Que amor mais vagabundo!

>

Os crentes fanáticos que eu conheço não me suportam. E não me suportam porque não costumo ouvir calado as besteiras que eles falam sobre a sua crença. Eles não me suportam porque eu lhes mostro, sem meias palavras, que seus motivos para acreditar em Deus são completamente sem sentido, fruto apenas do desejo de que as tolices em que acreditam sejam mesmo verdade.

O crente é, em essência, um tremendo covarde.

Um covarde.

Ele treme de medo ante a ideia de seu próprio aniquilamento; ele não suporta pensar que sua vida não esteja sendo guiada pelo GPS divino; ele não cogita a possibilidade de não haver uma missão para a qual ele foi “enviado” para cumprir; ele não conseguiria sobreviver sem a sensação de que há alguém atendendo aos inúmeros pedidos que ele faz o tempo todo…

Mas ele não tem forças nem coragem para admitir isso para si mesmo diante do espelho. Daí ele precisa de quem lhe reforce a fé; daí ele precisa da sua comunidade de fingidores; daí ele precisa da sua religião. E religião é isso: um clube de covardes lamurientos.

Já reparou nas letras das músicas evangélicas? Pois repare. Você vai ouvir somente uma corrente sem fim de lamúrias, de choramingos, de clamores desesperados feitos em voz chorosa; você vai ouvir uma série interminável de pedidos de todos os tipos; para que Deus lhes dê bens materiais, para que lhes receba no Paraíso, para que lhes salve de inimigos e do “Inimigo”, para que os cure, para que os proteja, para que os console, para que os recompense… Eles pedem, pedem, pedem e pedem… Em troca, para agradar a essa fonte inesgotável de dádivas, eles lhe babam o ovo sem dó nem piedade: tu és santo, tu és lindo, maravilhoso, único, todo-poderoso, supremo, fiel, fabuloso… tu és o rei dos reis, senhor dos senhores… eu te amo, não vivo sem ti, dependo de ti, minha vida não vale nada sem ti, não há outro deus diante de ti… e por aí vai, numa subserviência, numa bajulação e numa devoção forçada que enoja!

Crente nenhum ama Deus. Amor passa muito, muito longe dessa mesquinhez toda. Os crentes apenas se submetem a ele, por acharem que é o deus mais poderoso que há, ou, sendo o único deus, por temerem seu Inferno e cobiçarem seus prêmios. Uma atitude tão humilhante, quanto cretina.

O amor que os cristãos alegam ter por Deus não é amor. E, ainda que fosse, seria o tipo de amor mais vagabundo que poderia existir, dedicado a um ser que nem mesmo existe.

Anúncios

18 Respostas

  1. E além de tudo… tem preconceito contra os que não acreditam em sua crença…

    Se julgam injustiçados e perseguidos, mas perseguem PRINCIPALMENTE os ateus…

    Pena

  2. Barros, sabes falar de amor…
    realmente,passa longe!!!

  3. “O crente é, em essência, um tremendo covarde. Um covarde!”
    kkkkkkk. Enquanto eu sou fraco é ai que estou forte! Porque meu Deus está comigo! Covarde é aquele que não tem coragem de seguir uma ideologia! Alguem que entra numa terra pra falar de Jesus, correndo o risco de ser morto isso, que é covardia!!

    Baba ovo? kkkkk, gostei dessa, bem que eu queria ser o maior baba ovo de Deus! Quanto aos Hinos Evangélicos, não é so de lutas, pedintes como vocês disse! Mas sim de adoração, exaltação, profecias e muito mais…Agora há uma igreja que pede, pede, pede e pede bens materias…Mas lhe digo! Procurai primeiramente a Deus e todas as coisas lhes serão acrescentadas… Amas seu carro mais que seu Deus, sua esposa, seus filhos!? Pena que há uma igreja assim! Mas quem sou eu pra julgar alguém!

  4. É hehehe é quase um TOC se eu não elogiar meu deus todo dia e condenar os mals ao inferno , algo vai dar errado hehehe.

  5. hahahahaha…Bravo!!!

    Excelente tecto & comentário acima!!

  6. Prezados Amigos,
    Embora não me considere um ateu de vez em quando passou aqui para ver as postagens e de certa forma acho muito lógica as colocações que vocês fazem e se vocês não acreditam que Deus exista é graças a maneira que os “cristãos” o apresenta a vocês. Mas não é essa as questões que quero levantar aqui.
    Acredito sim que exista uma força maior que mantem tudo aqui funcionando mas não consigo acreditar por mais que tente e até por uma questão de lógica nesse livro chamado bíblia que dizem ser a palavra de Deus e isso se deve ao fato de já ter estudado esse livro em algumas igrejas, não no sentido de me tornar membro de nenhuma delas mas por uma questão de um pouco mais de entendimento dessa tal palavra de Deus e cheguei as seguintes conclusões:
    Em cada igreja pela qual passei as interpretações deste livro divergem e muito inclusive nas 2 últimas (testemunhas de jeová e adventistas) se consideram donas exclusivas da verdade e intérpretes oficiais da “palavra de deus” .
    Quando questionava o porque de Deus ter colocado aquela maldita árvore no jardim do éden e porque mandou o tal anjo que se rebelou contra ele para lá, qual a intenção que havia por detrás disso (se era pra ferrar com a humanidade toda) eles simplesmente diziam que a palavra de Deus não se questionava, que se nós seres humanos somos lógicos e Deus não era, que não tinha porque questionar.
    E por fim perguntava o porque de mandar matar Jesus para nos salvar já que quem era mau era o tal diabo. Não era mais fácil ter exterminado e acabado com o diabo que eram mau? Fora outras e outras questões que poderia expor aqui mais não desejo tornar a mensagem muito extensa. Desisti de tentar entender esse livro chamado bíblia por esse motivo: por ser um livro totalmente desprovido de lógica e por cada igreja ter a sua interpretação pessoal do mesmo e também pelo fato de ter uma igreja diferente em cada esquina. Ora, se é a palavra de Deus a igreja deveria ser única e a interpretação única também.
    Igreja é um comércio onde se vende isso que eles chamam de fé.

  7. Ufa hoje consegui instalar as coisas no meu pc ; mas ainda não esta muito bom vamo ver se consigo me manter no ar rrssss

  8. Sr. Manipulado pela igreja aqui para o Sr.

  9. Se deus ama o mundo e quer que as pessoas tenham vida e vida com abundância , porque ele criou um mundo que não condiz com suas vontades , um mundo onde pessoas morrem por diversas causas naturais , como por exemplo a peste bubonica, terremotos , tsumanis, ondas de frio e calor extremo, câncer , criou o inseto barbeiro que transmite a doença de chagas e etc etc etc…

  10. Deus criou diversas coisas assassinas. Ou vai dizer que não?

  11. Espantem-se com a incrível cara de pau do lularápio do Mensalão em arranjar uma meia-irmã que foi freira, ou seja, uma “morta” que o bicho escalou para subir em favelas com o dedo apontado como arma contra o Brasil.
    PASMEM!
    Vejam rápido postado em comentário aqui http://www.diariodeunsateus.net/2012/08/15/o-papa-o-mordomo-o-informatico-e-a-fuga-de-documentos/

  12. Quando eu era religiosa eu me recusava a aceitar que eu tinha que amar a uma coisa que eu nunca vi mais do que as pessoas que eu vejo.Essa mania desse deus fictício de querer atenção o tempo todo,de se auto-afirmar e querer bajulação!Fala sério,ele precisa de um bom psiquiatra!Uma vez perguntei a um crente se ele achava certo deus ter matado o filho ou irmão de Arão por ter oferecido incenso estranho e sabe o que ele respondeu?Que deus pode tudo,que se ele deu a vida e pode tira-la a qualquer momento!
    É interessante porque os religiosos tem conhecimento das barbaridades da bíblia. O problema é que o censo de moral e de justiça deles é que são alterados.Na mente deles o fato de deus ser todo poderoso lhe dá o direito de cometer as maiores atrocidades e sair ileso.A religião justifica tudo!

  13. Este deus do crentes, católicos e afins e muito semelhante ao mestre dos magos. Sempre que ajuda ,mais nunca da uma dica certa pra saída. Além de fazer os filhos comerem o pão que o demo amassou, deste jeito com esta bondade toda ele ajuda até mesmo os demo a encher o inferno de súditos.

  14. Meu irmão me disse uma coisa hoje “o sacrifício de Jesus que os crentes dizem ser prova do amor de deus “não teve nenhum valor por ter sido revogado pois quando Jesus ressuscitou este ato perdeu todo seu efeito pois para que continuasse valendo Jesus deveria ter permanecido morto,parece que deus dá e deus tira até o pecado do mundo ele tirou e depois colocou de novo neste com a ressurreição de seu filho-deus-espirito santo.

  15. Barros, Manipulado e outros…
    sr. criador o que você tem então para oferecer em lugar de todo engano que você relatou e que milhares de pessoas vivem e acreditam. O QUE VOCÊ OFERECE EM LUGAR DESSE DEUS E DESSE AMOR DE VAGUEANTES??
    Que possa preencher o vazio do ser (ontos) desses milhares de miseráveis ávidos e sedentos por suprir o buraco do tamanho do universo que tem dentro de sí.
    Porque aquela minoria que está cheio de si, não tem essa necessidade, nem busca nem precisa de nada, nada mesmo.
    Então o que vocês tem para oferecer em lugar desse deus e desse amor fingido que você muito bem “conhece” e descreve com alguma propriedade aqui.
    OQUE TENS PARA OFERECER EM TROCA, A ESSAS ALMAS VAGABUNDAS?? não o que tem para sugerir, mais, para OFERECER EM LUGAR DE…

    Abração
    Paz e vitória na pessoa daquele que mudou o calendário do mundo em AC/DC e pelo qual podemos provar o dia em que nascemos e dependemos para comemorar a data de nosso aniversário.
    Aquele que não pediu nada a ninguém, nem tirou nada, simplesmente existe… Esse é o kara
    Joel Verníck

  16. O Deus da bíblia é complicado e perfeitinho, como diz a música dos Raimundos, mas ele é do jeito que é , o jeito é gostar, amar ele desse jeito mesmo, pq bem sabemos como ele é violento e cruel com quem desobedece. Já q temos q obedecer, vamos obedecer com gosto e boa vontade.

  17. […] Que amor mais vagabundo! […]

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: