procurar tratamento médico,pois desde que começou a sentir os efeitos da doença, acreditou que Deus ia curá-la. Morreu de forma terrível depois de viver miseravelmente sob o tacão de um marido fanático ignorante. E era uma boa pessoa, não merecia o que aconteceu; foi condenada àquela vida por todos os que vieram antes dela, escravos todos da crença.
    Se me permite a intromissão em seus assuntos pessoais, fique atento a sua mãe, sim?

  56. será que eu tenho dom para escrever tambem como o barros?
    há muito tempo atras eu tinha pensado nisso e dito pra minha mae que iria escrever um livro, só nao pode ser um livro ateu, minha familia catolica e macumbeira iria ficar arrasada,, !!
    Shirley é o seguinte:
    o espirita tambem quer respostas para essas questoes, sao sedentos como todos nós a saber sobre o que possa vir apos aquilo qué é a unica coisa inevitavel na vida humana. = A morte.
    Os espiritas sao estigmatizados com ideia de que sao deprimentes e gostam de sofrer. Por que a doutrina nao dá espaços a subterfugios, é daaquele jeito e pronto e eles falam muito sobre a morte, enquanto os evangelicos falam muito do diabo e aquela velha luta do bem contra o mau o espirita dá enfase na passagem para a outra vida. è uma religiao sem glammour! nao luta com satã, nao vai ser arrebatado para o ceu – nao fala em linguas, nao te m super = poderees.
    quem vai querer uma religiao dessas? é chata ! so caridade e amor ao proximo. nao tem essa coisa de eu sou de Deus e vou para o ceu, vc é do mundo é vai para o inferno. sou melhor que voce lá, lá , laá , lá, lá ! Meu pau é maior!!! la, la, la, la,l a, la!
    é engraçado as historias evangelicas sao cheias de anjo, deus, poderes, milagres, vitorias! por outro lado as espiritas sao tristes, de morte e reencarnaçao, ninguem ve deus ou fala com o altissimo, vc chega la, é recebido por um monte de gente que voce nao conhece, nao tem mais os prazeres da vida, so bebe agua eterea (espiritual) nao come nada nem ninguem! fica sabendo que vai ter que voltar para continuar sua missao, mas que quando reencarnar nao vai lembrar de nada, nem da sua missao, estando numa colonia, como a Nosso Lar tem que trabahar de alguma forma, mesmo que seja liimpando o chao espiritual e continuar ajudando o proximo de maneira incansavel e sem fim! por isso poucos tem coragem de assumir a doutriana espirita kardecista! para a vida. – ela mostra que todos sao iguais e isso nao agrada ao ego humano.
    Uma peça de teatro espirita quase sempre é de alguem que morreu ou perdeu a familia de acidente. na evangelica é sempre alguem, um servo de Deus vencendo uma batalha, guerra! e encontrando deus!
    tem um ponto interessante nestas 2 nuances, o espirita busca encontar a sua familia e desfazer as magoas e sofrimento do passado atraves do perdao! já o evangelico busca a Deus, so a Deus! ele quer o perdao de Deus! nao quer perdoar o proximo pelo mau que lhe foi feito.
    O espiritismo é a mais humana de todas as religioes! voce deve se encontrar e se dar bem com um outro ser humano, nao com Deus,afinal Deus é Deus a ele nada atinge e ele nao esta preocupado com aquele dia em que voce em pensamento quis comer a sua prima ou naquele dia que voce tacou pedra no gato, ou naquele que voce colou na prova e no mesmo dia quebrou um vaso de planta daquela vizinha velha e chata quase morta – viva jogando bola com os amigos.
    Deus nao quer nada de voce, quer que voce faça ao proximo aquela regrinha basica que ele deixou com o coitado do filho dele. Amai ao proximo como a ti mesmo!
    por isso voce nao vai encontrar kardecista preconceituoso e se achando melhor do que os outros.
    Todo mundo é igual, vai para o mesmo lugar e vai ser tratado da mesma forma no além!

  57. Shirley – estamos de olho sim! todo cuidado e pouco!
    a ideia da reencarnaçao fecha umas questoes, a principio parece perfeita e consistente, parece o certo essa lei divina.
    mas abre outras muitas portas que a torna má e incompreencivel!
    Vou te dar 2 exs:
    vc deve ter ficado sabendo sobre aquele trágico acontecimento com os jovens da boate Kiss em lá no sul.
    aquela morte toda triste e sem cabimento se vista pela doutrina nao foi nada mais nada menos do que destino, uma artimanha preparada por Deus para reunir todos naquele lugar por motivos de reencarnçao e passar por aquilo como aprendizado, so nao sei o que eles tem a aprender com aquilo? mas o fato é que o espirita principalmente kardecista acaba sendo melhor e muito mais boa pessoa do que Deus.
    o ser humano nao teria essa ideia maquiavelica de fazer uma pessoa reencarnar e sofrer desta forma só para pagar alguma coisa (pecado) do seu passado muito remoto que ele nao lembra qual!
    Issso tira a culpa dos donos da boate e de outro ser humano responsavel, isso mesmo a doutrina nao ACREDITA em acaso e falta de sorte, foi tudo plano de deus. o unico culpado entao é deus!
    Chega a ser absurso isso mais os espiritas ainda nao chegaram na conclusao sobre determinismo e livre arbitrio.
    muitos espiritas vao dizer que o que eu estou falando é mentira e que Deus nao armou essa arapuca, mas se…. a doutrina diz que tudo é a lei de açao e reaçao, nao tem como fugir desse dilema.
    eles tomam essa lei da fisica para a filosofia deles. se aconteceu algo de ruim com voce ou com alguem é porque foi merecido e arquitetado por deus. Aí principalmente por causa disso me tornei ateu. Nao tive mais forças e discernimento mental para aceitar essas ideias.
    Tudo na sua vida é açao e reaçaõ – o famoso o que plantareis, colherais! sua que voce sofre os efeitos da sua outra vida. plantou erva daninha em outra vida que voce nao lembra colherá sofrimento nesta. o espirita acha super normal e correto da parte de Deus, mas eu nao acho. voce pagar por algo que nao lembra! E PIOR a dor de quem fica. no caso dos jovens do sul, como ficam os parentes? a dor de maes que perderam os filhos; teve uma que perdeu 3 filhos! deus é bom? Posso dizer que o espirita é bom! deus nao!
    o espirita perdoa deus por nos inflingir sofrimento da forma mais natural possivel. Se o pecado era meu a dor deveria ser so minha, nao da familia toda! Segundo os espiritas alguma merda esses jovens fizeram para merecer passsar por isso. Deus é sempre bom e justo!
    2 – aqui no estado do Rio, na cidade mesmo havia um lugar chamado circo voador que há decadas atras houve um incidente pior do que esse, morreram mais gente, familias inteiras, filhos, pai, mae. um horror a maioria queimados ou sufocados como foi lá no sul.
    SEgundo uma senhora do centro que eu frequentava, ela era uma das lideres do lugar, pessoa prestigiada e respeitada, tem programa de radio no Rio e grande influencia. Pessoa muito boa, simpatica e caridosa por sinal, veio com esta narrativa sobre este episodio do circo, antes mesmo deste acontecimento no Sul.

    Afinal isso marcou a geraçao dela aqui, e no Rio moldou um sujeito de grandississimo respeito e admiraçao ! vcs nao devem conhecer; mas ele se chamava : Mendingo Gentileza” ele perdeu a familia toda no acidente! – passou a viver na rua escrevendo poesias e frases de auto-ajuda pelas ruas do rio, se vc fosse no Rio veria viadutos, tuneis, muros e varios lugares no centro do rio com as mensagens dele. Ele era simpatico, nao ficava pedindo esmolas e era querido por todos os cariocas, ate hoje os que o conheceram (a geraçao do meu pai) o reverencia e lembre dele com saudade! virou um icone, seu enterro teve a presença de milhares de pessoas como o feito a um artista. Vivia do que as pessoas lhe davam de boa vontade.
    Segundo esta senhora do centro, ele passou aquilo porq era o melhor para ele, uma regeneração,uma redençao para evoluir moralmente. Mas nao para por ai… no meio da palestra espirita os convidados e frequentadores do centro queriam explicaçoes sobre essa “dádiva” de Deus.
    Foi entao que ela veio com uma estoria que nao sei da onde ela tirou!
    Há centenas de anos atras, no imperio romano as pessoas tinham o pesssimo habito de colocar outras para enfrentar os leoes e varios tipos de feras e dasafios mortais, em alguns casos eram queimadas vivas no coliseu romano! As pessoas que sofreram com as dores nos tempos de hoje foram punidas pelo que fizeram a outras pessoas no coliseu, foi uma vingança divina, uma expiaçao seculos depois. Deus esperou e esperou, fez nascer todos os antigos carrascos romanos no Rio e levou eles para um circo em chamas!
    E´serio ela falou isso pra uma multidao de ouvintes, depois dessa nao durei muito tempo no centro. e estou certo de que a explicaçao para a morte tragica desses jovens será algo nesta linha de pensamento. Deus ainda sim é bom porque deu a eles a oportunidade de se redimir e pagar pelo mau que fizeram.
    A mulher se enrolou quando foi perguntada sobre o livre arbitrio!
    ela disse que nao é bem assim, as vezes temos outras vezes nao!
    algumas coisas ja sao determinadas antes de nascermos!
    aí fica a pergunta que nao quer calar e que faz toda a doutrina espirita desmoronar como um castelo de cartas.
    Se nós planejamos a nossa vida antes de nascer, quem é o louco que escolhe ter um destino desses, ou nascer muito pobre, doente e com varias afliçoes no decorrer da vida.?
    Neste sentido o espiritismo se enrola, o maximo que eles podem dizer é que as vezes vc encarna “a força”, como os bebes encefalicos, que encarnam sem sua vontade, foram suicidas na vida passada, principalmente com tiro na cabeça e por isso encarnam sem cerebro e os espiritas sao contra o aborto e a eutanasia, porque isso foi vontade de Deus!
    Acho que resumi a doutrina espirita nestes posts!
    essa é a parte ruim e sem noçao dela!
    Nao seria mais facil Deus intervir antes que o mau aconteça? ou se acontecer que a pessoa pague na sua devida existencia?

  58. Greg,

    Desafio você a postar, aqui no blog, uma cópia com o número da página e o trecho do evangélio segundo o espiritismo ou de outra obra qualquer, de quem quer que seja, que conste a passagem acima que você diz que é plágio. Se você fizer isso em 48 horas, aceito sua acusação e respondo por ela… Se não fizer, é um mentiroso idiota e irresponsável, digno de ser ignorado…

  59. Quem fala, irresposavelmente o que quer, houve, invariavelmente o que não quer… Diz o velho ditado…

  60. antonio
    nao me sinto nem um pouco desafiado pelo seu desafio
    vc deve encontar o evangelho segundo o espiritismo na net facilmente! eu mesmo tenho em livro e ja baixei em arquivo!
    vai ser boa leitura para vc e para as suas ideias!
    o livro é grande meu caro, mais de umas trezentas paginas, nao prometo postar muito menos em 48 horas!
    se por acaso encontrar eu posto, porque nao faço a minima ideia em que trecho esta!
    mais fica a dica: qualquer das principais obras de Kardec vc vai perceber o quanto é parecido com as ideias que voce postou!
    Pode ler sem medo, vai te esclarecer muita coisa e ajudá-lo em seu argumento!
    até!

  61. só digitar no gogle
    O Evangelho Segundo o Espiritismo PDF
    acabei de baixar de novo!
    fique a vontade para ler – talvez vc descubra que é propenso a fé espirita!

  62. antonio
    da uma olhada a partir da pagina 82 do livro
    capitulo III
    fala sobre a progresssao da humanidade, postei um pedacinho aqui
    o livro na verdade tem mais de 500 paginas como em todas as obras de kardec
    o Livro dos espiritos é um livro de perguntas e respostas talvez vc encontre lá suas ideias mais facilmente!

    Nos mundos intermédios, misturam-se o bem e o mal, predominando um ou outro, segundo o grau de adianta- mento da maioria dos que os habitam. Embora se não pos- sa fazer, dos diversos mundos, uma classificação absoluta, pode-se contudo, em virtude do estado em que se acham e da destinação que trazem, tomando por base os matizes mais salientes, dividi-los, de modo geral, como segue: mun- dos primitivos, destinados às primeiras encarnações da alma humana; mundos de expiação e provas, onde domina o mal; mundos de regeneração, nos quais as almas que ainda têm o que expiar haurem novas forças, repousando das fadigas da luta; mundos ditosos, onde o bem sobrepuja o mal; mundos celestes ou divinos, habitações de Espíritos depu- rados, onde exclusivamente reina o bem. A Terra pertence à categoria dos mundos de expiação e provas, razão por que aí vive o homem a braços com tantas misérias.

  63. Os Espíritos que encarnam em um mundo não se acham a ele presos indefinidamente, nem nele atravessam todas as fases do progresso que lhes cumpre realizar, para atingir a perfeição. Quando, em um mundo, eles alcançam o grau de adiantamento que esse mundo comporta, passam para outro mais adiantado, e assim por diante, até que cheguem ao estado de puros Espíritos. São outras tantas estações, em cada uma das quais se lhes deparam elementos de pro- gresso apropriados ao adiantamento que já conquistaram. É-lhes uma recompensa ascenderem a um mundo de or- dem mais elevada,

  64. A pouca resistência que a matéria oferece a Espíritos já muito adiantados torna rápido o desenvolvimento dos corpos e curta ou quase nula a infância. Isenta de cuidados e angústias, a vida é proporcionalmente muito mais longa do que na Terra. Em princípio, a longevidade guarda pro- porção com o grau de adiantamento dos mundos. A morte de modo algum acarreta os horrores da decomposição; lon- ge de causar pavor, é considerada uma transformação feliz, por isso que lá não existe a dúvida sobre o porvir. Durante a vida, a alma, já não tendo a constringi-la a matéria com- pacta, expande-se e goza de uma lucidez que a coloca em estado quase permanente de emancipação e lhe consente a livre transmissão do pensamento.

  65. Lá, todos os sentimentos delicados e elevados da natureza
    humana se acham engrandecidos e purificados; desconhe- cem-se os ódios, os mesquinhos ciúmes, as baixas cobiças da inveja; um laço de amor e fraternidade prende uns aos outros todos os homens, ajudando os mais fortes aos mais fracos. Possuem bens, em maior ou menor quantidade, con- forme os tenham adquirido, mais ou menos por meio da inteligência; ninguém, todavia, sofre, por lhe faltar o necessário,
    “”””””””uma vez que ninguém se acha em expiação. Numa palavra: o mal, nesses mundos, não existe”””””””””.

    bem parecido com suas ideias Antonio

  66. São elas, de certo modo, raças indígenas da Terra, que aí se elevaram pouco a pouco em longos períodos se-

    culares, algumas das quais hão podido chegar ao aperfei- çoamento intelectual dos povos mais esclarecidos.

    Esses Espíritos têm aí de lutar, ao mesmo tempo, com a perversidade dos homens e com a inclemência da Natureza, duplo e árduo trabalho que simultaneamente desenvolve as qualidades do coração e as da inteligência. É assim que Deus, em sua bondade, faz que o próprio castigo redunde em proveito do progresso do Espírito.

  67. Greg

    To começando a achar que as drogas foram proibidas graças ao Kardec…

    Abraço
    Cristiano

  68. Greg,

    Você disse uma leviandade que necessariamente não o transforma num leviano; você disse uma mentira, mas também não é o suficiente para transforma-lo num mentiroso, muito menos num idiota.

    Você me irritou e fui grosso contigo, mas, acho pouco provável que uma pessoa que frequenta um Blog como esse do Barros, e se dispõe, por horas, a discutir estas milenares questões da existência humana, possa ser mentiroso ou idiota. Assim, minha consciência me diz para lhe pedir sinceras desculpas…

    Garanto-lhe, com toda honestidade que, jamais, li uma obra da doutrina espírita ou de de Allan Kardec, nunca tive curiosidade suficiente para isso. Acho-a, pelo pouco que conheço e com todo respeito aos seus adeptos, muito entediante, e muito “espiritualizante” no sentido religioso. Tudo que sei sobre ela é o que ouço falar, ou leio em referências paralelas como as que postam neste blog e em outros lugares, revistas etc…

    Depois, eu não acredito em “espiritualidade” no sentido religioso. Meu foco é a ciência e o conhecimento progressivo até ZERAR completamente a ignorância; e a conquista da morte, ainda, nesta vida… Isto não tem nada a ver com a doutrina espírita… Neste sentido acredito que minha hipótese é um tanto quanto consistente e inédita…

    Também não acredito em reencarnação como regra, apenas como exceção e a chamo de materialização, digo mais, penso que será um fato meramente científico, sem misticismos ou religiosidade…

    Não estou preocupado com direitos autorais, esse tipo de assunto não vende livros. Quase tudo que penso esta abertamente publicado em meu Blog.

    Acho, também, que, se uma hipótese qualquer, pode promover a compreensão da humanidade, deve ser de direito público o mais rápido possível… Assim, não estou preocopado em plagear nem em ser plageado…

    http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/2012/11/0092-o-que-e-o-paraiso.html

  69. Acredite quem quiser, não vão me chamar de Hitler e cia…

    Creio que, em um tempo, ainda, indefinido, já, dominada a morte, e, conquistada a imortalidade, a ciência e o conhecimento, nos permitirão brincar com o TEMPO, com o ESPAÇO, e com a MATÉRIA; transformá-los em nossos escravos, como o fazem hoje, conosco.

    Quando tivermos atingido o (CONHECIMENTO ABSOLUTO), e, nesse tempo, compreendidas, dominadas e exploradas todas as leis que regem o universo, já na condição de DEUSES, poderemos optar por nos desmaterializarmos, para viajar pelas galáxias, à velocidade do pensamento; a velocidade da luz será uma opção muito lenta.

    Conhecer os milhões de “terras” com vidas, inteligentes ou não, nos mais diversos estágios de desenvolvimento, nas mais remotas galáxias; ou, viver eternamente na matéria, apenas renovando periodicamente o corpo material; em qualquer lugar do universo; em qualquer planeta com a ecologia, a natureza e os fenômenos naturais cem por cento controlados pela ciência e pelo conhecimento…

    Viva a FILOSOFIA! Só ela nos permite visualizar o FUTURO possível, existindo em um passado, distante dele.

    Antonio Ferreira Rosa.

    http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/2012/10/resposta-um-amigo.html

  70. ANTONIO
    quando falei em plagio tambem nao estava preocupado com o sentido formal da coisa, apenas tava te alertando sobre o assunto que envolve o espiritismo, o mau do espiritismo acaba sendo este, ele abrange e aceita tanta coisa, que hj fica dificil vc vir com uma ideia surreal e metafisica que nao tenha sido abordada mesmo que indiretamete pela doutrina espirita. No espiritismo nao ha dogmas, ela esta em constante mudanca, justamente para se adaptar aos tempos vindouros.
    Os espiritos podem vir com uma nova mensagem e ai ser aceitas pela comunidade espirita. eles aceitam o novo a todo o momento, nao se fecham aos paradigmas.
    Realmente plagio pode ter lhe dado a idea de crime ou que eu o estava o recriminando como um roubo literario, nao era essa a intencao, apenas mostrar as semelhancas das ideias.
    infelizmente esses assuntos nao vendem, com certeza o BArros ja teria lancado o livro dele, e vc tambem poderia propor essas suas teorias num livro, afinal outros filosofos ja conseguiram sucesso, mas vc ja reparou que hj em dia parece mais dificil divulgar livros neste sentido, com a tv, o cinema e a propria net , as pessoas ja estao bem entertidas com outras coisas, qualquer bobagem faz sucesso na net, as pessoas nao querem pensar e racionalizar, preferem muitas vezes as explicacoes vindas de padres e pastores, tudo pronto e mastigado.
    agora o unico ponto que vc diz na sua teoria que difere e que a imortalidade seria numa mesma existencia, no espiritismo o conhecimento absoluto viria apos varias existencias e vidas ate que vc nao morreria mais!
    MAS AI VEM A ESPERTEZA DA DOUTRINA !!!
    O ESPIRITISMO ENTENDE QUE O CORPO HUMANO E FRAGIL E TERIA QUE TRANSCENDER PARA OUTRA FORMA DE VIDA, AFINAL NOS NAO MORREMOS APENAS DE DOENCAS, MAS TAMBEM DE ACIDENTES, OR ISSO teriamos que ter alma e espirito para continuar vivendo, essa [e a unica saida encontrada por todas as religioes e ceitas!
    vc continuria vivo na forma eterea, a morte na verdade nao existe, apenas da carne, deste seu corpo.
    agora te pergunto, como na sua teoria vc vai lidar com a hipotese de morte por aniquilamento total do corpo|?
    o ser humano passar a ser totalmente saudavel e livre de doenca e uma coisa, mas como continuar vivendo sendo vitima de 1 explosao que lhe deixaria em pedacos ou po?
    sem a ideia de espirito nao da!

  71. outra coisa antonio
    o espiritismo bate sempre na tecla de que e ciencia tambem
    por causa das instrucoes dos espiritos e revelacoes o espiritismo se considera religiao cientifica = a ciencia caminha no sentido da espiritualidade!
    o espiritismo se considera uma parte da ciencia!
    uma religiao cientifica
    li no seu texto acima vc falando de desmaterializacao, isso e falado tambem na doutrina espirita – de mudanca da materia, de outras materias ainda desconhecidas por nos e a dos famosos espiritos e peri-espirito materia semi-espiritual e materia eterea e em varias escalas de vibracao!
    quando vc fala em nos tornarmos Deuses, esse e exatamente a finalidade da doutrina espirita, assim nao passaremos pela morte como fase de transicao, os espiritos viajam na velocidade da luz ou do pensamento e podemos ler e conversar pelo pensamento segundo o espiritismo! so depende do grau de evolucao e adiantamento do ser

  72. Eu vivo no Brasil!! E eu e minha família temos uma vida farta e abençoada!!

    Quem eu vejo revoltado e fracassado são vocês. Infelizes de suas vidas e com suas escolhas mal feitas!! MOtivo pelo qual vocês se devorariam uns aos outros para se dar bem e só não o fazem por receio de irem parar no inferno!!

    Nós não pedimos, pedimos, pedimos!!! Nós oramos a Deus conforme Seu Filho nos ensinou. E qual Pai daria pedra a um fiho que lhe pede pão?

    Por isso nossas orações tocam o coração do Senhor e Ele nos atende nossos pedidos.

    Como os ateus são descrentes eles não tem a quem recorrer. Responda-me: é por isso que vocês são revoltadinhos e infelizes? Eu acho que é por isso….

    Passar bem!!

  73. Regina, a abençoada
    Saia aí da sua casa farta e abençoada um pouco; se tiver coragem, ou melhor ainda, se sentir suficientemente protegida por seu mito particular,ande um pouco por aí e observe as maravilhas da criação do seu deus. Ande e ande e ande observando. Talvez, se sua estupidez tiver limites, você começará a pensar sobre a razão desse seu deus favorecer você e deixar milhões vivendo de forma indigna. Talvez, se sua mesquinharia imbecil tiver limites, você possa perceber que você, vindo até esse espaço, só demonstra que seu deus é fabricado sob encomenda, para ficar igualzinho a você.
    Só um deus muito imbecil perderia tempo com uma pidona interesseira feito você.

  74. Regina disse:

    MOtivo pelo qual vocês se devorariam uns aos outros para se dar bem e só não o fazem por receio de irem parar no inferno!!

    Tão bobinha a menina !! o inferno é tão real qto o Saci-perere; se usar um pouquinho teu cerebro agora, vai perceber que ateus não precisam de ameaças de infernos e demônios para ser éticos.

    São voces crentes que não desandam por medo do capeta e não os ateus, (Como eu disse: capeta ; inferno e afins são tão real qto a mula-sem-cabeça)

  75. Leia-se:” serem éticos “(erro de concordância verbal) rrsss

  76. PRA VC REGINA !!

  77. Greg:

    se aconteceu algo de ruim com voce ou com alguem é porque foi merecido e arquitetado por deus. Aí principalmente por causa disso me tornei ateu. Nao tive mais forças e discernimento mental para aceitar essas ideias.

    R: apesar de ser simpatico a doutrina espirita, como voce tenho minhas reservas e tambem acho que ela peca por pretender “saber” determinar a causa dos sofrimentos individuais.
    Mas na maioria das vezes na pratica podemos perceber que de fato contribuímos para muitas das coisas que nos acontecem, Uma reação sofrida pode ter sido causada por ações próprias ou alheias, mas não creio que seja causadas diretamente por Deus.

    o ser humano nao teria essa ideia maquiavelica de fazer uma pessoa reencarnar e sofrer desta forma só para pagar alguma coisa (pecado) do seu passado muito remoto que ele nao lembra qual!

    R: ja que voce assumiu seu ateismo, então pela sua atual lógica Deus não existe, então tudo isso seria sim, obras dos pensamentos humanos.

    Chega a ser absurso isso mais os espiritas ainda nao chegaram na conclusao sobre determinismo e livre arbitrio.

    ou se acontecer que a pessoa pague na sua devida existencia?

    Ao contraio do que pensa o nosso amigo Antonio, eu afirmo que tudo é obra de Deus incluindo a ignorância gerando o sofrimento eterno, isto mesmo eu disse eternos, pois se Deus criou a ignorância e sofrimento não pode ter se enganado quanto a necessidade das suas existencias, caso contrario pensar que Deus um dia anulará sua própria criação é querer conjecturar um Deus incompetente, ou pior um deus sadico

    Nao seria mais facil Deus intervir antes que o mau aconteça?
    muitos espiritas vao dizer que o que eu estou falando é mentira e que Deus nao armou essa arapuca, mas se…. a doutrina diz que tudo é a lei de açao e reaçao, nao tem como fugir desse dilema.

    R: Se Deus cria “perfeitos robôs” da sua vontade é um ditador egocentrico, se permite a liberdade de ação é omisso e carrasco
    Ja não te ocorreu que Deus justamente não interfere nas ações das suas criaturas ?
    Se for assim eis que a justiça atribuida a Deus é tambem de origem humana é isto que justifica as injustiças aparentes.

    sds

  78. Greg

    Estava lendo o que você escreveu relativo ao espiritismo ou kardecismo. Se por um lado quem aderiu à doutrina é instado a ser bom desinteressadamente (o quanto isso possa ser possível) e isso é claro, é bom, por outro lado tais pessoas são manipuladas e não parecem poder ou querer pensar sobre a necessidade de seguir uma doutrina ou religião que não tem o menor respeito pelo ser humano.
    Por exemplo, a questão de merecer o sofrimento por ter feito algo em outra vida. Eu logo pensei no seguinte: se atos ruins foram cometidos e depois esquecidos, qual o sentido da punição? Então pensei que apenas o espírito do indivíduo teria consciência de tais atos e de que teria que pagar por eles na próxima vida; saberia também, enquanto espírito, que quantas vezes falhasse precisaria voltar. É um ciclo fechado e interminável de punição. A mente de quem idealizou essa religião, doutrina ou como quer que se chame, é doentia, sádica mesmo.
    Pesquisei rapidamente sobre o incêndio do tal circo, morreram mais de 500 pessoas; o que achei interessante foi a mulher ter relacionado isso ao costume de se jogar pessoas aos leões na Roma antiga. Mostra como é fácil ludibriar as pessoas que não têm conhecimento das coisas. Basta usar um exemplo batido, o qual pode-se esperar estar no imaginário coletivo e pronto. Quer dizer, porque a Roma dos Césares? Porque não algum outro fato qualquer? Por exemplo,em Oradour-sur – Glane, França, em 1944, os nazistas prenderam 492 mulheres e crianças numa igreja e depois atearam fogo, metralhando quem tentava escapar pelas janelas. Só uma mulher escapou com vida. O problema é que esse é um fato pouco conhecido em geral, então não tem apelo suficiente.
    O objetivo do kardecismo é o mesmo de outras religiões. Intimidar o adepto, usar os medos das pessoas e jogar com essa espécie de esquizofrenia comum a maioria das pessoas que é, por um lado, sentir que precisa de justificativa para existir, por dever essa existência a algum ser superior; por outro lado, por ter recebido a dádiva da existência, fruto da generosidade desse ser superior, é especial e não deve ter o mesmo destino das outras formas de vida, que é simplesmente morrer. Ou, como diz minha irmã, desocupar o planeta…rsrrsrs.
    Eu te admiro muito, Greg, por ter usado sua capacidade de pensar e perceber o engodo que é tudo isso. Imagino que não deve ter sido uma decisão fácil.

  79. ss @ greg

    se me permitem:
    Por exemplo, a questão de merecer o sofrimento por ter feito algo em outra vida. Eu logo pensei no seguinte: se atos ruins foram cometidos e depois esquecidos, qual o sentido da punição?

    R: Elias ao provar que só o Deus de moises era verdadeiro, sem autorização divina matou a espada 400 profetas do deus baal, a rainha jezabel disse que se vingaria cortando-lhe a cabeça, se isto tivesse ocorrido provavelmente Elias não aceitaria o porque Deus permitisse cortarem sua cabeça, quando ele agia em se “nome” (mas não neste homicídios),mas isto não aconteceu porque Jezabel antes de vingar-se de Elias foi ela morta jogada de uma janela.
    pois bem muitos anos depois, Jesus afirmou que seu primo João Batista era o profeta Elias reencarnado pregando a paz o amor e a misericórdia divina, ou seja depois de milhares de anos Elias reencarnado como João ja estava “apto” a entender e “aceitar” que quem “mata pela espada pela espada tambem sera morto.” então teve sua cabeça pedida num parto talvez pela rainha Jezabel reencarnada desta vez como salomé.
    Podemos notar que : Não basta se arrepender é necessario “sentirmos! o que impomos aos outros, isto não é uma vingança divina e sim uma lição pratica da vida ajudando decisivamente na evolução do ser, através de experiências próprias.
    é interessante observar Shirley que nenhum desses personagem a excessão de Jesus conheciam suas vidas passadas, ou seja voce não sabe o porque da experiência boas ou ruins,mas com certeza o aprendizado delas ficara registrado na memória da sua alma eterna.

    sds

  80. SS: Então pensei que apenas o espírito do indivíduo teria consciência de tais atos e de que teria que pagar por eles na próxima vida; saberia também, enquanto espírito, que quantas vezes falhasse precisaria voltar. É um ciclo fechado e interminável de punição. A mente de quem idealizou essa religião, doutrina ou como quer que se chame, é doentia, sádica mesmo.

    R: negativo quando as pessoas aprenderem o valor do perdão e do sacrificio pelo bem estar do outro, este ciclo termina, esse é o objetivo ,mas se as pessoas ainda tendem a optar pela vingança, colhem conforme plantam, deveriam aprender alguma coisa com jesus sendo atravessado por uma lança e ainda desejando e pedindo o bem para os seus carrascos.

  81. Greg,

    Você Pergunta:

    (((agora te pergunto, como na sua teoria você vai lidar com a hipótese de morte por aniquilamento total do corpo|?)))

    Greg não importa como se morre, se lentamente por uma doença crônica, ou bruscamente por uma explosão, isto não faz diferença nenhuma, de qualquer forma o corpo é aniquilado. E, destruído por qualquer forma, o Cérebro, a consciência sai da matéria para a sua forma de energia, possivelmente energia quântica, ou, outra forma qualquer tão evoluída que nem se quer imaginamos…

    Sou leigo em genética, mas sei que existe um Genoma do corpo FÍSICO que caracteriza a raça humana e é igual para todos os seres humanos, diferindo cada indivíduo como único, pela disposição e a combinação dos genes ou do DNA, dentro do genoma…

    Assim, penso que a consciência também tem uma espécie de genoma, onde a simples disposição, ou formas de ligações entre elementos dessa forma de energia, tornaria cada consciência única.

    Também penso essa forma de energia que constituí a consciência se aloja no cérebro e é tão evoluída que é indestrutível, jamais pode ser afetada ou destruída por qualquer tipo ou forma de matéria.

    Assim, mesmo que uma bala de fuzil exploda o cérebro de um indivíduo, absolutamente nada acontecerá à consciência, que apenas sairá da matéria e procurará o outro destino material.

    http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/2012/11/a-transitoriedade-da-forma-existencial.html

    Penso que, a forma de vida definitiva e preferida do ser humano pode ser sempre, a matéria. No presente, nesta vida, viver na matéria tem seus encantos e, muitos desencantos, afinal, hoje, somos perecíveis e mortais, por nos faltar o conhecimento e desconhecermos a superioridade e as benesses da oscilação da vida entre matéria e energia, ou, ondas eletromagnéticas, ou energia quântica (espíritos ou almas, segundo as religiões).

    Creio que esta condição existencial deverá ser usada, apenas, para nos deslocarmos (tele transporte), de um lugar para outro, desde um corpo velho para um corpo novo, ao lado, até, de uma galáxia para outra, em qualquer lugar do universo.

    Além do que a transição da matéria para a energia, hoje, se da apenas através de um processo, propositadamente, primitivo e rudimentar a (morte), por isso, nos assusta.

    Mal sabemos nós que, imediatamente após a nossa morte, nos dirigimos (ou somos dirigidos), na forma de ondas eletromagnéticas, possivelmente, para outro corpo; em um planeta perfeito, onde o CONHECIMENTO ABSOLUTO já existe, o PARAÍSO, religiosamente, falando; onde o STATUS existencial, é o dos DEUSES; talvez na própria Via Láctea.

    Futuramente, mesmo antes de conquistarmos o CONHECIMENTO ABSOLUTO, essa transição (desmaterialização) será feita de forma voluntária, segura, sem traumas e sem sofrimentos…

  82. Criaturo,

    Não consigo entende-lo, acho você um tanto quanto confuso nas sua exposições…

    Veja bem o que você disse:

    (((Ao contrario do que pensa o nosso amigo Antônio, eu afirmo que tudo é obra de Deus incluindo a ignorância gerando o sofrimento eterno, isto mesmo eu disse eternos, pois se Deus criou a ignorância e sofrimento não pode ter se enganado quanto a necessidade das suas existências, caso contrario pensar que Deus um dia anulará sua própria criação é querer conjecturar um Deus incompetente, ou pior um deus sádico)))

    Essa visão me parece muito bíblica… Eu penso que Deus NÃO criou a ignorância, acho que NINGUÉM criou a ignorância, ela é o simples resultado da AUSÊNCIA de conhecimentos, só isso nada mais que isso… Você pode me perguntar então: porque Deus ocultou o conhecimento do ser humano?

    Respondo, Deus não ocultou o conhecimento do ser humano, apenas deve ter dito: “DESENVOLVA VOCÊ MESMO, COM O SEU PRÓPRIO SUOR, SOFRIMENTO E SANGUE, O SEU PRÓPRIO CONHECIMENTO”. A sabedoria Divina deve ter entendido que a única forma de darmos valor à liberdade proporcionada pelo conhecimento, seria construí-lo nós mesmos…

    É isto que estamos fazendo nesta fantástica odisseia terrena, geração após geração, cada indivíduo dando a sua própria parcela de sacrifícios, através do trabalho, das tentativas e erros, das decepções e alegrias, dos amores e desamores, tristezas, decepções, guerras, doenças, desastres naturais e artificiais, enfim, da experiência com o mal e o consequente sofrimento.

    Penso que, só assim e, exclusivamente assim, poderemos dar valor á evolução e ao CONHECIMENTO ABSOLUTO que teremos um dia e mesmo tempo estabelecer um contraste duradouro entre o Bem e o Mal, já que este conhecimento foi construído ao custo do sangue e da morte de cada indivíduo que viveu e viverá por aqui…

    Ou você conhece alguém que passou em brancas nuvens e não tenha colocado o seu “tijolinho” de luta e sofrimentos nessa construção do CONHECIMENTO ABSOLUTO?…

  83. Criaturo
    Desculpe, mas você está fazendo uma leitura oportunista dessa passagem da bíblia, no sentido de tentar adequá-la à sua forma particular de crença.
    Em I Reis 18:36 – 40, vemos:
    Responde-me Senhor, responde-me, para que este povo saiba que tu, Senhor, és Deus e que a ti fiz retroceder o coração deles;
    Então, caiu fogo do Senhor e consumiu o holocausto, e a lenha e as pedras, e a terra, e ainda lambeu a água que estava no rego;
    O que vendo todo o povo, caiu de rosto em terra e disse: O Senhor é Deus! O Senhor é Deus!
    Disse-lhes Elias: lançai mão dos profetas de Baal, que nem um deles escape. Lançaram mão deles; e Elias os fez descer ao ribeiro de Quisom e ali os matou.
    Sem dúvida que vemos nesse trecho um massacre, resultado da disputa entre os israelitas ortodoxos e os seguidores da rainha, adoradora de Baal e Acherate a qual perseguiu os sacerdotes de Jave, dos quais muitos foram mortos ou forçados ao exílio; também fica fora de dúvida, dentro do contexto narrativo, que esse massacre é aceito e incentivado pelo ‘Senhor’, que lança fogo sobre o holocausto.
    Além disso, a narrativa sobre Herodíades e Salomé pedindo a cabeça de João Batista visa a estabelecer a dedicação total a Javé pelo martírio.
    Mantenho minha afirmação do elemento sádico na composição dessa espécie de purgação transcendente, mas acrescento o elemento quixotesco: se tal ou qual indivíduo comete um ato bárbaro e durante o percurso de sua vida permanece impune, não seja por isso: tome lá outra vida e se necessário, outra e outra, até ser alcançado pela justa retribuição.
    É uma forma de satisfazer o sentido natural de indignação e impotência que sentimos diante da bestialidade expressada por alguns de nós.

  84. Jesus afirmou que seu primo João Batista era o profeta Elias reencarnado

    Que confusão! A porra da alma imortal reencarna segundo o procedimento registrado em cartório do espiritismo, ou fica aguardando o fim dos tempos para ser julgada segundo o que afirma o cristianismo?

    Esse Jesus-Chacrinha era foda!

    “Eu vim para confundir; não vim pra explicar…”
    (Mateus, 41:660)

  85. Shierley,

    Concordo plenamente contigo sobre a versão bíblica de I Reis 18:36 – 40. Entretanto, naquela época aquele povo não fazia distinção entre o mundo natural e o mundo “espiritual ou religioso”, tudo era uma coisa só. Porém. a capacidade do ser humano fantasiar a realidade e fazer ficção já era presente…

    Assim, penso que narrativas bíblicas como essa e centenas de outras semelhantes, dada as suas naturezas místicas, nunca passaram de narrativas meramente “românticas”…

  86. Antonio disse:

    Não consigo entende-lo, acho você um tanto quanto confuso nas sua exposições…
    Veja bem o que você disse:
    (((Ao contrario do que pensa o nosso amigo Antônio, eu afirmo que tudo é obra de Deus incluindo a ignorância gerando o sofrimento eterno, isto mesmo eu disse eternos, pois se Deus criou a ignorância e sofrimento não pode ter se enganado quanto a necessidade das suas existências, caso contrario pensar que Deus um dia anulará sua própria criação é querer conjecturar um Deus incompetente, ou pior um deus sádico)))
    Essa visão me parece muito bíblica…

    R: pelo contrario visão biblica e tradicional é a sua teoria em busca do paraiso eterno, pois insinua que Deus criou o homem ignorante causando lhe um sofrimento, por falta de capacidade de não poder ter criado o homem diretamente como anjos felizes no paraiso .
    Veja as leis de Deus na criação são imutáveis, se ele determinou na criação da vida os sentimentos, a ignorância causando o sofrimento, o prazer e a obrigatória transformação pela morte , é porque essa essência sustentaram a vida, enquanto houver vida,não importa onde elas tambem são eternas, embora em maior ou menor grau conforme a obtenção do conhecimento, porem este nunca sera absoluto como o de Deus, é isso que justifica a eternidade da ignorância e do sofrimento relativos a evolução dos seres abaixo de Deus.

    Respondo, Deus não ocultou o conhecimento do ser humano, apenas deve ter dito: “DESENVOLVA VOCÊ MESMO, COM O SEU PRÓPRIO SUOR, SOFRIMENTO E SANGUE, O SEU PRÓPRIO CONHECIMENTO”. A sabedoria Divina deve ter entendido que a única forma de darmos valor à liberdade proporcionada pelo conhecimento, seria construí-lo nós mesmos…

    R: Voce esta me dizendo que que para Deus só exite essa “unica forma” ou unica possibilidade , ou seja novamente esta limitando Deus como a si mesmo, mas ironicamente eu acredito que seja assim mesmo.
    Apesar de parecer estar criticando essa sua visão, tambem compartilho dela em parte, pois tambem acho que Deus é limitado pois se ele criou a necessidade de “sentirmos” prazer, dor e sofrimento é porque para ele essa foi a “unica” possibilidade mais viável.

    Resumindo:

    Concordo:
    “Antes de conhecermos o paraiso precisamos passar pelo inferno”, porem ambos não são eternos, assim a ignorância terrestre, a dores e o os sofrimentos para criação e manutenção da vida são a unica possibilidade para nossa existência.

    Não concordo:
    Com a extinção da ignorância, da dor e do sofrimento no seu suposto paraíso eterno, é aqui que nossas afinidades filosóficas passam a divergir , pois acredito que todos os sentimentos causados pela ignorância são essenciais a criação e a manutenção da vida , por isso tambem devem ser eternos, embora existindo em maior ou menor grau conforme a transformação dos seres.

    A sabedoria Divina deve ter entendido que a única forma de darmos valor à liberdade proporcionada pelo conhecimento, seria construí-lo nós mesmos…

    R: Sim ! principalmente pelo prazer de sentirmos experimentando e aprendendo.

    Penso que, só assim e, exclusivamente assim, poderemos dar valor á evolução e ao CONHECIMENTO ABSOLUTO que teremos um dia e mesmo tempo estabelecer um contraste duradouro entre o Bem e o Mal, já que este conhecimento foi construído ao custo do sangue e da morte de cada indivíduo que viveu e viverá por aqui…

    R: quando voce enfatiza :”só assim e, exclusivamente assim, poderemos dar valor á evolução e ao CONHECIMENTO ABSOLUTO” automaticamente limita Deus a esta sua visão como “unica” possibilidade para criação humana.
    Ou seja torna Deus “incapaz” limitado de criar seres vivos sem a necessidade de conhecerem a dor , o sofrimento e a ignorância.
    Do tipo teu deus seria um sapateiro que projetou um sapato apertado e obrigou seu filho a andar com ele a vida toda depois no final da vida após longos anos de sofrimento, disse agora te darei um sapato na medida certa, então voce saberá discernir o que é bom e o que é mal…….he….he…he…he…he…he

    Eu te pergunto Antonio o teu deus é limitado ou é um sádico ?

    Eu assumo que o meu deus não é um sádico ,mas afirmo que ele é limitado, por isso a o sofrimento e a ignorância são eternos enquanto houver vida

    sds

  87. ss
    Desculpe, mas você está fazendo uma leitura oportunista dessa passagem da bíblia, no sentido de tentar adequá-la à sua forma particular de crença.

    R: he…he…he…he…he… da mesma forma que “todos” usam apenas as passagens biblicas que apoiam suas idéias pessoais, isto é valido tambem para as contradições biblicas exaustivamente usadas pelos ateus tentando provar a suposta inexistência divina.

    Disse-lhes Elias: lançai mão dos profetas de Baal, que nem um deles escape. Lançaram mão deles; e Elias os fez descer ao ribeiro de Quisom e ali os matou
    fica fora de dúvida, dentro do contexto narrativo, que esse massacre é aceito e incentivado pelo ‘Senhor’, que lança fogo sobre o holocausto.

    R: onde esta a passagem onde Deus incentiva Elias a matar a seus inimigos a espada ? Elias vendo que tinha conquistado o respeito de todo o povo, “sem autorização divina”. aproveitou-se da situação favorável e por sua vontade decidiu vingar-se mandando matar todos os seus perseguidores , muitos anos depois em Mateus 11: 14 Jesus veio dar o testemunho dizendo que realmente JB era Elias,mas que não haviam o reconhecido e que fizeram com ele tudo o que quiseram, ou seja cortaram sua cabeça , veja que a lei do carma é tão justa que não isenta nem profetas que pregam em nome de Deus, “quem lançar mão da espada pela espada perecerá” , a cada um sera dado conforme suas obras.

    Mas ja que adentramos questões biblicas, é interessante frisar que normalmente ateus são ex-crentes e religiosos que após cursarem algum tipo de cursos acadêmicos, passam a estudarem a biblia com outros olhos, então conseguem ver algumas contradições biblicas . E assim ,baseados em erros humanos registrados em um livro chegam a conclusão que deus não existe.
    Este é a moral da genesi de móises, o homem adão após comer do fruto do conhecimento tornou -se “arrogante” afastando se de Deus e sofrendo cada vez mais.

    sds

  88. val
    esquentou a moringa subiu nas tamancas e disse:
    Jesus afirmou que seu primo João Batista era o profeta Elias reencarnado
    Que confusão! A porra da alma imortal reencarna segundo o procedimento registrado em cartório do espiritismo, ou fica aguardando o fim dos tempos para ser julgada segundo o que afirma o cristianismo?
    Esse Jesus-Chacrinha era foda!
    “Eu vim para confundir; não vim pra explicar…”
    (Mateus, 41:660)

    Jesus disse isso: Se quereis o reconhecer ele mesmo é Elias que estava para vir…quem tiver ouvidos para ouvir que ouçam.

    Não é o seu caso pois se tivesse esse entendimento não teria virado um materialista.

    Tambem o anjo Gabriel disse ao pai de João B, irá nele o poder e o espirito de Elias.

    Há tambem alguns contrarios a reencarnação a cada nova versão biblica distorcem as palavras para fazerem desacreditar que a reencarnação seja possivel.

    Eu queria ver a sua cara se estando no mundo espiritual fosse te dado a oportunidade de aprender mais corrigindo e libertando-se de vicios enraizados na sua alma, reencarnando na terra então voce diria: Eu não acredito que isso seja possível.

  89. Criaturo

    A interpretação de que Elias, se sentindo o bambambam do pedaço resolveu por conta própria chacinar geral é sua mesmo?
    Em todo caso, vamos brincar de faz-de-conta:
    Está lá o Elias, cheio da razão: responde, Deus, responde! Deus, talvez para se livrar da aporrinhação, talvez intimidado pelo tom peremptório do Elias, lança um fogo lá na oferenda de sacrifício do povo, erra a mão e queima tudo em volta. Claro que o fato de o Elias ter entendido que com isso Deus fechava com ele foi presunção pura.
    Por alguma razão, Deus esperou séculos para mandar um recadinho por seu filho, JC, que o Elias tinha pisado na bola e exorbitado incitando o povaréu a passar na espada a turma do Baal e que por isso, embora ninguém estivesse sabendo ainda, o João Batista, ia pagar o pato. Interpretação a posteriori: JB/Elias valia, para Deus, pelo menos 450 adoradores de Baal.
    É interessante frisar, Criaturo, que li a bíblia bem antes de fazer um curso superior, especificamente, 16 anos antes. Fui uma universitária tardia. O que me foi útil sob esse aspecto, na faculdade, foi
    a disciplina Antropologia, que serviu para subsidiar minha noção preexistente de que deuses servem para explicar coisas para ignaros e medrosos.
    Sobre a suposta existência desse deus em particular, devia ter uns sete anos e já não conseguia levá-lo a sério.
    De modos que a bíblia, para mim, como produto de inspiração divina vale bem uns rolos de papel higiênico e não preciso, sob esse aspecto, ficar ‘escolhendo’ textos, uma coisa vale outra, que é nada.
    Quem fica escolhendo e interpretando os textos da bíblia de acordo com a necessidade são vocês crentes disso e/ou daquilo.

  90. Antonio Rosa

    Em parte, concordo com você. Na falta de conhecimento do funcionamento das coisas, por assim dizer, as pessoas atribuíam a tais coisas origens místicas e míticas e assim explicavam seu mundo; sendo esse o ‘conhecimento’ disponível, passavam-no de geração em geração,oralmente e com o advento da escrita, registrando. Sob esse ponto de vista, o relato bíblico é sim, de certa forma, “romântico”.
    É também valioso documento histórico por mostrar como eram e pensavam alguns dos povos daquela época e lugar.
    Levá-lo ao pé da letra é que é o problema.

  91. ss
    A interpretação de que Elias, se sentindo o bambambam do pedaço resolveu por conta própria chacinar geral é sua mesmo?

    R: se voce não consegue apresentar uma passagem na biblia mostrando Deus dando essa ordem a Elias então fica bem claro que ele fez por sua conta e risco.

    Por alguma razão, Deus esperou séculos para mandar um recadinho por seu filho, JC, que o Elias tinha pisado na bola e exorbitado incitando o povaréu a passar na espada a turma do Baal e que por isso, embora ninguém estivesse sabendo ainda, o João Batista, ia pagar o pato.

    R: aproveitando a moral da história, para entender o ser humano:
    Todo infrator embora tenha cometido as maiores atrocidades, sempre se colocara na posição de vitima arranjando mil justificativas para ter cometido tais ações, quando julgado e condenado ficara indignado mantendo o sentimento de injustiçado, então ao invés de se arrepender cria um sentimento de vingança e ódio, ou seja punir pessoas inconscientes dos seus atos pode estar alimentando um monstro ainda pior.
    É por isso que a justiça espiritual tarda, mas não falha no caso do profeta Elias, por defender Deus e ser perseguido de morte pelos divergentes quando teve oportunidade não economizou vingança mandou matar 450 profetas de baal. *(sem autorização divina)
    Acreditava estar fazendo a vontade de Deus matando os que não acreditavam nele (ja pensou se a moda pega….he..he…he..he), infligindo assim a verdadeira lei de Deus de : “não mataras” , nesta sua fase vingativa acreditava estar agindo em nome de Deus e não em nome da sua vingança e interesses, caso fosse punido pelas autoridades espirituais dificilmente aceitaria isso como sendo uma justiça divina ficando revoltado.
    Ou seja comentando a sua colocação inicial o plano espiritual aguarda a melhor oportunidade da vida, o momento mais oportuno onde o ser encontra-se mais maduro e propenso a reconhecer que errou, então farão da forma mais proveitosa o ser sentir na pratica o sentimento semelhante que infligiu a terceiros, aih sim! o infrator alem de ter se arrependido se conscientiza do mal que infligiu aos outros, isto ficará registrado na eterna memória da sua alma, coibindo-o de vir a reincidir futuros deslizes.

    Se a vida é eterna o trabalho, o sofrimento, o prazer e o aprendizado tambem serão.

    sds

  92. Criaturo,

    O que o faz pensar que os relatos bíblicos como esse de I Reis 18:36 – 40, é verdadeiro e não mitológico?

    Quanto a sua pergunta abaixo:

    “””Eu te pergunto Antonio o teu deus é limitado ou é um sádico?”””

    Respondo: nem uma coisa nem outra. Apenas soube como deveria agir em relação ao desenvolvimento da espécie humana…

    Também, quem disse que essa forma escolhida, (a odisseia humana na terra), é a única forma existente, o que tornaria Deus limitado como você mesmo diz com frequência?

    Ela pode ser apenas a escolhida por questões didático pedagógica, e não a única existente ou disponível para o conhecimento de Deus…

    Veja a minha hipótese para a questão do sofrimento humano… http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/2011/05/resumo-de-uma-nova-teologia-para.html

  93. Antonio

    O que o faz pensar que os relatos bíblicos como esse de I Reis 18:36 – 40, é verdadeiro e não mitológico?

    R: o que te faz afirmar que seja apenas fantasias românticas ?
    penso que se a causa do fogo tenha sido um raio é possivel e natural, mas essa passagem biblica como todas as outras não podem ser provadas, o que fica mesmo é saber tirar a moral da história, cada um conforme as suas afinidades.

    “””Eu te pergunto Antonio o teu deus é limitado ou é um sádico?”””
    Respondo: nem uma coisa nem outra.
    R: mas veja se podia ter poupado a humanidade do sofrimento e não o fez implica sua incompetência. Se não pode evitar o sofrimento, a dor a ignorância da raça humana isto implica a sua limitação.

    Apenas soube como deveria agir em relação ao desenvolvimento da espécie humana…

    R: resposta verdadeira , porem simplória do tipo :” Não sei porque Deus fez assim,mas se ele fez esta bem feito”.

    Ela pode ser apenas a escolhida por questões didático pedagógica, e não a única existente ou disponível para o conhecimento de Deus…

    R: a questão é se Deus escolheu a melhor forma então não deveria existir outra forma melhor de vivermos do tipo o “seu” paraíso eterno.
    Mas a partir do momento que voce afirma que ja existe outro mundo melhor do que nosso terreno, isso implica que Deus nos fez passar primeiro pelo pior, o do sofrimento, da ignorância da dor, das frustrações,isto justifica-se divinamente por:

    ( ) sadismo
    ( ) incompetência
    (x) limitado a uma unica possibilidade de criar vidas individualizadas

    Concordo com voce no fato da criação do mal causado pela ignorância seja necessário para que nós sendo uma menor parte da consciência divina possamos aprender a reconhecer a existência da maior consciência Deus, procurando alcança-la.
    Essa seria a intuição da “procura pela terra prometida” ou então pela busca do seu paraíso eterno.
    Mas penso que se Deus nos quisesse ao seu lado no paraiso eterno,não nos teria enviado para um mundo físico, sendo um “Deus ilimitado” poderia ter nos criado e mantido no paraíso “felizes e conscientes disso.”
    A grande questão é a seguinte: Se Deus pode agir assim e não o faz é um sádico, mas se não pode então é limitado.
    Na minha opinião Deus é um ser limitado, é isso que justifica nós tambem sermos limitados, “tipo filhos de peixe peixinho é”,mas antes de indignar-se com a minha visão da espiritualidade perceba que ela não é tão tradicional como voce afirmou.
    Alem do mais limitação é relativa, ou seja para um ser microscópio uma molécula de aguá pode parecer um mundo aquático.
    E para nós seres um pouquinho maiores uma molécula é algo quase que imperceptível.

    Então talvez esta sua busca pelo paraíso eterno seja apenas uma ilusão que incentiva a humanidade trabalhar pelo progresso e digo mais, talvez o paraíso seja apenas uma eterna viagem, a procura por ele, porque:
    “o reino dos céus não virá com visível aparência, pois onde esta o teu coração também estará o seu tesouro, o seu paraíso e o teu deus .”

    sds

  94. Criaturo, Meu caro (deista?), .

    Quanto mais você fala, mais você se embola, às vezes é bíblico, às vezes é místico; diz que não é crente, diz que não é espírita, também não deve ser católico, muito menos muçulmano. Você seria o que mesmo? Ateu? Nãaaao. Honestamente, você é o único nesse blog que tem uma visão ambígua, difusa e indefinida, chega ser muito confusa… Não é nada pessoal, mas, veja bem o que você disse, não é muito estranho pra quem diz que não é defensor da bíblia…?

    (((“o reino dos céus não virá com visível aparência, pois onde esta o teu coração também estará o seu tesouro, o seu paraíso e o teu deus.))) ???

  95. Shirley —
    tome lá outra vida e se necessário, outra e outra, até ser alcançado pela justa retribuição.
    É uma forma de satisfazer o sentido natural de indignação e impotência que sentimos diante da bestialidade expressada por alguns de nós.
    — muito bem colocado
    nós seres humanos temos essa necessidade de nos sentir vingados.
    No caso por ex: da 2a Guerra Mundial nas doutrinas reencarnacionistas abre a possibilidade de julgar os culpados e eles sofrerem o mau que fizeram. Nos faz acreditar na justiça!

  96. A discussão de vocês sobre a Biblia em Reis alguma coisa me fez lembrar de um texto do Barros numa passagem que ele disse algo mais ou menos assim: Como fica para Deus ter que atender pedidos que vao um contra o outro, Como no caso de mais de um sujeito querer a mesma mulher, ou um mesmo objeto de desejo?
    No caso eu quero que meu time de futebol vença e peço a Deus; que tambem recebe o pedido do meu adversário.
    Pra mim esses casos bíblicos de Deus falso e verdadeiro é a mesma coisa. Se existe alguém para escutar nossos desejos e pedidos, pouco importa qual seja o nome desse deus? ou ele se apresentou a todos de igual maneira mostrando seu CPF e RG?
    OI! sou o Deus tal e a partir de agora vocês devem orar pra mim, tá bom?
    Pàrece que o mundo só existia ali no deserto, não tinha outros continentes e nem outros povos., por acaso Deus não se manifestou com o Nome Javé na China porque hein?
    se ele tivesse feito isso seria obvio a sua existência e vontade de ser chamado de tal maneira pelo mundo.
    Se os adoradores de Baal também rezavam , essa oração não iria para o DEUS UNICO so que com o nome errado, porque Deus resolveu num determinado momento ficar do lado de uns poucos e rejeitar a grande maioria dos que viviam no globo terrestre, ……… mas suplicavam ao divino de forma equivocada?
    Pra mim esse é um ponto chave que desnuda as religiões, principalmente as de DEUS UNICO, porque no politeísmo seria normal a concorrência e a relação especifica com algum a seu gosto e apetite.
    Mas, se O DEus único é a opçao certa, sejamos sinceros, só o Deísmo pode sobreviver a esse massacre de deuses.
    No Deísmo Deus é cego, mudo, surdo e imóvel. Aí sim dá pra continuar a conversa.
    Com tantos anos de experiência nesses assuntos o Barros não deixa escapar nada e nos faz ver um argumento de que tao escondido parece sem importância, mas é fundamental. Não se ve isso abordado muito nas discussões, ateísmo x crentinismos – nunca vi isso abordado a fundo, sera que ninguém nas religiões pensa que com a intromissão de Deus em qualquer coisa a favor de um, atinge de maneira direita o outro?
    EStavam discutindo no topico se Deus mandou ou não Elias fazer aquilo. Pouco importa cassete! Afinal ele tomou partido e fechou com Elias e ELE – DEUS tinha um plano e que nesse plano só uma meia dúzia que iriam chama-lo de JAvé iria se dar bem ao longo do tempo.
    Nem a ideia da reencarnação tira a pica da bunda dos religiosos, se Deus intervem num milésimo de alguma coisa, ele já tem parte nesse algo.
    Quando morrem jovens do jeito que foi la em SAnta Maria, não é questão apenas da punição deles vinda de outra vida o desta mesma, acontece que esssa lei de Deus causa uma dor imensa aos que ficaram. Talvez a maior dor seja da Mae que perdeu 3 filhos, não de quem sofreu algumas horas e esta agora no paraiso, rindo a toa!

  97. Antonio
    Você seria o que mesmo?

    R: uma incógnita (?), livre pensador, desejando descobrir o que esta oculto por meio da intuição e da observação.

    Não é nada pessoal, mas, veja bem o que você disse, não é muito estranho pra quem diz que não é defensor da bíblia…?
    (((“o reino dos céus não virá com visível aparência, pois onde esta o teu coração também estará o seu tesouro, o seu paraíso e o teu deus.))) ???

    R: as pessoas pecam por serem partidarista radicais, sejam ateus ou crentes, não costumo jogar fora uma fruta inteira só por causa de um pedaço esteja podre, porque ja aprendi aproveitar a parte boa.

    mas ainda não respondeu minhas questões quanto a sua teoria da antítese, nada ?

    Veja Antonio :
    Não sou totalmente contra a sua teoria ,apenas divirjo em alguns pontos:
    Concordo que se de fato não houver a criação da ignorância (mal), a humanidade não poderia se individualizar de Deus, ou seja o tudo e o todo continuaria sendo Deus antes da criação, exatamente por isso que a ignorância sempre existirá, sob pena de voltarmos ao estagio anterior a criação ou seja da unica existência inteligente Deus.
    portanto o final da ignorância , do mal do sofrimento são impossíveis, pois anularia a nossa criação humana, Deus não pode anular suas próprias obras, mas pode transforma-las ou fazer evolui-las ,mas tudo tem limites, pois nossa evolução nunca poderá atingir o mesmo nível de Deus, pois deixaremos de ser humanos e passaremos a ser o próprio Deus,mas isto anularia a nossa identidade própria e por consequência a criação de Deus, ou seja contrariaria a vontade dele.
    Assim penso que essa sua visão, embora solidaria e generosa simplificando a existência humana onde após a morte todos entraram no paraíso eterno não condiz muito com a realidade imposta por Deus, onde habitamos um mundo onde a nossa realidade aponta para uma desigualdade generalizada, pessoas diferentes (graça a Deus), condições sociais e psicológicas, creio eu que a felicidade do paraíso poderá ser encontrado dentro do ser “eu” e não fora dele em algum lugar especifico que esteja a nossa a nossa espera.
    Mas contudo penso que nem o paraíso nem o inferno seja condições definitivas e sim apenas um estado espiritual transitório que todas as criaturas se encontram em algum ponto na eternidade da vida.

    sds

  98. GREG

    Mas, se O DEus único é a opçao certa, sejamos sinceros, só o Deísmo pode sobreviver a esse massacre de deuses.

    concordo,mas e voce é deísta ou ateu assumido ?

    Nao seria mais facil Deus intervir antes que o mau aconteça?
    muitos espiritas vao dizer que o que eu estou falando é mentira e que Deus nao armou essa arapuca, mas se…. a doutrina diz que tudo é a lei de açao e reaçao, nao tem como fugir desse dilema.

    nunca vi isso abordado a fundo, sera que ninguém nas religiões pensa que com a intromissão de Deus em qualquer coisa a favor de um, atinge de maneira direita o outro?

    Nem a ideia da reencarnação tira a pica da bunda dos religiosos, se Deus intervem num milésimo de alguma coisa, ele já tem parte nesse algo.

    R: decida-se voce acha que Deus deva interferir ou não,nas ações dos outros ?

    Eu acho que não interfere,pois Se Deus cria “perfeitos robôs” da sua vontade é um ditador egocêntrico, se permite a liberdade de ação é omisso e carrasco

    Ja não te ocorreu que Deus “justamente” não interfere nas ações das suas criaturas ?
    Se for assim eis que a justiça atribuída a Deus é de origem humana , é isto que justifica as aparentes injustiças divinas.

    Talvez a maior dor seja da Mae que perdeu 3 filhos, não de quem sofreu algumas horas e esta agora no paraiso, rindo a toa!

    A dor da morte não é exclusividade de alguns é para todos, nisto ha sim justiça e igualdade.
    Mesmo para as supostas mortes mais dolorosas, acredito que o ser humano tenha limite para a dor fisica, uma vez atingido perde seus sentidos, mesmo que esteja vivo ficará imune a dor fisica que ainda atinge o corpo.

    sds

  99. Greg
    Muito boas suas colocações, lembrando esse texto do Barros e inserindo a questão sobre Elias. Uma outra coisa importante que você lembra é a atuação de Deus naquela época; tendo sido o criador do universo e de nós, se preocupou em cuidar apenas de meia dúzia, deixando o resto por conta própria. Por razões que só ele saberia, às tantas decidiu que era hora de incluir esse resto na história e mandou para cá seu filho unigênito. Essa é outra questão interessante; quando fiz o catecismo, foi uma das perguntas que não souberam me responder. Se, como era dito, somos todos filhos de Deus, como Jesus foi seu filho unigênito?
    Os crentes acabam sempre dizendo que ateus igualmente são crentes, mas na não existência de Deus ou produto similar, por não termos provas do que afirmamos.
    Mas basta olhar em volta, para saber que não existe esse deus ou outro qualquer.
    Para acreditar nesse tipo de coisa é necessário aceitar a contradição gritante entre o que diz o arco mitológico da criação divina e o que nossos sentidos nos mostram.

  100. Criaturo

    “se voce não consegue apresentar uma passagem na biblia mostrando Deus dando essa ordem a Elias então fica bem claro que ele fez por sua conta e risco.”

    É por essas e outras tantas que os ateus dizem que o crente não lê a bíblia e se lê, não entende; se entende, precisa interpretar, porque sua crença bate de frente com seu inato sentido da realidade e dos fatos, mas você está inovando.
    O objetivo narrativo da bíblia, Criaturo, marcadamente no Antigo Testamento, é demonstrar o poder de Deus e o que acontece com quem não o reverencia. Nesse trecho ora em discussão isso é cristalino. E para deixar bem claro quanto a ação de Elias o agradou, Deus envia um anjo para alimentá-lo enquanto fugia de Jezabel; Elias atravessa o Jordão abrindo as águas com seu manto e por fim é arrebatado num carro de fogo.
    Quando você me sai com essa sobre Elias, você não está fazendo mais do que distorcer essa parte da narrativa para que caiba na sua interpretação pessoal.
    Agora veja que interessante. O seu senso inato de justiça te diz que um Deus que permite e inspira as atrocidades descritas na bíblia e que não age para interferir nos problemas de sua suposta criação, não pode ser intrinsecamente bom e justo.
    Então, o que você faz? Segue além observando atentamente tudo a sua volta e pelo menos procurando qualquer coisa, por mínima que seja, que indique a possibilidade da existência desse ser?
    Não, você dá meia volta e procura desculpas e justificativas, e no limite, empreende a criação de uma mitologia particular, usando retalhos de variadas mitologias.

  101. ss
    o que seria seria dos ateus se não houvesse uma biblia ? Seriam qualquer coisa menos ateus, tire a biblia deles e seus argumentos se reduzem a crença do nada, no breve final da suas existências.
    Então vamos lá :

    É por essas e outras tantas que os ateus dizem que o crente não lê a bíblia e se lê, não entende E para deixar bem claro quanto a ação de Elias o agradou, Deus envia um anjo para alimentá-lo enquanto fugia de Jezabel;

    R: Deus não teria enviado corvos para alimentar Elias com migalhas de pão no deserto ? Teriam sidos eles anjos em forma de corvos ? Se acredita nisto tem mais fé do que eu…..he..he..he…he..he
    Nós enquanto seres humanos temos mania de não querermos assumir responsabilidades dos nossos atos , então é comum querermos atribuir reações negativas causadas por eles como se fossem causadas pela ausência de uma justiça divina, isto sim alimenta ateísmos.

    Criaturo, marcadamente no Antigo Testamento, é demonstrar o poder de Deus e o que acontece com quem não o reverencia. Nesse trecho ora em discussão isso é cristalino.

    R: a unica coisa evidente é que Deus de alguma forma natural como um raio tenha queimado a fogueira, atendendo o pedido de Elias.
    Quanto o sair cortando cabeças foi uma vingança pessoal de Elias, como ja disse no momento acreditando que fazia a vontade de Deus, mas na sua futura vida como profeta João Batista a espiritualidade se encarregou de concientiza lo do mal que havia infligindo no passado seus inimigos.
    Foi isso que levou Jesus a dar o testemunho de quem era de fato João Batista em Mateus 11:14 observe que estando ele ainda vivo Jesus se refere a ele no passado quando ele vivia como Elias: “desde o tempo de João até os dias de hoje, o reino dos céus é conquistado pela espada ( ou seja Elias e todos os antigos profetas queriam impor suas crenças em Deus através da força da espada, como voce mesmo bem colocou a acima) e se voces quiserem acreditar nisto, ele mesmo é Elias que estava para vir, quem tiver ouvidos para ouvir isso que ouça.

    Elias atravessa o Jordão abrindo as águas com seu manto e por fim é arrebatado num carro de fogo.

    R: Elias deve ter aprendido separar aguas com Moisés, quanto a sair voando numa carruagem de fogo, isto comprova que “Os deuses eram astronautas” ….he..he…he..he….he

    Quando você me sai com essa sobre Elias, você não está fazendo mais do que distorcer essa parte da narrativa para que caiba na sua interpretação pessoal.

    R: voce quem quer transferir a vingança de Elias como se tivesse sido uma ordem divina e eu que quero distorcer a biblia conforme meu entendimento pessoal ?

    Agora veja que interessante. O seu senso inato de justiça te diz que um Deus que permite e inspira as atrocidades descritas na bíblia e que não age para interferir nos problemas de sua suposta criação, não pode ser intrinsecamente bom e justo.

    R: o que o seu senso de justiça te diz:
    ( ) Deus deveria ter criado perfeitos robôs escravos da sua vontade
    ( ) Deus deve dar igualdade e liberdade de ação para todos, sem interferir

    Se Deus tivesse robotizado seria acusado de ditador, se deu liberdade é considerado injusto , omisso e inexistente tá difícil agradar em heim ?

    Então, o que você faz? Segue além observando atentamente tudo a sua volta e pelo menos procurando qualquer coisa, por mínima que seja, que indique a possibilidade da existência desse ser?

    R: exato! ao contrario do que voces afirmam a crença em Deus não nasce apenas da ilusão nem da carência humana e sim da “observações” de inteligências capazes manifestar ações e obras que não são feitas por homens.

    Mas me responda e voce, ainda continua procurando pela possibilidade de haver inteligencia fora da matéria, ou elegeu ela como seu Deus racional caminhando para simplicidade da sua breve inexistência ?

  102. è Criaturo acho que vc esta enrolado ou enrolando igual a um espaguete!
    na sua opinião sobre a morte é justa e igual para todos amigo, respondo: NAO, NAO , NAO – no máximo igual no sentido de que vai acontecer com todos, porque nem da mesma forma isso se sucede e nao temos como escolher como vai ser.
    Justa??? Me polpe amigo – justiça é um sonho, magico e pueril. Nem vou entrar em detalhes para não alongar o papo.
    mas se você acredita em justiça? qualquer conto de fadas é bem vindo para você.
    sobre as suas alternativas abaixo:

    R: o que o seu senso de justiça te diz:
    ( ) Deus deveria ter criado perfeitos robôs escravos da sua vontade
    ( ) Deus deve dar igualdade e liberdade de ação para todos, sem interferir
    Como não interfere?????????????????????????
    existe alguma coisa na religião que não seja interferência divina?
    No próprio caso acima sobre Elias, Deus não interviu? so aquele raio ou magica que aconteceu com a fogueira, não é intervenção?
    Se Deus tem um plano???!!!
    Como pode um plano sem intervenção?
    Como eu disse acima Criaturo, só o Deísmo deixa brecha para existência de Deus ou algo parecido.
    Não força a barra. Nas religiões Deus intervem sim. então deus age e se age ele esta fazendo merda e sendo omisso e outras trocentas coisas ruins. não tem como negar. Por isso e exatamente por isso Deus foi interpretado pelos Deístas da forma que eles pudessem tirar a culpa e o peso das consequências das costas de Deus. olha o raciocínio deles: Deus criou tudo e foi embora, sei lá, foi criar outro universo, talvez seja isso que ele faça da vida dele, cria as coisas, brinca um pouco e larga pra lá igual criança. Portanto ele não atende pedidos, não opera milagres e nem se preocupa em te lançar no fogo do inferno. Só assim ele pode:
    (x ) dar igualdade e liberdade de ação para todos, sem interferir

  103. Criaturo – você esta defendendo a intervenção de Deus para com Elias, ate dizendo que foi so um intervençãozinha, nada demais.
    Ahhhhhhhhhhhhhhh!!!!!!!! mas ele interviu cassete!
    depois você vem com essa:
    (x ) dar igualdade e liberdade de ação para todos, sem interferir
    Como ??? se deus toma partido de uns e não de outros??? ficou claro agora a minha colocação??
    Realmente Criaturo a tarefa de crentes e afins de defender Deus é coisa impossível e ate me dá pena. Voces são inteligentes, mas o desequilíbrio mental racional que vocês tem de fazer é de suar a camisa de força. do religioso e daquele que apenas quer defender o indefensável. Pula pra lá, pula pra cá, mas cai no buraco. e você ainda disse acima que se tirar a bíblia dos ateus, não teremos argumentos. o que posso dizer? esse monte de falácias escritas é sim a nossa melhor prova, se Deus fosse julgado num tribunal HUMANO esse livro seria a prova cabal da sua condenação. Apenas ler literalmente como faríamos na vida real e julgar culpado, mas não, com Deus é diferente; ha mil e uma desculpas improvisadas, forjadas e reinterpretadas com muita maquiagem para esconder os fatos óbvios.
    E se tirarmos a bíblia, sobra o que então???
    Ah já sei o belo ALCORAO!

    Pra onde você pular vai ter abismo no seu caminho.
    Ate os escritos do Kardec foram baseados na bíblia. No próprio Evangelho Segundo o Espiritismo, é reinterpretado a maneira e visão espirita – (de acordo com os espíritos) que transmitiram a mensagem para uns médiuns, para depois esses passarem a Kardec. Vocês sabiam dessa??????????? Kardec não via e não recebia espíritos, ele não era médium!!!!!!!!!!!
    Ele reescrevia e editava o que os espíritos passavam através de vários médiuns!!! Era tanta informação e com certeza tao desordenadas e bagunçadas que ele levou anos de sua vida para organizar e construir suas obras.
    Entao espertamente voce quer excluir a bíblia das argumentações, que mais você quer deixar de lado??? talvez DEus????
    Realmente a bíblia fode os seus defensores, fazer o q? Tenta sem ela como faz o cristão Wiliam Lane Craig, so que tem que ser muito cara de pau usar a ciência que é inimiga da fé nesses argumentos.

    Se eu fosse debater com Craig diria logo: meu filho, você é criacionista , não é?, então coloca-se no seu lugar, vá defender a bilblia e que o mundo tem apenas 10 mil anos, depois a gente discute!
    TE pergunto: sem a bíblia o criacionista é o que??? Nada! Não pode ser nada porque tudo o que ele acredita e deve saber esta la! Na Biblia é explicado sobre a criação e ponto final. mas se quer tentar descobrir a verdade vai estudar ciência, e não usa-la para defender a bíblia! que é dogmática onde a ciência é experimental.

  104. Criaturo

    Antes de mais nada, coloquemos os pingos nos ii, Não me aferro à bíblia para poder sustentar meu ateísmo ou para poder dispor de contra argumentos; de há muito ultrapassei essa fase.
    Contudo, é importante, se alguém se dispõe a contestar algo, ter um mínimo de conhecimento sobre aquilo que contesta. Você recriou esse trecho do AT e fez uma colagem com o outro do NT sem saber do que está falando. Os corvos alimentam Elias antes desse episódio, por exemplo.
    O que aconteceu nesse caso específico é que, independente de ser ateia, tenho algum apreço pela verdade, ou se quiser, pelo realismo das coisas que estão postas.
    Ver você ajeitando a narração sobre Elias para caber na sua versão particular de crença me provocou certo fascínio.
    Qualquer padre, pastor, testemunha de Jeová com quem você se disponha a conversar te dirá que o profeta era um ungido de Deus e todas suas ações se destinavam a evidenciar o poder de Deus.
    Note que quando falei acima em realismo das coisas postas, é isso que estou especificando, não estou dizendo que a coisa é verdadeira para mim.
    Meu ponto aqui, como em tudo que diga respeito a crenças, religiões e afins é a forma como as pessoas se dispõem a distorcer tudo para poder viver. Mais ou menos como se todos de repente passassem a afirmar que o mundo físico tem as propriedades das pinturas surrealistas de Salvador Dali, e quem dissesse o contrário estaria errado.
    Entenda de uma vez por todas, Criaturo, eu não elejo nada nem ninguém como deus; não transformo os dados constantes da existência em alegorias, para poder viver.
    Não existe, para mim, importância fundamental em saber como vim parar aqui, metafisicamente falando; me satisfaz, para viver, saber o básico, o trivial, você sabe, papai conheceu mamãe e etc.
    Muito menos me preocupa o depois. Convivo bem com a mera simplicidade da minha breve existência e melhor ainda com a inexistência.
    Agora me diga você, porque é tão importante ficar tecendo planos para uma existência depois que seu corpo e seu cérebro estiverem mortos, apodrecidos e depois finalmente seus átomos estiverem dispersos no meio?

  105. greg

    mas se você acredita em justiça? qualquer conto de fadas é bem vindo para você.

    R: de fato igualde não existe dentro da criação, somos tdos unicos assim como nossos sentimentos.

    existe alguma coisa na religião que não seja interferência divina?

    R: não confunda religião com a razão Deus, alem do mais estou afirmando que Deus não interfere nas ações das suas criaturas.

    Realmente Criaturo a tarefa de crentes e afins de defender Deus é coisa impossível e ate me dá pena.

    R: cuidado para não sair voando…he..he..he…he, mas longe de mim a pretensão de querer defender Deus, não temos essa necessidade, apenas defendo o entendimento que eu tenho da razão da vida, se meus argumentos não são validos sou todo ouvidos para refutações inteligentes.

    Se Deus tem um plano???!!!
    Como pode um plano sem intervenção?

    R; afinal de contas o crente religioso aqui sou eu ou voce ? pois voce fala como se fosse um religioso.
    Quem necessita de planos somos nós o pensamento de Deus ja é a nossa realidade conhecida, quando Deus pensou na criação ela passou a ser a realidade, não ha necessidade de Deus interferir no processo da sua criação pois deu a vida autonomia para manter-se pela eternidade, não importa o que o ser humano faça,dentro de infinitos processos de transformações e experiências que ele passe, uns dos seus limites sera sempre a vida ,ou seja ele não conseguirá nunca anular a vida ja que esta é o próprio pensamento divino.

    No próprio caso acima sobre Elias, Deus não interviu? so aquele raio ou magica que aconteceu com a fogueira, não é intervenção?

    R: intervenção sim, todo raio é um fenômeno natural permitido por Deus,mas isto não representa que seja um ato direto de Deus, antes de terceiros.

    Não força a barra. Nas religiões Deus intervem sim. então deus age e se age ele esta fazendo merda e sendo omisso e outras trocentas coisas ruins.

    R: Deus criou as merdas e permitem que elas se manifestem e da a elas liberdades para existirem e agirem, como ja disse a existência firmou-se na diferenciação de Deus e a sua criação, se Deus obriga-se a suas criaturas agirem conforme a sua unica vontade elas perderiam suas identidade e “voltariam” a formar um unico Deus em ação e pensamento., ou seja isto para nós representaria a anulação da vida ou morte.
    Se Deus criou a vida e deu a ela autonomia eterna, permite que os mais velhos tomem conta dos mais novos trabalhem e aprendam mutuamente uns pelos outros, onde esta a injustiça ou omissão nisto ?

    mas o desequilíbrio mental racional que vocês tem de fazer é de suar a camisa de força. do religioso e daquele que apenas quer defender o indefensável.

    R: isto seria burrice, então vamos la, mande ai o seus argumentos indefensável para ver no que da ?

    e você ainda disse acima que se tirar a bíblia dos ateus, não teremos argumentos. o que posso dizer? esse monte de falácias escritas é sim a nossa melhor prova, Entao espertamente voce quer excluir a bíblia das argumentações, que mais você quer deixar de lado??? talvez DEus????

    R: he….he…he…he…he…..para com isso! A biblia não pode provar nada e voce ja demostrou ter capacidade para argumentar mais racionalmente do que emocionalmente,mas se for verdade que a biblia é a sua melhor prova então abra uma igreja “ateia dos poucos argumentos do ultimos dias”…he…he…he…he…he
    Seria interessante ver ateus defendendo o breve final da existência,ou que a razão deixara de existir quando entrarem no mundo do nada.
    que somos gerado por um peido do deus acaso e por acaso tudo foi parar no seu devido lugar.

    Deus criou tudo e foi embora, sei lá, foi criar outro universo, talvez seja isso que ele faça da vida dele, cria as coisas, brinca um pouco e larga pra lá igual criança.

    R: na verdade Deus não é um criador omisso, por isso ele da a vida as crianças e tambem outras mais maduras com capacidade para tomarem conta dela, no final pais e filhos aprendem juntos, veja: Deus cria bilhões de vidas humanas da ela condições e liberdade para interagirem cuidando uma das outras, se ja existem bilhões de vidas cuidando uma das outras qual a necessidade de Deus ficar tomando conta de alguma vida ?
    Mas a questão é : Quando que estas crianças crescerão para entenderem que Deus mantem suas vidas ?

    E se tirarmos a bíblia, sobra o que então???
    Ah já sei o belo ALCORAO!

    R:a vida , os nossos sentimentos, nossas intuições, nossas observações, nossas experiências ,aprendizados..

    ?? Kardec não via e não recebia espíritos, ele não era médium!!!!!!!!!!!
    Ele reescrevia e editava o que os espíritos passavam através de vários médiuns!!!

    R: sim e não raro ele discorda das respostas dadas pelos espíritos e voce sabia que antes ele foi mason ?

    so que tem que ser muito cara de pau usar a ciência que é inimiga da fé nesses argumentos.

    R: negativo! a ciência complementa a filosofia,mas onde a ciência para a filosofia ainda pode percorrer por infinitos caminhos .

    Se eu fosse debater com Craig diria logo: meu filho, você é criacionista , não é?, então coloca-se no seu lugar, vá defender a bilblia e que o mundo tem apenas 10 mil anos, depois a gente discute!

    R: Se eu fosse debater com o ateu Richard Dawkins diria, como filosofo voce é um ótimo comediante então continue sendo apenas um bom cientista.

    TE pergunto: sem a bíblia o criacionista é o que??? Nada! Não pode ser nada porque tudo o que ele acredita e deve saber esta la! Na Biblia é explicado sobre a criação e ponto final.

    R: sem a bíblia o ATEU é o que??? Nada! Não pode ser nada porque tudo o que ele NÃO acredita e deve saber esta la! Na Biblia

    Engana-se a mesma intuição que da ao homem a ciência do mundo fisico é a mesma que pode dar a ele a tambem a ciência do mundo espiritual.

    Quanto ao criacionismo eu defendo a : Teoria da Criação do ser “eu”.

  106. SS
    Meu ponto aqui, como em tudo que diga respeito a crenças, religiões e afins é a forma como as pessoas se dispõem a distorcer tudo para poder viver.

    Como ja disse o partidarismo radical não é bom conselheiro, por isso disse que costumo aproveitar a parte que ainda esta boa na fruta,mas ateus não, antes saem pregando que toda fruta esta podre , se acham que não necessitam da parte boa da fruta então não deveriam sair pregando que a fruta toda não presta.
    Mas se tambem necessitam da parte boa não comem e não deixam os outros comerem.
    Voces distorcem , desvirtuam a parte boa dos ensinamento biblicos pensando que assim terão maior razão na suas crenças materialistas..

    Muito menos me preocupa o depois. Convivo bem com a mera simplicidade da minha breve existência e melhor ainda com a inexistência.

    R: voce deseja que a sua vida seja eterna?

    Agora me diga você, porque é tão importante ficar tecendo planos para uma existência depois que seu corpo e seu cérebro estiverem mortos, apodrecidos e depois finalmente seus átomos estiverem dispersos no meio?

    R: eu amo a vida e todos os seres vivos, possuo um espirito otimista e inquisitor da própria origem do ser “eu”,

    viver acreditando no fim da razão ja é viver sem razão.

  107. Greg

    (x ) dar igualdade e liberdade de ação para todos, sem interferir
    Como ??? se deus toma partido de uns e não de outros??? ficou claro agora a minha colocação??

    R: não é Deus que interfere somos nós e a espiritualidade , se preferir os mortos continuam tomando conta da vida dos vivos e com tanta gente tomando conta da vida uns dos outros, Deus não vê necessidade em ter essa função como eu disse ele criou uma vida eterna auto sustentável.

    se Deus fosse julgado num tribunal HUMANO esse livro seria a prova cabal da sua condenação. Apenas ler literalmente como faríamos na vida real e julgar culpado

    R: se fossemos julgar a Deus com conhecimento de causa chegaríamos a conclusão que somos responsáveis pelos nossos atos, que Deus criou a vida da melhor maneira possível e que ser ateu de si mesmo é uma ironia da nossa ignorância.

    TE pergunto: sem a bíblia o criacionista é o que???

    R: por que a evolução das espécies não pode fazer parte da criação divina ?

  108. Criaturo

    Sobre a coisa da metáfora da bíblia como fruta, ela é mesmo toda podre, de fio a pavio se quem a consome a aceita como produto de inspiração divina. Mas, ainda assim alguém que a consuma por inteiro estará sendo mais honesto e íntegro que aquele que escolha algumas partes mais convenientes, jogando o resto fora. Ou se crê no Deus judaico-cristão ou não. Porque você não assume logo que criou outro deus para si, pois não suporta os que estão disponíveis?
    Pela sua descrição, diga-se de passagem, seu deus é perfeitamente inútil, então para quê você quer ele?
    Você escreveu esse versinho tão bonitinho – “viver acreditando no fim da razão já é viver sem razão” – a propósito de que?
    Espero que você não esteja propondo que a tal da razão é acreditar que:

    os mortos continuam tomando conta da vida dos vivos e com tanta gente tomando conta da vida uns dos outros, Deus não vê necessidade em ter essa função como eu disse ele criou uma vida eterna auto sustentável.”…???

  109. SS
    Mas, ainda assim alguém que a consuma por inteiro estará sendo mais honesto e íntegro que aquele que escolha algumas partes mais convenientes, jogando o resto fora.

    R: apelou feio! Esta insinuando que sou um “desintegrado” desonesto? he…he..he..he..he…he …ô minha filha! voce quando faz feira compra tudo na bacia, não sabe escolher , depois sai espalhando que as frutas estão todas estragadas.
    Bom senso agora é desonestidade ?
    Isto só comprova o que eu ja disse partidarismo radical cega, levantando a bandeira da razão própria e vamos a luta, porque ja decidimos que a divergência esta totalmente errada.

    Ou se crê no Deus judaico-cristão ou não.

    R: Essa regra ja esta determinada pelo radicalismo ateu ? Ou se é Corinthians ou flamengo ? judaico Cristão ou ateu ?
    Mas que falta de recursos , não ? voces ateus gostam de chutar cachorro morto, por isso se apegam tanto as contradições biblicas acreditando que elas possam aumentar suas razões materialistas.

    Porque você não assume logo que criou outro deus para si, pois não suporta os que estão disponíveis?

    R: observe que o conhecimento seja ele físico ou espiritual é o resultado da somatória de varia experiência, então por que não deveria eu aproveitar o melhor da experiências alheias acrescentando as minhas, formando assim uma opinião própria,voce escolheu o caminho simplório do materialismo, próprio das pessoas dominadoras.

    Pela sua descrição, diga-se de passagem, seu deus é perfeitamente inútil, então para quê você quer ele?

    R: mais respeito com o seu criador sua ateia “desalmada”…he..he..he..he…he..he
    Ele criou a vida e a tornou auto sustentável,toda via a vida é ele e sem ele seria a falta de razão que voce acredita existir.

    Você escreveu esse versinho tão bonitinho – “viver acreditando no fim da razão já é viver sem razão” – a propósito de que?

    R: a propósito do Tudo contra o seu nada, não importa o que voce acredita ,pense ou faça,, pois acreditando no breve final para a existência seu materialismo perde o sentido da vida, pois se o resultado final da vida é a mais completa perda da razão , não importa os meios, nem os caminhos que te levaram a perda da razão.

    Espero que você não esteja propondo que a tal da razão é acreditar que:

    os mortos continuam tomando conta da vida dos vivos e com tanta gente tomando conta da vida uns dos outros, Deus não vê necessidade em ter essa função como eu disse ele criou uma vida eterna auto sustentável.”…???

    R: isto não é uma sugestão e sim um fato comprovado a partir da sua entrada no mundo físico seus pais ja estavam la tomando conta da vida e voce ainda tem coragem de insinuar que Deus seja omisso.

    sds

  110. Oi?
    Criaturo, sabe o que é, para que se nasça é necessário ter pais vivos; pelo menos os meus estavam quando eu nasci.
    Como será o processo de um defunto engravidando e tendo filhos…?
    Acho que vou ter pesadelos…

  111. SS
    bom dia!
    beijo na boca é coisa do passado! a moda agora é barriga de aluguel e inseminação em vitro.
    Mas ainda, eu prefiro o velho… chuck…chuck.!…he…he..he..he..he

  112. è cRIATURO ; Outro texto otimo do Barros que cai como uma luva ´pra voce é:
    Interpretaivós conforme vossa conveniencia!!!
    O argumento da fruta podre nao serve , afinal se a biblia é uma obra de arte inspirada por Deus, nao pode haver coisas podres e fatos que foram distorcidos pelos homens – a mensagem tida como a mais importante da humanidade deveria ser invulnerável , clara, objetiva e LITERAL – nao supostamente alegorica.
    E SEJA SINCERO COM VOCE MESMO = vc sabe que os ateus nao idolatram deuses, nao vem com essa de DEUS NADA e o seu DEus tudo. Igreja ateia nunca vai existir se nao for por motivo de piada porq :
    1 – nao queremos ganhar dinheiro e enrolar outras pessoas com isso
    2 – simplesmente queremos a verdade e que as pessoas realmente viva a verdade, só assim a vida neste planeta pode melhorar consideravelmente.
    A Teoria da Evoluçao é tao perfeeita ate entao, que a ICAR e outros aceitam e afirmam que é de DEus, nao tiveram como mais negar o obvio, é como negar que a teerra é redonda. Quando os argumentos dos criancionistas é insustentavel e começa a ser ensinado ate nas escolas, os que brincam de DEus se rendem a eles.

    Tenho certeza que voce acredita em tudo o que o Dawkins diz e na lei da evoluçao e nos trabalhos de Darwin, apenas discorda deles sobre Deus e quer manter o seu ponto de vista ate o fim, tendo que se aliar a ciencia e dizer que essa é obra de DEUS, quando de fato nao é, porque se fosse a teoria da evoluçao nao encaixaria. Quem força a barra do entendimento logico sao as pessoas de fe que quando sao um pouco mais esclarecidas como voce inventam um deus proprio e tentam misturar coisa seria (ciencia) como surperstição.
    VEja um pouco sobre James Randi no yuou tube, vc vai ver o que é ser serio contra charlatanismo e crendices doidas.

    tambem fui assim, sofria desse mal como vc , quando a gente é um pouco mais inteligente e esclarecido a gente passa por este momento de criar deuses e crendices a nossa conveniencia. NAO ACEITAMOS as leis da naturexa que deus criou supostamente & entao inventamos outras (EX: justiça divina, reencarnação, poderes sobrenaturais, videncia etc, etc, etc.). voce tem cura, basta acreditar em tudo o que voce ja acredita e na ciencia e nas coisas que ele pode fazer, é so tirar Um DETAlhe da sua mente que pede a toda hora pelo placebo: DEUS!

  113. gregs

    vc sabe que os ateus nao idolatram deuses, nao vem com essa de DEUS NADA e o seu DEus tudo. Igreja ateia nunca vai existir se nao for por motivo de piada porq :

    R: ateus idolatram a si mesmos assim como a materia

    2 – simplesmente queremos a verdade e que as pessoas realmente viva a verdade, só assim a vida neste planeta pode melhorar consideravelmente.

    R: ateus se elegeram “Soldados defensores das suas própria verdades” e quais seriam essas suas verdades salvadoras da humanidade ? Este seu papo continua com ar de religião.

    A Teoria da Evoluçao é tao perfeeita ate entao, que a ICAR e outros aceitam e afirmam que é de DEus, nao tiveram como mais negar o obvio, é como negar que a teerra é redonda. Tenho certeza que voce acredita em tudo o que o Dawkins diz e na lei da evoluçao e nos trabalhos de Darwin, apenas discorda deles sobre Deus e quer manter o seu ponto de vista ate o fim, tendo que se aliar a ciencia e dizer que essa é obra de DEUS, quando de fato nao é, porque se fosse a teoria da evoluçao nao encaixaria.

    R:

    O que impede a Evolução das Espécies fazer parte do sistema inteligente de uma criação divina ?

    Quando os argumentos dos criancionistas é insustentavel

    R: a quais se refere ?

    Quem força a barra do entendimento logico sao as pessoas de fe que quando sao um pouco mais esclarecidas como voce inventam um deus proprio e tentam misturar coisa seria (ciencia) como surperstição.

    R:Fé significa acreditar, como eu poderia possuir uma lógica sem acreditar nela, Ciência significa conhecimento adquirido, porque deveria eu desprezar minhas observações e experiências pessoais, o pior cego é aquele que finge não ver, por que desprezaria a minha própria ciência passando a viver apenas do conhecimento dos “outros” ?
    Como diz a musica “inteligencia ficou cega de tanta informação”, se um representante oficial da ciência médica resolve receitar veneno , seriam muitos os crentes dela , que morreriam por confiarem na ciência dos outros cegamente, apesar do exemplo dado ser extremo, na pratica nos tornamos escravos cegos do conhecimento dos outros, assim que muitos utilizam a sua ciência para manipularem ignorantes como nós, infelizmente existem muitos os medicamentos, procedimentos e até cirurgias totalmente desnecessárias apenas visando o lucro de alguns médicos e laboratórios.

    Tenho certeza que voce acredita em tudo o que o Dawkins diz e na lei da evoluçao e nos trabalhos de Darwin, apenas discorda deles sobre Deus e quer manter o seu ponto de vista ate o fim,

    R: Naõ tenho certeza mas me parece que no “gene egoísta” Dawkins afirma que o acaso e leis fisicas cegas e burras tiveram a capacidade de criar seres inteligentes e complexos, apesar disto me ter rendido muitas piadas por apresentar uma certa contradição, na minha “Teoria da criação do ser “eu”, tambem afirmo que no inicio a vida era apenas mecânica composta por ações aleatórias não intencionais.

    tambem fui assim, sofria desse mal como vc , quando a gente é um pouco mais inteligente e esclarecido a gente passa por este momento de criar deuses e crendices a nossa conveniencia.

    R: ai virou ateu e parou de criar só para não se comprometer,mas é fato “criatividade ” não é mesmo o forte dos ateus, eternidade da vida nos proporciona infinitas oportunidades e experiências que vão transformando e moldando o nosso ser “eu”, crentes viram ateus e ateus viram crentes, todas essas fazes são necessárias para completarem um ser maduro.
    Mas a moral da gênesis de Moises nos ensina que o homem ao adquirir um maior conhecimento torna-se arrogante afasta-se de
    Deus e por consequência também do seu paraíso, conhecimento significa poder, se todo conhecimento pertence ao homem, então ele começa a pensar que é o deus da terra, da materia.
    Ser ateu é querer ser livre, insubordinado, autônomo mas estamos presos a inevitável morte que faz parte de leis físicas e divinas, então isto não passa da vaidade na pretensão humana.

    voce tem cura, basta acreditar em tudo o que voce ja acredita e na ciencia e nas coisas que ele pode fazer, é so tirar Um DETAlhe da sua mente que pede a toda hora pelo placebo: DEUS!

    R: Va dizer isso a ex drogados, ex homicidas,ex profissionais do sexo , ex ladrões e tambem (ex politicos….he..he..he) que se converteram apenas por acreditarem no que voce considera sendo apenas um placebo .

    óóóhhh! Voce acabou de me salvar das minhas ilusões, da minhas carências afetivas, das minhas esquizofrenias de agora em diante serei um ateu conhecedor da verdade , sentarei e ficarei a espera não mais de um milagre da continuação da vida mas pelo breve final da minha existencia e de todos e de tudo o que eu amo, na total inconsciência do ser e na mais absoluta falta de razão humana…….he…he….he…he….he….eh…..he…fala sério!

    sds

  114. “bom dia!
    beijo na boca é coisa do passado! a moda agora é barriga de aluguel e inseminação em vitro.
    Mas ainda, eu prefiro o velho… chuck…chuck.!…he…he..he..he..he”

    E aqui termina a capacidade argumentativa de Criaturo.

  115. Criaturo

    tambem afirmo que no inicio a vida era apenas mecânica composta por ações aleatórias não intencionais

    R- voce esta a um passo de ser ateu. esta quase lá.

  116. ss

    Oi?
    Criaturo, sabe o que é, para que se nasça é necessário ter pais vivos; pelo menos os meus estavam quando eu nasci.
    “bom dia!

    R: beijo na boca é coisa do passado! a moda agora é barriga de aluguel e inseminação em vitro.
    Mas ainda, eu prefiro o velho… chuck…chuck.!…he…he..he..he..he”

    E aqui termina a capacidade argumentativa de Criaturo.

    R: só contra argumentei que atualmente não é necessário estar vivo para dar a luz,nem para fecundação,
    Quanto a capacidade argumentativa ateus limitam-se a própria inexistência, ou então seu maior argumento resume-se a criticar a biblia. .

  117. Gregs

    voce esta a um passo de ser ateu. esta quase lá.

    R: Tá maluco ! Véio ?
    o mais provável é você voltar a ser espirita.

  118. ” só contra argumentei que atualmente não é necessário estar vivo para dar a luz,nem para fecundação,”

    Isso não é contra-argumento nem aqui nem na China, já que você está utilizando situações de exceção como se pertencessem ao universo do cotidiano.

    “Quanto a capacidade argumentativa ateus limitam-se a própria inexistência, ou então seu maior argumento resume-se a criticar a biblia.”

    Diga-me, Criaturo,em que sentido você usa a palavra ‘inexistência’? Dado que estou me comunicando com você, eu existo, certo?
    Meu maior argumento nem de longe se resume a criticar a bíblia. Há alguma confusão aqui. Você me atribui uma condição que é exclusiva sua e dos crentes. Criticar a bíblia pressupõe que eu teria algum respeito por ela, ou desse à mesma qualquer crivo de veracidade, o que não é o caso. Eu simplesmente a desqualifico naquilo que é supostamente seu maior predicado, ser a “palavra de Deus”.
    Não é, pela óbvia razão que não existe Deus. É, apenas e tão somente, a versão escrita do entendimento de mundo de uma sociedade de pastores que viveu milênios atrás.
    O que eu critico são as pessoas que não satisfeitas em acreditar nos mitos baseados na ignorância dessa sociedade de pastores, tenha a ousadia de me criticar por não aceitar a veracidade desses mitos.
    E ainda devo ser grata por não viver numa sociedade em que vigora mitologia análoga; vi ainda hoje que uma moça tunisiana, protestando contra o fato bizarro de não ser dona do próprio corpo, publicou uma foto sua com os seios de fora; um clérigo importante lá da Tunísia lançou uma fatwa contra ela, sob a forma de lapidação, que é um nome até bonitinho para ser apedrejada até a morte.
    É contra esse tipo de barbárie, sustentada pela tal “palavra de Deus”, que se baseiam meus argumentos, Criaturo.
    Não é o boato, Criaturo. É o fato.
    Por boato, entenda bíblia. Por fato, entenda o que se faz em nome dela. Ou do Corão, que dá no mesmo, para efeitos práticos.

  119. ta dificil shirley O Criaturo entender
    quem sabe um dia?
    quando o crente nao tem mais argumentos sempre vem essa de Deus acaso e de Deus inexistencia.

  120. ss
    Diga-me, Criaturo,em que sentido você usa a palavra ‘inexistência’? Dado que estou me comunicando com você, eu existo, certo?

    R: o presente é conhecido e vivenciado, o futuro embora projetado conforme o presente é incerto.
    a fé do crente lhe diz que deve esperar pelo melhor ou seja a continuação da sua vida.
    A fé do ateu lhe diz que o pior lhe acontecerá ou seja deixará de existir, ou seja é o puro pessimismo.

    Eu simplesmente a desqualifico naquilo que é supostamente seu maior predicado, ser a “palavra de Deus”.

    R: qualquer ser humano ao pronunciar uma verdade referente as leis da criação divina, independente de como seja conceituada ou entendida é verdadeira.

    Não é, pela óbvia razão que não existe Deus.

    R: ja que a inexistência divina para você já é considerada algo obvio, não seja assim uma ateia tão tímida, post aqui todos os seus argumentos para que todos possam ver o nível da sua razão,mas se tiver alguma prova cientifica que comprove a sua “teoria da inexistência divina”,só assim conseguirá acabar de vez com esta discussão entre teístas e ateístas.
    Caso não consiga provar nem se quer argumentar com alguma racionalidade em um nível aceitável de coerência, então continue sendo uma ateia “padrão” ou seja limitada apenas a criticas religiosas que não passam de argumentos emocionais dentro de um partidarismo radical pré concebido dentro da causa materialista.

    O que eu critico são as pessoas que não satisfeitas em acreditar nos mitos baseados na ignorância dessa sociedade de pastores, tenha a ousadia de me criticar por não aceitar a veracidade desses mitos.

    R: Veja que os ensinamentos biblicos não podem ser resumidos a ignorância de pastores, por exemplo é sabido que moisés um lider religioso foi criado sob uma cultura egipciana, a qual era detentora de um grande conhecimento cientifico, dos quais sua arquiteturas nas pirâmides ainda são ignoradas pela atual ciência humana que não consegue explicar como eles conseguiram realizar tais proezas da engenharia civil.
    Melhor ainda dizendo,mais importante do que a antiga ciência dos povos biblicos causando uma perplexidade no entendimento da ciência atual, podemos citar a superioridade moral dos ensinamentos cristãos que após mais de 2000 anos que se fossem aplicados nos dias atuais,certamente haveriam de criar uma sociedade muito mais justa ,solidaria mais próxima do que podemos chamar de humana.

    é um nome até bonitinho para ser apedrejada até a morte.
    É contra esse tipo de barbárie, sustentada pela tal “palavra de Deus”, que se baseiam meus argumentos, Criaturo.

    R: isto só comprova o que eu ja disse: argumentos ateus limitam-se a criticar as contradições bíblicas, até concordo que tais contradições devam mesmo ser repudiadas como sendo uma vontade divina, antes deveriam ser creditadas a ignorância e as politicas religiosas apoiando ao egoismo humano.

    Por boato, entenda bíblia.

    R: voce possui provas incontestáveis capaz de provar o que voce esta afirmando ?
    ou apena “adotou” idéias e achismos de outras pessoas ?

    sds

  121. gregs

    ta dificil shirley O Criaturo entender
    quem sabe um dia?
    quando o crente nao tem mais argumentos sempre vem essa de Deus acaso e de Deus inexistencia.

    R: voces ateus tradicionais limitam-se a argumentos emocionais criticando a biblia e eu que não possuo argumentos ?

    Ja desafiei voces a argumentarem porque creem que Deus não exista ou no seu caso baseado no que deixou de acreditar,mas até agora só mimimimimi e nada de argumentos coerentes.

    sds

  122. Criaturo

    Há só um significado para a palavra ‘inexistência’, que é não existir; sua pretensa explicação é só enrolação com ares filosóficos.

    ” qualquer ser humano ao pronunciar uma verdade referente as leis da criação divina, independente de como seja conceituada ou entendida é verdadeira.”

    Verdade referente às leis da criação?????Onde??????????

    ” ja que a inexistência divina para você já é considerada algo obvio, não seja assim uma ateia tão tímida, post aqui todos os seus argumentos para que todos possam ver o nível da sua razão…”

    Já escrevi aqui antes, mas vejo que é necessário repetir.
    O meu maior e melhor argumento quando afirmo que não existe esse ou qualquer outro deus é o acachapante nada.


    é sabido que moisés um lider religioso foi criado sob uma cultura egipciana,..”

    Oh sim, agora você está reduzindo gerações e gerações de uma sociedade a um único homem, Moisés.
    Conveniente para você, mas quando me referi aos criadores do mito judaico-cristão tinha em mente o conhecimento básico de que toda essa mitologia foi desenvolvida ao longo de gerações, apropriando-se de muitos elementos de outras culturas pregressas e contemporâneas.
    Sobre não termos conhecimento de como as pirâmides foram construídas, fale só por você. Aliás, se me permite, vá estudar alguma coisa, apenas nesse trecho citando Moisés e egípcios você demonstra que sabe muito pouco a respeito.
    Em algum lugar por aqui você diz que ateus só sabem usar elementos emocionais para falar de crenças e afins.
    Em primeiro lugar, isso nem é verdade. A maioria dos argumentos ateus aqui são tentativas de levar essa discussão num nível racional, mas não funciona com vocês crentes.
    Afinal, vocês “sentem” que há um ser superior, criador de todas as coisas; “sentem” que essa vida agora apenas antecede a verdadeira existência, que, vocês “sentem”, virá depois que estiverem mortos.
    “Sentem” que esse ser superior está, de alguma forma, cuidando de sua criação; ah é, o seu deus particular faz o estilo “tô nem aí, já pus no mundo, se virem”, pelo menos é isso que você “sente”, não é?

    E vem me falar que eu é quem tenho que apresentar provas?!

  123. Greg
    O crente nunca tem argumentos; tem sentimentos e sensações…

  124. ss
    Verdade referente às leis da criação?????Onde??????????

    R: No NT Jesus ensinou algumas muito importantes.

    O meu maior e melhor argumento quando afirmo que não existe esse ou qualquer outro deus é o acachapante nada.

    R: acachapante ? Valei-me ! São Google,ah !agora sim !
    Sinto te informar mas o seu melhor argumento limita-se a um “incontestável nada”, voces ateus possuem uma natureza contraria a vida por isso desprezam o Todo Existente e aguardam pelo nada inexistente.
    Saiba que a própria existência da palavra nada, por si só ja a torna contraditória.

    Conveniente para você, mas quando me referi aos criadores do mito judaico-cristão tinha em mente o conhecimento básico de que toda essa mitologia foi desenvolvida ao longo de gerações, apropriando-se de muitos elementos de outras culturas pregressas e contemporâneas.

    R: Essa ideia não é própria antes um batido argumento ateu querendo insinuar que a bilbia seja apenas um plagio adaptado de outras culturas,mas difícil é provar quem é a história original, de qualquer forma quando povos de diferentes culturas começam a contar uma uma historia semelhante é porque alguma verdade nela podemos encontrar.

    vá estudar alguma coisa, apenas nesse trecho citando Moisés e egípcios você demonstra que sabe muito pouco a respeito.

    R: Magoei! Recomendo a voce o livro”Eram os Deuses astronautas”.

    Em primeiro lugar, isso nem é verdade. A maioria dos argumentos ateus aqui são tentativas de levar essa discussão num nível racional, mas não funciona com vocês crentes.

    R: Dentro de um universo de infinitas possibilidades a serem discutidas filosoficamente, suas razões limitam-se a apontar contradições biblicas, como se Deus pudesse ser contido em livros.

    Afinal, vocês “sentem” que há um ser superior, criador de todas as coisas; “sentem” que essa vida agora apenas antecede a verdadeira existência, que, vocês “sentem”, virá depois que estiverem mortos.

    R esta vida ja faz parte da verdadeira existência, ela ja é composta por paraísos e infernos conforme o estado em o nossos espíritos se encontram, porem as transformações serão sempre constantes e eternas.
    Quanto ao sentimentos, viver significa sentir, quem sente mais aprende a viver mais intensamente, se voces ateus acreditam que podem deixar de sentir a qualquer momento , então neste exato momento eu sinto muito.

    “Sentem” que esse ser superior está, de alguma forma, cuidando de sua criação; ah é, o seu deus particular faz o estilo “tô nem aí, já pus no mundo, se virem”, pelo menos é isso que você “sente”, não é?

    R: Só quem sente-se no poder absoluto pode delegar autoridade e responsabilidades despreocupadamente, sem a necessidade da sua imposição direta.
    Contudo a vida perde-se no tempo provando ser um projeto bem sucedido, graças a Deus!

    E vem me falar que eu é quem tenho que apresentar provas?!

    R: tomou do próprio veneno e não gostou ? Um dos argumentos mais tradicionais dos ateu é o velho ônus da prova, se você afirma tem obrigação de apresentar provas.

    sds

  125. O crente nunca tem argumentos; tem sentimentos e sensações…

    R: Exato! A vida resume-se a sentimentos, sensações e o prazer proporcionado por novas novas experiências.

  126. Seria o fim de 50% do ateísmo no horizonte da ciência…?

    http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2013/03/neurocirurgiao-volta-do-coma-e-se-convence-que-ha-vida-apos-morte.html

    A ciência ainda não tem respostas conclusivas sobre as experiências de quase morte.

    “A grande discussão que existe hoje é: a mente é um produto do cérebro, o cérebro produz a mente, ou a mente é algo além do cérebro, mas que se relaciona com o cérebro”.

    Eu particularmente penso que a mente transcende o cérebro…

  127. eu penso que ela ja existia antes do cérebro,mas como ainda não é possivel provas de amas as partes, cada um filosofa e teoriza de acordo com suas afinidades pessoais, assim ateus insinuam que as EQM são efeitos causados pelo cérebros, outros que naõ passam de efeitos das drogas utilizadas nos pacientes.
    resumindo função dos ceticos é destruir a fé dos crentes ,mas a verdade pode ser maquiada mas nunca destruida.

  128. Antônio, que cálculo você fez para chegar a esse número de 50%?

    E só lembrando que se chama de “Experiência de Quase Morte” justamente porque a pessoa não morreu. Essas “revelações” e “visões” de uma outra vida também são conhecidas pelo nome de sonhos…

  129. Criaturo,

    Concordo plenamente contigo. Eu já disse aqui nesse blog várias vezes que a consciência transcende a morte do cérebro. Por enquanto a ciência não tem como provar nossa suspeita, mas, isso será por pouco tempo, logo a imortalidade será vista no horizonte da ciência e metade da pretensão dos ateus cairá por terra…

  130. Barros,

    O Cálculo de 50% foi feito com base no fato do ateísmo se fundamentar apenas em duas afirmativas muito conhecidas:

    Primeira, Não existe Deus…
    Segunda, Não existe vida apos a morte…

    Se a ciência descobre que a consciência transcende a morte do cérebro, la se vão 50% de toda a argumentação atea… Concorda?

  131. Não, eu não concordo.

    Primeiro porque você — como todo crente — comete o erro infantil de achar que o “seu” Deus particular é o único passível de ser “desacreditado”, confortavelmente desconsiderando os milhares de deuses nos quais eu, como ateu, não acredito.

    Ao que parece, o crente quer nos enfiar goela abaixo sua equivocada visão de mundo a partir de uma consideração igualmente equivocada: ou “Deus” existe ou “Deus” não existe.

    E mais: o meu ateísmo se fundamenta única e exclusivamente no fato de eu perceber que tudo o que as pessoas religiosas me apresentam como “verdades” não passa de ilusões idiotas.

    Por exemplo: um neurocirurgião americano sonhou com o paraíso e divulgou seu sonho na tevê.

    Logo, o paraíso existe.

    E o pior é que eu nem consigo achar isso engraçado… apesar de ser uma piada.

  132. Que veneno Criaturo? Quem diz que existe alguma espécie de deus criador é você, não eu; quem diz que existem outros tipos de deuses são os crentes disso e daquilo. Nem você nem eles têm mais do que o desejo de que a deusaiada seja de verdade. Segue-se que eu, quando digo que não existem deuses, estou me baseando na evidência, que é NADA; logo…
    E olha que bobagem você escreve para tentar explicar esse rolo que você mesmo criou, quando tirou esse deus indiferente do bolso do colete: “só quem sente-se no poder absoluto…etc”.
    Como você ou qualquer um, diga-se de passagem, pode saber o que é sentir-se no “poder absoluto”?
    Acho que você está-se confundindo com esse deus seu, o que é até natural, ele saiu da sua cabeça…
    Ah sim, não banque o espertinho, tentando sair pela tangente.
    Ateus são obviamente como quaisquer outros e têm sentimentos sobre tudo todo o tempo. Mas para tentar entender o mundo em que vivemos, temos preferência pela racionalidade.
    Pra ser bem honesta, não sei a razão de as coisas serem como são e por coisas entenda-se desde a forma como o Universo tenha surgido, passando pelo surgimento de vida nesse planeta específico até chegar a nós e nossa autoconsciência.
    Não sei, mas não fico inventando propósitos e finalidades, nem sigo as de outrem; acho isso muito mais honesto.
    E não tenho pretensão de destruir a fé de crente nenhum, por mim podem todos que quiserem acreditar na coisa que lhes pareça mais útil ou confortável, desde que essa fé e seus subprodutos não venham a interferir na minha vida.
    O problema é todo esse.

  133. Barros,

    Você nunca concorda com o que digo por que é do contra já que a sua argumentação seguinte não explica sua discordância com a pergunta…

    Eu disse:

    …Se a ciência descobre que a consciência transcende a morte do cérebro, lá se vão 50% de toda a argumentação ateia… Concorda?…

    Você discordou, mas não apresentou nenhum argumento novo do ateísmo, além dos dois que eu citei. Logo minha afirmação continua sendo equivalente ao percentual citado. A menos que você apresente outro ponto que não equivalha aos dois que eu citei…

    Você disse mais:

    “E mais: o meu ateísmo se fundamenta única e exclusivamente no fato de eu perceber que tudo o que as pessoas religiosas me apresentam como “verdades” não passa de ilusões idiotas.”

    Quanto a essa firmação só posso te dizer que não resta dúvida
    quanto se trata de “verdade” religiosas…

    Agora dizer:

    ” Se a ciência descobre que a consciência transcende a morte do cérebro, lá se vão 50% de toda a argumentação ateia” Não tem nada de religião, já que se trata de uma probabilidade de caráter investigativo no âmbito da ciência. Portanto, se você, mesmo assim a incluiu, só me resta pensar que você deve ter uma baita “bola de Cristal” que lhe possibilita antecipar o curso natural da ciência e do conhecimento…

  134. Barros,

    Você nunca concorda com o que digo por que é do contra já que a sua argumentação seguinte não explica sua discordância com a pergunta…

    Eu disse:

    …Se a ciência descobre que a consciência transcende a morte do cérebro, lá se vão 50% de toda a argumentação ateia… Concorda?…

    Você discordou, mas não apresentou nenhum argumento novo do ateísmo, além dos dois que eu citei. Logo minha afirmação continua sendo equivalente ao percentual citado. A menos que você apresente outro ponto que não equivalha aos dois que eu citei…

    Você disse mais:

    “E mais: o meu ateísmo se fundamenta única e exclusivamente no fato de eu perceber que tudo o que as pessoas religiosas me apresentam como “verdades” não passa de ilusões idiotas.”

    Quanto a essa firmação só posso te dizer que não restam dúvidas quanto se trata de “verdades” religiosas…

    Agora dizer: ” Se a ciência descobre que a consciência transcende a morte do cérebro, lá se vão 50% de toda a argumentação ateia” não tem nada de religião, já que se trata de uma probabilidade de caráter investigativo no âmbito da ciência. Portanto, se você mesmo assim a incluiu, só me resta pensar que você deve ter uma baita “bola de Cristal” que lhe possibilita antecipar o curso natural da ciência e do conhecimento…

  135. Antonio

    Ateísmo se define pela não-aceitação da existência de divindades e esse é seu fundamento, o único.
    Como decorre das crenças em divindades que haverá uma “vida” após a morte, esse ‘fenômeno’ é automaticamente rejeitado pelos ateus, questão de simples coerência.
    Há ainda a maluquice sistematizada por Alan Kardec que diz que os mortos não morrem de fato, ficam voltando como um bumerangue e como ainda não se soube de nenhum caso assim, acontecido de verdade, isso também entra no rol do que é rejeitado, mas não sendo uma exclusividade ateia. A menos que você esteja dizendo que Alan Kardec é um deus também.
    Por fim, se a Ciência chegasse a provar que a consciência transcende a morte do cérebro, a Ciência teria provado que a consciência transcende a morte do cérebro e ateus continuariam sendo 100% ateus.

  136. ss

    Ateus são obviamente como quaisquer outros e têm sentimentos sobre tudo todo o tempo.

    R: não duvido disso, embora tenham uma predisposição ao pessimismo.

    . Mas para tentar entender o mundo em que vivemos, temos preferência pela racionalidade.

    R: Conforme seu pessimismo pensam que podem perder a razão a qualquer momento, então sua racionalidade torna-se irrelevante diante do inevitável resultado da sua perda absoluta da razão .

    Pra ser bem honesta, não sei a razão de as coisas serem como são e por coisas entenda-se desde a forma como o Universo tenha surgido, passando pelo surgimento de vida nesse planeta específico até chegar a nós e nossa autoconsciência.

    R:deveria continuar sendo honesta reconhecendo que não pode afirmar com certeza absoluta que todos em um breve tempo perderão suas razões entrando no mundo ateu da não existência.

    Não sei, mas não fico inventando propósitos e finalidades, nem sigo as de outrem; acho isso muito mais honesto.

    R: conhecer o propósito inteligente faz parte da razão humana,mas nega lo não.

    E não tenho pretensão de destruir a fé de crente nenhum,

    R: boa menina!

  137. Criaturo, Criaturo…
    fala sério, não acreditar em mitos criadores é sinônimo de ter tendência ao pessimismo e devido a essa tendência nós “pensamos” que podemos perder a razão a qualquer momento?
    Sabe, no fim das contas o que você está fazendo? O que todo crente de qualquer coisa faz, que é tentar desqualificar os ateus, colocando-nos na situação de menos que humanos. Ateus não têm senso de moral, são drogados, pervertidos, antiéticos, assassinos e agora também não conseguem manter o senso da razão e tudo isso por nos recusarmos a aceitar qualquer versão amalucada de unicórnios no fim do arco-íris.
    Sabe porque não tenho pretensão de destruir fé de crente nenhum? Porque apesar da consternação provocada por ver gente adulta acreditando em coisas nonsense, apesar de ser julgada por critérios tão imbecis e tão longe da realidade daquilo que sou, eu entendo que o crente é um tipo de pessoa que não consegue dar conta de viver a vida como ela é, de aproveitar todos os seus momentos, tanto bons quanto ruins sem uma muleta emocional.
    O problema nisso é que como são a maioria, obstam a vida de todos.
    Hoje cedo por exemplo, conversando sobre a calamitosa situação política e econômica do Brasil com algumas pessoas, foi sem qualquer surpresa que as ouvi rogando ao deus judaico-cristão para interceder e “iluminar” a mente dos nossos governantes, com a exceção de uma que para variar um pouquinho,espera que esse deus em particular ilumine a mente dos brasileiros para que todos façamos algo contra essa bandalheira.
    E assim vão os crentes, seres superiores, segurando na mão de deus.

  138. Você disse:

    …”Por fim, se a Ciência chegasse a provar que a consciência transcende a morte do cérebro, a Ciência teria provado que a consciência transcende a morte do cérebro e ateus continuariam sendo 100% ateus”.

    Você vai me desculpar, mas só porque a imortalidade começa a despontar, tenuemente, no horizonte da ciência, você já quer cortar a cabeça da “irmã siamesa” do “Deus não Existe”? Dizer, “Deus não existe” sempre esteve ligado umbilicalmente a “morreu acabou”, ou seja, o ser humano, segundo os ateus, nunca passou de poeira do universo, porque o Deus que estaria por trás da sua existência não existe. Agora vem você querendo desvincular uma coisa da outra?

    Negativo pra você. Você tem que começar a pensar como o ateísmo vai “pagar o Mico” dessa incredulidade que nada mais é, que uma “filha” da ignorância dos conhecimentos não desvelados ainda, pela ciência, de forma honrosa. Por exemplo, aceitar que após a referida, futura, confirmação da ciência, os ateus são apenas 50% ateus… Não tente mudar o discurso de forma escorregadia, minha cara antagonista Shirley…

  139. Shirley,

    Você disse:

    …”Por fim, se a Ciência chegasse a provar que a consciência transcende a morte do cérebro, a Ciência teria provado que a consciência transcende a morte do cérebro e ateus continuariam sendo 100% ateus”.

    Você vai me desculpar, mas só porque a imortalidade começa a despontar, tenuemente, no horizonte da ciência, você já quer cortar a cabeça da “irmã siamesa” do “Deus não Existe”? Dizer, “Deus não existe” sempre esteve ligado umbilicalmente a “morreu acabou”, ou seja, o ser humano, segundo os ateus, nunca passou de poeira do universo, porque o Deus que estaria por trás da sua existência não existe. Agora vem você querendo desvincular uma coisa da outra?

    Negativo pra você. Você tem que começar a pensar como o ateísmo vai “pagar o Mico” dessa incredulidade que nada mais é, que uma “filha” ignorância dos conhecimentos não desvelados ainda, pela ciência, de forma honrosa. Por exemplo, aceitar que após a referida, futura, confirmação da ciência, os ateus são apenas 50% ateus… Não tente mudar o discurso de forma escorregadia, minha cara antagonista Shirley…

  140. ss
    fala sério, não acreditar em mitos criadores é sinônimo de ter tendência ao pessimismo e devido a essa tendência nós “pensamos” que podemos perder a razão a qualquer momento?

    R: acreditam e afirmam que vão!

    Sabe, no fim das contas o que você está fazendo? O que todo crente de qualquer coisa faz, que é tentar desqualificar os ateus, colocando-nos na situação de menos que humanos.

    R: não tente se fazer de humilde difamando crentes, crenças influenciam ,mas não determinam a moral de cada um.

    Ateus não têm senso de moral, são drogados, pervertidos, antiéticos, assassinos

    R: nada a ver,mas que pessimismo heim ?

    e agora também não conseguem manter o senso da razão

    R: nisto por enquanto voce tem razão,mas afirma que ira perde-la em breve.

    e tudo isso por nos recusarmos a aceitar qualquer versão amalucada de unicórnios no fim do arco-íris.

    R: eu pensava que tinha um pote de ouro.

    Sabe porque não tenho pretensão de destruir fé de crente nenhum? Porque apesar da consternação provocada por ver gente adulta acreditando em coisas nonsense,

    R: Na verdade o seu orgulho se consterna ao perceber a existência de outros egos no mundo.
    o que ele entende por verdade é a verdade logo a verdade dos outros só podem ser nonsense.

    apesar de ser julgada por critérios tão imbecis e tão longe da realidade daquilo que sou,

    R: quais seriam estes critérios ?

    eu entendo que o crente é um tipo de pessoa que não consegue dar conta de viver a vida como ela é, de aproveitar todos os seus momentos, tanto bons quanto ruins sem uma muleta emocional.

    R: voce esta confundindo humano com maquina, a emoção esta para o humano assim como o ar esta para sua vida.

    com a exceção de uma que para variar um pouquinho,espera que esse deus em particular ilumine a mente dos brasileiros para que todos façamos algo contra essa bandalheira.

    R: eu também faço isto …he..he..he..he…he…pode me chamar de ovelha da casa do Pai, faço por acreditar que a morte seja a continuação da vida tanto la como cá precisamos nos ajudar mutuamente, alem do mais é muito comum a transmissão de pensamentos entre pessoas afins, não creio que a morte ponha fim nisto pelo contrario talvez fortifique ainda mais esta nossa habilidade ainda não cientifica.

    E assim vão os crentes, seres superiores, segurando na mão de deus.

    R: por falar em segurar na mão de Deus, esta frase significa ter fé, quando não possuímos o poder devemos confiar em quem tem.

    uma menina de 16 anos ao sair para brincar na casa da sua melhor amiga de 19 anos, disse a sua mãe: “Segura na mão de Deus e vai……”, após algumas horas levou um tiro da amiga e morreu.

  141. Antonio

    Necas de ‘irmã siamesa’. Existência pós-morte faz parte intrínseca das crenças, repito então que é mera questão de coerência rejeitar a coisa toda.
    E morreu-acabou é a coisa que faz mais sentido, diante dos fatos disponíveis.
    Essa imortalidade que começa a despontar tenuemente, você está falando daquele médico inglês, Sam Parnia?
    Porque se for, Antonio, tenho que te dizer que você e os tais médicos estão viajando na maionese. 4 em 63? Que nem mesmo estavam mortos de verdade tanto que se recuperaram?
    Fora a coisa clássica de luz brilhante e comunicação com gente morta?
    Se a pesquisa focasse nos níveis desconhecidos da atividade cerebral, mesmo quando se tem um quadro considerado de clinicamente morto, eu levaria muito a sério, mas isso daí…
    só dá para dar risada.
    Olha, agora cá entre nós, você deveria, ao invés de ficar procurando pelo em ovo, começar a pensar qual é a razão de estar tão insatisfeito com essa vida de agora, tanto que você passa o tempo todo esperando morrer para começar a viver.

  142. Criaturo

    Nós ateus sustentamos que após morrermos, permaneceremos naturalmente mortos. De alguma maneira você tirou a palavra ‘vida’ e substituiu pela palavra ‘razão’. A ser assim, nós (ateus) deveríamos dizer que no fim da vida, ao invés de morrermos, nos tornaríamos dementes, que é a interpretação usual para “perder a Razão”.
    Doidos e imortais, é isso então?
    Essa obsessão com imortalidade, viu? Vou te dar o mesmo conselho que pro Antonio:
    Tira um tempinho pra pensar na razão desse desgosto que você tem em estar vivendo essa vida de agora, sabe, ela tem muita coisa que vale a pena; acho que o seu deus não vai se zangar se você deixar para se preocupar com a outra vida só depois que você morrer.

  143. Eu nunca tinha analisado a coisa toda por esse ângulo: o crente tem quase uma “aversão” por essa vida… Daí ele ter esse desespero patológico de que haja “uma outra vida”, talvez onde alguém faça ele se sentir melhor, mais útil, mais vivo…

    Mais um motivo para eu não precisar de Deus…

    Obrigado, Shirley.

  144. Putz !! Barros e Shirley apesar de eu acreditar em um criador, voces estão coberto de razão, eu tb não tinha pensado nisso ainda !! a religião proibe tudo e tanto que acaba levando eles a maluquice; igual uma vizinha minha, vivia falando da volta de Jesus e qeu não via a hora de Jesus voltar, e eu olhava a vida dela era aquela vidinha de igreja; igreja e igreja; nunca diversão nunca sexo; nunca nada.
    Eu conheço não é uma nem duas não, mas varias que vivem a base de remédios mas qdo voce conversa com elas é uma convicção; que Deus isso que Deus aquilo (Da é dó)

  145. ss

    E morreu-acabou é a coisa que faz mais sentido,

    R: isto seria a perda total de todo o sentido

    quando se tem um quadro considerado de clinicamente morto, eu levaria muito a sério, mas isso daí…

    R: e os que receberam atestado de óbitos e depois ressuscitaram ?
    Existem vario s casos comprovados, vi um em que uma cachorrinha foi atropelada um guarda rodoviário tentando aliviar o sofrimento do animal deu um tiro nela, ela foi para geladeira quando quando ia ser feita uma autópsia ela abriu os olhos ? lembra do menino que levantou do caixão , este tambem ja tinha sido clinicamente considerado “morto”.

    Nós ateus sustentamos que após morrermos, permaneceremos naturalmente mortos.

    R: existe uma grande diferença em acreditar e desejar.

    A ser assim, nós (ateus) deveríamos dizer que no fim da vida, ao invés de morrermos, nos tornaríamos dementes, que é a interpretação usual para “perder a Razão”.
    Doidos e imortais, é isso então?

    R: tá maluca ? he..he..he..he..he

    Uma pedra é demente ? Não! ela é irracional.
    uma pessoa considerada demente seria menos racional ou ainda considerada fora dos padrões médios convencionados dentro da normalidade, assim podemos considerar todos os animais sendo mais ou menos racionais e alguns seres “vivos” dotados apenas de uma razão e vontade externa capacitando os a uma vida apenas mecânica desprovida da razão própria,diria que esse seria o principio do ser”eu” ensaiando sua busca pela razão humana, por ultimo temos os seres “inanimados” os únicos que podem ser considerados de fato irracionais,
    Assim vocês ateus pensam que brevemente perderão a capacidade de raciocinar e serão como uma pedra sem sentido algum.

    Tira um tempinho pra pensar na razão desse desgosto que você tem em estar vivendo essa vida de agora, sabe, ela tem muita coisa que vale a pena; acho que o seu deus não vai se zangar se você deixar para se preocupar com a outra vida só depois que você morrer.

    Barros, em 27/03/2013 às 20:27 disse:
    Eu nunca tinha analisado a coisa toda por esse ângulo: o crente tem quase uma “aversão” por essa vida… Daí ele ter esse desespero patológico de que haja “uma outra vida”, talvez onde alguém faça ele se sentir melhor, mais útil, mais vivo…
    Mais um motivo para eu não precisar de Deus…
    Obrigado, Shirley.

    R: um ateu vem e diz uma besteira, o outro vem e bate palmas e ainda agradece….he..he..he..he..he…quanta pieguice. heim ?

    começar a pensar qual é a razão de estar tão insatisfeito com essa vida de agora, tanto que você passa o tempo todo esperando morrer para começar a viver.

    este seu argumento é tão justo quanto insinuar que ateus procuram na morte uma fuga para suas vidas.
    o raciocínio é simples quem ama sua vida deseja continuar vivendo, quem não esta muito satisfeito com ela, tenta conformar-se acreditando que brevemente ficará livre desse “martírio ” imposto por um acaso, mas repare que o animal luta com todas as suas forças para continuar mantendo a razão enquanto os homens afirmam que eles não a possuem.
    Aqui existe dois extremos:
    1. apego demasiado a matéria como se fosse uma oportunidade unica de vida isto pode conduzir ao individualismo egoísta.
    2. apego demasiado a crença da eternidade, pode conduzir a um desinteresse em aproveitar as oportunidades de progredir individualmente.
    Resumindo entre a fé e a descrença cabe ai um meio termo entre esses dois extremos.

    “o homem não morre quando deixa de ter um corpo , ele morre quando desiste de querer viver.”

  146. Existem vario s casos comprovados, vi um em que uma cachorrinha foi atropelada um guarda rodoviário tentando aliviar o sofrimento do animal deu um tiro nela, ela foi para geladeira quando quando ia ser feita uma autópsia ela abriu os olhos ?

    A cachorrinha foi atropelada, levou um tiro, depois chegou o rabecão e levou ela pro IML, e quando o médico legista tava quase começando a autópsia — pra fazer constar a causa mortis no processo — a cachorrinha abriu os olhos e perguntou: “Onde estou, o que aconteceu?”. Legal essa.

  147. Shirley//Barros,

    Primeiro:

    Pra mim não são nem nunca foram, as chamadas EQMs, as principais evidências de que a consciência transcende a morte do cérebro ou que a vida continua apos a morte, ou se preferir, a principal evidência da imortalidade.

    Segundo:

    Comecei a desconfiar dessa possibilidade refletindo filosoficamente sobre o grau de coerência da realidade que se nos apresenta nesta vida frente a obstinada alegação ateia do “morreu acabou”. Isto, pra mim sempre foi um despropósito descabido que fere princípios universais como a coerência e a lógica; e, analisando a história e a antropologia da ciência nos últimos dois séculos e meio, em especial nos últimos 15 anos, a antropologia da genética, da medicina e da tecnologia, face ao domínio progressivo das doenças e das condições gerais da vida.

    Será que é tão difícil pra vocês ateus, que se julgam tão inteligentes e eu acredito que são realmente pessoas inteligentes, enxergar uma dinâmica tão óbvia quanto a evidência da imortalidade? Respondam-me, porque tanta resistência? Estou começando a pensar que os ateus sofrem da “síndrome da Birra” de meninos e meninas mimados… Ou será que quando se trata da percepção da história e da antropologia da ciência, enxergar o passado, analisar o presente, e projetar o futuro, vocês são totalmente “cegos”?

    (((Olha, agora cá entre nós, você deveria, ao invés de ficar procurando pelo em ovo, começar a pensar qual é a razão de estar tão insatisfeito com essa vida de agora, tanto que você passa o tempo todo esperando morrer para começar a viver.)))

    Essa conversa é típica de quem não tem argumentos, se vocês dizem que estou procurando pelo em ovo, posso dizer que vocês estão negando a pena da galinha… Dizer que estou descontente com esta vida por isso quero outra, continua sendo mais coerente que dizer: os ateus estão tão descontentes com a vida que levam, por isso não querem outra… E ai, como é que fica?…

    Em tempo, Shirley, muitos papas do ateísmo aqui do Blog, já se curaram da “síndrome da Birra”, só faltam você e o Barros…rsrsr.

  148. Criaturo,

    Você quer por gasolina na fogueira dos ateus? Eu concordo contigo que os animais, assim como os humanos tenham outra vida. Mas, essa estória da cadelinha é de “rancar pica pau do oco”, De onde você tirou essa? Por que fariam autópsia numa cadelinha atropelada e baleada?

    Pega leve ai companheiro teísta …

  149. “Existem varios casos comprovados, vi um em que uma cachorrinha foi atropelada um guarda rodoviário tentando aliviar o sofrimento do animal deu um tiro nela, ela foi para geladeira quando quando ia ser feita uma autópsia ela abriu os olhos ?”

    Considerando que pessoas com este tipo de “argumento” também acreditam em deuses e demônios, não me espanta que ele queira usar esta estória (a qual tenho certeza que ele não estava lá para atestar a veracidade) como “prova de autenticidade” de sua crença.

  150. antonio/ val/ carlos

    Você quer por gasolina na fogueira dos ateus? Eu concordo contigo que os animais, assim como os humanos tenham outra vida. Mas, essa estória da cadelinha é de “rancar pica pau do oco”, De onde você tirou essa? Por que fariam autópsia numa cadelinha atropelada e baleada?
    Pega leve ai companheiro teísta …

    Considerando que pessoas com este tipo de “argumento” também acreditam em deuses e demônios, não me espanta que ele queira usar esta estória (a qual tenho certeza que ele não estava lá para atestar a veracidade) como “prova de autenticidade” de sua crença.

    A cachorrinha foi atropelada, levou um tiro, depois chegou o rabecão e levou ela pro IML, e quando o médico legista tava quase começando a autópsia — pra fazer constar a causa mortis no processo — a cachorrinha abriu os olhos e perguntou: “Onde estou, o que aconteceu?”. Legal essa.

    he…he..he…he…Calma ai companheiros crentes e descrentes! Não costumo contar mentiras,vi isso em um documentário, se não me engano aconteceu no EUA onde mostraram fotos da cachorrinha atropelada, depois baleada e depois vivinha.
    quanto ao congelamento alguns insetos podem ser congelados e continuarem vivos.

    E quanto aos vários casos onde humanos foram atestados pela ciência como clinicamente mortos e voltaram a viver como no caso do menino que levantou no caixão e pediu aguá ?
    Depois voces vivem dizendo que os mortos não voltam para contar se existe vida do outro lado e quando contam voces só desacreditam.
    Isso só prova que existe uma morte aparente que a ciência ainda ignora, ao ponto de mandar enterrar algumas pessoas vivas.

    No caso de Lazaro e da menina Talita, Jesus disse que eles não estavam mortos ,mas sim que dormiam.

  151. Antonio e Criaturo
    É tão típico de vocês crentes chamarem os ateus de birrentos.
    Do meu ponto de vista, o problema com vocês é que rola um ressentimento da parte dos crentes em relação aos ateus, sabe?
    Porque vocês querem uma resposta; não interessa a “qualidade” da resposta, basta que seja qualquer uma.
    Por essa resposta vocês se prestam a todo tipo de devaneio, qualquer delírio.
    Procuram desesperadamente validar tais delírios e devaneios de todas as formas, usando bases que na verdade foram em sua maioria desenvolvidas por pessoas que preferiram fazer perguntas ao invés de aceitar qualquer resposta.
    E ficam putos quando alguém demonstra que vive muito bem na incerteza, que a aceita como parte do todo.
    Para um ateu, não aceitar explicações mirabolantes para coisas que demonstram terem uma dinâmica totalmente fora do supra natural, vale dizer, que apresentam perspectivas razoáveis de serem explicadas, é a coisa mais saudável que pode existir.
    É a partir desse posicionamento filosófico que nós aproveitamos nossas vidas, que a usufruímos e isso é exatamente o oposto do aforismo que o Criaturo destacou aí em cima. Se só temos essa vida, ela deve ser vivida na plenitude.
    Se vocês acham que mesmo depois que morrerem e apodrecerem vão ressuscitar em forma de luz, de espírito, de plasma, sei lá eu do quê, ótimo para vocês. Eu escolhi viver essa vida, como ela se apresentar.
    A propósito, Antonio, você está sempre cometendo um equívoco. Não existe antropologia da ciência ou da genética ou de qualquer outra coisa que não seja o estudo do ser humano.
    O que pode ser dito é que há relações interdisciplinares.

  152. Adamantdog

    Também eu conheço várias pessoas que não fazem uma porção de coisas que gostariam de fazer, até coisas como ouvir música ou assistir tv, mas como estão convictas de que terão uma vida mais plena depois que morrerem…

  153. recomendo este filme a teistas e ateistas é demais, ha nele um embate entre a fé e a ciência e o ceticismo: Contact 1997

  154. ss

    E ficam putos “blockquote>quando alguém demonstra que vive muito bem na incerteza, que a aceita como parte do todo.

    R: aqui a coisa muda de figura pois voce abre mão do radicalismo ateu da convicção da inexistência divina e passa admitir sua existência também como uma possibilidade.

    Para um ateu, não aceitar explicações mirabolantes para coisas que demonstram terem uma dinâmica totalmente fora do supra natural,

    R: quem é que determina o que é natural ? Tudo é naturalmente energia, seja ela inteligente ou burra.
    voce saberia me dizer quando foi que a energia passou a ser inteligente, ou quando os átomos passaram a ter vontade própria ?
    Antinatural seria aquilo que o homem ainda ignora ?

    Se só temos essa vida, ela deve ser vivida na plenitude.

    R: oh! Dó! Como ja disse varias vezes, se existe uma unica vida, se ela é tão breve, não importa o que voce seja,faz, pensa ou sinta isso no final faz com que a vida perca todo o sentido do ser.

    Viver caminhando acreditando em um breve final é viver sem nenhuma razão

    Se vocês acham que mesmo depois que morrerem e apodrecerem vão ressuscitar em forma de luz, de espírito, de plasma, sei lá eu do quê, ótimo para vocês. Eu escolhi viver essa vida, como ela se apresentar.

    R: qual seria sua reação se depois de morta perceber que ainda possui uma consciência ?

    a) ficara feliz deslumbrando infinitas possibilidades
    b) triste por saber que tera que continuar de onde parou
    c) continuara afirmando que Deus não existe, ja que continuará não o vendo,pegando nem sentindo.

  155. Carlos

    Considerando que pessoas com este tipo de “argumento” também acreditam em deuses e demônios,

    R: sim eu acredito em demônios eles são ateus….he…he..he..he..he
    veja aqui o “depoimento” de um ateu postado aqui:

    Ateus não têm senso de moral, são drogados, pervertidos, antiéticos, assassinos

  156. Criaturo

    Eu disse que vocês ficam putos, não nós. Ou você tem dificuldade de entender o que está escrito ou está se fazendo de sonso, tentando distorcer o que está escrito.
    Eu não abri mão de nada, deuses não existem, é só olhar em volta.
    A incerteza a que me referi significa assumir abertamente que desconheço a forma como o universo veio a ser o que é, (nós inclusos) mas em momento algum chego a considerar respostas místicas e míticas. Tais respostas eu deixo para quem sente pavor diante da magnitude da vida, das coisas que nos rodeiam, da falta de uma resposta única e unificadora.
    Não saber, para mim, é estimulante, para você é apavorante.
    E bem como eu disse:

    “sim eu acredito em demônios eles são ateus….he…he..he..he..he
    veja aqui o “depoimento” de um ateu postado aqui:
    Ateus não têm senso de moral, são drogados, pervertidos, antiéticos, assassinos”

    Vocês ficam putos e acabam sempre apelando.
    Essa descrição aí que você coloca como ‘depoimento’ é só uma das demonstrações dos seus confrades em geral sobre o quanto nós ateus os deixamos…putos.
    Vocês não conseguem entender como pode ter gente que não sente esse medão todo diante da falta de respostas, então não hesitam em tentar nos desqualificar.
    Essa sua questão de múltipla escolha é boba, Criaturo; eu ainda não morri. Espere, está bem? Depois que eu morrer, se você estiver certo, talvez eu possa ter um dedo de prosa com os organismos encarregados de consumir meu “corpo material” (isso é de uma redundância!), já que de morte eles devem entender bem mais que nós dois. Conforme for, eu volto para te dar a resposta.

  157. Shirley,

    Você disse:

    (((A propósito, Antonio, você está sempre cometendo um equívoco. Não existe antropologia da ciência ou da genética ou de qualquer outra coisa que não seja o estudo do ser humano. O que pode ser dito é que há relações interdisciplinares)))

    Shirley, a expressão: “antropologia da à ciência e da tecnologia” é relativamente nova, há muitos fóruns de discussão sobre o tema, acredito que em breve será regulamentada como mais uma sub-diciplina da Antropologia geral. A antropologia é uma ciência de natureza muito ampla, Já foi subdividida no passado e está sendo no presente. Hoje fala-se em antropologia do esporte, antropologia da arte, antropologia do comercio e, também, da “ciência, tecnologia e conhecimento”…

    Eu, particularmente, acho que quase todas as atividades humanas podem ser vistas sob os “óculos” da antropologia, enquanto ciência que observa e avalia a dinâmica do desenvolvimento do ser humano no tempo e no espaço…

    Eu recorro à concepção investigativa e observadora da ciência antropológica, para observar a dinâmica da CIÊNCIA da TECNOLOGIA e do CONHECIMENTO, no passado, no presente, e consigo projetar uma percepção futura dessas áreas da atividade humana.

    E mais, acredito que qualquer pessoa com certo conhecimento geral, senso de observação e, desprovida de visão religiosa, interesses pessais ou teimosias, pode ver como eu vejo…

    Por isso consigo afirmar as coisas que afirmo quanto ao futuro da humanidade, sem recorrer às religiões ou ter “bola de cristal”. Ao contrário de vocês ateus que devem ter uma, já que afirmam suas ““verdades””, sem nenhuma fundamentação científica, ou, qualquer outra coisa que possa ser vista, sentida, apalpada, ou imaginada.

    Por f – a – v – o – r, recorra a todos os “papas” do ateísmo desse blog e me apresente um “argumentinho” só, pelo menos equivalente ao que eu apresento, para fundamentar suas duas alegações básicas: “Deus não existe” e “Morreu acabou”…

  158. Por f – a – v – o – r, recorra a todos os “papas” do ateísmo desse blog e me apresente um “argumentinho” só, pelo menos equivalente ao que eu apresento, para fundamentar suas duas alegações básicas: “Deus não existe” e “Morreu acabou”…

    O velho truque da inversão do ônus da prova… Ora, se a Shirley não conseguir PROVAR que as alegações do crente são falsas, essas alegações ganham o status de verdade. Que conveniente!

  159. SS

    Eu disse que vocês ficam putos, não nós. Ou você tem dificuldade de entender o que está escrito ou está se fazendo de sonso, tentando distorcer o que está escrito.
    Eu não abri mão de nada, deuses não existem, é só olhar em volta.

    R: quanto mais eu olho mais eu vejo Deus, você continua insinuando haverem evidências que Deus não existe sem apresentar nenhuma para que possamos discutir racionalmente.

    Tais respostas eu deixo para quem sente pavor diante da magnitude da vida, das coisas que nos rodeiam, da falta de uma resposta única e unificadora.

    R: exato esse é o ponto nós crentes sentimos e voces ou ignoram que sentem ou esforçam-se para dizer que não sentem.

    “sim eu acredito em demônios eles são ateus….he…he..he..he..he
    veja aqui o “depoimento” de um ateu postado aqui:
    Ateus não têm senso de moral, são drogados, pervertidos, antiéticos, assassinos”
    Vocês ficam putos e acabam sempre apelando.
    Essa descrição aí que você coloca como ‘depoimento’ é só uma das demonstrações dos seus confrades em geral sobre o quanto nós ateus os deixamos…putos.

    R: não fiquei puto , isso não passou de uma provocação veja as aspas no “depoimento” ateu.

    Não saber, para mim, é estimulante, para você é apavorante.

    R: Esta equivocada defendo a “teoria inicial da formação do ser”eu” onde afirmo que a ignorância é necessária a para continuar mantendo a vida com todas suas lagrimas e risos, quem defende o paraíso para todos sem a ignorância é o nosso amigo Antonio.

    Essa sua questão de múltipla escolha é boba, Criaturo; eu ainda não morri. Espere, está bem?

    R: ja que pensa assim então me responda essa que muito pertinente a discussão entre ateus e teistas:

    R: Voce deseja continuar vivendo eternamente ?

  160. ss

    Conforme for, eu volto para te dar a resposta.

    ok! pode ser em sonho! Venha disfarçada de anja para não me assustar….he..he..he…he

  161. Barros, em 29/03/2013 às 08:00 disse:
    Por f – a – v – o – r, recorra a todos os “papas” do ateísmo desse blog e me apresente um “argumentinho” só, pelo menos equivalente ao que eu apresento, para fundamentar suas duas alegações básicas: “Deus não existe” e “Morreu acabou”…

    O velho truque da inversão do ônus da prova… Ora, se a Shirley não conseguir PROVAR que as alegações do crente são falsas, essas alegações ganham o status de verdade. Que conveniente!

    Faço o mesmo desafio feito a Shirley, a voce e todos os ateus:

    Apresentem seus argumentos evidenciando a inexistência de Deus, para que possamos discutir racionalmente esta questão .

  162. Apresentem seus argumentos evidenciando a inexistência de Deus, para que possamos discutir racionalmente esta questão.

    Que tal você apresentar os argumentos para a existência de Deus, para que possamos discutir racionalmente a questão?

  163. Antonio

    Os avanços científicos voltados à questão da saúde humana, no sentido em que você coloca são tão incipientes que eu realmente não sei como você pode dar esses saltos imaginativos e pretender que estejam dentro do universo possível. Algumas poucas doenças foram controladas, mas não erradicadas.
    Nosso organismo é programado biologicamente para envelhecer e morrer. Goste-se ou não, uma vez tendo cumprido o prazo da procriação, do ponto de vista biológico, nos tornamos inúteis. Considere-se também o fato de que sem o evento morte, o ecossistema terrestre há muito tempo não suportaria nem mais um único acréscimo. Há lógica elementar nisso.
    Em comentário anterior você disse que a partir do momento em que nos tornemos imortais plenos de conhecimento absoluto, não mais teremos filhos. Procriação é um comando biológico, assim como envelhecer e morrer.
    Então, na verdade o que você está propondo é uma alteração biológica tamanha que uma vez levada a efeito, já não seríamos mais o que somos, seríamos outra espécie.
    A questão então passa a ser não se poderíamos conseguir, mas se o quereríamos.

  164. Criaturo

    “…onde afirmo que a ignorância é necessária a para continuar mantendo a vida com todas suas lagrimas e risos…”

    Isso poderia ser lido como uma adaptação ou variação para os bobos e velhos aforismos que dizem: “Deus sabe o que faz”, “os mistérios de Deus são insondáveis” e outros do gênero.
    Mas também pode levar à interpretação de que se a ignorância é necessária para continuar mantendo a vida, etc etc, é que o conhecimento do que está velado é na verdade insuportável, de forma que, a partir da obtenção desse conhecimento, não poderíamos continuar a labuta de viver. A conclusão é que tal conhecimento faria a vida, tal como é, perder o sentido.
    Eu não ‘insinuo’ que não existem deuses, eu afirmo.
    E estou muito mais a vontade para afirmar isso que você para afirmar o contrário.
    Vamos raciocinar então.
    Há um ser, que para efeito de síntese, chamaremos Deus.
    Deus é capaz de criar galáxias; como ele pode fazer isso é um capítulo a parte. então fiquemos apenas no fato de que ele criou. Não uma só, quantidades incalculáveis delas.
    Cada galáxia é composta por ‘n’ estrelas, cujo processo evolutivo demanda quantidades fenomenais de energia, para, ao fim e ao cabo, se extinguir.
    Primeira pergunta: para quê? Para que Deus fez isso? Tanta energia e tamanho desperdício? Serve/serviu/servirá a que propósito?
    Ok, vamos teorizar que ele criou tantas galáxias para servir como suporte, como um ecossistema do objetivo primordial dele que era criar um planetinha localizado nas bordas de uma galáxia de porte médio, planetinha no qual ele decidiu que ia por organismos variados que por sua vez serviriam de suporte a um organismo específico, a quem ele dotaria da capacidade suficiente para chegar a se auto-identificar.
    Segunda pergunta: tendo tanto poder, qual a razão dele precisar criar esse suporte, esse ecossistema, qualquer, aliás?
    Terceira pergunta: qual foi a razão dele ter decidido não produzir o evento “organismos” já pronto e acabado, mas fazer esse evento passar por um processo evolutivo que implicaria falhas severas de funcionamento? Se ele teve o poder de criar galáxias?
    Responda-me essas perguntas e depois falemos em provar a inexistência desse ser.

  165. Barros, em 27/03/2013 às 20:27 disse:

    Eu nunca tinha analisado a coisa toda por esse ângulo: o crente tem quase uma “aversão” por essa vida… Daí ele ter esse desespero patológico de que haja “uma outra vida”, talvez onde alguém faça ele se sentir melhor, mais útil, mais vivo…

    Mais um motivo para eu não precisar de Deus…

    Obrigado, Shirley.

    Barro- pra mim vc já tinha percebido isso pois eu mêsmo nos seus textos (em alguns) tive essa sensação, é perceptivel que na vida real que as pessoas esperam na outra vida o que nao podemos ou o que nao temos como conseguir nesta.
    Na verdade ate considero o principal apego das pessoas pela religião.
    as pessoas esperam principalmente por justiça, igualdade (ex: de prazeres) e de reencontros com pessoaas que conviveram.
    Isso é o desejo das pessoas de fé que o filme da vida tenha um final feliz como no Idiana jones que estou assistindo enquanto escrevo isso.

  166. O Criaturo ta muito nó cego!
    tem hora que ele fala que que 2×2 = 4 depois diz que é 5!!
    Ele pede argumentos , mas nao tem nenhum!
    os ateus ja deram infinitos argumentos, basta a pessoa aceitar, mas nao, ele prefere continuar se iludindo.
    Ele esta na fase da NEGAÇÂO
    A proxima é a ACEITAÇAO
    ele vai chegar lá!
    a sociedade tambem vai passar por essas fases e aceitar o obvio!

  167. Greg, eu concordo com você! Ou isso, ou eles vão inventar outro Deus (ou deuses) mais condizentes com suas expectativas.

    Shirley, você esqueceu que Deus, na verdade, estava interessado apenas em um determinado povo dentre aqueles organismos específicos. Foi o deus dos cristãos, Jesus, que ampliou o leque pra todo mundo. Originalmente, Deus teve todo esse trabalho só por causa de uns poucos milhares de pessoas.

  168. Verdade, Barros esqueci disso
    Então Criaturo, mais uma questão.
    Deus, após ter criado um Universo inteiro e num canto dele um minúsculo sistema composto por uma estrela de médio porte e alguns planetas, deu início ao evento evolução, do qual surgiram os vários organismos, dentre eles os humanos, mas, ele escolheu uma fração mínima desses humanos para se revelar. Por que ele fez isso?
    Penso que já que você alega ter a mais completa e absoluta certeza da existência desse ser, é natural esperar que esteja de posse de respostas para questões tão simples.
    Respostas essas que necessariamente devem se basear em fatos ou evidências comprováveis, não em premissas fantasiosas ou baseadas em sentimentos ou opiniões.

  169. unica coisa boa que o Criaturo colocou ai foi o link do filme contato!
    muito bom! ja tinha assistido a muitos anos atras!
    por sinal a atriz principal – Jodie Foster é ateia!! & lesbica – se declarou esse ano, antes do Oscar eu acho!

  170. hj me senti como o cara que foi pegar lenha no mato no sabado! (uma das passagens preferidas do Barros) – o coitado apanhador de lenha, que nao podia talvez se aquecer com lenha no sabado, mas enfim, hoje fui carregar telhas da obra da minha casa, dar uma arrumada nas coisas, cavar um buraco para passar cano de esgoto, da minha propria obra , da minha propria casa, sem remuneraçao, salario, nada. coisa particular minha.
    Minha avó vendo aquilo, logo que comecei veio a praga ,
    Que issooooooooooooo, é pecadoooooooooooooooo! hj foi o dia da morte dele, tem que respeitar, meu deus do ceu, depois as coisas na sua vida nao dao certo, vc nao vai saber o porque. eu disse: é so umas telhas. nao para com isso.
    nao parei, ai veio a praga do dia. voce vai ser castigado, mais cedo ou mais tarde , cê vai ve! – Deus castiga quem nao respeita!
    pronto minha propria vo quase me apedrejou, se fosse lei hoje em dia, acho que tomava pedrada hoje, mas o maximo que ela pode fazer foi isso , rogar praga crista.
    depois ela foi ver televisao, uma reportagem filha da puta de mentirosa sobre onde Jesus morreu em Jerusalém, ela toda emocionada, e eu quase vomitando quando fui almoçar e tiver que assistir o cara mostrando o sepulcro que Jesus foi posto, a historia da pedra que fechava o lugar e tal.
    o Cara na maior convicçao que foi ali o local, numa rocha, que poderia ser qualquer coisa e qualquer tumba, mas nao, escolheram aquela para enganar as pessoas do mundo todo e os fies que nao questionam nada foi ali e pronto, o guia do lugar falou, ta falado. 2000 e poucos anos atras e eles tem certeza absoluta que Jesus ressuscitou naquele buraco dentro da pedra. Eles so nao inventam hj que tem pedaços da cruz, porque é forçar demaais a credulidade das pessoas, agora como a rocha demora milhares de anos para se desfazer, entao pronto, foi ali.
    sera que nemhum catolico ou cristao vendo essa reportagem da record nao percebi a fantasia e a falacia desta merda todo? ninguem para e pensa. sera? sera que foi ali mesmo? 2000 mil anos nao é pouco tempo nao? caramba! as pessoas quando querem acreditar perdem o senso do ridiculo e da razao! se fosse outra historia, com outra pessoa , ou outro personagem historico, ninguem teria essa convicçao toda. mas JIZUIS ele é o cara!
    alem de subir aos ceus , deixou essa importante localizaçao de um dos ultimos lugares que teve contato aqui na terra; e o mais legal , esse lugar foi escavado a algumas decadas e descoberto como sendo parte da antiga jerusalem que todos sabem que esta de baixo da terra, depois de varias guerras e efeitos climaticos. as pessoas continuam escavando, A jerusalem da epoca de cristo esta quase toda debaixo da terra mas ja decidiram que aquele local em particular e a tumba sagrada. Acho que Jesus deve ter deixado alguma coisa naquele lugar antes de partir , para podemos ter certeza nos tempos de hoje que ele esteve ali, so nao sabemos o que é = acho que é um segredo! seja o que for deve estar no Vaticano, com o papa! so pode!

  171. Shirley,

    Você disse:

    (((Nosso organismo é programado biologicamente para envelhecer e morrer. Goste-se ou não, uma vez tendo cumprido o prazo da procriação, do ponto de vista biológico, nos tornamos inúteis.)))

    Comentário duro de ler, se fosse falado, duro de ouvir… Da impressão que estou falando com pessoas que viveram há mais de cem anos ou com religiosos, o que não é o caso…

    Shirley, a ciência e a medicina “pós-genoma” vê isso apenas como um joguinho de xadrez entre um mestre e um iniciante, a vitória é obvia, é só uma questão de tempo, e tempo curto…

    Acho que pra resolver a questão da resistência de algumas pessoas quanto aceitação da imortalidade do ser humano, promovida pela ciência só mesmo se informando sobre a medicina pós genoma, a manipulação genética, as tecnologias e outras ciências afins… Só pra encurtar a conversa, você sabe que a manipulação do nosso genoma já vem ocorrendo há anos.

    A programação herdada para envelhecer e morrer que você se referiu, poderá ser alterada sem maiores problemas com a eliminação das doenças e a manipulação genética (remoção, modificação e inserção de genes, ao bel prazer).

    E, sem essa de que o ser humano não será mais o ser humano, como você referiu no comentário passado. Eliminar genes de particularidades nocivas e limitadoras como os do câncer, por exemplo, não torna o ser humano menos ser humano, apenas mais saudável; incluir o genes determinante da visão da águia no ser humano, não vai tornar o ser humano menos ser humano , apenas com uma visão muito superior à herdada dos nossos ancestrais. Qual o problema que você vê nisso?

    Shirley, pessoas com o nível de conhecimento que você transparece ter não deveriam duvidar da vitória de um “mestre do xadrez sobre um iniciante”…

    Abraço.

  172. Antonio

    Você confunde o seu desejo pessoal com fatores que vão muito além da mera exequibilidade.
    Ainda que algo possa ser passível de execução, não significa que esse algo seja aceitável.
    Sem dúvida que qualquer ser humano quer se ver livre de doenças; sem dúvida que a maioria imensa dos seres humanos pensa que gostaria de ser imortal; também sem dúvida que muitos seres humanos gostariam de se ver dotados de capacidades superiores às que possui.
    Mas enquanto você me vê reacionária, eu me vejo pragmática. O ser humano não é um ser binário, com apenas duas reações para tudo.
    Além dos imperativos biológicos (eles existem e atuam, goste você ou não) é necessário considerar a complexidade das reações emocionais e daquilo que cada indivíduo entende como a sua razão de ser.
    Quando você afirma que seres humanos abrirão mão da procriação em nome da imortalidade, a exequibilidade da sua proposição acaba sem nem ter começado.
    Não é por ser mulher e mãe (e isso poderia ser visto como uma manifestação própria dessa minha condição, algo como advogar em causa própria) que afirmo isso.
    É porque somos vida, Antonio.Vida precisa se reproduzir ou perde sua razão de ser.
    Vou pegar carona com o Greg. Vendo sua determinação em reconstruir o ser humano, arrisco dizer que também você está em negação,só que num nível muito mais amplo.
    É como se você não pudesse suportar a condição humana. E por essa razão está empenhado em sonhar com a possibilidade de nos transformar em outra coisa.

  173. Shirley,

    Você disse:

    (((Quando você afirma que seres humanos abrirão mão da procriação em nome da imortalidade, a exequibilidade da sua proposição acaba sem nem ter começado.)))

    Por favor, se você conseguir é claro, diga-me quando e onde eu disse essa tamanha asneira? Isso só pode ter saído da sua cabeça…

    Onde foi que eu disse que pra conseguirmos a Imortalidade há a necessidade condicional de abrir mão da procriação ou da maternidade?

    Onde e quando eu disse que a vida não precisa se reproduzir, se considero que no futuro, de posse do conhecimento, teremos trilhões de planetas e bilhões de Galáxias para ocupar no universo e, se penso que a sexualidade continuará mesmo na outra vida?

    O que eu disse foi, a explosão demográfica irresponsável é uma coisa típica de sociedades em estágio de desenvolvimento atrasado, onde o conhecimento ainda é significativamente menor que a ignorância; disse também que no futuro a densidade demográfica descontrola como hoje, não acontecerá porque o conhecimento possibilitará o controle objetivando o uso racional dos recursos naturais disponíveis…

    Nada mais que isso dona Shirley…

    Abraço.

  174. Shyrley,

    Aproveitando a questão da procriação, abordada por você, veja o que penso sobre a mulher e a maternidade, no futuro…

    http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/2013/01/a-mulher-e-maternidade.html

  175. Antonio

    “Quanto a gerar filhos na outra vida, não creio que isto será possível já que significa gerar a ignorância novamente. Esta função de
    reproduzir seres vivos ficará sempre para as sociedades em estágios
    de desenvolvimento primitivos como, ainda, é o nosso. Basta você verificar que quanto mais culta uma sociedade menos filhos tem, quanto mais ignorante, mais filhos tem.”

    Tu o disseste.

    Quanto ao texto linkado, repito a você: seres humanos não são seres binários. São seres complexos.
    A questão não é apenas sobre a forma de se reproduzir; é sobre tudo que envolve ter filhos.

  176. VAL disse:
    Que tal você apresentar os argumentos para a existência de Deus, para que possamos discutir racionalmente a questão?

    R: Opss! Empate técnico! o próximo que não seja tão tímido!

  177. Shirley,

    Quem vê a minha afirmação abaixo:

    “””Quanto a gerar filhos na outra vida, não creio que isto será possível já que significa gerar a ignorância novamente.”””

    Poderia pensar, puxa vida depois de quase três anos debatendo de forma absolutamente coerente neste Blog, enfim, o Antônio Ferreira Rosa caiu na primeira contradição depois de ter negado a autoria dessa afirmação, logo acima…

    Fique tranquila minha cara Shirley, não se trata de contradição, realmente não acredito em procriação para os seres que já se encontram no conhecimento absoluto, ou na outra vida. E te agradeço a oportunidade de corrigir o uso de uma palavra aplicada inadequadamente…

    Ratifico tudo o que eu disse com uma pequena retificação:

    “Não se trata de não procriar por IMPOSSIBILIDADE como eu disse antes, mas, não procriar por COERÊNCIA, por CONVENIÊNCIA, por CONHECIMENTO de causa, por opção pelo CERTO, assim por diante…”

    Nada será IMPOSSÍVEL para quem vive no conhecimento absoluto, entretanto retroceder em experiências primitivas já realizadas, não creio que será a regra… Por exemplo, eu poderia perguntar a você, o que um ser eterno, que habita entremeio ao conhecimento e ao prazer absolutos, iria fazer com um bebê, absolutamente, estúpido e dependente ao nascer? Desenvolvimento, evolução e aprendizagem são atributos necessários aos bebês, portanto, possibilidades de seres inferiores, em estágios de conhecimento inferiores como o nosso, por exemplo.

    No seu caso, já foi mãe nesta vida, já conhece a experiência, por que iria querer passar, novamente, pelo mesma situação primitiva e dolorosa da maternidade? Sexualidade, por sinal, com muito mais qualidade do que a que conhecemos aqui, eu nunca neguei como possibilidade na outra vida. Sexo é uma fonte de prazer, diversão, afinidades, amor, não tem necessariamente, a ver com a maternidade, e você sabe disso…

    Um bebê humano em meio ao conhecimento absoluto, sem ter passado pelas experiências de uma vida “terrena” anterior, seria um despropósito muito grande. Se assim fosse coerente, nós não precisaríamos estar aqui na terra, poderíamos ter ficado lá ou ter ido diretamente para lá, e queimado esta etapa que estamos passando…

  178. Antonio

    Eu não entendi que você afirmou que seria impossível a procriação; eu o estou pegando por sua palavra.
    Tudo que escrevi nesses últimos comentários dirigidos a você tem por base exatamente sua afirmação de que ao nos tornarmos imortais e plenos de conhecimento absoluto estaremos também abrindo mão da procriação.
    Só que no caso, não estamos falando das demais espécies, estamos? Estamos falando de seres humanos.
    Não gosto de parecer ambígua quando tenho algo a dizer, portanto vou soar rude e até ofensiva.
    De fato você tem problemas sérios quando lida com a condição humana. O que você almeja é outro tipo de ser, algo que não seja humano, pois a humanidade te causa ojeriza.
    Sobre a maternidade. Algumas mulheres não desejam ser mães e é direito dessas mulheres optar por não exercer a maternidade.
    Alguns homens não querem ser pais e é direito deles não exercer a paternidade. Ponto pacífico.
    Do resto, pode-se dizer que uns tantos se tornam pais e mães sem ter pensado a respeito e pode ser que descubram depois que não deveriam ter tido filhos. Acontece.
    Acontece também que somos seres biológicos e como tal, precisamos deixar descendentes. Acho que você consegue entender isso, mesmo que tenha de fazer algum esforço.
    Somos também seres humanos e muitos de nós não apenas precisam, mas gostam da experiência de ter filhos já que ter e criar filhos gera uma espécie de felicidade e realização muito intensas. Talvez, em última instância se possa dizer que trata-se de autogratificação, uma artimanha da natureza que nos leva a cuidar da prole e assim garantir a perpetuação da espécie, o que não torna experiência menos válida.
    Note-se aliás que são as pessoas da terceira situação que permitem que as pessoas das primeira e segunda situações possam exercer suas opções, pois garantem a já mencionada perpetuação da espécie.
    Respondendo a sua proposição. Apesar do desconforto da gestação, apesar das dores do parto, apesar das atribulações que tive e tenho criando meus filhos; se tivesse que fazer tudo de novo, eu o faria.
    A razão é que eu, ao contrário de você, não tenho horror da condição humana e amo esta vida. Não essa outra, hipotética, segregacionista, em que ter filhos deveria ser função relegada aos seres inferiores.
    Toda essa conversa de assunção a uma condição superior como destino natural e inevitável da humanidade é apenas uma espécie de camuflagem justificativa para o fato de que você não gosta do que somos e ao que parece não tem o estofo necessário para se examinar a fundo e tentar descobrir as razões disso.
    E é por isso que você é um crente típico. Prefere encobrir o que te incomoda com uma resposta pronta, qualquer resposta, mesmo que você tenha de inventá-la.

  179. ss
    Considere-se também o fato de que sem o evento morte, o ecossistema terrestre há muito tempo não suportaria nem mais um único acréscimo. Há lógica elementar nisso.

    R: concordo a morte tambem faz parte da vida.

    “…onde afirmo que a ignorância é necessária a para continuar mantendo a vida com todas suas lagrimas e risos…”
    Isso poderia ser lido como uma adaptação ou variação para os bobos e velhos aforismos que dizem: “Deus sabe o que faz”, “os mistérios de Deus são insondáveis” e outros do gênero.

    R: nada disso voce mesma disse que a incerteza é um fator motivante da vida, eu só concordei que para vivermos eternamente motivados essas incertezas deverão ser alimentadas, também por uma ignorância eterna.

    A conclusão é que tal conhecimento faria a vida, tal como é, perder o sentido.

    R: ironicamente a sua ironia intuiu uma verdade veja:
    A maior Consciência da Razão de tudo e do todo é Deus, se a nossa consciência conseguisse de alguma forma absolver a Maior consciência Deus, voltaríamos ao estado da não existência individual ou seja o estado anterior da não criação, onde só havia uma Unica Consciência Deus .
    Ou seja, como voce bem disse, a nossa vida individualizada perderia o sentido.

    Eu não ‘insinuo’ que não existem deuses, eu afirmo.

    R: e aquele papo tipo mais humilde de que possui incertezas quanto a origem da vida ?

    Deus é capaz de criar galáxias; como ele pode fazer isso é um capítulo a parte.

    R: o que voce entende por criar ?

    Cada galáxia é composta por ‘n’ estrelas, cujo processo evolutivo demanda quantidades fenomenais de energia, para, ao fim e ao cabo, se extinguir.
    Primeira pergunta: para quê? Para que Deus fez isso? Tanta energia e tamanho desperdício? Serve/serviu/servirá a que propósito?

    R: o ser humano é também um universo de energias em transformações que conforme a sua crença ira perder brevemente todo o sentido, então todo esse seu desperdício de energia serviu para que propósito ? Quando o resultado final esperado seria a inexistência para todos ?
    primeiro saiba que energia não se perde e sim transforma-se.
    A aguá da vida que você acredita perder na evaporação na verdade esta se transferindo para ser aproveitada em outro local.
    Antigamente alguns acreditavam que aguá evaporada tinha deixado de existir para sempre ja que ela havia se tornada invisível, outros mais intuitivos ja acreditavam que ela poderia apenas ter se transformada, transportando-se para outro local desconhecido,mas isso sem poderem provar,mas hoje nós podemos afirmar e provar que esse fenômeno é verdadeiro, isso um dia também acontecerá com a consciência da vida.
    Como ja disse : viver caminhando acreditando em um breve final da existência é viver sem razão
    A troca de energias mutuas é uma lei da criação, entenda a morte como uma transformação e não como uma inexistência, ninguém pode voltar para o nada, pois este não existe.

    Ok, vamos teorizar que ele criou tantas galáxias para servir como suporte, como um ecossistema do objetivo primordial dele que era criar um planetinha localizado nas bordas de uma galáxia de porte médio,

    R: teoria furada egocêntrica, diga micro planetinha, micro seres humanos, pois tamanho é relativo.
    Talvez a criação humana e desse planetinha não seja diretamente uma obra de Deus.
    Jesus disse sois deuses, sera que ele só disse isso aos homens ?
    Dentro da eternidade a maturidade e o conhecimento dos seres vivos variam dentro de infinitas possibilidades de níveis.

    Segunda pergunta: tendo tanto poder, qual a razão dele precisar criar esse suporte, esse ecossistema, qualquer, aliás?

    R: Para responder isso voce precisaria saber qual o seu entendimento de “Criar ” , mas vou responder dentro do meu entendimento do que seria criar:
    ” fazer existir algo do nada”, ou seja o homem não tem o poder de criar apenas de modificar o que ja existe,.
    Mas entendo que Deus também não pode criar algo do nada ja que o nada não existe, assim Deus também esta limitado a transformar o que ja existe, ou mais didaticamente dizendo apenas pode transformar a si mesmo.
    Considerando que criar seja definitivamente transformar o ja existente agora sim podemos afirmar que de fato ambos são criadores, o homem é um criador e Deus é o Criador.
    Sua pergunta tenta insinuar que Deus é um ser carente da presença humana e que ele nos criou pequenos deve ter complexo de ego na necessidade de poder se sentir grande,mas podemos apenas dizer que Deus desejou modificar sua Maior Consciência em menores consciências, ou seja apenas criou infinitos níveis de consciências individualizadas da sua Maior Consciência .

    Terceira pergunta: qual foi a razão dele ter decidido não produzir o evento “organismos” já pronto e acabado, mas fazer esse evento passar por um processo evolutivo que implicaria falhas severas de funcionamento? Se ele teve o poder de criar galáxias?

    R: conforme a teoria da antítese do nosso amigo Antonio, Deus não colocou todos diretamente no paraíso porque sem referencia do mal ninguém pode entender o que seria o paraíso e que o mal da terra serve para acabar com esta ignorância humana então todos se tronaram sábios conhecedores do paraíso eterno.

    Eu penso diferente acredito que Deus não pode se equivocar nem alterar sua essência, ou seja não faz sentido criar seres ignorantes para depois transforma-los em perfeito sabios, nem criar seres “diferentes” dele para depois torna-los iguais a “Ele”, bom se o homem não pode ser igual a Deus, isto implica dizermos que nunca terá o conhecimento absoluto, ou seja por mais que progrida sempre continuará existindo um nível relativo de ignorância, e por consequência de sofrimento e os sentimentos causando lagrimas e sorrisos mantendo a existência da vida humana.
    Céu o inferno tanto aqui quanto em qualquer outro lugar não são lugares físicos e sim estados temporários da consciência.

  180. Greg, em 29/03/2013 às 20:04 disse:
    O Criaturo ta muito nó cego!
    tem hora que ele fala que que 2×2 = 4 depois diz que é 5!!

    R: Falou maluco! antes que eu me esqueça Feliz pascoa!

    Se discorda então faça como eu , aponte onde e tente refutar.

  181. Shirley,

    Você disse:

    “””Quanto ao texto linkado, repito a você: seres humanos não são seres binários. São seres complexos.
    A questão não é apenas sobre a forma de se reproduzir; é sobre tudo que envolve ter filhos.”””

    Pegar um embrião, concebido por métodos naturais, ou não, colocar em um útero artificial com, absolutamente, todos os nutrientes necessários para a formação da vida em cada etapa de desenvolvimento do feto; colocar uma temperatura fixa ou oscilante, absolutamente, correta; colocar uma sonoridade, absolutamente, confortável; dar as informações absolutamente corretas para cada fase do desenvolvimento do feto, inclusive as afetivas e cognitivas, com pedagogia e conteúdos definidos cientificamente; colocar uma iluminação, absolutamente, adequada; colocar em um ambiente totalmente seguro, longe dos acidentes de trânsitos, das balas perdidas, dos tombos, sobressaltos, viagens e doenças físicas e emocionais das mães; monitorar permanentemente todos os aspectos da saúde e formação biológica do ser inclusive a formação neurológica; eliminação do trauma do parto já que o bebê não seria retirado violentamente de um ambiente apertado, como se fosse parte dele, más, o ambiente gestacional seria retirado do seu entorno, gradativamente sem traumas e sofrimentos…

    Honestamente Shirley, não sei em que uma melhoria dessa dimensão torna os seres humanos binários ou limita e afeta a nossa complexidade, estamos falando apenas do ambiente gestacional…

    Sabe quando uma gestação natural vai fornecer estas condições excepcionais dona Shirley? Respondo por você: nunca…

  182. ss
    Sobre a maternidade. Algumas mulheres não desejam ser mães e é direito dessas mulheres optar por não exercer a maternidade.
    Alguns homens não querem ser pais e é direito deles não exercer a paternidade. Ponto pacífico.

    R: pô que radicalismo se Adão e Eva tivessem pensado assim, voce não estaria aqui para poder pensar assim! he…he…he…he..he

    Val
    Greg, eu concordo com você! Ou isso, ou eles vão inventar outro
    Deus (ou deuses) mais condizentes com suas expectativas.

    R: não inventamos Deus apenas evoluímos nosso entendimento dele.

    Que tal você apresentar os argumentos para a existência de Deus, para que possamos discutir racionalmente a questão?

    R: vamos desempatar esta questão, existem coisas que não podem ser vistas, mensuradas,tocadas e nem sentidas por terceiros ,mas elas existem e são bem reais pra quem as vivencia,pois assim como o amor existe Deus também existe.

    Verdade, Barros esqueci disso
    Então Criaturo, mais uma questão.
    Deus, após ter criado um Universo inteiro e num canto dele um minúsculo sistema composto por uma estrela de médio porte e alguns planetas, deu início ao evento evolução, do qual surgiram os vários organismos, dentre eles os humanos, mas, ele escolheu uma fração mínima desses humanos para se revelar. Por que ele fez isso?
    Penso que já que você alega ter a mais completa e absoluta certeza da existência desse ser, é natural esperar que esteja de posse de respostas para questões tão simples.

    R: Voce tava indo bem , até dar ouvidos a limitação do ateísmo bíblico do Barros, fala sério no inicio do debate eu deixei bem claro, vamos discutir racionalmente, agora voce me vem querer argumentar contradições bíblicas ?
    Esta sua questão seria tão sabia quanto ter inveja do Einstein por Deus ter revelado somente a ele a teoria da da relatividade, oras Deus esta para todos, se alguns se esforçam para entende-lo melhor, isto chama-se mérito próprio.
    A justiça da criação da-se na formação inicial de todos os seres partirem da ignorância absoluta, em cada um atualmente ocupar o degrau da evolução em que ja trabalhou para alcançar.

    Penso que já que você alega ter a mais completa e absoluta certeza da existência desse ser, é natural esperar que esteja de posse de respostas para questões tão simples.

    R: que meiga, não? Não posso provar que Deus existe assim como tambem não posso provar que o amor existe, mas todo o meu ser me diz que ele existe.
    Deus se revela como a luz do sol é para todos, se alguns insistem em fechar os os olhos e dizer que a luz não existe, outros se escondem da luz, ou constroem barreiras que a impedem de se manifestar aos seus olhos, cada um tem a luz que deseja ter.

    Greg, em 29/03/2013 às 23:48 disse:
    unica coisa boa que o Criaturo colocou ai foi o link do filme contato!
    muito bom! ja tinha assistido a muitos anos atras!
    por sinal a atriz principal – Jodie Foster é ateia!! & lesbica – se declarou esse ano, antes do Oscar eu acho!

    R: então fez o papel certo pois neste filme ela também era uma cientista atéia, no entanto nas horas mais cruciais da sua vida, ela esqueceu disso e chamou por Deus uma três vezes

  183. Criaturo

    ” e aquele papo tipo mais humilde de que possui incertezas quanto a origem da vida ?”

    Minhas incertezas não envolvem nem nunca envolveram a origem divina, e tenha em mente que quando uso a expressão “origem divina”, o faço para me expressar dentro do seu discurso, não do meu.

    “nada disso voce mesma disse que a incerteza é um fator motivante da vida, eu só concordei que para vivermos eternamente motivados essas incertezas deverão ser alimentadas, também por uma ignorância eterna.”

    Nada disso, você está é enrolando. Quando eu digo incerteza estou falando de assumir que não temos respostas prontas; você está usando de subterfúgio para não ter que embasar sua crença, pois não tem como fazê-lo.

    “o que voce entende por criar ?”

    De novo, enrolação. É você quem diz que há um criador. Explique-se você sobre o que seria esse criar, ou como teria sido feito por esse seu Deus.

    “o ser humano é também um universo de energias em transformações que conforme a sua crença ira perder brevemente todo o sentido, então todo esse seu desperdício de energia serviu para que propósito ? Quando o resultado final esperado seria a inexistência para todos ?”

    Seres humanos nascem, vivem, transformam o meio, reproduzem-se, morrem, deixando descendentes. Seu dispêndio de energia tem um propósito. Permanece a pergunta.

    “Talvez a criação humana e desse planetinha não seja diretamente uma obra de Deus.”

    Não tendo como responder, você sai pela tangente, manobra habitual dos crentes; estão sempre revisando suas ‘verdades fundamentais’, pois elas não resistem a uma olhada de mais perto.

    “Jesus disse sois deuses, sera que ele só disse isso aos homens ?
    Dentro da eternidade a maturidade e o conhecimento dos seres vivos variam dentro de infinitas possibilidades de níveis”

    Mesmo? Você já teve algum tipo de contato com esses seres que vivem na eternidade? Sabe de alguém que teve? Se sabe, pode provar ou pelo menos soar crível?

    “Mas entendo que Deus também não pode criar algo do nada ja que o nada não existe, assim Deus também esta limitado a transformar o que ja existe, ou mais didaticamente dizendo apenas pode transformar a si mesmo.”

    Transformar a si mesmo? Temos então a questão da origem. De onde então veio Deus?

    “Sua pergunta tenta insinuar que Deus é um ser carente da presença humana…”

    A minha pergunta não tenta insinuar nada, até por que Deus não existe. A minha pergunta tinha o objetivo direto de tentar fazer você pensar com um mínimo de lógica.

    “Eu penso diferente acredito que Deus não pode se equivocar nem alterar sua essência, ou seja não faz sentido criar seres ignorantes para depois transforma-los em perfeito sabios, nem criar seres “diferentes” dele para depois torna-los iguais a “Ele”, bom se o homem não pode ser igual a Deus, isto implica dizermos que nunca terá o conhecimento absoluto, ou seja por mais que progrida sempre continuará existindo um nível relativo de ignorância, e por consequência de sofrimento e os sentimentos causando lagrimas e sorrisos mantendo a existência da vida humana.
    Céu o inferno tanto aqui quanto em qualquer outro lugar não são lugares físicos e sim estados temporários da consciência.”

    Rapaz, se sua mente tivesse uma coluna vertebral a essas alturas já estaria arrebentada, de tanto contorcionismo mental que você faz.

    Vamos combinar o seguinte: você não pode, pela ausência total de argumentos pelo menos sensatos, exigir que um ateu prove que esse seu deus ou qualquer outro inexista.
    Ou,dito de outra maneira: se você não sabe explicá-lo, você que diz acreditar cegamente que ele existe, não exija de pessoas que preferem raciocinar ao invés de acreditar, que provem o improvável

  184. Criaturo

    “…fala sério no inicio do debate eu deixei bem claro, vamos discutir racionalmente,…”

    e depois:

    ” pô que radicalismo se Adão e Eva tivessem pensado assim, voce não estaria aqui para poder pensar assim!”

    e ainda:

    “…ter inveja do Einstein por Deus ter revelado somente a ele a teoria da da relatividade, oras Deus esta para todos, se alguns se esforçam para entende-lo melhor, isto chama-se mérito próprio.”

    Discutir racionalmente?

  185. Antonio

    Como eu já disse, você tem sérios problemas com a condição humana.

  186. Shirley,

    Sem essa de Crente no sentido pejorativo e religioso da palavra, acho que esta referência a minha pessoa, há muito é descabida… Eu disse sim, que ter filhos em quantidade que desestabiliza a relação com os recursos naturais e o meio ambiente, em uma região ou em um planeta, é coisa de gente ignorante e privada de conhecimento, e não retiro nem uma vírgula dessa afirmação, mesmo porque isso é consenso de todo mundo, com o mínimo de informação…

    Quanto às outras afirmações suas de que tenho “horror à condição humana” e que “não gosto do que somos”, se você estiver referindo à ignorância de conhecimentos, é a mais pura verdade. Tenho uma aversão, controlada, à ignorância e à falta de respostas que possuímos para as grandes questões dessa vida, enquanto seres conscientes, quando aciono a minha capacidade de questionar e não tenho respostas…

    Creio que você também não, gosta não admira e nem aceita esta nossa miserável condição, ou estou enganado e você pensa como os religiosos e aceita?

    Acredito sim, em algo concreto, que tem raízes no passado distante; tem o pé no passado próximo; tem o tronco no presente; tem os galhos no futuro próximo, e tem os frutos no futuro distante… Este algo a que refiro chama-se CIÊNCIA… O único limite dela chama-se tempo, mas ele passa, e ela avança intrépida, sempre que ele passa. Por isso o que ela nos reserva é o CONHECIMENTO ABSOLUTO, status de “Deus” ou dos “Deuses” que estão por traz da nossa odisseia terrena…

    Shirley, queira ou não, você, o Barros, todos os ateus desse blog e todos os céticos da humanidade…

    Felizmente, pra mim pelo menos, eu acredito que percebi a dinâmica da nossa existência… Já escrevi e coloquei de forma pública em meu Blog.
    Acredite quem quiser e tiver a mente aberta e receptiva à informação e ao novo. Quem não tiver a mente aberta, continue pensando como quiser.
    Eu jamais assediarei alguém para que acredite no que eu digo, além do limite da mera informação…

    Em minha última postagem falo do apogeu da evolução humana…
    http://antonioferreirarosa.blogspot.com.br/

  187. ss
    Minhas incertezas não envolvem nem nunca envolveram a origem divina,

    R: voce tem certeza que a sua origem não tem nenhum propósito inteligente ?

    De novo, enrolação. É você quem diz que há um criador. Explique-se você sobre o que seria esse criar, ou como teria sido feito por esse seu Deus.

    R: posso até expor a minha teoria sobre a “Criação do ser”eu” ,mas aviso que ela é um pouquinho mais complexa do que a história de Adão e Eva.

    Seres humanos nascem, vivem, transformam o meio, reproduzem-se, morrem, deixando descendentes. Seu dispêndio de energia tem um propósito. Permanece a pergunta.

    R: Sim a evolução e a manutenção da vida tem um propósito, mas a pergunta é: Ele tem uma origem inteligente ?
    sua vida limita-se a reproduzir e depois perder a consciência de tudo?

    Não tendo como responder, você sai pela tangente, manobra habitual dos crentes; estão sempre revisando suas ‘verdades fundamentais’, pois elas não resistem a uma olhada de mais perto.

    R: até a ciência se vê obrigada a rever a verdade dos seus conceitos, isto é necessário a evolução do entendimento, quem acredita que achou para de procurar e deixa de viver.

    Mesmo? Você já teve algum tipo de contato com esses seres que vivem na eternidade? Sabe de alguém que teve? Se sabe, pode provar ou pelo menos soar crível?

    R: Pô! meu! voce não viu o link: https://deusilusao.com/2013/03/05/qual-o-sentido-da-vida-fim/#comment-39952, nunca ouviu falar do Chico Xavier ?……he…he..he..he..he

    Voce pode provar aquilo que sente ? Seus sentimentos são reais ?

    Sim, tenho evidencia pessoais o suficiente para solidificarem a minha fé, porem não existem magicas ou milagres tudo acontece respeitando leis naturais, conhecidas ou ainda as desconhecida as quais produzem fenômenos considerados como”milagres”, ou seja “inexplicáveis ” mas com a evolução passarão a ser ciência.

    Transformar a si mesmo? Temos então a questão da origem. De onde então veio Deus?

    R: porque tudo necessariamente tem que ser criado ou vindo de algum lugar ? Se Deus tivesse vindo de algum lugar, ele teria sido tambem deveria ser criado, gerando uma interminável lógica redundante de quem criou quem.
    Deus não veio ele sempre foi e sempre sera, o tudo, todos e o Todo, não existe nada fora dele.

    Rapaz, se sua mente tivesse uma coluna vertebral a essas alturas já estaria arrebentada, de tanto contorcionismo mental que você faz.

    R: que nada! vou desenvolver uma super coluna.

    Ou,dito de outra maneira: se você não sabe explicá-lo, você que diz acreditar cegamente que ele existe, não exija de pessoas que preferem raciocinar ao invés de acreditar, que provem o improvável

    R> he…he…he..he.. arretou! si menina ?
    Tudo pode ser provado quando se possui o conhecimento necessário.

    Na verdade eu creio em um Deus racional que pode ser visto e aceitado dentro da lógica humana, quando estiver com saco posso expô-la aqui para que possam tentar refuta-la fazendo uso da mesma lógica humana, ma aviso que alguns ateus muito competentes ja tentaram e ainda não conseguiram.

    Criaturo
    “…fala sério no inicio do debate eu deixei bem claro, vamos discutir racionalmente,…”
    e depois:
    ” pô que radicalismo se Adão e Eva tivessem pensado assim, voce não estaria aqui para poder pensar assim!”
    e ainda:
    “…ter inveja do Einstein por Deus ter revelado somente a ele a teoria da da relatividade, oras Deus esta para todos, se alguns se esforçam para entende-lo melhor, isto chama-se mérito próprio.”
    Discutir racionalmente?

    R: você critica postando pela metade,o que faz perder o sentido e parecer que voce tem razão, então vejamos na integra:

    Sobre a maternidade. Algumas mulheres não desejam ser mães e é direito dessas mulheres optar por não exercer a maternidade.
    Alguns homens não querem ser pais e é direito deles não exercer a paternidade. Ponto pacífico.
    R: pô que radicalismo se Adão e Eva tivessem pensado assim, voce não estaria aqui para poder pensar assim! he…he…he…he..he

    Eu te dei uma dica que era uma brincadeira, voce demonstrou não ter percebido, então alem dos he…he..he.he.. vou ter que adotar a tecla S.A.P do sentido real.

    Feliz pascoa !

  188. Para o CRiaTURO
    vamos desempatar esta questão, existem coisas que não podem ser vistas, mensuradas,tocadas e nem sentidas por terceiros ,mas elas existem e são bem reais pra quem as vivencia,pois assim como o amor existe Deus também existe.
    R – é assim que voce desempata a questao!

    Usando o artificio de que ninguem pode saber realmente o que se passa na sua cabeça, seus sonhos e imaginaçao. é isso o que voce entende por racionalizar.
    se algo so se pode ser sentido exclusivamente por voce a sua maneira nao pode ser visto como algo empirico e real.
    é serio, voce é mais inteligente do que isso CRIATURO!
    o mal é que quando a gente acredita e quer acreditar em algo, nos fazemos de burro e teimosos.
    Ninguem nasce crente em algo e nem ateu para coisa alguma, sao coisas que a gente assimila de acordo com nossa vida e entendimento do ambiente a nossa volta e do que acreditamos ser vida. O que acontece é que o ateu: PaRA – Pensa – Racionaliza & decide desprezar o que lhe foi obrigado a aceitar como verdade no decorrer de sua vida.

    O ateu se transforma, sai do pensamento comum e passa a duvidar em coisas sem prova e desejos pessoais. O crente ainda reluta. o que acontece entao?
    Inventa teorias, deuses, ideias, historias que apenas vem da sua cabeça, da sua vontade de que seja assim. como a sua historia da cachorrinha atropelada, que depois voce foi sincero em dizer que nao viu aquilo, ouviu alguem contar; e acreditou porque lhe era oportuno e faz parte de sua fé.
    Voce me fez lembrar a discussao com meu filho de 2 anos hj, ele pegava um lapis de qualquer cor e dizia que era o “amarelo”, eu dizia que o verde era verde e que o azul era “azul” – mas ele relutava.
    1o – é a convicçao dele, todos veem que ele esta errado, se voce tivesse presente, diria que ele esta errado, nao tem como relativizar isso, é a nossa cultura e entendimento, VOCE nao pode vir com a resposta: é a experiencia pessoal dele de que o “verde”na verdade é “amarelo” para ele.
    como voce bem disse que acredita no amor e colocou deus na mesma condiçao, ESTOU certo que de voce acredita, mas isso nao torna amor e DEus verdade para outras pessoas, sao coisas que estao na sua cabeça. Do jeito que voce acha que Deus é, pra outras pessoas é diferente. isso esta na mente das pessoas. Deus pra um pode ser “amarelo” para outro “verde”.
    2o – quando voce tiver numa situaçao seria, onde nao vai poder basear sua fé a fim de proteger sua vida, voce nao vai crer que o “verde” é amarelo. ex: voce precisa fazer uma operaçao de urgencia, a pessoa vem e diz pra voce. olha: o medico nao é bem um medico, é um cara que teve umas expériencias pessoais, com algo magico e sobrenatural – ficou uns dias em coma sonhando , sonhando & sonhando, e quando acordou diz que é medico e sabe tudo sobre operaçoes medicas.
    Voce vai entrar na sala de operaçoes com este homem???
    se entrar, acredito que nao vá sair.
    O ateu nao se apega as suas ideias e convicçoes como algo infalivel; como o religioso, estudamos e observamos as coisas, nao amamos a Teoria da Evoluçao, apenas nos parece verdade frente as coisas da vida e da natureza. “Nao envolvemos amor nessas coisas”.
    ——Nao misturamos sexo com amor——– (isso é parte de um texto para a querida Shirley, que prometi e ainda nao entreguei)
    Meu filho de 3 anos pode negar que o amarelo pra ele nao é “amarelo”, mas voce ou qualquer pessoa nao pode simplesmente negar isso. So porque voce quer e te faz bem e esta de acordo com o que lhe foi ensinado durante a vida.
    Nao confunda o ammor que voce tem ao Designer Inteligente que esta inteiramente na sua cabeça com a realidade da natureza!

  189. Antonio:
    assista a trilogia X MEN!! – com os olhos de um estudioso, ou antropologo, como queira. mais preste atenção: o filme tem o lado filosofico, nao se trata apenas de mocinho e bandido , super – herois.
    vai lhe responder umas coisas e lhe trazer mais um monte de duvidas, voce vai ver que suas preposiçoes irao falhar assim como o exagero da mutaçao ocorrida com os humanos de forma rapida.

    quando voce fala de humanos enchergando como aguias – fora de seu sistema comum natural, de uma hora para outra. Tipo estou com miopia, vou mudar minha genetica para olhos de aguia; e mesmo que isso ja esteja inserido antes de nascer, isso nos tornaria um outro tipo de animal na natureza, deixariamos de ser HOMO SAPIENS.
    se formos muito modificados deixariamos de ser ate mesmo da mesma especie, modificaçoes deste nivel no genoma implicaria em mudança radical da especie.
    voce deveria ler mais de biologia, genetica e afins. Nosso mapa genetico ja é parecidíssimo com o de ratos, e nem por isso somos classificados como de mesma especie. (apenas mamiferos)
    a natureza parece que evoluiu muito lentamente ate chegar a isso, depois de inumeros erros e defeitos e correçoes, esta onde esta! e qualquer minima mudança no genoma criaria X men e toda a confusao que e´contada nos filmes.
    Acredito que o ser humano vai evoluir sim, mas de uma maneira muito, muito lenta e natural, (Nao vamos poder brincar de “DEUS” – assim destruiremos a propria especie) talvez criaremos outra. transformaçao é diferente de modificaçao!
    Acredito que somos produtos da natureza, nao o contrario – nao acho que consigamos inverter o jogo.

  190. Greg.

    Penso que cada característica humana é definida dentro do genoma por um ou vários genes, a cor da pele, o tipo do cabelo, assim por diante… Dizem que os chimpanzés é o animal mais parecido com ser humano, os genomas das duas espécies chegam ser 96 ou 97% iguais, se não estou enganado… Veja abaixo o trecho de uma reportagem científica…

    ”””As diferenças no DNA de humanos e chimpanzés são de apenas 4% dos quase 3 bilhões de bases (letras químicas A, T, C e G) que compõem ambos os genomas.”O número de diferenças é muito pequeno. São cerca de 40 milhões de bases”, disse Robert Waterston, da Universidade de Washington, um dos coordenadores do estudo. “Nesses 40 milhões está o fundamento genético daquilo que nos torna humanos”””

    Sabemos que tivemos um ancestral comum com os chimpanzés há mais ou menos cinco bilhões de anos. Isto significa que já fomos muito piores do que os chimpanzés são hoje, já que nesse tempo todo eles também evoluíram muito…

    Assim, se a tendência é a evolução, não importa qual a causa, se as causas acidentais e aleatórias deram certo, porque não dariam certo as causas motivadas pela inteligência através da ciência????

    Se a tendência é a evolução, o que importa se daqui a um tempo indeterminado puder enxergar como a águia, ou melhor, podermos voar como um falcão Pelegrino ou corrermos como um guepardo????

    Se a natureza nos faz, radicalmente diferentes automaticamente, a cada intervalo de tempo, qual o problema em fazermos cientificamente de forma consciente aquilo que a natureza faz de qualquer forma????

    O que importa se mudarmos a resistência às doenças, se mudarmos as aptidões físicas para melhor, se até a inteligência evolui????

    Ou alguém me contesta nisto também????

    Desculpa a franqueza, arrumem outros argumentos para me contestar porque, os apresentados até agora, caíram por terra como sempre.

    Sabem porque????

    Porque eu recorro sempre à ciência ou à tendência científica e vocês ateus, recorrem à “FÈ” particular de vocês…

    A preocupação sua e da Shirley com a modificação da forma atual ser humano, é, com toda certeza, inconscientemente, RELIGIOSA…

  191. Greg, só complementando a última frase da minha postagem acima: “Deus fez assim, assim tem que ficar”. É exatamente isto que você e a Shirley estão dizendo, quando temem pela mudança do ser humano com a interferência no genoma ou na genética…

  192. Greg. você disse mais:

    “””Acredito que somos produtos da natureza, não o contrario – nao acho que consigamos inverter o jogo.”””

    Eu também acredito que somos produto da natureza, mas, acredito também que em matéria de evolução já tomamos as rédeas há algum tempo e, com certeza já começamos a inverter o jogo…

    O único problema é que a grande maioria, ainda não é capaz de perceber …

    Acredito que essa dinâmica e essa tendência já estavam previstas no “projeto humanidade”…

  193. Correção: onde eu disse 5 bilhões de anos leia-se 5 milhões.

  194. gregs

    se algo so se pode ser sentido exclusivamente por voce a sua maneira nao pode ser visto como algo empirico e real.

    R:” neste caso o amor também não pode ser considerado algo cientifico nem real ja que é um sentimento individualizado.”

    O que acontece é que o ateu: PaRA – Pensa – Racionaliza & decide desprezar o que lhe foi obrigado a aceitar como verdade no decorrer de sua vida.

    R: voce andou assistindo Matrix de mais e agora pensa que é o New liberto e que nós os crentes somos os iludidos presos nos casulos da crença programada pela cultura, no entanto crenças mutantes não podem alterar a sua realidade que continua sendo a mesma.
    No seu caso voce tambem pode ser apenas um cérebro em um laboratório, dentro de um vidro onde de tempos em tempos uma maquina alterne o seu programa ” crente para ateu, ateu para crente”….. e depois ainda se acha muito esperto, “um dos despertos da matrix”, acorda que voce ainda faz partes das ilusões humanas e ainda sofre da pior delas: ” acredita que despertou”…..he…he…he…he..he

    como a sua historia da cachorrinha atropelada, que depois voce foi sincero em dizer que não viu aquilo, ouviu alguém contar; e acreditou porque lhe era oportuno e faz parte de sua fé.

    R: bom mostraram o antes e o depois do acidente e a cachorrinha viva, pode ter sido uma montagem ? Pode! Mas e o caso recente que um menino atestado como morto levantou no caixão e pediu aguá ? isto foi mostrado em vários jornais com testemunhas ?
    mas voce tem razão temos tendencia em querer acreditar em nossas afinidades,mas isto também é valido para ateus nas suas descrenças radicais.

    Voce me fez lembrar a discussão com meu filho de 2 anos hj, ele pegava um lapis de qualquer cor e dizia que era o “amarelo”, eu dizia que o verde era verde e que o azul era “azul” – mas ele relutava.
    1o – é a convicção dele, todos veem que ele esta errado, se voce tivesse presente, diria que ele esta errado, nao tem como relativizar isso, é a nossa cultura e entendimento, VOCE nao pode vir com a resposta: é a experiencia pessoal dele de que o “verde”na verdade é “amarelo” para ele.

    R: a sua realidade é exatamente a mesma do seu filho ? voce consegue enxergar com os olhos dele e sentir como ele ?
    Como eu disse a crença não pode mudar a realidade das coisas, mas a maneira como sentimos individualmente pode mudar a “nossa” realidade.
    Assim podemos afirmar que a realidade pessoal é relativa e a realidade conjunta apenas pode ser “semelhante”, por exemplo ao submeter uma pessoa considerada dentro do normal a uma dor provocada por um objeto cortante, a nossa lógica da realidade nos diz que ela estará sentindo muita dor, mas se esta pessoa for um monge ou um faquir conseguirá anular o efeito da dor, inibido o cérebro com a força da sua vontade , então ele consegue alterar a sua realidade da dor.
    Para um cego de nascença não existe cores pois seus olhos não conseguem percebe-las, assim apesar da maioria concordar que elas são reais, para ele não são, ja que a realidade dele é diferente da nossa.
    O que define a realidade são nossos sentimentos, como os sentimentos são individuais e não mensuráveis a realidade na média pode ser semelhante, mas nunca será idêntica e a realidade pessoal é única.

    ESTOU certo que de voce acredita, mas isso nao torna amor e DEus verdade para outras pessoas, sao coisas que estao na sua cabeça.
    Deus é, pra outras pessoas é diferente. isso esta na mente das pessoas. Deus pra um pode ser “amarelo” para outro “verde”.
    R: sim concordo! Porem ambas são a mesma coisa: “uma cor” existente
    Mas então, devo então ignorar meus sentimentos, considera-los uma ilusão, ser ateu deles ? Voce pode me explicar como pode ter algo dentro na minha cabeça e não existir , tipo um unicórnio cor de rosa?
    Bom individualmente a cor, o cavalo , o chifre tambem existem fora dela, então apenas o conjunto visualizado seja uma montagem do meu cérebro, isto justifica-se porque o cérebro não é capaz de criar “individualmente”, coisas inexistentes ou ainda desconhecidas por ele, na verdade ele só pode manipular formas ja conhecidas finalizando um conjunto desconhecido.
    Da mesma forma o homem não consegue criar algo inexistente, ou seja fazer aparecer algo do nada inexistente, ele só consegue modificar algo existente alternado sua forma.
    Santos Dumont tinha o sentimento que poderia voar, mas homens não podem voar logo o sentimento dele era uma ilusão dentro da cabeça dele ? Ou o avião tornou-se um sentimento dele realizado e externado a todos ?

    Primeiro o sentimento a intuição, depois a fé e o trabalho realizando sentimentos invisíveis.

    De onde veio o pensamento original da existência de um criador ?
    Da necessidade de uma carência humana ou do sentimento de que se existe algo que não é fruto da inteligência humana, só pode ser fruto de uma inteligência superior externa ao homem, então por que não ter a humildade e acreditar que é ela esta no comando, pondo ordem no “barraco”.

    Deus é, pra outras pessoas é diferente. isso esta na mente das pessoas. Deus pra um pode ser “amarelo” para outro “verde”.

    R: fato! isto acontece na pratica porque a forma de sentir é unica, podem gerar entendimentos parecidos porem nunca serão idênticos, mas isso não pode alterar a realidade nem torna-la inexistente.

    ESTOU certo que de voce acredita, mas isso nao torna amor e DEus verdade para outras pessoas, sao coisas que estao na sua cabeça.

    R: esta sugerindo que devo ignorar meus sentimentos ? E de novo o cérebro não consegue criar coisas inexistentes, apenas juntar formas conhecidas externamente em uma forma desconhecida internamente.
    Portanto se Deus e o amor estão dentro da minha cabeça é porque meu cérebro conseguiu percebe-los captando-os de fora, talvez a forma que ele constrói o conjunto é que não represente a realidade externa visualizada por todos.
    Voce vai entrar na sala de operaçoes com este homem???
    se entrar, acredito que nao vá sair.
    R: se a minha fé pode estar errada a sua também pode, uma amigo meu me contou que necessitava operar umas pedras nos rins, mas que havia sonhado que elas haviam saído sozinhas, aguardando pela cirurgia manteve esta fé por varios dias mas nada deste “milagre” acontecer, chegando o dia marcado estando ele ja na sala de pré operatória continuou mantendo a sua fé ,conversou com Deus para que saísse tudo bem na cirurgia, quando sentiu uma forte vontade de urinar, foi ao banheiro e expeliu vaias pedras as quais me mostrou preenchendo metade de um copo .
    Quando o medico lhe chamou, disse ao médico que tinha acontecido um milagre e o médico constando a quantidade de pedras expelidas o dispensou da cirurgia.
    Quando não existir mais a razão humana, então só nos resta acreditarmos em uma Razão Divina guiando nossas vidas, quando não houver mais possibilidades a serem pensadas , então pense em Deus e terá pensado no todo.
    voce precisa fazer uma operaçao de urgencia, a pessoa vem e diz pra voce. olha……..
    R:…….. e escuta o médico cochichar como outro: ” fizemos o possível agora só nos resta rezar e esperar por um milagre”, se eu fosse voce esqueceria o orgulho ateu e rezaria junto com toda fé possível.
    A vantagem em ser crente é que onde a razão humana termina ainda podemos acreditar que a Razão Deus continua.

    O ateu nao se apega as suas ideias e convicçoes como algo infalivel;

    R: vou entender isso como sua duvida da inexistência divina.

    nao amamos a Teoria da Evoluçao, apenas nos parece verdade frente as coisas da vida e da natureza.

    R: Por que a evolução não pode fazer parte dentro do processo da criação divina ?
    E mais lógico amar a consciência do que a ignorância, porem ambas em graus diferentes , são necessária para criar –se e manter-se eternidade da vida, pois sem a ignorância não poderia haver a consciência nem da dor , nem do prazer e sem ter criado primeiro a ignorância, impossível seria vir na sequencia a criação da consciência.

    Meu filho de 3 anos pode negar que o amarelo pra ele nao é “amarelo”, mas voce ou qualquer pessoa nao pode simplesmente negar isso.

    R: no começo do post seu filho tinha 2 anos e no final ja esta com 3 anos espero que voce não tenha esquecido de cantar parabéns!

  195. Antonio

    “Sabemos que tivemos um ancestral comum com os chimpanzés há mais ou menos cinco bilhões de anos. Isto significa que já fomos muito piores do que os chimpanzés são hoje, já que nesse tempo todo eles também evoluíram muito…”

    O uso da palavra “piores” é o que define você e sua crença. E define o que me incomoda em você.
    Tendo em mente o processo evolutivo, por ser um processo, não cabe a palavra ‘piores’.
    É por isso que você é um crente e eu não sou, ou o Greg, ou o Barros, enfim.
    E falando apenas por mim mesma, não sou contra a mudança. Somos mutantes, temos sido desde sempre.
    A grande questão aqui é o que ‘mudança’ significa para você.
    Significa uma profunda rejeição da realidade da nossa natureza e a idealização de uma transformação tal que deixaríamos de ser o que somos. É isso que me incomoda nas suas pregações. Você quer jogar a água do banho junto com a criança, por assim dizer. O teor do seu discurso é o mesmo do de um fanático.
    Seu subtexto trata de milagres, de transformações daquilo que é – que segundo sua visão não serve – para algo que é muito melhor, idealizado por você.
    Portador da chama, arauto de novos tempos, profeta do amanhã…
    É assim que você soa, Antonio. Só que você está apenas repetindo, com alguma variação, o que já foi feito antes. E quando posto em prática, o resultado sempre foi o pior possível para os seres humanos.
    A palavra eugenia soa familiar a você?

  196. Shirley.

    Seu discurso consiste apenas em negar e discordar de tudo… Acho que isso é muito pouco, você tem capacidade, mas sua verdade, seu tema, seu foco, sua fé, são pobres, eu diria mais que pobres, paupérrimos. Não de dá alternativa nem conteúdo para contra-argumentar comigo frente à coerência e a razoabilidade das minhas hipóteses…

    Chega à beira da desonestidade intelectual em termos filosóficos… De forma sistêmica, eu apresento uma proposta de futuro para humanidade, dentro uma concepção, se não científica, inspirada na ciência… Apresento uma alternativa às teologias ingênuas e estúpidas que permeiam e fundamentam a fé da maioria há milhares de anos. Desde lá, do remoto passado, o discurso ateu é sempre o mesmo:

    “Deus não Existe”;
    “Não existe vida após a morte”;

    Esta falácia repetitiva e prolongada sem nenhum argumento que lhe dê respaldo e a justifique, esta cansativa demais pro meu senso de questionamento e reflexões… E, onde há falta de argumentos, há abundância de desrazão e outras inconvenências. Assim sendo…

    Té qualquer dia…

  197. Que pena, agora que parecia que iriam começar a se entender…..he…he..he..he..he

  198. Antonio

    “Seu discurso consiste apenas em negar e discordar de tudo…”

    Nestes tempos em que a maioria concorda com tudo e aceita qualquer tipo de absurdo, da religião, passando por essa praga de politicamente correto até a política, entre outras coisas, considero isso uma qualidade.
    Coerente o seu discurso é, dentro da irrazoabilidade que você propõe.
    Pena que você está se ausentando, gostaria que me apontasse onde fui desonesta intelectualmente.
    Mas gostaria ainda mais de saber por que cargas d’água você achou que eu estaria à procura de alternativas para os modelos de religião no mercado?…
    Deus não existe, não existe vida após a morte; são concepções bastante realistas de mundo, de entendimento. Não contenta a maioria das pessoas, isso é certo, mas isso é problema da maioria das pessoas, não meu. Eu sou coerente, como você mesmo aponta.
    E desrazão é não concordar com suas ideias?

  199. Se não pensar ao menos parecido com a ssrodrigues, já era! Você é um imbecil: não vê o que está bem na sua cara: Deus e nada sobrenatural existem; sem contar que o Universo, as galáxias simplesmente apareceram do nada. Essa é a coerência do ateu moderninho.

  200. A incoerência do crente atrasadinho e ignorantinho é que é de matar.
    Saído do nada só o seu deus.

  201. Pense antes de falar: NENHUM deus sai do nada. Isso se estuda até em antropologia. Para quem estuda religões é uma viagem. Não fale do que não domina, por favor.

  202. Tem razão. Nenhum deus sai do nada. Sai da cabeça vazia de gente que vive de procurar o unicórnio envolto no arco-íris dentro de um pote de ouro.

  203. Essa de unicórnio é velha, não surte mais efeito (se é que já serviu para algo). Foi apenas um comentário que fiz, Pelo que li, você perde muito tempo escrevendo sandices (“sai da cabeça vazia”). Como assim? Refere-se aos pobres anencéfalos?! Você não diz nada. Enrola, enrola porque entre os iluministas, os românticos (Nietzsche) e vocês moderninhos e sem argumentos consistentes, fica difícil. Não há comparação. Não há chance de diálogo. Uma pessoa que ataca os que creem. não merece atenção.

  204. Ô seu Anônimo !

    Na essência o que há são ataques às idéias. Eventualmente acaba por existir também desrespeito a pessoas que não a merecem justamente porque elas se vestem de idéias que não se sustentam, ou pior, se mantem somente na base do discurso falacioso, autoritário e frequentemente desumano.

    Não se assuste. Sua fé sempre vai encontrar lugares onde (re)pousar. Se não mais na sua mente, ora atingida pela dúvida e depois pela razão; talvez agora num outro hospedeiro, que temendo a morte, abdica da liberdade que implacavelmente o persegue.

    Medos todos temos. Imagino que além do desconforto trazido pelo confronto de sua fé com as tais idéias que a insultam, você deve também ter medo do julgamento que o suposto Deus amoroso e justo deve te reservar. Nem é preciso que você se esforce para lembrar o quanto Ele é incoerente, contraditório e indiferente a ponto de sugerir que só pela fé você verá como certo tudo que está errado pois o que os seus olhos veem na realidade não existe. A imperfeição do homem o impede de perceber a grandeza do amor divino; presume o crente obcecado pela fé que o infecta.

    Que atenção merece uma criatura que se permite chegar a esse ponto ? Ó Criador ! Onde você estava com a cabeça quando foi dar a inteligência que nos permite pecar e nos perdoar a todo instante ? Não sei se isso é ótimo ou péssimo.

    Enfim, perceba que talvez exista algum respeito ainda não declarado. Assim, eu assumo que não sei quem é mais idiota. Deus, que finge que existe ou “eu” que finjo que acredito… Pelo menos nós efetivamente existimos. Temos algo em comum. Já podemos começar a ter um diálogo. Se não gostar, continue com seu monólogo.

  205. Ô companheiro Fernando!

    Já no primeiro parágrafo você defende algo como “Sai da cabeça vazia de gente que vive de procurar o unicórnio envolto no arco-íris dentro de um pote de ouro.” Ao menos para mim como ofensa direta a uma pessoa que acredita em algum ou alguns deuses.

    No segundo parágrafo me pareceu que você tem aí no bolso sentenças e análises prontas. Eu acredito que nem o Papa e nem o Bispo mais erudito saibam quem seja Deus, até porque Deus tornou-se um conceito, uma escultura esculpida pelas mãos dos homens. Entenda com quem está falando, antes de cometer gafes de cartilha. Pelo que sei nenhum religioso teme a morte dessa forma. Ele lida como ateus ou melhor.

    Você tem razão em certos aspectos. Por exemplo, a respeito desse medo paranóico de ser julgado, etc. Mas ninguém está defendendo deuses aqui, muito menos um deus que pode ser interpretado de tantas formas. De fato há crentes obsecados, mas não infectados porque fé não é vírus.

    Você é um bom juíz. Parabéns! Entende de Deus como ninguém. E, dentre tantos idiotas, não entendo por que não entram os ateus. Não é justo. Seja mais justo, amigão.

  206. Fernando
    que temendo a morte, abdica da liberdade que implacavelmente o persegue.Medos todos temos.

    R: somos tão livres quanto peixes no aquário, e alguns possuem a mesma mentalidade, tanto crentes como os descrentes temem a morte isso é natural para o desconhecido.
    Porem só os ateus temem a vida com fé que a morte trará paz e o descanso eterno , mas alguns crentes compartilham desta mesma fé equivocada,

    A imperfeição do homem o impede de perceber a grandeza do amor divino; presume o crente obcecado pela fé que o infecta.

    R: fé não é uma doença e sim um sentido intuitivo que os céticos ainda não conseguiram desenvolver.

    Que atenção merece uma criatura que se permite chegar a esse ponto ?

    R: que atenção merece alguém que se julga melhor do que o outro ?

    Ó Criador ! Onde você estava com a cabeça quando foi dar a inteligência que nos permite pecar e nos perdoar a todo instante ? Não sei se isso é ótimo ou péssimo.

    R: ateus possuem uma natureza pessimista veja pelo lado bom voce não foi criado um verme menos racional ou um mineral insensível, então deixe de ser ingrato contra o seu criador.

    Assim, eu assumo que não sei quem é mais idiota. Deus, que finge que existe ou “eu” que finjo que acredito… Pelo menos nós efetivamente existimos.

    R: como disse um peixe no aquário só consegue perceber seu mine mundo aquático, para ele o resto do universo não existe, você sabia que o peixe é ateu de seres humanos ? Pois lhe falta essa consciência.

  207. SS

    Tem razão. Nenhum deus sai do nada. Sai da cabeça vazia de gente que vive de procurar o unicórnio envolto no arco-íris dentro de um pote de ouro.

    R: não seja tão piegas um ateu fala uma besteira o outro vem e bate palmas é assim ambos pretendem aumentar suas razões.
    Deus não é apenas fruto da carência humana, nem um produto da esquizofrenia, Deus é a observação de fenômenos naturais produzidos não pela inteligencia humana.
    cito as previsões do futuro, intuições maternas, transmissões de pensamentos e manifestações de espíritos.
    ateus convencionaram que crentes sofrem de esquizofrenia conversando com seres inexistentes através das orações,mas as pessoas de alguma forma sentem que estão sendo ouvidas .
    Fato real e recente

    uma diretora de escola perseguia e discriminava uma professora, esta se se sentindo perseguida e humilhada ao invés de se revoltar um dia resolveu praticar os sábios ensinamentos cristãos orando pelos que vos persegue e perdoando seus inimigos, no outro dia vinha ela caminhando até a escola , quando surpresa viu o carro da diretora parar ao seu lado e dizer:

    – voce quer uma carona ?
    – Não precisa é pertinho eu vou andando!
    – Entre no meu carro ,eu faço questão, disse a diretora.
    Ao aceitar a carona o comportamento da diretora mudou completamente e ambas passaram a ser amigas.

    Ateus dirão que as preces da professora não foram ouvidas e que casos como este sempre serão apenas uma coincidência,mas supomos que enquanto a professora orava a diretora estivesse tendo um sonho onde via a professora pedindo a Deus e desejando o bem para ela ?
    Não ficaria a diretora envergonhada e arrependida? Bom isso depende da índole e a consciência de cada um ,neste caso a oração de alguma forma foi atendida.
    quando vemos resultados na pratica da fé, ela deixa de ser ilusão e passa a uma realidade constatada.
    alias conheço um ex-ateu que através de um sonho deste, passou a ser crente, pois a mensagem foi bem real para ele.

  208. Criaturo,
    você tem mais intimidade, mandou bem.Multiplique esse caso da professora por bilhões de olutros casos. E o fato da cachorrinha é verdade, tanto quanto o do cão que, ferido, foi enterrado ainda vivo e dias depois, cavando, ele saiu e sobreviveu. E a ressurreição humana não é nenhum mistério. Sugiro que ateus façam uma pesquisa nos necrotérios. E o prpósito disso eu nem vou perder meu tempo aqui ;)

  209. anonimo
    continue por aqui,mas adote um pseudônimo , para não ser confundido com outros.

    sds

  210. Criaturo
    Agora nós teremos que pedir permissão a vocês para concordarmos sobre o que quer que seja? E não entendi seu uso da palavra ‘piegas’. De que forma o que escrevi soou exageradamente sentimental para você?
    Sobre a sua historinha da diretora e da professora.
    Você ultimamente tem me feito lembrar dos tempos em que vivia no sítio; sempre que surgia ocasião as pessoas contavam e recontavam “causos” bem como esses que você tem contado.
    Se eu fosse levar a sério esses “causos”, eu te diria para primeiro considerar que pessoas têm vontade própria e capacidade de auto-análise, não são essas coisinhas teleguiadas necessitadas da intervenção divina até para atos tão simples quanto fazer um exame de consciência, ou ouvir conselhos, etc.
    A não ser, é claro, quando deliberadamente como tão bem escreveu o Fernando, abdicam da liberdade que nos persegue implacavelmente (já sei, já sei…um ateu fala uma besteira, etc, etc) para ser escravo das próprias limitações e das dos outros.
    Deus é uma manifestação do desconhecimento dos seres humanos sobre qualquer coisa que não entendam, que não conhecem as causas e daquilo que temem.
    E vou te dizer que crentes não sofrem de esquizofrenia. é até pior que isso. Esquizofrênicos o são involuntariamente. A pessoa crente nisso ou naquilo escolhe se iludir, achando que “…de alguma forma sentem que estão sendo ouvidas .”
    Mas quando for o caso de acreditarem que estão recebendo “manifestações de espíritos”…

  211. Anônimo

    “Uma pessoa que ataca os que creem. não merece atenção.”

    Ah tá. Então o que você está fazendo, lendo e comentando o que escrevi?

  212. ss

    Agora nós teremos que pedir permissão a vocês para concordarmos sobre o que quer que seja?

    R: Se voces gostassem de ser contrariados estariam discutindo em fóruns teístas,mas como gostam de ter razão a pieguice atéia é a solução.

    Você ultimamente tem me feito lembrar dos tempos em que vivia no sítio; sempre que surgia ocasião as pessoas contavam e recontavam “causos” bem como esses que você tem contado.

    R: muitas vezes Deus nos coloca diante de pessoas e situações certas para atenderem a nossa necessidades de aprendizado, alguns casos são verdadeiros e deveríamos prestar mais atenção na moral da história.

    Se eu fosse levar a sério esses “causos”, eu te diria para primeiro considerar que pessoas têm vontade própria e capacidade de auto-análise, não são essas coisinhas teleguiadas necessitadas da intervenção divina até para atos tão simples quanto fazer um exame de consciência, ou ouvir conselhos, etc.

    R: como uma pena levada pelo vento, pretensão a liberdade e o orgulho conduzem ao ateísmo, nem todo pensamento que nasce no seu cérebro é seu mesmo , mas toda ação é uma decisão sua.

    Mas quando for o caso de acreditarem que estão recebendo “manifestações de espíritos”…

    R: Aprecio sua sutileza quando nos classifica de burros, iludidos e agora loucos,mas digamos que um espirito seria a consciência humana mantida sem a necessidade de um cérebro, para isso teríamos que acreditar na possibilidade da inteligencia saindo do invisível para o visível e vice versa.
    Me diga aih “Quando foi que os átomos passaram a raciocinar ?”

  213. Criaturo

    ” Se voces gostassem de ser contrariados estariam discutindo em fóruns teístas,mas como gostam de ter razão a pieguice atéia é a solução.”

    Primeiro que você não respondeu de forma direta a uma pergunta feita de modo direto. Deve ser consequência do hábito arraigado de obrigar o cérebro a se contorcer para tentar se enganar; acaba sendo usado mesmo quando não é necessário.
    Segundo, fóruns teístas, é? O que eu iria fazer num fórum teísta? Deixe-me ver…nada! Porque
    quando você escreve algo de que não gostam, não publicam, simples assim. Censura, você sabe como é. Esqueci, você não sabe como é. Você está acostumado com a prática de um blog ateu, que não censura praticamente nada.
    Criaturo, o oportunismo dos crentes sempre me deixa admirada.
    Essa sua pergunta aí sobre átomos pensantes. Quando convém, vocês são todos místicos, como por exemplo essa espécie de engenharia reversa de ectoplasmas ou do que seja, aí no final do seu comentário.
    E quando convém vocês se apropriam daquilo que renegam.
    Você, como crente, não deveria sequer admitir que somos feitos de átomos; somos, ou fomos criados magicamente. No máximo, no máximo somos subproduto de uma combinação limitada de átomos, já que o homem foi feito de um punhado de barro e a mulher de uma costela do punhado de barro.
    Me diga você quando foi que os átomos passaram a raciocinar? Eu não estava sabendo disso…

  214. ss rodrigues, eu não poderia simplesmente ofendê-la, apontá-la como mulher pouco sábia sem, antes, dar uma explicaçãozinha, porém nada tenho contra ateus. Todos temos direitos, no entanto você, não sei bem, mas parece carregar uma dor ou frustração especial (pessoal).

    Obrigada, Criaturo, pela recepção! :)

  215. Oi Day, resolveu voltar?

  216. É, mas pelo jeito nada mudou… Estou trabalhando muito (teatro). Ó! Não se sinta toda toda porque é fácil (para ti) me reconhecer hehehe.

  217. só de ler meio paragrafo ja sabia que a DAY tinha voltado!
    o nivel começou a cair!
    por parte dos crentes é claro!

    Ja perceberam que o Criaturo sempre conta “CAUSOS” que ele nao viu pessoalmente, sempre alguem contou ou ele ouviu falar de algum lugar!
    eu queria aproveitar o momento e pedir a ajuda do Criaturo para ressuscitar ou dar uma dica de quem faça isso, porque o cão do irmao da minha namorada tomou um tiro e ATE AGORA Esta morto, infelizmente nao tive a sorte de ver uma ressuscitação ou ouvir falar de uma como o Criaturo.
    O cara levou na macumba, na igreja, no hospital, mas nao conseguiu salvar o cao, esta chorando mundo, triste e desolado. ele faria de tudo para salvar o cao, espero que isso toque o coraçao do Criaturo e ele me indique ou informe algum contato para que possamos tentar salvar o cao, que a essa hora pode estar no outro mundo.
    é serio! precisamos dessa ajuda! e tambem eu gostaria de ver uma ressuscitaçao, assim poderia ate dar o meu testemunho em prol dos crentes, sem vergonha nenhuma, com o maior prazer do mundo. Afinal uma vida foi salva, mesmo sendo de um cachorro, mas o que vale é o fator sentimental.
    acho ate que o rapaz chorou mais do que seria esperado por um cachorro, desconfio que ele nao fará isso com a morte de um irmao e com certeza com a minha, que no maximo irá no enterro.
    Criaturo nao perca tempo – o apello esta feito.
    ja enterraram o bicho, mas como foi dito acima por um passageiro do blog ainda é possivel que ele volte a vida e cave a terra para voltar ao seu dono.
    obrigado pela atenção!

  218. Antonio Ferreira

    Porque eu recorro sempre à ciência ou à tendência científica e vocês ateus, recorrem à “FÈ” particular de vocês…

    se tá de sacanagem! – É PIADA ISSO?
    ta bom vou orar pelas suas ideias hoje, E TORCER para que a humanidade nao se destrua com os Xmen que surgiram!
    Torcer com fé , é claro

    Apenas assista o filme que lhe indiquei e veja a diferença entre homo sapiens e Mutantes!!!
    raciocina um pouco! – força a mente que dá!

    e nao sei ainda aonde o ser humano inverteu o jogo com a natureza???
    nós dependemos totalmente dela para viver e da sua boa vontade em não nos matar!!!
    a qualquer momento essa força que nos chamamos de natureza pode acabar com tudo, inclusive com a sua vida. e vc acha que estamos quase lá; invertendo o jogo?

  219. Antonio
    para encerrar essa conversa que ja esta quase beirando o ridiculo, ( por causa da fé na sua teoria, e vc dizer que ateus tem fé em algo)
    vou deixar algo precioso a voce:
    VEJA o video ! —— tem no YoU TUBE —— A hipocrisia dos ambientalistas, de George CARLIN — que na minha humilde opiniao é o melhor video dele e tambem a verdade nua e crua sobre a natureza ; a qual voce diz que estamos QUASE dominando.
    O texto dele é baseado em dados realmente cientificos e comprovados por A + B – nada de falacias e devaneios , espero que voce entenda e aprenda sobre o assunto NATUREZA, o qual voce demonstrou que nao sabe muito e desconhece leis elementares e importantes.
    sabe quem ja matou mais no mundo ate hoje?
    Hitler? – Cristaos? – mulçumanos? – comunistas? capitalistas? NAO.
    Tenho que te confessar; nao foram os religiosos, esses mataram muitos, mas nao o suficiente para superar o maior de todos os matadores e aniquiladores de vidas.
    Esse destruidor sem piedade e que nao descrimina pessoas e lugares, ricos nem pobres, com cor ou sem cor. aaaaaadvinha…………………?
    È a querida mae natureza!
    força tal que voce diz que estamos quase dominando!

  220. Gregs
    Ja perceberam que o Criaturo sempre conta “CAUSOS” que ele nao viu pessoalmente, sempre alguem contou ou ele ouviu falar de algum lugar!

    São caso verídicos de fontes confiáveis próximas a mim, tambem tenho minhas evidências próprias da minha experiência pessoal.

    porque o cão do irmao da minha namorada tomou um tiro e ATE AGORA Esta morto, infelizmente nao tive a sorte de ver uma ressuscitação ou ouvir falar de uma como o Criaturo.
    espero que isso toque o coraçao do Criaturo e ele me indique ou informe algum contato para que possamos tentar salvar o cao, que a essa hora pode estar no outro mundo.

    R: ufa! por um momento pensei que voce tivesse perdido o cunhado, no caso do menino que levantou do caixão muitos testemunharam pessoalmente e ficou registrados em vários jornais.
    Não esquenta, nem seja apressado que uma hora todos nós teremos oportunidade para constatar a veracidade da vida eterna.
    fique tranquilo que o cão do seu cunhado esta feliz vivendo em outro nivel de consciência, se de fato gostasse dele ele viria até a sua consciência através dos sonhos então voce sentiria um amor real e comovente e acordaria com o coração batendo mais forte.

    Criaturo nao perca tempo – o apello esta feito.
    ja enterraram o bicho, mas como foi dito acima por um passageiro do blog ainda é possivel que ele volte a vida e cave a terra para voltar ao seu dono.
    obrigado pela atenção!

    R: cara! seu apelo não passa de uma grande cachorrada, então recomendo “o roque da cachorra chamada sua mãe” do Eduardo Dusek,……. troque seu cachorro por uma criança pobre se não um dia voce vai acabar amanhecendo latindo..aua..au…au..au.

    obrigado pela atenção!

    R: volte sempre!

  221. Bom Greg,

    Não temas, pois não pretendo avacalhar mais você hehehe. Mas ainda acho que essa postura grosseira para quem nada tem a dizer deveria mudar.

    Abraço!

  222. Saudaes sou um apreciador de vosso blog e venho solicitar que conceda uma matria especial para meu Zine sobre bandas de Black metal e conseqentemente teorias anti religio e neste caso como avia lido outrora sobre a teria da evoluo gostaria de algo semelhante para publicar caso seja interessante.

  223. Esta série sobre o sentido da vida é uma das minhas preferidas do blog. Volta e meia eu leio novamente.
    Excelente!

  224. […] Parte 13 […]

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: