Teste seus amigos crentes (Fim)

#6 Deus quer a nossa salvação?

Você já entendeu como esse teste funciona. Eu o desenvolvi com um único intuito: o de conter a enxurrada de baboseiras que os crentes falam sem parar, enquanto tentam vender seu deus Jesus, visto que o Deus-pai é mesmo insuportável, até pra eles. 

E o teste funciona assim: escolha um crente e fixe um tópico de debate com ele. Não o deixe conduzir a conversa, porque os religiosos convictos de sua fé são hábeis em falar muito sem dizer nada; eles são exímios emendadores de frases tolas; repetidores incansáveis de versículos-camisinha (os que mantêm sempre na carteira, ou não vão pegar ninguém); são construtores de períodos sem nexo, orações com muitos verbos, mas nenhum fundamento, e discursos inteiros que não oferecem nada mais além de barulho e aporrinhação.

Conduza você a conversa. E não permita que o seu amigo divague, que se desvie do assunto, porque é assim que ele próprio se engana: fingindo que tem uma explicação, fingindo que seu raciocínio faz algum sentido.

Foco. Deus é uma formiga na luz convergente de uma lupa sob o sol do meio-dia. Mantenha a conversa com seu amigo crente girando em torno de um único ponto, e Deus vai tostar sob os raios intensificados da razão. E vai começar a feder. Você vai perceber isso no rosto do seu amigo religioso, quando ele começar a fazer caretas de incômodo.

Ah, então Deus quer nos salvar? Mas salvar de quê? Ou de quem? Dele mesmo? Eu tenho que ser salvo do Inferno? Foi pra isso que esse seu Deus bonzinho construiu o Inferno? Pra me chantagear? Ah, não foi ele quem construiu? Mas, sendo todo-poderoso e tal, se ele permitiu a construção de um Inferno, é, no mínimo, conivente com ele, e, talvez, faça mesmo parte dos seus planos, porque, sem Inferno, não haveria nada do que eu ser “salvo”.

Não importa que pergunta você vai fazer; o segredo é só manter o foco. Não deixe que seu interlocutor se refugie na verborragia dos que sabem a Bíblia de cor; na eloquência dos que enriquecem vendendo lotes do Paraíso; na sandice dos que não sabem completar uma frase sem soltar um “Aleluia”.

Mostre para o seu amigo crente que toda a sua fé se baseia num conjunto quase infindável de argumentos que sustentam um ao outro, mas que não se sustentam sozinhos.

.

 

Teste seus amigos crentes 1

Teste seus amigos crentes 2

Teste seus amigos crentes 3

.

Anúncios

134 Respostas

  1. Ô, Shirley, publica aí um texto falando do teu blog.

  2. Aceitei o convite, Barros, já está feito e agradeço mesmo!

  3. O Inferno existe por causa do livre-arbítrio. Como diz a Bíblia, não cabe ao homem escolher seu próprio destino, mas sim escolher entre o bem e o mal. E cada caminho leva a um lugar diferente, cada decisão tem suas consequências (“o salário do pecado é a morte”); portanto, mais do que uma ameça de Deus, o aviso sobre o perigo do Inferno é um conselho de Deus, tipo: “não siga este caminho, pois ele vai dar no Inferno”. Cabe a nós escolhermos qual caminho seguir: o caminho do bem ou o do mal; mas, temos que arcar com as consequências de nossas escolhas.

    Alguns teólogos afirmam que o Inferno não é, literalmente, um lugar físico, mas um estado da alma de completo afastamento de Deus. Ora, se Deus é a fonte de todo o bem e no Inferno não chega a luz de Deus, então, lá só pode haver mal e sofrimento!

    Talvez, o Inferno não tenha sido sequer criado por Deus, mas seja algo que sempre existiu; talvez, seja o caos ou as famosas trevas que não conseguiram dominar a Deus e onde não chega o domínio de Deus; fonte de toda ordem, de toda luz e de todo o bem. Conforme diz a Bíblia: “No princípio o era o Verbo (Logos) e o Verbo estava com Deus e o Verbo era Deus. No princípio, ele estava com Deus. Tudo foi feito por meio dele e sem ele nada foi feito de tudo o que existe. Nele estava a vida e a vida era a luz dos homens, e a luz brilha nas TREVAS, e as TREVAS não o dominaram.” (João 1, 1-5).

    E de onde Satanás teria tirado seu poder para tentar tomar o lugar de Deus, senão, dessas estranhas trevas de que fala a Bíblia? Tanto que ele é chamado de o Príncipe das Trevas e que age pelo poder das trevas! Estranho é que, no episódio do Êxodo, uma das pragas do Egito foi essas estranhas trevas, que era tão densa que era possível apalpá-la e cheia de espectros medonhos que enchiam os egípcios de pavor.

    Por outro lado, Santo Agostinho tinha um raciocínio bem interessante sobre o mistério do bem e do mal. Ele argumentava que o mal não existe de fato como um ser ontológico ou princípio eterno; mas, sim, que, assim como as trevas é a mera ausência de luz, o mal é apenas a ausência de bem. E que, portanto, quanto mais nos afastamos de Deus (fonte de todo bem), mas nos aproximamos do nada, do qual fomos criados.

    Seja lá o que for, o que importa é que se somos apenas peças de um jogo divino (tipo jogo de xadrez) entre o Bem e o Mal e, dependendo da nossa decisão, ficaremos eternamente ou com Deus ou com o Diabo, devemos ser humildes e aceitar as regras do jogo. Pois, se essa é a verdade, do que adianta ficar reclamando; que poder temos nós para dizer a Deus e ao Diabo que não queremos seguir nenhum dos dois, que não queremos participar desse jogo?

    O livre-arbítrio consiste apenas em escolher entre o bem e o mal, entre Deus e o Diabo, e não escolher um terceiro caminho ou escolher não seguir nenhum dos dois!

    Portanto, é sensato e prudente seguir a aposta de Pascal e procurar escolher o caminho do bem e seguir a Deus; pois, no fim das contas, não temos nada a perder!

    Ora, se Deus existe e sua Justiça é infinita (talvez, até matemática: “… Não sairás de lá até pagar o último centavo”); então, é razoável a existência do Céu, do Purgatório e do Inferno. Pois, caso contrário, não haveria justiça; pois, todos, santos e pecadores, receberiam a mesma paga; onde, tanto um São Francisco de Assis como um Hitler iriam para o mesmo lugar!

    Todos querem a Misericórdia de Deus, mas poucos aceitam a sua Justiça. Porém, devemos lembrar que a Misericórdia de Deus é infinita, mas que sua Justiça não é menor!

  4. Relembrando que, fora a Bíblia, alguns santos da Igreja tiveram revelações privadas sobre o Inferno; como Santa Catarina, Dom Bosco, Santa Faustina, os videntes de Fátima, etc. Eis alguns trechos do livro “O DIÁLOGO”, de Santa Catarina de Sena, que ela afirma ter sido ditado pelo próprio Deus:

    “…
    14.3.2 – O JUÍZO PARTICULAR

    Os pecadores não podem desculpar-se. Continuamente são por mim convidados ao conhecimento da Verdade. Não se corrigindo enquanto podem fazê-lo, uma segunda repreensão os condenará.

    Ela acontece no último instante da vida, quando meu Filho chamar: “Surgite mortui, venite ad judicium” (Levantai-vos, ó mortos, vinde para o julgamento)! Tu que morreste para a graça e morto chegas ao fim da vida terrena, levanta-te, aproxima-te do supremo Juiz.

    Aproxima-te com tua maldade, com teus julgamentos falsos, com a lâmpada da fé apagada. No santo batismo, ela foi-te entregue acesa; tu a apagaste com o sopro do orgulho e da vaidade do coração, usados como velas enfunadas às ventanias contrárias à salvação. O amor da fama soprava teu amor-próprio (egoísmo) e tu corrias alegre pelo rio dos prazeres mundanos; seguias a frágil carne, as incitações do demônio, as tentações. Tua vontade era um pano retesado e o diabo te conduziu pela estrada do mal, junto com ele, para a eterna condenação…

    Filha muito querida, esta segunda repreensão se dá no fim da vida, quando não há mais remédio. Ao chegar o instante da morte, o homem sente remorso. Já afirmei que ele é um verme cego por causa do egoísmo. No instante final, quando a pessoa compreende que não pode fugir das minhas mãos, esse verme recupera a visão e atormenta interiormente a pessoa, fazendo ver que por própria culpa chegou a tão triste situação. Se o pecador se deixar iluminar e se arrepender – não por medo dos castigos infernais, mas por ter ofendido a suma e eterna bondade – ainda será perdoado. Mas se ultrapassar o momento da morte nas trevas, no remorso, sem esperança no sangue ou, então, lamentando-se apenas pela infelicidade em que se acha – e não por ter me ofendido – irá para a perdição. Sobrevirá, pois, a repreensão pela injustiça e falso julgamento.

    Em primeiro lugar, a repreensão da injustiça e do julgamento falso em geral, praticados no conjunto de suas ações; depois, em particular, do último instante, quando o pecador considera seu pecado maior que minha misericórdia. Este (Mt 12.32) é o pecado que não será perdoado, nem aqui nem no além. O desprezo voluntário da minha misericórdia constitui pecado mais grave que todos os anteriores. Neste sentido, o desespero de Judas desagradou-me e foi mais grave que a sua traição. Também para meu Filho! É por causa deste (último) julgamento falso que o pecador sofre a repreensão, ou seja, porque acha que sua falta é maior que meu perdão. Este é o motivo da punição, indo sofrer eternamente com os demônios.

    A repreensão da injustiça acontece porque os pecadores sentem mais tristeza pelos próprios danos que por me terem ofendido. São injustos, no sentido de que não atribuem a mim o que me pertence e a si o que é deles. A mim deveriam oferecer o amor, a tristeza e contrição dos pecados cometidos. Mas agem no sentido oposto, só demonstrando autocompaixão e angústia pelo castigo que lhes merecem seus pecados. Como vês, são injustos. E por tal motivo são punidos por uma e outra coisa. Já que desprezaram meu perdão, com justiça mando-os ao castigo (Mt 25,41), juntamente com a escrava sensualidade e o tirano demônio, a quem na sensualidade serviam. Já que solidariamente me ofenderam, juntos serão punidos e atormentados. Os próprios demônios, encarregados por mim de cumprir a sentença de justiça, atormentá-los-ão.

    Filha, tua linguagem é incapaz de descrever os sofrimentos destes infelizes. Sendo três os seus vícios principais – egoísmo, medo de perder a boa fama e orgulho – aos quais se acrescentam a injustiça, a maldade e vergonhosos pecados, no inferno os pecadores padecem quatro tormentos principais.

    Primeiro tormento é a ausência da minha visão. Um sofrimento tão grande que os condenados, se fosse possível, prefeririam sofrer o fogo vendo-me, que ficar fora dele sem me ver.

    Segundo tormento, como conseqüência, é o remorso que corrói interiormente o pecador privado de mim, longe da conversação dos anjos, a conviver com os demônios.

    Aliás, a visão do diabo constitui o terceiro tormento. Ao vê-lo, duplica-se o sofrer. No céu, os bem-aventurados exultam com minha visão e sentem rejuvenescer o prêmio recebido pelas fadigas amorosamente suportadas (no mundo); da mesma forma, mas em sentido contrário, os infelizes danados vêem crescer seus padecimentos ao verem os demônios. Nestes, eles se conhecem melhor, entendendo que por própria culpa mereceram o castigo.

    Assim o remorso os martiriza e jamais cessará o ardor da consciência. Muito grande é este tormento, porque o diabo é visto no próprio ser; tão horrível é sua fealdade, que a mente humana não consegue imaginar. Se ainda o recordas, já te mostrei o demônio uma vez assim como ele é; foi por um átimo de tempo.

    Quando retornaste aos sentidos, preferias caminhar por uma estrada de fogo até o juízo final que tornar a vê-lo. No entanto, apesar do que viste, ignoras sua fealdade. Especialmente porque, segundo a justiça divina, ele é visto mais ou menos horrível pelos condenados, segundo a gravidade das culpas.

    Quarto tormento é o fogo. Um fogo que arde sem consumir, sem destruir o ser humano. É algo de imaterial, que não destrói a alma incorpórea. Na minha justiça permito que tal fogo queime, faça padecer, aflija; mas não destrua. É ardente e fere de modo crudelíssimo em muitas maneiras, conforme a diversidade das culpas. A uns mais, a outros menos, segundo a gravidade dos pecados.

    Destes quatro tormentos derivam os demais: o frio, o calor, o ranger de dentes (Mt 22,13). Como vês, repreendo os pecadores nesta vida por seus julgamentos falsos e injustiças; se não se corrigem, faço-lhes uma segunda repreensão na hora da morte; pela ausência de esperança e arrependimento, sobrevêm-lhes a morte eterna em indizível infelicidade!

    14.8 – A ILUSÃO DO PECADO

    Eu disse antes (14.7) que o demônio convida os homens para a água-morta, a única coisa que lhe pertence, cegando-os com prazeres e satisfações do mundo. Usa o anzol do prazer e fisga-os mediante a aparência de bem. Sabe ele que por outros caminhos nada conseguiria; sem o vislumbre de um bem ou satisfação, os homens não se deixam aprisionar. Por sua própria natureza, a alma humana tende ao bem. Infelizmente, devido à cegueira do egoísmo, o homem não consegue discernir qual é o bem verdadeiro, realmente útil ao corpo e à alma. Percebendo isso, o demônio, maldoso, apresenta-lhe numerosos atrativos maus, disfarçados porém sob alguma utilidade ou prazer. Adapta-se ele às diversas pessoas, variando atitudes e males conforme crê oportuno. De uma forma tenta o leigo, de outra o religioso, o prelado, os chefes; a cada um, conforme sua posição social.

    Falei dessas coisas, porque no presente estou ocupando-me dos pecadores que se afogam pelo rio do pecado. São homens egoístas, que só pensam em si mesmos. Amam a si mesmos, ofendem-me. Já disse (14.5) para onde se encaminham; agora quero mostrar-te como se iludem, pois ao tentar fugir dos sofrimentos, em sofrimentos caem. Julgam que o fato de me seguir através da ponte-Cristo seja causa de muita fadiga, por isso voltam atrás com medo dos espinhos. Na realidade tal atitude procede da cegueira e ignorância da Verdade, como te fiz ver no início de tua vida, quando rogavas misericórdia em favor do mundo, desejosa de que eu o libertasse do pecado mortal.

    Naquela ocasião, mostrei-me a ti na figura de uma árvore. Não vias onde começava, nem onde terminava; somente percebias sua raiz na terra. A “terra” era vossa natureza humana, unida à natureza divina (em Cristo). No tronco da árvore – se ainda recordas – havia alguns espinhos. Evitavam-nos os amantes da própria sensualidade, os quais corriam para um monte de palha, símbolo dos prazeres humanos. A palha assemelhava-se ao trigo. Vias que muitos ali morriam de fome; outros, ao dar-se conta da ilusão, voltavam à árvore, superavam com decisão os espinhos. Essa decisão, antes de ser tomada, parece difícil a quem deseja seguir a estrada da Verdade. Há sempre luta entre a consciência de um lado e a sensualidade do outro. Mas quando a pessoa virilmente renega a si mesma e se decide, dizendo: “Quero seguir Cristo crucificado”, então ela quebra aqueles espinhos e descobre inestimável doçura.
    Foi o que te fiz ver àquela vez. A doçura será maior ou menor, conforme a boa disposição e o esforço pessoal.

    Então eu te disse: “Sou o Deus imutável; não me escondo de quem me procura”. Embora sendo invisível, mostrei-me visível aos homens em Cristo. Fiz ver o que é amar algo fora de mim. Infelizmente os homens, cegos pela fumaça do egoísmo, não me conhecem, não se conhecem. Vê como se iludem: preferem morrer de fome do que superar um pequeno espinho. Mas não ficarão sem dificuldades. NESTA VIDA, NINGUÉM VIVE SEM CRUZ. A não ser aqueles que caminham pela estrada superior; eles também sofrem, mas sua dor não aflige. Pelo pecado, como disse acima (10.2), o mundo produziu dificuldades e dores, bem como nasceu o rio do pecado, esse mar tempestuoso; mas para vós eu construí uma ponte, de modo que não vos afogueis.
    …”.

    FONTE: Livro “O DIÁLOGO” de Santa Catarina de Sena.

  5. Deus é exaltado em seu poder. Quem é mestre como Ele? Quem lhe escreveu os seus caminhos, ou lhe disse: Agiste mal? Como Deus é grande! Ultrapassa o nosso entendimento! Não há como calcular os anos da sua existência.

  6. É verdade! Não existe outro igual.

  7. É verdade!

  8. Oi, eu sou Carolline e tenho 14 anos.
    Eu estava analisando por aqui esse post seu e nossa… beeem infantil.Sou cristã, e eu nunca faria isso com um ateu.Respeito vocês já que temos livre-arbítrio para defendermos quaisquer pontos de vista que optamos.
    Conversando com uma amiga, ouvi dela uma reflexão interessante: ”Imagine uma nota de R$ 100.Por que você acha que hoje em dia, existem tantos casos de fraude de todos os valores de notas?
    r= Porque elas existem.”
    O argumento dela me fez refletir além disso.Por que na época dos egípcios, fenícios (e blá blá) existia o politeísmo?Por que havia um deus para cada ”coisa inexplicável”?
    Eu concordo em dizer que naquela época, criavam- se deuses para tentar explicar ” fatos sobrenaturais”.
    Por que em países como a Coreia do Norte, PROÍBEM nós cristãos de falarmos sobre Deus?E quem confessa a fé é morto.Eu queria ser morta pela minha fé sabendo que eu viveria em um lugar muito melhor.
    Voltando a clonagem das notas e dos falsos deuses, só existe o chamado ”produto falsificado” quando se é existente.
    Costumo dizer que vocês ateus, têm que ter mais fé do que eu cristã para defender com convicção suas teses.
    Barros, você disse em um post que já foi cristão, não é?
    Sendo assim, já deve ter orado e lido a Bíblia.Já deve ter sentido a presença do Espírito Santo.Ou não!!
    Suponhamos que eu diga que certa laranja é azeda.Você vai dizer que ela é doce-você não a provou,e eu sim- .Mas como você vai ter certeza se ela é doce ou azeda se você não provar?(Ou calcular seu ph, mas isso não está valendo, hahaha.)
    Fica a pergunta.
    Abraços.

  9. Dedos coçando aqui para responder à Caroll.
    Mas vou esperar pelo Barros.

  10. Carolline, 14anos? Sei…

  11. Carolline, não pude deixar de notar que você não se aventurou a responder a pergunta #6 Deus quer a nossa salvação?, bem como nenhuma outra pergunta da série.

    Se você começou seu comentário classificando meu texto de infantil achando que eu vou concluir que é por isso que se recusou a responder as perguntas propostas, bom, querida, você se enganou. Eu sei por que você não quis responder as perguntas. Mas tudo bem. Eu já propus esse teste a vários crentes e todos foram reprovados. Não tenho esperanças de que você fosse passar.

    Você chamou meu texto de infantil simplesmente porque vai de encontro às suas crenças, e prova disso é que — meio que para fundamentar sua assertiva — você usou uma analogia que não poderia nem ser classificada de infantil, de tão tola e sem sentido que é.

    A analogia da nota de R$ 100.

    Ora veja!! Notas de R$ 100 são falsificadas “porque existem”!! Que argumento brilhante, eu diria. E mais brilhante é a analogia que o crente tira daí: Existem deuses falsos porque existe um Deus verdadeiro a partir do qual as cópias são feitas. (Por acaso o Deus verdadeiro é aquele no qual eu acredito).

    1. Notas altas, como as de R$ 100, são as menos falsificadas, justamente por causa do seu valor. Os falsificadores não iriam investir tanto esforço para falsificar uma nota alta, nem se arriscar tentando repassá-la, sabendo que elas são as que circulam menos e as que mais merecem cuidado por parte dos seus portadores. Se a pessoa que criou a analogia tivesse um mínimo de bom-senso, teria optado por uma nota de valor menor, para que a comparação estivesse mais de acordo com a realidade. Mas como esperar comprometimento com a realidade e bom-senso de gente que acha que cobras e burras podem falar!?

    2. Entretanto, mesmo levando em conta a analogia sem me importar com esse detalhe, você teria como me explicar como que tantas cópias surgiram ANTES do original??? Ou te disseram que Deus foi o primeiro deus de que se tem notícia?

    Segundo a analogia idiota da sua amiga, o Deus no qual você acredita teria que ser um cópia.

    Um Deus falso.

  12. Por que em países como a Coreia do Norte, PROÍBEM nós cristãos de falarmos sobre Deus?E quem confessa a fé é morto.

    Você poderia fazer uma pergunta semelhante aos ministros da sua própria religião: “Por que quem não aceitava compartilhar nossa crença era morto?”.

    Em todo caso, eu poderia te responder assim: porque o ditador não quer ninguém falando de Deus no país dele, ou porque ele é ateu, ou porque cultua outro deus, seja lá que motivo for. Ele tem o poder e está exercendo esse poder do jeito que bem lhe apetece.

    Agora, qual a diferença disso pra um Deus que vai torturar minha alma por toda a eternidade por não fazer o que ele quer que eu faça?

    Eu respondo: a diferença é que o ditador da Coréia do Norte é bem mais honesto do que o Deus cristão, talvez pelo simples fato de existir.

  13. Caroll:

    .Eu queria ser morta pela minha fé sabendo que eu viveria em um lugar muito melhor.

    A questão que você não percebeu é que você (e nem ninguém) não precisaria ser morta por causa da sua fé se o seu deus todo poderoso, bondoso e misericordioso existisse de fato.

    Suponhamos que eu diga que certa laranja é azeda.Você vai dizer que ela é doce-você não a provou,e eu sim- .Mas como você vai ter certeza se ela é doce ou azeda se você não provar?(Ou calcular seu ph, mas isso não está valendo, hahaha.)
    Fica a pergunta.

    A diferença básica é que laranjas doces e azedas existem, e qualquer criatura do planeta pode comprovar o sabor delas.
    Já um ser metafísico, moldado ao gosto de cada mente não pode ser comprovado empiricamente.

    Bye!

  14. oi eu sou o criaturo tenho 114 anos…….e….acho que estou caducando…….precocemente em vista do matusalém.

  15. Oi. Eu sou o Barros, e tem 14 anos que eu descobri que Deus é fruto da imaginação das pessoas. Daí eu criei esse blog.

  16. Barros

    descobri que Deus é fruto da imaginação das pessoas.

    E como “descobriu” isso?

  17. Caroline,

    Não esquenta.

    O pessoal aqui não pode ver uma pessoa nova que cai matando.

    Só que eles obedecem uma hierarquia: “primeiro a aranha mãe, depois os filhotinhos”

    Embora você seja amável com eles, será comum você ser afrontada com insultos dos mais perversos possíveis. Acontece que o que está ocorrendo aqui é o surgimento de uma nova categoria de ateísmo, se é que podemos chamar assim. Se você observar nos dois vídeos que postei acima, verá a diferença de um ateu tradicional e de um neoateu.

    Quanto a duvidarem de sua idade, não esquenta. A grande maioria das pessoas que acessam este blog estão entre os 13 e 25 anos. Com raras exceções. Isso pode ser facilmente notado pela linguagem que a maioria usa utilizando expressões de HQ como HulcK, Lanterna Verde, Goku, entre outros. São aspirantes ao ateísmo ou outra coisa parecida.

    Fica com Deus.

  18. MAF

    Caso você não tenha percebido, a linguagem que a Carol estava utilizando se chama “Práxis”. E esse tipo de analogia deveria ser bem recebida entre vocês uma vês que, o ao provarmos uma laranja, estamos utilizando um dos recursos realizados na ciência que é a de provar se determinado produto é o que aparenta ser inclusive pela degustação.

    Enfim. Só saberá que Deus é Deus quando tiveres uma experiência com ele e, enquanto estiveres relutante a isso, ficará difícil essa prova acontecer na sua vida.

    Quanto a morrer pela fé, ela quer dizer que está lutando por uma causa maior do que ela e que a valoriza até o ponto de dar a própria vida a favor dela.

    Você seria capaz de dar a sua vida pela causa que defende?

    Se disser que não é necessário fazê-lo, poderei supor que não acreditas tanto assim ou que sua causa não tem tanto valor ao ponto de, se preciso for, morrer por ela.

    Fica aí a reflexão.

    Fica com Deus.

  19. Ton:

    Caso você não tenha percebido, a linguagem que a Carol estava utilizando se chama “Práxis”. E esse tipo de analogia deveria ser bem recebida entre vocês uma vês que, o ao provarmos uma laranja, estamos utilizando um dos recursos realizados na ciência que é a de provar se determinado produto é o que aparenta ser inclusive pela degustação.
    Enfim. Só saberá que Deus é Deus quando tiveres uma experiência com ele e, enquanto estiveres relutante a isso, ficará difícil essa prova acontecer na sua vida.

    Desculpa amigo, a analogia não procede.

    As supostas experiências com deus ocorrem de acordo com a crença pessoal inerente à cultura local. É subjetivo.
    Hindus tem experiências com Brahma, muçulmanos tem Alá, Judeus com javé, africanos com as divindades deles, cristãos com Cristo, etc.

    Já as laranjas, em qualquer parte do mundo, propiciam as mesmas experiências e todos podem crer nas propriedades delas.
    Laranjas são bem concretas.

    Quanto a morrer pela fé, ela quer dizer que está lutando por uma causa maior do que ela e que a valoriza até o ponto de dar a própria vida a favor dela.

    Repito, se existisse um deus todo poderoso, bondoso e misericordioso, não haveria necessidade de ninguém se matar por causa dele.
    Vou usar de linguagem ”praxis” agora para ver se você entende.

    Suponha que você seja um pai grande, forte, cheio de vitalidade e versado em muitas artes marciais.
    Seu filho pequeno se mete numa discussão com brutamontes violentos que vivem ofendendo você perante ele.
    Pergunta:
    Você deixaria seu filho morrer nas mãos dos brutamontes ou você mesmo resolveria a parada para proteger o seu filho?

    Claro que você protegeria o seu filho, afinal você existe.
    Extrapole essa analogia para um deus poderoso e entenderá o ponto, ou não.

    Você seria capaz de dar a sua vida pela causa que defende?
    Se disser que não é necessário fazê-lo, poderei supor que não acreditas tanto assim ou que sua causa não tem tanto valor ao ponto de, se preciso for, morrer por ela.
    Fica aí a reflexão.

    Não defendo nenhuma causa que precise da minha vida.
    E se eu der a minha vida por uma causa, como poderei continuar a defende-la?
    Uma causa que precise da vida dos seus defensores não deve ser boa coisa.

    Fica aí outra reflexão, amigo!

    P.S.: Parabéns pela sua filhinha, muitas felicidades!

  20. MAF

    As supostas experiências com deus ocorrem de acordo com a crença pessoal inerente à cultura local.

    Porém mesmo assim é EVIDÊNCIA de um Deus UNIVERSAL que age em TODAS culturas. Se não houvesse Deus, NÃO HAVERIA relatos.

    Hindus tem experiências com Brahma, muçulmanos tem Alá, Judeus com javé, africanos com as divindades deles, cristãos com Cristo, etc.

    É comum TODAS AS CULTURAS possuírem evidências se o DEUS é UNIVERSAL.

    Se NENHUM Deus existisse, NENHUMA experiência seria relatada, oras bolas.

    Perceba como este teu comentário é infeliz, tu descreve os relatos testemunhais EMPÍRICOS sobre a ação sobrenatural, alegando que o sobrenatural NÃO EXISTE. O.o……..

    Oras, mas o que ocorre é O CONTRÁRIO. se há relatos de TODOS OS POVOS sobre uma experiência sobrenatural, isso significa que ele EXISTE.
    Se o sobrenatural NÃO EXISTISSE, não haveria relatos testemunhais.

    Pense, MAF…. Pense……
    ;-)

    Repito, se existisse um deus todo poderoso, bondoso e misericordioso, não haveria necessidade de ninguém se matar por causa dele.

    Onde está na Bíblia que alguém precisa SE MATAR por causa de Deus????
    O_o !?

    Não está confundindo a Bíblia com o Alcorão????

    Extrapole essa analogia para um deus poderoso e entenderá o ponto, ou não.

    Na verdade esta “analogia” está mais para uma falsa analogia fundamentado em um espantalho.
    Muitas coisas não foram considerados, como por exemplo os limites, o cenário, os motivos, etc…

  21. Azetech:

    Porém mesmo assim é EVIDÊNCIA de um Deus UNIVERSAL que age em TODAS culturas. Se não houvesse Deus, NÃO HAVERIA relatos.

    Não, isso evidência que cada cultura inventa o seu próprio deus. Se fosse um só eles teriam as mesmas características. A mesma história, o mesmo mito.

    É comum TODAS AS CULTURAS possuírem evidências se o DEUS é UNIVERSAL.
    Se NENHUM Deus existisse, NENHUMA experiência seria relatada, oras bolas.
    Perceba como este teu comentário é infeliz, tu descreve os relatos testemunhais EMPÍRICOS sobre a ação sobrenatural, alegando que o sobrenatural NÃO EXISTE. O.o……..
    Oras, mas o que ocorre é O CONTRÁRIO. se há relatos de TODOS OS POVOS sobre uma experiência sobrenatural, isso significa que ele EXISTE.
    Se o sobrenatural NÃO EXISTISSE, não haveria relatos testemunhais.
    Pense, MAF…. Pense……

    Os relatos não são os mesmos, as crenças não são as mesmas, os dogmas não são todos iguais. Portanto não se trata de um deus Universal.
    Muitos deuses são representações de forças naturais, outros são representados por figuras de animais.
    E não são experiências sobrenaturais, são experiências subjetivas derivadas geralmente de má compreensão dos fenômenos naturais ou pré induzidas pelo meio social e cultural.
    Prove que existe alguma ação sobrenatural.
    Pense você…se puder.

    Onde está na Bíblia que alguém precisa SE MATAR por causa de Deus????
    O_o !?
    Não está confundindo a Bíblia com o Alcorão????

    Não fui eu que mencionei isso para tentar provar a existência dele.

    Na verdade esta “analogia” está mais para uma falsa analogia fundamentado em um espantalho.
    Muitas coisas não foram considerados, como por exemplo os limites, o cenário, os motivos, etc…

    Sim, sim! Claro. quando lhe interessa o Sr. se utiliza do recurso.
    Adoro seus espantalhos naturalistas.
    Beleza!
    O Sr. não sabe o que é extrapolar?

    Mas foi o Ton que questionou. Por que está replicando por ele?

  22. MAF

    Não, isso evidência que cada cultura inventa o seu próprio deus.

    E evidencia também que o sobrenatural existe, pois, como disse anteriormente, se os povos APENAS inventassem seu deus e NENHUM existisse, EXPERIÊNCIAS EMPÍRICAS SOBRENATURAIS, não seriam testemunhadas.

    Inventar deus ou ter experiencia empírica de algo sobrenatural, NÃO SÃO mutuamente exclusivos.
    Um Deus universal pode atender a minha oração e mesmo assim posso tem uma visão errada dele.

    Se fosse um só eles teriam as mesmas características.

    Não necessariamente. Um Deus universal pode agir a uma pessoa que não o conhece direito, e esta pessoa pode confundi-lo com um mito

    Os relatos não são os mesmos, as crenças não são as mesmas, os dogmas não são todos iguais. Portanto não se trata de um deus Universal.

    Quem aqui falou de relatos????
    Estamos falando de EXPERIÊNCIAS.
    Uma coisa não tem nada a haver com outra.
    Há evidências em TODAS CULTURAS da incidência do sobrenatural (INDEPENDENTEMENTE DA CRENÇA).
    Isso testifica para sua EXISTÊNCIA e não INEXISTÊNCIA, como alegas.

    Muitos deuses são representações de forças naturais, outros são representados por figuras de animais.

    E?????
    Onde isso refuta a experiência empírica relatada dos povos?
    Como Disse um Deus universal pode agir, e os povos podem não conhece-lo.

    E não são experiências sobrenaturais, são experiências subjetivas derivadas geralmente de má compreensão dos fenômenos naturais ou pré induzidas pelo meio social e cultural.

    E como comprovas esta alegação???? Ah… já sei… tu não comprovas. Tu ACHAS, pela tua CRENÇA de que todas as experiências são subjetivas, derivadas geralmente de má compreensão dos fenômenos naturais.

    Preciso relembra-lo que NÃO COMPARTILHO a tua crença, pelo qual sou CÉTICO as tuas alegações sem comprovações?

    Prove que existe alguma ação sobrenatural.

    hehehe tu não desiste, não é mesmo? Mesmo eu desmascarando a tua falácia (inversão do ônus da prova), tu tentas valida-la com OUTRA falácia: Ad Nausean.

    Veja bem quem fez esta alegação:

    “”não são experiências sobrenaturais, são experiências subjetivas derivadas geralmente de má compreensão dos fenômenos naturais ou pré induzidas pelo meio social e cultural.””

    Agora uma perguntinha esperta:
    Quem é que precisa comprovar???
    Tu desconfias???
    Vou responder, eu não resisto:

    QUEM FAZ A ALEGAÇÃO É QUEM PRECISA COMPROVAR

    Então, prove o que falas.
    Não fique alegando sua crença sem nenhuma base, como se fosse um FATO, pedindo para os outros provarem o contrário.
    Se tu alegas que TODAS experiências são naturais, tu precisará COMPROVAR.

    O Sr. não sabe o que é extrapolar?

    Se extrapolasse DENTRO do cenário Bíblico, com TODOS elementos (pois sua crítica foi ao Deus Bíblico) eu não diria nada.
    Porém a sua extrapolação foi ao Deus Bíblico, utilizando um cenário COMPLETAMENTE DIFERENTE do que a Bíblia apresenta.
    Existem muitos elementos que não utilizou, pelo qual a primeira vista parecem lógicos, porém ao analisados demonstra-se falacioso.
    Se quiser podemos abordar mais detalhadamente este tema, mas te adianto que ele irá longe.

    Mas foi o Ton que questionou. Por que está replicando por ele?

    Porque sou enxerido e gosto de intrometer em assuntos alheios rsrsrs
    Ressaltando que ser enxerido não significa ser fofoqueiro. :-)

  23. Deus Azetech

    Nessa de experiências sobrenaturais comprovarem a existência de algum deus, teremos então de aceitar que quando alguém diz que “falou” com um morto, ou “viu” algum, isso prova que mortos continuam…como vou dizer, na ativa? Se é o testemunho que conta, a “experiência empírica”, então isso quer dizer que os kardecistas estavam certos o tempo todo?

    Que coisa, não?

  24. Azetech;

    E evidencia também que o sobrenatural existe, pois, como disse anteriormente, se os povos APENAS inventassem seu deus e NENHUM existisse, EXPERIÊNCIAS EMPÍRICAS SOBRENATURAIS, não seriam testemunhadas.
    Inventar deus ou ter experiencia empírica de algo sobrenatural, NÃO SÃO mutuamente exclusivos.
    Um Deus universal pode atender a minha oração e mesmo assim posso tem uma visão errada dele.

    Você alega que existem experiências sobrenaturais.
    Prove isso, simples!

    Não necessariamente. Um Deus universal pode agir a uma pessoa que não o conhece direito, e esta pessoa pode confundi-lo com um mito

    Se ele for um deus competente, dúvidas não haverão.

    Quem aqui falou de relatos????
    Estamos falando de EXPERIÊNCIAS.
    Uma coisa não tem nada a haver com outra.
    Há evidências em TODAS CULTURAS da incidência do sobrenatural (INDEPENDENTEMENTE DA CRENÇA).
    Isso testifica para sua EXISTÊNCIA e não INEXISTÊNCIA, como alegas.

    Você deve saber o que são relatos, certo?
    Filho, se ninguém relatar suas experiências como outrem vai ficar sabendo?
    E prove a existência do sobrenatural.
    Sua tagarelice é que afirma que há evidências dele em todas as culturas. Prove uai!

    E?????
    Onde isso refuta a experiência empírica relatada dos povos?
    Como Disse um Deus universal pode agir, e os povos podem não conhece-lo.

    Como eu disse acima, se for um deus competente todos o conheceriam sem dúvidas.
    Tá difícil entender isso?

    E como comprovas esta alegação???? Ah… já sei… tu não comprovas. Tu ACHAS, pela tua CRENÇA de que todas as experiências são subjetivas, derivadas geralmente de má compreensão dos fenômenos naturais.
    Preciso relembra-lo que NÃO COMPARTILHO a tua crença, pelo qual sou CÉTICO as tuas alegações sem comprovações?

    Se você compartilhasse da minha crença não estaria aqui discutindo, tonto!

    Cadê as suas comprovações para eventos sobrenaturais referentes ao deus da sua crença?

    Prove que existe alguma ação sobrenatural.

    hehehe tu não desiste, não é mesmo? Mesmo eu desmascarando a tua falácia (inversão do ônus da prova), tu tentas valida-la com OUTRA falácia: Ad Nausean.

    Ah! Eu que inverto?
    Você que alega que existem ações sobrenaturais do deus da sua crença e eu que tenho que provar que elas não existem.
    Veja sua afirmação:
    E evidencia também que o sobrenatural existe, pois, como disse anteriormente, se os povos APENAS inventassem seu deus e NENHUM existisse, EXPERIÊNCIAS EMPÍRICAS SOBRENATURAIS, não seriam testemunhadas.”

    Tonto! Náuseas me causa essa sua repetição de papagaio-que-anda-de-lado.

    Veja bem quem fez esta alegação:
    “”não são experiências sobrenaturais, são experiências subjetivas derivadas geralmente de má compreensão dos fenômenos naturais ou pré induzidas pelo meio social e cultural.””
    Agora uma perguntinha esperta:
    Quem é que precisa comprovar???
    Tu desconfias???
    Vou responder, eu não resisto:
    QUEM FAZ A ALEGAÇÃO É QUEM PRECISA COMPROVAR
    Então, prove o que falas.
    Não fique alegando sua crença sem nenhuma base, como se fosse um FATO, pedindo para os outros provarem o contrário.
    Se tu alegas que TODAS experiências são naturais, tu precisará COMPROVAR.

    É simples meu querido papagaio, prove que existem ações sobrenaturais do “seu” deus que eu me calo pra sempre.
    Pode me refutar?

    Se extrapolasse DENTRO do cenário Bíblico, com TODOS elementos (pois sua crítica foi ao Deus Bíblico) eu não diria nada.
    Porém a sua extrapolação foi ao Deus Bíblico, utilizando um cenário COMPLETAMENTE DIFERENTE do que a Bíblia apresenta.
    Existem muitos elementos que não utilizou, pelo qual a primeira vista parecem lógicos, porém ao analisados demonstra-se falacioso.
    Se quiser podemos abordar mais detalhadamente este tema, mas te adianto que ele irá longe.

    Realmente foi muito diferente do cenário bíblico.
    Eu extrapolei considerando a existência de um deus poderoso, bondoso e justo.
    E isso nada tem à ver com o seu deus mosaico.

  25. Azetech, em 26/02/2014 às 11:20 disse:
    Barros: ” — Descobri que Deus é fruto da imaginação das pessoas.”
    E como “descobriu” isso?

    Simples. As pessoas sempre inventaram deuses, mesmo muito muito muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito tempo antes de aparecer aquele lá num buraco na Mesopotâmia. Esses deuses que as pessoas haviam inventado antes inspirou um certo povo escravo a inventar seus deuses também e, com o passar do tempo, escolher venerar um só dentre eles. Todo mundo concorda, hoje, que aqueles deuses bem mais velhos do que o Deus da Mesopotâmia são fruto da imaginação humana: Odin, Zeus, Brhäma, Osíris, etc. Logo, o Deus que o povo da Mesopotâmia inventou inspirado por aqueles deuses inventados, também tem que ser fruto da imaginação humana.

  26. e porque voce quer provar que uma coisa que não existe “não existe” ? ainda possui duvida , né?
    Na verdade voce tenta provocar os que acreditam porque ainda possui esperança que eles possam provar que voce pode estar errado.
    E voce não precisa pagar nada por isso.

  27. MAF

    O fato de muitas culturas adorarem a deuses, incluindo sacrifícios, indica exatamente que houve um modelo a ser seguido.

    Acontece que muitos deixaram os parâmetros originais da adoração ao Deus original pois os mesmos não possuíam as obras de fé esperadas por esse Deus. Então cada um seguiu seu caminho inventando maneiras próprias de adorar, inventando, inclusive, outros deuses de acordo com suas necessidades. Aí surgiu o grande erro. Esses “afastados” do modelo original começaram a sacrificar crianças em seus altares, praticaram orgias sexuais alegando estarem prestando culto a Deus.

    Nesse período, Deus chamou a Abraão, cujo pai era fabricante de ídolos, e disse: sai da tua terra, da tua parentela, para a terra que eu te mostrarei. Deus fez promessas a Abraão e lhe deu um filho, Isaque, deste filho surgiram outros 12 formando a nação de Israel, desta nação Deus envia seu Filho Jesus Cristo e o final da história você já conhece.

    Agora, meu amigo, reflita comigo, a tendência para a prática do mal está tão próxima do homem que, ao invés de Israel apresentar Deus para outras nações através de suas experiências com Ele, as nações apresentaram seus deuses para Israel, ao ponto de alguns de seus reis oferecerem seus filhos em sacrifício a esses deuses.

    Hoje não é diferente, Padilha, diretor do filme Robocop 2014, fala de sua pretensão em elaborar uma matéria investigativa que procure explicar o motivo de muitos desaparecimentos no Rio de Janeiro, inclusive de crianças. Já foi noticiado na TV sobre o desaparecimento de uma senhora e, que poucos dias depois, foi encontrada morta e dentro de seu crânio foi encontrado uma obra de macumba.

    A uns 20 anos atrás, fique sabendo de um crime de estupro seguido de morte de uma menina de 9 anos. Dentro da cabeça dela fizeram uma oferenda.

    A três semanas, em um trem, conversei com uma senhora que me contou suas experiências nos cultos religiosos que participou. Em um deles ela afirma ter visto crianças serem espancadas por não trazer a oferenda exigida pelo guia. Ela recebeu muitos convites das pessoas desses cultos pagãos pedindo para que ela participasse do cultos ao satanismo onde era sacrificado crianças. Essas crianças eram adquiridas por meio de sequestros ou pagamento de certa quantia a mães solteiras viciadas em drogas, nas imediações de Carapicuíba, cidade da grande São Paulo.

    Pois é meu amigo. Devemos buscar a Deus o quanto antes. No mundo espiritual não existe férias ou tréguas. Devemos estar preparados para enfrentar todo tipo de situação.

    É neste caso que, ás vezes, corremos o risco de perdermos a vida quando evangelizamos para pessoas dessa categoria.

    Nos Estados Unidos, o filho de um cristão estava completando 10 anos e comentou com seu amiguinho da escola que estava muito feliz por isso. Seu amiguinho se entristeceu e disse que o aniversário dele estava chegando também. Seu amigo perguntou o porquê dessa tristeza. Ele respondeu: – minha mãe me ofereceu em sacrifício no terreiro que ela frequenta. Ela havia adquirido seu filho através de um ritual envolvendo orgias sexuais com o pai de santo, e, quando seu filho completasse 10 anos, ela teria que sacrificá-lo.

    O menino cristão contou a seus pais e seus pais acionaram as autoridades locais que, graças à Deus, interviram e evitaram tal crueldade.

    Pense nisso e reflita: qual é o tipo de causa que você pretende dedicar seus próximos anos de vida? Ou será que pretendes ficar na mesma, sendo apenas mais um, seguir o curso do mundo e agir como se nada disso estivesse acontecendo. Pense bem, pois até mesmo pessoas que, não necessariamente cristãos, talvez o Padilha seja até mesmo um ateu, sei lá. O importante é que ele e muitas outras pessoas estão se movendo para fazer algo que possa melhorar a vida dos outros. Eu faço parte dessa equipe. Te convido a fazer parte também.

    Fica com Deus.

    Isso

  28. O fato de muitas culturas adorarem a deuses, incluindo sacrifícios, indica exatamente que houve um modelo a ser seguido.

    Um modelo a ser seguido? Um original que surgiu bem depois das cópias? Isso sim é que é um milagre.

  29. Ton:

    Você mudou de assunto, mas, vamos lá.

    Tudo aquilo que você mencionou no seu ultimo post à respeito de cultos violentos dedicado à divindades bizarras é indício de que tudo não passa de criações da mente alienada humana ao longo das eras, que quer barganhar com os deuses em troca de benesses.

    Abomino isso tudo tanto quanto você.
    Entretanto veja você que a sua crítica também deve ser dirigida ao deus dos hebreus que no começo era também cruel e apreciador de holocaustos cheirosos.
    Era um deus vingativo e capaz das maiores atrocidades contra aqueles que estivessem no caminho do seu povo preferido.
    Leia a o livro sagrado deles e verá quantas barbaridades estão lá descritas.
    Isso quer dizer que o modelo original à ser seguido pelos hebreus era cruel e sanguinário.

    Mas eis que, de repente, esse deus monstruoso de um povo só, se torna um carneirinho de todos. Pregando coisas que condenam atitudes descritas lá no Antigo Testamento.
    Coisa estranha não?

    Dizem que o passado condena. Talvez.

    Olha amigo, essas incoerências são típicas dos grupos humanos, da saga humana, e eu não posso crer que um deus assim exista. Minha moral não me permite isso aceitar isso.

    Pense nisso e reflita: qual é o tipo de causa que você pretende dedicar seus próximos anos de vida? Ou será que pretendes ficar na mesma, sendo apenas mais um, seguir o curso do mundo e agir como se nada disso estivesse acontecendo. Pense bem, pois até mesmo pessoas que, não necessariamente cristãos, talvez o Padilha seja até mesmo um ateu, sei lá. O importante é que ele e muitas outras pessoas estão se movendo para fazer algo que possa melhorar a vida dos outros. Eu faço parte dessa equipe. Te convido a fazer parte também.

    Eu defendo a causa da luz e da eliminação paulatina das trevas da ignorância, por meio de educação, acabando com crendices que geram violências e discriminações.

    Eu sou pacífico e não posso defender crenças bizarras que atuam em nome de fantasmas duvidosos.

    Abraços!

  30. Como estou no 1° ano do ensino médio, não tenho tantos argumentos para defender.E por que duvidam da minha idade??
    Terei eu que provar?

  31. Eu não duvido não. O nome é /Carolaine/ ou lê-se como se escreve?

  32. Carolline:

    Como estou no 1° ano do ensino médio, não tenho tantos argumentos para defender.

    Só o fato de você tentar defender seus argumentos já lhe serviria de aprendizado.

  33. Ton

    Nos Estados Unidos, o filho de um cristão estava completando 10 anos e comentou com seu amiguinho da escola que estava muito feliz por isso. Seu amiguinho se entristeceu e disse que o aniversário dele estava chegando também. Seu amigo perguntou o porquê dessa tristeza. Ele respondeu: – minha mãe me ofereceu em sacrifício no terreiro que ela frequenta. Ela havia adquirido seu filho através de um ritual envolvendo orgias sexuais com o pai de santo, e, quando seu filho completasse 10 anos, ela teria que sacrificá-lo.

    Abraão fazendo escolas e desde quando no EUA existem terreiros de umbandas ou de candomblés ?

  34. Carolline

    Como estou no 1° ano do ensino médio, não tenho tantos argumentos para defender.E por que duvidam da minha idade??
    Terei eu que provar?

    duvidamos porque em um primeiro momento voce nos pareceu ser mais adulta, se bem que é fato crianças falarem como se fossem adultas e adultos falando como se fossem crianças.
    não discutimos aqui para tentar provar algo e sim para torrar o figado dos nossos divergentes….he….he…he…….he

  35. Talvez seja porque o meu léxico tem algumas palavras a mais do que os idiotas da minha sala, hahahaha.

  36. Respondendo as perguntas o mais simples possível :D

    ”Ah, então Deus quer nos salvar?”
    – Sim.Deus providenciou algo, demonstrando o seu amor enviando Jesus Cristo para morrer por nosso pecados.Se a pessoa reconhecer que é pecadora, ela está apta a receber Jesus Cristo em seu coração.
    ”Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade” (1 timóteo 2:3-4)

    ”Mas salvar de quê? ”
    -Do grande lago de fogo e enxofre, aonde INFELIZMENTE muitas pessoas se encontraram, inclusive o Diabo -o culpado da história.

    ”Ou de quem?”
    – Até mesmo o Diabo obedece à Deus.Então basicamente, Deus quer nos salvar de onde o Diabo e seus anjos já estão condenados.

    OBS:leiam apocalipse , muito maneiro.

    ”Dele mesmo?”
    -Nem preciso responder isso. .-.

    ”Eu tenho que ser salvo do Inferno?”
    -Não necessariamente, Deus nos deu a liberdade de escolha.Dependendo dela- sim ou não- haverá consequências, sejam elas ruins ou boas.

    ”Foi pra isso que esse seu Deus bonzinho construiu o Inferno?”
    -Deus criou o inferno para a destruição de Satanás e seus anjos.
    Apenas um detalhe, quem seguiu Satanás sendo manipulado por ele, também será jogado no inferno.O dever do cristão é pregar o evangelho e livrar as pessoas que não conhecem a Deus disso.
    O Diabo, veio para matar, roubar e destruir (João 10:1-14)

    ”Pra me chantagear?”
    -Quem te chantageia é o próprio Diabo.
    ”O Diabo, vosso adversário, anda ao derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar” (1Pedro 5.8)

    ”Ah, não foi ele quem construiu?”
    -Sim, foi Ele.

    ”Mas, sendo todo-poderoso e tal, se ele permitiu a construção de um Inferno, é, no mínimo, conivente com ele, e, talvez, faça mesmo parte dos seus planos, porque, sem Inferno, não haveria nada do que eu ser “salvo”.
    -Tudo o que acontece/aconteceu no mundo, Deus permite TUDO.Podem encarar como injustiça da parte de Deus, mas, Deus ama a TODOS nós, porém ele aniquila nossos pecados.Essas fatalidades-mortes,furacões- que deixam milhares de pessoas mortas, é tudo que está se cumprindo na Palavra de Deus.
    ”(…)Diante de mim, todo joelho se dobrará e toda língua confessará que eu sou Deus” (Romanos 14:11 b)

  37. Desculpem-me por alguns erros de português, a pressa é inimiga da perfeição.

  38. Carolline:

    Deus ama a TODOS nós, porém ele aniquila nossos pecados.

    Poderia nos explicar o significado dessa frase.

    Quer dizer, tudo poderia ter sido feito sem o pecado desde o início, se o dito cujo era para ser aniquilado mesmo.

    Ou…

  39. Carolline

    Desculpem-me por alguns erros de português, a pressa é inimiga da perfeição.

    sim, Deus fez o mundo em apenas seis dias………..

  40. MAF

    Você alega que existem experiências sobrenaturais.
    Prove isso, simples!

    Eu aleguei que existem pessoas que TESTEMUNHAM eventos sobrenaturais. Tu duvuda da existência destas pessoas?
    Tu porém alegou que os fatos TESTEMUNHADOS são puramente materiais.
    Tu consegues comprovar?

    Se ele for um deus competente, dúvidas não haverão.

    A competência para não haver dúvida parte das Pessoas. Eu não possuo dúvina nenhuma, e tú?

    Você deve saber o que são relatos, certo?

    Depende dos relatos.

    Sua tagarelice é que afirma que há evidências dele em todas as culturas.

    Eu afirmo que há TESTEMUNHAS de eventos sobrenaturais em todas as culturas.
    Tua tagarelice é quem diz que o sobrenatural que eles testemunahm são resuiltados de processos naturais.
    Prove isso uai.

    Como eu disse acima, se for um deus competente todos o conheceriam sem dúvidas.
    Tá difícil entender isso?

    E como eu disse acima a incopetencia em não reconhecer a Deus é do HOMEM, pois Deus se revela CLARAMENTE.
    Tá difícil entender?

    Cadê as suas comprovações para eventos sobrenaturais referentes ao deus da sua crença?

    Cadê as tuas cmprovações que as testemunhas de eventos SOBRENATURAIS na verdade testemunharam processos naturais, conforme a TUA CRENÇA?

    Você que alega que existem ações sobrenaturais do deus da sua crença e eu que tenho que provar que elas não existem.

    Não eu alego que há TESTEMUNHAS sobre eventos sobrenaturais e tu ALEGAS que o sobrenatural NÃO EXISTE e que as pessoas testemunharam processos naturais. Prove que o sobrenatural não existe.

    Veja sua afirmação:
    “E evidencia também que o sobrenatural existe,

    Pelo visto tu não sabe a diferença entre uma EVIDÊNCIA e uma PROVA (evidência empiricamente comprovada).

    prove que existem ações sobrenaturais do “seu” deus que eu me calo pra sempre.

    Prove que Deus não existe que eu me calo para sempre.

    Eu extrapolei considerando a existência de um deus poderoso, bondoso e justo.

    Na verdade extrapolou pois a tua definição de bondade, poder e justiça se baseia na cosmovisão NATURALISTA EVOLUCIONISTA, ou seja tu não tem a mínima idéia do que estas palavras representam no contexto Bíblico, quando faz uma análise A PROPRIA BÍBLIA.

    Devo te relembrar que de acordo com a tua fé, bondade e justiça é uma mera ilusão?
    Devo te lembrar que a tua crença insana, matar e estuprar um bebê ou mascar um chiclete dá na mesma?

    hehehehe como diz o ditado, tire a TRAVE nos teus olhos antes de buscar tirar o cisco nos olhos dos outros.

    Para alguem que professa uma fé que o reduz o ser humano a uma ameba e coloca em pé de igualdade o crime com o altruismo (pois como eu disse, segundo a fé naturalista evolucionista, furar os olhos de uma mulher grávida ou doar um rim a um necessitado dá no mesmo) tentar julgar o Deus Bíblico, mesmo que seja de forma deturpada como tu o faz, é um tanto quanto contraditório, não achas?
    :-)

  41. Azedotech:

    Na verdade extrapolou pois a tua definição de bondade, poder e justiça se baseia na cosmovisão NATURALISTA EVOLUCIONISTA, ou seja tu não tem a mínima idéia do que estas palavras representam no contexto Bíblico, quando faz uma análise A PROPRIA BÍBLIA.

    Mi, mi, mi de sempre!
    E a velha tática da demonização do contrário para disfarçar a sua indisfarçável incapacidade de rebater meus argumentos.

    Devo te relembrar que de acordo com a tua fé, bondade e justiça é uma mera ilusão?
    Devo te lembrar que a tua crença insana, matar e estuprar um bebê ou mascar um chiclete dá na mesma?

    Falta de argumentos racionais e objetivos detectada!

    Mesmo se a minha crença for esse espantalho horroroso que você acha que é, não muda o fato de você se mostrar incapaz de refutar meus argumentos e provar que o deus descrito na bíblia não é um completo INCOMPETENTE SANGUINÁRIO.
    Ou seja: uma pobre caricatura super-humana inventada pelos hebreus.

    hehehehe como diz o ditado, tire a TRAVE nos teus olhos antes de buscar tirar o cisco nos olhos dos outros.
    Para alguem que professa uma fé que o reduz o ser humano a uma ameba e coloca em pé de igualdade o crime com o altruismo (pois como eu disse, segundo a fé naturalista evolucionista, furar os olhos de uma mulher grávida ou doar um rim a um necessitado dá no mesmo) tentar julgar o Deus Bíblico, mesmo que seja de forma deturpada como tu o faz, é um tanto quanto contraditório, não achas?

    Falta de argumentos racionais e objetivos detectada!
    Para de mi-mi-mi, refute meus argumentos e mostre onde está a deturpação.
    Mané!

    O papagaio-que-anda-de-lado tentando se safar de novo usando o pobre recurso da demonização do oponente.

  42. Azedotech:

    Você alega que existem experiências sobrenaturais.
    Prove isso, simples!

    Eu aleguei que existem pessoas que TESTEMUNHAM eventos sobrenaturais. Tu duvuda da existência destas pessoas?
    Tu porém alegou que os fatos TESTEMUNHADOS são puramente materiais.
    Tu consegues comprovar?

    Você é um “safo” mesmo, papagaio-que-anda-de-lado.

    Prove você que as “lorotas” testemunhadas são de origem sobrenatural.

    A afirmação é sua, logo…(você já sabe né?)

  43. Diogo, você virou troll agora?
    Foi só isso que você aprendeu frequentando aquele blog português?

  44. Azetech

    Na verdade extrapolou pois a tua definição de bondade, poder e justiça se baseia na cosmovisão NATURALISTA EVOLUCIONISTA, ou seja tu não tem a mínima idéia do que estas palavras representam no contexto Bíblico, quando faz uma análise A PROPRIA BÍBLIA.

    Ainda bem que é a “cosmovisão naturalista evolucionista” quem define bondade e justiça, já que a depender da besta sanguinária descrita na bíblia, por quem você sente tamanho fervor de adoração, bondade e justiça significariam estripar as mulheres grávidas dos inimigos e raptar e estuprar as virgens, além de chacinar crianças, claro. Tudo em nome do poder.

    Ou é muito cinismo ou é caso de psicopatia, um cara que idolatra o ídolo de guerra de um povo primitivo, escrever que para outras pessoas tanto faz doar um rim ou furar olho de mulher grávida.
    Cada vez mais vejo semelhanças no modo de agir de vocês crentes militantes fanáticos com esquerdistas militantes fanáticos.
    Lênin e Trotski ensinaram que seus seguidores deveriam acusar os que lhes eram contrários daquilo que eles, os seguidores, fariam ou seriam capazes de fazer.
    Quando leio esse tipo de coisa que você escreve, me lembro sempre disso.

    Você deveria tentar se controlar um pouco, camarada, senão fica parecendo que você adoraria fazer parte das hostes vingadoras do senhor a quem você serve, o ódio.

  45. que tal os cavalheiros templários com sua guerras “santas” ?

  46. Carolline

    ”Ah, então Deus quer nos salvar?”
    – Sim.Deus providenciou algo, demonstrando o seu amor enviando Jesus Cristo para morrer por nosso pecados.

    voce acha justo eu sair fazendo coisas erradas e mandar voce no meu lugar para ser punida ?

    Se a pessoa reconhecer que é pecadora, ela está apta a receber Jesus Cristo em seu coração

    mas antes devemos matar cristo pregado numa cruz ?

    ”Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade” (1 timóteo 2:3-4)

    Sim um deus que se agrada de holocausto humanos e de animais querendo salva-los me parece ser um deus sádico.

    ”Mas salvar de quê? ”
    -Do grande lago de fogo e enxofre, aonde INFELIZMENTE muitas pessoas se encontraram, inclusive o Diabo -o culpado da história.

    uma churrasqueira divina ? Aqui neste mundo de Deus pessoas “boas e más” ja sofrem o verdadeiro inferno, ja estão calejadas com o sofrimento, ter que passar por mais um inferno não lhes será nenhuma novidade divina.

    ”Ou de quem?”
    – Até mesmo o Diabo obedece à Deus.Então basicamente, Deus quer nos salvar de onde o Diabo e seus anjos já estão condenados.
    OBS:leiam apocalipse , muito maneiro.

    ta maluca ? eu não! caso contrario também irei sair dizendo que os seres que obedecem a Deus serão condenados por ele,isso só justifica porque a maior parte dos hospícios é compostas por evangélicos fanáticos.

    ”Eu tenho que ser salvo do Inferno?”
    -Não necessariamente, Deus nos deu a liberdade de escolha.Dependendo dela- sim ou não- haverá consequências, sejam elas ruins ou boas.

    sim uma escolha muito justa “faça a minha vontade se não eu te frito”
    Se ele queria obediências de robôs, porque nos fez sentirmos vontade diferentes da dele, um sadismo divino a espreita de uma premeditada e maquiavélica punição divina?

    ”Foi pra isso que esse seu Deus bonzinho construiu o Inferno?”
    -Deus criou o inferno para a destruição de Satanás e seus anjos.
    Apenas um detalhe, quem seguiu Satanás sendo manipulado por ele, também será jogado no inferno.

    o diabo e seus anjos, e os humanos cativados por eles são projetos de deus que não deram muito certo e por isso serão anulados por Deus ?

    O dever do cristão é pregar o evangelho e livrar as pessoas que não conhecem a Deus disso.
    O Diabo, veio para matar, roubar e destruir (João 10:1-14)

    e de onde saiu uma peste dessas ? eu acho que o diabo não é uma coisa de deus não ?

    tchau ovelhinha!

  47. MAF

    E a velha tática da demonização do contrário para disfarçar a sua indisfarçável incapacidade de rebater meus argumentos.

    Rebater o que? Não há NADA para se rebater.
    Tuas alegações são VAZIAS, fundamentado APENAS em ACHISMOS.

    Mesmo se a minha crença for esse espantalho horroroso que você acha que é

    Infelizmente a tua crença É.
    O problema é que não conheces direito o que procura defender.

    não muda o fato de você se mostrar incapaz de refutar meus argumentos e provar que o deus descrito na bíblia não é um completo INCOMPETENTE SANGUINÁRIO.

    Tu nem mesmo COMPROVOU, fundamentado em EVIDÊNCIAS, a alegação do Deus Bíblico ser INCOMPETENTE SANGUINÁRIO.
    Estou no aguarde das EVIDÊNCIAS para INICIAR a refutação.
    Falar por falar até papagaio fala.
    Se não dou atenção a palavra de papagaios (que são vazias) quem dirá as TUAS palavras (igualmente vazios)

    Ou seja: uma pobre caricatura super-humana inventada pelos hebreus.

    Ou não.
    Quem garante que o teu ACHISMO é verdadeiro?
    Tem alguma evidência de que o Deus Bíblico é uma caricatura dos hebreus?

    Para de mi-mi-mi, refute meus argumentos e mostre onde está a deturpação.
    Mané!

    Refutar o que a tua FÉ? a tua CRENÇA?
    Se não demonstrar NENHUM apoio evidêncial para o que alegas (fruto de sua crença pessoal) não efetuarei as devidas refutações.
    O primeiro passo é COMPROVAR o que falas. O segundo passo é eu refutar as tuas alegações.
    Pelo visto não passamos do PRIMEIRO passo.

    Prove você que as “lorotas” testemunhadas são de origem sobrenatural.

    Prove PRIMEIRAMENTE que TODOS relatos testemunhais de eventos sobrenaturais são lorotas.
    Consegues?

    Foi só isso que você aprendeu frequentando aquele blog português?

    Só isso o que? Nem sequer COMECEI.
    Até agora não conseguiu comprovar o que falas, logo nem precisei me esforçar muito argumentativamente.
    Tuas alegações são VASIAS e a tuas acusações são infundadas. Porque me esforçaria para “refutar” a tua CRENÇA sem o MINIMO de apoio evidêncial?

    Se não percebeu estou aguardando apenas as COMPROVAÇÕES do que fala. Não adianta utilizar de Ad Hominens a minha pessoa como tentativa desesperada de isentar a sua responsábilidade.

    Ainda estou em “Stand By”. Devo desistir?

  48. Shirley

    Ainda bem que é a “cosmovisão naturalista evolucionista” quem define bondade e justiça

    Como???
    Se esta FÉ simplesmente alega que estes atributos são SUBJETIVOS, como pode defini-los?
    Para o evolucionismo naturalista, o comportamento dos Espartanos (pelos quais matavam seus filhos mais fracos) eram completamente plausível e “Moral”, visto que se a sociedade definil que aquilo é moral, então é.

    Lênin e Trotski

    Interessante que Fidel, Mao, Ceausceu, Stalin assim como seus exemplos acima, possuiam algo em comum:
    Eram ULTRADARWINISTAS NATURALISTAS.
    Isso demonstra com CLAREZA a “bondade e justiça” definido pela cosmovisão naturalista evolucionista.
    Felizmente POUCOS NO MUNDO compartilham de tal visão IMORAL.

    :-)

  49. Azetech:

    Rebater o que? Não há NADA para se rebater.
    Tuas alegações são VAZIAS, fundamentado APENAS em ACHISMOS.

    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Infelizmente a tua crença É.
    O problema é que não conheces direito o que procura defender.

    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Tu nem mesmo COMPROVOU, fundamentado em EVIDÊNCIAS, a alegação do Deus Bíblico ser INCOMPETENTE SANGUINÁRIO.
    Estou no aguarde das EVIDÊNCIAS para INICIAR a refutação.
    Falar por falar até papagaio fala.
    Se não dou atenção a palavra de papagaios (que são vazias) quem dirá as TUAS palavras (igualmente vazios)

    Basta ler a bíblia, fica claro lá!
    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Ou não.
    Quem garante que o teu ACHISMO é verdadeiro?
    Tem alguma evidência de que o Deus Bíblico é uma caricatura dos hebreus?

    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Refutar o que a tua FÉ? a tua CRENÇA?
    Se não demonstrar NENHUM apoio evidêncial para o que alegas (fruto de sua crença pessoal) não efetuarei as devidas refutações.
    O primeiro passo é COMPROVAR o que falas. O segundo passo é eu refutar as tuas alegações.
    Pelo visto não passamos do PRIMEIRO passo.

    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Prove PRIMEIRAMENTE que TODOS relatos testemunhais de eventos sobrenaturais são lorotas.
    Consegues?

    Estou esperando você provar sua alegação de que eventos sobrenaturais existem.
    Chorão!

    Só isso o que? Nem sequer COMECEI.
    Até agora não conseguiu comprovar o que falas, logo nem precisei me esforçar muito argumentativamente.
    Tuas alegações são VASIAS e a tuas acusações são infundadas. Porque me esforçaria para “refutar” a tua CRENÇA sem o MINIMO de apoio evidêncial?

    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Se não percebeu estou aguardando apenas as COMPROVAÇÕES do que fala. Não adianta utilizar de Ad Hominens a minha pessoa como tentativa desesperada de isentar a sua responsábilidade.

    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Ainda estou em “Stand By”. Devo desistir?

    Concordo! Você nunca conseguiu sair do Stand By, por pura incompetência intelectual evidenciada na sua choradeira ad hominen.

    Se é tão fácil assim refutar os meus argumentos, por que não o faz?
    Chorão!

    Ficou ridículo esse seu ataque de pelancas agora.

    Você já foi melhor Diogo!

    Abraços!

  50. Azetech:

    Lênin e Trotski
    Interessante que Fidel, Mao, Ceausceu, Stalin assim como seus exemplos acima, possuiam algo em comum:
    Eram ULTRADARWINISTAS NATURALISTAS.
    Isso demonstra com CLAREZA a “bondade e justiça” definido pela cosmovisão naturalista evolucionista.
    Felizmente POUCOS NO MUNDO compartilham de tal visão IMORAL.

    Ai que tédio! Nada de novo no horizonte de argumentos (ou falta deles) dos criacionistas bíblicos caricatos.

  51. Azetech:

    Presentinho para você refrescar a cabeça;

  52. MAF @ MARCIO

    unidos pelas mesmas idéias

  53. MAF disse:
    “Abomino isso tudo tanto quanto você.”

    Com base em sua afirmativa, posso dizer que nem tudo está perdido.

    Acredito que um dia, não tão distante, poderei saudá-lo com a Paz do Senhor.

    Fica com Deus meu amigo e futuro irmão na fé.

    Aliás, como o criaturo disse, você se parece muito com o MÀRCIO.
    Se for, dá um toque.

  54. Criaturo

    Estou usando a linguagem nacional, minha cultura. Mas o princípio é o mesmo: sacrifício humano, suicídio coletivo, menos o do líder e aí segue.

    Agora, eu não entendi, Você anulou o Deus do Antigo Testamento e agora está anulando o Deus do Novo Testamento.

    Ora, Cristo afirma que ele mesmo deu a sua vida para depois a tomar de volta.

    Se você não acredita que toda a bíblia é a palavra de Deus,fica difícil chegarmos a um acordo pois tudo o que creio está baseado em toda a escritura.

    Os cadercistas, iluminats, mormonistas, teosofistas, rosacrucionistas, maçonaristas e outros istas, em geral, não acreditam em toda a bíblia.

    Fica complicado, em especial à afirmação de Cristo sobre retirar a parte daquele que retirar um til ou um jota de toda a lei de Deus.

    Então eu posso afirmar que você é apenas um teísta mas não um cristão?

    Porque um livre pensador não se encaixa em nenhum do itens citados, inclusive entre os “istas”.

    Todo ser humano deve tomar uma decisão. Não existe uma posição neutra no mundo espiritual.

    Você faz bem em crer em Deus, mas Tiago diz que isso não basta: “até os demônios creem que estremecem”. É importante escolher um lado e o lado do vencedor que é Deus.

    Fica com Deus meu amigo.

  55. Azetech

    Essa sua indigência intelectual chega a ser engraçada, já que não dá conta nem de captar uma simples ironia. Não é de se admirar, tendo em vista os “raciossímios” que você desenvolve.
    Não sei por que você implica tanto com as bestas comunistas. Eles foram a versão contemporânea da besta sanguinária que os hebreus cultuavam e pela qual você tem esse fervor de adoração. Acaba que você e os comunistas têm mais em comum do que imagina sua vã filosofia.
    Nós, “crentes” do “naturalismo evolucionista” estamos anos-luz à frente de vocês, adoradores da besta sanguinária, em termos de civilização e de valores ético-morais. E olha que segundo seu “raciossímio”, esses valores são apenas subjetivos.
    Felizmente, é uma minoria que compartilha dos seus valores, esses sim imorais e assassinos. E mesmo assim, quanto estrago produzem.

  56. “Se Deus não existe, qual é o sentido da vida?” ou “Se Deus não existe, por que não existem mais ateus como Sartre, Nietzsche, etc?”

    Eu fico impressionado com neo ateus querendo dar sentido a algo que ELES SABEM que não possui um sentido OBJETIVO [Ao menos que algum neo ateu prove isso].

    Do contrário, concordo com vós neo ateus, sem Deus a vida não possui um sentido objetivo.

    O meu objetivo não é convencer o ateu , neo ateu que Deus existe, isso é impossível, eu simplesmente questiono essa fé ateísta, ao menos que o ateu duvide que Deus não exista e chegamos num paradoxo. Oras ateu, Deus existe ou não existe?

    Muitas vezes, como teístas cristãos, encontramo-nos na defensiva contra as críticas e perguntas dos ateus.

    Às vezes, no meio da argumentação, perdemos o rumo da conversa.

    Neste contexto, Ravi Zacharias apresenta seis conjuntos de perguntas que deveriam fazer parte de uma conversa.

    Elas são perguntas existenciais ou empíricas que são usualmente feitas por ateus e teístas.

    Apresento a seguir o segundo conjunto de perguntas. O original você encontra aqui [http://www.rzim.org/media/questions-answers/]. O primeiro conjunto de perguntas você encontra aqui [http://www.origemedestino.org.br/blog/johannesjanzen/?post=688].

    Se rejeitarmos a existência de Deus, ficamos com uma crise de sentido, então por que não vemos mais ateus como Jean Paul Sartre, ou Friedrich Nietzsche, ou Michel Foucault?

    Esses três filósofos, que também abraçaram o ateísmo, reconheceram que, na ausência de Deus, não havia sentido transcendente além de seus próprios interesses, prazeres, ou gostos.

    A crise da falta de sentido ateísta é retratado no livro de Sartre [intitulado] Nausea.

    Sem Deus, há uma crise de sentido, e esses três pensadores, entre outros, mostram-nos um mundo de apenas “coisas” jogadas para fora no espaço e no tempo, indo a lugar nenhum, significando nada.

  57. Karl Kienitz, professor do ITA, comenta 3 acusações feitas pelos neo ateus contra os cristãos

    Karl Kienitz.

    Recebeu o doutorado em Engenharia Elétrica pela Escola Politécnica Federal de Zurique, Suíça.

    Trabalha como professor de engenharia em São José dos Campos.

    É membro da Primeira Igreja Batista naquela cidade.

    É também docente voluntário em seminários de liderança do Instituto Haggai no Brasil e no exterior.

    Ele escreveu o artigo “Os neo ateus e suas acusações” no site da Ultimato (ver aqui). Leia e deixe seu comentário.

    ***
    Neo ateísmo, ou novo ateísmo, é uma corrente ateísta e ceticista contemporânea cujos aderentes compartilham do entendimento de que religião não deve ser tolerada, mas combatida, criticada e exposta através de argumentação racional, sempre que sua influência se mostrar.

    Acusações contra cristãos tem sido repetidas ad nauseam por autores neo ateus, frequentemente em formulações virulentas. Pergunto-me se tais autores sabem que nos primeiros dois séculos, cristãos eram acusados de ateus, e perseguidos por isso. Relatos de martírios daquela época descrevem o público nas arenas gritando “fora com os ateus” enquanto cristãos eram trucidados de forma bestial. Atenágoras, filósofo cristão do século II, foi um dos que dedicou parte dos seus escritos a defender os cristãos da acusação de ateísmo.

    O que Atenágoras tentou explicar aos pagãos de outrora hoje parece óbvio aos neo pagãos, digo neo ateus: cristãos não são ateus. De lá para cá as acusações contra os cristãos mudaram; a insensatez dos acusadores permaneceu a mesma. Explico.

    Uma das acusações neo ateístas é a de que fé cristã seria obscurantista. Assim como aquela que ocupou Atenágoras, a acusação de obscurantismo também resulta de falta de informação. Biografias de muitos grandes cientistas – desde os primórdios da ciência até a atualidade – desautorizam a acusação. Falo de biografias de cristãos como Kepler, Pascal, Joule, Pasteur, Mendel, Faraday, Maxwell, Planck para citar uns poucos. Infelizmente a falta de informação dos acusadores não se limita à ausência (ou supressão) de conhecimento pertinente de história da ciência; estende-se também à ausência (ou supressão) de conhecimento em história da música. Pois a cultura musical ocidental existe graças a realizações monumentais e norteadoras de gênios como Bach, Händel, Haydn, Mendelssohn, Bruckner e Messiaen, todos eles motivados e movidos por sua fé cristã. E mesmo compositores de posição ambígua em relação à Bíblia muitas vezes produziram obras de destaque inspiradas em temáticas judaico cristãs, como Gustav Mahler com sua Sinfonia da Ressurreição composta no final do século XIX, ou Britten com seu War Requiem composto em meados do século XX.

    Outra acusação neo ateísta comum é a de que fé cristã resulta numa educação inadequada das crianças. Richard Dawkins, autor neo ateu especialmente sórdido, chega a comparar ao abuso infantil a educação que pais cristãos dão a seus filhos. Há algumas décadas, na União Soviética e em outros lugares, posições como a de Dawkins foram levadas às últimas consequências. Em casos a perder de vista, filhos de cristãos foram impedidos de receber uma educação cristã e lhes impingiram uma educação segundo a ideologia do estado, o ateísmo. Os resultados obtidos indicam que o ateísmo generalizado e seus alegados méritos educacionais não cooperam para o sucesso e bem estar de uma sociedade.

    A educação cristã, por outro lado, aquela abominada por Dawkins, consolidou-se ao longo de séculos de pioneirismo. Isto não significa que educação cristã não possa melhorar. Significa que a concepção norteadora continuará sendo a mesma sólida concepção de Comenius, o pioneiro da educação moderna; de Robert Raikes, criador da escola dominical; de Dom Bosco, criador do sistema preventivo; e de tantos outros grandes pioneiros cujos bons frutos permanecem.

    Uma terceira acusação lançada por neo ateus aos cristãos, é a de que fé cristã leva a violência e guerras. Há pelo menos dois problemas sérios com tal acusação. Em primeiro lugar, os acusadores parecem desconhecer os Amish, Menonitas, Quakers e demais cristãos que, exclusivamente com base em sua fé cristã, defendem posições categóricas de não violência. Em segundo lugar, os acusadores decidiram esquecer que as maiores tragédias e atrocidades da história da humanidade foram cometidas por ateus convictos (Stalin, Dzerzhinsky, Hoxha, Ceausescu, Pol Pot, etc.) Isso não exime cristãos da apurar a influência que a fé cristã teve (ou não teve) em capítulos violentos da história. Devem fazê-lo, e a boa notícia é que esse tipo de confrontação tem acontecido. A qualidade do processo é evidenciado, entre outros, pelo clima de entendimento e fraternidade nos diálogos católico-luterano, luterano-menonita e católico-menonita. Aos neo ateus fica a possibilidade concreta de seguir o exemplo dos cristãos e tratar com as partes envolvidas os capítulos negros da história do ateísmo. “Como é que você pode dizer ao seu irmão: ‘Irmão, deixe-me tirar o cisco do seu olho’, quando você não vê a trave no seu próprio olho? Hipócrita! Tire primeiro a trave do seu próprio olho, e então você enxergará bem, para tirar o cisco do olho do seu irmão.” Esse ensinamento de Jesus de Nazaré aos que o seguiam não perdeu atualidade; e parece pertinente a todos.

  58. Ferreira Gullar afirma que a vida não possui sentido, mas vive a vida com se ela tivesse sentido. Por exemplo, Gullar argumenta que é possível “inventar no momento” um sentido para a vida. Ou que o sentido da vida é “o outro”. Isso é uma incoerência completa. Não há coerência dizer que a vida é objetivamente um absurdo e depois afirmar que se pode criar sentido para a vida.
    Francis Schaeffer, em seu livro A Morte da Razão, explicou bem essa incoerência. Ele diz que o homem moderno mora em um universo de dois andares.
    No andar de baixo está o mundo finito sem Deus. Nesse andar, somente existem a matemática, a mecânica, a arte, etc. A vida não possui sentido, nem propósito, no andar de baixo. De fato, no primeiro andar, a vida do homem não é qualitativamente diferente da de um cão, pois se Deus não existe, ambos vão para o mesmo lugar após a morte. O escritor de Eclesiastes, na Bíblia, denomina esta vida sem Deus de vaidade.
    Mas, o que dizer do andar superior? No andar de cima está o sentido da vida, o propósito da vida. Este é o andar que Deus existe. O andar superior dá “otimismo”, pois a vida do homem não termina no túmulo. O ser humano pode gozar da vida eterna com Deus no andar de cima. Portanto, o andar superior proporciona ao homem as duas condições necessárias para uma vida com sentido e propósito: Deus e a imortalidade. Assim, o cristianismo, isto é, o andar superior, é bem sucedido exatamente onde o ateísmo fracassa.
    No “prédio” de dois andares de Schaeffer, Gullar “mora” no andar de baixo, pois acredita que não há sentido para a vida. Por não ter sentido a vida, todas as atividades com as quais Gullar preenche a vida, inclusive a poesia, também não possuem sentido fundamental. Mas, Gullar quer dar um sentido para a vida. E, portanto, ele inventa um propósito de vida. O que Gullar faz é dar um salto para o andar superior. Entretanto, Gullar não pode dar esse salto, pois não crê em Deus. Resumindo: O ateísmo de Gullar fracassa.

  59. Ton

    Estou usando a linguagem nacional, minha cultura. Mas o princípio é o mesmo: sacrifício humano, suicídio coletivo, menos o do líder e aí segue.
    Agora, eu não entendi, Você anulou o Deus do Antigo Testamento e agora está anulando o Deus do Novo Testamento.
    Ora, Cristo afirma que ele mesmo deu a sua vida para depois a tomar de volta.

    Não sou eu que anulei o AT e sim Jesus:
    “naõ foi moisés que deu o verdadeiro pão do céu aos seus pais no deserto(doutrina, leis de Deus), pois eles comeram e morreram em pecados sou eu a verdadeira doutrina, por isso toda planta celestial que o meu pai não plantou , será arrancada dos corações dos homens.
    pois, misericórdia quero e não holocaustos.

    Se você não acredita que toda a bíblia é a palavra de Deus,fica difícil chegarmos a um acordo pois tudo o que creio está baseado em toda a escritura.

    Judiação! voce tambem crê nisto:Assim diz o Senhor dos exércitos: Castigarei a Amaleque por aquilo que fez a Israel quando se lhe opôs no caminho, ao subir ele do Egito.
    Vai, pois, agora e fere a Amaleque, e o destrói totalmente com tudo o que tiver; não o poupes, porém matarás homens e mulheres, meninos e crianças de peito, bois e ovelhas, camelos e jumentos.

    1 Samuel 15:2-3

    então! Ton ? voce tambem idolatra este Sr. dos exércitos de moisés ?

    Os cadercistas, iluminats, mormonistas, teosofistas, rosacrucionistas, maçonaristas e outros istas, em geral, não acreditam em toda a bíblia.
    Fica complicado, em especial à afirmação de Cristo sobre retirar a parte daquele que retirar um til ou um jota de toda a lei de Deus.

    como ja expliquei acima, Jesus se referia a cumprir a verdadeira leis de Deus e não as leis do deus dos exércitos hebreus, foi por isso que ele rejeitou a lei de moises de apedrejar pecadores, de trabalhar no sabado de fazer holocaustos tentando comprar a Deus e por isso foi crucificado pelos fariseus seguidores de moisés.

    Então eu posso afirmar que você é apenas um teísta mas não um cristão?

    exato! seria muita pretensão da minha parte auto me intitular cristão sem praticar as devidas obras cristãs, pois eu entendei bem quando Jesus disse isto : “em vaão me horam com seus labios, quando seus corações estão longe da minha salvação.

    Porque um livre pensador não se encaixa em nenhum do itens citados, inclusive entre os “istas”.
    Todo ser humano deve tomar uma decisão. Não existe uma posição neutra no mundo espiritual.

    A sabedoria cristã é justifica da pelas suas obras e não por palavras frívolas, no popular achismo improdutivo.

    Você faz bem em crer em Deus, mas Tiago diz que isso não basta: “até os demônios creem que estremecem”. É importante escolher um lado e o lado do vencedor que é Deus.
    Fica com Deus meu amigo.

    Demônios e anjos são feitos de homens, se Deus estivesse presente somente em um lado seria um limitado.

    fica na paz de Deus meu amigo e tudo de bom para voce sua família e sua nova filhinha!

  60. Esse ensinamento de Jesus de Nazaré aos que o seguiam não perdeu atualidade;

    Tem um ensinamento de Jesus de Nazaré que diz que uma pessoa que cumpre todas as leis descritas no Pentateuco pode matar a pedradas quem cometeu adultério. Você segue esse ensinamento ou ele “perdeu atualidade”???

    Eu fico impressionado com neo ateus querendo dar sentido a algo que ELES SABEM que não possui um sentido OBJETIVO [Ao menos que algum neo ateu prove isso].

    Engraçado como os crentes gostam de exigir provas…

  61. SS

    Essa sua indigência intelectual chega a ser engraçada, já que não dá conta nem de captar uma simples ironia. Não é de se admirar, tendo em vista os “raciossímios” que você desenvolve.

    ha…ha…ha,….ha…ha…cruel …muito cruel…..

  62. Barros

    Tem um ensinamento de Jesus de Nazaré que diz que uma pessoa que cumpre todas as leis descritas no Pentateuco pode matar a pedradas quem cometeu adultério. Você segue essa lei, ou é um dos ensinamentos de Jesus que “perdeu atualidade”???

    voce que tenta desvirtuar , jesus disse quem nunca errou que seja o primeiro atirar pedras, sabendo ele ser isto impossível é o mesmo que dizer todos são pecadores , por isso não julguem para não serem julgados.
    vai pular carnaval que voce ganha mais!

  63. Barros

    E até agora, lá se vão milênios, ainda não conseguiram apresentar nem uma migalhinha de prova da existência de deus nenhum…
    E esse tal de sentido objetivo que tanto falam, será aquele que determina aos crentes viverem pensando na morte, no que vão “lucrar” se forem bons meninos e meninas? Lendo o que essa gente escreve me fica a impressão que a vida para eles não passa de um aborrecimento, um inconveniente antes de irem ter com o tal deus.

  64. Barros, vc esta com dificuldades de concordar que vc inventa um sentido para sua vida insignificante? Oras,a prova aqui é logica: No God, no sense.

  65. Ss, engraçado que o ateismo não apresenta uma prova para a inexistência de Deus.O pior ainda é vcs pensarem que é o ateismo que traz sentido a ciência .É uma das maiores bizarrice da ciência. Newton está se contorcendo no túmul ao ver como rebaixaram a encia a um incrível nível de estupidez @

  66. Ss, engraçado que o ateismo não apresenta uma prova para a inexistência de Deus.O pior ainda é vcs pensarem que é o ateismo que traz sentido a ciência .É uma das maiores bizarrice da ciência. Newton está se contorcendo no túmulo ao ver como rebaixaram a ciência a um incrível nível de estupidez. Nem tens idéia do lucro de viver eternamente com Jesus; excede a toda a prata a todo o ouro, a todo o prazer que um homem pode achar que é insubstituível . Sim Ss, eu sou interesseiro, eu quero sair no lucro, e que lucro! Graças a Deus eu não. possuo a fé. de que o cosmos é tudo o que existe

  67. jephsimple

    Eu tinha esquecido o piadista que você é: “No God, no sense”. Tosco mas engraçado. Você trocou de deus, é? Pelo que me lembre, seu antigo deus era o “Design Inteligente”, agora é o Jesus? Ô povo volúvel…
    Concordamos em que você é interesseiro, mas dá peninha ver que você investe a fundo perdido.
    Vem cá, vocês crentes leem as coisas de trás pra frente, de cabeça pra baixo ou o quê? De onde saiu essa de “ateísmo é que dá sentido à ciência”?

    P.S.: ateus não precisam se preocupar em “provar a inexistência de Deus”, vocês crentes já fizeram isso, estão gramando há três mil anos e necas de pitibiribas. Vai ver é por que vocês ainda não conseguiram decidir de que diabos de deus afinal de contas são adoradores, a cada hora é um diferente.

  68. SS
    E até agora, lá se vão milênios, ainda não conseguiram apresentar nem uma migalhinha de prova da existência de deus nenhum…
    E esse tal de sentido objetivo que tanto falam, será aquele que determina aos crentes viverem pensando na morte, no que vão “lucrar” se forem bons meninos e meninas? Lendo o que essa gente escreve me fica a impressão que a vida para eles não passa de um aborrecimento, um inconveniente antes de irem ter com o tal deus.

    Deus não pode ser provado apenas sentido.
    Crentes e ateus veem na morte uma porta de fuga para suas frustações,mais ou menos como se iludem com loterias.
    Acredito que seremos eternos resmungões.

  69. A Criaturis Pictures
    presents

    Mais uma comédia atéia:

    um ateu diz: Engraçado como os crentes gostam de exigir provas…

    e outro reponde: E até agora, lá se vão milênios, ainda não conseguiram apresentar nem uma migalhinha de prova da existência de deus nenhum…

    Se esta achando graça, aproveite esse seu bom humor e va pular carnaval.

  70. SSRodrigues:
    Não é o Azetech que vive digitando pelos cotovelos que quem faz a afirmação é que tem o ônus da prova?
    O jephsimple deveria saber disso e começar a provar que o deus-que ele-acredita existe.

    Mas aí ele me vem com essa:
    “Oh! A vida não tem sentido se não existir o “meu-deus”, logo o “meu-deus” existe.”
    É um belíssimo argumento, não acha?

    Que eu saiba o sentido da vida é se replicar.

    Agora, o sentido filosófico da vida é ficar inventando sentidos para a vida.

    Eu creio peremptoriamente que E.T.s existem, quem discordar que me prove que eles não existem.

  71. MAF

    O jephsimple é assim uma espécie de retaguarda do Azetech: aparece sempre que o Az está enfiando os pés pelas mãos além da medida, então ele só vai assinar em baixo de tudo que o Az escreve

    O problema do crente é que ele vive no cercadinho mental da crença.
    Ateus fazem opção pelo conhecimento disponível, o qual apresenta uma teoria para o surgimento do universo e outra para o surgimento da vida, baseadas ambas em evidências e seguimos abertos ao que virá em seguida.
    O crente sustenta que há um propósito consciente no surgimento desses eventos. Aliás, o show de asneiras já começa nesta redundância: se tivesse havido um criador do universo e da vida, o propósito necessariamente seria consciente.
    Mas como dizia, o crente diz que tudo teve um criador e quando se lhe pede que aponte alguma evidência disso, qualquer uma, por mínima que seja, ele está no vácuo e é aí que vê que o cercadinho não tem saída e o espaço para manobras é bem reduzido.
    A única possibilidade seria arrombar o cercadinho, mas isso os apavora, então contentam-se com esses desafios infantis.

  72. Criaturo, eu estava me referindo ao fato de que, sempre que um ateu abre a boca para contestar a Bíblia ou seja lá o que for, o crente pede provas e mais provas do que ele está falando, ao passo que tudo o que o crente diz SEM QUALQUER EMBASAMENTO NA REALIDADE ele acha-se no direito de não fornecer prova nenhuma, tipo:

    “Ora, a minha fé embasa o que eu estou dizendo.

  73. Ss,

    Prove que eu troquei de Deus … Eu refresco sua memória [se é que não sabes disso e não está apenas a se utilizar de desonestidade intelectual] Eu escrevi neste blog, inclusive respondi a teu deboche a um versículo que eu citei sobre os atributos invisíveis de Deus em alusão ao Designer que possui evidências cientificas… E deixei bem claro que Deus = Designer o é por inferência lógica.

    Vc realmente acha que atributos invisíveis não podem ser visto. Mas eu entendo afinal um bom neo ateu só acredita em coisas que seus olhos veem. E parece que não sabe que ver atributos invisíveis se trata de uma inferência lógica de causa e efeito.

    Ai meu Deus, eu posso conhecer uma causa invisível, não observável a olho nu pelo efeito que se pode observar.

    Tenha santa ciência, quer dizer santa paciência.

  74. Eu acredito que o crente possa ver atributos invisíveis…

    Sério.

  75. Jephsimple:

    E deixei bem claro que Deus = Designer o é por inferência lógica.

    Vejamos a inferência lógica:

    Deus é um designer.
    Nem sempre um designer é um deus. (humanos são designers)
    Há design na natureza.
    Pode haver um designer responsável pelo design da natureza.
    Se nem todo designer é um deus, não posso afirmar que o designer da natureza é um deus.

  76. MAF,

    Primeiro que vcs usam esta tática de inversão para não lidar com algo que vcs não tem capacidade de lidar; ou por medo, desonestidade, ou ignorância mesmo.

    Depois eu nunca disse que vcs possuem o onus da prova e o teísta não, ambos possuem isto. Eu simplesmente disse o que Nietzsche [não sei se alguém aqui conhece] cria piamente na ausência objetiva de sentido para a vida [que para você é se replicar(um tanto cômico, tão cômico quanto o sentido da terra é ficar girando em torno do sol )]

    A percepção chocante da morte de Deus levou Nietzsche à conclusão de que todos os valores e absolutos baseados em Deus também estavam mortos. Logo, Nietzsche rejeitava todos os valores judaico-cristãos tradicionais de maneira quase violenta. Nietzsche questionou até princípios gerais, tais como “não ferir outro homem” (Além do bem e do mal, p. 186-7). Ridicularizou o princípio cristão de amor: “Por que, seus idiotas […] Que tal Louvar aquele que sacrifica a si mesmo?”’ (ibid., p. 220). “Na verdade, o cristianismo é a maior de todas as corrupções imagináveis […] eu o denomino mancha imortal da humanidade (O anticristo, p. 230).

    No lugar dos valores cristãos tradicionais, propôs que as pessoas modernas fossem “além do bem e do mal”. Sugeriu a trans avaliação que rejeitaria as virtudes “suaves” e femininas do amor e da humildade e se apoderaria das virtudes “duras” e masculinas da severidade e da desconfiança (Além do bem e do mal, toda a obra).
    Seres humanos
    Não há pós-vida, então tudo o que a pessoa puder fazer para superar os limites da mortalidade pessoal é desejar a recorrência eterna da mesma situação. Isto é, deve desejar voltar e viver a mesma vida vez após vez. Já que não há Deus e não há valores objetivos para descobrir, a raça humana deve criar os próprios valores. A falta de sen­tido e conteúdo da vida deve ser superada. Os que a superam são “super-homens”.

    LOL

    “Agora, o sentido filosófico da vida é ficar inventando sentidos para a vida.”

    Vc inventa um sentido filosófico para sua vida, e vc usa isso como regra para afirmar que todos os seres humanos inventam um sentido para a vida? Por que Deus não existe?Pobre Nietzsche… ele concordava comigo tanto quanto eu com ele:

    No God, no sense! Vamos nos replicar e … morrer… E terra… gire.

  77. Barros,
    “Eu acredito que o crente possa ver atributos invisíveis…”

    Vc por acaso sabe o significado de atributo? Rsrsrsrsrrsrsrsrsrs … ;D

  78. MAF,

    Vejamos a inferência lógica:
    Deus é um designer.
    Nem sempre um designer é um deus. (humanos são designers)
    Há design na natureza.
    Pode haver um designer responsável pelo design da natureza.
    Se nem todo designer é um deus, não posso afirmar que o designer da natureza é um deus.

    Vc tem razão, eu não posso afirmar dogmaticamente que o Designer desse universo e dos sistemas biológicos é um Deus Poderoso, Eterno e inteligente.

    É apenas uma inferência lógica … que pode ser substituída por outra inferência lógica, assim como uma hipótese não é insubstituível.

    Vê que o materialismo filosófico e o naturalismo foge disto. Não lida com isso de forma honesta. Creem piamente que o cosmos é tudo o que existe … Claro que isso é apenas uma posição subjetiva de seres humanos que rejeitam a ideia de um Deus … ou deuses que seja.Não tem nada a ver com lógica, razão e ciência.

  79. MAF, Barros

    Não sei quanto a vocês, mas eu estou em estado de choque. Acabei de descobrir, via jephsimple, que somos Nietzsche,todos nós ateus. Claro, nunca ouvi falar desse cara, mas eu sou ele.

    E você, hein Barros? Todo esse tempo dedicado a desmontar esse rol de deuses, o Jesus, o Javé, tem esse outro, o Designer (eu pensava que a trindade era com o Espírito Santo), e nem conseguiu reservar dois minutinhos pra ver no dicionário o significado de atributos? tsc, tsc.

  80. jephsimple

    Até onde me lembro, você nunca mencionou Jesus não. Mas pode ser confusão minha, o problema é que vocês trocam de deus o tempo todo. Também, tanto faz: Jesus, Javé, Designer, estão todos apenas na sua imaginação.

  81. Serio SS ?

    Não é que eu creio tanto quanto vovôs de macacos evoluem;plim, [e os negros são seus mais chegados(não é papai Darwin?] para bípedes com mente que vcs nunca ouviram falar de Nietzsche… E o quanto ele entendia a insignificância de sua vida sem Deus. E eu que nem concordo com Nietzsche, nisso concordo com ele; é simples não é Nietzsche?: No God, no sense!

  82. Ahhh tá … Eu cito o Livro de Romanos em alusão a minha defesa da Teoria do Design Inteligente e não creio em Jesus?

    Se eu não tivesse nenhuma experiencia real com Deus, com o sobrenatural eu concordaria que é imaginação minha.

    Mas essa imaginação seria criada pelo que eu vejo no mundo natural.

    Vejo ordem, sistemas funcionando, logo imagino um designer…

    Imaginação não seria de todo mal, o problema seria se eu não conseguisse entender que é melhor crer num designer para ordem e sistemas refinados a ausência do mesmo; claro, estou disposto a ver a lógica de sistemas complexamente organizados, não possuírem um Designer, assim como eu gostaria de entender como é um DI sem um designer.

    Se eu encontrar mais parcimônia eu me converto para o naturalismo e materialismo agora e viva Darwin e Dennett.

  83. jephsimple

    Vou te contar um segredo, mas vê se não espalha: ateus são diferentes dos crentes. Nós não temos instinto de manada. Isso quer dizer que não seguimos profetas, padres, pastores, os William Craig da vida, por aí. Então, sucede que o que quer que Nietzsche tenha escrito, pensado, falado, dizia respeito ao entendimento pessoal dele.
    Não significa que todos os ateus seguem o pensamento dele nem de ninguém como palavras sagradas, vocês é quem fazem isso. É bem como escrevi acima. Crente não consegue sair do cercadinho mental da crença nem a fórceps e só consegue entender os outros sob a perspectiva dessa prisão.

    With God, no sense

  84. Experiência real? Hmmm…Interessante como Javé/Designer/Jesus, que é/são o tudo e o todo (by Criaturo), onipresente e tal, fica/ficam sempre brincando de esconde-esconde com meia dúzia de gatos pingados. Caso um Nietzsche (somos todos Nietzsche, os ateus) perguntasse, oras mas por que Deus (quantos sejam num só) simplesmente não se torna acessível a todo mundo assim ninguém precisa mais crer, todos vão saber? O que os privilegiados teriam a dizer? Perguntinha básica.

  85. Se eu não tivesse nenhuma experiencia real com Deus, com o sobrenatural eu concordaria que é imaginação minha.

    Shirley, vê só, quando tiver um tempo, pede aí pro teu chapa dar um exemplo de uma experiência real que ele teve com Deus. Mas não fala que fui eu que tava querendo saber porque ele não costuma responder as perguntas que eu faço. Basta ver que ele se furtou a responder todas as perguntas que dão título a essa série de textos…

  86. Eu nunca li nada de Nietzche. E ele também nunca leu nada do que eu escrevi. Então estamos empatados.

  87. jephsimple:

    Primeiro que vcs usam esta tática de inversão para não lidar com algo que vcs não tem capacidade de lidar; ou por medo, desonestidade, ou ignorância mesmo.

    Da minha parte não há medo algum, eu vivo debatendo sobre isso e desconstruindo a crença bíblica (pelo menos pra mim mesmo), eu me movo muito bem nessa seara, apesar de achar que quem afirma é quem deve provar a afirmação primeiro.

    Depois eu nunca disse que vcs possuem o onus da prova e o teísta não, ambos possuem isto. Eu simplesmente disse o que Nietzsche [não sei se alguém aqui conhece] cria piamente na ausência objetiva de sentido para a vida [que para você é se replicar(um tanto cômico, tão cômico quanto o sentido da terra é ficar girando em torno do sol )]

    Pelo menos você é mais honesto que muitos que simplesmente lançam uma afirmação sem querer provar pedem por provas da negação.
    Nunca li Nietzsche, talvez alguma frase aqui e alí mencionadas de passagem nessas minhas andanças literárias.
    Mas o sentido mais objetivo da vida biológica é se replicar mesmo, toda observação para todo tipo de vida aponta pra isso. Ou não?

    A percepção chocante da morte de Deus levou Nietzsche à conclusão de que todos os valores e absolutos baseados em Deus também estavam mortos.

    Mas se a priori ele não acreditava em deus algum, logo ele sabia que os valores morais evidentemente não eram de origem divina ainda que imputados ao divino.
    Ele não estava se utilizando de uma alegoria argumentativa?

    Nietzsche rejeitava todos os valores judaico-cristãos tradicionais de maneira quase violenta. Nietzsche questionou até princípios gerais, tais como “não ferir outro homem” (Além do bem e do mal, p. 186-7). Ridicularizou o princípio cristão de amor: “Por que, seus idiotas […] Que tal Louvar aquele que sacrifica a si mesmo?”’ (ibid., p. 220). “Na verdade, o cristianismo é a maior de todas as corrupções imagináveis […] eu o denomino mancha imortal da humanidade (O anticristo, p. 230).

    Será que ele não estava sendo irônico?
    Veja que os valores do livro antigo dos hebreus eram derivados de coisas como: afogar quase todas as criaturas quando poderia ser feito de maneira não violenta; dizimar outros povos incluindo mulheres, crianças de toda idade e seus animais; apedrejar até a morte trabalhadores sabatinais; aceitar holocaustos e se agradar do perfume que subia às nuvens; testar a fé de Abraão usando Isaque; testar Jó; e muitas outras coisas bizarras.

    No lugar dos valores cristãos tradicionais, propôs que as pessoas modernas fossem “além do bem e do mal”. Sugeriu a trans avaliação que rejeitaria as virtudes “suaves” e femininas do amor e da humildade e se apoderaria das virtudes “duras” e masculinas da severidade e da desconfiança (Além do bem e do mal, toda a obra).
    Seres humanos

    O cara era machista, heim? O livro dos hebreus está recheado de regras machistas também derivadas desses absolutos vindos de Javé.
    Ora! Será que Nietzsche não conhecia o livro dos hebreus?
    Bastaria propor uma volta aos antigos tempos.

    Não há pós-vida, então tudo o que a pessoa puder fazer para superar os limites da mortalidade pessoal é desejar a recorrência eterna da mesma situação. Isto é, deve desejar voltar e viver a mesma vida vez após vez. Já que não há Deus e não há valores objetivos para descobrir, a raça humana deve criar os próprios valores. A falta de sen­tido e conteúdo da vida deve ser superada. Os que a superam são “super-homens”.

    A raça humana criou os próprios valores. Não há como ser de outra forma.
    Pois os valores morais são inerentes às nossas limitações. Não há como construir valores sem as limitações.
    Mesmo que houvesse um deus ele teria que respeitar nossas limitações naturais para definir valores justos.

    “Agora, o sentido filosófico da vida é ficar inventando sentidos para a vida.”

    Vc inventa um sentido filosófico para sua vida, e vc usa isso como regra para afirmar que todos os seres humanos inventam um sentido para a vida? Por que Deus não existe?Pobre Nietzsche… ele concordava comigo tanto quanto eu com ele:

    Mas veja que é isso mesmo: “… o sentido filosófico da vida é ficar inventando sentidos para a vida.”
    Mesmo os sentidos religiosos, que não deixam de ser coisas inventadas derivadas de hipóteses.

    O sentido biológico da vida é se replicar independente do sentido filosófico que se queira dar.

    O sentido da vida de Nietzsche devia ser filosofar. Rsrsrs.

    No God, no sense! Vamos nos replicar e … morrer… E terra… gire.

    Se você, meu caro jephsimple, se replicar, continuará biologicamente vivo.
    Ainda bem que a Terra gira. Senão não estaríamos aqui discutindo o sentido da vida.
    Isso já me parece um bom sentido para a Terra!

    Vc tem razão, eu não posso afirmar dogmaticamente que o Designer desse universo e dos sistemas biológicos é um Deus Poderoso, Eterno e inteligente.
    É apenas uma inferência lógica … que pode ser substituída por outra inferência lógica, assim como uma hipótese não é insubstituível.

    Clap, clap, clap!
    Parabéns, você parece honesto agora.
    Isso significa que não há evidências concretas para suportar a hipótese religiosa bíblica?

    Vê que o materialismo filosófico e o naturalismo foge disto. Não lida com isso de forma honesta. Creem piamente que o cosmos é tudo o que existe … Claro que isso é apenas uma posição subjetiva de seres humanos que rejeitam a ideia de um Deus … ou deuses que seja.Não tem nada a ver com lógica, razão e ciência.

    Bom, talvez eles, os materialistas e naturalistas queiram ser mais honestos e lidar apenas com aquilo que as evidências apontam sem se preocupar com extrapolações filosóficas extremas para qualquer lado.
    Só alguma(s) evidência(s) nova(s) pode mudar o paradigma da ciência atual.
    Aguardemos como os materialistas naturalistas ou, filosofemos…

  88. SSRodrigues:

    Não sei quanto a vocês, mas eu estou em estado de choque. Acabei de descobrir, via jephsimple, que somos Nietzsche,todos nós ateus. Claro, nunca ouvi falar desse cara, mas eu sou ele.
    E você, hein Barros? Todo esse tempo dedicado a desmontar esse rol de deuses, o Jesus, o Javé, tem esse outro, o Designer (eu pensava que a trindade era com o Espírito Santo), e nem conseguiu reservar dois minutinhos pra ver no dicionário o significado de atributos? tsc, tsc.

    Ou acho que Nietzsche deve ser muito chato como filósofo.
    Rsrsrsrs!

  89. jephsimple:

    Se eu não tivesse nenhuma experiencia real com Deus, com o sobrenatural eu concordaria que é imaginação minha.

    Você teve?

    Mas essa imaginação seria criada pelo que eu vejo no mundo natural.
    Vejo ordem, sistemas funcionando, logo imagino um designer…
    Imaginação não seria de todo mal, o problema seria se eu não conseguisse entender que é melhor crer num designer para ordem e sistemas refinados a ausência do mesmo; claro, estou disposto a ver a lógica de sistemas complexamente organizados, não possuírem um Designer, assim como eu gostaria de entender como é um DI sem um designer.

    Sim, faz sentido. Mas, por que você quer ligar isso especificamente à crença bíblica?
    Por que não à uma outra qualquer de outra cultura?
    Ou talvez à nenhuma?

    Designer pode ser qualquer coisa, inclusive um super E.T..
    Ou um sistema.
    Ou algo que simplesmente não conseguimos sequer imaginar.

  90. MAF

    Nietzsche é filósofo para o tipo de pessoa que vê o mundo exclusivamente a partir do próprio umbigo e exatamente por isso eu o achei muito chato, mas é só a minha opinião, claro há quem pense diferente. Minha brincadeira aí acima vai por aí, cada um é diferente do outro, esse jephsimple tem a mania (conveniente) de apresentar ateus como uma única mente ou como se todos seguissem alguém, como ovelhas. É a maneira dele de tentar ridicularizar o que ele não suporta. Eu não o levo mais a sério, já tive experiências prévias com a figura. Fanatismo e desonestidade no jephsimple é mais abundante que grama no pasto.

  91. Marcio diz:

    Eu creio peremptoriamente que E.T.s existem, quem discordar que me prove que eles não existem.

    Não existem evidências nem prós nem contras,mas existem testemunhos de pessoas afirmando terem vistos discos, outras espiritops de pessoas falecidas.
    Entre milhares de pessoas, todas são mentirosas ou esquizofrênicas ?

  92. SS
    Mas como dizia, o crente diz que tudo teve um criador e quando se lhe pede que aponte alguma evidência disso, qualquer uma, por mínima que seja, ele está no vácuo e é aí que vê que o cercadinho não tem saída e o espaço para manobras é bem reduzido.
    A única possibilidade seria arrombar o cercadinho, mas isso os apavora, então contentam-se com esses desafios infantis.

    O cercadinho de ateus funciona mais ou menos assim:
    Nascemos da irracionalida, porem herdamos a inteligência do nosso Pai.
    O sentido das nossas vidas caminha invitavelmente para o final de todo o sentido, a nossa razão é que limita a realidade existente.
    “sabemos logo existe”

  93. Barros
    tudo o que o crente diz SEM QUALQUER EMBASAMENTO NA REALIDADE ele acha-se no direito de não fornecer prova nenhuma, tipo:

    “Ora, a minha fé embasa o que eu estou dizendo.

    Isso é que ter fé!

  94. Criaturo,

    Entre milhares de pessoas, todas são mentirosas ou esquizofrênicas ?

    Considero a existência de pessoas mentirosas e de pessoas esquizofrênicas mais plausível que a existência de uma divindade suprema que se dividiu intencionalmente com o objetivo de desfrutar da liberdade que a ignorância de sua própria magnitude pode proporcionar (se é que isso faz algum sentido pra alguém).

    Talvez esta caô funcionasse melhor se você tentasse difundi-lo no meio do deserto para um povo supersticioso e sem instrução nem conhecimento científico de nível fundamental.
    Se bem me lembro já fizeram isso e obtiveram resultados bem satisfatórios.

  95. SS

    oras mas por que Deus (quantos sejam num só) simplesmente não se torna acessível a todo mundo assim ninguém precisa mais crer, todos vão saber? O que os privilegiados teriam a dizer? Perguntinha básica
    O proposito da vida é descobrir Deus, então deixe de preguissa.
    imagine quantos milhões de anos demorou-de para alcançar a razão atual, antes do microscópio seres invisiveis eram “seres imaginarios”.

  96. Bom dia para voce tambem Marcos…he,.,he,,he,,he,,he!

    ignorância absoluta tem tudo haver com liberdade total, ja que não existem limites impostos por alguma razão.
    Maquinas não possuem vontade própria , porque foram feitas para obedecerem a nossa vontade.
    Eu acho que isso faz mais sentido do que Ateus afirmar serem filhos da irracionalidade, que brevemente voltarão para ela, que a razão deles é que limitam a realidades existentes.

  97. jephsimple:
    Creem piamente que o cosmos é tudo o que existe … Claro que isso é apenas uma posição subjetiva de seres humanos que rejeitam a ideia de um Deus … ou deuses que seja.Não tem nada a ver com lógica, razão e ciência.

    Voce crê que Deus seja algo a parte do cosmos ? Justifique !

  98. MAF

    Cadê os seus argumentos refutando os meus?
    Chorão!

    Cadê os seus “argumentos” sendo comprovados (ou evidenciados) chorão. :-)

    Basta ler a bíblia, fica claro lá!

    Depende de como lê. Se tu retira trecho fora de contexto e “estupra” toda hermenêutica e exegese dela (prática comum dos anti-cristãos), com certeza poderá tirar as conclusões que quiser, INCLUSIVE que a Bíblia defende a existência de OVNIS.

    Estou esperando você provar sua alegação de que eventos sobrenaturais existem.
    Chorão!

    Estou esperando comprovares que as testemunhas de eventos sobrenaturais falaram mentiras, chorão.
    :-)

    Concordo! Você nunca conseguiu sair do Stand By, por pura incompetência intelectual evidenciada na sua choradeira ad hominen.

    Na verdade só não saí do “Stand By” porque se comporta igual a um papagaio, fazendo alegações QUE NÃO CONSEGUE COMPROVAR.

    Ficou ridículo esse seu ataque de pelancas agora.

    Huuuaaaaaaaaa………. Que sono……..
    O Único “ataque” que eu tive até agora foi de canseira em aguarda-lo.

    Você já foi melhor Diogo!

    E tu infelizmente continua na mesma, sem NENHUM avanço. hehehehe :-)

    Ai que tédio! Nada de novo no horizonte de argumentos (ou falta deles) dos criacionistas bíblicos caricatos.

    Tu negas que e Fidel, Mao, Ceausceu, Stalin e outros lideres comunistas eram UltraDarwinistas Naturalistas?

    Presentinho para você refrescar a cabeça;

    Ao invés de enviar vídeo para “refrescar” a minha cabeça, tu possui algum vídeo que corrobora ou pelo menos demonstra evidência de suas alegações?
    :-)

    Vamos lá, será que de TUDO que falaste até agora, NADA conseguiste comprovar (nem ao mínimo evidenciar)?

    Estarei no aguarde.

    Abraços.

    Diogo.

  99. Shirley

    Essa sua indigência intelectual chega a ser engraçada, já que não dá conta nem de captar uma simples ironia

    Além de ironias vocês possuem algo sólido? Sei lá alguma EVIDÊNCIA do que vocês alegam, por exemplo.
    Ou será que TUDO que vocês, crentes naturalistas possuem, são alegações no vento (sem NENHUMA evidência ou prova), Ad hominen e ironias??

    Não sei por que você implica tanto com as bestas comunistas.

    Seria pelo “simples” motivo de colocarem EM PRÁTICA as doutrinas de Darwin?

    Eles foram a versão contemporânea da besta sanguinária que os hebreus cultuavam e pela qual você tem esse fervor de adoração.

    Na verdade eles NEGAVAM a Deus e buscavam impor o estado ATEU a todo custo.
    Eles eram a real manifestação da doutrina Evolucionista Naturalista.

    Acaba que você e os comunistas têm mais em comum do que imagina sua vã filosofia.

    hehehe Leia Marx e veja a que se de fato se assemelha.
    Tenho certeza que ao ler um de seus livros, certamente terá a impressão de estar se olhando no espelho.

    Nós, “crentes” do “naturalismo evolucionista” estamos anos-luz à frente de vocês

    Acha mesmo que seu “Self Selling” tornará a tua CRENÇA verdadeira?
    Se vocês naturalistas evolucionistas estivessem anos luz na nossa frente, certamente o mundo hoje seria COMUNISTA.

    Felizmente, é uma minoria que compartilha dos seus valores, esses sim imorais e assassinos.

    Na verdade o cristianismo é infinitamente maior do que o ateísmo. Graças a Deus :-)

    Se fosse ao contrário, eu preferiria a morte do que viver em um mundo debaixo de um regime comunista, com líderes ultradarwinistas naturalistas.
    Bom… para falar a verdade, se este cenário fosse real, meu desejo seria concretizado, visto que a HISTÓRIA mostra que países sob o regime de líderes ATEÍSTAS, SEMPRE mataram os teístas que não aderiram as suas convicções naturalistas.

    É o clássico “Abandone seu Deus ou Morra”

  100. Aze @ Marcio

    Depende de como lê. Se tu retira trecho fora de contexto e “estupra” toda hermenêutica e exegese dela (prática comum dos anti-cristãos), com certeza poderá tirar as conclusões que quiser, INCLUSIVE que a Bíblia defende a existência de OVNIS.

    11 De repente, enquanto caminhavam e conversavam, apareceu um carro de fogo puxado por cavalos de fogo que os separou, e Elias foi levado aos céus num redemoinho.

  101. Azetech

    Já escrevi antes, vou repetir: não creio em nada. Aceito o que se conhece até o momento sobre universo, surgimento da vida, que seja baseado em evidências. Você sabe perfeitamente que as há, tanto que esmiúça essas evidências para retirar delas aquilo que convém à sua crença e ridicularizar o que não convém. O objeto da sua crença, Deus, se existisse de fato não necessitaria hermenêuticas e exegeses. Seria automaticamente e naturalmente evidenciável. A inexistência dele se dá pela impossibilidade lógica nos próprios termos que o descrevem.Vocês crentes sabem perfeitamente disso, tanto sabem que precisam arrumar justificativas, fazendo as tais hermenêuticas e exegeses. Arrumar desculpas para justificar a sua crença é um direito que lhe assiste, só não espere concordância e nem mesmo respeito, tendo em vista que não respeita quem não crê.

    Já percebi que não adianta dizer que os assassinatos promovidos pelos regimes comunistas não foram praticados em nome do ateísmo e nem mesmo por serem seus perpetradores, ateus. É mais uma coisa que te convém, insistir nisso.
    Sigo então a sua métrica.
    Calcula-se que os regimes comunistas tenham matado entre 60 e 100 milhões de pessoas durante um período de setenta anos.
    A Alemanha cristã matou entre 6 e 7 milhões de pessoas, extra-guerra, num período de seis anos.
    Os EUA cristãos mataram em dois dias cerca de duzentas mil pessoas, numa das formas mais torpes e covardes que o ser humano já descobriu para destruir seus semelhantes, fora os inúmeros sobreviventes com gravíssimas sequelas.
    De acordo com seu raciocínio, todos esses milhões de mortos foram obra do cristianismo, certo?

  102. Querido MAF , será um prazer explicá-la!

    ”MAF , on 01/03/2014 at 17:40 said:
    Carolline:
    ”Deus ama a TODOS nós, porém ele aniquila nossos pecados.”

    Poderia nos explicar o significado dessa frase.
    Quer dizer, tudo poderia ter sido feito sem o pecado desde o início, se o dito cujo era para ser aniquilado mesmo.
    Ou…”

    Tudo poderia ter sido feito sem o pecado?Mas afinal o que é o pecado?
    Segundo o site Wikipédia, pecado é tudo aquilo que desobedece a vontade de Deus.
    Deus deu o livre-arbítrio para os anjos, ou seja, eles poderiam agir como bem entendessem.Acontece que uma criaturinha quis ser que nem o próprio Deus, ou melhor que Ele.Isso foi um pecado.
    No jardim do Éden, com o homem(no sentido da humanidade) já formado, a serpente, usada pelo diabo, enganou Eva e ela desobedeceu a vontade de Deus.Ai o pecado entrou na humanidade.
    Sabia que antes as cobras não andavam sob seu próprio corpo?Isso foi comprovado cientificamente e na Bíblia, Deus amaldiçoou esse ser, deixando ela nas condições como vive até os dias de hoje.
    Deus ama você mesmo você sendo assim.Deus não precisa de você, não precisa de mim, não precisa de NINGUÉM para continuar sendo Deus.Mas sua soberania é tão grande que Ele te ama in-con-di-ci-o-nal-men-te.
    Vocês ateus, antes de falarem que Deus não existe poderiam PROVAR.Eu posso provar que o meu Deus existe, não aqui, obviamente mas pessoalmente, sem dúvidas.E vocês podem provar baseados na ciência que Deus NÃO existe?Por que acham que até hoje , mesmo com inúmeros avanços tecnológicos não se sabem como surgiu o mundo?
    O legal é a explosão do big bang!Viva!Todos os seres foram criados a partir de uma única célula!!UHUUL.
    O que acho mais impressionante é que vocês acham que sabem de tudo,mas a inteligência do homem é SEMPRE LIMITADA!

    Grande beijo.

  103. Se eu perguntar a opinião de vocês sobre nós crentes, com certeza meus ouvidos-ou olhos- não se agradariam.
    Mas se eu expor minha opinião contra homossexuais o que aconteceria?
    Por acaso nós crentes não temos os mesmos direitos dos homossexuais-direito de igualdade- ?
    O que quero dizer é que porque nós cristão somos perseguidos até mesmo no Brasil por conta da nossa fé?
    Não poderíamos ser como umbandistas?Cada um com seu Deus e acabou?
    Ninguém quer saber da umbanda-sem ofensas- , mas contra ou a favor do cristianismo existem infinitos argumentos sobre a existência de Deus.
    Deus nos fez do pó da terra, e ao pó voltaremos.
    Isso também é comprovado cientificamente, no caso a questão de termos uma porcentagem de barro no nosso corpo.
    Chegaaa!Vou estudar física que tenho prova segunda.
    Já que vocês são tão inteligentes, poderiam me ajudar?

    :) , bye.

  104. Deus não precisa de você, não precisa de mim, não precisa de NINGUÉM para continuar sendo Deus.

    Só falta agora você explicar por que Deus criou a humanidade, se não precisa de ninguém pra ser Deus. Ele podia muito bem ter continuado a existir sem nós…

  105. Carolline:

    Tudo poderia ter sido feito sem o pecado?Mas afinal o que é o pecado?
    Segundo o site Wikipédia, pecado é tudo aquilo que desobedece a vontade de Deus.

    Certo! Mas você disse lá embaixo que somos limitados, portanto incapazes de saber de todas as vontades de deus.
    Se deus fosse competente teria deixado claro à TODOS quais as regras que deveríamos seguir. Mas aí…

    Deus deu o livre-arbítrio para os anjos, ou seja, eles poderiam agir como bem entendessem.Acontece que uma criaturinha quis ser que nem o próprio Deus, ou melhor que Ele.Isso foi um pecado.

    Bom! Sempre desejamos que nossos filhos nos superem. Sejam melhores que nós, e isso não é pecado. É amor, in-con-di-ci-o-nal!
    E motivo de orgulho, não de inveja.

    No jardim do Éden, com o homem(no sentido da humanidade) já formado, a serpente, usada pelo diabo, enganou Eva e ela desobedeceu a vontade de Deus.Ai o pecado entrou na humanidade.
    Sabia que antes as cobras não andavam sob seu próprio corpo?Isso foi comprovado cientificamente e na Bíblia, Deus amaldiçoou esse ser, deixando ela nas condições como vive até os dias de hoje.

    Bem que deus poderia ter arrancado a língua da serpente, em vez das patinhas, antes dela conversar com Eva. Não?
    Tanta confusão seria evitada. Não acha?
    Mas a incompetência impera.

    Deus ama você mesmo você sendo assim.Deus não precisa de você, não precisa de mim, não precisa de NINGUÉM para continuar sendo Deus.Mas sua soberania é tão grande que Ele te ama in-con-di-ci-o-nal-men-te.

    Acho que você não sabe o que á amor in-con-di-ci-o-nal.
    Se deus ama as criaturas incondicionalmente o tal mandamento: “Deveis amar à deus sobre todas as coisas”, não existiria.
    Deus não parece precisar de nada, exceto o amor de criaturas limitadas.
    Isso pra mim, se chama ca-rên-ci-a afetiva. Ui!

    Vocês ateus, antes de falarem que Deus não existe poderiam PROVAR.Eu posso provar que o meu Deus existe, não aqui, obviamente mas pessoalmente, sem dúvidas.

    Tá, o ônus da prova é seu! Mãos à obra mocinha!
    Aliás por que você acredita na existência do deus bíblico e não de um outro qualquer que há por aí?

    E vocês podem provar baseados na ciência que Deus NÃO existe?Por que acham que até hoje , mesmo com inúmeros avanços tecnológicos não se sabem como surgiu o mundo?

    Prove você que ele existe a não há o que se contestar. Simples!
    A ciência tem uma boa hipótese de como surgiu o nosso mundo, parece mais lógica do que a descrição mitológica bíblica.

    O legal é a explosão do big bang!Viva!Todos os seres foram criados a partir de uma única célula!!UHUUL.

    Big Bang nunca foi uma explosão! Todos os seres são constituídos de células únicas até hoje, alguns de células isoladas, os unicelulares, outros de colônias de células especializadas, os pluricelulares. Uhuuuuuuu!

    O que acho mais impressionante é que vocês acham que sabem de tudo,mas a inteligência do homem é SEMPRE LIMITADA!

    Vocês quem?
    É evidente que somos limitados, mas nem por isso devemos ficar presos à dogmas (cercadinhos confortáveis) anacrônicos.
    É ótimo contestar e olhar além da cerca.

    Grande beijo.

    Outro!

  106. Carolline:

    Se eu perguntar a opinião de vocês sobre nós crentes, com certeza meus ouvidos-ou olhos- não se agradariam.

    Também não é assim. Rsrsrs!

    Mas se eu expor minha opinião contra homossexuais o que aconteceria?

    Depende.
    Atrairia antipatia dos homossexuais?

    Por acaso nós crentes não temos os mesmos direitos dos homossexuais-direito de igualdade- ?

    Tem o direito de serem crentes assim como os homossexuais tem direito de serem homossexuais sem serem importunados por cristãos fãs de Felicianos.

    O que quero dizer é que porque nós cristão somos perseguidos até mesmo no Brasil por conta da nossa fé?

    Hahahahahaha!!!!! Vocês são maioria esmagadora e são perseguidos? Por quem? Conte-me o que eu não sei.

    Não poderíamos ser como umbandistas?Cada um com seu Deus e acabou?
    Ninguém quer saber da umbanda-sem ofensas- , mas contra ou a favor do cristianismo existem infinitos argumentos sobre a existência de Deus.

    É que os cristãos não se restringem apenas aos seus cercadinhos, muitos tem mania de querer impor suas crendices aos outros, inclusive aos minoritários umbandistas.

    Deus nos fez do pó da terra, e ao pó voltaremos.
    Isso também é comprovado cientificamente, no caso a questão de termos uma porcentagem de barro no nosso corpo.

    Não há barro em nosso corpo. Somos todos compostos de alguns elementos retirados do solo. Foi isso que a ciência comprovou.

    Chegaaa!Vou estudar física que tenho prova segunda.
    Já que vocês são tão inteligentes, poderiam me ajudar?

    Seria um prazer, mas é melhor pedir ajuda ao seu deus se não se importar.

    Bye!

  107. Carolline,

    No jardim do Éden, com o homem(no sentido da humanidade) já formado, a serpente, usada pelo diabo, enganou Eva e ela desobedeceu a vontade de Deus.Ai o pecado entrou na humanidade.

    O diabo já existia? Ele é tão eterno quanto deus?

    Sabia que antes as cobras não andavam sob seu próprio corpo?Isso foi comprovado cientificamente e na Bíblia

    O detalhe é que elas não eram “cobras” mas no máximo um ancestral em comum com os lagartos.

    Deus amaldiçoou esse ser, deixando ela nas condições como vive até os dias de hoje.

    Você entende o relato de Gênesis como literal?

    sua soberania é tão grande que Ele te ama in-con-di-ci-o-nal-men-te

    Incondicionalmente? E quanto aos mandamentos?
    Quem ama incondicionalmente é capaz de criar um sistema de crenças que manda os seus amados à danação e tortura eternos?

    Vocês ateus, antes de falarem que Deus não existe poderiam PROVAR.Eu posso provar que o meu Deus existe, não aqui, obviamente mas pessoalmente

    Que legal! Eu também posso provar que deus não existe, não aqui obviamente, mas pessoalmente.

    E vocês podem provar baseados na ciência que Deus NÃO existe?

    Deus não é um assunto da ciência.

    Por que acham que até hoje , mesmo com inúmeros avanços tecnológicos não se sabem como surgiu o mundo?

    Porque não temos a cara-de-pau e a preguiça mental de desistir da busca pelo conhecimento e assumir de imediato a resposta mais fácil e simplista “Foi deus quem fez”.

    O que acho mais impressionante é que vocês acham que sabem de tudo,mas a inteligência do homem é SEMPRE LIMITADA!

    Algumas mais limitadas do que outras.

  108. Carolline,

    Mas se eu expor minha opinião contra homossexuais o que aconteceria?

    Provavelmente sua homofobia seria evidenciada como uma deficiência de caráter ou educação (ou ambos), pois é isso que é.

    Por acaso nós crentes não temos os mesmos direitos dos homossexuais-direito de igualdade- ?

    Sim. Alguém defende que não?

    O que quero dizer é que porque nós cristão somos perseguidos até mesmo no Brasil por conta da nossa fé?

    O Barros foi bater na sua porta para te forçar a visitar um blog de conteúdo ateu?
    Que coisa feia Barros.

    Não poderíamos ser como umbandistas?Cada um com seu Deus e acabou?

    Se a maioria das denominações cristãs (principalmente evangélicas) parassem de perseguir e discriminar umbandistas e outros seguidores de religiões de origem africana seria legal.

    Ninguém quer saber da umbanda-sem ofensas- , mas contra ou a favor do cristianismo existem infinitos argumentos sobre a existência de Deus.

    A umbanda é uma religião sem grande expressão e pouca manifestação no Brasil, talvez por isso não chegam a incomodar (ainda).

    Deus nos fez do pó da terra, e ao pó voltaremos.
    Isso também é comprovado cientificamente no caso a questão de termos uma porcentagem de barro no nosso corpo.

    Comprovado cientificamente? Viu isso em algum site religioso e preferiu acreditar e não estudar a respeito?

    Chegaaa!Vou estudar física que tenho prova segunda.
    Já que vocês são tão inteligentes, poderiam me ajudar?

    Minha força de trabalho deve ser remunerada.

  109. Carolline

    Deus deu o livre-arbítrio para os anjos, ou seja, eles poderiam agir como bem entendessem.Acontece que uma criaturinha quis ser que nem o próprio Deus, ou melhor que Ele.Isso foi um pecado.

    Se Deus é a melhor coisa que existe, “desejar ser o melhor é pecado ?” ha…ha…ha…ha..ha
    Santa contradição Carolline!

  110. Só falta agora você explicar por que Deus criou a humanidade, se não precisa de ninguém pra ser Deus. Ele podia muito bem ter continuado a existir sem nós…

    faz sentido algo existir para ninguém ?
    pois, todos que existem só podem provar o contrario.

  111. Carol

    sua “inocência espiritual” chega ser comovente.

  112. Por obséquio, poderiam me falar a idade de vocês e quanto tempo estudam?Desculpa, tenho 14 anos e com a idade que eu tenho, sou bastante inteligente…
    Mas enfim, tenho outras coisas para fazer ao invés de ficar respondendo vários comentários mal entendidos.Estou mesmo sem tempo, desde já estou estudando para os vestibulares- quero fazer medicina :D.
    Quero ver se existe ateu no avião caindo MUAMUAMUA!
    O que me impressiona é que você pegam frases isoladas ao invés de verificar o contexto.

    Dear Marcos, em momento algum eu disse que tenho preconceitos com umbandistas, não tente complementar o que eu escrevi.
    Sobre os homessexuais, para deixar claro EU NÃO SOU FÃ DE FELICIANO, só que sigo as mesmas regras que está escrito na minha e na Bíblia dele.Acreditem, amo homossexuais e vocês também(mas é difícil) , PORÉM, NÃO CONCORDO COM SUAS PRÁTICAS.
    Na verdade, eu nem sei como vim parar aqui, não me recordo mesmo hahahaha.

    MAF , querido, Deus deu TODAS as regras, leia o Pentateuco, talvez você irá entender melhor.Não fale o que não sabe.
    Me provem que Deus não existe.
    Eu bem que queria, ver vocês pessoalmente para discutirmos sobre isso.. mas…
    Vocês moram aonde?

  113. Sr.Barros, Deus criou o homem para adorá-lo.Mas não significa que Deus precisa do homem.

  114. E vocês são formados em que?Respondam sério, por favor.

  115. Por enquanto, só sou a Xica da Silva daqui de casa.Mas como já disse antes, pretendo me formar em medicina na área cirúrgica.
    Sei que vocês não peguntaram e tal, mas sei lá deu vontade de escrever, rsrsrs.

  116. Carolline

    Por obséquio, poderiam me falar a idade de vocês e quanto tempo estudam?Desculpa, tenho 14 anos e com a idade que eu tenho, sou bastante inteligente…!

    bom eu sou o Criaturo e tenho 114 anos e na frente do Matusalem……ainda pareço um menino..voce me abraça a tristeza vai embora…..a dor que fica …fica da porta pra fora……la…la..la….la….
    muito bonito
    Não liga não que com a idade que eu tenho estou caducando.

    Na verdade, eu nem sei como vim parar aqui, não me recordo mesmo hahahaha.

    fia ! escute os mais velhos: “Raspa fóra” que este negócio deve ser contagioso !”….bom continuando….desde os tempos que ainda era uma fragil “criaturinha” é que comecei a estudar um jeito de ficar rico honestamente,mas até hoje nada! Voce com esta inteligência toda bem que podia me dar uma pequena dica, neste sentido, isto seria estar pedindo de mais?

    Vocês moram aonde?Eu bem que queria, ver vocês pessoalmente para discutirmos sobre isso.. mas…
    Vocês moram aonde?

    fia,não precisa me conhecer pessoalmente basta pegar uma figura do cão chupando manga e ja tera um pequena noção da minha beleza,mas se dizem que o capeta era o anjo mais bonito!
    Eu moro em casa, mas minha mulher e filhos não irão gostar nenhum pouco deste impossivel encontro religioso, seus pais então………….iriam preferir que voce fosse uma atéia mais conciente.

    Adios muthatia volte para seu cercadinho, sua ovelha perdida da casa do pai…bébébéeééééé!

  117. Carolline:

    MAF , querido, Deus deu TODAS as regras, leia o Pentateuco, talvez você irá entender melhor.Não fale o que não sabe.
    Me provem que Deus não existe.

    Deixa quieto. Vá estudar que é melhor!

  118. Carolline,

    Acreditem, amo homossexuais e vocês também(mas é difícil)

    Curioso. O amor não deveria ser tão difícil.
    Se você tem que fazer força para amar, será que é amor mesmo?

  119. Sim, tenho que muitas das vezes fazer força para amar.Muitas pessoas não tem os mesmos pensamentos e opiniões que eu, então é sim difícil.Mas o amor é isso,superação.

    Parabéns Sr.Criaturo, ao invés de você estar aqui, porque não cuida da sua esposa e de seus filhos?

  120. Querido MAF, estudar é diferente de entender,Talvez você tenha estudado, mas não entendido.
    Estude mais isso e reveja seus conceitos contraditórios.
    Obrigada, de nada.

  121. Criaturo, sério você tem 114 anos?!
    Nossa, parece que tem 10!

  122. Caroline Narcisa

    Sim, tenho que muitas das vezes fazer força para amar.Muitas pessoas não tem os mesmos pensamentos e opiniões que eu, então é sim difícil.Mas o amor é isso,superação.

    a Criaturis Pictures
    presents, mais um maravilhosa comédia da vida real

    “A vida cantada de Carolline”

    eu me amo ….eu me amo…não posso mais viver sem mim!

    Parabéns Sr.Criaturo, ao invés de você estar aqui, porque não cuida da sua esposa e de seus filhos?

    Fia ! Eu te avisei para “raspar fora” que a doideira era contagiosa, voce não me ouviu e agora ja começou a bater pinos:

    Eu não tô ai , coisa nenhuma! Eu tô é aqui, não percebeu?

    Criaturo, sério você tem 114 anos?!
    Nossa, parece que tem 10!

    Só se for diante do Matusalem, olha para voce ter uma idéia da minha aparencia eu fui contratado para trabalhar nas pirâmedes do egito , no papel mumia tuta camon last go.
    passava o dia inteiro escutando o som de Im like walking egipician.

  123. Corolline:

    Querido MAF, estudar é diferente de entender,Talvez você tenha estudado, mas não entendido.
    Estude mais isso e reveja seus conceitos contraditórios.
    Obrigada, de nada.

    Você não me entendeu querida.
    Eu lhe aconselhei a continuar estudando pra sua prova, seu vestibular de medicina.
    Sugiro caprichar na interpretação de textos.
    Só isso!

  124. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk, vocês são engraçados!Tive que rir Sr.Criaturo!
    Sério meu, já dá pra ser humorista rs.
    Pra constar, isso não foi uma ofensa :D

  125. MAF, então peço desculpas :)

  126. Barros

    As pessoas sempre inventaram deuses, mesmo muito muito muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito tempo antes de aparecer aquele lá num buraco na Mesopotâmia.

    Então é simples assim. Pessoas inventam deuses conforme a conveniência, logo o universo e a vida formaram-se pelo acaso.
    Esta é a tua lógica?
    Tu “comprovas” que tudo surgiu sozinho porque algumas populações inventaram deuses?

  127. Vander

    Não existem evidências nem prós nem contras,mas existem testemunhos de pessoas afirmando terem vistos discos, outras espiritops de pessoas falecidas.
    Entre milhares de pessoas, todas são mentirosas ou esquizofrênicas ?

    Nenhum dos dois. Eles testemunharam algo pelo qual ACREDITAM ser o que alegaram. Mas isso NÃO SIGNIFICA que de fato são.

    Por exemplo em Endor, Tanto a necromantica quanto Saul ACREDITAVAM que estavam a falar com Samuel. Porém a bíblia CLARAMENTE REVELA que o suposto Samuel pelos quais eles presenciaram NÃO ERA o VERDADEIRO SAMUEL.

  128. Shirley

    Aceito o que se conhece até o momento sobre universo, surgimento da vida, que seja baseado em evidências.

    E qual é a evidência que AMBOS originaram sem um agente inteligente (no caso Deus)?
    Tens algum?

    Você sabe perfeitamente que as há

    Cite UM. “Refresque” minha memória. hehehehe

    tanto que esmiúça essas evidências para retirar delas aquilo que convém à sua crença e ridicularizar o que não convém.

    Cite UMA evidência pelo qual rejeitei.
    Um exemplo só.

    Deus, se existisse de fato não necessitaria hermenêuticas e exegeses.

    E como sabes disso??? pelo teu achismo??? pela tua CRENÇA? pela tua ?
    Cite UMA evidência pelo qual corrobore esta tua afirmação.

    Seria automaticamente e naturalmente evidenciável.

    Mas é. Tanto o UNIVERSO e a VIDA demonstram ordem, informação e sinais planejamento. Esta VERDADE ABSOLUTA é compartilhado até mesmo entre seus irmãos de fé (Naturalistas)
    Se o UNIVERSO e a VIDA demonstram ordem, informação e sinais de planejamento, COMO SE SABE que ele NÃO FOI PLANEJADO?
    Que EVIDÊNCIAS possuem que a ordem, informação e PLANEJAMENTO vieram DO ACASO????

    Cite pelo menos UMA evidência pelo qual apoia esta tua fé. Somente UMA.

    A inexistência dele se dá pela impossibilidade lógica nos próprios termos que o descrevem.

    Mesmo que isso fosse verdade, então tu, igualmente ao Barros, “comprovam” que o UNIVERSO e a VIDA surgiram SOZINHOS simplesmente por esta “evidência”?????
    É só isso?????

    ocês crentes sabem perfeitamente disso, tanto sabem que precisam arrumar justificativas, fazendo as tais hermenêuticas e exegeses.

    Tente ler Shakespeare sem as regras de exegese e Hermenêutica. Veja se consegue entender alguma coisa sem elas.

    NENHUMA literatura do mundo poderia ser compreendida sem as regras de Exegese e Hermenêutica.

    Arrumar desculpas para justificar a sua crença é um direito que lhe assiste, só não espere concordância e nem mesmo respeito, tendo em vista que não respeita quem não crê.

    Oh!! meu Deus…. como sou mal. Eu não respeito os pobrezinhos ateus.
    Faço sites chamados com nomes sugestivos ( ateusilusão ) e meto o pau na CRENÇA ateísta, zombando de quem tem FÉ que o universo e a vida surgiram sozinhos.
    hehehehe
    Tu não se sente envergonha de se fazer de pobrezinha?
    Olhe-se no espelho. Quem não respeita a crença dos outros, e tentam imputar as suas crenças na base força, são VOCÊS

    Sigo então a sua métrica.
    Calcula-se que os regimes comunistas tenham matado entre 60 e 100 milhões de pessoas durante um período de setenta anos.
    A Alemanha cristã matou entre 6 e 7 milhões de pessoas, extra-guerra, num período de seis anos.
    Os EUA cristãos mataram em dois dias cerca de duzentas mil pessoas, numa das formas mais torpes e covardes que o ser humano já descobriu para destruir seus semelhantes, fora os inúmeros sobreviventes com gravíssimas sequelas.
    De acordo com seu raciocínio, todos esses milhões de mortos foram obra do cristianismo, certo?

    Acrescente na sua métrica o seguinte:

    Um ateu/darwinista que mata em nome do ateísmo/darwinismo, só está colocando em prática a sua crença, ou seja, sobrevivência do mais apto.
    Este comportamento o faz um ateu honesto e praticante de suas doutrinas originais

    Um “cristão” que mata em nome de Cristo, simplesmente DESOBEDECE seu ensinamento, não sendo de fato um Cristão.
    Este comportamento faz este “cristão” desonesto e NÃO praticante de suas doutrinas originais.

    Percebes a diferença agora, minha cara?

    Ateus quando matam, não fazem NADA DE MAIS, segundo a fé que professam, pelo contrário, eles promovem a Evolução a força.

    Um Cristão pelo qual MATA, está DESOBEDECENDO os ensinamentos diretos de Jesus Cristo.

  129. Ola amigos,analisem comigo a reflexão. Quando 1 pai aconselha 1 filho,quer livralo de todo tipo de sofrimento.como a cadeia,as enfermidades,as mas companhias,as drogas e até a morte prematura que muitas vezes acótece por causa da desobediência. Então o mesmo acontece com quem desobedece as leis de deus.sofre por sua própria culpa.porém nesse mundo mal mesmo quem só prática o bem,não está isento de sofrimento,muitas vezes sófrem até mais do que os outros.exemplos:policiais honestos e juízes inflexivéis,que não se vendem.são mortos por causa da sua virtude.políticos,honestos não duram nada na politica.poís sabemos que quem não entra no esquema tem que saí fora,e esse sai fora muitas vezes é a morte.e esses são apenas alguns exemplos dos muitos que eu poderia citar,mas meu objetivo é responder a pergunta deus quer nos salvar?do quê?e creio que,parte da resposta está no começo do texto. Agora sobrou o inferno, que deus mesmo criou,e agora? Como explicar isso?

  130. é simples, o homem fez a separação,pessoas ruins na cadeia e as boas vivem suas vidas “livres.”assim fez deus, pessoas boas perto dele vivendo no paraíso e os mals caen nas garras do inferno que foi criado para o diabo e todos os seus seguidores[ateus] como castigo para todos aqueles que rejeitarão a deus e seu governo até o fim.
    nota :o próprio homem criou a cadeia,e mesmo vocÊ querendo o bem para seu filho ele pode não te escutar e acabar parando na cadeia,e lá tu não vai poder cuidar dele,quem sabe oque acontecera,pense nisso.[tu realmente é livre nesse mundo.]
    quanto a separação entre bons e maus,fora o exemplo da cadeia que é 1 bom exemplo ,temos ainda outros tais como:uma fruta que está podre por completo ou até em parte,não pode ficar junta com as demais,pois pode estraga las e também,ninguém quer comer uma fruta podre,todos sabem que faz mal,sendo assim o que resta é jogar fora,para que não aconteça nada disso.gado com febre aftosa é só sacrificar pois não serve pra nada.sua carne está contaminada.
    pensem nisso vocÊs rejeitão a idéia de serem governados por deus ,mas,parece que gostão de serem governados por políticos corruptos e opressores que mentem ,matão,roubam,prostituem se no “geral” não prestam.qual a vantagem nisso,qual a vantagem que terão vivendo nesse mundo sem deus,entendem, tira deus do mundo e só sobra a imundícia. se convertam vão a igreja,e experimentem o poder de deus em suas vidas,ou será que tens medo,se for isso,deixo essas palavras,não temas deus é contigo e ele não nega nada aqueles que o amam,converta se conheça a deus pratique boas obras e serás salvo.
    mais uma forcinha,para ajuda los a acreditar,analisem e re analisem o seguinte,roma era capital mundial na época de cristo,era ela politeísta adorava vários deuses,e os romanos não tinham problemas com outros deuses,pois todos compartilhavam de seus deuses uns com os outros,porém chegou cristo sendo anunciado como único deus,e agindo de forma incrível,fazendo milagres dos mais diversos,adquirindo assim muitos seguidores, e com esse aumento de seguidores,ai surgiu a preocupação dos líderes romanos,que agiram de imediato expulsando os judeus de roma,e dando a ordem matem todos os cristãos e dentre os cristãos tinham muitos cidadãos romanos que morreram também,porém mesmo com essa implacável perseguição o numero de cristãos parecia só aumentar,até que roma usou aquele ditado bem conhecido e quase sábio,se não pode com o inimigo junte se a ele,se unindo assim e depois tomando conta do cristianismo,porém era 1 pseudo cristianismo,católico.mas isso não vem ao caso agora. o que eu quero é que pensem nisso,se cristo fosse só mais 1 deus inventado pelo homem,não teria sobrevivido a roma muito menos teria transformado roma,de politeísta,cheia de divindades humanas, em uma nação neo cristã,essa atitude de roma mostra o quanto o cristianismo é forte. até mais e fico por aqui,paz do senhor a todos.

  131. Por que o wélyto rodriguÊs se esforça tanto para escrever errado ortograficamente?

  132. olá barros,não vai mais responder aos comentários,ta com medo do que,tu não disse que queria respostas, e por favor não fuja agora pois ainda vou responder a todas essas perguntas,até mais e não fuja tá bom…..barros cade cade o barros,alguém viu ele por aí,onde foi parar o barros….

  133. FELICIANO: Alou BARROS por onde vc. anda? desapareceu amigo.

  134. Acompanho SEMPRE o blog.
    Mas comento muito pouco. Claro que por causa do respeito que tenho pelo espaço. Sou cristão, por isso não exponho veementemente meus pensamentos aqui. Cada coisa no seu lugar. E, como o próprio dono do blog sempre deixou claro, não há “moderação” de comentários aqui. Portanto, prefiro não debater com ninguém. Não aqui. Quando comento, me dirijo exclusivamente ao Barros, sem desrespeitar a quem quer que seja, claro.

    Barros, olá.
    Concordo abundantemente contigo quando faz referência à falta de bom senso da esmagadora maioria dos cristãos. Talvez esse seja o grande mal da religião.
    Só que seria falta de bom senso igualmente “tragar” o crente sem noção apenas porque o tal é sem noção (no que se refere a explicar os motivos de sua fé).
    Eu sempre me questiono sobre a razão de minha fé. E achei bem interessantes as perguntas que você listou para serem feitas a qualquer cristão. Apenas acho a generalização uma coisa desnecessária, e isso você faz com muita frequência, como se todos os cristãos fossem exatamente iguais.
    Seria ridículo eu afirmar que todos os ateus são exatamente iguais em sua maneira de ver as coisas, não acha?
    Isso é apenas crítica. Talvez não faça diferença, visto que sua intolerância à fé é absurdamente clara. Mas julguei importante destacar o exagero. Não somos todos iguais, ainda que nos portemos como iguais.

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: