Um Deus sem bíblia

 

Texto enviado pelo leitor do blog que se denomina Criaturo, e publicado na íntegra, sem qualquer tipo de edição. Escreverei minhas considerações nos Comentários, abaixo, assim que Deus me der forças para ler tudo.
um deus sem biblia

 

 

Este tipo de mágica não existe.

Se o coelho saiu da cartola é porque antes ele já existia em algum lugar ignorado ou camuflado como se fosse outra coisa, o mágico no máximo pode descobri-lo ou manipula-lo de forma torna-lo visível.

NÃO EXISTE UM CRIADOR

Pelo menos não no sentido mágico de se  poder fazer existir algo vindo do inexistente, isto é mesmo impossível !

Nós crentes temos uma tendência natural em procurarmos por uma inteligência nas existências das coisas, pelo fato de enxergarmos na razão uma maior possibilidade de haver existências inteligentes, do que nas ações aleatórias não intencionais.

Ao contrario dos céticos que optaram pelo simplismo de Occam, assim acreditam serem “filhos da irracionalidade, porem que não herdaram a burrice por parte de mãe, graças a Deus !”

Isso nos leva tender acreditarmos que tudo deva ter tido um inicio, da mesma forma que a nossa percepção desse mundo.

Defendo que o Todo Existente em Deus é in criado  existindo desde sempre, alterando indefinidamente apenas as suas formas interligadas em sua única fonte, mas nada poderá ser acrescentado ou anulado nele, pois embora possua capacidade de apresentar-se de formas variáveis, sua essência é imutável, como um lego divino é capaz de apresentar-se em infinitas formas com funções e capacidades diferentes, no entanto sua composição essencial é sempre a mesma.

Se não? Então vejamos, lanço este desafio:

Fazendo uso da imaginação tente “criar” pelo menos uma forma que seja  totalmente inexistente ou que ainda não faça parte de nenhuma forma da  realidade Deus ja  existente ou conhecida ?

Se não conseguiu,  isto prova que a percepção que forma a razão humana, nem mesmo fazendo uso das abstrações, não pode perceber, conceber ou criar uma não inexistência fora de Deus, assim neste caso Deus é toda realidade existente e o inexistente pregado pelo ateísmo não pode ser considerado nem ao menos como uma hipótese lógica valida.

Na verdade quando causamos uma nova forma, não estamos criando no sentido de se poder trazer   algo do inexistente para o existente, estamos apenas alterando a forma do ja existente Deus, ou melhor dizendo, Deus esta auto modificando sua formas através de nós.

Seja Deus uma percepção inicial na sua origem passiva, ou de pensamentos formando ações ativas causando razões individualizadas intencionais, o deus na sua forma humana, ele é o todo existente e acreditar que algo possa existir além dele ou fora dele, é acreditar que o inexistente possa vir a ser alguma realidade concebível como um ateísmo.

Apenas e exclusivamente  o Existente Deus pode ser concebido como uma realidade , enquanto o ateísmo ilogicamente  tenta sair do Existente para o não existente.

Assim no inicio ele era uma única razão existente formado por um pensamento passivo sem ação, tempo, nem moral, apenas uma única percepção consciente.

A partir do momento  que formou o pensamento  ativo dividiu uma parte da sua consciência em diferentes níveis, também ativas e passivas , esta diferenças de potenciais conscientes foi a causa inicial das ações individualizadas e da percepção do tempo pela observação na memória de ações já executadas.

Note que por herança, nós as menores consciências, somos dotados do pensamento passivo da percepção (instinto, intuição, sistema nervoso autônomo), ou seja a razão gratuita desprovida do raciocínio próprio intencional, também herdamos da fonte da nossa origem o pensamento ativo responsável pela causa da nossa  razão e ações intencionais que nos levam ao conflito existencial entre  razão ativa x percepção passiva.

Eis que somos seres duais e também in criados, formados por uma das auto transformações divinas.

Uma maquina pode criar aleatoriamente outras maquinas com uma espécie de IA ? Sim , pode!

Mas, não sem inserir nelas seu próprios programas e rotinas já existente  em si mesma.

Se não houver ao menos uma consciência perceptiva, nenhuma existência poderá ser conscientizada como real.

Pois existência esta atrelada a consciência, algo só pode existir para alguma consciência perceptiva, pois algo não pode existir para nenhuma consciência existente.

Lavoisier  ”na natureza (Deus), nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”  Isso significa que  a essência que  firma esta realidade  existe “desde sempre” é incriada.

Em outras palavras a “existência” não pode passar para “inexistência”, nem a inexistência  pode passar para a existência, apenas o Todo Existente continuará se manifestando de “formas” diferentes dentro de si mesmo.

Seguindo este raciocínio podemos entender que  “o ser “  é eterno e  o  ”deixar de  ser”  é impossível e que  dentro das ações as transformações são inevitáveis.

Podemos conceber que  a liberdade absoluta  só é possível na unicidade do ser , antes da criação, onde existia uma única Razão justificando todas suas ações, na ausência de outras razões ainda inexistentes..

Este principio dificulta o entendimento da razão humana em se ver como partes desta única Razão no estado de liberdade mas, a divisão desta Razão em infinitas outras menores foi exatamente principio da criação que possibilitou a liberdade de “ser” para elas, com a auto ignorância induzida em uma parte da sua maior Razão Deus criou em si mesmo , seres livres da imposição da sua maior consciência ou vontade única e absoluta.

No principio do seres mais simples, suas ações eram  mecanizadas e livre da vontade própria, até evoluírem para os seres com a capacidade de “sentir” as reações das suas ações livres e justamente foram esses sentimentos que induziram “o desejo e a vontade própria” de direcionar suas ações no “sentido” que lhes “reagiam” os sentimentos que lhes agradavam mais, assim iniciou-se a  Razão da raça humana, na percepção, no sentido e no desejo de direcionar determinadas ações para reagirem “intencionalmente “ os sentimentos agradáveis e eternamente desejáveis.

Considero a humanidade todos os seres com capacidade de sentir , raciocinar e agirem  de acordo com afinidades da sua vontade.

A capacidade de associação permitiu a evolução dos  seres mais simples nos mais complexos , com capacidade de compartilharem ações e sentimentos colaborando para a evolução racional e física da espécie humana, porem essa vida social permitiu a interferências da vontade de umas sobre as outras, comprometendo a existências das livres ações, chegando a conclusão que :

O livre arbítrio existe apenas no sentido  do pensamento e da vontade  serem livres da imposição de um  Maior Nível da Consciência Deus, assim nossas ações dependem dos nossos sentimentos mas,  ainda também das ações e das vontades e dos sentimentos alheios, interferindo nos nossos sentimentos por consequência nas nossas ações.

Nós somos o livre arbítrio de Deus, ele sente em nós o prazer da liberdade proporcionado pela auto ignorância da sua onisciência.
Somos como deuses conhecedores de que um pássaro que ainda não nasceu fatalmente irá construir seu ninho e ao mesmo tempo também somos ignorantes pássaros iludidos pela mesma sensação de liberdade, Nós somos este tipo de ilusão divina acreditando-se livre da onisciência absoluta.
Mas há de se ter um equilíbrio, assim o preço pelo prazer de no sentirmos “livres”,  é o sofrimento também causado pela ignorância, estes sentimentos estão atrelados a vida eterna, mesmo sendo instintivo desejarmos sempre trabalharmos para obtermos apenas os sentimentos agradáveis, pois é isso que nos movimenta a vida eterna, a própria mecânica da vida nos mostra que viver sem dor é impossível, pois não existe anestesia, nem a morte eterna para isto.
A vida é uma constante transformação onde o prazer e o sofrimento andarão lado a lado como sendo nossos melhores amigos inseparáveis,pois chorando ou rindo o universo pulsa.

O o inicio do tempo, ação, movimento da consciência Deus deu-se a partir da sua divisão intencional (Big-Bang), formando diferentes níveis de consciência em si mesmo, este desnível de consciência Divina formou ao mesmo tempo

 

A Trindade Divina

30% deus mecânico (ação, movimento, tempo)

Responsável por manter a vida mecânica, desprovido de racionalidade própria, sentimentos ou moralidade, suas ações respeita as leis físicas padronizado dentro de um sistema, interfere na vida dos  seres vivos e também aceita ser manipulado por eles.

30% deus humano (todos os seres capazes de sentir e raciocinar)

A parte de Deus que  tornou-se  100% ignorante da sua maior Consciência onisciente, nós somos a parte divina que se ilude acreditando ser personalidades individualizadas de Deus, livre para agir e pensar conforme nossa vontade própria o preço que pagamos por essa ilusão são os sentimentos humanos, proporcionados pela livre inteiração com o deus mecânico..

40% Maior Consciência Deus

Apenas observa e sente dentro de si mesmo, infinitas transformações.

O deus mecânico sendo um sistema desprovido de auto inteligência, pode ocasionar falhas física dentro do processo de manutenção a da vida mecânica. Modificamos a genética do deus mecânico para atender a nossas vontades e nisto podemos sofrer efeitos colaterais indesejáveis.

Nós os  deuses humanos, podemos interferir no livre arbítrio dos outros, quanto maior o conhecimento maior é autoridade, por exemplo somos como deuses para animais menos racionais, provocamos neles alterações dos seus instintos naturais, sem que eles percebam que estejam sendo manipulados pelas nossa vontade, mas  quando ajudamos a torna-los mais racionais isto é valido.

Da mesma forma também impomos nossas vontades sobre os nossos semelhantes humanos, pela superioridade intelectual ou através da força bruta.

Assim como os animais também somos subjulgados pelo deus mecânico que nos impões sentimentos desagraveis malgrado todo nosso sentimento de repudio de suas ações não intencionais.

Como todo ser menos racional somos também subjulgado por seres já possuidores de um maior nível de intelecto já adquirido, seriam eles nosso irmãos humanos mais maduros, anjos ou espíritos superiores.

Eles usam seu conhecimentos superiores para manipularem nossas vidas de acordo com a vontade deles, exatamente como fazem os nosso pais.

 

Anúncios

247 Respostas

  1. No show de TV “Sorria, Você está na Record”, fizeram uma pegadinha em que uma atriz fingia trabalhar num balcão de informações.
    Quando as pessoas buscavam algum tipo de orientação, ela começava falando de maneira normal e após 3 ou 4 palavras ela acelerava o ritmo ao mesmo tempo em que embaralhava as palavras.
    A “vítima” ficava sem entender nada e isso gerava uma situação engraçada, pois ela repetia a explicação embaralhada várias vezes sem constrangimento.

    Este texto apresenta uma situação parecida.
    As idéias são confusas, os conceitos não são claros e a escrita não contribui, de modo que acaba sendo necessário fazer um grande esforço para tentar entender a posição do autor, mesmo após a leitura de cada parágrafo por dezenas de vezes consecutivas.

    Ao fim de tudo, o autor demonstrou a existência de deus através do seguinte raciocínio, também conhecido como “Argumento Filosófico do Criaturo”.

    (1) Deus é tudo que existe.
    (2) “Tudo que existe” de fato existe.
    (3) Logo, deus existe.

  2. Eu vou ler amanhã, só. Estou bastante curioso, mas não quero que a falta de tempo estrague o meu entendimento.

  3. Marcos
    a proposta do texto não é provar a existência de Deus e sim de apresentar um deus mais coerente dentro dos conceitos humanos.
    apesar de ser um texto bem racional ,para entende-lo voce precisará ter mais sensibilidade filosófica.
    Nele faço afirmações importantes desde a criação humanas , livre arbítrio e moralidade que poderiam ser questionadas se ainda não o fez é porque não conseguiu entender nada,mas não se sinta um ignorante pois outros também não conseguiram refutar, como digo sempre chutar cachorro morto é bem mais facil, pois ateus e crentes biblicos sem biblia não existem

  4. Não entendi bem a dialética do Sr. Criaturo, desculpe.

    Ninguém precisa de tanta filosofia para argumentar a existência ou inexistência de Deus. Tudo é muito claro, evidente e estes contextos quilométricos servem para confundir o cérebro, parece que, com a intenção de fazer o leitor se perder.
    Procure urgente um terapeuta para cuidar de distúrbios mentais confusos, vamos simplificar as coisas.
    Como assim, todas estas palavras foram sem a intenção de provar a existência de Deus? Quer dizer que você está apresentando outro deus coerente dentro dos conceitos humanos? E… ele existe mesmo, ou você esta inventando mais um Deus?

    Ai que canseira, desculpe.

  5. Criaturo,

    não se sinta um ignorante pois outros também não conseguiram refutar

    Não me sinto assim. O texto apresenta apenas uma divagação filosófica da sua opinião do que seja deus e sua relação com a humanidade. Não há conteúdo a ser refutado.

    Minha curiosidade é imaginar qual a fonte de informações que o levou a concluir tudo o que relata. Conclusões do tipo “deus é tudo que existe” (Todo Existente).
    Trata-se mesmo de uma conclusão à partir de dados, informações ou é apenas um “nome maneiro” que você deu para conceituar tudo o que existe (universo natural)?

    neste caso Deus é toda realidade existente e o inexistente pregado pelo ateísmo não pode ser considerado nem ao menos como uma hipótese lógica valida.

    Para essa conclusão é necessário validar a premissa “Deus é tudo que existe”.

    Assim no inicio ele era uma única razão existente formado por um pensamento passivo sem ação, tempo, nem moral, apenas uma única percepção consciente.

    Você discorre sobre a condição inicial de deus…

    A partir do momento que formou o pensamento ativo dividiu uma parte da sua consciência em diferentes níveis, também ativas e passivas , esta diferenças de potenciais conscientes foi a causa inicial das ações individualizadas e da percepção do tempo pela observação na memória de ações já executadas.

    … e fala também de como ele se fracionou em partes ativas e passivas (seja lá o que isso signifique)…

    No principio do seres mais simples, suas ações eram mecanizadas e livre da vontade própria, até evoluírem para os seres com a capacidade de “sentir” as reações das suas ações livres

    …, discorre também sobre como estas frações de consciência evoluíram…

    30% deus mecânico (ação, movimento, tempo) (…) 30% deus humano (todos os seres capazes de sentir e raciocinar) (…) 40% Maior Consciência Deus

    … e fala ainda sobre a divisão intencional de deus.

    O fato de você conhecer detalhadamente estes percentuais, implica em um conhecimento profundo sobre as intenções de deus e consequentemente uma considerável intimidade com o mesmo.

    Segundo você, a fonte não é a bíblia.
    Então, de onde vieram estas informações? Da revelação pessoal?

    Posso estar errado, mas a impressão que passa é que tudo é apenas uma invenção, uma hipótese baseada unicamente na sua imaginação.

  6. Ana
    Procure urgente um terapeuta para cuidar de distúrbios mentais confusos, vamos simplificar as coisas.

    para mim essa hipótese ja esta bem clara,mas com certeza neste caso um terapeuta não poderá te esclarecer muito a esse respeito.

    Como assim, todas estas palavras foram sem a intenção de provar a existência de Deus? Quer dizer que você está apresentando outro deus coerente dentro dos conceitos humanos?

    a proposta inicial foi apresentar um Deus mais racional em relação ao ao biblico.

    Ai que canseira, desculpe.

    não tem porque, eu não esperava mesmo uma visão acima do tradicional ateísmos biblico, se acha mais facil chutar cachorro morto , então continue sendo uma ateia biblica, isto só aumentará ainda mais a sua razão.

    E… ele existe mesmo, ou você esta inventando mais um Deus?

    seria muita prepotência minha, querer afirmar sem poder provar que ele existe, minha intuição me diz que deve ser mais ou menos assim e a minha razão tambem, até que me apresentem uma visão mais coerente, eu ficarei com essa.
    Mas, posso afirmar por experiências próprias que existem “racionalidade” fora da matéria física.
    Quanto a complexidade da hipótese, se voce ainda não se sente preparada para entende-la ,continue lendo a gênese de moisés.
    Pois ateísmo é isso mesmo o “simplismo de occam”.

  7. Criaturo

    Você começa esse texto lançando mão de um raciocínio que se poderia esperar de uma criança de quatro anos, e como se estivesse se dirigindo a crianças de quatro anos. É só nessa faixa de idade que crianças pensam que o mágico realmente tirou um coelho de dentro de uma cartola.
    Em seguida discorre de maneira confusa sobre o fato de que os seres humanos criaram e formataram um deus a partir da concepção que temos do mundo que criamos e de como somos em nossas relações. Nada a discordar nesse aspecto.
    A gente até fica esperando que você vá apresentar alguma coisa diferente, mas eis que você cai na esparrela habitual do crente, que pode ser demonstrado pelo seguinte diálogo:

    O crente diz para o ateu: ‘eu afirmo que Deus existe. Ateu: beleza; e ele passou a existir como, onde e quando? Crente: ah não, você não está entendendo, não é possível falar de Deus nesses termos, já que ele é incriado e existe desde sempre e está em tudo. Ele foi, é e será.’

    Não é por acaso que William Lane Craig arregimentou tantos admiradores; ele veste a crença com um simulacro de conhecimento mas o fato é que ele não passa da versão acadêmica do ‘uga-uga’ do tempo das cavernas quando se trata de tentar provar a existência do deus em que ele acredita.

    Criaturo, qualquer um, mesmo a mais instruída das pessoas vai bater com a cara na parede numa discussão com um ateu sempre que o assunto for a existência de deus, seja o da Bíblia, do Alcorão, o dos Vedas, o seu.
    Pela simples razão de que se trata de ‘crença’; não há conhecimento envolvido nisso, até porque se houvesse não se acreditaria, se saberia. Ateus não são ateus por birra ou má vontade contra qualquer deus. Ateus fazem opção pelo conhecimento, não pela crença.
    Sua afirmação de que Deus é o todo e tudo não tem qualquer valor para aquilo a que você se propôs: rebater os argumentos dos ateus sobre a não-existência de qualquer deus. Você não tem qualquer embasamento além da sua crença. Você não tem conhecimentos para sustentar essa afirmação. É só o que você acha, o que você acredita.

    Depois dessa afirmação de a sua versão particular de deus ser tudo e todo, você faz um desafio apelando a uma platitude. É óbvio que não podemos imaginar nem criar algo que não exista; se o fizéssemos já não seria inexistente. No entanto de nada serve como evidência ou mero indício de que essa sua versão de deus exista. Você mesmo se encarrega de matar no nascedouro o que pretendeu que fosse seu argumento. Não há qualquer base para afirmar que “Deus é toda realidade existente”. Repito que isso é matéria exclusiva da sua crença pessoal.

    E mesmo com tudo isso, até esse ponto ainda é possível pensar que você estava fazendo uma espécie de introdução para o tema, um tanto quanto longa e tortuosa e que daí em diante você iria pelo menos encadear os argumentos, dar um arcabouço a sua ideia, mas o que se segue é um amontoado sem nexo, a impressão que dá é que vocẽ juntou palavras apenas por achar que elas iriam conferir uma aura de intelectualidade ao texto.

    E deus, qualquer um, continua não existindo.

  8. Marcos

    Minha curiosidade é imaginar qual a fonte de informações que o levou a concluir tudo o que relata. Conclusões do tipo “deus é tudo que existe” (Todo Existente).
    Trata-se mesmo de uma conclusão à partir de dados, informações ou é apenas um “nome maneiro” que você deu para conceituar tudo o que existe (universo natural)?

    A fonte é apenas intuitiva e racional, veja que a consciência humana nem apelando para uso de abstrações, não consegue imaginar um conjunto final composto por partes que sejam totalmente inexistentes, ou seja é impossível criar algo que seja totalmente inexistente ou que esteja fora de Deus, em outras palavras o ateísmo que prega a inexistência fora de Deus é algo irracional.

    neste caso Deus é toda realidade existente e o inexistente pregado pelo ateísmo não pode ser considerado nem ao menos como uma hipótese lógica valida.
    Para essa conclusão é necessário validar a premissa “Deus é tudo que existe”.

    Essa é fácil, pois se existir algo fora de Deus ele deixa de ser Deus e passa apenas ser mais um.

    Assim no inicio ele era uma única razão existente formado por um pensamento passivo sem ação, tempo, nem moral, apenas uma única percepção consciente.
    Você discorre sobre a condição inicial de deus…

    O ateísmo nasce da razão questionando a racionalidade dos deuses, eu apresento a razão do meu deus e espero que alguém possa demonstrar alguma irracionalidade nela.

    …, discorre também sobre como estas frações de consciência evoluíram…
    30% deus mecânico (ação, movimento, tempo) (…) 30% deus humano (todos os seres capazes de sentir e raciocinar) (…) 40% Maior Consciência Deus
    … e fala ainda sobre a divisão intencional de deus.
    O fato de você conhecer detalhadamente estes percentuais, implica em um conhecimento profundo sobre as intenções de deus e consequentemente uma considerável intimidade com o mesmo. Segundo você, a fonte não é a bíblia.
    Então, de onde vieram estas informações? Da revelação pessoal?
    Posso estar errado, mas a impressão que passa é que tudo é apenas uma invenção, uma hipótese baseada unicamente na sua imaginação.

    Como assim , baseada unicamente na minha imaginação?
    Imaginação tem tudo Haver com criação, logo esta diretamente relacionado com Deus, desconsideras que todas criações humanas antes de se tornarem uma realidade física passaram pelos processos do imaginário humano ?
    A intuição é o acesso direto a Razão Deus, dispensa raciocínios, você sabe e pronto.
    Muitos tornariam mais sábios se aprendessem a ouvir a voz da suas intuições, pois onde a razão para a intuição consegue ver alem.
    Mas a questão aqui é se este deus que eu apresento possui suas razões , se não então favor apresenta-me suas irracionalidades.

  9. SS

    Você começa esse texto lançando mão de um raciocínio que se poderia esperar de uma criança de quatro anos, e como se estivesse se dirigindo a crianças de quatro anos. É só nessa faixa de idade que crianças pensam que o mágico realmente tirou um coelho de dentro de uma cartola.

    Minha deusa imortal, você é suspeita para apontar ingenuidades infantis, me refiro ao criacionismo tirando algo do nada.

    Em seguida discorre de maneira confusa sobre o fato de que os seres humanos criaram e formataram um deus a partir da concepção que temos do mundo que criamos e de como somos em nossas relações. Nada a discordar nesse aspecto.

    Aleluia!

    A gente até fica esperando que você vá apresentar alguma coisa diferente, mas eis que você cai na esparrela habitual do crente, que pode ser demonstrado pelo seguinte diálogo:
    O crente diz para o ateu: ‘eu afirmo que Deus existe. Ateu: beleza; e ele passou a existir como, onde e quando? Crente: ah não, você não está entendendo, não é possível falar de Deus nesses termos, já que ele é incriado e existe desde sempre e está em tudo. Ele foi, é e será.’
    Não é por acaso que William Lane Craig arregimentou tantos admiradores; ele veste a crença com um simulacro de conhecimento mas o fato é que ele não passa da versão acadêmica do ‘uga-uga’ do tempo das cavernas quando se trata de tentar provar a existência do deus em que ele acredita.

    he…he…he…he…he sou mais o Craig Uga -Uga do que o Dawkins filho da irracionalidade gerando “gênios egoístas””
    Se de fato você fosse muito melhor do que Deus, saberia o que ninguém sabe, a origem de Deus,mas o fato de milhares de criaturas ignorarem a sua existência não faz de você algo inexistente, nem altera a realidade do seu ser.
    Para seres efêmeros e providos de memória limitada é normal procurarem apoiar suas razões e em um inicio e um fim,mas se Deus possui uma memória ilimitada é normal ele se ver vivendo desde sempre.
    Voce já ouviu falar da “teoria das cordas vibrantes” ?

    Criaturo, qualquer um, mesmo a mais instruída das pessoas vai bater com a cara na parede numa discussão com um ateu sempre que o assunto for a existência de deus, seja o da Bíblia, do Alcorão, o dos Vedas, o seu. Pela simples razão de que se trata de ‘crença’; não há conhecimento envolvido nisso, até porque se houvesse não se acreditaria, se saberia. Ateus não são ateus por birra ou má vontade contra qualquer deus. Ateus fazem opção pelo conhecimento, não pela crença.
    Sua afirmação de que Deus é o todo e tudo não tem qualquer valor para aquilo a que você se propôs: rebater os argumentos dos ateus sobre a não-existência de qualquer deus. Você não tem qualquer embasamento além da sua crença. Você não tem conhecimentos para sustentar essa afirmação. É só o que você acha, o que você acredita.

    Bom quanto ao meu conhecimento ignoro o que a minha alma imortal já tenha visto pelo universo Deus, mas a diferença entre a minha crença e a sua é que :
    Defendo que sou um produto da racionalidade.
    Para provar isso procuro ser racional.
    Vocês ateus se consideram “filhos da irracionalidade”, logo para justificarem–se “simplesmente” afirmam que não existe um Razão Deus maior do que as suas, é faz sentido , pelo menos para vocês deve fazer algum.

    Depois dessa afirmação de a sua versão particular de deus ser tudo e todo, você faz um desafio apelando a uma platitude. É óbvio que não podemos imaginar nem criar algo que não exista; se o fizéssemos já não seria inexistente.

    Exato! E digo mais, se conseguíssemos criar algo , um Criador e criadores existiriam.
    Pela mesma lógica se não podemos trazer algo para o universo Deus já existente, também não podemos subtrair algo dele, enviando para o inexistente, assim a perda consciência que sustenta o ateísmo é algo irracional.

    No entanto de nada serve como evidência ou mero indício de que essa sua versão de deus exista.

    Deus não esta ai para ser agradável ou compreendido ou provado, ele esta ai para sentir ,se manifestando em varios níveis de consciências.
    Deus é razão mas , isso não significa que você já possua esta capacidade de visão acentuada.

    Você mesmo se encarrega de matar no nascedouro o que pretendeu que fosse seu argumento. Não há qualquer base para afirmar que “Deus é toda realidade existente”. Repito que isso é matéria exclusiva da sua crença pessoal.

    A questão é se é racional ou não ?

    E mesmo com tudo isso, até esse ponto ainda é possível pensar que você estava fazendo uma espécie de introdução para o tema, um tanto quanto longa e tortuosa e que daí em diante você iria pelo menos encadear os argumentos, dar um arcabouço a sua ideia, mas o que se segue é um amontoado sem nexo, a impressão que dá é que vocẽ juntou palavras apenas por achar que elas iriam conferir uma aura de intelectualidade ao texto.
    E deus, qualquer um, continua não existindo.

    Acusar a razão dos outros de vazia e depois resumir a razão do seu ateísmo simplista, é um belo tiro no pé…uiiiii!…essa doeu.

  10. O que se há de fazer com uma pessoa que chama de “razão simplista” procurar se basear no conhecimento disponível ao invés de ancorar tudo na crença?
    Nada.

    O que se há de fazer com uma pessoa que recusa evidências em favor da crença?
    Nada.

    O que se há de fazer com uma pessoa que diz coisas como “razão vazia”?
    Nada.

    O que se há de fazer com uma pessoa que faz esse tipo de afirmação:

    Deus não esta ai para ser agradável ou compreendido ou provado, ele esta ai para sentir ,se manifestando em varios níveis de consciências

    baseado apenas no achismo pessoal?
    Nada.

    O que se há de fazer com uma pessoa que enfileira um amontoado de bobagens com ares de quem está fazendo revelações fundamentais?
    Nada.

  11. Criaturo,

    é impossível criar algo que seja totalmente inexistente ou que esteja fora de Deus

    Eu teria extremo receio em utilizar a expressão “impossível” nestes termos, bem como em inventar conceitos como “deus é tudo que existe”.

    o ateísmo que prega a inexistência fora de Deus é algo irracional.

    Não acho que ateus utilizem o seu conceito de deus, portanto não pregam tal coisa.

    se existir algo fora de Deus ele deixa de ser Deus e passa apenas ser mais um.

    Que seja. E daí?

    eu apresento a razão do meu deus e espero que alguém possa demonstrar alguma irracionalidade nela.

    Não vi razão alguma no seu deus, mas apenas suposições oriundas da sua imaginação.

    desconsideras que todas criações humanas antes de se tornarem uma realidade física passaram pelos processos do imaginário humano ?

    Só a imaginação não é suficiente para a realização ou a existência. Me parece que a sua fonte de informações sobre o seu deus é você mesmo. Sua imaginação, por si só, não o faz real e nem aponta nesta direção.

    A intuição é o acesso direto a Razão Deus, dispensa raciocínios, você sabe e pronto. Muitos tornariam mais sábios se aprendessem a ouvir a voz da suas intuições, pois onde a razão para a intuição consegue ver alem.

    Poucas ferramentas mentais do ser humano têm tanto potencial para o erro quanto a intuição.
    Confiar unicamente na intuição significa preguiça ou incapacidade de raciocinar. Significa abdicar da principal característica que nos diferencia dos outros animais.

    Mas a questão aqui é se este deus que eu apresento possui suas razões , se não então favor apresenta-me suas irracionalidades.

    A irracionalidade começa do próprio conceito “Deus é tudo que existe”.
    Não se pode simplesmente adotar uma premissa cuja validade não foi demonstrada. Conceitos podem ser inventados aos montes, ao gosto do cliente.

    Eu poderia conceituar deus como sendo “tudo que não existe” e este conceito não seria nem mais nem menos válido que o seu.

  12. o ateu nada mais é do que uma pessoa que sabe escrever muito bem,numa luta desesperada de confundir pessoas de mente fraca,sao texto que dao tantas voltas,coitados,texto de belas palavras mais sem um minimo de inteligencia,caro ateu nao adianta ler a biblia de gênesis á apocalipse se nao tem visao espiritual.Palavra de DEUS é misterio (Quão grandes são, Senhor, as tuas obras! Mui profundos são os teus pensamentos.
    O homem brutal não conhece, nem o louco entende isto.
    Salmos 92:5-6)
    como pode alguem que busca tao excessivamente resposta sobre a existencia do meu DEUS e nao encontrar?Eu confesso que houve um tempo em minha vida que quis respostas e virei uma ateu,até q um dia minha mãe virou evangelica.Eu descobrir que o mesmo DEUS que falava a milhares de anos atras é o mesmo que ainda fala( E eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo; e tremeu a terra, e fenderam-se as pedras;
    Mateus 27:51)
    nao sei se vc ja estudou sobre o veu do templo”e entendeu o que quis dizer”.Fui batizada com o espirito santo.O ateu é uma pessoa que ainda nao se encontrou com DEUS,nao o sentiu,nem ouviu sua voz,nem nunca se encontrou com um profeta usado por DEUS revelando coisas que só em sua mente e em seu coraçao tinham.abra seu coraçao procure uma igreja faça um proposito pedindo a DEUS pelo menos uma vez na vida que fale com vc,agora procure uma igreja de verdade nao essas enganadoras de falsos profetas,nem que adore imagens de escultura porque DEUS nao divide a gloria dele com outros deuses porque ele é o unico e verdadeiro que merece adoraçao.(Não terás outros deuses diante de mim.
    Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
    Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.
    Êxodo 20:3-5)estarei orando por vc amém

  13. texto de belas palavras mais sem um minimo de inteligencia

    Vige, Criaturo!! Se nem a crentaiada tá gostando do que tu escreveu sobre Deus, imagina eu!!

  14. Maltratar o idioma é pré-requisito para ser crente? Porque adotar o “fuck the logic” certamente é. O primeiro comentário do Marcos Kiyoji resumiu bem o que eu penso do texto: uma confusão mental e lógica que só faz sentido na cabeça do autor. As coisas pioram nas réplicas dos comentários, chegando a dar vergonha alheia e vontade de sugerir um tratamento psicológico ou psiquiátrico, como notou a Ana Júdice. Acho triste quando alguém tenta argumentar que é racional acreditar em entidades mágicas por “intuição” e é irracional ser ateu, baseando-se na realidade e em evidências. É de uma desonestidade intelectual gigantesca.

  15. ss

    O que se há de fazer com uma pessoa que recusa evidências em favor da crença?
    Nada.

    se não for timida poderia começar me apresentando evidências comprovando a inexistêcnia divina?

    O que se há de fazer com uma pessoa que diz coisas como “razão vazia”?
    Nada.

    voce quem disse isso: mas o que se segue é um amontoado sem nexo, a impressão que dá é que vocẽ juntou palavras apenas por achar que elas iriam conferir uma aura de intelectualidade ao texto.
    a impressão que da é que voce resume seu ateismo ao simplismo do “Deus não existe”, ou seja os limites da sua ignorancia é que define sua realidade, tipo um peixe no aquario.

    O que se há de fazer com uma pessoa que faz esse tipo de afirmação:

    Deus não esta ai para ser agradável ou compreendido ou provado, ele esta ai para sentir ,se manifestando em varios níveis de consciências

    baseado apenas no achismo pessoal?

    Baseado em observações naturais.

    O que se há de fazer com uma pessoa que enfileira um amontoado de bobagens com ares de quem está fazendo revelações fundamentais?
    Nada.

    não tenho culpa se sua razão resume-se ao ateismo biblico, falta de razão atrofia o cérebro.

  16. Arnaldo

    Maltratar o idioma é pré-requisito para ser crente?
    Porque adotar o “fuck the logic” certamente é. O primeiro comentário do Marcos Kiyoji resumiu bem o que eu penso do texto: uma confusão mental e lógica que só faz sentido na cabeça do autor. As coisas pioram nas réplicas dos comentários, chegando a dar vergonha alheia e vontade de sugerir um tratamento psicológico ou psiquiátrico, como notou a Ana Júdice.

    peço desculpas pela falta de concordâncias verbais e pelos erros de português,mas não me preocupei muito com a didatica contando com a capacidade intelecutal dos leitores, se fosse possivel até poderia ter facilitado mais ilustrando toda a teoria.
    Mas não me sinto totalmente fracassado se ao menos voce conseguiu entender , quando disse que o ateismo é irracional.

    Acho triste quando alguém tenta argumentar que é racional acreditar em entidades mágicas por “intuição” e é irracional ser ateu, baseando-se na realidade e em evidências. É de uma desonestidade intelectual gigantesca.
    Neste caso seja honesto me apresentando evidências da inexistêcia divina, ou vou considerar suas criticas como vazias, apenas como um desabafo de uma razão contrariada, ao perceceber que o limite da sua razão própria não é o limite da razão de outras realidades.

  17. Barros

    texto de belas palavras mais sem um minimo de inteligencia

    Vige, Criaturo!! Se nem a crentaiada tá gostando do que tu escreveu sobre Deus, imagina eu!!

    para emitirem uma opinião valida, antes é necessario entender alguma coisa, vamos aguardar………………………………………………………ou então voltemos para o seu tradicional ateismo biblico.

  18. é natural ver crentes e ateus biblicos sendo contrariados por uma apresentação de um deus que contradiz suas tradicionais razões, eu sou um “estraga prazeres”.

  19. Marcos
    é impossível criar algo que seja totalmente inexistente ou que esteja fora de Deus

    Eu teria extremo receio em utilizar a expressão “impossível” nestes termos, bem como em inventar conceitos como “deus é tudo que existe”.

    Parto do principio de que “Na natureza nada se cria tudo se transforma”, se há existência fora de Deus o conceito Deus deixa de existir.

    o ateísmo que prega a inexistência fora de Deus é algo irracional.

    Não acho que ateus utilizem o seu conceito de deus, portanto não pregam tal coisa.
    se existir algo fora de Deus ele deixa de ser Deus e passa apenas ser mais um.
    Que seja. E daí?

    E daí que o politeísmo já existe,mas desconhecia esse seu lado crente.
    Ateus pregam que a razão é produto da matéria e desaparece com dissociação dela,mas partindo do principio que a essência material seja eterna ,a razão também será embora se apresentando em formas difrentes.

    eu apresento a razão do meu deus e espero que alguém possa demonstrar alguma irracionalidade nela.

    Não vi razão alguma no seu deus, mas apenas suposições oriundas da sua imaginação.

    Imaginação tem tudo haver com a razão que limita nossas realidades.

    desconsideras que todas criações humanas antes de se tornarem uma realidade física passaram pelos processos do imaginário humano ?

    Só a imaginação não é suficiente para a realização ou a existência. Me parece que a sua fonte de informações sobre o seu deus é você mesmo. Sua imaginação, por si só, não o faz real e nem aponta nesta direção.

    Quando fazemos sexo em sonhos, todo o nosso ser comporta-se como se estivéssemos vivendo um realidade física e emocional, muitas vezes mais intensa que na vigília.
    Talvez a nossa realidade seja apenas um sonho de Deus sentindo uma espécie de prazer.

    A intuição é o acesso direto a Razão Deus, dispensa raciocínios, você sabe e pronto. Muitos tornariam mais sábios se aprendessem a ouvir a voz da suas intuições, pois onde a razão para a intuição consegue ver alem.

    Poucas ferramentas mentais do ser humano têm tanto potencial para o erro quanto a intuição.
    Confiar unicamente na intuição significa preguiça ou incapacidade de raciocinar. Significa abdicar da principal característica que nos diferencia dos outros animais.

    Primeiro vem a intuição depois o raciocínio a torna fisicamente real, ambas estão atreladas.

    Mas a questão aqui é se este deus que eu apresento possui suas razões , se não então favor apresenta-me suas irracionalidades.

    A irracionalidade começa do próprio conceito “Deus é tudo que existe”.
    Não se pode simplesmente adotar uma premissa cuja validade não foi demonstrada. Conceitos podem ser inventados aos montes, ao gosto do cliente.
    Eu poderia conceituar deus como sendo “tudo que não existe” e este conceito não seria nem mais nem menos válido que o seu.

    Minha hipótese afirma que Deus é tudo, portanto eu posso me basear no todo para apresentar a Deus.
    A sua afirma que Deus é nada , você poderia me apresentar o nada ou partes dele ?

  20. Criaturo,

    Ssrodrigues disse:

    baseado apenas no achismo pessoal

    Você respondeu:

    Baseado em observações naturais.

    Quais observações especificamente?
    Você me disse que sua fonte de informações é intuitiva e racional, mas apresentou conclusões baseadas apenas na sua imaginação.

    Ainda não vi nenhum traço de racionalidade nas suas afirmações.

    Também não há embasamento para a sua conclusão de que

    o ateismo é irracional

    Em tempo, todas as suas conclusões se fundamentam na premissa/conceito de que “deus é tudo que existe”. Isso não encontra fundamentação racional em parte alguma.
    Se existe a fundamentação para isso, ela não foi apresentada no texto.

  21. Marcos

    Baseado em observações naturais.
    Quais observações especificamente?

    Se afirmo que Deus é tudo, tudo serve para provar a existência do Deus que eu afirmo existir.

    Você me disse que sua fonte de informações é intuitiva e racional, mas apresentou conclusões baseadas apenas na sua imaginação.
    Ainda não vi nenhum traço de racionalidade nas suas afirmações.

    Não confunda racionalidade com evidências, mas aponte falhas no raciocínio?

    Também não há embasamento para a sua conclusão de que
    o ateismo é irracional
    Em tempo, todas as suas conclusões se fundamentam na premissa/conceito de que “deus é tudo que existe”. Isso não encontra fundamentação racional em parte alguma.
    Se existe a fundamentação para isso, ela não foi apresentada no texto.

    A minha razão me diz que “Deus é tudo” assim posso usar o universo para apresenta-lo, a sua razão diz que “deus é o nada” , assim eu acredito em tudo que eu vejo, toco e sinto e você acredita no nada, logo possui muito mais fé do que razão.
    O seu ateísmo prega a não existência do ser, logo acredita que o nada seja algo real isto é totalmente irracional.

  22. Criaturo,

    Parto do principio de que “Na natureza nada se cria tudo se transforma”, se há existência fora de Deus o conceito Deus deixa de existir.

    Na verdade, parte do pressuposto que a “natureza” é deus. Continua sendo um conceito sem validação lógica ou racional.

    o ateísmo que prega a inexistência fora de Deus é algo irracional.

    Nunca vi nenhum ateu pregando “a inexistência fora de deus”, já que só você consegue imaginar o que isso significa.

    E daí que o politeísmo já existe,mas desconhecia esse seu lado crente.

    Que politeísmo? Do que você está falando?
    De onde em meu comentário se depreende que tenho um lado crente?

    Ateus pregam que a razão é produto da matéria e desaparece com dissociação dela,mas partindo do principio que a essência material seja eterna ,a razão também será embora se apresentando em formas difrentes.

    A razão não tem que ser eterna só porque a matério é eterna.
    Razão e matéria não são a mesma coisa.

    Razão é produto de mentes. Mentes são produtos de cérebros. Cérebros são feitos de matéria. A simples existência de matéria não implica na existência automática e imediata de cérebros.

    Imaginação tem tudo haver com a razão que limita nossas realidades.

    Imaginação se relaciona com a razão à medida que a razão avalia e verifica as hipóteses levantadas pela imaginação.
    Como suas hipóteses não encontram validade lógica, então ainda não saíram do nível imaginário para atingir a razão.
    Dessa forma, meu comentário de que “não vi razão alguma no seu deus” é válida.

    Talvez a nossa realidade seja apenas um sonho de Deus sentindo uma espécie de prazer.

    Talvez sim, talvez não.
    Talvez estejamos vivendo dentro de uma “Matrix” uma vida de simulação.
    Como eu disse, suas hipóteses ainda não saíram da imaginação para atingir o nível da razão nem ao ponto de se candidatarem a uma existência mais provável na realidade.

    Primeiro vem a intuição depois o raciocínio a torna fisicamente real, ambas estão atreladas.

    E daí que estejam atreladas?
    Meu pé está indiretamente atrelado à minha cabeça, mas meu pé não é a minha cabeça.

    O raciocínio não torna a intuição real. O raciocínio verifica a veracidade da intuição.

    Minha hipótese afirma que Deus é tudo, portanto eu posso me basear no todo para apresentar a Deus.

    Não. Não pode!
    Esse é o exemplo mais clássico de Petição de Princípio. É exatamente o argumento que apresentei em meu primeiro comentário e que você usa desde sempre.

    (1) Deus é tudo que existe;
    (2) “Tudo que existe” de fato existe;
    (3) Portanto, deus existe.

    É uma conclusão inválida pois parte de princípios inválidos.

    A sua afirma que Deus é nada , você poderia me apresentar o nada ou partes dele ?

    Como eu disse, uma possível afirmação de que “deus é tudo que não existe” seria tão válida quanto à sua de que “deus é tudo que existe”.

    Ambas são completamente inválidas, por motivos óbvios já apresentados.

  23. Criaturo,

    Se afirmo que Deus é tudo, tudo serve para provar a existência do Deus que eu afirmo existir.

    Não pode. É petição de princípio.

    aponte falhas no raciocínio?

    Já apontei. É petição de princípio das mais básicas.
    Simplesmente não há raciocínio.

    A minha razão me diz que “Deus é tudo” assim posso usar o universo para apresenta-lo, a sua razão diz que “deus é o nada”

    Não pode. É petição de princípio.
    Além disso, ficou bem claro que a afirmação de que “deus é tudo que não existe” era apenas um exemplo hipotético e igualmente inválido.

    assim eu acredito em tudo que eu vejo, toco e sinto e você acredita no nada, logo possui muito mais fé do que razão.

    Eu também acredito em tudo que vejo, toco e sinto. Eu só não chamo isso de deus. Também não chamo isso de nada.
    Não vejo fé neste pensamento.

    O seu ateísmo prega a não existência do ser, logo acredita que o nada seja algo real isto é totalmente irracional.

    Meu ateísmo não prega nada disso. Estes conceitos são seus e você quer força-los a serem meus. Trata-se de outra falácia, também conhecida como Espantalho.

  24. Elisabeth

    adianta ler a biblia de gênesis á apocalipse se nao tem visao espiritual.

    nem todos somos seres iluminados, mais uma discriminação do seu deus.

    como pode alguem que busca tao excessivamente resposta sobre a existencia do meu DEUS e nao encontrar?

    talvez voce esteja escondendo ele só para voce, sua egoísta.

    nem que adore imagens de escultura porque DEUS nao divide a gloria dele com outros deuses porque ele é o unico e verdadeiro que merece adoraçao.(Não terás outros deuses diante de mim.
    Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
    Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.
    Êxodo 20:3-5)

    a fé cega transforma pessoas em papagaios biblicos se não vejamos:

    Estas passagens afirmam claramente que o “seu” deus de moisés possui características humanas: é egoísta, vaidoso e injusto, capaz de punir inocentes pelo erros dos outros.
    E voce na sua santa ignorância espiritual ,ainda pensa estar fazendo um favor a Deus divulgando mentiras no nome dele? Judiação! he….he…he…he…he

    estarei orando por vc amém

    irmã Elisabeth fica na paz de Deus.

  25. Criaturo, li o texto. Vou escrever um “post” e publico amanhã à noite. Eu estava escrevendo aqui, mas, como ficou muito extenso, eu acho melhor publicar como um texto do blog. Estou ainda pensando num título. Talvez: “A Aquiescência do Óbvio ante a Numismática Geracional Dogmática Irrestrita do Íncubo Circunscrito à Absurdidade do Medo da Finitude da Alma”.

  26. é natural ver crentes e ateus biblicos sendo contrariados por uma apresentação de um deus que contradiz suas tradicionais razões, eu sou um “estraga prazeres”.

    Criaturo

    Se esse seu deus fosse um produto ầ venda, você seria denunciado por fraude.
    Seu deus não é nada mais que um plágio mal feito do deus da bíblia, no qual você só ajeitou uns penduricalhos e mudou uma coisa aqui outra ali.
    O deus da bíblia criou o ser humano soprando num punhado de lama, o seu excretou partes dele mesmo para fazer o ser humano.
    O deus da bíblia é onipresente, o seu é o “tudo e todo”. Na parte realmente complicada, você nem se deu o trabalho de mexer: seu deus, tal qual o da bíblia, é incriado, eterno, imutável, bláblá.
    Na parte em que você teria de explicar os n problemas da criação, você faz igualzinho o deus da bíblia: joga a responsabilidade dos problemas da criação na própria, que é a maneira que vocês, criadores de deuses consideram ser uma forma esperta de não ter que explicar nada.
    Resumindo: seu deus é igualzinho um daqueles “importados” de camelô, imitação barata.

    A tal “razão” que você vive invocando só teria validade num hospício.

  27. quem foi que enventou tal palavrinha magica que os crentes enventaram para jogar na cara da gente. LIVRE ARBITRIO, nós não somos deus, e colocaram em nossas costas todas responsabilidades que seria de um deus perfeito…

  28. , CRIATURO

    O MEU DEUS ELE É SANTO NÃO PODE HABITAR EM LUGARES COM PESSOAS INFIÉIS,DESLEAL,E QUE NÃO O QUER COMO UNICO E SUFICIENTE,(Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem.
    Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.
    João 4:23-24)
    O MESMO SERVE PARA O FATO DE QUE EU NÃO SOU EGOISTA E ESTAR ESCONDENDO DEUS SÓ PARA MIM,O PROCURE EM ESPIRITO E EM VERDADE EU JAMAIS PODERIA ESCONDER ALGO TAO GRANDE.E SIM ESTOU FAZENDO UM FAVOR PARA DEUS,PORQUE SATANÁS JÁ ESTA POR AI CONFUNDIDO MUITAS PESSOAS E O MEU SENHOR PRECISA DE MIM PARA LEVAR O AMOR DELE A MUITOS.EU JÁ FUI COMO VC MAIS SÓ QUE BEM MAIS INTELIGENTE PORQUE EU BUSQUEI DA MANEIRA CERTA E O ENCONTREI.TÃO GRANDIOSAMENTE QUE MESMO QUE EU QUISESSE NÃO PODERIA DEIXAR DE ACREDITAR PORQUE JÁ CONHECI A VERDADE E BEBI DA AGUÁ DA VIDA

    ESTAREI SEMPRE PELAS MADRUGADAS ORANDO POR TODOS,DE JOELHOS NO CHÃO E A FACE NO PÓ,COM O MAIOR AMOR.AMÉM

  29. Bem, vamos la. Eu não acho que o Criaturo ou qualquer teísta mereça tratamento psiquiátrico por acreditar em uma ou mais divindades. Mas confesso que tive muita dificuldade em encontrar sentido ou objetivo nesse texto. Eu o li varias vezes sem saber que tipo de divindade e essa que o Criaturo tanto defende. Não consigo saber se ele e algo próximo ao panteísmo ou ao deísmo. Enquanto lia o texto, tudo o que conseguia me lembrar era de que meu professor de Leitura e produção de texto sempre dizia sobre textos com frases gigantescas que dificultam muito a compreensão do leitor. Eu realmente não sei o que pensar disso. Mas sobre essa divindade em si, pra mim ela e tão boa como qualquer outra das muitas divindades que existem ou existiram

  30. Criaturo, vc sempre parte da premissa de um deus pré-existente para suas afirmações. O ponto de partida que vc deveria ter é: como provar que esse deus existe.

    Sem essa prova, suas afirmações não estão embasadas em nada sólido, assim como as religiões baseiam suas afirmações sobre seus respectivos deuses somente na fantasia mental dos seus seguidores.

    E a parte “… em outras palavras o ateísmo que prega a inexistência fora de Deus é algo irracional.” chegar a ser hilária pois justamente a irracionalidade de certos indivíduos – que a justificam dizendo que é “fé” – é que os fazem acreditar que existem deuses.

    E além de não haver evidências de existirem deuses, a observação do dia-a-dia da humanidade mostra que seria um estado ilógico acreditar nessas fantasias pois a cada ponto pregado por religiosos para justificar um “ato divino” aparecem vários outros que mostram pela lógica um efeito contrário – de não existirem “atos divinos”.

  31. Criaturo, não existe maior prova de desonestidade intelectual que a inversão do ônus da prova. Prove-me que não existem unicórnios invisíveis, bules voadores no espaço, dragões, duendes e elfos (para ficar nas entidades já inventadas e famosas). Prove que o Chewbacca não existe e que ele não é o verdadeiro criador do Universo. Chewbacca criou George Lucas que criou o personagem por inspiração “divina”. Prove que estou errado. Entendeu o absurdo?

  32. Elizabete

    O MEU DEUS ELE É SANTO NÃO PODE HABITAR EM LUGARES COM PESSOAS INFIÉIS,DESLEAL,E QUE NÃO O QUER COMO UNICO E SUFICIENTE,

    como Deus teve coragem de criar seres tão desprezíveis assim ?

    (Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem.
    Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.
    João 4:23-24)

    se Deus sabe tudo , então porque teria necessidade de sair procurando por alguma coisa?

    O MESMO SERVE PARA O FATO DE QUE EU NÃO SOU EGOISTA E ESTAR ESCONDENDO DEUS SÓ PARA MIM,

    voce é sim ,pois afirma que é dona de Deus veja: ” MEU DEUS ELE É SANTO” ja entendi vos é um pai de santo querendo se passar por um evangélico, que coisa feia heim ?

    O PROCURE EM ESPIRITO E EM VERDADE EU JAMAIS PODERIA ESCONDER ALGO TAO GRANDE.
    então pare de sair afirmando que é a proprietária de Deus, sua egoísta.

    E SIM ESTOU FAZENDO UM FAVOR PARA DEUS,PORQUE SATANÁS JÁ ESTA POR AI CONFUNDIDO MUITAS PESSOAS E O MEU SENHOR PRECISA DE MIM PARA LEVAR O AMOR DELE A MUITOS.

    vejo que estou conversando com mais uma pessoa iluminada, o que seria de Deus sem voce ? um pobre necessitado ?
    E de nós os pecadores, ficaríamos sem mais um pastor.

    EU JÁ FUI COMO VC MAIS SÓ QUE BEM MAIS INTELIGENTE
    Judiação II, ser mais inteligente do que eu,não fara de voce nenhum gênio.

    PORQUE EU BUSQUEI DA MANEIRA CERTA E O ENCONTREI.TÃO GRANDIOSAMENTE QUE MESMO QUE EU QUISESSE NÃO PODERIA DEIXAR DE ACREDITAR PORQUE JÁ CONHECI A VERDADE E BEBI DA AGUÁ DA VIDA
    ESTAREI SEMPRE PELAS MADRUGADAS ORANDO POR TODOS,DE JOELHOS NO CHÃO E A FACE NO PÓ,COM O MAIOR AMOR.AMÉM

    Santa Elizabete! rogai por nós os pecadores!

    Muitos são os pregadores e bem poucos são os trabalhadores.

    Fica com Deus minha santa.

    obs. a SS que se cuide! a concorrência ta ficando acirrada.

  33. Barros

    “A Aquiescência do Óbvio ante a Numismática Geracional Dogmática Irrestrita do Íncubo Circunscrito à Absurdidade do Medo da Finitude da Alma”.

    ja entendi ligou seu gerador de lero-lero ateu no modo ativo” enrroleicheiom profission”

  34. SS

    Se esse seu deus fosse um produto ầ venda, você seria denunciado por fraude.
    Seu deus não é nada mais que um plágio mal feito do deus da bíblia, no qual você só ajeitou uns penduricalhos e mudou uma coisa aqui outra ali.
    O deus da bíblia criou o ser humano soprando num punhado de lama, o seu excretou partes dele mesmo para fazer o ser humano.

    até para uma deusa , essa é forma mais natural de se gerar filhos.

    O deus da bíblia é onipresente, o seu é o “tudo e todo”. Na parte realmente complicada, você nem se deu o trabalho de mexer: seu deus, tal qual o da bíblia, é incriado, eterno, imutável, bláblá.

    Defendo que o Todo Existente em Deus é in criado existindo desde sempre, alterando indefinidamente apenas as suas formas interligadas em sua única fonte, mas nada poderá ser acrescentado ou anulado nele, pois embora possua capacidade de apresentar-se de formas variáveis, sua essência é imutável, como um lego divino é capaz de apresentar-se em infinitas formas com funções e capacidades diferentes, no entanto sua composição essencial é sempre a mesma.

    Na parte em que você teria de explicar os n problemas da criação, você faz igualzinho o deus da bíblia: joga a responsabilidade dos problemas da criação na própria, que é a maneira que vocês, criadores de deuses consideram ser uma forma esperta de não ter que explicar nada.

    a velha questão sobre o livre arbítrio, antes da criação deus estava atrelado a sua própria onisciência, ou seja não se permita errar , sendo uma unica vontade existente era amoral, nele não existia moralidade alguma, pois sua vontade era inquestionável e soberana.
    Deus decidiu substituir uma parte da sua onisciência por uma ignorância absoluta, foi dessa forma que apresentou em nós vontades diferentes da sua maior razão, nós humanos somos a parte infantil de Deus aprendendo a reconhecer-se novamente, com liberdade para errar e acertar, sentir ,chorar e sorrir.
    quanto ao mal da criação ao qual voce se refere, mais especificamente o sofrimento humano, ele assim como o prazer, são responsáveis pela manutenção e o desejo pela vida,
    Quanto a justiça divina ela não existe no sentido humano da igualdade desejada ,ja que Deus se apresenta por diferenças natas e não por igualdades.
    Facilmente vemos inocentes sofrendo, parte desse sofrimento é ocasionado intencionalmente com conhecimento de causa, outros não intencionais são causados pela nossa ignorância nata, pois amor de mais também pode matar.
    Existe um parte de Deus que é mecânica se para manter o equilíbrio da vida ,for necessário mover uma placa tectônica , o terremoto sera inevitável doa quem doer, justos e injustos sofrerão da mesma forma.
    Mas como ja disse essa parte de Deus que é a mecânica da vida, pode também, ser manipulada por nós ao nosso favor ou não.
    Toda tentativa de justiça moral é humana, pois igualdade e o equilíbrio só é possível em uma unica unidade Deus a qual deixou de ser a sua vontade.

    Resumindo: seu deus é igualzinho um daqueles “importados” de camelô, imitação barata.
    A tal “razão” que você vive invocando só teria validade num hospício.

    isso me fez lembrar de um filme onde apareceu o melhor professor de historia em um colégio , todos admiravam a didática do professor, até que um dia apareceu uma ambulância para leva-lo de volta ao hospício, a partir disso comecei observar que os doidos são sempre os mais inteligentes.

  35. Deni
    quem foi que enventou tal palavrinha magica que os crentes enventaram para jogar na cara da gente. LIVRE ARBITRIO, nós não somos deus, e colocaram em nossas costas todas responsabilidades que seria de um deus perfeito…

    voce pode optar em ser um inrresponsavel ou não, voce decide.

  36. criaturo

    rsrsrsrs chega a ser engraçado a sua falta de inteligencia,geniosidade e raciocínio,quando falo ”MEU DEUS”,claro que o meu DEUS não é vc.por isso específico bem claro ”MEU DEUS”.Agora vejamos muito bem eu não sou mãe de santo glória ao MEU DEUS.O MEU DEUS criou Adão e Eva para serem seres “livres”, capazes de tomar decisões, capazes de escolher entre o bem e o mal o MEU DEUS sabia que eles iria pecar?sim,mais era dado ao homem o direito de escolher a qual voz obedecer.são as nossas escolhas que nos tornam desprezíveis.O MEU DEUS sabe de tudo por isso sabe dos falsos profetas (Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem.
    Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.
    João 4:23-24)sua pergunta sobre procurar se ele sabe de tudo é totalmente uma falta de seriedade com aquilo que está a escrever,pois como já disse antes não adianta ler a biblia se não tiver a inteligencia de interpreta-lá e nem mesmo interpretação de texto.temo que vc não entenda o que isto quer dizer mais ai vaiii (Dizendo: Bendito o Rei que vem em nome do Senhor; paz no céu, e glória nas alturas.
    E disseram-lhe de entre a multidão alguns dos fariseus: Mestre, repreende os teus discípulos.
    E, respondendo ele, disse-lhes: Digo-vos que, se estes se calarem, as próprias pedras clamarão.
    Lucas 19:38-40)um pobre necessitado é vc sem o MEU DEUS,e uma pobre necessitada seria eu sem ele,quantos filhos do MEU DEUS vc ver por ai metidos em tragédias? somos abençoados cara,somos abençoados.temo que a sua geniosidade não irar entender também isto mais ai vai (Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.
    Porque, vede, irmãos, a vossa vocação, que não são muitos os sábios segundo a carne, nem muitos os poderosos, nem muitos os nobres que são chamados.
    Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;
    1 Coríntios 1:25-27)cara eu sou mais genia que vc.bom e te garanto com toda a minha fé no MEU DEUS que se um dia vc ver alguem na rua pedindo esmola vestido de ”crente”esse não é crente fiel ao MEU DEUS o pregador fiel do MEU DEUS nem precisa trabalhar muito pra homem não,fica tranquilo não se preoucupe com a quantidade de evangelicos que tem carteira assinada. e se vc está querendo saber se além de pregar eu também trabalho?sim gloria ao MEU DEUS!e te garanto que não é de qualquer coisa.bom neste momento me despeço de vc pois irei viajar caso vc venha a responder só depois que esses dias de barulho acabar por que pra mim festa só se for do espirito santo,eu estarei te respondendo.orarei por todos numa casa de praia maravilhosa,e enquanto vc “Homo sapiens” vá brincar com o seu quitizinho de ciências ludibriantes.ha! status ânsia vomito.

  37. o livre arbitrio é uma teoria de santo agostinho e de muitos outros filósofos está palavra não existe na biblia,a não ser para pessoas que se dizem crer no MEU DEUS mais nem sabe defender aquilo que crer,certamente um evangelico virtuoso e sabio nos caminhos do MEU DEUS não sai falando oque não existe no livro santo,ainda mais de uma religião onde tem padre ao invés de pastor o erro já ocorre ai e só o MEU JESUS PRA SALVAR.

  38. Dentro da lista de milagres concedidos por deus ao seu povo, deveria estar incluído a capacidade de concatenar idéias e saber expressa-las corretamente.
    Se ele não for capaz dessa singela ação sobrenatural, fica a dúvida quanto a todos os outros que dizem acontecer por aí.

    Não estou me dirigindo à ninguém em particular.
    É somente uma singela reflexão.

  39. Essa Elizabete deve ser um troll gente… eu espero sinceramente que elea seja um troll!

  40. Senhores, por favor não sejam estraga prazeres………

    Santa Elizabete

    bem claro ”MEU DEUS”.Agora vejamos muito bem eu não sou mãe de santo glória ao MEU DEUS.O MEU DEUS criou Adão e Eva para serem seres “livres”, capazes de tomar decisões, capazes de escolher entre o bem e o mal o MEU DEUS sabia que eles iria pecar?sim,mais era dado ao homem o direito de escolher a qual voz obedecer.

    ok! ja ficou bem claro que o deus é seu,mas por que Deus criou o Mal ? Se não quero que os meus filhos usem drogas eu não plantaria um pé de maconha no meu jardim do éden, nem deixaria um um viciado morando junto com eles, a não ser que sinta prazer em castigar os meus filhinhos desobedientes ja sabendo que eles iriam cair na tentação.
    Se Deus ja sabia que iriamos pecar porque não nos fez melhores? Deus é um sádico ?

    sua pergunta sobre procurar se ele sabe de tudo é totalmente uma falta de seriedade com aquilo que está a escrever

    ok,mas foi voce que começou……. falando que Deus era egoísta, injusto, vaidoso e que andava procurando coisas, que necessita da sua ajuda, que necessita de adoradores, o deus que voce descreve é um “necessitado”, carente ?

    (Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.

    agora seu deus endoidou ? é um fraco ? cada vez mais voce esta rebaixando deus ao seu nivel.
    Ja entendi voce fez o seu deus a sua imagem e semelhança.

    Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;

    Santa confusão! voce ta querendo me deixar louco este seu deus veio para confundir ? é isso que justifica tantas religiões apresentando varias versões de deuses.

    cara eu sou mais genia que vc.bom e te garanto com toda a minha fé no MEU DEUS que se um dia vc ver alguem na rua pedindo esmola vestido de ”crente”esse não é crente fiel ao MEU DEUS o pregador fiel do MEU DEUS nem precisa trabalhar muito pra homem não,fica tranquilo não se preoucupe com a quantidade de evangelicos que tem carteira assinada

    Prove! posso fazer os meus três pedidos?
    Voce ta falando de viver as custas de dízimos ?
    pode pesquisar que a agrande maioria nos hospícios é composta por evangélicos fanáticos, vai la fazer uma pregação e terá uma pequena noção do inferno criado pelas religiões dentro da cabeças das pessoas..

    se vc está querendo saber se além de pregar eu também trabalho

    não foram religiosos fanáticos que pregaram Jesus numa cruz ?
    me despeço de vc pois irei viajar caso vc venha a responder só depois que esses dias de barulho acabar por que pra mim festa só se for do espirito santo,eu estarei te respondendo.orarei por todos numa casa de praia maravilhosa,e enquanto vc “Homo sapiens” vá brincar com o seu quitizinho de ciências ludibriantes.ha! status ânsia vomito.

    então aproveite bem o carnaval do Espirito Santo, em Guarapari é ótimo, praia de dia e carnaval a noite,mas evite fazer pregações na praia , se não correrá o risco de ser enterrada de corpo e alma na areia ,pois ninguém merece isso, né ?
    E pelo visto este negócio de pregações e dízimos ta rendendo bem, pelo menos para pastores a prosperidade será garantida pelas suas ovelhas.

  41. Foi triste ver o esforço do Criaturo ser bombardeado de um lado pelo fanatismo evangélico e de outro pelas mesma figurinhas já conhecidas do blog que só sabem usar de retórica para criticar os outros e são incapazes de escrever 2 linhas sobre a sua ideologia ‘pastel de vento’.

  42. Minha ideologia é fazer tudo para livrar as pessoas da escravidão de cultuar uma lenda imbecil como a dos deuses cristãos.

  43. Os caras invertem tanto as coisas que dizem que os ateus são irracionais por se basearem em fatos e não em visões de esquizofrênicos ou relatos de povos antigos, ignorantes sobre quase tudo o que sabemos hoje. Quem usa e abusa de retórica são os crentes, dos defensores dos deuses pessoais às olavetes bíblicas. Usam a filosofia para tentar dar uma aura de respeitabilidade às suas ideias, mas abusam das distorções lógicas para que suas conclusões se adequem a suas crenças.

  44. Sobre a “ideologia pastel de vento”, imagino que seja a mania de muitos crentes comparar o ateísmo com a sua crença, como se ateísmo fosse religião e como se precisássemos substituir cada característica da religião por uma característica ateísta, como um único livro ‘sagrado”, a necessidade de um criador, a falsa ideia de que moral deriva da crença no sobrenatural ou do medo de punições, etc.

  45. Alysson

    Mas confesso que tive muita dificuldade em encontrar sentido ou objetivo nesse texto. Eu o li varias vezes sem saber que tipo de divindade e essa que o Criaturo tanto defende. Não consigo saber se ele e algo próximo ao panteísmo ou ao deísmo. Enquanto lia o texto, tudo o que conseguia me lembrar era de que meu professor de Leitura e produção de texto sempre dizia sobre textos com frases gigantescas que dificultam muito a compreensão do leitor. Eu realmente não sei o que pensar disso. Mas sobre essa divindade em si, pra mim ela e tão boa como qualquer outra das muitas divindades que existem ou existiram

    Para explicações complexas explicando coisas muito complexas, Occam optou pela mais simples, do tipo “isto não existe”, isso me lembra o padre keazedo,mas qualquer semelhança é mera coincidência.

  46. Paul Muadib

    Criaturo, vc sempre parte da premissa de um deus pré-existente para suas afirmações.

    Sim , sou teísta.

    O ponto de partida que vc deveria ter é: como provar que esse deus existe.

    e acabar com estas discussões milenares, pense quantas pessoas ficariam decepcionadas ?

    Sem essa prova, suas afirmações não estão embasadas em nada sólido, assim como as religiões baseiam suas afirmações sobre seus respectivos deuses somente na fantasia mental dos seus seguidores.

    considero minha experiência de vida algo bastante solido e minha intuição ja acertou outras vezes.

    E a parte “… em outras palavras o ateísmo que prega a inexistência fora de Deus é algo irracional.” chegar a ser hilária pois justamente a irracionalidade de certos indivíduos – que a justificam dizendo que é “fé” – é que os fazem acreditar que existem deuses.

    Se voce se considera um produto da irracionalidade e acha graça disso , eu acho isso muito triste.
    Ao contrario de voces nossa crença alem da intuição nata , nasce de observações em fatos das nossas vidas praticas, temos sensibilidade para percebermos inteligencias fora da matéria agindo em nossas vidas e somos gratos por isso.
    Não perca seu tempo falando em esquizofrenia que não é este o caso.

    E além de não haver evidências de existirem deuses, a observação do dia-a-dia da humanidade mostra que seria um estado ilógico acreditar nessas fantasias pois a cada ponto pregado por religiosos para justificar um “ato divino” aparecem vários outros que mostram pela lógica um efeito contrário – de não existirem “atos divinos”.

    algumas pessoas apenas sentem que Deus existe,mas outras tiveram algum tipo de experiência que aumentaram a fé delas.
    Deixem que elas falem por si mesmas.

  47. […] Criaturo em Um Deus sem bíblia […]

  48. Arnaldo

    Criaturo, não existe maior prova de desonestidade intelectual que a inversão do ônus da prova. Prove-me que não existem unicórnios invisíveis, bules voadores no espaço, dragões, duendes e elfos (para ficar nas entidades já inventadas e famosas). Prove que o Chewbacca não existe e que ele não é o verdadeiro criador do Universo. Chewbacca criou George Lucas que criou o personagem por inspiração “divina”. Prove que estou errado. Entendeu o absurdo?

    Sim, querer provar Deus é coisa de ateus eu não possuo tal pretensão, pois Deus não esta ai para ser provado integralmente,mas ha uma parte mecânica nele que nós podemos brincar de cientistas especulando o que ja existe e é tambem divino.
    bom apesar de faltarem evidências da existência de unicórnios eles não estariam muito longe da realidade de outros animais chifrudos ja existentes, quem sabe não venhão ser uma evolução dos cavalos?
    Quanto a invisibilidade de animais para minha visão , ácaros são invisíveis.
    Se voce tivesse sido criado por anos isolado em uma ilha, apenas com pássaros cantantes, se alguém dissesse ter visto fora da ilha um pássaro que fala, voce acreditaria ?
    Mas ja que acha que é capaz de criar coisas totalmente inexistentes, saiba que embora o conjunto final das suas invenções sejam ilógicas ,nas suas partes elas são formadas por coisas ja existentes dentro do universo Deus consciente.

  49. Barros

    Minha ideologia é fazer tudo para livrar as pessoas da escravidão de cultuar uma lenda imbecil como a dos deuses cristãos.

    então liberte-se desse orgulho narcisista, quem foi que te elegeu um soldado defensor da sua própria razão imposta nos outros ?
    isso não é coisa de Deus ,não!

  50. André lopes
    só sabem usar de retórica para criticar os outros e são incapazes de escrever 2 linhas sobre a sua ideologia ‘pastel de vento’.

    e olha que isso é bem simples:
    1) somos produtos da irracionalidade
    2) em breve perderemos nossa razão de vez

  51. Arnaldo

    Os caras invertem tanto as coisas que dizem que os ateus são irracionais por se basearem em fatos e não em visões de esquizofrênicos ou relatos de povos antigos, ignorantes sobre quase tudo o que sabemos hoje. Quem usa e abusa de retórica são os crentes, dos defensores dos deuses pessoais às olavetes bíblicas. Usam a filosofia para tentar dar uma aura de respeitabilidade às suas ideias, mas abusam das distorções lógicas para que suas conclusões se adequem a suas crenças.

    Bom, ateus normalmente dizem que são frutos da irracionalidade, caso contrario seriam crentes em uma origem inteligente
    Deus.
    uma boa parte do conhecimento atual vieram dos nossos antepassados.
    Teístas não são frutos de esquizofrenias e sim de observações naturais da nossas vidas praticas, o problema é que ateus tentam limitar a razão dos outros no máximo onde a deles alcança, assim tudo que estiver alem das suas razões são consideradas coisas inexistentes e “sobrenaturais”, para peixes o mundo resume-se a água.

  52. Criaturo,

    “considero minha experiência de vida algo bastante solido e minha intuição já acertou outras vezes”.
    Experiência de vida e intuição não podem provar nada e não são prova de nada.

    “Se voce se considera um produto da irracionalidade e acha graça disso , eu acho isso muito triste.”
    Você está se confundindo – a irracionalidade faz parte da vida dos religiosos, em acreditar em deuses fantasiosos.

    “Ao contrario de voces nossa crença alem da intuição nata, nasce de observações em fatos das nossas vidas praticas, temos sensibilidade para percebermos inteligencias fora da matéria agindo em nossas vidas e somos gratos por isso.”
    Mais uma vez vc alega poderes especiais além da imaginação. Continua sem dados e fatos para mostrar e comprovar.

    “Não perca seu tempo falando em esquizofrenia que não é este o caso.”
    Pode até não ser o seu caso mas religioso falar que “ouviu Deus” é um sintoma característico de esquizofrenia.

    “algumas pessoas apenas sentem que Deus existe,mas outras tiveram algum tipo de experiência que aumentaram a fé delas. Deixem que elas falem por si mesmas.”
    Então vc tem que aceitar as pessoas que dizem que sentem fantasmas, que sentem espíritos, que sentem o saci pererê na floresta e todas essas fantasias a mais. O princípio alegado é o mesmo.

    Resumindo: você escreveu um texto elaborado mas sem dados comprobatórios nenhum. Continua sendo só mais produto de fantasia.

    Mas por outro lado te parabenizo porque você está caminhando na vertente do William Lane Craig – que apesar de religioso é um excelente orador e tem uma maneira peculiar de enrolar alguns ouvintes menos atentos misturando algumas idéias.

    Boa sorte com sua nova religião.

  53. Paul Muadib

    Experiência de vida e intuição não podem provar nada e não são prova de nada.

    para voce não ,para mim sim, meu ser é construído por experiências e sentimentos advindos delas.
    “sinto logo existo”

    “Se voce se considera um produto da irracionalidade e acha graça disso , eu acho isso muito triste.”

    Você está se confundindo – a irracionalidade faz parte da vida dos religiosos, em acreditar em deuses fantasiosos.

    esta firmando que crê que sua existência teve um principio inteligente intencional ?

    “Ao contrario de voces nossa crença alem da intuição nata, nasce de observações em fatos das nossas vidas praticas, temos sensibilidade para percebermos inteligencias fora da matéria agindo em nossas vidas e somos gratos por isso.”

    Mais uma vez vc alega poderes especiais além da imaginação. Continua sem dados e fatos para mostrar e comprovar.

    antigamente previsão do tempo era considerado poderes especiais hoje o que ja foi considerado um dia sobrenatural é visto como natural.
    e se estivessem alem da imaginação eu não poderia ter idealizado.

    “Não perca seu tempo falando em esquizofrenia que não é este o caso.”

    Pode até não ser o seu caso mas religioso falar que “ouviu Deus” é um sintoma característico de esquizofrenia.

    Telepatia é um fenômeno bem natural, desconhece ?

    “algumas pessoas apenas sentem que Deus existe,mas outras tiveram algum tipo de experiência que aumentaram a fé delas. Deixem que elas falem por si mesmas.”

    Então vc tem que aceitar as pessoas que dizem que sentem fantasmas, que sentem espíritos, que sentem o saci pererê na floresta e todas essas fantasias a mais. O princípio alegado é o mesmo.

    Saci parere não passa de uma criança amputada, não estou dentro dessas pessoas para saberem oque elas sentem,mas a sua duvida nasce da sua vidência ?

    Resumindo: você escreveu um texto elaborado mas sem dados comprobatórios nenhum. Continua sendo só mais produto de fantasia.

    muitas das formas antes de pertencerem ao mundo material , passam pelo mundo do imaginário.

    Mas por outro lado te parabenizo porque você está caminhando na vertente do William Lane Craig – que apesar de religioso é um excelente orador e tem uma maneira peculiar de enrolar alguns ouvintes menos atentos misturando algumas idéias.
    Boa sorte com sua nova religião.

    se religião é formada por crenças, voce tambem é um religioso que crê na inexistência divina, baseado na ignorância própria.

  54. “para voce não, para mim sim, meu ser é construído por experiências e sentimentos advindos delas. sinto logo existo”
    Ok, mas transformar o seu “sentimento” em regra universal é querer abusar da boa vontade das pessoas.

    “esta firmando que crê que sua existência teve um principio inteligente intencional ?”
    Claro que não, estou falando da irracionalidade em acreditar em deuses fantasiosos…

    “antigamente previsão do tempo era considerado poderes especiais hoje o que ja foi considerado um dia sobrenatural é visto como natural. e se estivessem alem da imaginação eu não poderia ter idealizado.”
    Previsão de tempo ser considero poder especial ? Não vejo poder nenhum em ver uma nuvem no céu e dizer: “vai chover”…

    Telepatia é um fenômeno bem natural, desconhece ?
    Telepatia é tão verdadeiro quanto ET’s. Se fala muito sobre o assunto mas não se prova nada.

    Saci parere não passa de uma criança amputada, não estou dentro dessas pessoas para saberem o que elas sentem, mas a sua duvida nasce da sua vidência ?
    Saci-pererê é uma lenda igual ao seu deus, em que ambos não passam de uma fantasia.

    muitas das formas antes de pertencerem ao mundo material , passam pelo mundo do imaginário.
    Mas somente quando são comprovadas cientificamente é que são reconhecidas como existentes. Por enquanto deuses continuam sendo ficção por mais que os religiosos se esforcem em dizer que são verdadeiros.

    se religião é formada por crenças, voce tambem é um religioso que crê na inexistência divina, baseado na ignorância própria.
    Essa é nova: nunca vi alguém ser seguidor de algo por ser descrente de mesmo algo existir. E quanto a ignorância, creio que esta é uma qualidade que pertence aos religiosos, por usarem a fé (irracionalidade) no lugar da ciência, que é embasada em comprovações e evidências.

  55. Paul Muadib

    Ok, mas transformar o seu “sentimento” em regra universal é querer abusar da boa vontade das pessoas.

    nunca tive essa pretensão

    “esta firmando que crê que sua existência teve um principio inteligente intencional ?”

    Claro que não, estou falando da irracionalidade em acreditar em deuses fantasiosos…

    então esta afirmando ter tido uma origem irracional e isso resumi
    o simplismo do seu ateismo.

    “antigamente previsão do tempo era considerado poderes especiais hoje o que ja foi considerado um dia sobrenatural é visto como natural. e se estivessem alem da imaginação eu não poderia ter idealizado.”

    Previsão de tempo ser considero poder especial ? Não vejo poder nenhum em ver uma nuvem no céu e dizer: “vai chover”…

    refiro-me a previsões mais distantes , tipo choverá daqui a cinco dias ou a previsão de seca por josé ao faraó .

    Telepatia é um fenômeno bem natural, desconhece ?
    Telepatia é tão verdadeiro quanto ET’s. Se fala muito sobre o assunto mas não se prova nada.

    é comum pessoas afins conseguirem ler os pensamentos, até animais sentem quando seu donos estão chegando.

    Saci parere não passa de uma criança amputada, não estou dentro dessas pessoas para saberem o que elas sentem, mas a sua duvida nasce da sua vidência ?

    Saci-pererê é uma lenda igual ao seu deus, em que ambos não passam de uma fantasia.

    ok! mas não respondeu como descobriu que Deus não existe ? Foi pela vidência própria ?

    muitas das formas antes de pertencerem ao mundo material , passam pelo mundo do imaginário.

    Mas somente quando são comprovadas cientificamente é que são reconhecidas como existentes. Por enquanto deuses continuam sendo ficção por mais que os religiosos se esforcem em dizer que são verdadeiros.

    Entendi ! a sua ciência determina o limite da realidade, assim tudo que voce ignora não existe.
    A existencia agora esta submetida ao reconhecimento humano ?

    se religião é formada por crenças, voce tambem é um religioso que crê na inexistência divina, baseado na ignorância própria.

    Essa é nova: nunca vi alguém ser seguidor de algo por ser descrente de mesmo algo existir. E quanto a ignorância, creio que esta é uma qualidade que pertence aos religiosos, por usarem a fé (irracionalidade) no lugar da ciência, que é embasada em comprovações e evidências.

    são os ateus quem afirmam que são produtos racionais vindos da irracionalidade,para voce isto tambem faz algum sentido ?
    Seu problema é desejar usar os limites da sua racionalidade, para limitar a racionalidade dos outros, assim nada poderá ir alem da sua razão.

  56. “então esta afirmando ter tido uma origem irracional e isso resumi
    o simplismo do seu ateismo”
    Você então acha que sua versão de origem é racional enquanto o big bang e teoria da evolução de Darwin são irracionais ?

    “é comum pessoas afins conseguirem ler os pensamentos, até animais sentem quando seu donos estão chegando.”
    Até hoje nenhum cientista comprovou pessoas conseguirem ler pensamentos. E enquanto aos animais, o olfato e audição é que permitem saber quando o dono está chegando.

    “ok! mas não respondeu como descobriu que Deus não existe ? Foi pela vidência própria ?”
    Deus não existe porque não tem evidência de sua existência.

    “se religião é formada por crenças, voce tambem é um religioso que crê na inexistência divina, baseado na ignorância própria.”
    Não é possível crer em “inexistência” de algo. Você já está apelando igual aos crentes comuns. Quem fala que existe é que tem que prová-lo.

    “são os ateus quem afirmam que são produtos racionais vindos da irracionalidade,para voce isto tambem faz algum sentido ?”
    Então para você ser racional é acreditar que o ser humano foi criado de um boneco de barro assoprado há 5.000 anos atrás…

    Até agora você está usando o mesmo argumento comum dos religiosos: pedir a prova de inexistência de algo e nenhuma evidência para embasar suas afirmações.

  57. Paul Muadib:

    Algumas considerações para você:

    1) Os ateus não deveriam ter o mesmo ônus da prova que os teístas? Quem está em dúvida ou não tem evidências não deveria denominar-se simplesmente agnóstico?

    Afirmar a não existência de algo necessida de evidências da não existência do mesmo. Se eu afirmo que ETs não existem, eu tenho que ter evidências que ETs não existem, nao pode ser somente baseado em ‘não vi, não escutei, portanto não existem’.

    2) QUais as suas reservas sobre William Lane Craig? Você criticou-o no abstrato mas não disse onde ele erra.

    3) O método científico empírico é muito bom para mostrar o que ‘existe’, mas é totalmente inadequado para provar que algo ‘não existe’. Ele pode um dia provar que Deus existe, mas jamais vai conseguir provar que Deus não existe. Outra limitação do método é depender dos nossos 5 sentidos, quando é claro que o universo tem propriedades que nossos sentidos não podem notar.

    Quando eu estudei o átomo, o professor de “ciência” dizia que era um núcleo próton com elétrons girando ao redor do núcleo. Hoje sabemos que é muito mais complicado que isso. OU seja, mesmo qdo a ciência “demonstra” algo, ela mesmo se reforma e refuta o que no passado era inquestionável. Já sei que vão dizer que “isso é o que faz a ciência ser o máximo, sua capacidade de se desmentir”, mas isso refuta o fato de que suas conclusões não são certezas irrefutáveis.

  58. Andre, voce so esta se esquecendo de que afirmar que ETs existem e muito mais precipitado do que dizer categoricamente que nao existem. Que alias nao e o que eu faço em relaçao a um criador do Universo, basicamente eu apenas digo que nao acredito em criador do unvierso por nao haver provas… so isso! mostre-me tais provas e ai a coisa muda de figura (so nao me venha com essa coisa de deus papai noel que atende a pedidos e se importa com a humanidade porque essa nao cola de jeito nenhum)

  59. Paul

    “então esta afirmando ter tido uma origem irracional e isso resumi
    o simplismo do seu ateismo”

    Você então acha que sua versão de origem é racional enquanto o big bang e teoria da evolução de Darwin são irracionais ?

    se refre-se a minha teoria, do big bang e da evolução, todas são racionais, mas nenhuma delas aponta para a crença da sua origem irracional, isso não passa de uma prepotencia filial.

    “é comum pessoas afins conseguirem ler os pensamentos, até animais sentem quando seu donos estão chegando.”

    Até hoje nenhum cientista comprovou pessoas conseguirem ler pensamentos. E enquanto aos animais, o olfato e audição é que permitem saber quando o dono está chegando.

    então sou mais esperto que os ciêntistas pois ja comprovei isso pessoalmente e sei que é verdadeiro, quanto a telepatia dos animais, em uma experiência com cameras on-line foram refutados esses seus argumentos, pois separaram o dono e o cão por km e quando o dono levantou-se do banco da praça o cachorro correu e ficou parado em frente da porta de entrada do apartamento.

    “ok! mas não respondeu como descobriu que Deus não existe ? Foi pela vidência própria ?”

    Deus não existe porque não tem evidência de sua existência.

    Entendi! antes do microscópio não existiam os seres invisiveis, de fato sua ignorância continua limitando existências.

    “se religião é formada por crenças, voce tambem é um religioso que crê na inexistência divina, baseado na ignorância própria.”

    Não é possível crer em “inexistência” de algo. Você já está apelando igual aos crentes comuns. Quem fala que existe é que tem que prová-lo.

    Bom! se não tem certeza absoluta, então só pode ser fé em uma convicção.
    Mas se afirma ter certeza, então para ser reconhecido ciêntificamente deverá apresentar provas.

    “são os ateus quem afirmam que são produtos racionais vindos da irracionalidade,para voce isto tambem faz algum sentido ?”

    Então para você ser racional é acreditar que o ser humano foi criado de um boneco de barro assoprado há 5.000 anos atrás…

    Não é acreditar que o big bang, a evolução das espécies e a origem humana tem um principio inteligente Deus.

  60. Alyson

    so isso! mostre-me tais provas e ai a coisa muda de figura (so nao me venha com essa coisa de deus papai noel que atende a pedidos e se importa com a humanidade porque essa nao cola de jeito nenhum)

    http://religiaodeuslivre.wordpress.com/2010/08/29/ateu-o-homem-que-matou-o-papai-noel-inicio-i/

  61. É, mais um crente em deuses fictícios que não consegue provar nada…somente pura falácia.

  62. Alyson:

    voce so esta se esquecendo de que afirmar que ETs existem e muito mais precipitado do que dizer categoricamente que nao existem

    Eu diria que não necessariamente. Concordo que nossos 5 sentidos ou nenhum instrumento inventado pelo homem conseguiu captar algum som ou imagem de um ET. Mas por que meus 5 sentidos não comprovam, eu não posso usar isso como fundamento de que é mais precipitado dizer que existem do que não existem. É aí que entra a filosofia e os cálculos de probabilidades. Sem provas nenhuma, eu diria que baseado em probabilidade matemática, é mais “provável” que existam do que não existam. Mas respeito aqueles que não acreditam, pois é somente uma probabilidade.

    …em relaçao a um criador do Universo, basicamente eu apenas digo que nao acredito em criador do unvierso por nao haver provas…

    Acho defensável você dizer não “acredito” pois não há provas, ok, é como não acreditar em ETs. Eu diria que você é mais agnóstico que ateu. A minha crítica é contra aqueles que afirmam categoricamente que Deus não existe, avacalham com quem acredita e não tem NENHUMA evidência para apresentar.

  63. Marcos

    Na verdade, parte do pressuposto que a “natureza” é deus. Continua sendo um conceito sem validação lógica ou racional.

    Parto do pressuposto que”Deus é tudo”, se afirma que isso é irracional então afirma que também não tem razão alguma, ou seja copntinua afirmando ser um produto inteligente produzido por uma irracionalidade absoluta, se é que isto faz algum sentindo.

    o ateísmo que prega a inexistência fora de Deus é algo irracional.

    Nunca vi nenhum ateu pregando “a inexistência fora de deus”, já que só você consegue imaginar o que isso significa.

    Fazem isso ao se considerarem um produto da irracionalidade

    Ateus pregam que a razão é produto da matéria e desaparece com dissociação dela,mas partindo do principio que a essência material seja eterna ,a razão também será embora se apresentando em formas difrentes.

    A razão não tem que ser eterna só porque a matéria é eterna.
    Razão e matéria não são a mesma coisa.
    Razão é produto de mentes. Mentes são produtos de cérebros. Cérebros são feitos de matéria. A simples existência de matéria não implica na existência automática e imediata de cérebros.

    Digamos que por enquanto você esta com a razão, e ao perde-la totalmente , terá mais razão ainda .

    Imaginação tem tudo haver com a razão que limita nossas realidades.
    Imaginação se relaciona com a razão à medida que a razão avalia e verifica as

    hipóteses levantadas pela imaginação.
    Como suas hipóteses não encontram validade lógica, então ainda não saíram do nível imaginário para atingir a razão.
    Dessa forma, meu comentário de que “não vi razão alguma no seu deus” é válida.

    Mostre onde esta a falta de lógica no raciocínio, assim como estão acostumados a fazerem com o Deus bíblico ?

    Como eu disse, suas hipóteses ainda não saíram da imaginação para atingir o nível da razão nem ao ponto de se candidatarem a uma existência mais provável na realidade.

    Ok! É assim que a sua razão decide os limites da realidades, tudo aquilo que ignora não existe, faz sentindo pelo menos para você.

    Minha hipótese afirma que Deus é tudo, portanto eu posso me basear no todo para apresentar a Deus.

    Não. Não pode!
    Esse é o exemplo mais clássico de Petição de Princípio. É exatamente o argumento que apresentei em meu primeiro comentário e que você usa desde sempre.
    (1) Deus é tudo que existe;
    (2) “Tudo que existe” de fato existe;
    (3) Portanto, deus existe.
    É uma conclusão inválida pois parte de princípios inválidos.

    Se já percebeu que é uma conclusão errada, não deveria estar usando-a pelos outros, quem é aqui que esta afirmando que Deus existe ?

    A sua afirma que Deus é nada , você poderia me apresentar o nada ou partes dele ?

    Como eu disse, uma possível afirmação de que “deus é tudo que não existe” seria tão válida quanto à sua de que “deus é tudo que existe”.
    Ambas são completamente inválidas, por motivos óbvios já apresentados.

    Parabéns pela sua honestidade, diante dela veremos como fica sua razão:

    (1) Deus é o nada que existe;
    (2) “O nada que existe” de fato existe;
    (3) Portanto, deus não existe.
    É uma conclusão inválida pois parte de princípios inválidos.

    Sim eu diria que afirmar que Deus significa inexistência de razão, só terá alguma validade o dia que todos perderem suas razões, então Deus deixará de existir para elas.

  64. Marcos Kiyoji
    O seu ateísmo prega a não existência do ser, logo acredita que o nada seja algo real isto é totalmente irracional.

    Meu ateísmo não prega nada disso. Estes conceitos são seus e você quer força-los a serem meus. Trata-se de outra falácia, também conhecida como Espantalho.?

    Assuma que possui a fé ateísta que um dia sua razão passará a ser totalmente inexistente, ou então seja mais honesto assumindo-se um ser agnóstico com direito ao beneficio da duvida: “será que a nossa razão venho de uma maior, ou da falta da inexistência dela ?”

  65. Criaturo,

    Parto do pressuposto que”Deus é tudo”, se afirma que isso é irracional então afirma que também não tem razão alguma, ou seja copntinua afirmando ser um produto inteligente produzido por uma irracionalidade absoluta

    Exatamente. É o exemplo clássico da Petição de Princípio.
    Usar a conclusão para provar a própria conclusão.

    Digamos que por enquanto você esta com a razão, e ao perde-la totalmente , terá mais razão ainda

    Ao perder razão eu terei mais razão? Isso faz mesmo sentido pra você?
    (1) Queijo suíço é cheio de buracos
    (2) Quanto mais queijo, mais buracos
    (3) Cada buraco ocupa o lugar onde haveria queijo
    (4) Quanto mais buracos, menos queijo
    (5) De (2) e (4), temos: quanto mais queijo, menos queijo.

    Brilhante!

    Ok! É assim que a sua razão decide os limites da realidades, tudo aquilo que ignora não existe

    De que outra ferramenta dispomos para determinar os limites da realidade senão o uso da razão?
    Poderíamos estar neste exato momento conectados a uma “Matrix” vivendo uma realidade simulada e não poderíamos saber disso. Contudo, mesmo assim precisaríamos definir com o uso da razão o método para determinar o que é mais provavelmente verdadeiro e o que é mais provavelmente falso.
    Nestes termos, certeza absoluta é uma perda de tempo.

    Além disso, não se trata de não existir. A questão é que esta existência é tão irrelevante quanto indetectável. A sua imaginação, por si só, não torna nada real.
    O simples fato de você imaginar este deus, não o torna real nem “racionalmente” existente. Através da razão poderíamos buscar detectá-lo, mas isso ainda não foi demonstrado no texto.

    quem é aqui que esta afirmando que Deus existe?

    Não é disso que se trata o texto?
    Está me dizendo que o seu deus não existe?

    Partindo da sua premissa, até eu tenho certeza de que ele existe. Só não há evidências para corroborar a sua descrição dele como uma entidade pessoal.

  66. Criaturo,

    Assuma que possui a fé ateísta que um dia sua razão passará a ser totalmente inexistente

    O que quer dizer com “minha razão”? Fala da minha consciência?
    Sim. Quando eu morrer, todas as evidências aponta que minha consciência não mais existirá.
    O que isso tem a ver com a “não existência do ser”?

    , ou então seja mais honesto assumindo-se um ser agnóstico com direito ao beneficio da duvida: “será que a nossa razão venho de uma maior, ou da falta da inexistência dela ?”

    Minha posição é: As evidências disponíveis e descobertas até hoje pela humanidade apontam para o fato de que deus (qualquer que seja ele) quase que com certeza não existe.
    Este “quase” se dá pelo fato de deus não ser uma hipótese falseável e portanto não ser um assunto da ciência, não estando sujeita a provas ou contraprovas. Trata-se tão somente de honestidade semântica, pois em qualquer situação da vida prática fico bem à vontade em “agir” como se deus não existisse (assim como grande parte dos teístas).

    Eu, particularmente, me considero ateu. Mas, dê a isso o rótulo que quiser.

  67. criaturo

    Não havia nada essencialmente mal a respeito da árvore ou de seu fruto. É improvável que o fato de comer o fruto desse a Adão e Eva algum outro conhecimento. Foi o ato de desobediência que abriu os olhos de Adão e Eva para o mal. Seu pecado de desobediência a Deus trouxe o pecado e o mal .Comer o fruto, como um ato de desobediência contra Deus, foi o que deu a Adão e Eva o conhecimento do mal. (Gênesis 3:6-7: “E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela. Então foram abertos os olhos de ambos, e conheceram que estavam nus; e coseram folhas de figueira, e fizeram para si aventais.”)o fato de deus ter criado o homem a sua imagem e semelhança,não significa igual como sabemos os significados de cada uma dessas duas palavras,ou você não ler dicionario?,não distorce minhas palavras copiando minhas respostas pela metade em seus comentários,visando ibope para você.deus ele não é vaidoso,nem egoista e nem tão pouco injusto,deus não precisa de mim para ser deus,porque mesmo antes que eu nascesse e você nascesse ele já existia(E, respondendo ele, disse-lhes: Digo-vos que, se estes se calarem, as próprias pedras clamarão.
    Lucas 19:38-40),se eu me calar o meu deus não vai deixar de existi.(Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.
    Porque, vede, irmãos, a vossa vocação, que não são muitos os sábios segundo a carne, nem muitos os poderosos, nem muitos os nobres que são chamados.
    Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;
    1 Coríntios 1:25-27)de fato como eu esperava você não entendeu,pois está afogado de mais no seu mundo de geniosidade, por isso somos loucos e fracos,segundos os seus intelectos a palavra do senhor explica o que muitos de vocês pensam e dizem sobre os que nele crer,os lucros da igreja são para a igreja não para os bolsos dos pastores,a profecia no livro de ezequiel no cap.34 é bem clara.eu não posso rebaixar deus ao meu nivel,nem ao seu e nem ao de qualquer outra pessoa,isso é incapaz.graças a deus tenho a consciência de que não posso deixar de acreditar nele por causa da iniquidade do homem.um dia cada um de nós compareceremos diante dele,e até mesmo os grandes senhores do dinheiro,que rouba que estão se escondendo nas igrejas teram lugar no inferno,eu poderia sim ir pregar em um hospicio e nada me aconteceria pois a minha fé em deus não é absurda,para escarnece o seu santo nome como muitas pessoas estão a fazer sem um minimo de sabedoria e direção de deus,deus sabe quem é aqueles que o adoram em espirito e em verdade.bem eu quero deixar pra sua meditação zacarias cap.2 você não entendera agora,mais um dia abriram os seus os olhos.e me despeço de você pois o senhor me ensina em (salmos 1:1 BEM -AVENTURADO O VARÃO QUE NÃO ANDA SEGUNDO O CONSELHO DOS IMPIOS,NEM SE DETÉM NO CAMINHO DOS PECADORES,NEM SE ASSENTA NA RODA DOS ESCARNECEDORES)já falai o que tinha de falar para vocês agora partirei para outro grupo necessitado de cristo, orarei por todos,amém

  68. Marcos

  69. Marcos

    Digamos que por enquanto você esta com a razão, e ao perde-la totalmente , terá mais razão ainda

    Ao perder razão eu terei mais razão? Isso faz mesmo sentido pra você?

    Sim , pois acredita que a morte confirma a perda da razão

    Ok! É assim que a sua razão decide os limites da realidades, tudo aquilo que ignora não existe

    De que outra ferramenta dispomos para determinar os limites da realidade senão o uso da razão?

    Nossa razão é o resumo dos nossos sentidos, logo é imprecisa quando limita a realidade.

    Poderíamos estar neste exato momento conectados a uma “Matrix” vivendo uma realidade simulada e não poderíamos saber disso. Contudo, mesmo assim precisaríamos definir com o uso da razão o método para determinar o que é mais provavelmente verdadeiro e o que é mais provavelmente falso.
    Nestes termos, certeza absoluta é uma perda de tempo.

    Vou entender isso como seu agnosticismo assumido.

    Além disso, não se trata de não existir. A questão é que esta existência é tão irrelevante quanto indetectável. A sua imaginação, por si só, não torna nada real.

    Como se atreve a querer falar do que ainda ignora?
    Embora voce não possa detectar aminha imaginação é algo bem real dentro da minha razão, alias a super – interessante, apresenta uma experiência onde a região do cérebro de uma pessoas sob hipnose cria a cor sugestionada, ignorando a cor real.
    Ou seja o que é real aquilo que os seus sentidos informam ao seu cérebro, ou o que seu cérebro cria dentro da sua razão ?
    Realidades são ondas emitidas por razões conscientes que funcionam como emissores e receptores de realidades.

    O simples fato de você imaginar este deus, não o torna real nem “racionalmente” existente. Através da razão poderíamos buscar detectá-lo, mas isso ainda não foi demonstrado no texto.

    quem é aqui que esta afirmando que Deus existe? O que o deus que eu apresento, exista?
    A maior Consciência Deus não esta ai para ser provada e sim apenas sentida, se voce não consegue senti-lo, “eu sinto muito”, mas querer usar a matéria para senti-lo é impossível, para isso ele manifestou sua parte do deus mecânico, voce terá que se contentar em poder manipula-lo e tambem ser manipulado por ele, na lei de ação e reação.

    Não é disso que se trata o texto?
    Está me dizendo que o seu deus não existe?
    Partindo da sua premissa, até eu tenho certeza de que ele existe. Só não há evidências para corroborar a sua descrição dele como uma entidade pessoal.

    A intenção do texto é apresentar um deus mais racional, que apresenta explicações mais aceitáveis para criação humana, sofrimentos, liberdade, moralidade, mas nada disto voce conseguiu questionar racionalmente, apenas limitou-se a afirmar que deus não pode ser tudo, nem um principio inteligente existente, pelo contrario só poder ser fruto da imaginação .
    Se pelo menos acreditasse que podemos ser os frutos inteligentes da imaginação divina….
    Se voce me dissesse que deus é o bule voador que habita as orbitas dos planetas, racionalmente eu poderia tentar te convencer ao contrario.

    Assuma que possui a fé ateísta que um dia sua razão passará a ser totalmente inexistente

    O que quer dizer com “minha razão”? Fala da minha consciência?
    Sim. Quando eu morrer, todas as evidências aponta que minha consciência não mais existirá.
    O que isso tem a ver com a “não existência do ser”?

    Sem consciência sem razão, porem duvido que estejam atreladas ao cérebro.
    Você é sua consciência sem ela voce deixa de ser.
    Toda a sua falta de evidências não pode limitar as evidências aleias a sua vontade.

  70. Marcos
    Eu, particularmente, me considero ateu. Mas, dê a isso o rótulo que quiser.

    por que os ateus possuem dificuldades em deixar transparecer uma natural duvida,mas o seu “quase” ja deixou bem transparente sua duvida.

  71. Criaturo,

    Sim , pois acredita que a morte confirma a perda da razão

    Não há indícios de consciência em um cérebro morto.
    O que uma coisa tem a ver com a outra?

    Nossa razão é o resumo dos nossos sentidos, logo é imprecisa quando limita a realidade.

    E daí?
    Repito a pergunta. De que outras ferramentas dispomos para determinar os limites da realidade senão o uso da razão?

    Vou entender isso como seu agnosticismo assumido.

    Assumido não. Rótulo imposto por você.
    Nossos conceitos são bem diferentes.

    Como se atreve a querer falar do que ainda ignora?

    O que é que eu ignoro?
    Você redigiu um texto inteiro sobre um deus que você apenas imagina e por imaginar esse deus já assume que ele existe.
    Tudo o que você disse é apenas (e assumidamente) sua imaginação e eu tenho que acreditar nisso?

    Embora voce não possa detectar aminha imaginação é algo bem real dentro da minha razão

    Seu conceito de razão me parece meio deturpado. Eu não vi um único elemento racional ou lógico em todo o seu texto e nem nos comentários.
    O pensamento de que a imaginação pura pode gerar a existência real de alguma coisa não é um pensamento racional.

    alias a super – interessante, apresenta uma experiência onde a região do cérebro de uma pessoas sob hipnose cria a cor sugestionada, ignorando a cor real.

    Pelo que entendi, o artigo apresenta uma pessoa que é hipnotizada para olhar para uma cor e enxergar outra cor diferente no lugar.
    É exatamente disso que estou falando. A pessoa hipnotizada “acha” que está vendo verde quando a cor “real” mostrada é amarela (por exemplo). A imaginação da pessoa hipnotizada não faz a cor “real” amarela se transformar de fato em verde.

    Ou seja o que é real aquilo que os seus sentidos informam ao seu cérebro, ou o que seu cérebro cria dentro da sua razão ?

    Nem um nem outro. Os sentidos captam as impressões externas e o cérebro as interpreta. Mas pode haver falha em ambos.

    Um daltônico é informado pelo seu sentido da visão que ele está enxergando preto, pois é desta forma que o seu cérebro está interpretando o sinal elétrico. Ele provavelmente nunca vai conhecer o que é a cor vermelha, mas isso não faz ela deixar de existir para o restante da humanidade.

    O que é mais provavelmente verdadeiro ou falso pode ser mais precisamente detectado através de uma metodologia que possa testar as informações. Dentro da ciência ele é chamado de método científico, mas na vida prática das pessoas pode ser aplicado simplificadamente como sendo apenas ceticismo.

    Realidades são ondas emitidas por razões conscientes que funcionam como emissores e receptores de realidades.

    Realidades não são estas abstrações que você inventou.
    A realidade existe por si só e pronto. O que pode mudar é a nossa percepção dela, dependendo das nossa deficiências ou habilidades naturais.
    É aí que entra a razão. Para podermos avaliar se podemos confiar em nossos sentidos em cada caso.

    A maior Consciência Deus não esta ai para ser provada e sim apenas sentida, se voce não consegue senti-lo, “eu sinto muito”

    É necessário algum tipo de iluminação ou revelação pessoal para sentí-lo?
    Então não vejo o propósito de se escrever um texto a esse respeito, pois o uso da razão não é eficaz para detectar este deus, já que ele ainda está restrito à sua imaginação.

    A intenção do texto é apresentar um deus mais racional, que apresenta explicações mais aceitáveis para criação humana, sofrimentos, liberdade, moralidade, mas nada disto voce conseguiu questionar racionalmente

    Demonstrei seguidas vezes que o seu deus não é racional, pois se baseia em uma petição de princípio.
    Você é que está confundindo imaginação com racionalidade achando que são a mesma coisa.

    apenas limitou-se a afirmar que deus não pode ser tudo

    Eu não disse isso. Deus pode sim ser “tudo que existe”.
    Eu só disse que este é um conceito só seu e que se você quiser utilizar esta premissa alegando ser um pensamento “racional” esta premissa precisa ser validada logicamente. Isso não aconteceu no seu texto.

    Se pelo menos acreditasse que podemos ser os frutos inteligentes da imaginação divina….

    Pode ser que sim.
    Pode ser também que estejamos em uma realidade simulada por computador em uma “Matrix”.
    Mas nenhuma destas possibilidades são verificáveis e portanto são afirmações irrelevantes e que não merecem atenção.

    Se voce me dissesse que deus é o bule voador que habita as orbitas dos planetas, racionalmente eu poderia tentar te convencer ao contrario.

    E você teria grandes chances de ser bem sucedido em me dissuadir desta idéia.
    A não ser que eu começasse eu a fazer alegações absurdas do tipo “O bule é invisível”, “O bule não é material”, “O bule não é rastreável pelos aparelhos científicos”, “O bule é oniscoisente”. Mas aí ia ficar parecendo que eu estou te pregando uma peça.
    Isso não te parece familiar? Ring a bell?

    Sem consciência sem razão, porem duvido que estejam atreladas ao cérebro.

    O método científico aplicado a este assunto demonstra que a mente/consciência/razão é produto de um cérebro (físico).
    Assumir o contrário é pura fé e não tem nada de racional.

    Você é sua consciência sem ela voce deixa de ser.

    Não sei se entendi bem o que você quis dizer com “ser”.
    Sem a sua mente você perde a sua identidade, ou seja, a sua personalidade deixa de existir. Mas você continua existindo fisicamente, sendo apenas transformado pelos processos microbiológicos.

    Toda a sua falta de evidências não pode limitar as evidências aleias a sua vontade.

    A falta de evidências só limita o meu interesse pelo assunto.
    Imagine ter que provar que deus existe e depois ter que estudar todos os outros deuses já propostos pela humanidade para descobrir quantos e quais deles realmente existem para não correr o risco de desagradá-los.
    Depois disso tudo vou ter que estudar ufologia para descobrir quais ET’s existem mesmo e quais são bonzinhos e quais são os maus, para o caso de algum contato imediato.
    Aí vou ter que estudar para detectar a existência de lobisomens, vampiros e mulas-sem-cabeça para poder evitar situações de risco com estas criaturas.

    Resumindo: Aquilo que não possui evidências (indícios) confiáveis, não merece atenção.

  72. Criaturo,

    por que os ateus possuem dificuldades em deixar transparecer uma natural duvida,mas o seu “quase” ja deixou bem transparente sua duvida.
    Deixei bem claro o propósito deste quase. Se você prefere ignorar, tudo bem. Não estou surpreso.

    Fique com seu deus.

  73. Olá, Criaturo.
    Perdão por me intrometer no seu diálogo com o Marcos, mas creio que este explicou no parágrafo anterior ao que você postou o porquê do uso do “quase”.

  74. Elizabete

    como foi seu carnaval no Espirito Santo, deu para aproveitar tambem uma bela praia?

    Não havia nada essencialmente mal a respeito da árvore ou de seu fruto. É improvável que o fato de comer o fruto desse a Adão e Eva algum outro conhecimento. Foi o ato de desobediência que abriu os olhos de Adão e Eva para o mal.

    Se antes do conhecimento ,eram inocentes só passaram a ter cosnciência da culpa após terem comido da fruta proibida, isto seria tão justo quanto ao homem julgar e condenar animais por nos desobedecer.
    Se a intenção de Deus era de manter nossa cosnciência atrofiada, por que pois a o conhecimento a disposição, uma desculpa para nos castigar depois ?

    Seu pecado de desobediência a Deus trouxe o pecado e o mal .Comer o fruto, como um ato de desobediência contra Deus, foi o que deu a Adão e Eva o conhecimento do mal.

    Se Deus não admite ser contrariado, então porque permite isso ? por puro masoquismo, ou para depois nos castigar por puro sadismo ?
    Se Deus nos deu a liberdade para poder contraria-lo, então por que nos castigaria por estar usufluindo de uma permissão dada por ele?
    Ou na verdade a unica liberdade que temos é fazermos a vontade divina ?

    deus ele não é vaidoso,nem egoista e nem tão pouco injusto,deus não precisa de mim para ser deus,porque mesmo antes que eu nascesse e você nascesse ele já existia

    voce disse que o seu deus necessitava que saisse pregando, o deus de moises disse aos fariseus que eles deveriam sair apedrejando e pregando , Jesus numa cruz.
    Disse que o seu deus era zeloso ao ponto de necessitar ser amado sob todas as coisas.
    que deus se agrada do cheiro de um bom churrasco!
    Que manda matar e roubar no nome dele,o deus dos exercitos hebreus e as suas guerras “santas”, tudo haver com gente ignorante e de má indole.

    Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.

    em Deus ha loucuras ? só se for a dos milhares de evangélicos fanaticos que ocupam a maioria dos hospicios!

    Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;

    Santa confusão! Elizabete! este deve ser o deus dos nós cegos!
    este mundo de loucos foi criado por quem?

    de fato como eu esperava você não entendeu,pois está afogado de mais no seu mundo de geniosidade

    negativo! voce que afrimou ser mais genia do que eu, alias ainda estou aguardando pela oportunidade de lhe fazer meu tres desejos…….

    os lucros da igreja são para a igreja não para os bolsos dos pastores

    pesquise e veras que os pastores que comem a carne das suas voelhas properam e engordam bem mais do que elas.

    ,

    a profecia no livro de ezequiel no cap.34 é bem clara.eu não posso rebaixar deus ao meu nivel,nem ao seu e nem ao de qualquer outra pessoa

    estude o AT e se tiver algum discernimento conseguirá perceber la homens falando em nome de deus, rebaixando-o ao nivel do irracional, e depois de 4000 anos ainda tem gente pregando essa mentiras tambem em nome de deus, pensando estar sendo util a Deus.

    e até mesmo os grandes senhores do dinheiro,que rouba que estão se escondendo nas igrejas teram lugar no inferno,eu poderia sim ir pregar em um hospicio e nada me aconteceria pois a minha fé em deus não é absurda,para escarnece o seu santo nome como muitas pessoas estão a fazer sem um minimo de sabedoria e direção de deus,deus sabe quem é aqueles que o adoram em espirito

    pastores não roubam, apenas aceitam doações de ovelhas, que por sua vez barganham um lugarzinho no céu, como agitotas da fé dão 1 e esperam receber de Deus 10, a fé é um bom negócio.
    No final das contas tudo que entra no bolso do pastor é lucro.
    Quanto ao ir pregar, la o bicho pega se voce se empolgar muito nas pregações poderá ficar por la mesmo.

    verdade.bem eu quero deixar pra sua meditação zacarias cap.2 você ão entendera agora,mais um dia abriram os seus os olhos.e me despeço de você pois o senhor me ensina em (salmos 1:1 BEM -AVENTURADO O VARÃO QUE NÃO ANDA SEGUNDO O CONSELHO DOS IMPIOS,NEM SE DETÉM NO CAMINHO DOS PECADORES,NEM SE ASSENTA NA RODA DOS ESCARNECEDORES)já falai o que tinha de falar para vocês agora partirei para outro grupo necessitado de cristo, orarei por todos,amém

    Não va Santa Elizabete, não nos prive da sua luz, ja esqueceu que : “são os doentes que mais precisam de médicos ” ainda não aprendeu a procurar por ovelhas perdidas?
    o que sera de mim um pobre Criaturo de Deus?
    buaááá….desalmada….buaááááá

  75. Olá, Criaturo.
    Perdão por me intrometer no seu diálogo com o Marcos, mas creio que este explicou no parágrafo anterior ao que você postou o porquê do uso do “quase”.

    Tranquilo Leandro, eu respeito a opinião dele tanto quanto a sua!

  76. Agradeço.

  77. Marcos

    Sim , pois acredita que a morte confirma a perda da razão

    Não há indícios de consciência em um cérebro morto.
    O que uma coisa tem a ver com a outra?

    voce acredita que a morte anulará sua cosnciência, a ironia é que se estiver certo nunca ficará sabendo, se estiver errado ficará surpreso e ao mesmo tempo decepcionado por ter se equivocado quanto sua cosnciência ser apenas material.

    Nossa razão é o resumo dos nossos sentidos, logo é imprecisa quando limita a realidade.

    E daí?
    Repito a pergunta. De que outras ferramentas dispomos para determinar os limites da realidade senão o uso da razão?

    a intuição, ou então fazendo uso da razão existente fora da materia.

    Vou entender isso como seu agnosticismo assumido.

    Assumido não. Rótulo imposto por você.
    Nossos conceitos são bem diferentes.

    agnósticos não afirmam existência ou inexitências dibinas por falta de provas, os considero mais honestos e menos arrogantes do que os ateus radicais.

    Como se atreve a querer falar do que ainda ignora?

    O que é que eu ignoro?
    Você redigiu um texto inteiro sobre um deus que você apenas imagina e por imaginar esse deus já assume que ele existe.
    Tudo o que você disse é apenas (e assumidamente) sua imaginação e eu tenho que acreditar nisso? Além disso, não se trata de não existir. A questão é que esta existência é tão irrelevante quanto indetectável. A sua imaginação, por si só, não torna nada real.

    Se desconhece Deus, não sabe como ele é nem como age, como pode afirmar que ele é irrelevante na sua vida? E se eu estiver certo o deus mecanico for tambem o ar que tu respiras? Deus não é indectável e sim aindaé ignorado por uma minoria.

    Embora voce não possa detectar aminha imaginação é algo bem real dentro da minha razão

    Seu conceito de razão me parece meio deturpado. Eu não vi um único elemento racional ou lógico em todo o seu texto e nem nos comentários.
    O pensamento de que a imaginação pura pode gerar a existência real de alguma coisa não é um pensamento racional.

    A vontade que impusiona e da forma a realidade material, nasce dos pensamentos.
    a unica coisa que voce conseguiu argumentar até agora é que: “Deus não pode ser tudo, pois ele não existe” mas o que esperar do ateismo ,nada alem deste “tradicional” simplismo.

    alias a super – interessante, apresenta uma experiência onde a região do cérebro de uma pessoas sob hipnose cria a cor sugestionada, ignorando a cor real.

    Pelo que entendi, o artigo apresenta uma pessoa que é hipnotizada para olhar para uma cor e enxergar outra cor diferente no lugar.
    É exatamente disso que estou falando. A pessoa hipnotizada “acha” que está vendo verde quando a cor “real” mostrada é amarela (por exemplo). A imaginação da pessoa hipnotizada não faz a cor “real” amarela se transformar de fato em verde.

    A pessoa não acha que esta vendo a cor errada a tomografia computadorizada mostra que o cerebro cria na sua parte correspondente a cor sugestionada e não a cor real enxergada.

    Ou seja o que é real aquilo que os seus sentidos informam ao seu cérebro, ou o que seu cérebro cria dentro da sua razão ?

    Nem um nem outro. Os sentidos captam as impressões externas e o cérebro as interpreta. Mas pode haver falha em ambos.
    Um daltônico é informado pelo seu sentido da visão que ele está enxergando preto, pois é desta forma que o seu cérebro está interpretando o sinal elétrico. Ele provavelmente nunca vai conhecer o que é a cor vermelha, mas isso não faz ela deixar de existir para o restante da humanidade.

    ok ! interpretações dos sentidos é a consciência racional,mas existe a intuição que dispensao raciocinio da consciência material.
    uma intuição desenvolvida torna-se muito mais agil do que o raciocinio puro.

    O que é mais provavelmente verdadeiro ou falso pode ser mais precisamente detectado através de uma metodologia que possa testar as informações. Dentro da ciência ele é chamado de método científico, mas na vida prática das pessoas pode ser aplicado simplificadamente como sendo apenas ceticismo.

    Realidades são ondas emitidas por razões conscientes que funcionam como emissores e receptores de realidades.

    Realidades não são estas abstrações que você inventou.
    A realidade existe por si só e pronto. O que pode mudar é a nossa percepção dela, dependendo das nossa deficiências ou habilidades naturais.
    É aí que entra a razão. Para podermos avaliar se podemos confiar em nossos sentidos em cada caso.

    realidades consciêntes, só podem existir para cosnciências existentes .
    logo sem consciência sem existência.
    Ou voce acredita em realidades inconscientes ?

    A maior Consciência Deus não esta ai para ser provada e sim apenas sentida, se voce não consegue senti-lo, “eu sinto muito”

    É necessário algum tipo de iluminação ou revelação pessoal para sentí-lo?
    Então não vejo o propósito de se escrever um texto a esse respeito, pois o uso da razão não é eficaz para detectar este deus, já que ele ainda está restrito à sua imaginação.

    certo, voce esta dentro da sua razão,mas concorda que ela seja limitada ?

    A intenção do texto é apresentar um deus mais racional, que apresenta explicações mais aceitáveis para criação humana, sofrimentos, liberdade, moralidade, mas nada disto voce conseguiu questionar racionalmente

    Demonstrei seguidas vezes que o seu deus não é racional, pois se baseia em uma petição de princípio.
    Você é que está confundindo imaginação com racionalidade achando que são a mesma coisa

    .
    irracional que dizer ilógico, voce não justificou porque Deus não pode ser o todo ?

    Eu não disse isso. Deus pode sim ser “tudo que existe”.
    Eu só disse que este é um conceito só seu e que se você quiser utilizar esta premissa alegando ser um pensamento “racional” esta premissa precisa ser validada logicamente. Isso não aconteceu no seu texto.

    naõ entendi, se concorda que Deus pode ser tudo, como este conceito é só meu ?
    Se não pode ser validada logicamente , pode sim ser refutada racionalmente, ainda estou aguardando por isso.

    Se pelo menos acreditasse que podemos ser os frutos inteligentes da imaginação divina….

    Pode ser que sim.
    Pode ser também que estejamos em uma realidade simulada por computador em uma “Matrix”.
    Mas nenhuma destas possibilidades são verificáveis e portanto são afirmações irrelevantes e que não merecem atenção.

    assim tambem deveria ser antes do microscópio

    Se voce me dissesse que deus é o bule voador que habita as orbitas dos planetas, racionalmente eu poderia tentar te convencer ao contrario.

    E você teria grandes chances de ser bem sucedido em me dissuadir desta idéia.
    A não ser que eu começasse eu a fazer alegações absurdas do tipo “O bule é invisível”, “O bule não é material”, “O bule não é rastreável pelos aparelhos científicos”, “O bule é oniscoisente”. Mas aí ia ficar parecendo que eu estou te pregando uma peça.
    Isso não te parece familiar? Ring a bell?

    no meu caso eu estou te apresentando um deus bem visivel voce que se recusa aceita-lo, prove com argumentos que ele é irracional?

    Sem consciência sem razão, porem duvido que estejam atreladas ao cérebro.

    O método científico aplicado a este assunto demonstra que a mente/consciência/razão é produto de um cérebro (físico).
    Assumir o contrário é pura fé e não tem nada de racional.

    a dificuldade em tomar ciência das cosnciências existêntes fora da materias, é que elas não se sujeitam a vontades de consciências dentro da materia, por isso só se manifestam quando desejame não adianta ficar pedindo “bis”.

    Você é sua consciência sem ela voce deixa de ser.

    Não sei se entendi bem o que você quis dizer com “ser”.
    Sem a sua mente você perde a sua identidade, ou seja, a sua personalidade deixa de existir. Mas você continua existindo fisicamente, sendo apenas transformado pelos processos microbiológicos.

    exato! ser possue vontade própria, o apenas existente não!

    Toda a sua falta de evidências não pode limitar as evidências alheias a sua vontade.

    A falta de evidências só limita o meu interesse pelo assunto.

    me engana que eu gosto.

    Resumindo: Aquilo que não possui evidências (indícios) confiáveis, não merece atenção.

    E continua tendo razão, embora limitada pela sua ignorância.

  78. Marcos
    voce acredita que Deus não exista não por possuir alguma evidência que comprove esta sua crença e sim por não ter nenhuma evidência que a comprove.

  79. Criaturo,

    a ironia é que se estiver certo nunca ficará sabendo, se estiver errado ficará surpreso e ao mesmo tempo decepcionado por ter se equivocado quanto sua cosnciência ser apenas material.

    Surpreso sim. Decepcionado não.

    a intuição, ou então fazendo uso da razão existente fora da materia.

    A intuição é uma das piores (se não a pior) ferramentas para se determinar a verdade.
    E que razão é esta existente fora da matéria?

    agnósticos não afirmam existência ou inexitências dibinas por falta de provas, os considero mais honestos e menos arrogantes do que os ateus radicais.

    Como eu disse, temos conceitos diferentes.
    Agnóstico é aquele que não tem opinião formada sobre o assunto (apesar de, na maior parte do tempo, se comportar como um ateu na sua vida prática). O agnóstico é irrelevante para qualquer discussão.

    Eu enxergo como ateu qualquer pessoa que assume uma posição negativa sobre a crença em deus baseada nas evidências de que dispõe, mesmo sabendo que não há provas definitivas de nenhuma parte.

    Se desconhece Deus, não sabe como ele é nem como age, como pode afirmar que ele é irrelevante na sua vida?

    Minha vida toda eu vivi e tomei minhas decisões sem considerar a ajuda, intervenção ou sequer a existência dele e tenho me saído bem sem ele até agora. Portanto é irrelevante.
    Há a possibilidade de eu sair na rua e ser atingido na cabeça por um parafuso que cair de algum avião. Devo sair na rua de capacete o tempo todo? E olha que a possibilidade do parafuso é bem mais provável que a da existência de deus.

    Além disso, já que você conhece deus mais do que eu, me fale sobre a sua experiência de revelação pessoal. Se ela me parecer plausível posso considerar uma investigação mais profunda, mas nada no seu texto me instigou sequer a considerar a relevância disso.

    E se eu estiver certo o deus mecanico for tambem o ar que tu respiras? Deus não é indectável e sim aindaé ignorado por uma minoria.

    Em se tratando do “seu” deus, acho que ele ainda é ignorado pela maioria.

    A vontade que impusiona e da forma a realidade material, nasce dos pensamentos.

    Não há nem a mais remota evidência disto, portanto a inferência é inválida.

    A pessoa não acha que esta vendo a cor errada a tomografia computadorizada mostra que o cerebro cria na sua parte correspondente a cor sugestionada e não a cor real enxergada.

    Que seja. Não faz diferença para o argumento.
    O fato é que a percepção equivocada da pessoa hipnotizada não faz a cor “real” do objeto mudar. O objeto vai continuar refletindo a mesma frequência de luz, independente da percepção humana. Isto sim é “realidade”.

    ok ! interpretações dos sentidos é a consciência racional,mas existe a intuição que dispensao raciocinio da consciência material.

    Nenhuma intuição dispensa o raciocínio. Intuições se mostram erradas o tempo todo, mas as pessoas só dão importância quando intuições são confirmadas posteriormente pelo raciocínio.

    uma intuição desenvolvida torna-se muito mais agil do que o raciocinio puro.

    O fundamento da intuição é o pensamento preconceituoso (no sentido não pejorativo), e é por isso que ela erra tanto.

    realidades consciêntes, só podem existir para cosnciências existentes .
    logo sem consciência sem existência.
    Ou voce acredita em realidades inconscientes ?

    Realidades conscientes? Do que é que você está falando?
    Realidade e consciência são coisas completamente diferentes.

    certo, voce esta dentro da sua razão,mas concorda que ela seja limitada ?

    A razão é limitada, mas é a melhor (se não a única) ferramenta que temos para analisar o mundo que nos cerca.

    irracional que dizer ilógico, voce não justificou porque Deus não pode ser o todo ?

    Respondi no último comentário.
    Deus pode sim ser “o todo”, mas é um conceito só seu. Se quiser dar um status racional a esse deus, você deve primeiramente validar logicamente esta premissa.
    A visão de que deus é tudo que existe é uma visão panteísta. É necessário evidenciar que o universo tem uma consciência, uma pessoalidade. E isso o texto não fez.

    naõ entendi, se concorda que Deus pode ser tudo, como este conceito é só meu ?

    Concordo que pode ser para você. Você pode inventar os conceitos que quiser para adorar particularmente esse deus que é só seu.
    Mas se afirma que este deus é racional, a premissa deve ser validada anteriormente.

    Se não pode ser validada logicamente , pode sim ser refutada racionalmente, ainda estou aguardando por isso.

    Já cansei de fazer isso.
    Não tem validade lógica porque é petição de princípio.

    ssim tambem deveria ser antes do microscópio

    O microscópio justamente nos permite a verificação, coisa que o seu deus não permite sob nenhuma hipótese ou condição.

    no meu caso eu estou te apresentando um deus bem visivel voce que se recusa aceita-lo, prove com argumentos que ele é irracional?

    A única coisa visível no seu deus é a tal parte mecânica, mas nisto ele não se diferencia em nada do mundo natural material e portanto não há como verificar a veracidade das suas alegações.

    É irracional justamente por criar conceitos próprios para tentar demonstrar algo, mas sempre gera uma petição de princípio (invalidade lógica).

    a dificuldade em tomar ciência das cosnciências existêntes fora da materias, é que elas não se sujeitam a vontades de consciências dentro da materia, por isso só se manifestam quando desejame não adianta ficar pedindo “bis”.

    Era disso que eu estava falando.
    Faz uma alegação e não fornece evidências porque as evidências se manifestam só quando desejam. Ou seja, “não há como verificar nada do que eu digo mas pode acreditar em mim.”

    exato! ser possue vontade própria, o apenas existente não!

    E daí? Qual é o ponto?

  80. Criaturo,

    Voce acredita que Deus não exista não por possuir alguma evidência que comprove esta sua crença e sim por não ter nenhuma evidência que a comprove.

    Errado.
    Segui e continuo seguindo vários indícios de que deus é uma farsa.
    Eu já te mostrei alguns destes indícios.

  81. Marcos

    Surpreso sim. Decepcionado não.

    Ótimo, esperança é o inicio da fé!
    Se não possui evidências pos e contra, porque optou pelo pessimismo da inexistência?
    a intuição, ou então fazendo uso da razão existente fora da matéria.

    A intuição é uma das piores (se não a pior) ferramentas para se determinar a verdade.
    que razão é esta existente fora da matéria?

    seres inteligentes , espíritos desencarnados você pode não ver mais eles estão por ai, agindo bem ou mal na sua vida.
    Idealize o leque de possibilidades, se pudermos captar os pensamentos deles?
    Quando você diz ser o responsável pela sua vida é no tocante a decisões finais, mas não pense que todos os seus pensamentos sejam de fato seus mesmos o que não falta neste e nos outros mundo , são pessoas querendo tomar conta da vida alheia.
    Imagine se cultivar amigos invisíveis se eles não influenciarão outras pessoas para te ajudar, da mesma forma inimigos espirituais poderão atiçar pessoas contra você.
    Considerando a existência de seres inteligentes agindo fora da matéria, sua vida na terra pode ter sido pré programada, desde o nascimento família, saúde, inteligência , aptidões, riquezas neste sentido orgulho próprio se tornar pura arrogância de se achar um filho da irracionalidade desamparado por um mero acaso.

    Eu enxergo como ateu qualquer pessoa que assume uma posição negativa sobre a crença em deus baseada nas evidências de que dispõe, mesmo sabendo que não há provas definitivas de nenhuma parte.

    E considera algo positivo se dizer um filho da irracionalidade, quando a natureza das coisas evidência uma inteligência bem superior a humana?

    Se desconhece Deus, não sabe como ele é nem como age, como pode afirmar que ele é irrelevante na sua vida?

    Minha vida toda eu vivi e tomei minhas decisões sem considerar a ajuda, intervenção ou sequer a existência dele e tenho me saído bem sem ele até agora. Portanto é irrelevante.

    Como já disse , creio que você esta equivocado a este respeito.

    Há a possibilidade de eu sair na rua e ser atingido na cabeça por um parafuso que cair de algum avião. Devo sair na rua de capacete o tempo todo? E olha que a possibilidade do parafuso é bem mais provável que a da existência de deus.

    Esta sua falta de evidências esta desenvolvendo sua vidência

    Além disso, já que você conhece deus mais do que eu, me fale sobre a sua experiência de revelação pessoal. Se ela me parecer plausível posso considerar uma investigação mais profunda, mas nada no seu texto me instigou sequer a considerar a relevância disso.

    Ta maluco? A intenção do texto não é transformar ateus em crentes , já que a vida e a morte se encarregarão disso, alem do mais você esta indo bem como ateu, continue assim que eu preciso de mais ateus para exercitarem a minha fé , obrigado e volte sempre!

    E se eu estiver certo o deus mecânico for também o ar que tu respiras? Deus não é indetectável e sim ignorado por uma minoria.

    Em se tratando do “seu” deus, acho que ele ainda é ignorado pela maioria.

    he…he…he…he…he…he……..vou considerar isto como um elogio.

    A vontade que impulsiona e da forma a realidade material, nasce dos pensamentos.

    Não há nem a mais remota evidência disto, portanto a inferência é inválida.

    Refiro-me a invenções humanas

    A pessoa não acha que esta vendo a cor errada a tomografia computadorizada mostra que o cerebro cria na sua parte correspondente a cor sugestionada e não a cor real enxergada.

    Que seja. Não faz diferença para o argumento.
    O fato é que a percepção equivocada da pessoa hipnotizada não faz a cor “real” do objeto mudar. O objeto vai continuar refletindo a mesma frequência de luz, independente da percepção humana. Isto sim é “realidade”.

    Há controvérsias!
    Aqui existe o relativismo das consciências x realidades, ou seja assim como a consciência da pessoa não altera a realidade vista por consciências externas a realidade destas, também não podem alterar a realidade dela.
    Ou seja como já disse a realidade é relativa a sintonia que a consciência apresenta no momento, assim é que duas pessoas podem estar presente em um mesmo local e as suas consciências sintonizadas em mundos diferentes.
    Quando Jesus ensinou que o reino dos céus não possui visível aparência, pois ele esta dentro de nós, acho que esta se referindo a mais ou menos esta minha visão.
    Como a Matrix consciências humanas estavam sintonizadas em programas diferentes de vidas, que só podiam ser observadas por consciências sintonizadas em realidades externas..
    A ironia do filme é que a maquinas passaram a ser deuses dos homens, este filme possui uma visão bem espiritualizada, no projeto original da Matrix as maquinas idealizaram um mundo perfeito para os humano sem nenhum sofrimento, logicamente não deu certo ,pois começaram a morrer de tédio , exatamente como eu defendo haver uma lógica na existência do sofrimento que também mantêm a vida.

    Nenhuma intuição dispensa o raciocínio. Intuições se mostram erradas o tempo todo, mas as pessoas só dão importância quando intuições são confirmadas posteriormente pelo raciocínio.

    Se foram confirmadas não podem estar erradas.
    A intuição da respostas sem a necessidade de raciocinar, o raciocínio só é usado para confirmar a razão da intuição.
    A intuição nada mais é do que a pratica de captarmos através de pensamentos , razões externas doadas por seres desencarnados, como em pacotes de programas prontos ,não há mais necessidade de raciocinar, basta processá-los mecanicamente a velocidade da luz.

    uma intuição desenvolvida torna-se muito mais agil do que o raciocinio puro.

    O fundamento da intuição é o pensamento preconceituoso (no sentido não pejorativo), e é por isso que ela erra tanto.

    Telepatia atrofiada por falta de exercícios.

    realidades conscientes, só podem existir para consciências existentes .
    logo sem consciência sem existência.
    Ou você acredita em realidades inconscientes ?

    Realidades conscientes? Do que é que você está falando?
    Realidade e consciência são coisas completamente diferentes.

    Sem consciência sem realidades, algo só pode existir para alguém, só acreditarei diferente, se me apresentar alguma inconsciência afirmando haver existência de alguma realidade.

    certo, voce esta dentro da sua razão,mas concorda que ela seja limitada ?

    A razão é limitada, mas é a melhor (se não a única) ferramenta que temos para analisar o mundo que nos cerca.

    A intuição desenvolve a razão

    irracional que dizer ilógico, voce não justificou porque Deus não pode ser o todo ?

    Respondi no último comentário.
    Deus pode sim ser “o todo”, mas é um conceito só seu. Se quiser dar um status racional a esse deus, você deve primeiramente validar logicamente esta premissa.
    A visão de que deus é tudo que existe é uma visão panteísta. É necessário evidenciar que o universo tem uma consciência, uma pessoalidade. E isso o texto não fez.

    Decida-se primeiro afirmou ser possível “deus ser o todo”, agora que isto é uma visão panteísta e insiste continuar afirmando que este é um conceito exclusivo meu ?

    sim tambem deveria ser antes do microscópio

    O microscópio justamente nos permite a verificação, coisa que o seu deus não permite sob nenhuma hipótese ou condição.

    O microscópio indica que um dia um macroscópico poderá evidenciar outras existências agora desconhecidas.

    É irracional justamente por criar conceitos próprios para tentar demonstrar algo, mas sempre gera uma petição de princípio (invalidade lógica).

    a dificuldade em tomar ciência das consciências existentes fora da matérias, é que elas não se sujeitam a vontades de consciências dentro da matéria, por isso só se manifestam quando desejam e não adianta ficar pedindo “bis”.

    Era disso que eu estava falando.
    Faz uma alegação e não fornece evidências porque as evidências se manifestam só quando desejam. Ou seja, “não há como verificar nada do que eu digo mas pode acreditar em mim.”

    Marcos Tomé continua dentro da sua razão embora ela continua sendo limitada pelas suas descrenças em Deus e nos homens.

    exato! ser possui vontade própria, o apenas existente não!

    E daí? Qual é o ponto?

    O ponto é que a vontade dos pensamento impulsiona, manipula e cria realidades materiais.
    Sem vontade, sem consciências, sem razão, Sem Realidades

  82. Criaturo

    Quando Jesus ensinou que o reino dos céus não possui visível aparência, pois ele esta dentro de nós, acho que esta se referindo a mais ou menos esta minha visão.

    Ora, ora. E assim ficamos sabendo que Criaturo tem pra mais de dois mil anos de idade, que o Jesus sabia ler português ou entendia a língua e que foi beber na fonte de sabedoria dele, Criaturo.

    A intuição da respostas sem a necessidade de raciocinar, o raciocínio só é usado para confirmar a razão da intuição.

    Eis aí, Criaturo, uma excelente e imperdível oportunidade de você por a prova sua teologia. Vá para os cafundós da selva amazônica, onde nem os índios ficam e use apenas sua intuição para sobreviver.
    Não se esqueça de providenciar uma forma de captar o momento em que as “razões externas” lhe forem doadas.

  83. Criaturo,

    Ótimo, esperança é o inicio da fé!

    Falta de decepção não implica em esperança. Pode ser indiferença, como no meu caso.

    Se não possui evidências pos e contra, porque optou pelo pessimismo da inexistência?

    Já disse que tenho evidências contra a existência do divino. É nelas que me baseio. Já lhe exemplifiquei algumas delas, esqueceu?

    seres inteligentes , espíritos desencarnados você pode não ver mais eles estão por ai, agindo bem ou mal na sua vida.

    Espíritos desencarnados é outra afirmação sem embasamento lógico ou racional.

    o que não falta neste e nos outros mundo , são pessoas querendo tomar conta da vida alheia.

    Mais um motivo para se embasar na razão e não acreditar em qualquer estória que te contam.

    seres inteligentes agindo fora da matéria, sua vida na terra pode ter sido pré programada

    Eu não tenho mais motivos para acreditar nisto do que pra acreditar no filme Matrix.

    E considera algo positivo se dizer um filho da irracionalidade, quando a natureza das coisas evidência uma inteligência bem superior a humana?

    Não é positivo nem negativo. É simplesmente avaliar as evidências com honestidade e imparcialidade.

    creio que você esta equivocado a este respeito.

    Exatamente. Você apenas “crê”, mas sem qualquer embasamento racional.

    A intenção do texto não é transformar ateus em crentes

    Achei que a intenção do texto fosse apresentar um deus racionalmente sem utilizar a bíblia. Se me disser como passou a acreditar neste deus talvez possa demonstrar sua racionalidade, pois o texto em si falhou neste ponto.

    Refiro-me a invenções humanas

    A vontade por si só não dá existência a nada sem o trabalho no mundo material.

    Há controvérsias!

    Não. Não há.
    É você que está inventando um jeito de encaixar seu deus em uma realidade que não existe.

    Aqui existe o relativismo das consciências x realidades

    Não há relativismo entre realidade e consciência neste caso.
    A realidade é a frequência de luz refletida pelo objeto e isso independe da consciência ou da percepção de cada um.
    Qualquer coisa além disso é simples percepção, que varia de individuo para indivíduo.

    Se foram confirmadas não podem estar erradas

    WTF! Será que é tão difícil entender?
    Só as intuições corretas são confirmadas pala razão. As intuições erradas têm seu erro evidenciado pela razão.
    Por isso a razão é indispensável e a intuição não.

    A intuição da respostas sem a necessidade de raciocinar, o raciocínio só é usado para confirmar a razão da intuição.

    Por isso a razão é tão mais importante que a intuição.
    Já ouvi falar das expressões “Foi com muita sede ao pote e se deu mal” ou “Cachorro afobado é matula de onça”? São todas exemplos de como conclusões precipitadas estão em sua maioria erradas. São todas baseadas em intuição.

    A intuição nada mais é do que a pratica de captarmos através de pensamentos , razões externas doadas por seres desencarnados, como em pacotes de programas prontos ,não há mais necessidade de raciocinar, basta processá-los mecanicamente a velocidade da luz.

    Está falando de telepatia agora?
    É sério mesmo ou está só tirando onda?

    Sem consciência sem realidades

    A realidade independe de qualquer consciência ou percepção e isto é um fato incontestável.
    Este é justamente o princípio dos lógicos absolutos e por isso, qualquer pensamento fora disto é completamente irracional e ilógico.

    algo só pode existir para alguém, só acreditarei diferente, se me apresentar alguma inconsciência afirmando haver existência de alguma realidade.

    Em primeiro lugar, que insanidade é essa? Como uma inconsciência pode afirmar qualquer coisa que seja?

    Em segundo lugar, um pedra (por exemplo) continuará sendo uma pedra, mesmo que toda a vida no planeta seja exterminada e não reste nenhuma mente para detectá-la.
    Mesmo que não haja nenhuma mente para atribuir o nome “pedra” a este objeto, ele continuará sendo o que ele é e continuará não sendo o que ele não é.
    Independente de absolutamente qualquer coisa.
    Pesquise um pouco. Este é o princípio fundamental da lógica. Busque por “lógicos absolutos” na internet.

    A intuição desenvolve a razão

    Outra afirmação sem embasamento racional.
    A razão serve para verificar a veracidade da intuição e até você já concordou com isto.

    Decida-se primeiro afirmou ser possível “deus ser o todo”, agora que isto é uma visão panteísta e insiste continuar afirmando que este é um conceito exclusivo meu ?

    Não dá pra ser mais claro que isso.
    Você é soberano sobre seus próprios conceitos. Pode cria-los e muda-los à vontade. Mas eles só valem pra você.
    Se quer utilizar o pensamento lógico para apresentar o seu deus para outras pessoas além de você mesmo, então deve validar suas premissas antes de lança-las em um raciocínio. Você deve provar que deus é tudo antes de usar esta premissa para provar que deus é tudo.
    Pesquise sobre “petição de princípio” na internet.

    O microscópio indica que um dia um macroscópico poderá evidenciar outras existências agora desconhecidas.

    Exatamente o que o seu deus não permite. Ele não é verificável e nem nenhuma manifestação que ele supostamente cause no mundo material pode ser verificado em hipótese alguma.

    O ponto é que a vontade dos pensamento impulsiona, manipula e cria realidades materiais.

    Isso não tem qualquer embasamento racional nem nunca foi verificada nenhuma situação onde a simples vontade dos pensamentos crie realidades materiais.

  84. SS INTERPRISE

    Quando Jesus ensinou que o reino dos céus não possui visível aparência, pois ele esta dentro de nós, acho que esta se referindo a mais ou menos esta minha visão.

    Ora, ora. E assim ficamos sabendo que Criaturo tem pra mais de dois mil anos de idade, que o Jesus sabia ler português ou entendia a língua e que foi beber na fonte de sabedoria dele, Criaturo.

    as leis de Deus são eternas , imutaveis e estão a disposição de todos para serem observadas e respeitadas.

    A intuição da respostas sem a necessidade de raciocinar, o raciocínio só é usado para confirmar a razão da intuição.

    Eis aí, Criaturo, uma excelente e imperdível oportunidade de você por a prova sua teologia. Vá para os cafundós da selva amazônica, onde nem os índios ficam e use apenas sua intuição para sobreviver.
    Não se esqueça de providenciar uma forma de captar o momento em que as “razões externas” lhe forem doadas.

    “Deus da o frio conforme o cobertor e vice versa”
    quando estou perdido uso o meu senso de direção e normalmente consigo sair no local certo.
    Tenha mais fé, é de graça e só aumentará mais a sua razão.

  85. parabens aos que conseguiram ler o texto do Criaturo!
    li o final e ja achei incrivel como o ser humano é capaz de inventar coisas para provar a veracidade das suas proposiçoes sobre Deus!!
    e os comentarios estao bem divertidos! == Marcos e Shirley voces serao canonizados como : os ANjos da Paciencia!

    Fiquem com Deus!

  86. Argumento que bom, nada?

  87. SS
    Eis aí, Criaturo, uma excelente e imperdível oportunidade de você por a prova sua teologia. Vá para os cafundós da selva amazônica, onde nem os índios ficam e use apenas sua intuição para sobreviver.

    Mas que boa idéia! mim Tarzan voce Jane e UÒÒÒÒÒÒÒÒ…UÒÒÒÒÒÒ!

  88. Marcos

    Se não possui evidências pos e contra, porque optou pelo pessimismo da inexistência?

    Já disse que tenho evidências contra a existência do divino. É nelas que me baseio. Já lhe exemplifiquei algumas delas, esqueceu?

    Sim! Mas se de fato possui, acabe logo com essa discussão milenar!

    Espíritos desencarnados é outra afirmação sem embasamento lógico ou racional.

    Sua ignorância não pode limitar a razão dos outros.

    seres inteligentes agindo fora da matéria, sua vida na terra pode ter sido pré programada

    Eu não tenho mais motivos para acreditar nisto do que pra acreditar no filme Matrix.

    Sim dificilmente conseguirá convencer um peixe que existem outros mundos

    E considera algo positivo se dizer um filho da irracionalidade, quando a natureza das coisas evidência uma inteligência bem superior a humana?

    Não é positivo nem negativo. É simplesmente avaliar as evidências com honestidade e imparcialidade.

    Me explique como o acaso a irracionalidade pode produzir a racionalidade humana, enquanto nós seres racionais não podemos ?

    Refiro-me a invenções humanas

    A vontade por si só não dá existência a nada sem o trabalho no mundo material.

    Sem a vontade , sem personalidade , sem trabalho sem Ações conscientes , sem objetivos pré programados, sem objetivos alcançados.
    Uma maquina consegue produzir resultados desde que seja imposta nela uma vontade inteligente: “burros não podem parir sábios, apenas ateus acreditam nisto”
    Aqui existe o relativismo das consciências x realidades

    Não há relativismo entre realidade e consciência neste caso.

    Há sim! A consciência do hipnotizador induz uma falsa realidade no cérebro da que esta em transe e relativamente passa a ser para consciência dela “a única realidade existente” apoiada por todos os sentindo sensoriais que determinam a razão atual do seu estado de consciência.
    Relativamente somos geradores e ao mesmo tempo receptores de realidades.

    A realidade é a frequência de luz refletida pelo objeto e isso independe da consciência ou da percepção de cada um.
    Qualquer coisa além disso é simples percepção, que varia de individuo para indivíduo.

    Exato se a percepção ou a interpretação são relativas, a realidade por conseqüência também o é, a não ser que passarmos a considerar 100% a percepção Deus da realidade existente?
    Quando “todos” compartilham da mesma ilusão, ela passa a ser a realidade interpretada igualmente por todos, e só poderá ser vista de outra forma , quando alguma consciência externa conseguir despertar nelas consciências de realidades diferentes.
    Um vídeo apresenta varias pessoas vestidas com a mesma roupa dançando, pede-se para se determinar quantas pessoas aparecem dançando, mas o objetivo é demonstrar que a maioria dos telespectadores não conseguem conscientizar que no meio dos dançarinos aparece um urso dançando.
    Veja que para maioria desta pessoas o urso não fez parte da realidade consciente delas, mas nem por isso o urso deixou de ser real.

    Se foram confirmadas não podem estar erradas

    WTF! Será que é tão difícil entender?
    Só as intuições corretas são confirmadas pala razão. As intuições erradas têm seu erro evidenciado pela razão.
    Por isso a razão é indispensável e a intuição não.

    Entendo a sua dificuldade de admitir a importância da intuição, é a mesma em ter que aceitar que não possui méritos em criar algo, apenas um credito menor por executar o conhecimento que já existente nos outros,,,,,, orgulho de ateus.
    Mas conhecimento ou a falta dele é o que diferencia Deus e o homem.

    A intuição da respostas sem a necessidade de raciocinar, o raciocínio só é usado para confirmar a razão da intuição.

    Por isso a razão é tão mais importante que a intuição.
    Já ouvi falar das expressões “Foi com muita sede ao pote e se deu mal” ou “Cachorro afobado é matula de onça”? São todas exemplos de como conclusões precipitadas estão em sua maioria erradas. São todas baseadas em intuição.

    A intuição na sua forma pura seria 100% o conhecimento de Deus, abaixo recebemos e o conhecimento dos outros em forma de intuição que pode ser menor, igual ou maior que o nosso, porem nunca será 100% igual ao de Deus.
    Digamos que a razão seria a absorvição do conhecimento Deus paulatinamente compartilhada por outros seres induzida por uma energia telepática intuitiva.!

    A intuição nada mais é do que a pratica de captarmos através de pensamentos , razões externas doadas por seres desencarnados, como em pacotes de programas prontos ,não há mais necessidade de raciocinar, basta processá-los mecanicamente a velocidade da luz.

    Está falando de telepatia agora?
    É sério mesmo ou está só tirando onda?

    Só se for “uma onda telepática”, por que duvida que a transmissão de pensamentos seja impossível ?

    Sem consciência sem realidades

    A realidade independe de qualquer consciência ou percepção e isto é um fato incontestável.

    Um fato só pode ser incontestável (Amoral) quando só ha uma consciência existente.
    Sua razão baseia–se no presente para deduzir o futuro “se uma consciência deixa de perceber uma realidade e as outras continuam percebendo, isso implica que se TODAS consciências deixarem de perceber algum tipo de realidade, essa realidade continuará existindo?
    Pode estar errado , pois se forem as consciências que dão sentido as realidades, ambas deixaram de existir.
    Mas digamos que o seu ateísmo esteja correto que de fato se um dia todas consciências deixarem de existir, uma realidade não percebida é uma realidade “inexistente”, pois segundo o ateísmo: ” Deus não existe , porque não pode ser percebido.” assim sem NENHUMA percepção consciente, sem realidades existentes.

    algo só pode existir para alguém, só acreditarei diferente, se me apresentar alguma inconsciência afirmando haver existência de alguma realidade.

    Em primeiro lugar, que insanidade é essa? Como uma inconsciência pode afirmar qualquer coisa que seja?

    exatamente! seu argumento de que sem consciências a existência continua é invalido, pois tenta prever o futuro baseado na sua crença atual que a morte = inconsciência do ser

    Em segundo lugar, um pedra (por exemplo) continuará sendo uma pedra, mesmo que toda a vida no planeta seja exterminada e não reste nenhuma mente para detectá-la.
    Mesmo que não haja nenhuma mente para atribuir o nome “pedra” a este objeto, ele continuará sendo o que ele é e continuará não sendo o que ele não é.
    Independente de absolutamente qualquer coisa.
    Pesquise um pouco. Este é o princípio fundamental da lógica. Busque por “lógicos absolutos” na internet.

    Seu ponto de vista é baseado no puro achismo de que morreu acabou a consciência, voce não esta dentro do falecido para saber se ele continua consciente, temos inúmeros casos de pessoas declaradas cientificamente como mortas que voltaram a ter consciência deste mundo.

    Algo só pode existir para alguém, sem ninguém tudo isso seria o nada que o ateísmo prega. E de fato voce tem razão isto é mesmo uma insanidade, ilógica

    Consideremos um planeta muito distante da ciência humana, para nós ele não existe, ok?
    Se houverem Ets conscientes o planeta existe para eles, ok ?
    Mas se de fato no universo Todo não houver ao menos uma única consciência desta realidade ela ainda pertence ao conjunto dos inexistentes e voce querer afirmar ao contrario, baseado na sua ciência atual, tentando prever as realidades futuras, é ato da mais pura fé na vidência!

    A intuição desenvolve a razão

    Outra afirmação sem embasamento racional.
    A razão serve para verificar a veracidade da intuição e até você já concordou com isto

    voce ainda não conseguiu perceber que não somos a fonte do conhecimento e que sim a partir da nossa criação passamos a bebermos desta fonte.
    Ora se o nosso conhecimento veio de fora, a intuição quando é compartilhada racionalmente entre humanos, é chamada de ciência.
    E quando compartilhamos do conhecimento de seres desencarnados através de pensamentos , isto é chamado de intuição!
    No caso ambas desenvolvem a nossa razão, só que esta ultima nos traz conhecimento da ciência mais desenvolvida de outros mundos, mal grado a nossa ignorância, arrogância ou ingratidão o universo continua pulsando.

    .
    Decida-se primeiro afirmou ser possível “deus ser o todo”, agora que isto é uma visão panteísta e insiste continuar afirmando que este é um conceito exclusivo meu ?

    Não dá pra ser mais claro que isso.
    Você é soberano sobre seus próprios conceitos. Pode cria-los e muda-los à vontade. Mas eles só valem pra você.

    esta afirmando que possuo livre arbitrio ?
    Excelente! já que não existe ninguem melhor do que eu, para poder viver a consciência da minha realidade.

    Se quer utilizar o pensamento lógico para apresentar o seu deus para outras pessoas além de você mesmo, então deve validar suas premissas antes de lança-las em um raciocínio. Você deve provar que deus é tudo antes de usar esta premissa para provar que deus é tudo.

    apela para a velha e confortável posição de apenas continuar exigindo o ônus da prova ?
    muito justo, eu apresento um conceito de um Deus racional, ao invés de tentar argumentar que ele é irracional, me vem e pede provas e evidências ? Coisa do tradicionalismo ateu biblico.
    Se eu afirmasse Deus é bom, aposto que voces despejariam tentativas de refutações baseados na racionalidade humana, então porque não conseguem refutar o conceito de que Deus é tudo ?
    Refutar a irracionalidade do deus de Moisés é fácil e voces não economizam nisto, basta apresentar um deus mais racional e voces logo pedem provas e evidências para economizar suas razões ou falta delas.

    O microscópio indica que um dia um macroscópico poderá evidenciar outras existência

    Exatamente o que o seu deus não permite. Ele não é verificável e nem nenhuma manifestação que ele supostamente cause no mundo material pode ser verificado em hipótese alguma.

    Sendo tudo uma parte dele é verificável e outra incontrolável.

    O ponto é que a vontade dos pensamento impulsiona, manipula e cria realidade

    Isso não tem qualquer embasamento racional nem nunca foi verificada nenhuma situação onde a simples vontade dos pensamentos crie realidades materiais.

    sem vontade própria sem objetivos alcançados

  89. Criaturo,

    Mas se de fato possui, acabe logo com essa discussão milenar

    Não adianta trazer evidências para um discussão onde elas não são honestamente analisadas. Talvez não tenha percebido, mas cada texto deste blog apresenta um indício de que deus, quase que com certeza não existe, inclusive o seu.

    Sua ignorância não pode limitar a razão dos outros

    Não limita. Esta suposta “razão” é que não foi devidamente demonstrada.

    dificilmente conseguirá convencer um peixe que existem outros mundos

    Se um dos peixes possuísse indícios de outro mundo, não seria difícil convencer os outros.

    Me explique como o acaso a irracionalidade pode produzir a racionalidade humana, enquanto nós seres racionais não podemos

    A racionalidade é uma ferramenta desenvolvida no ser humano através da evolução, um processo não proveniente do raciocínio (irracional).
    Para compreender melhor a evolução sugiro que estude o assunto. Sem ironia ou sarcasmo, é uma sugestão sincera.

    Sem a vontade , sem personalidade , sem trabalho sem Ações conscientes , sem objetivos pré programados, sem objetivos alcançados

    Exatamente o que eu disse.
    A vontade por si só não dá existência a nada sem o trabalho no mundo material.

    hipnotizador induz uma falsa realidade no cérebro da que esta em transe e relativamente passa a ser para consciência dela “a única realidade existente” apoiada por todos os sentindo sensoriais que determinam a razão atual do seu estado de consciência

    Como você mesmo disse é uma “falsa realidade”.

    se a percepção ou a interpretação são relativas, a realidade por conseqüência também o é

    A realidade é objetiva, a percepção dela não é.

    Veja que para maioria desta pessoas o urso não fez parte da realidade consciente delas, mas nem por isso o urso deixou de ser real

    Você acaba de confirmar meu argumento.
    O urso existe de forma objetiva e o fato de não ser percebido pelas pessoas não o exclui da realidade.

    Entendo a sua dificuldade de admitir a importância da intuição, é a mesma em ter que aceitar que não possui méritos em criar algo

    Acho sim a intuição importante. Ela nos permite tomar decisões rápidas baseado em experiências passadas.
    Mas você enxerga a intuição como sendo telepatia e este tipo de coisa nunca foi evidenciada.

    por que duvida que a transmissão de pensamentos seja impossível ?

    Porque já foi testada em ambiente controlado e obteve resultados negativos.

    se uma consciência deixa de perceber uma realidade e as outras continuam percebendo, isso implica que se TODAS consciências deixarem de perceber algum tipo de realidade, essa realidade continuará existindo?

    De forma objetiva? Sim.

    Pode estar errado , pois se forem as consciências que dão sentido as realidades, ambas deixaram de existir

    Não há evidências que corroborem isso.

    Mas digamos que o seu ateísmo esteja correto que de fato se um dia todas consciências deixarem de existir, uma realidade não percebida é uma realidade “inexistente”

    Isso é só uma inferência sua sobre o ateísmo e sem embasamento.
    Uma realidade inexistente não é realidade.

    seu argumento de que sem consciências a existência continua é invalido, pois tenta prever o futuro baseado na sua crença atual que a morte = inconsciência do ser

    Óbvio que é válido. A menos que me prove que na ausência de qualquer mente uma pedra deixaria de ser uma pedra (de forma absoluta enquanto objeto físico).

    Seu ponto de vista é baseado no puro achismo de que morreu acabou a consciência, voce não esta dentro do falecido para saber se ele continua consciente

    Isto é corroborado pelas evidências do mundo material. Quem está no achismo é você.

    temos inúmeros casos de pessoas declaradas cientificamente como mortas que voltaram a ter consciência deste mundo

    Quais? Tem algum exemplo?

    Consideremos um planeta muito distante da ciência humana, para nós ele não existe

    Errado. Para nós ele é irrelevante.
    Mas se ele existe, ele existe de forma objetiva independente do nosso conhecimento.

    Se houverem Ets conscientes o planeta existe para eles

    Se o planeta existe, ele existe de forma objetiva independente da consciência deles.

    se de fato no universo Todo não houver ao menos uma única consciência desta realidade ela ainda pertence ao conjunto dos inexistentes e voce querer afirmar ao contrario, baseado na sua ciência atual, tentando prever as realidades futuras, é ato da mais pura fé na vidência!

    Errado. Eu me baseio na lógica.
    Vejo que não seguiu meu conselho de estudar os lógicos absolutos. Devia fazer isso, afinal você valoriza tanto a filosofia.

    a intuição quando é compartilhada racionalmente entre humanos, é chamada de ciência

    Agora está redefinindo o conceito de ciência para fazê-lo caber na sua crença.

    E quando compartilhamos do conhecimento de seres desencarnados através de pensamentos , isto é chamado de intuição!

    Não. Isto é chamado esquizofrenia.

    mal grado a nossa ignorância, arrogância ou ingratidão o universo continua pulsando

    Exatamente. O universo continua existindo independente da nossa ou de qualquer outra consciência.

    esta afirmando que possuo livre arbitrio ?

    Só sobre você e seus próprios conceitos. Não sobre os conceitos do resto da humanidade.

    apela para a velha e confortável posição de apenas continuar exigindo o ônus da prova ?

    Mas é claro e óbvio!
    Foi você quem propôs a sua linha de argumentação. É você quem tem de defendê-la racionalmente e logicamente.

    eu apresento um conceito de um Deus racional, ao invés de tentar argumentar que ele é irracional, me vem e pede provas e evidências ?

    Eu já mostrei o motivo que o torna irracional. É uma petição de princípio.
    Demonstre o contrário. Não deveria ser tão difícil.

    Coisa do tradicionalismo ateu bíblico

    Não adianta alegar ateísmo bíblico. Quem falou em bíblia?

    porque não conseguem refutar o conceito de que Deus é tudo ?

    Por que não consegue refutar o conceito de que deus é nada?

    Ambos são igualmente inválidos. São conceitos inventados e sem suporte lógico.

    basta apresentar um deus mais racional e voces logo pedem provas e evidências

    Eu nem pedi provas. Bastam evidências, indícios. Mas nem isso tem.
    Esse negócio de lógica é mesmo um saco, não é?

    Sendo tudo uma parte dele é verificável e outra incontrolável

    Faltou demonstrar que tudo é, de fato, parte dele e como verificar isso.

    sem vontade própria sem objetivos alcançados
    Como não tive resposta, repito. Nunca foi verificada nenhuma situação onde a simples vontade dos pensamentos crie realidades materiais.

  90. Marcos

    Não adianta trazer evidências para um discussão onde elas não são honestamente analisadas. Talvez não tenha percebido, mas cada texto deste blog apresenta um indício de que deus, quase que com certeza não existe, inclusive o seu.

    é uma ironia pedir por evidências que não se tem.
    os textos de desse blog limitam-se a criticar o AT
    Este seu “quase” alimenta muita fé, parabéns pela honestidade!

    Se um dos peixes possuísse indícios de outro mundo, não seria difícil convencer os outros.

    http://religiaodeuslivre.wordpress.com/2010/08/27/o-peixinho-incredulo-3/

    explique como o acaso a irracionalidade pode produzir a racionalidade humana, enquanto nós seres racionais não podemos

    A racionalidade é uma ferramenta desenvolvida no ser humano através da evolução, um processo não proveniente do raciocínio (irracional).

    Esta sua vidência também foi desenvolvida através da evolução humana? Ou apenas faz parte do seu achismo adotado de outros achismos ?
    não ha duvidas quanto a evolução ,mas a questão é se origem dela é racional intencional ou não?
    Processos, métodos ou sistemas necessitam de razão para gerar objetivos pré determinados.
    O ciclo da água é um sistema que permite a vida neste planeta.

    Para compreender melhor a evolução sugiro que estude o assunto. Sem ironia ou sarcasmo, é uma sugestão sincera.

    Sempre achei sensata a evolução das espécies a seleção natural, por isso nunca me interessei em estuda-la, já que possuo fé que seja verdadeiro.
    Porem atribuí-la a um simples acaso irracional é que não!

    se a percepção ou a interpretação são relativas, a realidade por conseqüência também o é

    A realidade é objetiva, a percepção dela não é.

    Para a realidade ser única é necessária que ela seja também uma única Consciência Deus que não esteja sujeita a interpretações de consciências secundarias. (conheça essa verdade que ela te libertará) a partir da sua divisão, níveis diferentes de realidades conscientes foram criadas, tornando se subjetivas.
    Veja que para maioria desta pessoas o urso não fez parte da realidade consciente delas, mas nem por isso o urso deixou de ser real

    Você acaba de confirmar meu argumento.
    O urso existe de forma objetiva e o fato de não ser percebido pelas pessoas não o exclui da realidade.

    Da mesma forma se você não estivesse com sua consciência sintonizada no puro materialismo, também conseguiria sentir Deus.

    Entendo a sua dificuldade de admitir a importância da intuição, é a mesma em ter que aceitar que não possui méritos em criar algo

    Acho sim a intuição importante. Ela nos permite tomar decisões rápidas baseado em experiências passadas.

    Sim eu chamo isso de reencarnação baseada em experiências de vidas passadas…he..he..he..he…he..he

    Mas você enxerga a intuição como sendo telepatia e este tipo de coisa nunca foi evidenciada.

    Sim um conhecimento supostamente vindo do desconhecido

    por que duvida que a transmissão de pensamentos seja impossível ?

    Porque já foi testada em ambiente controlado e obteve resultados negativos.

    Pessoas erradas no local errado na hora errada com intenções erradas.
    Você nunca compartilhou pensamentos telepaticamente ?
    Saiba que até sentimentos é possível, comprovado cientificamente.

    se uma consciência deixa de perceber uma realidade e as outras continuam percebendo, isso implica que se TODAS consciências deixarem de perceber algum tipo de realidade, essa realidade continuará existindo?

    De forma objetiva? Sim.

    Essa é uma das coisas que foge a razão humana, já que seria impossível anular todas consciências existentes e mesmo que isso fosse possível não restaria mais consciência de coisa alguma , incluindo a sua realidade objetiva…ha.ha..ha..ha…ha
    Se para provar que é possível a perda da consciência total, você tiver que perde-la, então não terá provado nada nessa sua total falta de sentindo.

    seu argumento de que sem consciências a existência continua é invalido, pois tenta prever o futuro baseado na sua crença atual que a morte = inconsciência do ser

    Óbvio que é válido. A menos que me prove que na ausência de qualquer mente uma pedra deixaria de ser uma pedra (de forma absoluta enquanto objeto físico).

    Essa é a lógica da consciência Deus, tudo é a consciência de Deus sem ela sem existências.

    temos inúmeros casos de pessoas declaradas cientificamente como mortas que voltaram a ter consciência deste mundo

    Quais? Tem algum exemplo?

    Sim Lazaro, Talita o filho da viúva de Naim…he..he..he..he
    Jornais noticiaram que em um velório um menino de 2 anos levantou do caixão e pediu água.
    Mais recentemente um homem levou 9 tiros seis ainda continuam alojados visivelmente na sua cabeça, ele conta que quando recobrou sua consciência já estava embalado dentro de um saco preto ao lado de outros corpos no necrotério de um hospital, este por pouco não foi mais um dos enterrados vivos.

    se de fato no universo Todo não houver ao menos uma única consciência desta realidade ela ainda pertence ao conjunto dos inexistentes e voce querer afirmar ao contrario, baseado na sua ciência atual, tentando prever as realidades futuras, é ato da mais pura fé na vidência!

    Errado. Eu me baseio na lógica.
    Vejo que não seguiu meu conselho de estudar os lógicos absolutos. Devia fazer isso, afinal você valoriza tanto a filosofia.

    Ok!

    a intuição quando é compartilhada racionalmente entre humanos, é chamada de ciência

    Agora está redefinindo o conceito de ciência para fazê-lo caber na sua crença.

    E quando compartilhamos do conhecimento de seres desencarnados através de pensamentos , isto é chamado de intuição!

    Não. Isto é chamado esquizofrenia.

    E não aceitar que todo o seu conhecimento veio de fora , é o puro orgulho ateu!

    mal grado a nossa ignorância, arrogância ou ingratidão o universo continua pulsando

    Exatamente. O universo continua existindo independente da nossa ou de qualquer outra consciência.

    Sua fé no materialismo esta aumentando sua vidência!

    esta afirmando que possuo livre arbitrio ?

    Só sobre você e seus próprios conceitos. Não sobre os conceitos do resto da humanidade.

    Sim, isto implica que devo respeitar os outros livre arbitrios

    Coisa do tradicionalismo ateu bíblico
    Não adianta alegar ateísmo bíblico. Quem falou em bíblia?
    porque não conseguem refutar o conceito de que Deus é tudo ?

    Por que não consegue refutar o conceito de que deus é nada?
    Ambos são igualmente inválidos. São conceitos inventados e sem suporte lógico

    .

    Essa é fácil:
    ”O nada representa a inconsciência do ateísmo que seria contrario a Deus que mantém toda a realidade existente”

    basta apresentar um deus mais racional e voces logo pedem provas e evidências

    Eu nem pedi provas. Bastam evidências, indícios. Mas nem isso tem.
    Esse negócio de lógica é mesmo um saco, não é?

    Eu adoro!

  91. Criaturo,

    Esta sua vidência também foi desenvolvida através da evolução humana? Ou apenas faz parte do seu achismo adotado de outros achismos ?

    Não. É apenas ciência.

    não ha duvidas quanto a evolução ,mas a questão é se origem dela é racional intencional ou não?

    O conhecimento científico atual demonstra que a evolução funciona através de mecanismos não intencionais. Qualquer inferência para além disso cai no achismo e é irrelevante.

    Processos, métodos ou sistemas necessitam de razão para gerar objetivos pré determinados

    Não há objetivo pré-determinado na evolução.

    O ciclo da água é um sistema que permite a vida neste planeta

    Outro processo sem nenhum traço de intenção.

    Sempre achei sensata a evolução das espécies a seleção natural, por isso nunca me interessei em estuda-la, já que possuo fé que seja verdadeiro.

    Este é o maior problema. A preferência por aceitar as coisas por fé ao invés de estudar minimamente sobre o assunto.

    Porem atribuí-la a um simples acaso irracional é que não!

    Se estudasse o assunto entenderia que não se trata de simples acaso e nem de intenção predeterminada.

    Para a realidade ser única é necessária que ela seja também uma única Consciência Deus que não esteja sujeita a interpretações de consciências secundarias.

    Você se apóia nas suas premissas iniciais não validadas de que “deus é tudo”, “deus é a consciência maior”. Portanto, a conclusão é inválida logicamente.

    a partir da sua divisão, níveis diferentes de realidades conscientes foram criadas, tornando se subjetivas

    Você já disse isso no seu texto, mas não embasou estas conclusões racionalmente, logo, seu deus não é racional como você afirma.

    se você não estivesse com sua consciência sintonizada no puro materialismo, também conseguiria sentir Deus

    Temos duas consequências aqui.

    Primeiro: Para que isso ocorra, deus deve existir objetivamente, mas o texto não apresenta sequer indícios logicamente válidos desta existência.

    Segundo: Se este deus não pode ser medido, testado ou verificado, mas apenas sentido, então significa que não é racional como você alega.

    Sim eu chamo isso de reencarnação baseada em experiências de vidas passadas

    Me referia a experiência passadas na mesma vida.
    Por exemplo, digamos que você tem o costume de trabalhar ou interagir muito com outras pessoas. Você pode acabar conhecendo as pessoas a tal ponto de poder “intuir” quando alguém está mentindo ou guardando um segredo ou algo do gênero.

    Sim um conhecimento supostamente vindo do desconhecido

    Palavra chave: Supostamente.

    Você nunca compartilhou pensamentos telepaticamente ?

    Não.

    Saiba que até sentimentos é possível, comprovado cientificamente

    Cientificamente? Pode me mostrar a publicação em periódico científico com estudos revisados por pares?

    Se para provar que é possível a perda da consciência total, você tiver que perde-la, então não terá provado nada nessa sua total falta de sentindo

    Não é necessário. Basta fazer o que cientistas e filósofos chamam de experimento mental. Nunca em toda a história do universo foi observado nenhuma interferência da consciência sobre a matéria, portanto é válida esta inferência.
    Para afirmar o contrário, você deve ir contra tudo o que a razão humana pode observar e verificar. Mais uma evidência de que seu deus não tem base racional.

    tudo é a consciência de Deus sem ela sem existências

    A mesma premissa que já demonstrei ser inválida.

    Sim Lazaro, Talita o filho da viúva de Naim

    Achei que seu deus não fosse bíblico.

    Jornais noticiaram que em um velório um menino de 2 anos levantou do caixão e pediu água

    Vai me fornecer ao menos um link que me permita verificar a veracidade desta afirmação ou eu devo simplesmente acreditar por fé sem estudar, como você faz?

    Mais recentemente um homem levou 9 tiros seis ainda continuam alojados visivelmente na sua cabeça

    levar 9 tiros na cabeça não é o mesmo que estar morto.

    ele conta que quando recobrou sua consciência já estava embalado dentro de um saco preto ao lado de outros corpos no necrotério de um hospital, este por pouco não foi mais um dos enterrados vivos

    Se puder me enviar algum link à respeito também ajudaria no seu argumento. Não comprovaria, mas ajudaria.

    Além disso, você mesmo disse “enterrado vivo”. Então ele estava vivo.
    Ele ter recobrado a consciência não significa que estava morto, mas simplesmente que alguém errou ao decretar sua morte.

    E não aceitar que todo o seu conhecimento veio de fora , é o puro orgulho ateu

    Não é orgulho. É simplesmente ceticismo sobre alegações fantásticas feitas sem embasamento lógico racional.

    Sua fé no materialismo esta aumentando sua vidência

    Não há fé nem vidência.
    Trata-se apenas de analisar o resultado de um experimento mental, considerando o que é relevante e desconsiderando o que não é.

    O nada representa a inconsciência do ateísmo que seria contrario a Deus que mantém toda a realidade existente

    Isto é uma inferência verdadeira na sua visão, pois você é soberano sobre sua própria opinião.
    Mas a afirmação só é válida para você. Se quiser convencer qualquer outra pessoa de maneira racional, deve antes validar suas premissas de forma lógica.

  92. Marcos Kiyoji

    Estou achando a estratégia do Criaturo até engraçada. Primeiro ele surge com a proposição de um deus que pode ser apreendido pela razão, daí quando fica demonstrado que razão é a última coisa possível de existir na teologia dele ele corre e se entrincheira atrás da intuição e inverte as ‘acusações’: de repente a razão é desnecessária, já que ela nem existe a priori, é só um subproduto da intuição.
    Se esse rapaz tivesse no corpo a mesma flexibilidade que tem na mente, seria o maior contorcionista de todos os tempos…

  93. Sim ,Shyrlei!”
    a criatividade é divina, por isso estamos aqui!

  94. Marcos

    Esta sua vidência também foi desenvolvida através da evolução humana? Ou apenas faz parte do seu achismo adotado de outros achismos ?

    Não. É apenas ciência.

    Se estivesse prevendo as condições do tempo seria ciência, mas como ficará o mundo após uma absoluta inconsciência, só pode ser vidência enxergando alem da consciência humana, é isso que eu chamo de ter fé na intuição.

    não ha duvidas quanto a evolução ,mas a questão é se origem dela é racional intencional ou não?

    O conhecimento científico atual demonstra que a evolução funciona através de mecanismos não intencionais. Qualquer inferência para além disso cai no achismo e é irrelevante.

    Sua logica funciona assim: Se for obra humana é intencional inteligente, caso contrario mesmo que seja um produto muito superior a racionalidade humana, como a própria vida ela só pode ser de origem “irracional”.
    Humanos chegam ao mundo de cabeça e mãos vazias, não sabendo de onde vieram nem para onde vão, mas logo se fazem “os proprietários exclusivos da razão”…coisas do orgulho ateu

    Processos, métodos ou sistemas necessitam de razão para gerar objetivos pré determinados
    O ciclo da água é um sistema que permite a vida neste planeta

    Não há objetivo pré-determinado na evolução. Outro processo sem nenhum traço de intenção.

    Humanos talvez ,não!

    Sempre achei sensata a evolução das espécies a seleção natural, por isso nunca me interessei em estuda-la, já que possuo fé que seja verdadeiro.

    Este é o maior problema. A preferência por aceitar as coisas por fé ao invés de estudar minimamente sobre o assunto.

    Provavelmente se estuda-la encontrarei argumentos contra sua origem irracional

    Para a realidade ser única é necessária que ela seja também uma única Consciência Deus que não esteja sujeita a interpretações de consciências secundarias.

    Você se apóia nas suas premissas iniciais não validadas de que “deus é tudo”, “deus é a consciência maior”. Portanto, a conclusão é inválida logicamente.

    Isto não anula o conceito de que para haver uma unica realidade existente não pode haver diferentes consciências.

    a partir da sua divisão, níveis diferentes de realidades conscientes foram criadas, tornando se subjetivas

    Você já disse isso no seu texto, mas não embasou estas conclusões racionalmente, logo, seu deus não é racional como você afirma.

    um grau de autismo elevado vive outra realidade alheio as consciências externas, a consciência da realidade vivida é relativa a sua sintonia .
    para mim a verdadeira realidade é aquilo que “Eu sinto” e não o que os outros sentem, sim existe um relativismo entre as realidades percebidas ou sintonizadas pelas consciências.

    se você não estivesse com sua consciência sintonizada no puro materialismo, também conseguiria sentir Deus

    Temos duas consequências aqui.
    Primeiro: Para que isso ocorra, deus deve existir objetivamente, mas o texto não apresenta sequer indícios logicamente válidos desta existência.
    Segundo: Se este deus não pode ser medido, testado ou verificado, mas apenas sentido, então significa que não é racional como você alega.

    Pelo contrario significa que ele esta alem da sua razão, isso justifica a sua dificuldade de poder “racionaliza-lo”

    Sim eu chamo isso de reencarnação baseada em experiências de vidas passadas

    Me referia a experiência passadas na mesma vida.
    Por exemplo, digamos que você tem o costume de trabalhar ou interagir muito com outras pessoas. Você pode acabar conhecendo as pessoas a tal ponto de poder “intuir” quando alguém está mentindo ou guardando um segredo ou algo do gênero.

    Como em um jogo de palitos? Voce calcula e depois tenta adivinhar quantos estão escondidos não de quem.
    Este exemplo depende de raciocínio e intuição, como você ja disse estão atrelados.

    Sim um conhecimento supostamente vindo do desconhecido

    Palavra chave: Supostamente.

    Exato! Conhecimento vem de algum lugar, a natureza esta a nossa disposição para isso, porem voces ateus afirmam não saber quem é o autor da natureza, ou pior afirmam ser uma obra complexa de uma origem irracional, para voce essa afirmação faz algum sentindo ?

    Você nunca compartilhou pensamentos telepaticamente ?

    Não.

    Judiação! Ficaria surpreso ao descobrir a ilusão que nos faz acreditar separados de Deus, a intuição nada mais é do que a mesma sintonia entre todos os seres!

    Saiba que até sentimentos é possível, comprovado cientificamente

    Cientificamente? Pode me mostrar a publicação em periódico científico com estudos revisados por pares?

    Minha esposa estando gravida sonhei que havia uma menininha sentada ao pé da nossa cama e passei a noite conversando com ela, um fato que me chamava atenção é que ela conversava como se fosse adulta.
    Diante deste “sonho ou visita espiritual” disse a minha esposa que se fosse menina , eu escolheria o nome.
    Um dia chegando em casa perto da meia noite ao tentar abrir a porta senti uma terrível dor no peito, ao ponto de parar e ficar encostado na porta, olhei para traz e minha esposa também se apoiava na parede, ela me disse que estava sentindo uma dor terrível e começamos a rir ao percebermos que ambos sentíamos a mesma dor ao mesmo tempo, então a dor desapareceu.
    Ja passava da uma hora eu ainda estava refletindo sobre o ocorrido, quando minha esposa disse que a bolsa havia estourada….minha filha nasceu naquele dia e depois só confirmou a personalidade que ja havia demonstrado no meu “sonho”.
    Veja que tais fenômenos só acontecem em momentos muitos importantes das nossas vidas e não se sujeitam a futilidades.
    Comentando o ocorrido com uma psicóloga.. (como amigo …hehehhehe) ela afirmou que ja havia feito uma pesquisa onde comprovou que este fato é comum entre casais.

    Se para provar que é possível a perda da consciência total, você tiver que perde-la, então não terá provado nada nessa sua total falta de sentindo

    Não é necessário. Basta fazer o que cientistas e filósofos chamam de experimento mental. Nunca em toda a história do universo foi observado nenhuma interferência da consciência sobre a matéria, portanto é válida esta inferência.
    Para afirmar o contrário, você deve ir contra tudo o que a razão humana pode observar e verificar. Mais uma evidência de que seu deus não tem base racional.

    Nós somos a base racional, nós somos a consciências agindo dentro da matéria

    Jornais noticiaram que em um velório um menino de 2 anos levantou do caixão e pediu água

    Vai me fornecer ao menos um link que me permita verificar a veracidade desta afirmação ou eu devo simplesmente acreditar por fé sem estudar, como você faz?

    Pode ser que encontre no google you tube, porem foi noticiado em alguns jornais, entrevistados pessoas presentes no velório.

    Mais recentemente um homem levou 9 tiros seis ainda continuam alojados visivelmente na sua cabeça
    levar 9 tiros na cabeça não é o mesmo que estar morto.

    ele conta que quando recobrou sua consciência já estava embalado dentro de um saco preto ao lado de outros corpos no necrotério de um hospital, este por pouco não foi mais um dos enterrados vivos

    Se puder me enviar algum link à respeito também ajudaria no seu argumento. Não comprovaria, mas ajudaria.
    Além disso, você mesmo disse “enterrado vivo”. Então ele estava vivo.
    Ele ter recobrado a consciência não significa que estava morto, mas simplesmente que alguém errou ao decretar sua morte.

    Esta reportagem foi feita no domingo espetacular passado, é recente eu tenho ela gravada na minha TV na integra ,mas não sei se conseguirei passar para outro lugar, pois ela possui proteção de direito autorais de imagens gravadas.
    Pois é nem sempre perdas de sinais vitais, sinais elétrico do cerebro podem definir quando de fato uma consciência esta desligada definitivamente do corpo.

    E não aceitar que todo o seu conhecimento veio de fora , é o puro orgulho ateu

    Não é orgulho. É simplesmente ceticismo sobre alegações fantásticas feitas sem embasamento lógico racional.

    Achar-se um criador das existência não é nada racional e querer atribui-las a irracionalidade é menos ainda.

    Sua fé no materialismo esta aumentando sua vidência

    Não há fé nem vidência.
    Trata-se apenas de analisar o resultado de um experimento mental, considerando o que é relevante e desconsiderando o que não é.

    Sua fé consistem em poder ver uma inexistência na razão dos outros

  95. OBS. digo : escondidos na mão de quem ?

  96. Marcos

    Vai me fornecer ao menos um link que me permita verificar a veracidade desta afirmação ou eu devo simplesmente acreditar por fé sem estudar, como você faz?

    achei, veja voce mesmo:

    http://noticias.r7.com/domingo-espetacular/videos/impressionante-homem-sobrevive-depois-de-ser-atingido-por-nove-tiros-11022014

  97. Criaturo,

    Se estivesse prevendo as condições do tempo seria ciência, mas como ficará o mundo após uma absoluta inconsciência, só pode ser vidência enxergando alem da consciência humana, é isso que eu chamo de ter fé na intuição

    Busque na internet por “experimento mental”.
    É uma ferramenta lógica válida e muito utilizada não apenas por cientistas mas principalmente pelos seus adorados filósofos.

    Sua logica funciona assim: Se for obra humana é intencional inteligente, caso contrario mesmo que seja um produto muito superior a racionalidade humana, como a própria vida ela só pode ser de origem “irracional”

    Não é a minha lógica. É a lógica da humanidade e de todo aquele que quer fazer uso da racionalidade.
    O produto da obra humana é observada a todo momento. Esta “racionalidade superior” que você menciona é apenas suposta por você, um achismo, especulação.

    Humanos chegam ao mundo de cabeça e mãos vazias, não sabendo de onde vieram nem para onde vão, mas logo se fazem “os proprietários exclusivos da razão”…coisas do orgulho ateu

    Não se trata de orgulho nem de propriedade. Trata-se apenas de observar os fatos contidos no mundo e no conhecimento acessível até o momento. Considerar o relevante e desconsiderar o irrelevante.

    Qualquer afirmação para além disso, entra em território inacessível ao conhecimento humano e você pode apenas especular, pois suponho que você seja tão humano quanto eu esteja sujeito à mesma limitação da razão.

    Humanos talvez ,não!

    Intenção supra-humana é algo que pode ser apenas especulado, como já esclarecido anteriormente.

    Provavelmente se estuda-la encontrarei argumentos contra sua origem irracional

    Lhe desejo sorte nos estudos.
    Se encontrar algo assim peço que me informe, pois só assim poderei mudar minha opinião. E isso sem o menor constrangimento.

    Isto não anula o conceito de que para haver uma unica realidade existente não pode haver diferentes consciências

    É claro que pode. Existem, de fato, muitas consciências, cada pessoa tem a sua, mas a realidade é uma só. O que muda é apenas e tão somente a “percepção” desta realidade para cada pessoa.

    para mim a verdadeira realidade é aquilo que “Eu sinto” e não o que os outros sentem, sim existe um relativismo entre as realidades percebidas ou sintonizadas pelas consciências

    Novo conceito inventado para tentar se encaixar na sua proposta de deus.
    Sinto lhe informar, mas se a você considera a realidade como sendo apenas aquilo que “você” sente e não os outros, então esta realidade e qualquer argumentação lógica e racional feita dentro dela só é válida para “você”.

    O mais interessante nesta colocação que corrobora a conclusão de que cada pessoa tem seu próprio “personal deus” que criou o todo o seu “personal mundo” dentro da sua “personal realidade” e que só tem validade lógica e racional para o próprio indivíduo em questão.
    Este tipo de observação evidencia ainda mais a posição de que quase que com certeza deus é uma invenção humana.
    Pedem tanto por evidências, o Criaturo nos deu mais uma.

    Pelo contrario significa que ele esta alem da sua razão, isso justifica a sua dificuldade de poder “racionaliza-lo”

    Aparentemente, também está além da sua razão, pois você também não conseguiu racionalizá-lo nem no texto nem nos comentários.

    Este exemplo depende de raciocínio e intuição, como você ja disse estão atrelados

    Estão atrelados mas não são a mesma coisa. A intuição pode lançar a hipótese, mas é o raciocínio que a testa.
    A intuição não dispensa a razão. Já o contrário, pode acontecer em diversos casos.

    ateus afirmam não saber quem é o autor da natureza, ou pior afirmam ser uma obra complexa de uma origem irracional, para voce essa afirmação faz algum sentindo ?

    Faz sim todo o sentido dizer que não sabe.
    Da mesma forma, também faz todo o sentido, dentro dos dados da nossa realidade e do mundo natural, dizer, quase que com certeza, que não se trata de uma obra de racionalidade intencional.

    sonhei que havia uma menininha sentada ao pé da nossa cama e passei a noite conversando com ela (…) senti uma terrível dor no peito, ao ponto de parar e ficar encostado na porta, olhei para traz e minha esposa também se apoiava na parede (…) ambos sentíamos a mesma dor ao mesmo tempo (…) minha filha nasceu naquele dia e depois só confirmou a personalidade que ja havia demonstrado no meu “sonho”

    Você mentiu ao dizer que foi comprovado cientificamente? Ou simplesmente não sabe o que significa “comprovação científica”?
    Este tipo de relato não evidencia a telepatia.

    Além disso, mesmo após sua filha crescer (anos depois) você ainda se lembrava do seu sonho com detalhamento suficiente para poder comparar as personalidades?
    Você não acha que por ela ter sido criada “por você” ela tenha sido de alguma forma influenciada a ter a personalidade sonhada “por você”?
    Também não acha que pelo seu amor por ela e pela sua crença, talvez você tenha uma lembrança tendenciosa e talvez falsa do seu sonho de anos atrás?

    Tendo em vista que raramente nos lembramos de nossos sonhos após 30 minutos depois de acordados e diante de todo o conhecimento e descobertas da psicologia e da neurociência, me permita não acreditar no seu relato. Eu esperava evidências extremamente mais fortes.

    Comentando o ocorrido com uma psicóloga.. (como amigo …hehehhehe) ela afirmou que ja havia feito uma pesquisa onde comprovou que este fato é comum entre casais

    O que é esta pesquisa? Perguntar para outros casais com crenças e vontades igualmente tendenciosas?
    Foi uma consulta com opinião profissional (que mesmo assim pode estar errada) ou era apenas um papo entre amigos?

    Nada disto é ciência. São apenas evidencias anedóticas e que contribuem enormemente para a disseminação de lendas urbanas, superstições e pseudociências que minam a mente humana.

    Nós somos a base racional, nós somos a consciências agindo dentro da matéria

    Perceba que esta afirmação também não tem base lógica ou racional.

    Pode ser que encontre no google you tube, porem foi noticiado em alguns jornais, entrevistados pessoas presentes no velório.

    Esta reportagem foi feita no domingo espetacular passado, é recente eu tenho ela gravada na minha TV na integra

    TV e internet divulgam muita informação fantasiosa e mentirosa. É muito importante saber filtrar o conteúdo e não simplesmente acreditar porque passou na TV.

    Achar-se um criador das existência não é nada racional

    Concordo plenamente. É por isso que o deus apresentado por você não pode ser classificado como racional.

    e querer atribui-las a irracionalidade é menos ainda

    A realidade existe independente da percepção pela consciência. O que há de irracional nisso se é baseado na observação do mundo natural?

    Sua fé consistem em poder ver uma inexistência na razão dos outros

    Errado. Não faço idéia de onde você tirou isso.
    Não tenho fé e nem vejo inexistência na razão dos outros. Muito pelo contrário. A realidade objetiva vai continuar existindo independente da razão dos outros.

  98. Criaturo,

    Sua argumentação era que a pessoa não perde a consciência do mundo quando morre.
    Na reportagem do Domingo Espetacular o homem fala que não se lembra de nada do que aconteceu quando perdeu a consciência e depois acordou no necrotério. Ou seja, ele nem estava morto e mesmo assim não tinha consciência do mundo.

    As únicas conclusões encontradas na reportagem foram:
    – O ladrão (me recuso a chama-lo de vítima) tem cabeça dura.
    – O atirador deveria ter utilizado maior calibre.
    – Alguém no hospital “intuiu” erradamente que ele estivesse morto.
    – O hospital não chegou a atestar a morte.
    – Ele saiu da inconsciência, período durante o qual não estava morto e nem consciente do mundo que o cercava.

    A consciência após a morte não chegou nem perto de ser evidenciada.

  99. Criaturo,

    No caso do menino não é diferente. Trata-se apenas de incompetência do corpo médico e de enfermagem.
    A própria família admite que removeu os algodões e deixou o saco aberto.

    Conclusão: Ele não estava morto. O que houve foi erro de avaliação.

  100. Marcos
    Criaturo,

    Busque na internet por “experimento mental”.
    É uma ferramenta lógica válida e muito utilizada não apenas por cientistas mas principalmente pelos seus adorados filósofos.

    Sua logica funciona assim: Se for obra humana é intencional inteligente, caso contrario mesmo que seja um produto muito superior a racionalidade humana, como a própria vida ela só pode ser de origem “irracional”

    Não é a minha lógica. É a lógica da humanidade e de todo aquele que quer fazer uso da racionalidade.
    O produto da obra humana é observada a todo momento. Esta “racionalidade superior” que você menciona é apenas suposta por você, um achismo, especulação.

    De acordo com a sua lógica, toda a existência é de origem irracional sejam obras humanas ou alheias a nossa vontades.
    Voce não estranha o fato desta suposta “irracionalidade” conseguir manter a vida tão complexa por tanto tempo ?

    ser humanos chegam ao mundo de cabeça e mãos vazias, não sabendo de onde vieram nem para onde vão, mas logo se fazem “os proprietários exclusivos da razão”…coisas do orgulho ateu
    Não se trata de orgulho nem de propriedade. Trata-se apenas de observar os fatos contidos no mundo e no conhecimento acessível até o momento. Considerar o relevante e desconsiderar o irrelevante.
    Qualquer afirmação para além disso, entra em território inacessível ao conhecimento humano e você pode apenas especular, pois suponho que você seja tão humano quanto eu esteja sujeito à mesma limitação da razão.

    Racionalmente voce esta certo, dentro dos limites da sua intuição, eu seria desonesto se negasse a minha, mesmo não podendo prova-la aos outros.
    Certas coisas podem ser percebidas mas não provadas.

    Provavelmente se estuda-la encontrarei argumentos contra sua origem irracional

    Lhe desejo sorte nos estudos.
    Se encontrar algo assim peço que me informe, pois só assim poderei mudar minha opinião. E isso sem o menor constrangimento.

    O que te dará uma visão mais justa da vida, não é uma maior racionalidade e sim uma maior sensibilidade a sentimentos, amor é algo improvável porem pode ser percebido.

    Isto não anula o conceito de que para haver uma unica realidade existente não pode haver diferentes consciências

    É claro que pode. Existem, de fato, muitas consciências, cada pessoa tem a sua, mas a realidade é uma só. O que muda é apenas e tão somente a “percepção” desta realidade para cada pessoa.

    Interessante! Vejamos este seu conceito por uma outra razão:

    “É claro que pode. Existem, de fato, muitas consciências, cada pessoa tem a sua, mas a realidade DEUS é uma só. O que muda é apenas e tão somente a “percepção” desta realidade para cada pessoa.”
    Viu? Assim ficou mais bonito!
    De fato a nossa simples percepção das coisas não pode alterar a realidade “dos outros” e vice versa, assim como peixes no aquários vivem realidades diferentes dos oceanos.
    Porem a nossa vontade aliada a um maior conhecimento, pode sim alterar a realidade dos outros, bastando para isso faze-las perceberem outros sentindo ainda ignorados por elas.
    A exemplo do hipnotizador fazendo uso do seu conhecimento consegue criar imagens e sentimentos no cérebro do in transe, para este ser sob hipnose a única realidade existente é a que ele “sente “ no momento, por isso digo “sinto logo existo” pois os sentimentos e a intuição é que “criam” a razão do ser “eu”.

    para mim a verdadeira realidade é aquilo que “Eu sinto” e não o que os outros sentem, sim existe um relativismo entre as realidades percebidas ou sintonizadas pelas consciências

    Novo conceito inventado para tentar se encaixar na sua proposta de deus.
    Sinto lhe informar, mas se a você considera a realidade como sendo apenas aquilo que “você” sente e não os outros, então esta realidade e qualquer argumentação lógica e racional feita dentro dela só é válida para “você”.

    Sim voce sente e eu também sinto, isto é “graças a Deus !” Como ja expliquei antes, percepções por si só não podem alterar outras realidades percebidas, mas aliada a “vontade” podem sim!
    Como voce muito bem exemplificou a realidade Deus é única e todas consciências e percepções buscam instintivamente por ela , porem voltar a este estado anterior da não criação, contraria a vontade Deus, que ao se dividir criou em si mesmo , diferentes níveis de consciências, percepções, vontades e por consequência realidades individuais diferentes.

    O mais interessante nesta colocação que corrobora a conclusão de que cada pessoa tem seu próprio “personal deus” que criou o todo o seu “personal mundo” dentro da sua “personal realidade” e que só tem validade lógica e racional para o próprio indivíduo em questão.
    Este tipo de observação evidencia ainda mais a posição de que quase que com certeza deus é uma invenção humana.
    Pedem tanto por evidências, o Criaturo nos deu mais uma.

    Sim! Mais uma vez somos personas individuais graças a Deus, minha vida, minha vontade , meus sentimento, minha realidade.
    Ou voce acha que a sua percepção da realidade pode viver a minha vida ? Que as suas dores emocionais ou físicas, suas alegrias são iguais as minhas ?
    Enquanto permanecermos sintonizados em realidades diferentes teremos esta ilusão da separação (de uma Única realidade Deus).
    Em compensação continuaremos sendo nós mesmo , individualizados.
    Este é um beneficio causado pela ignorância que separa Deus e o homem.

    portanto: “Quanto mais ateu, mais homem e menos Deus”

    Pelo contrario significa que ele esta alem da sua razão, isso justifica a sua dificuldade de poder “racionaliza-lo”

    Aparentemente, também está além da sua razão, pois você também não conseguiu racionalizá-lo nem no texto nem nos comentários.

    Judiação! Então fico com o consolo de ja te-lo percebido este é o primeiro passo para encontrar sua razão

    Este exemplo depende de raciocínio e intuição, como você ja disse estão atrelados

    Estão atrelados mas não são a mesma coisa. A intuição pode lançar a hipótese, mas é o raciocínio que a testa.
    A intuição não dispensa a razão. Já o contrário, pode acontecer em diversos casos.

    Ciência = intuição transformada em conhecimento conscientizado
    Intuição= Ciência absorvida dos outros, diretamente ou via transmissão de pensamentos.
    Considerando a ignorância nata do ser, toda sua ciência é externa portanto é uma intuição absorvida.

    ateus afirmam não saber quem é o autor da natureza, ou pior afirmam ser uma obra complexa de uma origem irracional, para voce essa afirmação faz algum sentindo ?

    Faz sim todo o sentido dizer que não sabe.
    Da mesma forma, também faz todo o sentido, dentro dos dados da nossa realidade e do mundo natural, dizer, quase que com certeza, que não se trata de uma obra de racionalidade intencional.

    Decida-se! Não sabe, ou possui uma quase certeza ?

    sonhei que havia uma menininha sentada ao pé da nossa cama e passei a noite conversando com ela (…) senti uma terrível dor no peito, ao ponto de parar e ficar encostado na porta, olhei para traz e minha esposa também se apoiava na parede (…) ambos sentíamos a mesma dor ao mesmo tempo (…) minha filha nasceu naquele dia e depois só confirmou a personalidade que ja havia demonstrado no meu “sonho”

    Você mentiu ao dizer que foi comprovado cientificamente? Ou simplesmente não sabe o que significa “comprovação científica”?
    Este tipo de relato não evidencia a telepatia.
    Além disso, mesmo após sua filha crescer (anos depois) você ainda se lembrava do seu sonho com detalhamento suficiente para poder comparar as personalidades?
    Você não acha que por ela ter sido criada “por você” ela tenha sido de alguma forma influenciada a ter a personalidade sonhada “por você”?
    Também não acha que pelo seu amor por ela e pela sua crença, talvez você tenha uma lembrança tendenciosa e talvez falsa do seu sonho de anos atrás?
    Tendo em vista que raramente nos lembramos de nossos sonhos após 30 minutos depois de acordados e diante de todo o conhecimento e descobertas da psicologia e da neurociência, me permita não acreditar no seu relato. Eu esperava evidências extremamente mais fortes.

    Evidências mais forte do que a dor que eu senti, só o dia que voce passar por uma experiência semelhante, e ai ? vai querer encarar? Ha…ha..ha…ha…ha….. tudo a seu tempo na hora mais propicia ao aprendizado o mestre aparecerá!
    Sonhos e experiências relevantes se tornam marcantes a memória da minha alma.
    No sonho minha filha conversava sobre coisas de adultos esse fato que chamou minha atenção e desde de pequena ela sempre manifestou um personalidade madura acima da média.
    A personalidade ja vem antes da formação do corpo a isto eu chamo de alma, muito provavelmente a alma dela veio conhecer seus futuros pais, afinal nossas vidas dependem deste relacionamento.
    Possuo uma memória muito boa quando me interesso por algo não estou fantasiando.
    Bom o sonho foi como o descrito a personalidade da minha filha atesta a realidade do sonho e para mim isto não passa de uma evidência natural da existência de inteligências fora da materia.

    Comentando o ocorrido com uma psicóloga.. (como amigo …hehehhehe) ela afirmou que ja havia feito uma pesquisa onde comprovou que este fato é comum entre casais

    O que é esta pesquisa? Perguntar para outros casais com crenças e vontades igualmente tendenciosas?

    Cientistas devem ser imparciais ao verificar e registrarem fatos observáveis, a amostra de casais tem que ser variavel para que o resultado possua algum valor cientifico , certamente ente eles ha os crentes e alguns descrentes, porem isso não representa tendências de opiniões, apenas a comprovação de fatos consumados.
    Quanto isso por experiência própria eu só posso testificar que é verdadeiro.

    Foi uma consulta com opinião profissional (que mesmo assim pode estar errada) ou era apenas um papo entre amigos?

    Papo informal, troca de conhecimentos.

    Nada disto é ciência. São apenas evidencias anedóticas e que contribuem enormemente para a disseminação de lendas urbanas, superstições e pseudociências que minam a mente humana.

    Sua ignorância pessoal não pode querer limitar o conhecimento dos outros.

    Achar-se um criador das existência não é nada racional

    Concordo plenamente. É por isso que o deus apresentado por você não pode ser classificado como racional.

    Existe uma diferença entre criar e conseguir perceber uma existência.

    e querer atribui-las a irracionalidade é menos ainda

    A realidade existe independente da percepção pela consciência. O que há de irracional nisso se é baseado na observação do mundo natural?

    A nossa “razão ignorante nata” nos diz que vivemos a realidade que somos capazes de sentir.
    Querer viver e sentir a realidade dos outros , pode ser louvável e humano , mas além de ser isto impossível acaba com a razão do nosso ser.
    Para foi muito bom poder ter vivido por um instante compartilhando da vida e dos sentimentos da minha esposa, embora que uma experiência dolorosa foi gratificante saber que isto é possível e que devemos amar ao próximos como se eles fossem nós mesmos, mas uma união eterna de seres dentro de uma única realidade, representaria a perda das nossas identidades.

  101. Marcos

    assim deve ficar melhor:

    Busque na internet por “experimento mental”.
    É uma ferramenta lógica válida e muito utilizada não apenas por cientistas mas principalmente pelos seus adorados filósofos.

    Ok

    Sua logica funciona assim: Se for obra humana é intencional inteligente, caso contrario mesmo que seja um produto muito superior a racionalidade humana, como a própria vida ela só pode ser de origem “irracional”

    Não é a minha lógica. É a lógica da humanidade e de todo aquele que quer fazer uso da racionalidade.
    O produto da obra humana é observada a todo momento. Esta “racionalidade superior” que você menciona é apenas suposta por você, um achismo, especulação.

    De acordo com a sua lógica, toda a existência é de origem irracional sejam obras humanas ou alheias a nossa vontades.
    Voce não estranha o fato desta suposta “irracionalidade” conseguir manter a vida tão complexa por tanto tempo ?

    ser humanos chegam ao mundo de cabeça e mãos vazias, não sabendo de onde vieram nem para onde vão, mas logo se fazem “os proprietários exclusivos da razão”…coisas do orgulho ateu

    Não se trata de orgulho nem de propriedade. Trata-se apenas de observar os fatos contidos no mundo e no conhecimento acessível até o momento. Considerar o relevante e desconsiderar o irrelevante.
    Qualquer afirmação para além disso, entra em território inacessível ao conhecimento humano e você pode apenas especular, pois suponho que você seja tão humano quanto eu esteja sujeito à mesma limitação da razão.

    Racionalmente voce esta certo, dentro dos limites da sua intuição, eu ja seria desonesto se negasse a minha, mesmo não podendo prova-la aos outros.
    Certas coisas podem ser percebidas mas não provadas.

    Provavelmente se estuda-la encontrarei argumentos contra sua origem irracional

    Lhe desejo sorte nos estudos.
    Se encontrar algo assim peço que me informe, pois só assim poderei mudar minha opinião. E isso sem o menor constrangimento.

    O que te dará uma visão mais justa da vida, não é uma maior racionalidade e sim uma maior sensibilidade a sentimentos, amor é algo improvável porem pode ser percebido.

    Isto não anula o conceito de que para haver uma unica realidade existente não pode haver diferentes consciências

    É claro que pode. Existem, de fato, muitas consciências, cada pessoa tem a sua, mas a realidade é uma só. O que muda é apenas e tão somente a “percepção” desta realidade para cada pessoa.

    Interessante! Vejamos este seu conceito por uma outra razão:

    “É claro que pode. Existem, de fato, muitas consciências, cada pessoa tem a sua, mas a realidade DEUS é uma só. O que muda é apenas e tão somente a “percepção” desta realidade para cada pessoa.”

    Viu? Assim ficou mais bonito!
    De fato a nossa simples percepção das coisas não pode alterar a realidade “dos outros” e vice versa, assim como peixes no aquários vivem realidades diferentes dos oceanos.
    Porem a nossa vontade aliada a um maior conhecimento, pode sim alterar a realidade dos outros, bastando para isso faze-las perceberem outros sentindo ainda ignorados por elas.
    A exemplo do hipnotizador fazendo uso do seu conhecimento consegue criar imagens e sentimentos no cérebro do in transe, para este ser sob hipnose a única realidade existente é a que ele “sente “ no momento, por isso digo “sinto logo existo” pois os sentimentos e a intuição é que “criam” a razão do ser “eu”.

    para mim a verdadeira realidade é aquilo que “Eu sinto” e não o que os outros sentem, sim existe um relativismo entre as realidades percebidas ou sintonizadas pelas consciências

    Novo conceito inventado para tentar se encaixar na sua proposta de deus.
    Sinto lhe informar, mas se a você considera a realidade como sendo apenas aquilo que “você” sente e não os outros, então esta realidade e qualquer argumentação lógica e racional feita dentro dela só é válida para “você”.

    Sim voce sente e eu também sinto, isto é “graças a Deus !” Como ja expliquei antes, percepções por si só não podem alterar outras realidades percebidas, mas aliada a “vontade” podem sim!
    Como voce muito bem exemplificou a realidade Deus é única e todas consciências e percepções buscam instintivamente por ela , porem voltar a este estado anterior da não criação, contraria a vontade Deus, que ao se dividir criou em si mesmo , diferentes níveis de consciências, percepções, vontades e por consequência realidades individuais diferentes.

    O mais interessante nesta colocação que corrobora a conclusão de que cada pessoa tem seu próprio “personal deus” que criou o todo o seu “personal mundo” dentro da sua “personal realidade” e que só tem validade lógica e racional para o próprio indivíduo em questão.
    Este tipo de observação evidencia ainda mais a posição de que quase que com certeza deus é uma invenção humana.
    Pedem tanto por evidências, o Criaturo nos deu mais uma.

    Sim! Mais uma vez somos personas individuais graças a Deus, minha vida, minha vontade , meus sentimento, minha realidade.
    Ou voce acha que a sua percepção da realidade pode viver a minha vida ? Que as suas dores emocionais ou físicas, suas alegrias são iguais as minhas ?
    Enquanto permanecermos sintonizados em realidades diferentes teremos esta ilusão da separação (de uma Única realidade Deus).
    Em compensação continuaremos sendo nós mesmo , individualizados.
    Este é um beneficio causado pela ignorância que separa Deus e o homem.
    portanto:

    “Quanto mais ateu, mais homem e menos Deus”

    Pelo contrario significa que ele esta alem da sua razão, isso justifica a sua dificuldade de poder “racionaliza-lo”

    Aparentemente, também está além da sua razão, pois você também não conseguiu racionalizá-lo nem no texto nem nos comentários.

    Judiação! Então fico com o consolo de ja te-lo percebido este é o primeiro passo para encontrar a razão

    Este exemplo depende de raciocínio e intuição, como você ja disse estão atrelados

    Estão atrelados mas não são a mesma coisa. A intuição pode lançar a hipótese, mas é o raciocínio que a testa.
    A intuição não dispensa a razão. Já o contrário, pode acontecer em diversos casos.

    Ciência = intuição transformada em conhecimento conscientizado
    Intuição= Ciência absorvida dos outros, diretamente ou via transmissão de pensamentos.
    Considerando a ignorância nata do ser, toda sua ciência é externa por tanto é uma intuição absorvida.

    ateus afirmam não saber quem é o autor da natureza, ou pior afirmam ser uma obra complexa de uma origem irracional, para voce essa afirmação faz algum sentindo ?

    Faz sim todo o sentido dizer que não sabe.
    Da mesma forma, também faz todo o sentido, dentro dos dados da nossa realidade e do mundo natural, dizer, quase que com certeza, que não se trata de uma obra de racionalidade intencional.

    Decida-se! Não sabe, ou possui uma quase certeza ?

    sonhei que havia uma menininha sentada ao pé da nossa cama e passei a noite conversando com ela (…) senti uma terrível dor no peito, ao ponto de parar e ficar encostado na porta, olhei para traz e minha esposa também se apoiava na parede (…) ambos sentíamos a mesma dor ao mesmo tempo (…) minha filha nasceu naquele dia e depois só confirmou a personalidade que ja havia demonstrado no meu “sonho”

    Você mentiu ao dizer que foi comprovado cientificamente? Ou simplesmente não sabe o que significa “comprovação científica”?
    Este tipo de relato não evidencia a telepatia.
    Além disso, mesmo após sua filha crescer (anos depois) você ainda se lembrava do seu sonho com detalhamento suficiente para poder comparar as personalidades?
    Você não acha que por ela ter sido criada “por você” ela tenha sido de alguma forma influenciada a ter a personalidade sonhada “por você”?
    Também não acha que pelo seu amor por ela e pela sua crença, talvez você tenha uma lembrança tendenciosa e talvez falsa do seu sonho de anos atrás?
    Tendo em vista que raramente nos lembramos de nossos sonhos após 30 minutos depois de acordados e diante de todo o conhecimento e descobertas da psicologia e da neurociência, me permita não acreditar no seu relato. Eu esperava evidências extremamente mais fortes.

    Evidências mais forte do que a dor que eu senti, só o dia que voce passar por uma experiência semelhante, e ai ? vai querer encarar? ha…ha..ha…ha…ha….. tudo a seu tempo na hora mais propicia ao aprendizado o mestre aparecerá!
    Sonhos e experiências relevantes se tornam marcantes a memória da minha alma.
    No sonho minha filha conversava sobre coisas de adultos esse fato que chamou minha atenção e desde de pequena ela sempre manifestou um personalidade madura acima da média.
    A personalidade ja vem antes da formação do corpo a isto eu chamo de alma, muito provavelmente a alma dela veio conhecer seus futuros pais, afinal nossas vidas dependem deste relacionamento.
    Possuo uma memória muito boa quando me interesso por algo não estou fantasiando.
    Bom o sonho foi como o descrito a personalidade da minha filha atesta a realidade do sonho e para mim isto não passa de uma evidência natural da existência de inteligências fora da matéria.

    Comentando o ocorrido com uma psicóloga.. (como amigo …hehehhehe) ela afirmou que ja havia feito uma pesquisa onde comprovou que este fato é comum entre casais

    O que é esta pesquisa? Perguntar para outros casais com crenças e vontades igualmente tendenciosas?

    Cientistas devem ser imparciais ao verificar e registrarem fatos observáveis, a amostra de casais tem que ser variável para que o resultado possua algum valor cientifico , certamente ente eles ha os crentes e alguns descrentes, porem isso não representa tendências de opiniões, apenas a comprovação de fatos consumados.
    Quanto isso por experiência própria eu só posso testificar que é verdadeiro.

    Foi uma consulta com opinião profissional (que mesmo assim pode estar errada) ou era apenas um papo entre amigos?

    Papo informal, troca de conhecimentos.

    Nada disto é ciência. São apenas evidencias anedóticas e que contribuem enormemente para a disseminação de lendas urbanas, superstições e pseudociências que minam a mente humana.

    Sua ignorância pessoal não pode querer limitar o conhecimento dos outros.

    Achar-se um criador das existência não é nada racional

    Concordo plenamente. É por isso que o deus apresentado por você não pode ser classificado como racional.

    Existe uma diferença entre criar e conseguir perceber uma existência.

    e querer atribui-las a irracionalidade é menos ainda

    A realidade existe independente da percepção pela consciência. O que há de irracional nisso se é baseado na observação do mundo natural?

    A nossa “razão ignorante nata” nos diz que vivemos a realidade que somos capazes de sentir.
    Querer viver e sentir a realidade dos outros , pode ser louvável e humano , mas além de ser isto impossível acaba com a razão do nosso ser.
    Para mim foi muito bom poder ter vivido por um instante compartilhando da vida e dos sentimentos da minha esposa, embora que uma experiência dolorosa foi gratificante saber que isto é possível e que devemos amar ao próximos como se eles fossem nós mesmos, mas uma união eterna de seres dentro de uma única realidade, representaria a perda das nossas identidades.

  102. Marcos

    Sua argumentação era que a pessoa não perde a consciência do mundo quando morre.

    afirmo que não passa a inexistir, porem poderá ficar em stand bay por algum período de adaptação ou de recuperação.

    Na reportagem do Domingo Espetacular o homem fala que não se lembra de nada do que aconteceu quando perdeu a consciência e depois acordou no necrotério. Ou seja, ele nem estava morto e mesmo assim não tinha consciência do mundo.
    quando dormimos perdemos a consciência deste mundo , imagine dormir com 6 balas cravadas na cabeça!

    As únicas conclusões encontradas na reportagem foram:
    – O ladrão (me recuso a chama-lo de vítima) tem cabeça dura.

    literalmente ,constatado pelo neuro cirurgião

    – O atirador deveria ter utilizado maior calibre.

    aquilo que não queremos para nós não devemos deseja para os outros, alem do mais nada acontece por acaso para algumas entenderem a vida precisam antes passarem pela morte, o cara nasceu de novo e passou ser mais util a sociedade.
    para sua informação o calibre era 38 e deixe de ser maldoso.

    – Alguém no hospital “intuiu” erradamente que ele estivesse morto.

    Se médicos não possuem capacidade cientifica para determinar o final da vida, intuição também não deve ser o forte deles.

    – O hospital não chegou a atestar a morte.

    de fato negarão isso “até a morte ” ha….ha…ha…ha, mas ja haviam registrado ocorrência como assassinato, alem do mais eles possuem o habito de empacotar pessoas vivas e mandarem para o necrotério ?

    – Ele saiu da inconsciência, período durante o qual não estava morto e nem consciente do mundo que o cercava.
    A consciência após a morte não chegou nem perto de ser evidenciada.

    Neste caso não, porem apresentou todos sinais de morto como voce pode afirmar que ele não voltou do estado da morte ?
    ps. a transição de consciência entre realidades de diferentes mundos é relativa e progressiva ao tempo e também depende das pessoas.

  103. Marcos

    No caso do menino não é diferente. Trata-se apenas de incompetência do corpo médico e de enfermagem.
    A própria família admite que removeu os algodões e deixou o saco aberto.
    Conclusão: Ele não estava morto. O que houve foi erro de avaliação.

    para um corpo médico assinar um atestado de óbito no minimo verificaram os sinais vitais ausentes, córnea estática que no momento aparentavam estado de morte.

  104. Criaturo,

    De acordo com a sua lógica, toda a existência é de origem irracional sejam obras humanas ou alheias a nossa vontades

    Repito, não é a “minha” lógica. A lógica humana funciona assim. A observação do mundo nos dá exemplos e indícios disso.

    Voce não estranha o fato desta suposta “irracionalidade” conseguir manter a vida tão complexa por tanto tempo ?

    Em primeiro lugar: Complexidade é relativa.
    E segundo lugar: Não acho nem um pouco estranho, tendo em vista que a vida conhecida existente é algo extraordinariamente recente em termos cosmológicos. Este “tanto tempo” não é tanto tempo assim.

    Certas coisas podem ser percebidas mas não provadas

    Por isso não pedi provas. Seu texto nem tem este objetivo.

    O que te dará uma visão mais justa da vida, não é uma maior racionalidade e sim uma maior sensibilidade a sentimentos, amor é algo improvável porem pode ser percebido

    Não vejo muita relação entre amor e justiça.
    Além disso, se tivermos que perceber as coisas pelos sentimentos e não pela racionalidade, significa que o deus apresentado por você não é racional.

    “É claro que pode. Existem, de fato, muitas consciências, cada pessoa tem a sua, mas a realidade DEUS é uma só. O que muda é apenas e tão somente a “percepção” desta realidade para cada pessoa.”

    Viu? Assim ficou mais bonito!

    Você apenas alterou o conceito de realidade utilizando sua premissa inválida de que “deus é tudo que existe”. Você faz isso com tudo só pra poder encaixar na sua crença. Como já demonstrei, isso é incompatível com os princípios da lógica.

    E mesmo assim, você admite que até mesmo essa sua “realidade deus” (se existisse tal coisa) seria única e independe da percepção.

    a nossa vontade aliada a um maior conhecimento, pode sim alterar a realidade dos outros, bastando para isso faze-las perceberem outros sentindo ainda ignorados por elas

    Errado. O que você pode alterar não é a realidade dos outros mas apenas a percepção delas de uma realidade objetiva.

    para este ser sob hipnose a única realidade existente é a que ele “sente “ no momento, por isso digo “sinto logo existo” pois os sentimentos e a intuição é que “criam” a razão do ser “eu”

    Como você mesmo disse, “para este ser sob hipnose”.
    A percepção da realidade é que foi alterada e esta “nova realidade” que foi manipulada serve única e exclusivamente para o ser sob hipnose e pra mais ninguém. A realidade objetiva não é alterada.

    Como ja expliquei antes, percepções por si só não podem alterar outras realidades percebidas, mas aliada a “vontade” podem sim

    Suas explicações se baseiam em premissas sem validade lógica e portanto são igualmente inválidas e irracionais.

    Enquanto permanecermos sintonizados em realidades diferentes teremos esta ilusão da separação (de uma Única realidade Deus)

    A realidade é única e objetiva. Se não fosse assim e a realidade fosse produto de nossa percepção, o autismo seria a nossa condição normal.
    Todo o seu discurso não se baseia na realidade objetiva e portanto não é racional.

    Ciência = intuição transformada em conhecimento conscientizado
    Intuição= Ciência absorvida dos outros, diretamente ou via transmissão de pensamentos.
    Considerando a ignorância nata do ser, toda sua ciência é externa por tanto é uma intuição absorvida

    Mais conceitos gerados pela sua imaginação e que não encontram suporte na lógica ou no mundo racional.

    Decida-se! Não sabe, ou possui uma quase certeza ?

    Você perguntou qual das duas fazia sentido. As duas fazem sentido.
    A primeira é a posição do agnóstico e tem validade lógica, apesar de ser completamente irrelevante em qualquer discussão.
    A segunda é a minha posição pessoal e acho que a da maioria dos ateus. Ela se baseia na observação das evidências que o mundo natural, a lógica e o pensamento racional nos proporciona.

    Evidências mais forte do que a dor que eu senti, só o dia que voce passar por uma experiência semelhante, e ai ? vai querer encarar? ha…ha..ha…ha…ha….. tudo a seu tempo na hora mais propicia ao aprendizado o mestre aparecerá!

    Se é necessário revelação pessoal para descobrir o seu deus, isso é mais uma evidência de que não se trata de uma proposta “racional” de deus.

    Quanto isso por experiência própria eu só posso testificar que é verdadeiro

    Esse é o problema com a revelação pessoal. Não serve de evidência para mais ninguém.

    Sua ignorância pessoal não pode querer limitar o conhecimento dos outros

    Não tenho essa pretensão. Você disse que tinha uma proposta “racional” de deus e estamos todos aguardando isso.

    Existe uma diferença entre criar e conseguir perceber uma existência

    Mas é você quem diz que é a percepção que gera a realidade existente.

  105. Criaturo,

    afirmo que não passa a inexistir, porem poderá ficar em stand bay por algum período de adaptação ou de recuperação

    Como pode fazer afirmações tão detalhadas sem ter experimentado nem verificado nada disso?
    Nem a reportagem que você citou faz referência a nada de “stand-by”, adaptação ou recuperação. Você fez estas suposições sozinho e não passam disso. Suposições.

    para sua informação o calibre era 38 e deixe de ser maldoso

    Talvez meu discurso tenha dado espaço para dupla interpretação.
    O que quis dizer é que quem dispara 7 tiros na cabeça de alguém tem a clara intenção de matar esta pessoa.
    Independente do juízo de certo e errado, o atirador foi incompetente em realizar a sua intenção.

    de fato negarão isso “até a morte ” ha….ha…ha…ha, mas ja haviam registrado ocorrência como assassinato, alem do mais eles possuem o habito de empacotar pessoas vivas e mandarem para o necrotério ?

    Isso só evidencia a incompetência humana em confiar apenas em sua intuição.

    apresentou todos sinais de morto como voce pode afirmar que ele não voltou do estado da morte ?

    Porque isso só acontece no “The Walking Dead”.
    A observação do mundo natural nos indica que a morte é o final. Se a verdade for outra, ela precisa ser evidenciada por aqueles que a alegam isso e não ser desmentida por quem se embasa na realidade.

    ps. a transição de consciência entre realidades de diferentes mundos é relativa e progressiva ao tempo e também depende das pessoas

    Você fala desse assunto como se tivesse pós-doutorado. Que fonte de informações ou poderes especiais você tem que eu não tenho para saber de tantos detalhes sobre o pós-morte?
    Divida suas evidências.

    para um corpo médico assinar um atestado de óbito no minimo verificaram os sinais vitais ausentes, córnea estática que no momento aparentavam estado de morte

    Vai saber se no cafundó do mundo todos os protocolos médicos são realmente seguidos. Pessoas levantando de seus caixões não é um bom sinal de uma prática médica confiável.

  106. Marcos

    Em primeiro lugar: Complexidade é relativa.
    E segundo lugar: Não acho nem um pouco estranho, tendo em vista que a vida conhecida existente é algo extraordinariamente recente em termos cosmológicos. Este “tanto tempo” não é tanto tempo assim.

    E a vida sem registros cuja existência se perdem no tempo ?

    O que te dará uma visão mais justa da vida, não é uma maior racionalidade e sim uma maior sensibilidade a sentimentos, amor é algo improvável porem pode ser percebido

    Além disso, se tivermos que perceber as coisas pelos sentimentos e não pela racionalidade, significa que o deus apresentado por você não é racional.

    Como voce ja disse a racionalidade deve ser usada para comprovar a intuição

    “É claro que pode. Existem, de fato, muitas consciências, cada pessoa tem a sua, mas a realidade DEUS é uma só. O que muda é apenas e tão somente a “percepção” desta realidade para cada pessoa.”
    Viu? Assim ficou mais bonito!

    Você apenas alterou o conceito de realidade utilizando sua premissa inválida de que “deus é tudo que existe”. Você faz isso com tudo só pra poder encaixar na sua crença. Como já demonstrei, isso é incompatível com os princípios da lógica.
    E mesmo assim, você admite que até mesmo essa sua “realidade deus” (se existisse tal coisa) seria única e independe da percepção

    .

    Anates da criação só havia uma única realidade consciente Deus, com a sua divisão criou em si mesmo diferentes niveis de consciências e percepções de realidades.
    Cada ser vive uma realidade própria , isto é fato.

    a nossa vontade aliada a um maior conhecimento, pode sim alterar a realidade dos outros, bastando para isso faze-las perceberem outros sentindo ainda ignorados por elas

    Errado. O que você pode alterar não é a realidade dos outros mas apenas a percepção delas de uma realidade objetiva.

    Voce não pode viver e sentir a realidade dos outros e vice versa, por isso as realidades são relativas ao ser.
    O que voce chama de Única realidade objetiva existente é Deus antes da sua divisão (criação), agora esta realidade Deus passou a ser relativa ao grau de consciência ja alcançada.
    Ou seja enquanto vivermos esta ilusão da separação divina nos sentiremos seres unicos.

    para este ser sob hipnose a única realidade existente é a que ele “sente “ no momento, por isso digo “sinto logo existo” pois os sentimentos e a intuição é que “criam” a razão do ser “eu”

    Como você mesmo disse, “para este ser sob hipnose”.
    A percepção da realidade é que foi alterada e esta “nova realidade” que foi manipulada serve única e exclusivamente para o ser sob hipnose e pra mais ninguém. A realidade objetiva não é alterada.

    Após a criação a realidade que da vida ao ser, passou a ser pessoal dinâmica e não estática como você propõe, pense assim para uma pessoa desabrigada ela sentira a realidade da chuva, para outra abrigada a realidade sentida será outra bem mais confortável, em outras palavras: ”Uma realidade sentida é uma realidade existente.” ou seja para mim só existe aquilo que eu ja consigo ou passo a sentir.
    Mal grado a sua realidade vivida e sentida a do autista é outra.
    Podemos comparar o relativismo da realidade, a moral humana ou seja cria-se de comum acordo um padrão moral médio.
    Isso com base nos sentimentos humanos e mal grado voces ateus se encontrarem entre a minoria, a maioria humana consegue de alguma forma sentir a existência de Deus, logo para elas Deus é uma realidade existente.
    O que da mais vida ao ser: “ a razão ou sentimentos ?”

    Enquanto permanecermos sintonizados em realidades diferentes teremos esta ilusão da separação (de uma Única realidade Deus)

    A realidade é única e objetiva. Se não fosse assim e a realidade fosse produto de nossa percepção, o autismo seria a nossa condição normal.
    Todo o seu discurso não se baseia na realidade objetiva e portanto não é racional.

    Realidade única e objetiva (Deus) existiu somente antes da criação de outras consciências (humanas).
    O autismo é a realidade de quem a sente na pele, alias o autista pode estar muito consciente dentro da realidade dele.

    Decida-se! Não sabe, ou possui uma quase certeza ?

    Você perguntou qual das duas fazia sentido. As duas fazem sentido.
    A primeira é a posição do agnóstico e tem validade lógica, apesar de ser completamente irrelevante em qualquer discussão.
    A segunda é a minha posição pessoal e acho que a da maioria dos ateus. Ela se baseia na observação das evidências que o mundo natural, a lógica e o pensamento racional nos proporciona.

    Sendo assim voce deve estar “quase certo” nem totalmente errado.

    Evidências mais forte do que a dor que eu senti, só o dia que voce passar por uma experiência semelhante, e ai ? vai querer encarar? ha…ha..ha…ha…ha….. tudo a seu tempo na hora mais propicia ao aprendizado o mestre aparecerá!

    Se é necessário revelação pessoal para descobrir o seu deus, isso é mais uma evidência de que não se trata de uma proposta “racional” de deus.

    A ciência espiritual tambem vem da observação de fatos naturais, mantenha-se ligado a este sentido que tambem poderá passar a observa-los.

    Quanto isso por experiência própria eu só posso testificar que é verdadeiro

    Esse é o problema com a revelação pessoal. Não serve de evidência para mais ninguém.

    Exato! Realidade é construída por sentimentos diferentes que em situações normais não podem ser compartilhados, mas a dor pré-parto compartilhado por mim e minha esposa prova que quando ha sintonia entre os seres eles podem passar a viver (sentir) “momentaneamente” a mesma realidade.

    Sua ignorância pessoal não pode querer limitar o conhecimento dos outros

    Não tenho essa pretensão. Você disse que tinha uma proposta “racional” de deus e estamos todos aguardando isso.

    É mais racional em relação ao Deus biblico do AT, pois apresenta um deus limitado e não um magico do faz de contas.

    Existe uma diferença entre criar e conseguir perceber uma existência

    Mas é você quem diz que é a percepção que gera a realidade existente.

    O deus mecânico age no cérebro criando realidades virtuais, mas que são capazes de criar sentimentos reais de tristeza ou alegrias que interagem com o corpo físico , ou seja quem vivencia o sonho passa a ser real.
    Porem nem todo sonho é mecânico, existem os sonhos lúcidos em que o ser atinge um estado mais consciente de si mesmo e passa ter vontade própria dentro da realidade em que vive , é neste estado que ele consegue absorver conhecimentos externos ao seu mundo físico e depois comprova-los no estado de vigília.

  107. Criaturo,

    E a vida sem registros cuja existência se perdem no tempo ?

    No período logo após o Big Bang, a vida complexa da qual estamos falando seria cientificamente insustentável tendo em vista as condições de temperatura (algo da ordem de milhões de graus) e pressão (toda a matéria do universo concentrada em um pequeno espaço). A suposição de qualquer forma de vida nestas condições não passa de suposição e cairemos de novo no achismo sem qualquer evidência dentro da lógica racional.

    Você assistiu a estréia da série “Cosmos” na quarta-feira na Fox?
    Se a história do universo fosse colocada na escala de 1 ano, a vida teria surgido em formas extremamente simples por volta de final de setembro, sendo que a espécie humana surgiu na última hora do dia 31 de dezembro.

    Como voce ja disse a racionalidade deve ser usada para comprovar a intuição

    Comprovar ou falsear.
    No caso do deus proposto por você ele continua no campo da intuição. Ele não é comprovado racionalmente como você inicialmente alegou.

    Anates da criação só havia uma única realidade consciente Deus, com a sua divisão criou em si mesmo diferentes niveis de consciências e percepções de realidades.
    Cada ser vive uma realidade própria , isto é fato.

    O único lugar onde isso é mesmo um fato válido é na “sua” realidade particular e de mais ninguém.

    O que voce chama de Única realidade objetiva existente é Deus antes da sua divisão (criação), agora esta realidade Deus passou a ser relativa ao grau de consciência ja alcançada.

    É apenas mais um dos seus conceitos que não encontram suporte na lógica racional.

    em outras palavras: ”Uma realidade sentida é uma realidade existente.” ou seja para mim só existe aquilo que eu ja consigo ou passo a sentir.

    Isto é insano. Só porque você não está se molhando a chuva não existe?
    Ela existe para todos. O percepção dela é que é diferente.
    Concordo que você acredita nisso e que você é soberano sobre a sua opinião, mas o fato é que não pra chamar isto de “racional”, você irá precisar inventar um novo conceito para o termo “racional”.

    a maioria humana consegue de alguma forma sentir a existência de Deus, logo para elas Deus é uma realidade existente

    Então o deus proposto por você não existe objetivamente. Só existe na realidade de quem acredita nele.
    Portanto, segundo a sua própria visão, o ateu está correto ao afirmar que deus não existe?

    A ciência espiritual tambem vem da observação de fatos naturais, mantenha-se ligado a este sentido que tambem poderá passar a observa-los

    A própria expressão “ciência espiritual” não tem embasamento lógico. É autocontraditória uma vez que espíritos não têm qualquer comprovação científica.

    É mais racional em relação ao Deus biblico do AT, pois apresenta um deus limitado e não um magico do faz de contas

    Ambos são igualmente racionais.
    O seu deus também tem suas mágicas, tipo telepatia, ressurreição (ou imortalidade) e alegações fantasiosas do tipo “Se não houver nenhuma mente toda a matéria e todo o universo deixarão magicamente de existir”.

  108. Marcos

    Você assistiu a estreia da série “Cosmos” na quarta-feira na Fox?
    Se a história do universo fosse colocada na escala de 1 ano, a vida teria surgido em formas extremamente simples por volta de final de setembro, sendo que a espécie humana surgiu na última hora do dia 31 de dezembro.

    Não possuo muito interesse em adquirir TV paga, a não ser justamente pelos canais culturais como o discovery channel,mesmo assim ainda posso assistir no you tube

    No caso do deus proposto por você ele continua no campo da intuição. Ele não é comprovado racionalmente como você inicialmente alegou.

    A racionalidade é subjetiva, a proposta foi apresentar um deus mais racional e não provar sua existência.

    Cada ser vive uma realidade própria , isto é fato.

    O único lugar onde isso é mesmo um fato válido é na “sua” realidade particular e de mais ninguém.

    Você não pode provar que a realidade dos outros é a mesma que você vivencia, a não ser que também já tenha passado por uma fusão tipo sayajim .

    O que voce chama de Única realidade objetiva existente é Deus antes da sua divisão (criação), agora esta realidade Deus passou a ser relativa ao grau de consciência ja alcançada.

    É apenas mais um dos seus conceitos que não encontram suporte na lógica racional.

    E Por que isso não é lógico? Veja para existir apenas uma única consciência objetiva , todas deveriam estar sincronizadas em uma única realidade, do seres microscópicos aos mais complexos todos vivem diferentes realidades.

    em outras palavras: ”Uma realidade sentida é uma realidade existente.” ou seja para mim só existe aquilo que eu ja consigo ou passo a sentir.

    Isto é insano. Só porque você não está se molhando a chuva não existe?
    Ela existe para todos. O percepção dela é que é diferente.

    Errado ! pois o som não existe para surdos de nascença, nem imagens para cegos, agora vai dizer que a realidade que eles vivenciam é a mesma que a sua ?
    Mas como já exemplifiquei a sua percepção de outras realidades consciente da imagem e do sons, associado a conhecimentos científicos, a sua vontade pode alterar a percepção da realidades dessas pessoas deficientes, pra que fiquem mais próxima da sua, porem nunca serão iguais.

    Pois querer vivenciar uma única realidade Deus seria voltar ao principio antes da Criação de consciências e realidades diferentes.
    Este desejo é naturalmente humano e não o divino.

    a maioria humana consegue de alguma forma sentir a existência de Deus, logo para elas Deus é uma realidade existente

    Então o deus proposto por você não existe objetivamente. Só existe na realidade de quem acredita nele.
    Portanto, segundo a sua própria visão, o ateu está correto ao afirmar que deus não existe?

    Assim como as imagens só existem para os que possuem olhos para percebê-las e sons para os ouvidos capazes de percebe- los, a realidade Deus só poderá ser sentida por seres que já desenvolveram este sentido.
    Ateus se fizeram semelhantes a cego e surdos de nascença, que não podem conceber uma realidade não sentida por eles.
    Como instintos, os sentimento também possuem uma razão alheia a nossa vontade, então do ponto de vista humano podemos afirmar que os sentimentos não fazem mesmo parte da nossa razão humana, então eles só podem agir na nossas vidas pela vontade de uma Razão externa ao nosso ser, isso mesmo a razão externa que forma o teu ser, você passou a classifica-la de irracional , orgulho de querer ver-se livre,mas não passa de um escravo dos seus sentimentos, pois o que seria da razão sem sentimentos ? Uma maquina, um computador tudo menos um ser humano.
    Os sentimentos precederam a razão humana, pois dentro da ignorância absoluta do ser “eu”, do sentimento nasceu o desejo da ação intencional buscando os prazeres e isso levou ao desenvolvimento da razão humana, construindo o ser “eu” e não o “ser Deus”.
    “Sinto logo existo” porque sem sentimentos não pode haver realidades.

    A ciência espiritual tambem vem da observação de fatos naturais, mantenha-se ligado a este sentido que tambem poderá passar a observa-los

    A própria expressão “ciência espiritual” não tem embasamento lógico. É autocontraditória uma vez que espíritos não têm qualquer comprovação científica.

    Ciência é ter de alguma forma a percepção de algo, embora improvável eu tenho a ciência que Deus existe pelos sentimentos vivenciado e por fatos naturalmente observados , uso o conceito” Deus é tudo”, baseado na observação de inteligências agindo fora da matéria.
    Poderia da testemunhos de inúmeros fatos observados neste sentindo, normalmente céticos ignoram a parte moral causada por uma espiritualidade em fenômenos inteligentes e intencionais e se apegam na s causas naturais dos fenômenos .
    Toda causa de fenômeno é natural, porem devemos observar se neles há uma causa intencional ou apenas mecânica irracional.
    E de fato os espíritos agem respeitando as leis naturais do mundos físico e espirituais, ou seja tanto a ciência espiritual como a física estão sujeitas a leis pré estabelecidas pela natureza Deus, como o tópico diz não existem mágicas o poder é dado a quem possui maior ciência das leis.
    No exemplo do ladrão que levou 9 tiros , seis na cabeça:
    O espírito responsável pela sua evolução na terra sabia que para ele desapegar do desejo de roubar, precisaria “sentir” , que tal conduta levaria ao final da sua existência, sabendo que o dono da casa já havia “decidido” a por fim a vida do próximo ladrão que invadisse sua casa, usaram dos seus conhecimentos para propiciarem este natural encontro do pão com a manteiga, um precisando sofrer para aprender e o disposto e preparado para matar ladrões.
    Neste caso um dos médicos disse que havia um “anjo” desviando as balas do cérebro do ladrão , o que seria um desrespeito as leis físicas deste mundo, ou seja este tipo de milagres ou mágica não existe nem faz sentindo algum,mas da forma que eu idealizei os mentores espirituais que conduziram o desfecho intencional dos fatos possuíam a ciência de que a grossa camada craniana do ladrão não permitiria a consumação da sua morte e que essa experiência daria ao rapaz um maior sentido a sua vida.
    Veja que diante deste fato aqui houve um natural milagre do rapaz ter se conscientizando um ser humano mais útil ao bem comum , um milagre anônimo que passa despercebido aos olhos dos céticos que preferem dar credito ao acaso irracional, como se a sua falta de razão pudesse limitar a razão dos outros.
    Assim como homens usam sua maior ciência e razão para controlar e manipular a vida de outros seres mais ignorantes, os seres superiores também, anonimamente controlam e manipulam a vida dos homens ,mas não para escravizar e sim sabiamente com a única intenção de fazê-los evoluir

    É mais racional em relação ao Deus biblico do AT, pois apresenta um deus limitado e não um magico do faz de contas

    Ambos são igualmente racionais.
    O seu deus também tem suas mágicas, tipo telepatia, ressurreição (ou imortalidade) e alegações fantasiosas do tipo “Se não houver nenhuma mente toda a matéria e todo o universo deixarão magicamente de existir”.

    A realidade do ser é construída por percepções próprias, para um ser sem percepções , não há existências.
    Informe-se e descubra que telepatia é algo comum e natural.
    Como já disse as leis da natureza Deus, não podem ser desrespeitadas , portanto consumado o desligamento tênue do ultimo fio que liga o espírito ao corpo, não existe milagre capaz de remendar tais fios, veja que nas supostas ressuscitassões Jesus foi bem honesto:
    11 Assim falou; e depois disse-lhes: Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono.
    38 E, tendo chegado à casa do principal da sinagoga, viu o alvoroço, e os que choravam muito e pranteavam.
    39 E, entrando, disse-lhes: Por que vos alvoroçais e chorais? A menina não está morta, mas dorme.
    41 E, tomando a mão da menina, disse-lhe: Talita cumi; que, traduzido, é: Menina, a ti te digo, levanta-te.
    42 E logo a menina se levantou, e andava, pois já tinha doze anos; e assombraram-se com grande espanto.
    Repare que a santidade de Jesus consiste na ciência de saber que ambos ainda não haviam morrido de fato consumado, por tanto não fez mágica nem milagre algum, apenas usou da sua ciência para despertar os sentidos dos que se achavam “mortos”.
    E ensinou: “Todo aquele que se instruir, conseguirá fazer obras maiores do as que eu faço.” Isto não é milagres e sim ciência já conquistada, pois Jesus não veio para revogar as leis da natureza Deus e sim para cumpri-las e ensina-las.

  109. Criaturo:

    Você não pode provar que a realidade dos outros é a mesma que você vivencia, a não ser que também já tenha passado por uma fusão tipo sayajim .

    Acho que você confunde “realidade” com “percepção da realidade”.
    Percepções da realidade são relativas às capacidades de cada mente.

    A realidade é o substrato de onde tiramos nossas percepções.

    O que voce chama de Única realidade objetiva existente é Deus antes da sua divisão (criação), agora esta realidade Deus passou a ser relativa ao grau de consciência ja alcançada.

    Realidade é a máquina funcionando independente das várias percepções que as mentes podem ter dela.

    Mundo Mental dentro de um Mundo real.

  110. Criaturo, mais ou menos isso:

    “O ser que pensa… (2005/6)

    A mente é essencialmente uma geradora de conceitos, ela sente o UNIVERSO REAL, e constrói para si mesma seu próprio UNIVERSO MENTAL, feito de conceitos abstratos e relativos, a mente faz uma leitura daquilo que sente, e o torna real pra si mesma.
    Sentir, quase que sentimos da mesma forma, mas os filtros por onde esse sentir passa, são diferentes para cada mente, são filtros construídos com as regras morais adquiridas ou formuladas, baseadas nos conceitos também adquiridos ou construídos.
    Mas, o que é a mente que pensa, sente e pensa sobre o que sente?
    Há uma separação clara, instintiva, entre a mente e o corpo. A mente está contida no corpo, mais especificamente em um órgão chamado cérebro, que parece ser uma interface de contato entre a mente e um mundo material.
    A grande “pegada” de Réne Descartes, (…a única certeza que tenho, é que eu penso, logo eu existo…). Sim, essa parece ser uma verdade incontestável, eu penso, não interessa sobre o que eu penso, pois o objeto do meu pensar pode ser uma ilusão, mas eu penso, eu sou algo que pensa, eu sou uma mente.
    Uma mente cercada de ilusões? Eu penso sobre essas ilusões, formulo meu mundo à partir dessas ilusões, que geram conceitos em mim, sou um saco de conceitos, e assim construo o meu mundo.
    Onde estou quando penso? Tenho a noção de espaço, de estar situado em mim mesmo, perante o mundo. Minha mente/eu, está contida em um limite espacial, não é como se eu estivesse no mundo todo, todavia posso me imaginar em qualquer lugar do mundo, mas esse imaginar ainda reside dentro de mim, e o mundo que eu imagino é meu, só posso caminhar por entre ele, nas coisas dele.
    E tenho também a noção de outras mentes, posso ver a forma dos corpos que as abrigam, e pelas expressões que essas mentes geram nesses corpos, posso ver partes delas.
    Voltemos à mim, enquanto mente. Pareço estar em um casulo, os sentidos, portas de entrada de sentires, me trazem informações sobre o que me cerca, mas nunca posso ter certeza de que aquilo que me cerca é real ou ilusão, sei que há algo real à minha volta, mas minha forma de ver esse real será sempre uma ilusão própria, ou a forma que eu decodifico a realidade.
    Eu mesmo seria uma espécie de ilusão? A forma como me vejo, seria real? Penso em mim, como a forma que vejo em um espelho, mas, esse não sou eu de fato, o ser que pensa está imerso em algum lugar, o corpo é uma ilusão que caminha por entre ilusões.
    Então o que seria o ‘’eu-mente’’ ? Já que seria essa a minha única certeza, o pensar, o ser; entretanto, onde estou ?
    Será que sou um sistema que faz parte de um outro maior? Se eu penso, sou dinâmico, um sistema portanto, sistema dentro de sistema, os sentidos recebem cores vindas desse sistema maior, ele parece criar um mundo à partir dele mesmo, onde nós interagimos segundo certas regras básicas . E assim ficamos ‘’presos’’ à esse mundo ilusório criado à partir de um suporte real.
    A finalidade .
    Principalmente gerar cores. Isso mesmo, a geração de cores para os eus-mentes, isso significa ter-se sobre o que pensar, isso é pura dinâmica do pensar, pensar sobre as ilusões, criar mundos internos, dividir-se, fragmentar-se para depois descobrir-se de novo.
    Uma dinâmica interminável de sentir e pensar sobre o que se sentiu, criar sobre esses sentires, causando sentidos e
    sentimentos, gerar mundos internos e cada um de nós tem assim um universo próprio, um UNIVERSO MENTAL que interage com os outros.
    No Universo Real, os elementos que o compõem, são eternos, indestrutíveis, embora altamente mutáveis em forma e ação.
    Esses elementos também formam o sistema da mente consciente, isso significaria ter-se uma mente modificável também, e que parece surgir,(o sistema e a organização da mente) vazia de informações sobre si mesma e do ambiente à sua volta. Então sua ‘’missão’’ à partir desse momento parece ser: sentir, coletar informações/cores , e tentar entender tudo o que seus sentidos podem captar, e por esse meio compreender a si mesmo, ou talvez apenas jogar com as ilusões decodificadas, jogar com os conceitos gerados, regras internas .
    Isso faz-me pensar que tudo pode ser um imenso JOGO de ilusões, o tabuleiro é REAL mas o jogo em si é uma ilusão, as regras são também ilusões, exceto as regras do tabuleiro, e cada mente forma um jogo diferente.
    … (não terminado)”

  111. Marcio

    Acho que você confunde “realidade” com “percepção da realidade”.
    Percepções da realidade são relativas às capacidades de cada mente.
    A realidade é o substrato de onde tiramos nossas percepções.

    para o individuo a unica realidade existente é a percebida por ele.

    Realidade é a máquina funcionando independente das várias percepções que as mentes podem ter dela.
    Mundo Mental dentro de um Mundo real.

    Chamo a sua maquina de o “deus mecânico”,mas a classificação da realidade é subjetiva, pois “nada do que foi será de novo do jeito que ja foi um dia…tudo passa tudo sempre passará como ondas num indo e vindo infinitos” tudo o que se vê não é do jeito que se viu a um segundo. eu achava o lulu santos um chato e agora me vejo defendendo suas musicas …é acho que tô ficando velho ………

  112. Marcio

    A mente é essencialmente uma geradora de conceitos, ela sente o UNIVERSO REAL, e constrói para si mesma seu próprio UNIVERSO MENTAL, feito de conceitos abstratos e relativos, a mente faz uma leitura daquilo que sente, e o torna real pra si mesma.

    oh! somos todos esquizofrênicos em potencial? , ou a realidade é relativa ao
    ser ? exato a interpretação da percepção que temos da realidade é que constrói o nosso ser “eu! ou a nosssa realidade “própria”.

    Sentir, quase que sentimos da mesma forma, mas os filtros por onde esse sentir passa, são diferentes para cada mente, são filtros construídos com as regras morais adquiridas ou formuladas, baseadas nos conceitos também adquiridos ou construídos.

    provavelmente os sentidos mecânicos são parecidos,mas só podemos a firmar que eles são capazes de detectar uma média padrão do sentimentos do prazer e dos sofrimentos, quanto a realidade das interpretações é própria de cada ser e não pode ser objetivamente compartilhada no seus sentimentos.

    Mas, o que é a mente que pensa, sente e pensa sobre o que sente?

    essa é a realidade relativa que constitui o seu ser.

    Há uma separação clara, instintiva, entre a mente e o corpo. A mente está contida no corpo, mais especificamente em um órgão chamado cérebro, que parece ser uma interface de contato entre a mente e um mundo material.

    a grande duvida é se a mente é um produto da matéria ou se da vida a materia ?

    A grande “pegada” de Réne Descartes, (…a única certeza que tenho, é que eu penso, logo eu existo…). Sim, essa parece ser uma verdade incontestável, eu penso, não interessa sobre o que eu penso, pois o objeto do meu pensar pode ser uma ilusão, mas eu penso, eu sou algo que pensa, eu sou uma mente.

    discordo: “sinto logo existo” os sentimentos antecedem a razão, ou seja nunca poderá existir raciocínios sem antes haver uma vontade os determinando.

    Uma mente cercada de ilusões? Eu penso sobre essas ilusões, formulo meu mundo à partir dessas ilusões, que geram conceitos em mim, sou um saco de conceitos, e assim construo o meu mundo.

    uma ilusão sentida é uma realidade vivida.

    Onde estou quando penso? Tenho a noção de espaço, de estar situado em mim mesmo, perante o mundo. Minha mente/eu, está contida em um limite espacial, não é como se eu estivesse no mundo todo, todavia posso me imaginar em qualquer lugar do mundo, mas esse imaginar ainda reside dentro de mim, e o mundo que eu imagino é meu, só posso caminhar por entre ele, nas coisas dele.

    seu ser seu limite

    E tenho também a noção de outras mentes, posso ver a forma dos corpos que as abrigam, e pelas expressões que essas mentes geram nesses corpos, posso ver partes delas.
    Voltemos à mim, enquanto mente. Pareço estar em um casulo, os sentidos, portas de entrada de sentires, me trazem informações sobre o que me cerca, mas nunca posso ter certeza de que aquilo que me cerca é real ou ilusão, sei que há algo real à minha volta, mas minha forma de ver esse real será sempre uma ilusão própria, ou a forma que eu decodifico a realidade.

    seu sentimento é a sua realidade

    Eu mesmo seria uma espécie de ilusão? A forma como me vejo, seria real?

    a ilusão consiste em nos sentirmos individualizados, com realidades próprias. é natural existir uma unica realidade Deus, mas faz parte do ser humano se sentir também único e separado desta unica realidade.
    o nosso ser é formado a partir de uma ilusão divina, um ator vivenciando vários papéis todos diferentes da sua realidade consciente.

    Penso em mim, como a forma que vejo em um espelho mas, esse não sou eu de fato, o ser que pensa está imerso em algum lugar, o corpo é uma ilusão que caminha por entre ilusões.
    Então o que seria o ‘’eu-mente’’ ? Já que seria essa a minha única certeza, o pensar, o ser; entretanto, onde estou ?

    voce esta viajando pelo mundo do “ser eu” e não ser outro
    “o homem não sabe de onde veio nem para onde esta indo” ´so pode sentir que vive uma realidade própria.

    Será que sou um sistema que faz parte de um outro maior? Se eu penso, sou dinâmico, um sistema portanto, sistema dentro de sistema, os sentidos recebem cores vindas desse sistema maior, ele parece criar um mundo à partir dele mesmo, onde nós interagimos segundo certas regras básicas . E assim ficamos ‘’presos’’ à esse mundo ilusório criado à partir de um suporte real.

    chamo o seu Sistema de Deus, ele seria uma unica realidade existente ou percebida, ao se dividir fez uma menor parte dele acreditar que é voce.

    A finalidade .
    Principalmente gerar cores. Isso mesmo, a geração de cores para os eus-mentes, isso significa ter-se sobre o que pensar, isso é pura dinâmica do pensar, pensar sobre as ilusões, criar mundos internos, dividir-se, fragmentar-se para depois descobrir-se de novo.
    Uma dinâmica interminável de sentir e pensar sobre o que se sentiu, criar sobre esses sentires, causando sentidos e
    sentimentos, gerar mundos internos e cada um de nós tem assim um universo próprio, um UNIVERSO MENTAL que interage com os outros.

    uma unica realidade Deus, ao dividir a consciência do seu unico “Eu”, criou infinitas percepções de si mesmo, somos deus na sua infância no prazer de redescobrir-se.

    No Universo Real, os elementos que o compõem, são eternos, indestrutíveis, embora altamente mutáveis em forma e ação.

    como disse no tópico: Defendo que o Todo Existente em Deus é in criado existindo desde sempre, alterando indefinidamente apenas as suas formas interligadas em sua única fonte, mas nada poderá ser acrescentado ou anulado nele, pois embora possua capacidade de apresentar-se de formas variáveis, sua essência é imutável, como um lego divino é capaz de apresentar-se em infinitas formas com funções e capacidades diferentes, no entanto sua composição essencial é sempre a mesma.

    Esses elementos também formam o sistema da mente consciente, isso significaria ter-se uma mente modificável também, e que parece surgir,(o sistema e a organização da mente) vazia de informações sobre si mesma e do ambiente à sua volta. Então sua ‘’missão’’ à partir desse momento parece ser: sentir, coletar informações/cores , e tentar entender tudo o que seus sentidos podem captar, e por esse meio compreender a si mesmo, ou talvez apenas jogar com as ilusões decodificadas, jogar com os conceitos gerados, regras internas .
    Isso faz-me pensar que tudo pode ser um imenso JOGO de ilusões, o tabuleiro é REAL mas o jogo em si é uma ilusão, as regras são também ilusões, exceto as regras do tabuleiro, e cada mente forma um jogo diferente.

    sim, sentir é existir!
    conseguir interpretar sentimentos é o estagio seguinte.
    para mim a ilusão consiste nisto: “ame ao próximo como se ele fosse voce”
    pois de fato ele é voce mais perto da unica realidade Deus existente.
    A doideira consiste em poder compartilhar sentimentos e ao mesmo tempo conseguir se sentir um ser

    A mente é essencialmente uma geradora de conceitos, ela sente o UNIVERSO REAL, e constrói para si mesma seu próprio UNIVERSO MENTAL, feito de conceitos abstratos e relativos, a mente faz uma leitura daquilo que sente, e o torna real pra si mesma.

    oh! somos todos esquizofrenicos em potencial? , ou a realidade é relativa ao
    ser ? exato a interpretação da percepção que temos da realidade é que constrói o nosso ser “eu! ou a nosssa realidade “própria”.

    Sentir, quase que sentimos da mesma forma, mas os filtros por onde esse sentir passa, são diferentes para cada mente, são filtros construídos com as regras morais adquiridas ou formuladas, baseadas nos conceitos também adquiridos ou construídos.

    provavelmente os sentidos mecanicos são parecidos,mas só podemos a firmar que eles são capazes de dectar uma média padrão do sentimentos do prazer e dos sofrimentos, quanto a realidade das interpretações é própria de cada ser e não pode ser objetivamente compartilhada no seus sentimentos.

    Mas, o que é a mente que pensa, sente e pensa sobre o que sente?

    essa é a realidade relativa que constitui o seu ser.

    Há uma separação clara, instintiva, entre a mente e o corpo. A mente está contida no corpo, mais especificamente em um órgão chamado cérebro, que parece ser uma interface de contato entre a mente e um mundo material.

    a grande duvida é se a mente é um produto da materia ou se da vida a materia ?

    A grande “pegada” de Réne Descartes, (…a única certeza que tenho, é que eu penso, logo eu existo…). Sim, essa parece ser uma verdade incontestável, eu penso, não interessa sobre o que eu penso, pois o objeto do meu pensar pode ser uma ilusão, mas eu penso, eu sou algo que pensa, eu sou uma mente.

    discordo: “sinto logo existo” os sentimentos antecedem a razão, ou seja nunca podera existir raciocinios sem antes haver uma vontade os determinando.

    Uma mente cercada de ilusões? Eu penso sobre essas ilusões, formulo meu mundo à partir dessas ilusões, que geram conceitos em mim, sou um saco de conceitos, e assim construo o meu mundo.

    uma ilusão sentida é uma realidade vivida.

    Onde estou quando penso? Tenho a noção de espaço, de estar situado em mim mesmo, perante o mundo. Minha mente/eu, está contida em um limite espacial, não é como se eu estivesse no mundo todo, todavia posso me imaginar em qualquer lugar do mundo, mas esse imaginar ainda reside dentro de mim, e o mundo que eu imagino é meu, só posso caminhar por entre ele, nas coisas dele.

    seu ser seu limite

    E tenho também a noção de outras mentes, posso ver a forma dos corpos que as abrigam, e pelas expressões que essas mentes geram nesses corpos, posso ver partes delas.
    Voltemos à mim, enquanto mente. Pareço estar em um casulo, os sentidos, portas de entrada de sentires, me trazem informações sobre o que me cerca, mas nunca posso ter certeza de que aquilo que me cerca é real ou ilusão, sei que há algo real à minha volta, mas minha forma de ver esse real será sempre uma ilusão própria, ou a forma que eu decodifico a realidade.

    seu sentimento é a sua realidade

    Eu mesmo seria uma espécie de ilusão? A forma como me vejo, seria real?

    a ilusão consiste em nos sentirmos individualizados, com realidades próprias. é natural existir uma unica realidade Deus, mas faz parte do ser humano se sentir tambem unico e separado desta unica realidade.
    o nosso ser é formado a partir de uma ilusão divina, um ator vivenciando varios papéis todos diferentes da sua realidade consciente.

    Penso em mim, como a forma que vejo em um espelho mas, esse não sou eu de fato, o ser que pensa está imerso em algum lugar, o corpo é uma ilusão que caminha por entre ilusões.
    Então o que seria o ‘’eu-mente’’ ? Já que seria essa a minha única certeza, o pensar, o ser; entretanto, onde estou ?

    voce esta viajando pelo mundo do “ser eu” e não ser outro
    “o homem não sabe de onde veio nem para onde esta indo” ´so pode sentir que vive uma realidade própria.

    Será que sou um sistema que faz parte de um outro maior? Se eu penso, sou dinâmico, um sistema portanto, sistema dentro de sistema, os sentidos recebem cores vindas desse sistema maior, ele parece criar um mundo à partir dele mesmo, onde nós interagimos segundo certas regras básicas . E assim ficamos ‘’presos’’ à esse mundo ilusório criado à partir de um suporte real.

    chamo o seu Sisterma de Deus, ele seria uma unica realidade existente ou percebida, ao se dividir fez uma menor parte dele acreditar que é voce.

    A finalidade .
    Principalmente gerar cores. Isso mesmo, a geração de cores para os eus-mentes, isso significa ter-se sobre o que pensar, isso é pura dinâmica do pensar, pensar sobre as ilusões, criar mundos internos, dividir-se, fragmentar-se para depois descobrir-se de novo.
    Uma dinâmica interminável de sentir e pensar sobre o que se sentiu, criar sobre esses sentires, causando sentidos e
    sentimentos, gerar mundos internos e cada um de nós tem assim um universo próprio, um UNIVERSO MENTAL que interage com os outros.

    uma unica realidade Deus, ao dividir a consciência do seu unico “Eu”, criou infinitas percepções de si mesmo, somos deus na sua infancia no prazer de redescobrir-se.

    No Universo Real, os elementos que o compõem, são eternos, indestrutíveis, embora altamente mutáveis em forma e ação.

    como disse no tópico: Defendo que o Todo Existente em Deus é in criado existindo desde sempre, alterando indefinidamente apenas as suas formas interligadas em sua única fonte, mas nada poderá ser acrescentado ou anulado nele, pois embora possua capacidade de apresentar-se de formas variáveis, sua essência é imutável, como um lego divino é capaz de apresentar-se em infinitas formas com funções e capacidades diferentes, no entanto sua composição essencial é sempre a mesma.

    Esses elementos também formam o sistema da mente consciente, isso significaria ter-se uma mente modificável também, e que parece surgir,(o sistema e a organização da mente) vazia de informações sobre si mesma e do ambiente à sua volta. Então sua ‘’missão’’ à partir desse momento parece ser: sentir, coletar informações/cores , e tentar entender tudo o que seus sentidos podem captar, e por esse meio compreender a si mesmo, ou talvez apenas jogar com as ilusões decodificadas, jogar com os conceitos gerados, regras internas .
    Isso faz-me pensar que tudo pode ser um imenso JOGO de ilusões, o tabuleiro é REAL mas o jogo em si é uma ilusão, as regras são também ilusões, exceto as regras do tabuleiro, e cada mente forma um jogo diferente.

    sim, sentir é existir!
    conseguir interpretar sentimentos é o estagio seguinte.
    para mim a ilusão consiste nisto: “ame ao próximo como se ele fosse voce”
    pois de fato ele é voce, porem mais perto da unica realidade Deus existente.
    A doideira consiste em poder compartilhar sentimentos e ao mesmo tempo conseguir se sentir um ser individualizado.
    e a maior ilusão que forma o nosso ser é nos vermos separados todo Deus.

    … (não terminado)”

    manda mais!…………….

  113. Segundo Freud “todo ateu é um infantil tentando chamar a atenção de Deus através de blasfêmias”.

  114. Marcio

    Será que sou um sistema que faz parte de um outro maior? Se eu penso, sou dinâmico, um sistema portanto, sistema dentro de sistema, os sentidos recebem cores vindas desse sistema maior, ele parece criar um mundo à partir dele mesmo, onde nós interagimos segundo certas regras básicas . E assim ficamos ‘’presos’’ à esse mundo ilusório criado à partir de um suporte real.

    É fato sermos receptores da realidade Deus ja existente e podermos interagir com outras menores consciências e até alterar de certa forma a percepção da realidade delas.
    como afirmei no texto, Deus não pode criar novas realidades conscientes, que não sejam apenas uma variação da sua própria consciência regredida ao nível da ignorância absoluta dos seres mecânicos sentindo progressivamente a vida indo de encontro a vontade própria finalmente alcançando a “razão do ser “eu”, no eterno prazer de se descobrir novamente um deus.
    Assim como o Pai pode alterar o nível da sua consciência, nós tambem podemos criar nossas “ilusões ” de realidades como nos sonhos , porem nossa percepção ilusória assim como Deus tambem é incapaz de acrescentar ou retirar algo da existência, por isso em sonhos nossa realidades virtuais , são formadas por partes existentes, mesmo que apresentem uma ideia final ilógica.
    isso acontece como se toda a realidade consciente fosse um “lego divino” todas suas partes são existentes , porem o produto final do nosso trabalho poderá ser considerado irracional ou sem nenhuma utilidade aparente.

  115. Criaturo,

    Não possuo muito interesse em adquirir TV paga, (…) mesmo assim ainda posso assistir no you tube

    Sugiro que assista pelo You Tube. Pode ter alguma influência sobre sua crença ou então pelo menos sobre os seus argumentos.

    a proposta foi apresentar um deus mais racional e não provar sua existência

    Não acho que seu deus seja mais racional do que qualquer outro. Ambos fazem afirmações sem embasamento lógico ou racional.
    Não acho que racionalidade possa ser relativizada.

    Você não pode provar que a realidade dos outros é a mesma que você vivencia

    É claro que posso. Qualquer um pode.
    É pra isso que existem os lógicos absolutos e o próprio conceito de pensamento lógico.
    Reitero que você precisa estudar sobre “lógicos absolutos” antes de fazer afirmações sobre a realidade ou sobre o que é ou não é lógico.

    E Por que isso não é lógico?

    Porque se baseia numa petição de princípio.
    Insisto que busque por “Petição de Princípio” na internet.

    Veja para existir apenas uma única consciência objetiva , todas deveriam estar sincronizadas em uma única realidade, do seres microscópicos aos mais complexos todos vivem diferentes realidades.

    Todos vivem na mesma realidade, porém experimentam realidades diferentes à partir da percepção de cada um. Portanto, a realidade é objetiva podendo ser medida, testada e expressa em modelos físicos e matemáticos.
    O que muda para cada indivíduo é apenas a percepção desta realidade objetiva. Esta percepção não é a realidade por si só, você está confundindo as duas.

    o som não existe para surdos de nascença, nem imagens para cegos, agora vai dizer que a realidade que eles vivenciam é a mesma que a sua ?

    O som existe de forma objetiva e as imagens também. O fato do surdo não poder ouvir o som e dos cegos não poderem ver a luz não os torna inexistentes.

    Assim como as imagens só existem para os que possuem olhos para percebê-las e sons para os ouvidos capazes de percebe- los

    Errado. Veja resposta anterior.

    Ateus se fizeram semelhantes a cego e surdos de nascença, que não podem conceber uma realidade não sentida por eles.

    Reitero a pergunta: Os ateus estão certos ao afirmar que deus não existe por eles não o perceberem?
    Deus só existe para quem o experimenta? Ele não existe de forma objetiva?

    eu tenho a ciência que Deus existe pelos sentimentos vivenciado e por fatos naturalmente observados , uso o conceito” Deus é tudo”, baseado na observação de inteligências agindo fora da matéria.

    Trata-se de revelação pessoal que não serve de evidência para mais ninguém.
    Sinto informa-lo mas a verdadeira ciência indica que sua “observação” foi mal interpretada pela sua “razão”.

    Poderia da testemunhos de inúmeros fatos observados neste sentindo (…) não existem mágicas o poder é dado a quem possui maior ciência das leis.

    Apenas especulação sem embasamento racional e proselitismo do espiritismo.

    O espírito responsável pela sua evolução na terra sabia que para ele desapegar do desejo de roubar, precisaria “sentir” (…)Assim como homens usam sua maior ciência e razão para controlar e manipular a vida de outros seres mais ignorantes, os seres superiores também, anonimamente controlam e manipulam a vida dos homens ,mas não para escravizar e sim sabiamente com a única intenção de fazê-los evoluir

    Mais informações especulativas sem evidencia racional ou lógica misturadas com proselitismo religioso de cunho espírita.

    Informe-se e descubra que telepatia é algo comum e natural

    Reportagens sensacionalistas de TV não têm mais credibilidade que a “Santa Missa em Seu Lar” ou “Show da Fé” ou qualquer outro espetáculo popular do gênero de entretenimento.

    veja que nas supostas ressuscitassões Jesus foi bem honesto:
    11 Assim falou; e depois disse-lhes: Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono. (…)
    (…) 42 E logo a menina se levantou, e andava, pois já tinha doze anos; e assombraram-se com grande espanto.
    Você defende “Um deus sem bíblia” utilizando a bíblia?

    Repare que a santidade de Jesus consiste na ciência de saber que ambos ainda não haviam morrido de fato consumado, por tanto não fez mágica nem milagre algum, apenas usou da sua ciência para despertar os sentidos dos que se achavam “mortos”.

    Então, Lázaro, fedendo há dias, não estava morto? Estava apenas inconsciente?
    Tem algum indício (não precisa provar cabalmente) no mundo observável que corrobore um conclusão como essa?

  116. Marcos

    a proposta foi apresentar um deus mais racional e não provar sua existência

    Não acho que seu deus seja mais racional do que qualquer outro. Ambos fazem afirmações sem embasamento lógico ou racional.
    Não acho que racionalidade possa ser relativizada.

    Existem diferentes níveis de racionalidades

    Você não pode provar que a realidade dos outros é a mesma que você vivencia

    É claro que posso. Qualquer um pode.
    É pra isso que existem os lógicos absolutos e o próprio conceito de pensamento lógico.
    Reitero que você precisa estudar sobre “lógicos absolutos” antes de fazer afirmações sobre a realidade ou sobre o que é ou não é lógico.

    Ok, porem você parte da premissa que a única realidade existente seria um padrão médio da percepção humana, mas relativamente uma realidade sentida é uma realidade vivida, assim de forma alguma você pode afirmar que sente exatamente o que os outros também sentem sem ter que apelar para fé.

    Veja para existir apenas uma única consciência objetiva , todas deveriam estar sincronizadas em uma única realidade, do seres microscópicos aos mais complexos todos vivem diferentes realidades.

    Todos vivem na mesma realidade, porém experimentam realidades diferentes à partir da percepção de cada um. Portanto, a realidade é objetiva podendo ser medida, testada e expressa em modelos físicos e matemáticos.
    O que muda para cada indivíduo é apenas a percepção desta realidade objetiva. Esta percepção não é a realidade por si só, você está confundindo as duas.

    E você esta querendo padronizar a realidade que os outros vivenciam de acordo com os limites da ciência humana, não existe realidades sem sentimentos próprios, para o individuo a única realidade existente é aquela que ele esta capacitado a sentir e vivenciar.
    Qual a importância do sons na vida de um surdo irreversível, o seu padrão cientifico da realidade não pode alterar a realidade vivida por ele.
    Repito a realidade existente é relativa a percepção individual.

    o som não existe para surdos de nascença, nem imagens para cegos, agora vai dizer que a realidade que eles vivenciam é a mesma que a sua ?

    O som existe de forma objetiva e as imagens também. O fato do surdo não poder ouvir o som e dos cegos não poderem ver a luz não os torna inexistentes.

    Sim! Torna inexistente para todos os seres desprovidos deste sentido a realidade é relativa, pois só existe para os possuem capacidade de senti-la.

    Ateus se fizeram semelhantes a cego e surdos de nascença, que não podem conceber uma realidade não sentida por eles.

    Reitero a pergunta: Os ateus estão certos ao afirmar que deus não existe por eles não o perceberem?

    Sim possuem a mesma razão dos animais ou quem sabe até inferior se considerarmos que eles de alguma forma consigam sentir Deus.
    Um cego de nascença esta certo ao afirmar que as cores não existam, pois possuem uma razão relativa a realidade limitada que lhes são próprias
    Como você mesmo já disse os agnósticos estão corretos ao afirmarem que “não sabem”, e você ao “quase” afirmar que o desconhecido Deus é inexistente, isso não passa de uma razão limitada relativa ao seu ser.

    Deus só existe para quem o experimenta? Ele não existe de forma objetiva?

    Deus existe para ele mesmo e para suas menores consciências que já passaram a percebe-lo, seja através da razão ou dos sentimentos intuitivos.

    eu tenho a ciência que Deus existe pelos sentimentos vivenciado e por fatos naturalmente observados , uso o conceito” Deus é tudo”, baseado na observação de inteligências agindo fora da matéria.

    Trata-se de revelação pessoal que não serve de evidência para mais ninguém.
    Sinto informa-lo mas a verdadeira ciência indica que sua “observação” foi mal interpretada pela sua “razão”.

    sinto te informar, mas a sua fé no ateísmo esta desenvolvendo a sua vidência.

    Poderia da testemunhos de inúmeros fatos observados neste sentindo (…) não existem mágicas o poder é dado a quem possui maior ciência das leis.

    Apenas especulação sem embasamento racional e proselitismo do espiritismo

    .
    Sua vidência esta alimentando preconceitos.

    .
    Informe-se e descubra que telepatia é algo comum e natural

    Reportagens sensacionalistas de TV não têm mais credibilidade que a “Santa Missa em Seu Lar” ou “Show da Fé” ou qualquer outro espetáculo popular do gênero de entretenimento.

    é muito comum ler o s pensamentos da minha esposa e vice versa, já te falei que um dia até compartilhamos o mesmo sentimento de uma dor fisica, neste caso a evidência deixou de ser pessoal e passou a ser social.

    Você defende “Um deus sem bíblia” utilizando a bíblia?

    E daí ? eu creio em parte dela, vocês ateus não crêem e são os que mais a usam.
    A biblia conta historias de pessoas que se encaixam perfeitamente em ensinamentos atuais

    Repare que a santidade de Jesus consiste na ciência de saber que ambos ainda não haviam morrido de fato consumado, por tanto não fez mágica nem milagre algum, apenas usou da sua ciência para despertar os sentidos dos que se achavam “mortos”.

    Então, Lázaro, fedendo há dias, não estava morto? Estava apenas inconsciente?
    Tem algum indício (não precisa provar cabalmente) no mundo observável que corrobore um conclusão como essa?

    Jesus afirmou ele dorme e no caso da menina no velório quando disse que ela não estava morta que apenas dormia, chegaram a rir dele.
    Um animal quando hiberna na sua inatividade é capaz de ficar meses sem se alimentar.
    Se morto alguns dias sua inatividade orgânica teria sido de 100% o que não justificaria Jesus te mandado o alimentar.
    Nem o menino ao levantar no caixão ter pedido água.

  117. Marcos

    é muito comum ler o s pensamentos da minha esposa e vice versa, já te falei que um dia até compartilhamos o mesmo sentimento de uma dor fisica, neste caso a evidência deixou de ser pessoal e passou a ser social.

    lembrei de outro caso bem interessante, normalmente minha esposa tem dificuldades para lembrar que sonhou,mas teve um dia em que sonhei a noite toda que estava em um navio e uma mulher tava dando mole para mim e ja quase nos finalmentes, lembrei que era casado e recusei a trair minha esposa.
    ao levantar bem cedo minha esposa ja foi falando: “sonhei que voce estava me traindo a noite.” ….he…he…he…he…he
    E ai? ainda duvida da transmissão de pensamentos ?

  118. Criaturo,

    Ok, porem você parte da premissa que a única realidade existente seria um padrão médio da percepção humana

    Errado. Não é esta a minha premissa.
    A realidade existente de forma objetiva não tem nada a ver com a percepção humana, muito menos com um padrão médio.

    mas relativamente uma realidade sentida é uma realidade vivida

    Você está mudando o conceito de “realidade” para fazê-lo caber na sua proposta de deus, assim como fez com todo o resto do seu texto.
    Nada disso encontra suporte no mundo observável e portanto é irracional.

    assim de forma alguma você pode afirmar que sente exatamente o que os outros também sentem sem ter que apelar para fé

    Eu nunca disse que sentia o que os outros sentem. Quem disse isso literalmente foi você em relação à sua esposa.
    O sentimento pode mudar de pessoa para pessoa, pois está relacionado à percepção. Esta sim varia.
    No entanto, eu posso medir o que os outros medem, eu posso calcular o que os outros calculam e eu posso testar o que os outros testam sob condições controladas. Isto é a realidade objetiva que independe da percepção.

    você esta querendo padronizar a realidade que os outros vivenciam de acordo com os limites da ciência humana

    Não estou padronizando o que os outros vivenciam, mas apenas o que existe de forma objetiva.
    Afirmar qualquer coisa fora dos limites da ciência é especulação e não tem embasamento racional.

    não existe realidades sem sentimentos próprios, para o individuo a única realidade existente é aquela que ele esta capacitado a sentir e vivenciar

    Você confunde realidade com percepção. Não são a mesma coisa.

    Qual a importância do sons na vida de um surdo irreversível, o seu padrão cientifico da realidade não pode alterar a realidade vivida por ele.

    Para um surdo irreversível o som não é importante, mas só para ele.
    O som não deixa de existir objetivamente no mundo só porque o surdo não ouve.
    O que não existe neste caso é a percepção.
    Sua definição de “realidade” é tão irracional quanto seu deus.

    Sim! Torna inexistente para todos os seres desprovidos deste sentido a realidade é relativa, pois só existe para os possuem capacidade de senti-la

    Não. Não torna! E não adianta repetir, sua definição de realidade é irracional e ilógica.
    Um cego e surdo atravessando uma avenida pode ser atropelado pelo caminhão mesmo não vendo nem ouvindo. Sabe porque?
    Porque o caminhão não vai deixar de existir.

    Deus existe para ele mesmo e para suas menores consciências que já passaram a percebe-lo, seja através da razão ou dos sentimentos intuitivos

    Então, deus não existe de forma objetiva. É isso?

    sinto te informar, mas a sua fé no ateísmo esta desenvolvendo a sua vidência

    Por favor, me aponte de onde se depreende que eu tenho fé ou vidência?

    Sua vidência esta alimentando preconceitos

    Onde está a vidência e o preconceito no meu discurso?

    é muito comum ler o s pensamentos da minha esposa e vice versa

    Afirmação sem embasamento racional. Sua experiência não serve de evidência para mais ninguém.

    já te falei que um dia até compartilhamos o mesmo sentimento de uma dor fisica, neste caso a evidência deixou de ser pessoal e passou a ser social

    Você sentiu uma dor que você “acha” que foi a mesma dor da sua esposa.
    Como sair do achismo e comprovar que a dor foi exatamente a mesma e não simplesmente parecida?

    E daí ? eu creio em parte dela, vocês ateus não crêem e são os que mais a usam

    E daí que você se propôs a apresentar um deus sem utilizar a bíblia. O argumento todo é a sua crítica a quem critica a bíblia e agora utiliza a bíblia. Mais uma evidência para a coleção de que este seu “deus sem bíblia” é irracional.
    Ateus usam a bíblia justamente para mostrar a irracionalidade contida nela.

    Jesus afirmou ele dorme e no caso da menina no velório quando disse que ela não estava morta que apenas dormia, chegaram a rir dele.

    Claro. É pra rir mesmo.

    Um animal quando hiberna na sua inatividade é capaz de ficar meses sem se alimentar

    Então Lázaro estava hibernando. A catinga era só falta de banho?
    Percebe que os trecho ridículos da bíblia demonstram sua irracionalidade?

    minha esposa tem dificuldades para lembrar que sonhou,mas teve um dia em que sonhei a noite toda que estava em um navio e uma mulher tava dando mole para mim e ja quase nos finalmentes, lembrei que era casado e recusei a trair minha esposa.
    ao levantar bem cedo minha esposa ja foi falando: “sonhei que voce estava me traindo a noite.” ….he…he…he…he…he
    E ai? ainda duvida da transmissão de pensamentos ?

    Claro que duvido.
    É infinitamente mais provável que seja simples coincidência do que telepatia.
    Telepatia já foi testada em ambiente controlado e se mostrou falsa. A Fundação James Randy oferece um milhão de dólares para qualquer um que comprovar eventos sobrenaturais em ambiente controlado. Ninguém nunca consegui ganhar a bolada.

  119. Marcos

    Você confunde realidade com percepção. Não são a mesma coisa.
    e voce deseja padronizar a realidade ao que pode ser “mensurável” pela ciência ?

    No entanto, eu posso medir o que os outros medem, eu posso calcular o que os outros calculam e eu posso testar o que os outros testam sob condições controladas. Isto é a realidade objetiva que independe da percepção.
    Afirmar qualquer coisa fora dos limites da ciência é especulação e não tem embasamento racional.

    Tão irracional quanto afirmar que o que esta fora dos limites da ciência humana não pode existir.
    o importante para realidade do ser , é o que ele sente e não o que o outros conseguem perceber, seja pelo sentidos próprios ou artificiais científicos.
    para os que vivenciam a realidade do mundo autista , estão pouco se lixando com a sua ciência externa.
    o amor, saudades, tristezas, dores assim como outros sentimentos não são mensurável cientificamente, então eles não existem ?
    Podem não fazer parte da sua realidade objetiva,mas com certeza fazem parte da realidades vivenciadas por todos nós.
    A eletricidade a pouco tempo atras não podia ser medida então ela não fazia parte da realidade objetiva ?
    Voce afirma que real só o que homem passou a conhecer e pode medir ?
    Querer vivenciarmos uma idêntica realidade coletiva é querer deixar de ser um individuo vivenciando sua própria vida. É por isso que a média moral social não representa a opinião individual 100%.

  120. Criaturo,

    Tão irracional quanto afirmar que o que esta fora dos limites da ciência humana não pode existir

    Eu não disse que não pode existir. Eu disse que é irrelevante até que a ciência, a razão e a lógica possam comprovar ou pelo menos apresentar indícios.

    o importante para realidade do ser , é o que ele sente e não o que o outros conseguem perceber, seja pelo sentidos próprios ou artificiais científicos

    Não estou falando sobre o que é mais ou menos importante. Estou falando sobre a existência objetiva independente da percepção.

    para os que vivenciam a realidade do mundo autista , estão pouco se lixando com a sua ciência externa

    Você utiliza o termo “realidade” no sentido subjetivo e individual. Nesta forma, o termo é inválido para compor um argumento de um deus racional e lógico, uma vez que a lógica é objetiva por natureza.

    o amor, saudades, tristezas, dores assim como outros sentimentos não são mensurável cientificamente, então eles não existem ?

    Não são mensuráveis mas são explicados quimicamente, neurologicamente, psicologicamente e até evolutivamente.
    Nenhum destes sentimentos tem qualquer influência sobre a existência ou não dos elementos químicos, da força gravitacional, dos comprimentos de onda do som, da frequência da luz, da pressão atmosférica ou da densidade da água.

    Podem não fazer parte da sua realidade objetiva,mas com certeza fazem parte da realidades vivenciadas por todos nós

    Novamente o termo “realidade” sendo inadequadamente utilizado no sentido subjetivo. Nesta forma, ele não tem validade lógica para o argumento da racionalidade do seu deus.

    A eletricidade a pouco tempo atras não podia ser medida então ela não fazia parte da realidade objetiva ?

    Este é o SEU argumento.
    O meu argumento é exatamente o contrário. A eletricidade existia e existe como realidade objetiva independente do conhecimento ou percepção humanas.
    Você é que alega que o que não experimentamos não existe na realidade.

    Voce afirma que real só o que homem passou a conhecer e pode medir ?

    Errado.
    O meu argumento é a realidade objetiva existe independente do conhecimento ou percepção humanas.
    Você é que alega que o que não conhecemos (e portanto não experimentamos) não existe na realidade.

    Querer vivenciarmos uma idêntica realidade coletiva é querer deixar de ser um individuo vivenciando sua própria vida.

    Não é isso que proponho.
    Volto a repetir. A realidade é objetiva e independente e isso pode ser comprovado fisicamente e matematicamente.
    O que você chama de “realidade” é a percepção que cada um tem desta realidade e suas consequentes sensações. Isso não é realidade objetiva. É apenas um efeito mental que inclusive pode ser manipulado por outros de acordo com o que você mesmo afirma (hipnose).

    É por isso que a média moral social não representa a opinião individual 100%.

    Eu não afirmei nem dei a entender isso. É inferência sua.

  121. Marcos

    o importante para realidade do ser , é o que ele sente e não o que o outros conseguem perceber, seja pelo sentidos próprios ou artificiais científicos

    Não estou falando sobre o que é mais ou menos importante. Estou falando sobre a existência objetiva independente da percepção.

    e eu estou afirmando que sem percepção humana direta ou indireta, não ha realidade alguma, muito menos objetiva.

  122. Criaturo,

    e eu estou afirmando que sem percepção humana direta ou indireta, não ha realidade alguma, muito menos objetiva

    Você afirma que o tal “deus mecânico” depende da percepção das pessoas? As leis físicas e a matéria são um produto das sensações da cada pessoa e não o contrário?

    O fato da percepção de alguns não ter qualquer influência sobre o mundo natural, bem como o fato de todas as evidências observáveis no mundo apontarem o contrário do que você diz evidenciam que sua posição não encontra suporte na lógica, o que torna seu deus ilógico e irracional.

  123. Marcos

    Tão irracional quanto afirmar que o que esta fora dos limites da ciência humana não pode existir

    Eu não disse que não pode existir. Eu disse que é irrelevante até que a ciência, a razão e a lógica possam comprovar ou pelo menos apresentar indícios.

    seu sentimentos imensuráveis também são irrelevantes para realidade objetiva e só poderão ser considerados existentes quando apresentarem indícios ?
    Eles fazem parte apenas da sua realidade por isso devem ser considerados inexistentes para uma realidade objetiva, então pode chorar a vontade que ninguém sentirá por voce a sua realidade.

    para os que vivenciam a realidade do mundo autista , estão pouco se lixando com a sua ciência externa

    Você utiliza o termo “realidade” no sentido subjetivo e individual. Nesta forma, o termo é inválido para compor um argumento de um deus racional e lógico, uma vez que a lógica é objetiva por natureza.

    A sua lógica pretende ser objetiva tendo como referencia a percepção do todo, aquilo que todos podem sentir ou mensurar mesmo que de forma indireta mecânica.
    Mas ela falha, pois a nossa razão lógica e observavel em nós mesmos possui consciência da existência de sentimentos próprios , reais e impossiveis de serem percebidos ou mensurados pela sua realidade objetiva externa, que ao meu ver será sempre incompleta.

    o amor, saudades, tristezas, dores assim como outros sentimentos não são mensurável cientificamente, então eles não existem ?

    Não são mensuráveis mas são explicados quimicamente, neurologicamente, psicologicamente e até evolutivamente.

    “explicados “ subjetivamente , hipoteticamente
    Sim são como Deus, sentindo, percebido individualmente porem não pode ser medido.
    E que eu saiba não existe remédios para paixões mal resolvida nem para dores morais.

    Nenhum destes sentimentos tem qualquer influência sobre a existência ou não dos elementos químicos, da força gravitacional, dos comprimentos de onda do som, da frequência da luz, da pressão atmosférica ou da densidade da água.

    porem sem estes sentidos nada disto faria sentindo, sem sentimentos sem realidades objetivas nem subjetivas, apenas o seu ateismo consumado.

    Podem não fazer parte da sua realidade objetiva, mas com certeza fazem parte da realidades vivenciadas por todos nós

    Novamente o termo “realidade” sendo inadequadamente utilizado no sentido subjetivo. Nesta forma, ele não tem validade lógica para o argumento da racionalidade do seu deus.

    com a divisão da sua maior Consciência , suas partes tornaram-se consciência relativas com direito a interpretações próprias formando o ser individualizado “eu”, a partir desta transformação única realidade objetiva Deus, passou a ser subjetiva individualmente e sujeita a diferentes percepções de sentimentos possibilitando a existência de realidades existentes individualmente.

    A eletricidade a pouco tempo atras não podia ser medida então ela não fazia parte da realidade objetiva ?

    Este é o SEU argumento.
    O meu argumento é exatamente o contrário. A eletricidade existia e existe como realidade objetiva independente do conhecimento ou percepção humanas.

    Se voce afirma que coisas existem mesmo não se tendo a percepção da sua realidade objetiva, eu vou considerar isso um exemplo de fé a ser seguido por todos os teístas.

    Voce afirma que real só o que homem passou a conhecer e pode medir ?

    No entanto, eu posso medir o que os outros medem, eu posso calcular o que os outros calculam e eu posso testar o que os outros testam sob condições controladas. Isto é a realidade objetiva que independe da percepção.

    Errado. Você é que alega que o que não conhecemos (e portanto não experimentamos) não existe na realidade.
    O meu argumento é a realidade objetiva existe independente do conhecimento ou percepção humanas.

    Não existe apenas para a ignorância de um individuo, por exemplo enquanto voce não sentir Deus, para voce ele não existe já que não faz parte da sua realidade objetiva, subjetiva , racional nem intuitiva.
    Seu argumento torna se contraditório ao afirmar que uma realidade é objetiva quando passa a ser sentida, percebida e medida direta ou indiretamente por instrumentos ciêntificos.
    Isso evidência que sua realidade objetiva é incompleta e falha pois ainda depende da interpretação dos sentidos humanos direta ou indiretamente.

    Querer vivênciar uma idêntica realidade coletiva é querer deixar de ser um individuo vivenciando sua própria vida.

    Não é isso que proponho.
    Volto a repetir. A realidade é objetiva e independente e isso pode ser comprovado fisicamente e matematicamente.
    O que você chama de “realidade” é a percepção que cada um tem desta realidade e suas consequentes sensações. Isso não é realidade objetiva. É apenas um efeito mental que inclusive pode ser manipulado por outros de acordo com o que você mesmo afirma (hipnose).

    A sua realidade objetiva tambem não passa de um efeito mental uma interpretação dos sentidos fisicos ou mecânicos cientificos.
    Antes da percepção da sua realidade objetiva ela representa o nada do seu ateismo
    Se voce só considera como real sentimentos que podem ser compartilhados , por que rejeita a dor que eu compartilhei com a minha esposa era real, já que ambos podemos senti-la.

  124. Criaturo

    O relato das suas aventuras oníricas sendo compartilhadas por sua senhora dão bem o exemplo de como a explicação mágica sempre parece melhor que a provável e prosaica realidade.

    Um cético vai pensar primeiro no que é mais provável, no seu caso: dormindo, você fazia sons de acordo com o que sonhava; sua senhora, seja por ser ciumenta em excesso ou viver de sobreaviso sobre a sua fidelidade, mesmo dormindo captou os tais sons e sonhou o que se poderia esperar, que você a traía. Mas telepatia parece bem mais legal, né?
    Estou me divertindo muito com suas contorções para achar um jeito de explicar a teologia do Deus Tartaruga, que ora é racional ora é intuição ora é percepção. E das suas tentativas de interpretar o que é realidade e o que não é.

    E você se enfiou numa saia justa, caro apologista do Deus Tartaruga. Se só é real aquilo que as pessoas percebem, seu deus é natimorto:
    fora você, ninguém mais captou a realidade Deus Tartaruga. E aí, como fica?

  125. SS

    O relato das suas aventuras oníricas sendo compartilhadas por sua senhora dão bem o exemplo de como a explicação mágica sempre parece melhor que a provável e prosaica realidade.
    Um cético vai pensar primeiro no que é mais provável, no seu caso: dormindo, você fazia sons de acordo com o que sonhava; sua senhora, seja por ser ciumenta em excesso ou viver de sobreaviso sobre a sua fidelidade, mesmo dormindo captou os tais sons e sonhou o que se poderia esperar, que você a traía. Mas telepatia parece bem mais legal, né?

    bem, mais legal é observar seu depoimento de fé em fantasias criadas por voce, mas como psicologa vidente,você consegue ser mais racional sendo cética.
    Pois sou do tipo “come quieto” procuro não chamar muita atenção ,mas neste sonho eu nem cheguei as vias de fato, isso evidência que mesmo inconsciente deste mundo,minha consciência permanece tambem fiel no outro.

    Estou me divertindo muito com suas contorções para achar um jeito de explicar a teologia do Deus Tartaruga, que ora é racional ora é intuição ora é percepção. E das suas tentativas de interpretar o que é realidade e o que não é.E você se enfiou numa saia justa, caro apologista do Deus Tartaruga. Se só é real aquilo que as pessoas percebem, seu deus é natimorto:
    fora você, ninguém mais captou a realidade Deus Tartaruga. E aí, como fica?

    O entendimento é complexo defendo que:

    uma unica realidade só existia antes da criação, após a divisão da consciência Deus, surgiram as realidades relativas ao nível do consciente individual.
    Ou seja a consciência da realidade individual é formada no ser a partir do desenvolvimento da sua capacidade de sentir, seja direta ou indiretamente por meios de instrumento científicos..
    no caso de voces céticos, se não conseguem sentir a realidade Deus intuitivamente, racionalmente nem fazendo uso científicos, então dentro dos limites destes sentimentos suas realidades ateias possuem estas razões.

    Estou me divertindo muito com suas contorções para achar um jeito de explicar a teologia do Deus Tartaruga, que ora é racional ora é intuição ora é percepção. E das suas tentativas de interpretar o que é realidade e o que não é.

    O conhecimento do relativismo te faz um ser mais completo.
    voce sabia que o que alimenta a vida construindo seres é a ignorância ?
    você vive incentivada a descobrir a saída do labirinto, e quando consegue sua alegria logo termina, ao perceber que a tão desejada saída não passa de outra entrada para um novo labirinto.
    o que é pior viver como ratos ignorantes de que seu esforço na rodinha não levará a lugar algum ou tentar viver sem nenhum incentivo ao trabalho?
    A roda do mundo humano é bem mais interessante, pois hora estamos em cima ora estamos em baixo.

  126. Criaturo,

    seu sentimentos imensuráveis também são irrelevantes para realidade objetiva e só poderão ser considerados existentes quando apresentarem indícios ?
    Tudo é irrelevante para a realidade objetiva pois ela não depende de nada para existir.
    Meus sentimentos existem só para mim porque o fato de eu sentí-los já é um indício, mas eles são irrelevantes para qualquer outra pessoa além de mim e não servem de argumento para um debate racional.

    então pode chorar a vontade que ninguém sentirá por voce a sua realidade

    Não estou falando da minha realidade subjetiva e sim da realidade objetiva.
    Se você afirmar que deus (inclusive o mecânico) só existe para você e para quem mais perceber, então tudo bem. Contudo, não adianta apresenta-lo como sendo “racional” porque não é.

    A sua lógica pretende ser objetiva tendo como referencia a percepção do todo, aquilo que todos podem sentir ou mensurar mesmo que de forma indireta mecânica

    Em primeiro lugar, repito que não é a “minha” lógica e sim a lógica da razão humana (que é a única que posso ter já que sou humano).
    Em segundo lugar, a lógica não pretende ser objetiva. Ela é objetiva por natureza e por princípio. A lógica existe com o propósito de determinar quais raciocínio são válidos ou inválidos dentro da percepção humana, ou seja, uma percepção que possa ser compartilhada e validada.
    Entenda que em uma realidade subjetiva como a que você propõe a própria lógica inexiste. É por isso que o deus proposto por você está a anos-luz de ser lógico ou racional.
    Sugiro que busque por “lógica” na internet e então compare os princípios da lógica com o seu deus.

    “explicados “ subjetivamente , hipoteticamente

    Errado.
    São explicações objetivas e comprovadas cientificamente descrevedo que regiões do cérebro são responsáveis por determinados sentimentos e quais substâncias químicas estão envolvidas nestas sensações.
    A maioria dos medicamentos antidepressivos ou indutores de comportamento são baseados nestas substâncias.

    E que eu saiba não existe remédios para paixões mal resolvida nem para dores morais

    É claro que há substâncias que interferem na percepção destas sensações. Álcool, cocaína, crack, entre outras drogas.

    porem sem estes sentidos nada disto faria sentindo

    E daí? Porque algo não faz sentido pra você ela deixa de existir?
    Errado. A realidade existe de forma objetiva e a ausência de sentidos apenas impede que você absorva a realidade objetiva para dentro da sua realidade individual.
    Se você fechar os olhos no cinema o filme não vai parar.

    sem sentimentos sem realidades objetivas nem subjetivas, apenas o seu ateismo consumado

    Não há suporte lógico para esta afirmação e nem relação de sentimentos com ateísmo.

    com a divisão da sua maior Consciência , suas partes tornaram-se consciência relativas (…) sujeita a diferentes percepções de sentimentos possibilitando a existência de realidades existentes individualmente

    Proselitismo religioso sem fundamentação lógica.

    Se voce afirma que coisas existem mesmo não se tendo a percepção da sua realidade objetiva, eu vou considerar isso um exemplo de fé a ser seguido por todos os teístas

    Errado. Isso é lógica.
    A eletricidade foi descoberta à partir de observação de eventos e estas observações apontam para a existência da eletricidade mesmo antes de ter sido descoberta pelo homem.
    Se você encontra um homem de meia idade na fila do banco e que você nunca viu na vida, você acha lógico admitir que ele passou a existir naquele instante?

    Seu argumento torna se contraditório ao afirmar que uma realidade é objetiva quando passa a ser sentida, percebida e medida direta ou indiretamente por instrumentos ciêntificos.

    Este é o SEU argumento.
    Desde o início eu disse que a realidade objetiva não depende da percepção para existir.
    Você é que diz que algo só existe se podemos percebê-lo.

    Isso evidência que sua realidade objetiva é incompleta e falha pois ainda depende da interpretação dos sentidos humanos direta ou indiretamente

    Errado. É a realidade subjetiva proposta por você que depende da percepção e interpretação.
    Afirmo que a realidade objetiva é completamente independente.

    A sua realidade objetiva tambem não passa de um efeito mental uma interpretação dos sentidos fisicos ou mecânicos científicos

    A realidade objetiva não é um efeito mental. Um efeito mental é a percepção que cada um tem dela.
    Você continua confundindo realidade e percepção, pois no seu mundo ilógico são a mesma coisa.

    Antes da percepção da sua realidade objetiva ela representa o nada do seu ateísmo

    O que ateísmo tem a ver com o assunto?

    Se voce só considera como real sentimentos que podem ser compartilhados , por que rejeita a dor que eu compartilhei com a minha esposa era real, já que ambos podemos senti-la

    A sua dor só é real para você. A dor da sua esposa só é real para ela.
    A minha dor só é real para mim.
    É por isso que experiência pessoal e evidências anedóticas não servem de argumento para outras pessoas além daquela que teve a experiência.
    Pensar fora disto é ilógico por definição.

    Não pense que estou tentando refutar seu deus.
    Só estou demonstrando que suas afirmações sobre ele não são racionais como você alegou inicialmente, pois não encontram suporte na lógica humana.

    Se quiser chamar seu deus de racional você precisa inventar a “sua” própria lógica que só funciona para “você” apenas na “sua” realidade individual e para mais ninguém.
    Aliás, foi exatamente isso que você fez.

  127. Marcos

    Você afirma que o tal “deus mecânico” depende da percepção das pessoas?

    afirmo que toda realidade para ser formada, precisa no minimo ter uma consciência.

    As leis físicas e a matéria são um produto das
    sensações da cada pessoa e não o contrário?

    Jesus : “o sábado foi feito para o homem e não ao contrario”
    o mundo fisico é idealizado por alguma consciência, quanto maior a sua sintonia com essa consciência maior sua ligação com o criador , portanto maior seu entendimento de uma forma geral.

  128. Criaturo,

    afirmo que toda realidade para ser formada, precisa no minimo ter uma consciência

    Apenas a realidade subjetiva individual.
    A realidade objetiva é independente.

    Mas percebo que se esquivou da pergunta.
    Afinal, o tal “deus mecânico” depende da percepção das pessoas para existir?

    Jesus : “o sábado foi feito para o homem e não ao contrario”

    Desse jeito o Barros mantém o desafio.
    Você está se mostrando incapaz de defender um deus sem utilizar a bíblia.

    o mundo fisico é idealizado por alguma consciência

    É uma suposição sua que não encontra suporte lógico em nada no mundo observável.

    Vejo que se esquivou novamente da pergunta.
    A matéria é produto da percepção e sensações de cada pessoa?
    Se uma pedra atinge uma pessoa distraída na cabeça, a sensação de dor da pessoa é proveniente do impacto da pedra? Ou a pedra não existia inicialmente e só passou a existir porque a pessoa sentiu dor?

  129. Desisto ta um saco fazer essa cotagens!

  130. Criaturo,

    Digamos que o conhecimento da realidade objetiva seja limitado, incompleto, falho e que não consiga apresentar toda a Realidade Existente Deus, logo a sua razão também é limitada racionalmente.

    A minha razão é a razão humana que é a mesma razão que a sua (a não ser que você não seja humano).
    Todo que qualquer raciocínio deve acontecer dentro da limitação da razão humana.
    De maneira absoluta, não podemos ter certeza sequer que estejamos nesta vida. Pode ser que sejamos apenas seres cultivados em uma lavoura e conectados a uma realidade virtual como em “Matrix”. Ou talvez sejamos nada mais que um cérebro dentro de um jarro vivendo uma ilusão imposta por outros. Ou talvez nem isso.
    Tudo o que temos para nos orientar quanto à verdade ou ilusão são nossos sentidos e nossa observação do mundo natural.

    Pois com base no presente tentar prever o que acontecerá no futuro sem ter a consciência la presente é o paradoxo da fé.

    Eu me baseio em observações no mundo natural para concluir que a realidade é objetiva e independente da percepção humana.
    Enquanto isso, você se baseia em especulação de conhecimento que até mesmo você admite inacessível para propor o seu deus. Portanto ele é irracional diante dos padrões humanos e discutir qualquer outros padrões que não os humanos é irrelevante e nunca sairá do campo da especulação.

    Baseado na consciência presente e nas experiências passadas, podemos fazer conjecturas hipotéticas numa suposta possibilidade de continuação da matéria com um futuro totalmente desprovido de alguma consciência ativa, ou seja o ateísmo consumado.

    Aceite minha sugestão e busque por “Experiência mental” na internet.

    A limitada ciência humana torna sua previsões duvidosas, pois qual cientista poderá afirmar hoje : “Que poderá ver o sol amanhã ,porque ele continuará brilhando por milhões de anos ?”

    Todo uso da razão acontece dentro da limitação humana. Qualquer coisa além disso é especulação e é irracional justamente por tentar extrapolar a limitação humana.

    Este argumento é irracional pois:
    Não sendo obra do homem o sol poderá deixar de brilhar a qualquer momento assim como toda consciência desta existência

    Poder pode, mas é irracional imaginar que isso acontecerá se todas as evidências observáveis pela humanidade apontam o contrário. Isso sim requer um salto de fé.

    independente de memórias passadas só podemos especular o futuro e querer prevê-lo é ato de fé e arrogância.

    Então por que é que você prevê que na ausência de qualquer consciência toda a matéria deixaria de existir mesmo com todas as evidências observáveis apontando o contrário?
    Você mesmo respondeu: Arrogância e fé.

    Pode haver alguma existência para nenhuma consciência? Sem nenhuma consciência poderá serafirmada, comprovada alguma existência ?

    Sim. A ciência demonstra isso no mundo natural da realidade objetiva.

    Digamos que o nosso mundo existente seja apenas como um programa virtual tipo Matrix criado por Deus, toda consciência subjetiva e objetiva dessa existência seriam anuladas se Deus desligasse sua maquina virtual.

    Como eu já disse, certeza absoluta é uma perda de tempo.
    Como você mesmo disse, a razão humana é limitada. Extrapolar esta razão é uma atitude irracional por definição.

    Veja que ponto chega a idolatria do ateísmo pela matéria tendem acreditar que ela seja eterna e a sua consciências efêmeras.

    Eu não disse que a matéria é eterna. Eu só disse que ela independe da consciência de qualquer um.

    Negativo! Sentimentos formam o ser que se apresenta através de palavras, que se fossem irrelevantes para mim, não estaria trocando ideias com você.

    Errado. Os meus sentimentos são relevantes para mim.
    Por outro lado, a sua sensação frente à minha manifestação de meus sentimentos é que é relevante para você.

    Já ouviu falar do provérbio “Quem não chora não mama”?
    O sentimento do bebê (fome) não causa nenhuma reação na mãe. O que faz a mãe reagir é a manifestação daquele sentimento (o choro).

    Da mesma forma, se você me magoar de forma a me entristecer e então ficar com remorsos, o que é relevante para você é o SEU sentimento de remorso e não a minha tristeza propriamente dita.
    Se você não sentisse remorsos, minha tristeza não significaria absolutamente nada para você.

    Percebe a diferença?

    Voce considera o que ultrapassa o limite do conhecimento humano como irracional ?

    Não o que ultrapassa o limite do conhecimento humano. Mas o que ultrapassa o limite da “razão” humana é sim irracional por definição.

    Se for esta sua visão, posso afirmar que coisas irracionais existem, desta forma entendo quando você afirma que vê o deus por mim apresentado como irracional.

    Coisas irracionais, como a crença no sobrenatural ou em divindades, realmente existem.

    Se Deus estivesse limitado a razão humana, não seria Deus e sim humano.

    É justamente por isso que ele é irracional.

    E a percepção humana da razão Deus ja é um sinal da evolução da razão humana.

    Não sei de percepção nenhuma. Eu só vejo exemplos de crença sem evidência.

    Depressão é uma doença psicológica causada por insatisfações atuais

    Depressão tem relação de causa e efeito com o desbalanceamento químico de diversas substâncias no organismos. Algumas vezes este balanceamento pode ser promovido de maneira natural com o trabalho psicológico e utilizando o poder de controle do próprio cérebro no processo.
    Do contrário, não existiriam medicamentos antidepressivos.

    ou quando não apresentam motivos trata-se de razões de vida passadas memorizadas na memória da alma.

    Outra afirmação que extrapola os limites da razão humana e que não encontra sustentação na observação do mundo natural.
    Portanto a afirmação é irracional.

    Conversando informalmente com um psiquiatra, ele concordou que remédios psiquiátricos servem apenas como muletas, ou seja ilude o cérebro que ele é outro ser , cessado o efeito desta ilusão o ser real volta a se manifestar.

    Se for uma patologia de natureza incurável a pessoa pode ter que passar o resto da vida sob a dependência de medicamentos.
    O que não recomendo de maneira alguma é abandonar os medicamentos e procurar a cura com o João de Deus, já que o Chico morreu (o que não deveria ser impedimento para ele).

    O cérebro esta para o espirito, assim como um programa esta para uma cpU

    Isto é irracional. Já demonstrei os motivos.

    Refere-se a Deus ???

    Não. Me refiro à realidade objetiva, à matéria, ao universo.

    Não questiono a existência de realidades objetivas mecânicas externas ao homem sejam elas observáveis ou não, o que eu questiono se ela fazem parte de outra razão , ou só humanos podem possuir uma razão ?

    Não apenas humanos, mas qualquer ser vivo com cérebro ativo e em pleno funcionamento.
    Buscar razão além disso extrapola a razão humana e, se não for devidamente evidenciado, é irracional por definição.

    Voce ainda não conseguiu entender que “ os sentimentos antecederam e formaram a razão humana” e que por isso “não pode haver razão sem sentimentos”, sejam eles diretos ou indiretos.

    Não é este o meu questionamento. Nem sei porque você está citando isso se não tem relação alguma com a racionalidade do seu deus.

    Ateísmo significa falta de sentimentos ou se preferir uma total falta de razão

    Mais um para o rol de conceitos irracionais e sem fundamentação.

    Sim! Teísta!

    Não! Humana.

    Teoricamente ele já existia antes ,mas para mim ele passará a ter alguma importância após conseguir percebe-lo, da mesma forma que você sente em relação a Deus.

    Exatamente! Ele já existia antes, mesmo quando a sua percepção não o detectava.

    Quando você o conheceu ele passou a ser relevante para você.
    Mas se você foi o único na fila ou no banco a vê-lo, isso significa que a sua experiência não pode ser compartilhada ou verificada por outros indivíduos. Desta forma, você pode muito bem suspeitar que se trata de esquizofrenia e este cara só existe subjetivamente na sua consciência e não é relevante para mais ninguém.

    No entanto, se as outras pessoas no banco também podem vê-lo, significa que ele existe de forma objetiva. É este tipo de existência que independe da percepção.

    Ora! Se a realidade é externa, para ser absorvida ou conscientizada pela razão humana ela necessita ser sentida

    Para ser absorvida sim.
    Para existir objetivamente não.

    por exemplo captando sinais elétricos e convertendo os em imagens e sons, tornando os perceptíveis aos sentidos ,interpretados e conscientizado pela razão.

    Esta é uma maneira de detectar a realidade objetiva que existe de forma independente. Mesmo antes de captar tais sinais, eles já existiam.

    Como você pode afirmar que sem “nenhuma lógica ,mente ou razão” poderá continuar havendo alguma realidade?
    A sua crença na matéria acima da consciência, desenvolveu seu sexto sentido da vidência capaz de te fazer “enxergar” o futuro alem da sua razão presente.

    Experimento mental é realizado tomando como base o observável e detectável pela razão humana. De outra forma seria irracional.
    Fazer projeções baseadas em experiências compartilhadas e verificáveis é totalmente válido e a própria filosofia se fundamenta quase que totalmente nelas (experimentos mentais).

    Ateismo é a pura falta de sentimentos, razão e de consciência.

    Conceito irracional. Sem validade lógica.

    só os sentimentos são capazes de construir realidades individuais que forma o ser “eu “ e não ser o outro.

    Realidades objetivas e individuais sim.
    Realidades objetivas não.

    a única realidade valida e aproveitável para formação do ser é Exatamente “a que ele consegue sentir” e não a que os outros sentem

    Realidades objetivas e individuais sim.
    Realidades objetivas não.

  131. aleluia!

    Marcos

    Tudo é irrelevante para a realidade objetiva pois ela não depende de nada para existir

    Digamos que o conhecimento da realidade objetiva seja limitado, incompleto, falho e que não consiga apresentar toda a Realidade Existente Deus, logo a sua razão também é limitada racionalmente.
    Pois com base no presente tentar prever o que acontecerá no futuro sem ter a consciência presente é o paradoxo da fé.
    Baseado na consciência presente e nas experiências passadas, apenas podemos fazer conjecturas hipotéticas numa suposta continuação da matéria , em um futuro totalmente desprovido de alguma consciência ativa, ou seja isso seria o ateísmo consumado.
    A limitada ciência humana torna sua previsões duvidosas, pois qual cientista poderá afirmar hoje : “Que poderá ver o sol amanhã ,já que ele continuará brilhando por milhões de anos ?”
    Este argumento é irracional pois:
    Não sendo obra do homem o sol poderá deixar de brilhar a qualquer momento, assim como toda consciência desta existência, independente de memórias passadas só podemos especular o futuro e querer prevê-lo é ato da pura fé arrogânte.
    Pode haver alguma existência para nenhuma consciência? Sem nenhuma consciência poderá ser afirmada ou comprovada alguma existência ?
    Ou ambas estão atreladas ?
    Digamos que o nosso mundo existente seja apenas como um programa virtual tipo Matrix criado por Deus, toda consciência subjetiva e objetiva dessa existência seriam anuladas se Deus desligasse sua maquina virtual.
    Veja a que ponto chega a idolatria do ateísmo pela matéria, tendem acreditar que ela seja eterna enquanto sua consciências efêmeras.

    Meus sentimentos existem só para mim porque o fato de eu sentí-los já é um indício, mas eles são irrelevantes para qualquer outra pessoa além de mim e não servem de argumento para um debate racional

    .
    Negativo! Sentimentos formam o ser que se apresenta através de palavras, se a suas fossem relevantes apenas a voce, não estaria dando atenção a elas.
    Como ja disse a consciência da sua realidade pode alterar a percepção da minha.
    Como podemos afirmar que algo é real e poder discutir sobre ele seja irracional ? Voce considera o que ultrapassa o limite do conhecimento humano como irracional ?
    Se for esta sua visão, posso afirmar que coisas irracionais existem, desta forma entendo quando você afirma que vê o deus apresentado como irracional.

    A sua lógica pretende ser objetiva tendo como referencia a percepção do todo, aquilo que todos podem sentir ou mensurar mesmo que de forma indireta mecânica

    Em primeiro lugar, repito que não é a “minha” lógica e sim a lógica da razão humana (que é a única que posso ter já que sou humano).
    Em segundo lugar, a lógica não pretende ser objetiva. Ela é objetiva por natureza e por princípio. A lógica existe com o propósito de determinar quais raciocínio são válidos ou inválidos dentro da percepção humana, ou seja, uma percepção que possa ser compartilhada e validada.
    Entenda que em uma realidade subjetiva como a que você propõe a própria lógica inexiste. É por isso que o deus proposto por você está a anos-luz de ser lógico ou racional.
    Sugiro que busque por “lógica” na internet e então compare os princípios da lógica com o seu deus.

    Se Deus estivesse limitado a razão humana, não seria Deus e sim humano.
    E a percepção humana da razão Deus ja é um sinal de evolução .

    Sentimentos “explicados “ subjetivamente , hipoteticamente

    Errado.
    São explicações objetivas e comprovadas cientificamente descrevendo que regiões do cérebro são responsáveis por determinados sentimentos e quais substâncias químicas estão envolvidas nestas sensações.
    A maioria dos medicamentos antidepressivos ou indutores de comportamento são baseados nestas substâncias.
    E que eu saiba não existe remédios para paixões mal resolvida nem para dores morais
    É claro que há substâncias que interferem na percepção destas sensações. Álcool, cocaína, crack, entre outras drogas.

    Depressão é uma doença psicológica causada por insatisfações atuais,ou quando não apresentam motivos aparentes, trata-se de razões de vida passadas memorizadas na memória da alma.
    Conversando informalmente com um psiquiatra, ele concordou que remédios psiquiátricos servem apenas como muletas, ou seja ilude o cérebro que ele é outro ser , cessado o efeito desta ilusão o ser real volta a se manifestar.
    O cérebro esta para o espirito, assim como um programa esta para uma CPU, coloca-se um espirito perturbado para animar um cérebro com defeito e ambos ficarão descontrolados, coloque um programa inteligente dentro de uma CPU com defeito e ambos apresentaram resultados desconexos.

    Por isso: “não se põe vinho novo em odres velhos, pois o odre se racha e ambos se perdem, colocado vinho novo em odre novo, ambos se conservarão”

    porem sem estes sentidos nada disto faria sentindo

    E daí? Porque algo não faz sentido pra você ela deixa de existir?

    Refere-se a Deus ???

    Errado. A realidade existe de forma objetiva e a ausência de sentidos apenas impede que você absorva a realidade objetiva para dentro da sua realidade individual.
    Se você fechar os olhos no cinema o filme não vai parar.

    Assim como, voce parando de respirar não tornará o ar inexistente para os outros, apenas o eliminará da sua realidade consciente.
    Não questiono a existência de realidades objetivas mecânicas externas ao homem sejam elas observáveis ou não, o que eu questiono se ela fazem parte de outra razão , ou só humanos podem possuir uma razão ?
    Para o individuo não importa se o filme é virtual ou fisico , e sim se esta conseguindo senti-lo ou não ?
    Voce ainda não conseguiu entender que “ os sentimentos antecederam e formaram a razão humana” e que por isso “não pode haver razão sem sentimentos”, sejam eles diretos ou indiretos.

    sem sentimentos sem realidades objetivas nem subjetivas, apenas o seu ateismo consumado

    Não há suporte lógico para esta afirmação e nem relação de sentimentos com ateísmo.

    Ateísmo significa falta de sentimentos ou se preferir uma total falta de razão

    Se voce afirma que coisas existem mesmo não se tendo a percepção da sua realidade objetiva, eu vou considerar isso um exemplo de fé a ser seguido por todos os teístas

    Errado. Isso é lógica.

    Sim! É a lógica dos teístas.

    Se você encontra um homem de meia idade na fila do banco e que você nunca viu na vida, você acha lógico admitir que ele passou a existir naquele instante?

    Teoricamente ele já existia antes ,mas para mim ele passará a ter alguma importância , só após conseguir percebe-lo, da mesma forma que você se sente em relação a Deus.

    “Uma realidade sentida é uma realidade conscientizada”

    Seu argumento torna se contraditório ao afirmar que uma realidade é objetiva quando passa a ser sentida, percebida e medida direta ou indiretamente por instrumentos científicos.

    Este é o SEU argumento.
    Desde o início eu disse que a realidade objetiva não depende da percepção para existir.
    Você é que diz que algo só existe se podemos percebê-lo.

    Isso evidência que sua realidade objetiva é incompleta e falha pois ainda depende da interpretação dos sentidos humanos direta ou indiretamente

    Errado. É a realidade subjetiva proposta por você que depende da percepção e interpretação.
    Afirmo que a realidade objetiva é completamente independente.

    Ora! Se a realidade possui uma origem externa, para ser absorvida ou conscientizada pela razão humana necessita ser sentida direta o indiretamente por meio de instrumentos, por exemplo captando sinais elétricos e convertendo os em imagens e sons, tornando os perceptíveis aos sentidos ,interpretados e conscientizado pela razão.
    Na verdade o homem transforma sons e imagens em sinais elétricos transmitem a longas distancias. depois
    Os receptores recebem estes sinais e os convertem novamente a sua forma quase original de sons e imagens.
    E ao fazer isso achamos que essa razão seja totalmente humana ,mas o “bagunho é doido” e o buraco da razão é mais profundo, pois a razão que da vida aos nossos sentidos é “externa”, é ela que permite nossos órgãos poderem captar esses sons e imagens e os transformar em impulsos elétricos, que são transmitidos pelos neurônios ao cérebro, para que ele possa finalmente interpreta-los e nos conscientizar racionalmente desta existência.

    A sua realidade objetiva tambem não passa de um efeito mental uma interpretação dos sentidos fisicos ou mecânicos científicos

    A realidade objetiva não é um efeito mental. Um efeito mental é a percepção que cada um tem dela.

    Se a percepção que cada um tem da realidade é um efeito mental próprio, cada um possui uma realidade relativa dentro de si ?
    Não podemos afirmar haver , ou ainda querer convencionar a existência de uma realidade objetiva, sem antes sermos obrigados a passar pela interpretação da percepção humana, que nada impede de ser mais um efeito mental ilusório compartilhado.
    Um ilusão compartilhada torna–se um realidade relativa ao grupo ?
    Como você pode afirmar que sem “nenhuma lógica ,mente ou razão” poderá continuar havendo alguma realidade?
    A sua crença na matéria acima da consciência, desenvolveu seu sexto sentido da vidência capaz de te fazer “enxergar” o futuro alem da sua razão presente.

    Antes da percepção da sua realidade objetiva ela representa o nada do seu ateísmo

    E o que ateísmo tem a ver com o assunto?

    Ateismo é a pura falta de sentimentos, razão e de consciência.

    Se voce só considera como real sentimentos que podem ser compartilhados , por que rejeita a dor que eu compartilhei com a minha esposa era real, já que ambos podemos senti-la

    A sua dor só é real para você. A dor da sua esposa só é real para ela.
    A minha dor só é real para mim.

    Exato ! só os sentimentos são capazes de construir realidades individuais que formam o ser “eu “ e não ser o outro.
    O importante para mim é a realidade que eu sinto e não a que os outros tentam padronizar como objetiva.

    Se quiser chamar seu deus de racional você precisa inventar a “sua” própria lógica que só funciona para “você” apenas na “sua” realidade individual e para mais ninguém.
    Aliás, foi exatamente isso que você fez

    Apesar de você estar pretendendo padronizar uma única realidade objetiva, a única realidade valida e aproveitável para formação do ser é Exatamente “a que ele consegue sentir” e não a que os outros sentem .

  132. Marcos

    afirmo que toda realidade para ser formada, precisa no minimo ter uma consciência

    Apenas a realidade subjetiva individual.
    A realidade objetiva é independente.

    Toda realidade inclusive a que voce convencionou como “objetiva” depende da interpretação da percepção dos sentidos humanos, logo mesmo quando afirmam um consenso interpretativo , todas realidades interpretadas por elas são ainda subjetivas e pessoais.

    Mas percebo que se esquivou da pergunta.
    Afinal, o tal “deus mecânico” depende da percepção das pessoas para existir?

    a lei divina é igual para todos: “para da forma a alguma existência , é necessário haver ao menos uma consciência dela.”
    hipoteticamente voltando ao estado da não criação, mesmo que todas suas menores consciências voltassem a ser Deus,
    a maior parte da consciência Deus poderia continuar mantendo a formação de outra existência, porem não mecânica, ja que a afirmo que a ação mecânica na matéria, passou a existir impulsionada pelo desníveis de consciências criadas em si mesmo, dentro da criação humana.

    Jesus : “o sábado foi feito para o homem e não ao contrario”
    Desse jeito o Barros mantém o desafio.
    Você está se mostrando incapaz de defender um deus sem utilizar a bíblia.

    imparcialidade derruba pre conceitos e descobre verdades

    o mundo fisico é idealizado por alguma consciência

    É uma suposição sua que não encontra suporte lógico em nada no mundo observável.

    isso significa que precisamos ponderar mais sobre nossas observações.

    Vejo que se esquivou novamente da pergunta.
    A matéria é produto da percepção e sensações de cada pessoa?Marcos

    afirmo que toda realidade para ser formada, precisa no minimo ter uma consciência

    Apenas a realidade subjetiva individual.
    A realidade objetiva é independente.

    Toda realidade inclusive a que voce convencionou como “objetiva” depende da interpretação da percepção dos sentidos humanos, logo mesmo quando afirmam um consenso interpretativo , todas realidades interpretadas por elas são ainda subjetivas e pessoais.

    Mas percebo que se esquivou da pergunta.
    Afinal, o tal “deus mecânico” depende da percepção das pessoas para existir?

    a lei divina é igual para todos: “para da forma a alguma existência , é necessário haver ao menos uma consciência dela.”
    hipoteticamente voltando ao estado da não criação, mesmo que todas suas menores consciências voltassem a ser Deus,
    a maior parte da consciência Deus poderia continuar mantendo a formação de outra existência, porem não mecânica, ja que a afirmo que a ação mecânica na matéria, passou a existir impulsionada pelo desníveis de consciências criadas em si mesmo, dentro da criação humana.

    Jesus : “o sábado foi feito para o homem e não ao contrario”
    Desse jeito o Barros mantém o desafio.
    Você está se mostrando incapaz de defender um deus sem utilizar a bíblia.

    imparcialidade derruba pre conceitos e descobre verdades

    o mundo fisico é idealizado por alguma consciência

    É uma suposição sua que não encontra suporte lógico em nada no mundo observável.

    isso significa que precisamos ponderar mais sobre nossas observações.

    Vejo que se esquivou novamente da pergunta.
    A matéria é produto da percepção e sensações de cada pessoa?

    “o sábado foi feito para o homem e não o contrario” a matéria foi feita para as consciências e não o contrario.

    Se uma pedra atinge uma pessoa distraída na cabeça, a sensação de dor da pessoa é proveniente do impacto da pedra? Ou a pedra não existia inicialmente e só passou a existir porque a pessoa sentiu dor?

    A pedra, a dor e a pessoa são uma parte da consciência de Deus, se manifestando nesta forma.
    Ou seja como diz o tópico ” na Natureza divina nada de perde, nada se cria , tudo se transforma” pois tudo existe em Deus desde sempre.
    A pedra faz parte da consciência Deus desde sempre, pois ( Deus seria a unica realidade objetiva antes da sua criação divisão).
    os seres humanos ja absorveram essa parte da consciência Deus em forma de pedra matéria,mas especificamente esta só passou a ser percebida individualmente ao ter induzido sentimentos relativos ao ser humano em questão.
    imaginemos um mundo silencioso sem movimento do ar , não pode haver percepção sonoras.
    Então alguém inspirado por uma razão intuitiva, inventa uma mecânica capaz de movimenta-lo gerando ondas sonoras audíveis, neste caso o som passou ser realidade para essas pessoas somente a partir da percepção do ar em movimento.
    é isso que eu chamo evoluir conscientizando a realidade Deus Existente, aos poucos.

  133. Criaturo você não se cansa de ficar repetindo sempre as mesmas tolices sem pé nem cabeça? Deus chato do caramba, manda ele dar as caras duma vez, assim acaba a controvérsia, ué!

  134. Criaturo,

    Você praticamente só repetiu o seu comentário anterior palavra por palavra.

    Toda realidade inclusive a que voce convencionou como “objetiva” depende da interpretação da percepção dos sentidos humanos

    O adjetivo “objetivo” significa justamente independente, autônoma, portanto não depende de nada.

    afirmo que a ação mecânica na matéria, passou a existir impulsionada pelo desníveis de consciências criadas em si mesmo, dentro da criação humana.

    Continua evitando a pergunta ao invés de respondê-la.
    O “deus-mecânico” depende da percepção das pessoas para existir?

    isso significa que precisamos ponderar mais sobre nossas observações.

    Se a afirmação extrapola a razão humana, nem a ponderação eterna a tornará racional.

    A pedra, a dor e a pessoa são uma parte da consciência de Deus, se manifestando nesta forma.

    Evitou a pergunta de novo.

    Então alguém inspirado por uma razão intuitiva, inventa uma mecânica capaz de movimenta-lo gerando ondas sonoras audíveis, neste caso o som passou ser realidade para essas pessoas somente a partir da percepção do ar em movimento.

    Sua hipótese de que o som pudesse ser “inventado” por alguém é absurda e também irracional, pois a ciência contemporânea demonstra o contrário.

  135. SS

    Criaturo você não se cansa de ficar repetindo sempre as mesmas tolices sem pé nem cabeça? Deus chato do caramba, manda ele dar as caras duma vez, assim acaba a controvérsia, ué!

    cadê a tolerância ateia com os divergentes?
    os comentários replicaram.
    Fica então valendo a “edição revisada” na linguagem atual,
    Critica a minha repetição de argumentos e apela para o velho ônus da prova ?

  136. Marcos

    Vejo que se esquivou novamente da pergunta.
    A matéria é produto da percepção e sensações de cada pessoa?

    o topico diz o que ?
    “tudo e´Deus”
    A matéria é formada por parte da consciência mecânica de Deus, antes da criação só ele tinha consciência disto, após torna partes da sua consciência humanas e ignorantes elas necessitam redescobrirem a parte mecânica material divina.
    A matéria existe na consciência divina e passa a fazer parte da nossa realidade só quando a descobrimos, ou melhor dizendo a sentimos.
    O que voce chama de unica realidade objetiva existente, eu chamo de unica consciência Deus existente antes da sua divisão e após foi criado o relativismo de realidades x consciências.

  137. Marcos

    Você praticamente só repetiu o seu comentário anterior palavra por palavra.

    Sim! a razão exclui contradição

    Toda realidade inclusive a que voce convencionou como “objetiva” depende da interpretação da percepção dos sentidos humanos

    O adjetivo “objetivo” significa justamente independente, autônoma, portanto não depende de nada.

    Ja disse que isto é Deus antes da criação humana e para que ele passe a fazer parte da sua realidade consciente voce precisa:
    intui-lo, sentir ou interpreta-lo racionalmente.
    E neste sentido eu estou tentando ajuda-lo , mas seu ceticismo necessitará mais da ajuda dos sentidos.

    Se a afirmação extrapola a razão humana, nem a ponderação eterna a tornará racional.

    Exato! a humanidade cabe apenas a obrigação de torna-se menos irracional, pois como voce mesmo afirmou a Razão Deus nunca poderá ser alcançada totalmente, sob o risco de perdermos nossa individualidade então:”viva sua ignorância eterna” e seja feliz da melhor forma possível……he…he…he…he….he

    Sua hipótese de que o som pudesse ser “inventado” por alguém é absurda e também irracional, pois a ciência contemporânea demonstra o contrário.

    isso foi apenas uma analogia para demonstrar que a realidade relativa passa a existir a partir do momento que é percebida, no entanto assim como Deus existe desde sempre.
    Descubra Deus e ele passará a fazer parte da sua realidade consciente.

  138. Marcos

    Mas percebo que se esquivou da pergunta.
    Afinal, o tal “deus mecânico” depende da percepção das pessoas para existir?

    Deus não é um produto esquizofrênico causado pela carência humana.
    A matéria só depende de fazer parte da consciência divina para existir.
    E só fara parte da nossa realidade quando conseguimos descobri-la através dos sentidos.

    obs. espero finalmente ter conseguido responder sua questão a contento!

  139. Criaturo,

    A matéria existe na consciência divina e passa a fazer parte da nossa realidade só quando a descobrimos, ou melhor dizendo a sentimos

    Não há embasamento lógico para esta afirmação no mundo observável. Por isso, não é racional.

    O que voce chama de unica realidade objetiva existente, eu chamo de unica consciência Deus existente antes da sua divisão e após foi criado o relativismo de realidades x consciências.

    Novamente, está construindo os seus conceitos que só têm validade para você. Isso não é racional se não puder ser compartilhado através da razão.

    Sim! a razão exclui contradição

    Então, para evitar se contradizer você vai ficar nessa de ctrl+c ctrl+v de seus próprios comentários?

    Ja disse que isto é Deus antes da criação humana e para que ele passe a fazer parte da sua realidade consciente voce precisa:
    intui-lo, sentir ou interpreta-lo racionalmente.

    Tudo bem, mas você não apresentou o menor indício lógico ou racional de que isso seja o que você diz ser. Portanto, seu deus é irracional.

    a Razão Deus nunca poderá ser alcançada totalmente

    Portanto, sua proposta de deus é irracional.

    realidade relativa passa a existir a partir do momento que é percebida

    Mas a realidade objetiva não depende da percepção.
    O fato é que você não demonstrou que seu deus tem existência na realidade “objetiva”.

  140. Criaturo,

    Deus não é um produto esquizofrênico causado pela carência humana.

    A única maneira de demonstrar isso é apresentando evidências lógicas e racionais de que este deus existe “objetivamente”.

    A matéria só depende de fazer parte da consciência divina para existir.

    A única maneira de demonstrar é apresentando evidências lógicas e racionais disso.

    E só fara parte da nossa realidade quando conseguimos descobri-la através dos sentidos.

    A revelação pessoal só serve de evidência para quem a experimentou.
    Se eu pudesse detectar deus através dos meus sentidos seria bem mais fácil considera-lo como uma possibilidade lógica.

    obs. espero finalmente ter conseguido responder sua questão a contento!

    Foi esclarecedor, apesar de sua proposta de deus continuar sendo irracional.

  141. Marcos

    Novamente, está construindo os seus conceitos que só têm validade para você. Isso não é racional se não puder ser compartilhado através da razão.

    Sentimentos relativos formam razões relativas.
    Se voce não consegue compartilhar sua razão com a de um peixe, sua razão não existe ?

    Então, para evitar se contradizer você vai ficar nessa de ctrl+c ctrl+v de seus próprios comentários?

    trata-se de uma lógica redundante gerando comentários semelhantes,mas repliquei os involuntariamente .

    a Razão Deus nunca poderá ser alcançada totalmente

    Portanto, seu deus é irracional.Portanto, sua proposta de deus é irracional.

    ótimo! caso contrario seria apenas mais um fruto da razão humana!
    não se esqueça que a minha proposta afirma que a humanidade surgiu a partir da regressão racional de Deus e que por isso somos frutos da absoluta ignorância divina, e instintivamente e mecanicamente tentamos, voltar para o nosso paraíso perdido, eternamente queremos redescobrir um Deus alem da nossa razão, e isto é trabalho sem fim.

  142. Criaturo,

    Sentimentos relativos formam razões relativas.
    Se voce não consegue compartilhar sua razão com a de um peixe, sua razão não existe ?

    Vamos utilizar a analogia da relação entre o peixe no aquário e o homem fora dele.
    Eu tentar discutir logicamente utilizando a razão de um peixe é uma atitude irracional.
    Da mesma forma, um peixe (você e eu) discutir especulando sobre a razão deus (homem fora do aquário) é igualmente irracional.

    Só estou dizendo que somos humanos (eu e você). Se vamos utilizar a razão, só pode ser a razão humana. Qualquer coisa que extrapole a razão humana é por definição irracional.

    ótimo! caso contrario seria apenas mais um fruto da razão humana!

    Então, entendeu e admite que o deus apresentado por você não é racional? Nem mais racional que o deus da bíblia?

  143. Marcos

    Então, entendeu e admite que o deus apresentado por você não é racional?

    Entendo que sentir a existência de um Deus que vai alem da razão humana é um sinal de evolução.

    Nem mais racional que o deus da bíblia?

    vejamos:

    não contraditório
    amoral
    razão acima da humana
    mecânico
    limitado

    sim! é mais racional.

  144. Criaturo,

    Entendo que sentir a existência de um Deus que vai alem da razão humana é um sinal de evolução.

    Este entendimento não se baseia em nenhum argumento lógico.

    não contraditório
    amoral
    razão acima da humana
    mecânico
    limitado

    sim! é mais racional.

    O deus proposto por você não apresenta as características que você citou.

    – Não contraditório:
    Você apresenta um “deus sem bíblia” e então o defende utilizando a bíblia como argumento.
    Além disto, as próprias características apresentadas por você agora são contraditórias com o texto e com seus comentários, como demonstro a seguir.

    – Amoral:
    Amoral significa sem senso moral, isento de valores morais.
    No entanto, você afirmou existir um espírito responsável pela evolução daquele ladrão que levou tiros na cabeça.
    Se existe tal evolução e ela é conduzida por espíritos, então há um objetivo a ser buscado na trajetória da vida, um suposto aprendizado ou melhoramento.
    Se isto é verdade, então obrigatoriamente deve haver certo e errado. Ou seja, um caminho que nos leva ao objetivo e outro que nos afasta dele.
    Ora este é o exato conceito de se ter valores morais, portanto fica evidenciado que seu deus tem sim senso de moral.

    – Razão acima da humana:
    O simples fato de você afirmar que ele tem uma razão acima da humana já é irracional por definição, pois você é humano e está sujeito à limitação da razão humana. Portanto, se deus tivesse uma razão acima da humana você não teria como saber disso.

    – Mecânico:
    Na verdade, você afirmou que ele além de mecânico é também consciência e humano. Trata-se de uma santíssima trindade tão irracional quanto o deus bíblico.
    Além disso, ele é alegadamente mecânico mas não se submete às leis físicas da matéria (existência subjetiva).

    – Limitado:
    Talvez nisso eu concorde. Ele é tão limitado que não consegue sair do campo da imaginação para entrar no campo da razão e da lógica da existência objetiva.

  145. Marcos

    Entendo que sentir a existência de um Deus que vai alem da razão humana é um sinal de evolução.

    Este entendimento não se baseia em nenhum argumento lógico.

    Exato! por isso esta alem da razão humana.

  146. Marcos

    – Não contraditório:

    Você apresenta um “deus sem bíblia” e então o defende utilizando a bíblia como argumento.

    citei apenas umas duas passagens só para destacar a sabedoria de Jesus, então esa sua critica é fraquinha, parece politico desviando o foco.

    – Amoral:

    Amoral significa sem senso moral, isento de valores morais.
    No entanto, você afirmou existir um espírito responsável pela evolução daquele ladrão que levou tiros na cabeça.
    Se existe tal evolução e ela é conduzida por espíritos, então há um objetivo a ser buscado na trajetória da vida, um suposto aprendizado ou melhoramento.

    entenda isso:” o desejo humano é voltar a ser Deus, e o desejo de Deus é continuar sendo humanos”
    Deus é amoral pois sua vontade é a realidade soberana.
    Assim, continua manifestando sua vontade em infinitas formas humanas, criando a ilusão de ser varios seres individualizados vivenciando realidades conforme o nivel de consciência ja adquirida, individualmente ou em grupos.
    Na verdade não afirmei , apenas cogitei a titulo de possibilidades didáticas.

    Se isto é verdade, então obrigatoriamente deve haver certo e errado. Ou seja, um caminho que nos leva ao objetivo e outro que nos afasta dele.
    Ora este é o exato conceito de se ter valores morais, portanto fica evidenciado que seu deus tem sim senso de moral.

    Deus antes da criação era totalmente amoral ja que só havia sua consciência , após dividir-se a parte dele que se fez humanamente ignorante , passou a moralizar conceitos de certo e errado segundo os sentimentos causados pelas reações das suas ações.
    O desejo de voltar a ser Deus é inato ao homem e inconscientemente ele trabalhará eternamente para alcançar este objetivo, quando no máximo só conseguirá descobrir pedaços da consciência Deus.

    – Razão acima da humana:

    O simples fato de você afirmar que ele tem uma razão acima da humana já é irracional por definição, pois você é humano e está sujeito à limitação da razão humana. Portanto, se deus tivesse uma razão acima da humana você não teria como saber disso.

    sua razão não te pertence pois ela também é parte da consciência Deus.
    oque limita nossa razão são os nosso sentidos, porem quem consegue desenvolver o sexto sentido da intuição, poderá ter uma melhor visão divina, sem precisar fazer uso da razão humana.
    “intuição, voce sabe e pronto” sem cálculos, lógica ou raciocínio.

    continua………..

  147. Criaturo,

    citei apenas umas duas passagens só para destacar a sabedoria de Jesus, então esa sua critica é fraquinha, parece politico desviando o foco.

    Não foi só isso que eu disse. Eu disse que suas características são contraditórias com a exposição.
    Além disso, você utiliza fatos bíblicos, como Lázaro e outros zumbis, para exemplificar como é possível consciência após a morte. Ao fazer isso você está tomando a bíblia como verdade, portanto está sim se apoiando nela para defender seu argumento.

    entenda isso:” o desejo humano é voltar a ser Deus, e o desejo de Deus é continuar sendo humanos”

    Entendo que isso é o que você diz. Mas você não apresentou indícios racionais e lógicos desta afirmação.

    Deus é amoral pois sua vontade é a realidade soberana.

    Pra variar, você está alterando o conceito de amoral para fazer caber na sua realidade subjetiva particular e que só é racional pra você.

    Na verdade não afirmei , apenas cogitei a titulo de possibilidades didáticas.

    Cogitou mas não apresentou evidências que suportem esta especulação nem mesmo como hipótese lógica.

    Deus antes da criação era totalmente amoral ja que só havia sua consciência , após dividir-se a parte dele que se fez humanamente ignorante , passou a moralizar conceitos de certo e errado segundo os sentimentos causados pelas reações das suas ações.

    Mais afirmações apenas cogitadas e sem nenhum embasamento lógico ou racional.

    O desejo de voltar a ser Deus é inato ao homem e inconscientemente ele trabalhará eternamente para alcançar este objetivo, quando no máximo só conseguirá descobrir pedaços da consciência Deus.

    Mais afirmações apenas cogitadas e sem nenhum embasamento lógico ou racional.

    oque limita nossa razão são os nosso sentidos, porem quem consegue desenvolver o sexto sentido da intuição, poderá ter uma melhor visão divina, sem precisar fazer uso da razão humana.

    Mais afirmações apenas cogitadas e sem nenhum embasamento lógico ou racional.

    “intuição, voce sabe e pronto” sem cálculos, lógica ou raciocínio.

    Sem lógica ou raciocínio, portanto irracional. Não dá pra ser mais claro e óbvio.
    Que orgulho é esse? É tão difícil assim admitir?
    Está provado por A+B que seu deus não tem base racional mas sim passional e sentimental.
    Até mesmo você reconhece isso por diversas vezes de forma indireta e não intencional, mas se nega a admitir abertamente.

    continua………..

    No aguardo.

  148. Criaturo,

    Exato! por isso esta alem da razão humana.

    Portanto, é irracional.
    Porque não admite logo?

  149. Criaturo

    “Não contraditório” para definir a própria contradição que seria a consciência inconsciente de si mesma.
    “Racional” usado como definição por alguém que vem desdenhando a razão desde que foi pego no pulo ao anunciar um deus ‘racional’ que de racional não tem nada.
    Um ser amoral que após conseguir a proeza de continuar consciente tendo se tornado inconsciente adquire também noções de moralidade…

    Eu estou na dúvida se você está tentando fazer humor ou se está falando a sério. Se for a segunda hipótese você está prontinho pra fundar sua própria igreja. Desonestidade intelectual e malabarismos com palavras são requisitos fundamentais pra isso.

  150. Marcos Kiyoji

    Desculpe me intrometer em sua conversa com o Criaturo, mas efetuaste algumas afirmações pelos quais me deixaram curioso:

    As evidências disponíveis e descobertas até hoje pela humanidade apontam para o fato de que deus (qualquer que seja ele) quase que com certeza não existe.

    Que evidências? poderia citar uma?

    Este “quase” se dá pelo fato de deus não ser uma hipótese falseável e portanto não ser um assunto da ciência, não estando sujeita a provas ou contraprovas.

    A MACRO -evolução (pelo qual depende dos supostos milhões de anos) é Testável ou Falseável?

    É necessário algum tipo de iluminação ou revelação pessoal para sentí-lo?
    Então não vejo o propósito de se escrever um texto a esse respeito, pois o uso da razão não é eficaz para detectar este deus

    Qual é a mutualidade exclusiva entre a iluminação/revelação pessoal e a Razão?
    Não poderia Deus efetuar revelação pessoal, iluminando a razão?

    O método científico aplicado a este assunto demonstra que a mente/consciência/razão é produto de um cérebro (físico).

    E como o método ciêntífico demonstra isso?
    E se o cérebro (físico) não é o RESULTADO REFLETIDO NA MATÉRIA da mente/consciência/razão (Imaterial)?

    Assumir o contrário é pura fé e não tem nada de racional.

    E quem disse que Fé é sinônimo de irracionalidade? Qual é a fonte para esta tua alegação?

    Resumindo: Aquilo que não possui evidências (indícios) confiáveis, não merece atenção.

    Existem evidências de NÃO VIDA tornando-se vida? Existem evidências e INFORMAÇÃO CODIFICADA provindo de aleatoriedade?
    Existem evidências de um sistema desorganizado, organizar-se sozinho sem uma fonte externa?

    E quando se tem evidências CONTRÁRIAS aos argumentos apresentados? além de não merecer atenção eles dever ser descartados?

    As evidências observáveis são:
    º Vida provém de Vida
    º Informação codificada provém de inteligência
    º Um Sistema deixado por conta própria, se desorganiza.

    mesmo sabendo que não há provas definitivas de nenhuma parte.

    Como sabes que não há prova definitiva em favor da existência de Deus?
    Fazendo parte do seu modus operandi manifestar-se CLARAMENTE de maneira individual, como podes afirmar com certeza que a nenhum ser humano na terra possuiu tal manifestação?

    E olha que a possibilidade do parafuso é bem mais provável que a da existência de deus.

    Quais são as constantes e variáveis que utilizaste para mensurar esta probabilidade?

  151. continuando………………….

    – Mecânico:

    Na verdade, você afirmou que ele além de mecânico é também consciência e humano. Trata-se de uma santíssima trindade tão irracional quanto o deus bíblico.
    Além disso, ele é alegadamente mecânico mas não se submete às leis físicas da matéria (existência subjetiva).

    Não trata-se de uma santíssima trindade e sim de uma santíssima unidade, enquanto o Deus biblico é apenas três, o apresentado é todos e o Todo,mais uma vez a evolução prevalece.
    como ja disse a parte mecânica material de Deus é “burra” no sentindo de não possuir vontade própria age apenas como programada com objetivo de manter a vida mecânica, por isso aceita ser manipulada ao preço de reações que nos sejam agradáveis ou não.

    – Limitado:

    Talvez nisso eu concorde. Ele é tão limitado que não consegue sair do campo da imaginação para entrar no campo da razão e da lógica da existência objetiva.

    Deus é limitado por ele mesmo, pois não pode ir alem dele mesmo.
    Deus esta contido em si mesmo, nós estamos contido dentro dele.
    Talvez a imaginação divina seja a sua realidade objetiva.
    A ciência que liberta também escraviza.
    Esta sua razão lógica e objetiva esta te tornando um bitolado, atrofiando seu sentidos naturais.

  152. Marcos

    Além disso, você utiliza fatos bíblicos, como Lázaro e outros zumbis, para exemplificar como é possível consciência após a morte. Ao fazer isso você está tomando a bíblia como verdade, portanto está sim se apoiando nela para defender seu argumento.

    Dei outros exemplos atuais de ressuscitações , tomo a bíblia como possibilidades e alguns exemplos morais a serem seguidos.
    Deus é amoral pois moralidade são conceitos humanos

    “intuição, voce sabe e pronto” sem cálculos, lógica ou raciocínio.

    Sem lógica ou raciocínio, portanto irracional. Não dá pra ser mais claro e óbvio.
    Que orgulho é esse? É tão difícil assim admitir?
    Está provado por A+B que seu deus não tem base racional mas sim passional e sentimental.
    Até mesmo você reconhece isso por diversas vezes de forma indireta e não intencional, mas se nega a admitir abertamente.

    Estou defendendo a possibilidade de haver consciência de Deus existente nos seres, enquanto voce defende a possibilidade de haver a absoluta falta de consciência nos seres. (a morte eterna pregada pelo ateísmo)
    Então quem esta defendendo a razão ou a falta dela ?
    O orgulho é seu em não querer admitir que sua razão faz parte de uma maior consciência Deus e que ela transcende seu ser, na sua razão objetiva de um peixe no aquário, dizendo que toda realidade alem dos seus limites é irracional.
    http://religiaodeuslivre.wordpress.com/2010/08/27/o-peixinho-incredulo-3/
    Já disse que a razão Deus continua onde a sua termina e voce por orgulho, ou falta de razão , ironicamente afirma ser isto irracional.
    Outra coisa o fato de descobrirmos a a continuação da vida, após esta vida em um mundo espiritual não provaria a existência de Deus.

  153. Marcos

    Exato! por isso esta alem da razão humana.
    Portanto, é irracional.
    Porque não admite logo?

    Seu conceito de razão limita-se a matéria que é o seu eterno criador, enquanto considera a consciência do seu ser,efêmera.
    é isso que da começar a ter fé em um deus material totalmente irracional, e ainda tem a cara de pau de tentar insinuar que um deus que vai alem desta sua razão seja irracional.

  154. SS

    “Não contraditório” para definir a própria contradição que seria a consciência inconsciente de si mesma.

    para Deus passar a ser humano deve ter características humanas como a perda de memória , cria um novo ser.

    “Racional” usado como definição por alguém que vem desdenhando a razão desde que foi pego no pulo ao anunciar um deus ‘racional’ que de racional não tem nada.

    Talvez não tenha nada da sua falta de razão.
    A razão humana querer definir que ela é racional, é um testemunho valido apenas para ela mesma.
    Assim define que outros seres não humanos são “irracionais”, quando podem ser menos ou até mais racionais.
    A razão do ateu diz assim: “Deus não existe simples assim” e se voce pensar igual, então todos nós estaremos com a razão.

    Um ser amoral que após conseguir a proeza de continuar consciente tendo se tornado inconsciente adquire também noções de moralidade…

    há….há….há….há…há……há

    Eu estou na dúvida se você está tentando fazer humor ou se está falando a sério. Se for a segunda hipótese você está prontinho pra fundar sua própria igreja. Desonestidade intelectual e malabarismos com palavras são requisitos fundamentais pra isso.

    Estou em duvida se voce distorce o que eu digo, para fazer graça, ou se não consegue entender direito isso:

    Antes da sua divisão Deus era uma única consciência, portanto amoral já que não havia outra para questiona-lo.
    Após, uma maior parte da sua consciência continua sendo amoral e não controladora das suas menores consciências ( o seu deus tartaruga), que passaram a ignorar suas origens divinas, dotadas de sentimentos natos pertencentes a todos seres viventes, passaram a raciocinar os efeitos causados por suas ações, adquirindo assim suas moralidades conceituais.

  155. Criaturo, se tu abrisse uma boca de culto pra orar esse Deus aí que tu inventou, tu ia cobrar dízimo?

  156. Criaturo

    Escreveu, escreveu, deu voltas em torno das mesmas tolices sem pé nem cabeça que você usa para ‘justificar’ e “explicar” o deus que inventou, ajuntou mais tolices…
    Engraçado que pessoas se baseando na total ausência de evidências para a existência de algum deus são “ateus irracionais” possuídos de uma “fé no nada” e são ao mesmo tempo materialistas.
    Você sacando um deus do bolso do colete, falando dele como se fosse real, inventando novos significados para conceitos de há muito estabelecidos é que é racional?

    Acho que não. Se tanto, você é uma espécie de burro falante.

  157. Barros

    Criaturo, se tu abrisse uma boca de culto pra orar esse Deus aí que tu inventou, tu ia cobrar dízimo?

    fala sério não recebeu o e-mail ?

  158. SS

    Engraçado que pessoas se baseando na total ausência de evidências para a existência de algum deus são “ateus irracionais” possuídos de uma “fé no nada” e são ao mesmo tempo materialistas.

    Engraçado , não! isso é triste.
    colocando a matéria acima do ser, vocês possuem fé que um dia perderão totalmente a razão .

    Você sacando um deus do bolso do colete, falando dele como se fosse real, inventando novos significados para conceitos de há muito estabelecidos é que é racional?

    a razão esta ai para ser absorvida por xícaras vazias

    Acho que não. Se tanto, você é uma espécie de burro falante.

    tipo a mula de Balaão ? para mim isto é um elogio visto que este animal demonstrou ser mais sabio que um ser humano.
    Se pássaros conseguem falar, burros e cobras não me espantariam.
    Deveria usar a sua maior razão para refutar os argumentos e não apelar para criticas vazias a pessoa.

  159. Recebi o e-mail. Só não tinha ligado o nome à pessoa. Você não se identificou no e-mail e foi direto pro spam.

    Mas já deletei os comentários repetidos.

    barros@deusilusao.com

    Jesus te abençoe.

  160. Valeu irmão Barros!
    a paz do Sr. esteja com vosco!

  161. Que a Força esteja com você.

  162. Criaturo,

    Deus é amoral pois moralidade são conceitos humanos

    Se for por este caminho, descobrirá que até “deus” é um conceito humano.
    Para afirmar que seu deus é amoral, você deve aceitar que não existem desígnios ou planos divinos, que não existe um caminho para se buscar, que não existe certo ou errado, que não há um objetivo a ser alcançado com esta “evolução espiritual”.
    Se você aceitar isso, então seu deus é realmente amoral. Contudo, entrará em contradição com grande parte da sua exposição.

    Já disse que a razão Deus continua onde a sua termina e voce por orgulho, ou falta de razão , ironicamente afirma ser isto irracional.

    Extrapolar os limites de sua própria razão é estar fora da razão, já que a razão humana é a única que alcançamos por sermos limitados e até você já concordou com isso.
    Estar fora da razão é agir irracionalmente. Portanto, eu defendo a razão humana enquanto você defende uma suposta razão superior que sequer foi evidenciada. Você está sendo irracional sob a perspectiva humana (que é a única que foi demonstrada relevante).

    Outra coisa o fato de descobrirmos a a continuação da vida, após esta vida em um mundo espiritual não provaria a existência de Deus.

    Eu sei. Ninguém alegou isso.

  163. Criaturo,

    Seu conceito de razão limita-se a matéria que é o seu eterno criador, enquanto considera a consciência do seu ser,efêmera.

    Eu não diria que se limita à matéria, mas ao mundo natural. É claro que se limita a isso, pois sou humano. Extrapolar este limite sem evidência alguma (que é o que você faz) seria irracional.

    ainda tem a cara de pau de tentar insinuar que um deus que vai alem desta sua razão seja irracional.

    Estou aguardando sua contestação disso.
    Sua razão não é a humana? Sua razão não tem os limites humanos? Terá que evidenciar esta suposta razão superior antes de passear por ela alegando ser racional.

  164. Criaturo,

    A razão humana querer definir que ela é racional, é um testemunho valido apenas para ela mesma.

    Se é válido apenas para a humanidade, então deveria ser válido para você também. Ou você não faz parte da “humanidade”?
    Perceba a contradição de suas palavras.

    Assim define que outros seres não humanos são “irracionais”, quando podem ser menos ou até mais racionais.

    Basta você demonstrar racionalmente isto.

    Antes da sua divisão Deus era uma única consciência, portanto amoral já que não havia outra para questiona-lo.

    Não é este o conceito de “amoral”. Está inventando seus conceitos novamente.

  165. Marcos

    Deus é amoral pois moralidade são conceitos humanos

    Se for por este caminho, descobrirá que até “deus” é um conceito humano.
    Para afirmar que seu deus é amoral, você deve aceitar que não existem desígnios ou planos divinos, que não existe um caminho para se buscar, que não existe certo ou errado, que não há um objetivo a ser alcançado com esta “evolução espiritual”.
    Se você aceitar isso, então seu deus é realmente amoral. Contudo, entrará em contradição com grande parte da sua exposição.

    Pessoas diferentes enxergam realidades diferentes, que para elas são reais.
    Não há contradição alguma:
    Antes da criação só havia uma realidade consciente Deus sem ação , portanto sendo a única referencia não havia outros seres para questiona-lo, portanto era 100% amoral.
    A divisão da sua consciência criou :
    Nelas um instintivo desejo de voltarem a ser uma única Consciência Deus existente, todo universo trabalha e vive para isso, porem sem essa diferença de potencial de consciência, não há ação nem individualidades eternas e voltar a este estado anterior a nossa criação é contraria a vontade de Deus.
    As suas menores consciências humanas vivenciando diferentes níveis de realidades individuais ou conjuntas, a ignorância nata proporcionou a elas a liberdade para questionamentos e suas definições Morais.
    1) Existe uma maior parte da consciência Deus que continua sendo 100% amoral
    2) Outra mecânica também 100% amoral
    3) A humana é que cria moralidades a serem seguidas, a saber todos seres racionais encarnados na matéria ou não.
    Já disse que a razão Deus continua onde a sua termina e voce por orgulho, ou falta de razão , ironicamente afirma ser isto irracional.

    Extrapolar os limites de sua própria razão é estar fora da razão, já que a razão humana é a única que alcançamos por sermos limitados e até você já concordou com isso.

    Isto é evolução da razão humana, o problema que você não admite que a nossa razão também pertence a Deus, logo Deus é o limite da nossa razão.

    Estar fora da razão é agir irracionalmente. Portanto, eu defendo a razão humana enquanto você defende uma suposta razão superior que sequer foi evidenciada. Você está sendo irracional sob a perspectiva humana (que é a única que foi demonstrada relevante).

    Relevante para mim é a minha vida que não é fruto da razão humana

  166. Marcos

    Eu não diria que se limita à matéria, mas ao mundo natural. É claro que se limita a isso, pois sou humano. Extrapolar este limite sem evidência alguma (que é o que você faz) seria irracional.
    ainda tem a cara de pau de tentar insinuar que um deus que vai alem desta sua razão seja irracional.
    Estou aguardando sua contestação disso.
    Sua razão não é a humana? Sua razão não tem os limites humanos? Terá que evidenciar esta suposta razão superior antes de passear por ela alegando ser racional.

    o mundo natural para um peixe é um aquário .
    alem do sentido da intuição tenho vivenciado experiências que evidenciam haver existência de consciências fora da matéria.

  167. Criaturo,

    portanto sendo a única referencia não havia outros seres para questiona-lo, portanto era 100% amoral.

    Você está inventando um novo conceito para “amoral”.

    Amoral significa sem valores morais.
    Se deus tem valores morais, mesmo que não sejam questionados, ele é um ser moral.

    o problema que você não admite que a nossa razão também pertence a Deus, logo Deus é o limite da nossa razão.

    Eu admitiria se você fornecesse ao menos um resquício de evidência lógica disso. Mas você se resume a fazer afirmações sem comprovação ou indício algum.

    Relevante para mim é a minha vida que não é fruto da razão humana

    Isso não muda o fato de seu deus ser irracional por definição.

  168. Criaturo,

    alem do sentido da intuição tenho vivenciado experiências que evidenciam haver existência de consciências fora da matéria.

    Ou seja, evidências sentimentais, passionais e completamente irracionais por definição.

  169. Marcos

    Você está inventando um novo conceito para “amoral”.

    Deus não possui valores morais, nem é um valor moral a ser seguido, porem como ja disse voltar a fonte da consciência Deus
    é natural ao desejo humano,mas não é o desejo divino.

    Relevante para mim é a minha vida que não é fruto da razão humana

    Isso não muda o fato de seu deus ser irracional por definição.

    é voce que se acha um produto da irracionalidade que idolatra matéria colocando-a acima do seu ser divino.

    Ou seja, evidências sentimentais, passionais e completamente irracionais por definição.

    refere-se ao amor ?

  170. Criaturo,

    Deus não possui valores morais, nem é um valor moral a ser seguido, porem como ja disse voltar a fonte da consciência Deus

    Se não há moral a ser seguida, nem desígnios divinos e nem objetivo a ser alcançado, então porque é que, segundo você, existe um espírito responsável pela evolução do ladrão que levou 9 tiros?

    é voce que se acha um produto da irracionalidade que idolatra matéria colocando-a acima do seu ser divino.

    Não idolatro a matéria.
    Só coloco o ser divino abaixo da matéria porque este é o lugar adequado para qualquer coisa irracional e sem sentido.

    refere-se ao amor ?

    Não. O amor não é evidência de nada.
    Me refiro justamente à sua intuição sobre eventos nem de perto amparado por indícios, mas puramente inventado por você.

  171. Marcos

    Se não há moral a ser seguida, nem desígnios divinos e nem objetivo a ser alcançado, então porque é que, segundo você, existe um espírito responsável pela evolução do ladrão que levou 9 tiros?

    ja disse:
    3) A humana é que cria moralidades a serem seguidas, a saber todos seres racionais encarnados na matéria ou não.
    Seus pais são espíritos encarnados como seus anjos da guarda na terra.
    Existem outros espíritos que também são seus anjos desencarnados.
    o interessante nesta conjectura é observar que o anjo da guarda usou 9 balas para tentar abrir a cabeça do ladrão e por um pouco de consciência dentro dela e neste caso obteve sucesso,amem.

    Disseram a Jesus, eis que sua mãe e seus irmãos esperam por voce la fora, mas disse ele: “Quem são minha mãe e irmãos? Todos os que fazem a vontade de Deus”, existe uma grande família universal,
    entenda que fazer a vontade de Deus é seguir o instinto natural da evolução rumo a sua maior consciência.
    Quando um animal cria seu filhote, ou mata seus concorrentes não existe uma moralidade sendo seguida, pois isto faz parte da natural evolução vivenciando sentimentos despertará uma maior racionalidade humana criando conceitos morais.

    Não idolatro a matéria.
    Só coloco o ser divino abaixo da matéria porque este é o lugar adequado para qualquer coisa irracional e sem sentido.

    isso seria racional se o ser divino em questão não fosse você dizendo : minha mãe é a matéria irracional ela é eterna e eu um racional efêmero.
    eu acho estranho como um burro pode dar a luz a um sábio?
    provavelmente o burro não seja um burro e o sábio também não seja um sábio.

    Me refiro justamente à sua intuição sobre eventos nem de perto amparado por indícios, mas puramente inventado por você.

    neste caso a sua vidência ja supera em muito a minha intuição

  172. Criaturo,

    Seus pais são espíritos encarnados como seus anjos da guarda na terra.
    Existem outros espíritos que também são seus anjos desencarnados.

    Você tem algum indício para apoiar esta especulação?

    o interessante nesta conjectura é observar que o anjo da guarda usou 9 balas para tentar abrir a cabeça do ladrão e por um pouco de consciência dentro dela e neste caso obteve sucesso,amem.

    E nos casos em que a vítima não sobrevive? Trata-se de um anjo da morte? Um anjo assassino?
    Que tal deixar que os vivos assumam a responsabilidade por seus atos e suas escolhas?

    entenda que fazer a vontade de Deus é seguir o instinto natural da evolução rumo a sua maior consciência.

    Você acaba de admitir que deus tem vontades.
    Se estas vontades são fixas e imutáveis, trata-se de um código moral.
    Se estas vontades são variáveis e o certo é o que “der na telha” dele, então não há como conhecê-las e segui-las o tempo todo, pois temos a limitação humana.
    Ou deus tem moral, ou buscar fazer a vontade dele é uma atitude irracional.

    Quando um animal cria seu filhote, ou mata seus concorrentes não existe uma moralidade sendo seguida, pois isto faz parte da natural evolução vivenciando sentimentos despertará uma maior racionalidade humana criando conceitos morais.

    A racionalidade humana não tem nada a ver com outros animais criando filhos ou matando concorrentes.

    isso seria racional se o ser divino em questão não fosse você dizendo : minha mãe é a matéria irracional ela é eterna e eu um racional efêmero.

    Até onde eu sei, eu sou um ser humano e não divino.
    Se tiver algum indício que aponte o contrário, fique à vontade para apresentar. Estou ansioso por me descobrir como uma divindade.

    neste caso a sua vidência ja supera em muito a minha intuição

    Não sei o que quer dizer insistindo com esse papo de vidência quando é você que faz alegações especulativas, irracionais e sem comprovação no mundo natural.
    Você também tem um conceito alternativo para “vidência”?

  173. Marcos

    Seus pais são espíritos encarnados como seus anjos da guarda na terra.

    Existem outros espíritos que também são seus anjos desencarnados.
    Você tem algum indício para apoiar esta especulação?

    ja tive respostas imediatas

    o interessante nesta conjectura é observar que o anjo da guarda usou 9 balas para tentar abrir a cabeça do ladrão e por um pouco de consciência dentro dela e neste caso obteve sucesso,amem.

    E nos casos em que a vítima não sobrevive? Trata-se de um anjo da morte? Um anjo assassino?

    a morte é para todos bons e maus, ricos e pobres, novos e velhos.

    Que tal deixar que os vivos assumam a responsabilidade por seus atos e suas escolhas?

    eu disse que anjos da guarda agem como os pais humanos, eles tentam nos impor a vontade deles, voce obedece se quiser.

    entenda que fazer a vontade de Deus é seguir o instinto natural da evolução rumo a sua maior consciência.

    Você acaba de admitir que deus tem vontades.
    Se estas vontades são fixas e imutáveis, trata-se de um código moral.

    me refiro a mecânica da vida, objetos são atraídos para terra pela vontade de Deus.
    A vida em si existe pela vontade de Deus, ele não sente necessidade de impor sua maior consciência a suas criaturas , pois isto acontecera mecanicamente.

    Se estas vontades são variáveis e o certo é o que “der na telha” dele, então não há como conhecê-las e segui-las o tempo todo, pois temos a limitação humana.

    no máximo sentiremos a sua existência, pois ele não pode ser contido pela nossa razão.

    Ou deus tem moral, ou buscar fazer a vontade dele é uma atitude irracional.

    o instinto animal faz parte da vontade divina, é intuitivo logo é irracional.
    “penso logo existo”, uma planta é um ser vivo que não pensa logo ela não existe ? a partir do sentimentos um ser só poderá ser classificado de mais ou menos irracional.
    “sinto logo existo” os sentimentos são os embriões da razão humana que foi concedida a partir da ignorância absoluta, portanto quanto mais racional mais humano e menos Deus.
    Não podemos conceber Deus ,a não ser pelos desenvolvimento do sentido da intuição.
    Pois a razão humana não pode conter o sentido Deus.

    Quando um animal cria seu filhote, ou mata seus concorrentes não existe uma moralidade sendo seguida, pois isto faz parte da natural evolução vivenciando sentimentos despertará uma maior racionalidade humana criando conceitos morais.

    A racionalidade humana não tem nada a ver com outros animais criando filhos ou matando concorrentes.

    Tem sim, ambos usam suas razões para manterem suas vidas em posições confortáveis, considero a raça humana todo ser vivo com alguma capacidade de raciocínio.

    isso seria racional se o ser divino em questão não fosse você dizendo : minha mãe é a matéria irracional ela é eterna e eu um racional efêmero.

    Até onde eu sei, eu sou um ser humano e não divino.
    Se tiver algum indício que aponte o contrário, fique à vontade para apresentar. Estou ansioso por me descobrir como uma divindade.

    “O desejo do homem é ser Deus, o Desejo de Deus é ser homem”
    Então continue fazendo a vontade divina que você esta indo muito bem.
    A sua importância consiste na sua individualidade, em todo universo só existe um único Marcos Kiyoji, pois por um acaso não existi outro.

    neste caso a sua vidência ja supera em muito a minha intuição

    Não sei o que quer dizer insistindo com esse papo de vidência quando é você que faz alegações especulativas, irracionais e sem comprovação no mundo natural.
    Você também tem um conceito alternativo para “vidência”?

    Sua vidência consiste em poder afirmar que minhas experiências e a minha intuição são falsas.

  174. Criaturo,

    ja tive respostas imediatas

    Como assim? Já conversou com estes espíritos desencarnados?
    Estas experiências só valem para você. Não podem ser transmitidas a mim de forma racional.

    a morte é para todos bons e maus, ricos e pobres, novos e velhos.

    Não foi isso que perguntei.
    Perguntei se quando a vítima não sobrevive, também se trata de anjos agindo, já que o pensamento contrário é supostamente válido.
    Se a morte nesta situação é coincidência, porque a sobrevivência não seria?

    eu disse que anjos da guarda agem como os pais humanos, eles tentam nos impor a vontade deles, voce obedece se quiser.

    Então foi o anjo do ladrão que o incitou a levar 9 tiros na cabeça e o cara concordou?

    Além disso, o que você disse é que foi o anjo “responsável” pela evolução do ladrão na terra. Quem delegou esta responsabilidade a este anjo?

    objetos são atraídos para terra pela vontade de Deus

    Trata-se apenas da gravitação entre os corpos.
    Especular além disso é irracional.

    o instinto animal faz parte da vontade divina, é intuitivo logo é irracional.

    Nossa! Finalmente!
    Viu? Não doeu nada. Doeu?

    Não podemos conceber Deus ,a não ser pelos desenvolvimento do sentido da intuição.

    Intuição que você acaba de admitir que é irracional.

    Tem sim, ambos usam suas razões para manterem suas vidas em posições confortáveis, considero a raça humana todo ser vivo com alguma capacidade de raciocínio.

    Cada um usa a sua razão.
    O que eu disse é que a racionalidade humana não tem relação com as práticas de OUTROS animais. Não vejo como as práticas de outros animais fazem despertar a racionalidade humana, como você afirmou.

    Sua vidência consiste em poder afirmar que minhas experiências e a minha intuição são falsas.

    Não disse que são falsas. Eu só disse que não servem de evidência para mais ninguém além de você.

    Se eu tivesse vivido a sua vida e você tivesse vivido a minha vida, provavelmente você seria ateu e eu seria o teísta/panteísta/espírita/deísta/sei-lá-o-quê.

    Se eu lhe falar unicamente sobre as minhas experiências, elas por si só não servem de evidência para te tornar um ateu. Da mesma forma, o contrário também vale. Não se trata de vidência. Trata-se de lógica e razão.

  175. Marcos

    ja tive respostas imediatas

    Como assim? Já conversou com estes espíritos desencarnados?
    Estas experiências só valem para você. Não podem ser transmitidas a mim de forma racional.

    Para mim funciona assim, as respostas sempre acontecem naturalmente e para bom entendedor meia palavra basta.

    a morte é para todos bons e maus, ricos e pobres, novos e velhos.

    Não foi isso que perguntei.
    Perguntei se quando a vítima não sobrevive, também se trata de anjos agindo, já que o pensamento contrário é supostamente válido.
    Se a morte nesta situação é coincidência, porque a sobrevivência não seria?

    A decisão final é pessoal, porem ela pode ser induzida e manipulada em uma personalidade mais fraca, porem as leis físicas devem ser respeitadas, por exemplo um mau espírito não pode milagrosamente fazer aparecer uma doença no fígado de uma pessoa, porem pode induzi-la via pensamentos a se viciar em bebidas alcoólicas, a drogar-se , prostituir-se , roubar , matar e até a loucura .
    Da mesma forma um espírito bom que nos é simpático pode nos conduzir bons pensamentos que nos levaram a praticar e vivenciar coisas boas.
    Considerando essa possibilidade de haverem espíritos desencarnados interagindo com os vivos, pense nas possibilidades ? Eles podem ver coisas que nós não podemos por exemplo, o que os outros pensam e pretendem fazer ao nosso respeito, assim eles podem influenciar essas pessoas contra ou ao nosso favor , com tudo a decisão final é sempre das pessoal, pois todos nós podemos ser influenciados e induzidos mas a decisão final das nossas ações cabem somente a nós.
    Respondendo a sua pergunta creio assim, quando há necessidade de partirmos todo universo conspirará a favor da nossa morte, quando não alguns acidentes serão evitados de forma naturais.
    Conheço alguns casos de pessoas que preverão suas mortes, os mais divulgados:
    Um dos integrantes dos Mamonas Assassinas antes de embaçar no avião disse eu não vou entrar nessa P…., porque sonhei que o avião caiu e morreu todo mundo, fato gravado e registrado antes do fatal acidente.
    Airton Sena antes de entrar ficou observando o carro como se houvesse algo errado .
    Uma mãe de um colega me disse em um sábado : “viajei para Minas para ir morrer la,mas me mandaram de volta para morrer aqui.” Ela morreu no domingo.
    Seguindo para o enterro conversando com um parente dela de Minas Gerais ele me confirmou que ela tinha estado la e andava falando que iria morrer.
    Possuo algumas experiências neste sentido to pensando em fazer um tópico no meu blog “ A morte não é o Fim” onde contarei muitas evidência anedóticas, não com intuito de prosetilismo religioso ,mas para dar testemunhos da verdade.
    Vai ser interessante ver céticos tentando justificar tais fenômenos cientificamente.

    eu disse que anjos da guarda agem como os pais humanos, eles tentam nos impor a vontade deles, voce obedece se quiser.

    Então foi o anjo do ladrão que o incitou a levar 9 tiros na cabeça e o cara concordou?
    Além disso, o que você disse é que foi o anjo “responsável” pela evolução do ladrão na terra. Quem delegou esta responsabilidade a este anjo?

    Como no exemplo anterior, alguns espíritos em algumas situações especiais conseguem prever o futuro (intuição=conhecimento) próprio ou induzido por terceiros.
    Por exemplo tendo o conhecimento dos hábitos eu posso prever qual será a próxima ação da pessoa, um espírito conhecendo os hábitos de um grupo de pessoas poderá prever as conseqüências do pensamentos delas, e tentar a persuadi-las.
    Digamos que o ladrão já tivesse decidido a roubar e matar sua próxima vitima, assim como o morador da casa também já havia decidido a matar o próximo ladrão que invadisse sua casa, neste caso evitou-se um mal maior , ou seja :
    O ladrão matar alguém que não necessitava morrer, ou o dono da casa matar outro ao invés de poder “transformar este em um ser mais útil” .
    Observe o livre arbítrio foi respeitado na decisão dos dois em matar, porem naturalmente suas maldades foram usadas para dar vida e não tira-las, o ladrão virou uma pessoa do bem comum, provavelmente se não for um espírito endurecido, o dono da residência assaltada conseguirá aprender que “não é ele quem decide sobre a vida”, ou então pode pensar como você que da próxima vez ao invés de usar um 38 deverá usar uma doze, por isso a vida deve ser eterna, tem espíritos que precisam de uma eternidade para aprender o mínimo para ser feliz e olhe que Jesus foi tão claro.
    Marcos não estou censurando sua razão humana, que lhe diz que matar ladrões é uma coisa boa, estou apenas tentando demonstrar que existem razões que lhe são superioras embora anônimas.

    o instinto animal faz parte da vontade divina, é intuitivo logo é irracional.

    Nossa! Finalmente!
    Viu? Não doeu nada. Doeu?

    Seu orgulhoso lhe diz que toda inteligência que ultrapassa a humana é irracional .
    Que a razão humana acaba junto com o cérebro, que não existe razão fora da matéria.
    Mas a intuição é a absorvição de conhecimentos de razões humanas porem externas ao homens.

    Não podemos conceber Deus ,a não ser pelos desenvolvimento do sentido da intuição.

    Intuição que você acaba de admitir que é irracional.

    Você afirma que a razão do homem extingui-se com o cérebro e que continuar existindo fora dele em outro tipo de matéria é irracional.
    Porque considera irracional a razão que estão alem da sua ?

    O que eu disse é que a racionalidade humana não tem relação com as práticas de OUTROS animais. Não vejo como as práticas de outros animais fazem despertar a racionalidade humana, como você afirmou.

  176. Eu pensei que voce tambem concordasse com a evolução das espécies ?

  177. Criaturo,

    Marcos não estou censurando sua razão humana, que lhe diz que matar ladrões é uma coisa boa

    Seu comentário permite uma e apenas uma entre duas possibilidades:

    A primeira possibilidade é que se trate de um simples esquecimento de sua parte, uma vez que eu já expliquei o objetivo de meu comentário sobre a incompetência do atirador.

    A segunda possibilidade é que se trate mesmo de patifaria e falta de caráter de sua parte em distorcer comentários já devidamente esclarecidos com o objetivo de se fazer de vítima e tentar me rotular como um bárbaro.

    Me considero uma pessoa muito paciente e uma prova disso é o tempo que estou empregando em demonstrar a irracionalidade da sua teologia e ainda por cima buscando manter o debate em um nível cordial e respeitoso até agora.
    É justamente devido à minha enorme paciência que vou considerar (desta vez) que se trata apenas do esquecimento descrito na primeira possibilidade e vou repetir o esclarecimento já feito em comentários anteriores. Até mesmo porque, sabe-se que caráter se desenvolve primordialmente na família, e se a segunda possibilidade fosse admitida, eu lamentaria muito que sua filha não tivesse de onde herdá-lo.

    Repetindo: Quando afirmei que o atirador deveria ter usado um calibre maior, fiz nada mais que uma relação entre “intenção” e “ação”.
    Pela quantidade de tiros disparados e pelo alvo visado podemos detectar claramente a intenção do atirador em matar o ladrão (intenção do atirador, não minha).
    Como os disparos não penetraram a cabeça do alvo, conclui-se que o calibre utilizado para atingir um objetivo (objetivo do atirador e não meu) se mostrou insuficiente.
    Portanto, independente de juízo de valores, restou comprovado que o atirador foi incompetente, pois a intenção (intenção do atirador e não minha) não foi atingida.

    Espero ter sido suficientemente claro desta vez.

  178. Criaturo,

    Seu orgulhoso lhe diz que toda inteligência que ultrapassa a humana é irracional .

    Não é orgulho. É apenas pensamento racional e lógica.
    Pesquise estes conceitos.

    Porque considera irracional a razão que estão alem da sua ?

    1 – Porque você não demonstrou que existe esta razão.
    2 – Porque conclusões tomadas além ou aquém de sua própria razão, são irracionais por definição.
    3 – Porque a razão humana é a única a qual nós humanos temos acesso e extrapolar esta razão é irracional por definição.

    Eu pensei que voce tambem concordasse com a evolução das espécies ?

    A evolução é um fato científico.
    Mas o fato de um outro animal qualquer matar seus concorrentes ou criar seus filhos não tem relação com o despertar da minha racionalidade.

  179. Marcos não estou censurando sua razão humana, que lhe diz que matar ladrões é uma coisa boa

    Seu comentário permite uma e apenas uma entre duas possibilidades:
    A primeira possibilidade é que se trate de um simples esquecimento de sua parte, uma vez que eu já expliquei o objetivo de meu comentário sobre a incompetência do atirador

    Seu comentário foi:

    – O ladrão (me recuso a chama-lo de vítima) tem cabeça dura.
    – O atirador deveria ter utilizado maior calibre.

    Minha reposta foi:

    aquilo que não queremos para nós não devemos deseja para os outros, alem do mais nada acontece por acaso para algumas entenderem a vida precisam antes passarem pela morte, o cara nasceu de novo e passou ser mais util a sociedade.
    para sua informação o calibre era 38 e deixe de ser maldoso.

    Na época tive mesmo a impressão que você lamentou o ladrão ter conseguido sobreviver chamando atenção para o seu comentário maldoso, como você não replicou e ficou por isso mesmo.
    Porem se fiz um julgamento errado do seu senso de justiça, peço as devidas desculpas.
    E volto a repetir:

    Marcos não estou censurando sua razão humana, que lhe diz que matar ladrões é uma coisa boa, estou apenas tentando demonstrar que existem razões que lhe são superioras embora anônimas.

    Não sou hipócrita muitas vezes sou excitado por fatos revoltantes a pensar que matar criminosos seria um coisa boa para o bem comum.
    Este meu senso de justiça é humano e irracional, pois é contraditório praticar o que condenamos.
    A minha fé me leva crer na existência de uma razão maior controlando tais fatos, a nossa justiça não tem autoridade de morte sobre o direito incontestável da vida, porem é nossa obrigação manter o bem comum da melhor forma possível e as vezes é necessário sacrificar um em favor de muitos, malgrado a irracionalidade de tal ação.
    Penso assim:

    Ser humano racional é defender minha vida mesmo ao preço de outra.
    Ser deus é sacrificarmos nossa vida para manter a do outro, conscientes que a vida é eterna e que logo iremos retoma-la.

    Esse deus que eu acredito é irracional ?

    Me considero uma pessoa muito paciente e uma prova disso é o tempo que estou empregando em demonstrar a irracionalidade da sua teologia e ainda por cima buscando manter o debate em um nível cordial e respeitoso até agora.

    Afinidades e compreensão não são possíveis, o tempo todo surgem divergências e agradeço a paciência.

    Até mesmo porque, sabe-se que caráter se desenvolve primordialmente na família, e se a segunda possibilidade fosse admitida, eu lamentaria muito que sua filha não tivesse de onde herdá-lo.

    Agora pegou pesado!….he..he..he.,,,,,he…he
    Concordo o caráter apenas se desenvolve no meio , porem não pode ser determinado por ele:
    “sobrinho de juiz mata índio incendiando seu corpo, por pura diversão”
    “duas jovens filhas de policiais, seqüestram matam a vitima roubam cartão e senha e saem as compras dando risada para as câmeras, ao serem presas vão dando tchauzinho dentro da viatura.”

  180. penso que o caráter é alma que antecede ao corpo e poderá ser modificado por ele.

  181. Criaturo,

    Na época tive mesmo a impressão que você lamentou o ladrão ter conseguido sobreviver chamando atenção para o seu comentário maldoso, como você não replicou e ficou por isso mesmo.

    Acontece que eu repliquei sim, no mesmo dia e 1 hora depois de você. Mas por falta de interesse no argumento alheio ou por simples conveniência você fez questão de ignorar.
    A conversa toda foi assim:

    “As únicas conclusões encontradas na reportagem foram:
    (…)
    – O atirador deveria ter utilizado maior calibre.
    (…)”
    (Marcos Kiyoji, 12/03/2014, 11:38, Um deus sem bíblia)

    “aquilo que não queremos para nós não devemos deseja para os outros, (…) deixe de ser maldoso.”
    (Criaturo, 13/03/2014, 16:05, Um deus sem bíblia)

    “Talvez meu discurso tenha dado espaço para dupla interpretação.
    O que quis dizer é que quem dispara 7 tiros na cabeça de alguém tem a clara intenção de matar esta pessoa.
    Independente do juízo de certo e errado, o atirador foi incompetente em realizar a sua intenção.”
    (Marcos Kiyoji, 13/03/2014, 17:05, Um deus sem bíblia)

    Fica comprovada então a tese do esquecimento.

    Esse deus que eu acredito é irracional ?

    Tendo em vista que nós NÃO estamos conscientes de que a vida é eterna e que logo iremos retomá-la, é sim irracional.

    Se formos realmente usar a racionalidade para analisar a situação do sacrifício, fatalmente iremos nos perguntar:
    “Se é válido o sacrifício da minha vida para manter a do outro, então é igualmente válido sacrificar a vida do outro para manter a minha?”

  182. Marcos

    Não te disse que muito do conhecimento humano , nos é passado pela intuição (comunicação de espíritos desencarnados) ?
    este vídeo é um ótimo exemplo disso, confira:

    http://noticias.r7.com/videos/parece-sonho-mineiro-garante-ter-aprendido-tres-idiomas-dormindo/idmedia/5338aa120cf2a66423eddd5a.html

    abraço!

  183. Marcos

    Tendo em vista que nós NÃO estamos conscientes de que a vida é eterna e que logo iremos retomá-la, é sim irracional.
    Se formos realmente usar a racionalidade para analisar a situação do sacrifício, fatalmente iremos nos perguntar:
    “Se é válido o sacrifício da minha vida para manter a do outro, então é igualmente válido sacrificar a vida do outro para manter a minha?”

    Sacrifícios é o que mantem a sociedade .
    A vida inicia-se a partir do sacrifício materno, depois é mantida com sacrifício mútuos.
    Gastamos nossas vidas para manter a vida de outros animais para de pois nos alimentarmos da vida deles.
    imagino que deva ser muito difícil para um animal ter que dividir o alimento com seus filhotes.
    Se voce não acredita na continuidade da vida, tanto faz se for egoísta ou solidário o fim será o mesmo da para todos é só uma questão de um breve tempo.

  184. Criaturo,

    Não te disse que muito do conhecimento humano , nos é passado pela intuição (comunicação de espíritos desencarnados) ?
    este vídeo é um ótimo exemplo disso, confira:

    Você devia parar de acreditar em tudo que vê na TV, principalmente em programas de jornalismo com tendência sensacionalista.

    É totalmente possível aprender um idioma por conta própria sem nunca ter feito cursos e eu mesmo sou prova disso.
    Também acho plausível que o sujeito tenha criado estes personagens em sonhos para treinar seu aprendizado enquanto dorme, principalmente naquele período do sono em que ainda estamos levemente conscientes ainda temos um relativo controle do sonho (às vezes este sonho pode permanecer mesmo no sono profundo).

    O que não é plausível é que ele tenha aprendido absolutamente tudo sobre idiomas durante o sono. Uma evidência disto é a estante improvisada na sala que está cheia de literatura sobre o assunto.

    Até mesmo porque, no alemão e no japonês não tenho como opinar, mas no inglês ele não foi testado com profundidade. Não demonstrou conhecimento além do mais básico na língua e sua pronúncia é sofrível. O que não é de se espantar, já que sua pronúncia do português também é bem capenga.

    Mas não me entenda mal, não estou fazendo pouco caso do sujeito. Ele é um cara muito esforçado e, considerando suas limitações de aprendizado, ele tem uma desenvoltura excelente.

  185. Criaturo,

    Sacrifícios é o que mantem a sociedade

    Esta afirmação carece de embasamento.

    A vida inicia-se a partir do sacrifício materno

    Talvez tenhamos conceitos diferentes sobre o que vem a ser sacrifício. Eu tenho uma visão objetivista disso.
    Não considero o simples sofrimento do parto um sacrifício. Consideraria um sacrifício se em alguma situação clínica onde há gravidez de risco, uma mãe optasse por morrer para salvar a vida do nascituro. Não vejo sentido neste tipo de sacrifício.

    depois é mantida com sacrifício mútuos

    Mútuos de quem? Seja mais claro.

    Gastamos nossas vidas para manter a vida de outros animais para de pois nos alimentarmos da vida deles

    Nós não gastamos nossas vidas. Trata-se de investimento.
    Quanto ao sacrifício do animal, tenho certeza de que não é um sacrifício voluntário por parte dele.

    imagino que deva ser muito difícil para um animal ter que dividir o alimento com seus filhotes

    Na minha perspectiva objetivista, também não vejo sacrifício. Além do mais, isto não é observado com tanta frequência quanto se imagina.

    Se voce não acredita na continuidade da vida, tanto faz se for egoísta ou solidário o fim será o mesmo da para todos é só uma questão de um breve tempo

    O fim será o mesmo mas, como já disse antes, o importante é a jornada.

  186. marcos

    Você devia parar de acreditar em tudo que vê na TV, principalmente em programas de jornalismo com tendência sensacionalista.
    na verdade esse fato ja foi bem divulgado, pela simplicidade do sujeito não me parece estar mentindo,nem ficou mais rico por causa disso, não é egoísta e tenta repassar seu conhecimento.

    É totalmente possível aprender um idioma por conta própria sem nunca ter feito cursos e eu mesmo sou prova disso.
    Duvido que apenas vendo um livro em outro idioma consiga aprender sozinho, a não ser que esteja sendo induzido por inteligencias fora da matéria.

    Também acho plausível que o sujeito tenha criado estes personagens em sonhos para treinar seu aprendizado enquanto dorme,

    ha….ha…ha…..ha…ha…. um esquizofrênico trilíngue ?

    principalmente naquele período do sono em que ainda estamos levemente conscientes ainda temos um relativo controle do sonho (às vezes este sonho pode permanecer mesmo no sono profundo).

    sonhos lúcidos pode ser o despertar da consciência em outros mundos.

    O que não é plausível é que ele tenha aprendido absolutamente tudo sobre idiomas durante o sono. Uma evidência disto é a estante improvisada na sala que está cheia de literatura sobre o assunto.
    Até mesmo porque, no alemão e no japonês não tenho como opinar, mas no inglês ele não foi testado com profundidade. Não demonstrou conhecimento além do mais básico na língua e sua pronúncia é sofrível. O que não é de se espantar, já que sua pronúncia do português também é bem capenga.

    o fato de ter frequentado uma escola espiritual, não significa que não possa desenvolve-se com ajuda de algum livro, o natural do pre alfabetizado é se interessar por livros.
    interessante você culto e rico em recursos, afirma ser analfabeto em
    alemão e japonês, mesmo assim ainda ache natural uma pessoa muito simples e desprovida de recursos dominar três idiomas, essa sua teimosia cética tende sempre a olhar o lado que a mantem com razão, pois a professora de alemão diz que ele se sairia muito bem em Berlin, ja a de japones elogiou a a escrita candy dele como muito boa.

    Mas não me entenda mal, não estou fazendo pouco caso do sujeito. Ele é um cara muito esforçado e, considerando suas limitações de aprendizado, ele tem uma desenvoltura excelente.

    he….he…he…he…he..he….he

    o autor do filme abaixo concorda com a minha visão de que o mundo espiritual induza sua ciência no mundo material, para mim muitas das grandes invenções humanas foram inspiradas por sonhos lúcidos:

  187. Marcos

    A vida inicia-se a partir do sacrifício materno

    Talvez tenhamos conceitos diferentes sobre o que vem a ser sacrifício. Eu tenho uma visão objetivista disso.

    Bom em essência o sacrifico puro deve ser incondicional “sem qualquer intenção de retorno” e o que se aproxima mais disto seria o dos pais, mas na pratica social não passa de trocas de interesses vantajosos, bem comum nos casos religiosos onde fazer barganhas vem da pre história.

    Não considero o simples sofrimento do parto um sacrifício. Consideraria um sacrifício se em alguma situação clínica onde há gravidez de risco, uma mãe optasse por morrer para salvar a vida do nascituro. Não vejo sentido neste tipo de sacrifício.

    Quando isto esta determinado a própria natureza se encarregará disto.
    Sacrifício dos pais consiste em doar parte da sua vida aos filhos, ou seja colocar a vida dos filhos acima deles.
    Um caso recente uma mãe ter doado parte do fígado para suas filhas gêmeas

    depois é mantida com sacrifício mútuos

    Mútuos de quem? Seja mais claro.

    Troca de trabalho

    Quanto ao sacrifício do animal, tenho certeza de que não é um sacrifício voluntário por parte dele.

    Já é um indicio de consciência

    Se voce não acredita na continuidade da vida, tanto faz se for egoísta ou solidário o fim será o mesmo da para todos é só uma questão de um breve tempo

    O fim será o mesmo mas, como já disse antes, o importante é a jornada.

    Pura ilusão, um premio de consolação para mentes materialistas que ao destruírem o sentido na continuação da vida, criaram o consolo de que suas breves jornadas deverão valer a pena.
    Se todos caminhos convergem para um breve final de consciência, a escolha de caminhos se tornam “irrelevantes”.
    Na certeza da morte eterna a manutenção da vida se torna irracional

  188. Se todos caminhos convergem para um breve final de consciência, a escolha de caminhos se tornam “irrelevantes”.
    Na certeza da morte eterna a manutenção da vida se torna irracional

    O raciocínio típico de um crente que aposta todas as suas fichas numa vida DEPOIS dessa que ele está vivendo.

  189. Criaturo,

    pela simplicidade do sujeito não me parece estar mentindo

    Eu acredito que ele acredita nisso.
    Só não acredito que seja verdade. Ele acredita em uma ilusão criada por sua própria mente.

    Duvido que apenas vendo um livro em outro idioma consiga aprender sozinho, a não ser que esteja sendo induzido por inteligencias fora da matéria.

    Então seu ceticismo é tão grande quanto o meu, só que orientado em outra direção.
    Enquanto eu acredito no mundo natural evidenciável e duvido do sobrenatural, você acredita no sobrenatural e duvida do mundo natural.

    um esquizofrênico trilíngue

    Mais ou menos isso.
    Ele tem contato com os idiomas durante o dia e treina durante o sono consigo mesmo. Se não me engano, era Freud quem dizia que nós somos todos os personagens nos nossos sonhos.

    sonhos lúcidos pode ser o despertar da consciência em outros mundos

    É uma hipótese que carece de evidências bem mais que a simples psicologia.

    o fato de ter frequentado uma escola espiritual, não significa que não possa desenvolve-se com ajuda de algum livro

    O que demonstra que muito provavelmente ele não aprendeu simplesmente nos sonhos, isso foi apenas parte do processo.
    O importante é saber a relevância do sonho no processo de aprendizado e se realmente se tratava de atividade espiritual ou se estes personagens eram apenas reflexos dele mesmo.

    interessante você culto e rico em recursos, afirma ser analfabeto em alemão e japonês, mesmo assim ainda ache natural uma pessoa muito simples e desprovida de recursos dominar três idiomas

    Acho sim bastante natural.
    Surpreendente mas natural.

    essa sua teimosia cética tende sempre a olhar o lado que a mantem com razão

    Agora acertou. Eu tenho mesmo o hábito irritante de usar a razão. Mas estou muito longe de me envergonhar disso.

    pois a professora de alemão diz que ele se sairia muito bem em Berlin, ja a de japones elogiou a a escrita candy dele como muito boa.

    Realmente trata-se de uma pessoa de muito talento.
    A professora de inglês também disse o mesmo, contudo é evidente a péssima pronúncia e o teste não passou dos conhecimentos básicos. Portanto, é de se esperar que os outros também o elogiem.

    Como eu disse antes, não me entende mal. O cara é muito talentoso e falar os três idiomas mesmo que de forma apenas básica é um feito formidável e digno de todos os elogios.
    Só não dá pra concluir que se trata de um evento sobrenatural ou da intervenção de espíritos desencarnados e coisa e tal.

  190. Criaturo,

    Um caso recente uma mãe ter doado parte do fígado para suas filhas gêmeas

    Eu consideraria sacrifício se ela tivesse doado o fígado inteiro ou um coração.
    Ou ainda se tivesse deixado de doar para suas filhas para doar para as filhas de algum casal desconhecido.

    Se ela vai continuar viva, não tem nada a perder e portanto não se sacrificou.
    Pelo contrário, ela fez um investimento na felicidade dos filhos e por consequência na sua própria felicidade.

    Troca de trabalho

    Trabalho não é sacrifício. É investimento que implica em retorno financeiro que será utilizado na busca de melhoria de seu bem estar.

    Pura ilusão, um premio de consolação para mentes materialistas que ao destruírem o sentido na continuação da vida, criaram o consolo de que suas breves jornadas deverão valer a pena.

    Tendo em vista que todas as evidências que temos estão na jornada e não temos evidência alguma de algum “pós-jornada” eu não acho ilusório nem incorreto afirmar que o importante é a jornada.

    Se todos caminhos convergem para um breve final de consciência, a escolha de caminhos se tornam “irrelevantes”.

    Se o que importa é a jornada, então a escolha do caminho é bem relevante sim.

    Na certeza da morte eterna a manutenção da vida se torna irracional

    Não poderia estar mais errado.
    A manutenção da vida é o que mais importa, pois esta é a única que temos.

  191. O raciocínio típico de um crente que aposta todas as suas fichas numa vida DEPOIS dessa que ele está vivendo.

    para mim isto faz todo o sentindo e acreditar na morte eterna tira todo o sentido da vida.
    Se Deus me perguntasse voce gostaria de nascer, viver sofrer e ser feliz por um breve tempo e depois voltar a inexistir ?
    Diria que seria irracional começar a trabalhar de encontro a inexistência.
    do tipo ateu “da irracionalidade viemos, para irracionalidade voltaremos.”

  192. Se Deus me perguntasse voce gostaria de nascer, viver sofrer e ser feliz por um breve tempo e depois voltar a inexistir ?

    Se Deus tivesse me perguntado isso antes de nascer? Tipo:

    “Você prefere viver sua vida e depois ficar morto para sempre, e nunca poder compartilhar a vida eterna ao meu lado, que sou um Deus filho da puta e carente, que fez esse universo e o ser humano apenas para que vocês pudessem me bajular e me adorar e se matarem em meu nome?”

    É claro que eu iria responder:

    “Sim, Deus, eu prefiro.”

  193. Marcos
    pela simplicidade do sujeito não me parece estar mentindo

    Eu acredito que ele acredita nisso.
    Só não acredito que seja verdade. Ele acredita em uma ilusão criada por sua própria mente.

    Seu ceticismo tendencioso limita seus conhecimentos

    Então seu ceticismo é tão grande quanto o meu, só que orientado em outra direção.
    Enquanto eu acredito no mundo natural evidenciável e duvido do sobrenatural, você acredita no sobrenatural e duvida do mundo natural.

    Para mim tudo é natural, principalmente o que é ainda desconhecido.

    Ele tem contato com os idiomas durante o dia e treina durante o sono consigo mesmo. Se não me engano, era Freud quem dizia que nós somos todos os personagens nos nossos sonhos.

    Interessante! Seu ceticismo tendencioso te desenvolve a vidência, o cara disse que quando criança 7anos foi alfabetizado em sonhos, por três crianças estrangeiras que escreviam com o dedo na areia, voce duvida e logo em seguida passa afirmar que o cara aprendeu foi mesmo estudando durante o dia.
    Uma criança conseguir auto alfabetizar-se na língua natal ja é algo raro, trilíngue então ?……………

    sonhos lúcidos pode ser o despertar da consciência em outros mundos

    É uma hipótese que carece de evidências bem mais que a simples psicologia.

    Quando conseguimos trazer novas ciências a partir dos sonhos, sonhos passam a fazer parte da nossa realidade.

    O que demonstra que muito provavelmente ele não aprendeu simplesmente nos sonhos, isso foi apenas parte do processo.
    O importante é saber a relevância do sonho no processo de aprendizado e se realmente se tratava de atividade espiritual ou se estes personagens eram apenas reflexos dele mesmo.

    Concordo que o caso deveria ser melhor estudado, mas reportagens sempre deixam passar em branco informações importantes as causas das coisas, o que gera muitas duvidas.

    interessante você culto e rico em recursos, afirma ser analfabeto em alemão e japonês, mesmo assim ainda ache natural uma pessoa muito simples e desprovida de recursos dominar três idiomas

    Acho sim bastante natural.
    Surpreendente mas natural.

    Para mim não existe o sobre natural!

    essa sua teimosia cética tende sempre a olhar o lado que a mantem com razão

    Agora acertou. Eu tenho mesmo o hábito irritante de usar a razão. Mas estou muito longe de me envergonhar disso.

    Um sem vergonha, assumido?
    Ser racional não é ser tendencioso, isso é o orgulho tentando manter a própria razão

    pois a professora de alemão diz que ele se sairia muito bem em Berlin, ja a de japones elogiou a a escrita candy dele como muito boa.

    Realmente trata-se de uma pessoa de muito talento.
    A professora de inglês também disse o mesmo, contudo é evidente a péssima pronúncia e o teste não passou dos conhecimentos básicos. Portanto, é de se esperar que os outros também o elogiem.
    Como eu disse antes, não me entende mal. O cara é muito talentoso e falar os três idiomas mesmo que de forma apenas básica é um feito formidável e digno de todos os elogios.
    Só não dá pra concluir que se trata de um evento sobrenatural ou da intervenção de espíritos desencarnados e coisa e tal.

    Certo quanto a deficiência da pronuncia do inglês , ja para poder afirmar isso em relação ao alemão e o japonês a sua vidência precisaria superar sua razão, pois além de você não dominar tais idiomas teria que ignorar o professor de japonês elogiando o nivel alcançado pelo “galinha tonta”.
    Me explique como alguém apenas vendo livros escritos em “kanji” consegue ler ,escrever bem e falar em japonês ?
    Será que na infância ele andou fazendo três curso de idiomas por correspondência ? Bom, muito provavelmente pela internet é que não foi !

  194. Criaturo,

    Seu ceticismo tendencioso limita seus conhecimentos

    Não acho que ele limita o conhecimento. Ele serve de filtro deixando passar o que tem validade lógica, racional e científica e parando a especulação e a pseudociência.

    Para mim tudo é natural, principalmente o que é ainda desconhecido.

    Se é assim, então porque você acha mais plausível a interferência de espíritos desencarnados, que diga-se de passagem nunca foram cientificamente comprovados ou sequer evidenciados, do que a explicação baseada puramente na psicologia e nas habilidades cerebrais naturais?

    o cara disse que quando criança 7anos foi alfabetizado em sonhos, por três crianças estrangeiras que escreviam com o dedo na areia, voce duvida e logo em seguida passa afirmar que o cara aprendeu foi mesmo estudando durante o dia.

    É uma possibilidade totalmente natural e não vejo como alguém pode enxergar o espiritismo como uma hipótese mais plausível.

    Uma criança conseguir auto alfabetizar-se na língua natal ja é algo raro, trilíngue então ?

    Concordo que seja raro e incomum.
    Só não acho suficiente para dizer que é obra de espíritos desencarnados que nunca foram evidenciados.

    Concordo que o caso deveria ser melhor estudado, mas reportagens sempre deixam passar em branco informações importantes as causas das coisas, o que gera muitas duvidas.

    É porque estas reportagens não têm o objetivo de esclarecer nada, muito pelo contrário.
    Quanto maior a dúvida, maior a audiência por parte das pessoas mais crédulas e inocentes.

    Justamente por isso, acho estas reportagens uma péssima fonte de informação científica e são simplesmente horríveis como evidência.

    Ser racional não é ser tendencioso, isso é o orgulho tentando manter a própria razão

    Ser racional é usar a razão.
    Portanto, ser tendencioso em favor da razão não é ser irracional, é favorecer a verdade em detrimento da especulação.

    Certo quanto a deficiência da pronuncia do inglês , ja para poder afirmar isso em relação ao alemão e o japonês a sua vidência precisaria superar sua razão

    Errado. Não se trata de vidência, mas sim de suporte em evidências.

    No teste de inglês, a professora elogiou o Galinha Tonta, contudo percebe-se que sua pronúncia é deficiente e que o nível do teste foi bem fraco.
    Baseado nesta evidência, podemos inferir que o mesmo possa provavelmente ter ocorrido nos outros idiomas. Considerando as precárias condições do Galinha, seria injusto o professor esculhambá-lo em rede nacional e exigir fluência profunda no idioma.

    pois além de você não dominar tais idiomas teria que ignorar o professor de japonês elogiando o nivel alcançado pelo “galinha tonta”.

    Seu pensamento religioso tendencioso está te deixando cego para a nossa conversa. Eu não ignorei os elogios. Pelo contrário, eu disse que são muito merecidos.

    Me explique como alguém apenas vendo livros escritos em “kanji” consegue ler ,escrever bem e falar em japonês ?

    É óbvio que não se trata apenas de “um livro em japonês” e muito menos de intervenção de “fantasmas” ou do chupa-cabra.
    Trata-se de um processo autodidata que não foi suficientemente abordado na reportagem.

    Será que na infância ele andou fazendo três curso de idiomas por correspondência ? Bom, muito provavelmente pela internet é que não foi !

    Percebe a sua tendenciosidade?
    Na sua opinião, até a internet, uma ferramenta amplamente utilizada e difundida é menos provável do que espíritos desencarnados.

  195. Criaturo,

    Me explique como alguém apenas vendo livros escritos em “kanji” consegue ler ,escrever bem e falar em japonês ?

    Outro aspecto bem interessante na sua pergunta é que se trata então do “Argumento da Ignorância” (não estou te chamando de ignorante, este é o nome mais conhecido desta falácia).
    Ou seja, não sei como foi, então foram espíritos desencarnados.

    Por que não considerar abdução e experimentos alienígenas? Exposição a raios cósmicos? Ou “O Segredo” do pensamento positivo?
    Talvez o Galinha Tonta tenha vindo de Krypton e seus pais escondem este segredo do mundo.

    Por que ignorar tantas outras hipóteses igualmente fantasiosas?

  196. Marcos

    Trabalho não é sacrifício. É investimento que implica em retorno financeiro que será utilizado na busca de melhoria de seu bem estar.

    Um bem estar passageiro é a ilusão que mantem a vida.

    Pura ilusão, um premio de consolação para mentes materialistas que ao destruírem o sentido na continuação da vida, criaram o consolo de que suas breves jornadas deverão valer a pena.

    Tendo em vista que todas as evidências que temos estão na jornada e não temos evidência alguma de algum “pós-jornada” eu não acho ilusório nem incorreto afirmar que o importante é a jornada. Se o que importa é a jornada, então a escolha do caminho é bem relevante sim.

    E por que dar importância para sua breve existência ?

    Se todos caminhos convergem para um breve final de consciência, a escolha de caminhos se tornam “irrelevantes”.
    Na certeza da morte eterna a manutenção da vida se torna irracional

    Não poderia estar mais errado.

    Minha ignorância não pode ter limites.

    A manutenção da vida é o que mais importa, pois esta é a única que temos.

    Se a vida é única e breve, então não devemos nos apegar a ela.

  197. Criaturo,

    E por que dar importância para sua breve existência ?

    Ora, qualquer breve existência é mais importante que a inexistência.

    Se a vida é única e breve, então não devemos nos apegar a ela.

    Justamente por ser única e breve é que devemos nos apegar a ela.

  198. Se Deus tivesse me perguntado isso antes de nascer? Tipo:
    “Você prefere viver sua vida e depois ficar morto para sempre, e nunca poder compartilhar a vida eterna ao meu lado, que sou um Deus filho da puta e carente, que fez esse universo e o ser humano apenas para que vocês pudessem me bajular e me adorar e se matarem em meu nome?”
    É claro que eu iria responder:
    “Sim, Deus, eu prefiro.”

    Santo masoquismo, Barros!
    Perfeito um deus sádico para um ateu masoquista.
    Enquanto a vida ha esperança , no seu caso nada mas resta alem de esperar por um fim.

  199. Marcos

    1. Seu ceticismo tendencioso limita seus conhecimentos

    Não acho que ele limita o conhecimento. Ele serve de filtro deixando passar o que tem validade lógica, racional e científica e parando a especulação e a pseudociência.

    O problema que sua tendência te condiciona sempre a querer olhar apenas para um dos lados, ironicamente sua obsessão pela razão, te faz criar falsas explicações, muitas vezes racionalmente fantasiosas, ou seja apenas imaginadas dentro da sua razão, pois nem sempre algo racional é verdadeiro.

    Para mim tudo é natural, principalmente o que é ainda desconhecido.

    Se é assim, então porque você acha mais plausível a interferência de espíritos desencarnados, que diga-se de passagem nunca foram cientificamente comprovados ou sequer evidenciados, do que a explicação baseada puramente na psicologia e nas habilidades cerebrais naturais?

    Existem coisas que apesar de não poderem ser provadas, em condições especiais podem ser sentidas , por exemplo o amor.
    Quanto aos espíritos, todos que afirmam terem vistos e se comunicados de alguma forma, mentem ou são esquizofrênicos iludidos ?
    Somente os que não conseguem ver que podem afirmar que eles não existem ?
    Isso seria o mesmo que afirmar que seres microscópicos só passaram a existir após a criação do microscópio.

    o cara disse que quando criança 7anos foi alfabetizado em sonhos, por três crianças estrangeiras que escreviam com o dedo na areia, voce duvida e logo em seguida passa afirmar que o cara aprendeu foi mesmo estudando durante o dia.

    É uma possibilidade totalmente natural e não vejo como alguém pode enxergar o espiritismo como uma hipótese mais plausível.

    Mais racional seria considerarmos duas possibilidades ao invés de uma radical.

    Errado. Não se trata de vidência, mas sim de suporte em evidências.
    No teste de inglês, a professora elogiou o Galinha Tonta, contudo percebe-se que sua pronúncia é deficiente e que o nível do teste foi bem fraco.
    Baseado nesta evidência, podemos inferir que o mesmo possa provavelmente ter ocorrido nos outros idiomas. Considerando as precárias condições do Galinha, seria injusto o professor esculhambá-lo em rede nacional e exigir fluência profunda no idioma.

    Falta-lhe imparcialidade, apega-se a uma deficiência do inglês tentando insinuar uma suposta falta de conhecimento nos outros idiomas , mesmo sendo elogiados pelos respectivos professores.
    Tudo isso para justificar que o Galinha Tonta é um iludido desonesto , criando mestres do além inexistentes.
    Sua obsessão cética, cria em sua mente falsas explicações e ironicamente te torna mais um crente iludido.

    pois além de você não dominar tais idiomas teria que ignorar o professor de japonês elogiando o nivel alcançado pelo “galinha tonta”.

    Seu pensamento religioso tendencioso está te deixando cego para a nossa conversa. Eu não ignorei os elogios. Pelo contrário, eu disse que são muito merecidos.

    ha…ha…ha…ha…ha………podemos estar padecendo do mesmo mal.
    O problema que voce tenta insinuar que a pronuncia deficiente em inglês, evidência uma suposta deficiência nos outros idiomas e serve como prova de um aprendizado caseiro, apesar de professores especializados ja terem comprovado que este seu achismo “tendencioso” esta errado!

    Me explique como alguém apenas vendo livros escritos em “kanji” consegue ler ,escrever bem e falar em japonês ?

    É óbvio que não se trata apenas de “um livro em japonês” e muito menos de intervenção de “fantasmas” ou do chupa-cabra.
    Trata-se de um processo autodidata que não foi suficientemente abordado na reportagem.

    Esta sua vidência furada não refuta a possibilidade de ter sido um aprendizado espiritual.

    Será que na infância ele andou fazendo três curso de idiomas por correspondência ? Bom, muito provavelmente pela internet é que não foi !

    Percebe a sua tendenciosidade?
    Na sua opinião, até a internet, uma ferramenta amplamente utilizada e difundida é menos provável do que espíritos desencarnados.

    Percebo a sua!
    Quis dizer que no tempo que ele era uma criança de 7 anos, não havia internet no Brasil, nem o Duolingo.

  200. Marcos

    E por que dar importância para sua breve existência ?
    Ora, qualquer breve existência é mais importante que a inexistência.
    Se a vida é única e breve, então não devemos nos apegar a ela.
    Justamente por ser única e breve é que devemos nos apegar a ela.

    o desejo instintivo de continuar apegado a matéria é irracional do ponto de vista humano por ser isto impossível, mas do ponto de vista divino é racional.
    Qual o sentido de um ateu querer se apegar a vida afirmando que irá perde-la breve e definitivamente?

  201. Criaturo,

    O problema que sua tendência te condiciona sempre a querer olhar apenas para um dos lados, ironicamente sua obsessão pela razão, te faz criar falsas explicações, muitas vezes racionalmente fantasiosas, ou seja apenas imaginadas dentro da sua razão, pois nem sempre algo racional é verdadeiro.

    Primeiramente, não sou condicionado a olhar apenas um dos lados. Contudo, valorizo sim uma explicação racional dentro do mundo natural.

    Em segundo lugar, não acho que seja um problema. Trata-se de um método muito útil para detectar o que é mais provavelmente verdadeiro ou mais provavelmente falso.
    Esta “falsas explicações” ditas por você “imaginadas” são nada mais nada menos que hipóteses que possam ser testadas e comprovadas ou falseadas. Diferente da hipótese espiritual que não pode ser testada por nenhum método e sim aceita por fé.

    A razão pode até não te dar todas as respostas de imediato mas é o meio mais seguro de se buscar a verdade.
    Entre uma explicação “imaginada” que tenha sentido e validade no mundo natural e outra igualmente “imaginada” que contraria tudo o que se conhece no mundo físico natural, a explicação racional sai na frente por poder ser testada.

    Existem coisas que apesar de não poderem ser provadas, em condições especiais podem ser sentidas , por exemplo o amor.

    Isso merece alguns esclarecimentos.
    1 – Não pedi provas de nada.
    2 – Amor é um fenômeno mental que pode até não ser completamente explicado em termos científicos mas pode (e é) estudado através da química, da psicologia e da neurociência.
    3 – Você mudou o foco da questão para evitar a pergunta que era “Porque você acha a sua hipótese espiritual mais plausível do que a minha hipótese naturalista se a sua hipótese também é considerada (por você) naturalista?”

    Quanto aos espíritos, todos que afirmam terem vistos e se comunicados de alguma forma, mentem ou são esquizofrênicos iludidos ?

    Frente aos relatos que já ouvi, sim.
    No entanto, esta é minha opinião só até agora. Continuo aberto a apresentação de qualquer indício que possa elevar estes relatos ao status de evidência racional.

    Somente os que não conseguem ver que podem afirmar que eles não existem ?

    Não afirmei que não existem. Só não acho racional considerar argumentos que não foram evidenciados.

    Isso seria o mesmo que afirmar que seres microscópicos só passaram a existir após a criação do microscópio.

    Errado. A diferença é que seres microscópicos podem ter seus efeitos estudados e testados e apresentam indícios de sua existência antes mesmo de poderem ser vistos.

    Mais racional seria considerarmos duas possibilidades ao invés de uma radical.

    Podemos considerar inúmeras possibilidades, desde que possam ser testadas.
    Qual o propósito de se considerar uma hipótese que não proporciona falseabilidade?
    Isto nos levaria a simplesmente acreditar na palavra de qualquer um que alegar qualquer coisa surpreendente e não nos basearmos em absolutamente nada para chegar a esta conclusão. Isto é irracional.

    Falta-lhe imparcialidade, apega-se a uma deficiência do inglês tentando insinuar uma suposta falta de conhecimento nos outros idiomas , mesmo sendo elogiados pelos respectivos professores.

    Me apego em evidências. Se a reportagem é muito pobre em evidências, tenho que me apegar àquelas que existem.
    E a única evidência que existe é que o inglês dele é básico.

    Tudo isso para justificar que o Galinha Tonta é um iludido desonesto , criando mestres do além inexistentes.

    Eu nunca disse que ele era desonesto e ele me parece sim iludido.
    Não estou de forma alguma desmerecendo o Galinha Tonta. Sempre disse que ele é digno de elogios. É você que está tentando o tempo todo forçar um entendimento de que eu esteja fazendo isso.

    Sua obsessão cética, cria em sua mente falsas explicações e ironicamente te torna mais um crente iludido

    O interessante em você falar de obsessão é que o Galinha não disse com todas as letras que as crianças eram espíritos desencarnados que o ensinaram idiomas. Esta foi uma conclusão sua precipitada pelo seu espiritismo obsessivo.

    Se sou crente, admito que devo ser crente em evidências. Tenho esta mania inconveniente e irritante.

    O problema que voce tenta insinuar que a pronuncia deficiente em inglês, evidência uma suposta deficiência nos outros idiomas e serve como prova de um aprendizado caseiro, apesar de professores especializados ja terem comprovado que este seu achismo “tendencioso” esta errado!

    Como já demonstrei, o próprio professores são tendenciosos devido às condições do aluno e ao fato de estarem em rede nacional falando de alguém tão simples e com grande identificação com o público.
    Se fosse eu mesmo a fazer o teste com o Galinha, diria a mesma coisa e faria os mesmos elogios.

    Esta sua vidência furada não refuta a possibilidade de ter sido um aprendizado espiritual.

    É óbvio que não refuta.
    Como eu já disse, o aprendizado espiritual é uma hipótese não falseável, como qualquer afirmação de cunho religioso. Portanto, não permite refutação.

    Quis dizer que no tempo que ele era uma criança de 7 anos, não havia internet no Brasil, nem o Duolingo.

    Seu pensamento religioso o deixa cego para as inúmeras possibilidades.

    1 – É pouco provável que o contato dele com o idioma se dê apenas em sonhos, de modo que ele seu interesse pelo idioma continua inclusive nos últimos 10 anos.
    2 – Ele pode ter tido sonhos com estas crianças falando um simples “What’s your name?” e enquanto crescia foi tendo outros contatos quaisquer com o idioma.

    O fato é que até a internet (que é algo que comprovadamente existe) é menos plausível para você do que espiritismo. Isto é fanatismo religioso.

    Se não for, então me explique a parte da pergunta que me deixou mais curioso e que você optou por ignorar.

    Por que não considerar abdução e experimentos alienígenas? Exposição a raios cósmicos? Ou “O Segredo” do pensamento positivo?
    Talvez o Galinha Tonta tenha vindo de Krypton e seus pais escondem este segredo do mundo, inclusive dele.

    Por que ignorar tantas outras hipóteses com o mesmo nível de comprovação e considerar unicamente o espiritismo?
    Porque sua hipótese do espiritismo tem mais validade do que estas outras que acabo de citar?

  202. Marcos Kiyoji

    Marcos, fiz algumas perguntas a ti, referente as afirmações que fizeste pelo qual não tive resposta (provavelmente porque acabou “passando em branco”)
    Poderia por gentileza responde-los? Gostaria de ver o seu posicionamento:

    As evidências disponíveis e descobertas até hoje pela humanidade apontam para o fato de que deus (qualquer que seja ele) quase que com certeza não existe.

    Que evidências? poderia citar uma?

    Este “quase” se dá pelo fato de deus não ser uma hipótese falseável e portanto não ser um assunto da ciência, não estando sujeita a provas ou contraprovas.

    A MACRO -evolução (pelo qual depende dos supostos milhões de anos) é Testável ou Falseável?

    É necessário algum tipo de iluminação ou revelação pessoal para sentí-lo?
    Então não vejo o propósito de se escrever um texto a esse respeito, pois o uso da razão não é eficaz para detectar este deus

    Qual é a mutualidade exclusiva entre a iluminação/revelação pessoal e a Razão?
    Não poderia Deus efetuar revelação pessoal, iluminando a razão?

    O método científico aplicado a este assunto demonstra que a mente/consciência/razão é produto de um cérebro (físico).

    E como o método ciêntífico demonstra isso?
    E se o cérebro (físico) não é o RESULTADO REFLETIDO NA MATÉRIA , ou ATUA EM CONJUNTO na mente/consciência/razão (Imaterial)?

    Assumir o contrário é pura fé e não tem nada de racional.

    E quem disse que Fé é sinônimo de irracionalidade? Qual é a fonte para esta tua alegação?

    Resumindo: Aquilo que não possui evidências (indícios) confiáveis, não merece atenção.

    Existem evidências de NÃO VIDA tornando-se vida? Existem evidências e INFORMAÇÃO CODIFICADA provindo de aleatoriedade?
    Existem evidências de um sistema desorganizado, organizar-se sozinho sem uma fonte externa?
    E quando se tem evidências CONTRÁRIAS aos argumentos apresentados? além de não merecer atenção eles dever ser descartados?

    As evidências observáveis são:
    º Vida provém de Vida
    º Informação codificada provém de inteligência
    º Um Sistema deixado por conta própria, se desorganiza.
    mesmo sabendo que não há provas definitivas de nenhuma parte.

    Como sabes que não há prova definitiva em favor da existência de Deus?

    Fazendo parte do modus operandi de Deus manifestar-se CLARAMENTE de maneira individual, como podes afirmar com certeza que a nenhum ser humano na terra possuiu tal manifestação?

    E olha que a possibilidade do parafuso é bem mais provável que a da existência de deus.

    Quais são as constantes, variáveis e a amostragem que utilizaste para mensurar esta probabilidade?
    Poderia cita-los?

    Extrapolar os limites de sua própria razão é estar fora da razão, já que a razão humana é a única que alcançamos por sermos limitados e até você já concordou com isso.
    Estar fora da razão é agir irracionalmente.

    A Irracionalidade é a ausência da Razão. Extrapolar seus limites, como o próprio nome diz (extrapolar – colocar além dos pólos ultrapassar os limites conhecidos), não significa ser isenta dela mas ULTRAPASSA-LA.

    Eu não diria que (a razão) se limita à matéria, mas ao mundo natural.

    Então tu admite que o mundo natural possui atributos visíveis pelo qual EXTRAPOLA a matéria?
    Se a razão não é ligado a matéria (sendo portanto IMATERIAL), mas pertence ao mundo natural, logo o mundo natural é composto de elementos materiais e IMATERIAIS.

    Se eu lhe falar unicamente sobre as minhas experiências, elas por si só não servem de evidência para te tornar um ateu. Da mesma forma, o contrário também vale. Não se trata de vidência. Trata-se de lógica e razão.

    Na verdade tem uma falha em teu raciocínio. As tuas experiências pessoais expresso em seu testemunho, para a suposta “não existência” de Deus, baseia-se na AUSÊNCIA dela, ou seja, tu não reconhece NENHUMA evidência para sua existência, logo duvida que ele existe.
    Porém, ao contrário de tí, os testemunhos pessoais para a EXISTÊNCIA de Deus são fundamentados em EVIDÊNCIAS, sendo elas externas e internas.

    Tu está em desvantagem neste caso, e a probabilidade de estar enganado é muito superior da probabilidade de algum Teísta, pelo qual teve experiência pessoal, se enganar.

    A evolução é um fato científico.

    Um “fato” sem NENHUMA EVIDÊNCIA EMPÍRICA , pelo qual ainda é chamado de TEORIA ????
    Deveria rever teu conhecimento sobre o significado da palavra FATO.

    Só não acredito que seja verdade. Ele acredita em uma ilusão criada por sua própria mente.

    Esta tua alegação pode ser provada ou tu ACREDITAS que ele acredita em uma ilusão criada por sua própria mente.

    Se não pode comprovar, porque faz uma afirmação fundamentada em uma CRENÇA PESSOAL tua????

    Enquanto eu acredito no mundo natural evidenciável

    O Mundo NATURAL é composto pelo material e IMATERIAL. A razão, por exemplo é IMATERIAL.
    Tens duvida disso?

    Ele tem contato com os idiomas durante o dia e treina durante o sono consigo mesmo.

    Podes comprovar isso ou tu ACREDITAS que ele treina durante o sono consigo mesmo????
    Novamente levanto a questão, se não pode comprovar, porque faz uma afirmação fundamentada em uma CRENÇA PESSOAL tua????

    Se não me engano, era Freud quem dizia que nós somos todos os personagens nos nossos sonhos.

    A afirmação de Freud possui alguma comprovação empírica ou simplesmente TENS NELE nesta alegação, assumindo suas palavras como um fato????

    Agora acertou. Eu tenho mesmo o hábito irritante de usar a razão.

    E como sabes que não és irracional???? Consegues comprovar que toda tua crença e argumentos são racionais???

    A manutenção da vida é o que mais importa, pois esta é a única que temos.

    Tu consegues comprovar que esta vida é a única que temos ou simplesmente ACREDITAS NISSO???
    Caso reconheças que ACREDITAS (pois não podes comprovar), quais EVIDÊNCIAS EMPÍRICAS o levam a embasar esta crença???

    Ele (ceticismo tendencioso) serve de filtro deixando passar o que tem validade lógica, racional e científica e parando a especulação e a pseudociência.

    O ceticismo TENDENCIOSO serve de filtro apenas para barrar argumentos pelos quais não fazem parte do conjunto de crenças pelo qual decidiu possuir, INDEPENDENTEMENTE dos fatos observáveis, logo, o ceticismo tendencioso é IRRACIONAL e conforme o Criaturo disse, LIMITA O CONHECIMENTO.

    que diga-se de passagem nunca foram cientificamente comprovados ou sequer evidenciados

    A Abiogênese por geração espontânea e a Macro-evolução também nunca foram cientificamente comprovados ou sequer evidenciados. Tu acreditas que eles ocorreram ou os NEGA como também nega a interferência de espíritos desencarnados (vulgo DEMÔNIOS, segundo a Bíblia)???

    Só não acho suficiente para dizer que é obra de espíritos desencarnados que nunca foram evidenciados.

    A MACRO-evolução também NUNCA foi evidenciado, logo tu a chama de “fato científico”.
    Este é um exemplo claro de Ceticismo TENDENCIOSO, ou seja, tu ESCOLHE sobre o que será cético e sobre o que tomará como um fato, mesmo quando AMBOS se classificam na mesma faixa evidencial.
    Não estaria sendo desonesto consigo mesmo, utilizando dois pesos e duas medidas???
    Onde está a razão em utilizar-se de dois pesos e duas medidas???

    Ser racional é usar a razão.
    Portanto, ser tendencioso em favor da razão não é ser irracional, é favorecer a verdade em detrimento da especulação.

    Concordo. porém pergunto, porque não vive conforme esta alegação???

    A MACRO-evolução é uma mera especulação fundamentado em HIPÓTESE (pois NÃO HÁ nenhuma evidência empírica que o corrobore), porém ela é um dos pilares para o ateísmo (muito embora a sua probabilidade de ocorrer sem uma direção, calculado por Barrow e Tippler, é LITERALMENTE um milagre).

    Devido a isso tu és extremamente crente nela, mesmo não possuindo comprovação para o tal, porém para outros argumentos pelos quais possuem o mesmo patamar evidencial, tu simplesmente rejeita com o argumento: “Não há evidências”

    Não seria isso, conforme diz o ditado “Faça o que eu digo mas não faça o que eu faço”??
    Não seria esta atitude desonesta intelectualmente???

    Seu pensamento religioso tendencioso está te deixando cego para a nossa conversa.

    A tendenciosidade é prejudicial tanto para a religiosidade quanto para a anti-religiosidade (naturalismo).
    Se o pensamento religioso tendencioso deixa o criaturo cego, seu naturalismo tendencioso igualmente o cega.

    Ora, qualquer breve existência é mais importante que a inexistência.

    Quem define isso????

    Justamente por ser única e breve é que devemos nos apegar a ela.

    SE fosse única, queres dizer, não é mesmo???
    Tu podes comprovar que ela é de fato ÚNICA?????

    Marcos Kiyoji

    Ficarei no aguarde de suas réplicas.

    Abraços,

    Diogo.

  203. Criaturo,

    Qual o sentido de um ateu querer se apegar a vida afirmando que irá perde-la breve e definitivamente?

    O sentido é exatamente este. Por ser breve e por esperar perdê-la definitivamente.

    Digamos que você seja um astronauta designado para fazer uma viagem a Netuno. Você será colocado em estado de hibernação para passar pela viagem que pode durar várias décadas. Você pode nunca mais retornar à Terra ou mesmo se voltar, seus entes queridos como esposa e filhos já estarão todos mortos.
    Seus comandantes lhe dão a oportunidade de passar um último fim de semana com sua família para se despedir deles.
    Considerando que você provavelmente nunca mais voltará a vê-los, este período de tempo com eles não seria precioso pra você?

    Sob meu ponto de vista, imaginar que a vida é eterna e que você nunca a perderá a deixa meio sem importância.

  204. Azetech,

    Marcos, fiz algumas perguntas a ti, referente as afirmações que fizeste pelo qual não tive resposta (provavelmente porque acabou “passando em branco”)

    Na verdade, não passou em branco. Eu vi suas perguntas anteriores e fico lisonjeado que tenha se incomodado em me dirigir um comentário tão extenso e contendo citações minhas tão antigas que nem me lembro do contexto original em que foram empregadas, de modo que não tenho como responder adequadamente algumas delas.
    Quanto às citações das quais me recordo, muitas delas foram tiradas do contexto do diálogo original com o propósito de extrair uma idéia que ou não era a minha opinião ou só tinha sentido no contexto original ou que era irrelevante.

    Contudo, a minha opção por não responder se deu principalmente pelos seguintes motivos:

    Acompanhei parcialmente seu debate com o MAF e com a ssrodrigues (se não me engano) e frente à sua extensa exposição, percebi se tratar de um negacionista e não tenho nenhum interesse em discutir com negacionistas.

    O primeiro questionamento que pode surgir é “O que vem a ser um negacionista?”
    Um negacionista é uma pessoa que movida provavelmente por preconceito religioso, ideológico, político, filosófico ou por simples ignorância em conhecimentos gerais, nega a existência ou ocorrência de fatos históricos e/ou científicos amplamente difundidos, estudados e comprovados pela ciência.
    Como exemplos, podemos citar pessoas que negam que o homem tenha ido à lua, negam que o holocausto judeu tenha acontecido, negam que as bombas atômicas de Hiroshima e Nagazaki tenham sido reais, negam a evolução das espécies e o mais em voga na atualidade é negar que existe aquecimento global antropogênico.

    O segundo questionamento que surge é “Por que você não se interessa por discutir com negacionistas?”
    Tenho vários motivos. Os principais são:

    1 – Negacionistas normalmente não têm entendimento científico suficiente para compreender certos conceitos como hipótese, teoria, lei, falseabilidade, etc. Desta forma, costumam misturar conceitos diferentes e até mesmo confundir a área de abrangência de determinadas leis ou teorias científicas. Você demonstrou isso no diálogo com o MAF.

    2 – Não há interesse da parte de negacionistas em sequer estudar os argumentos e evidências que contradigam sua posição pré-concebida, como se houvesse alguma vergonha em mudar de opinião. A maioria dos negacionistas conhece sim os fatos científicos, mas eles distorcem sua interpretação de modo a sustentar sua posição ou mesmo tomam como fraude os resultados cientificamente comprovados. Ao mesmo tempo que fecham os olhos para evidências científicas, mascaram sua desonestidade pedindo por evidências que já foram exaustivamente apresentadas. Você também demonstrou isso com o MAF.

    3 – Negacionistas são seletivos com a ciência, não hesitando em se apoiar em um ou outro suposto cientista igualmente negacionista para tentar suportar sua posição. Ou seja, independente das evidências, a palavra de qualquer cientista será aceita, desde que atenda a condição de corroborar a sua idéia predeterminada.

    4 – Apelam constantemente para o “Argumento da Ignorância” alegando que o simples fato de a ciência não explicar de forma conclusiva determinado evento, então este evento só pode ter origem divina. Demonstrou isso em suas perguntas direcionada a mim.

    5 – Não apenas negacionistas, mas também outros tipos de fanáticos, tiram citações alheias do contexto original para tentar criar um espantalho que possa ser atacado. Você também demonstrou isso no seu em seu comentário a mim direcionado.

    6 – Como conclusão, meu interesse em discutir idéias com qualquer pessoa é o aprendizado e, considerando os aspectos citados anteriormente, nunca consigo nada de proveitoso ou enriquecedor em uma discussão com um negacionista.

    Com relação a debater com você especificamente, Sr. Azetech, sinto muito mas você tem uma mania meio irritante de usar excessivamente a expressão “pelo qual” em seus comentários e o faz de forma incorreta na absoluta totalidade de suas tentativas. Isto, além de ser meio irritante, dificulta o entendimento dos comentários pela falha de concordância.

    Normalmente não tenho tanta frescura linguística na internet e nem sou expert em língua portuguesa para ficar criticando toda e qualquer derrapada de todo mundo, até mesmo porque eu também as cometo. Entretanto, o seu cacoete, combinado com o uso constante da segunda pessoa (Tu podes, Tu queres, etc.) soa muito como uma tentativa frustrada de demonstrar erudição, o que me incomoda levemente e, mesmo admitindo que se trata de uma bobagem, temo que em um debate mais prolongado, isto se tornaria extremamente incômodo, quiçá insuportável.

    Quanto a uma ou outra pergunta eventual posso optar por responder por simples entretenimento.

  205. Sobre a pergunta do Azetech ao Marcos:

    “Existem evidências de NÃO VIDA tornando-se vida?”

    Essa pergunta é bem relevante; pois, se é possível a origem da vida a partir a abiogênese ou geração espontânea e se as condições hoje para a vida são bem melhores do que as dos primórdios da Terra; então, porque não vemos o surgimento de outros tipos de vida além da nossa?

    Por quê houve um único “big bang” da vida há bilhões de anos atrás ao invés de vários “big bangs” aos longo desses bilhões de anos com tipos distintos de vida além da vida baseada em DNA? Por quê uma única explosão cambriana?

    Se as leis da natureza tendem para a geração espontânea de vida; então, pelo menos de mil em mil anos ou de um milhão em um milhão de anos, era para estar surgindo (em alguma pocinha por aí) outros tipos de vida por aí e evoluindo paralelamente à nossa!

    Não só o fato da origem da vida, mas também o fato de ela ter ocorrido uma única vez na Terra é um dos maiores mistérios da humanidade!

    E isso não é só especulação minha, o físico Paul Davis já se perguntou sobre isso e, desde então, procura evidências do surgimento de novos tipos de vida e de sua evolução em todo o globo terrestre; só que até hoje ele não encontrou nada!

    Tempos atrás, cientistas divulgaram ter encontrado um tipo de vida diferente do nosso baseada em arsênio; mas, pelo jeito, tal descoberta não foi confirmada e, mesmo que fosse, talvez seria apenas uma adaptação e não um outro tipo de vida.

    A origem da vida não tem nada de trivial, tanto que até Richard Dawkins já admitiu a hipótese de que ela pode ter vindo de fora da Terra por panspermia cósmica e até (pasmem!) ter sido implantada na Terra por seres extraterrestres inteligentes!

    Resta saber como surgiu a vida fora da Terra ou como os extraterrestres surgiram!?

    Embora muitos não queiram admitir, tudo indica que está surgindo um novo paradigma na Biologia; basta ver o artigo publicado no site da própria NATURE, que mais parece um texto feito por proponentes do Design Inteligente, como Michael Behe, Stephen Meyer ou William Dembski:

    http://www.nature.com/news/2010/310310/full/464664a.html

    E descobertas recentes sobre o Genoma Humano e sobre o DNA Lixo (que, pelo visto, de lixo não tem nada) estão mostrando que o código genético e a vida é algo muitíssimo mais complexo do que se imaginava antes; principalmente, na época de Darwin em que se ainda pensava que a célula era algo extremamente simples, como um tipo de bolsa de gelatina formada por uma membrana, um citoplasma e um núcleo.

    http://super.abril.com.br/ciencia/genetica-fracassou-598852.shtml

    Hoje, qualquer um que já assistiu uma animação 3D de uma célula viva no YouTube deu para ver que ela se parece muito mais com uma micro-indústria ou com uma micro-cidade extremamente complexa e repleta de sofisticadas nanomáquinas e nanorobôs; em vez de uma simples bolsa gelatinosa de reações químicas:

  206. Marcos

    Criaturo,
    Me explique como alguém apenas vendo livros escritos em “kanji” consegue ler ,escrever bem e falar em japonês ?

    Outro aspecto bem interessante na sua pergunta é que se trata então do “Argumento da Ignorância” (não estou te chamando de ignorante, este é o nome mais conhecido desta falácia).
    Ou seja, não sei como foi, então foram espíritos desencarnados.

    Você também não ignora a razão disso, apenas não deseja aceita-la, por não ser a sua.

    Por que não considerar abdução e experimentos alienígenas? Exposição a raios cósmicos? Ou “O Segredo” do pensamento positivo?
    Talvez o Galinha Tonta tenha vindo de Krypton e seus pais escondem este segredo do mundo.
    Por que ignorar tantas outras hipóteses igualmente fantasiosas?

    Talvez ele tenha tenha vindo da “fuga das galinhas”…ha.ha..ha..ha..ha
    Talvez os três meninos no sonhos sejam uma espécie de comunicação de telepática de ETs,
    como no filme abaixo a cientista ateia precisou passar por uma experiência semelhante:

  207. Marcos Kiyoji

    Esquivou-se de um debate utilizando um Ad Hominen?
    Assim fico lisonjeado por saber que meus questionamentos deixaram uma pessoa que se diz cientista e detentor da razão, em pleno silêncio e ainda por cima faze-la utilizar um artifício tão chulo, como a falácia.

    Mas tudo bem, sem problemas, jé que se recusas a responder, farei por ti: (espero que não se ofendas)

    Que evidências? poderia citar uma?

    Na verdade Azetech, não há nenhuma evidência referente a inexistência de Deus. Apenas desejo que ele não exista e no máximo utilizo de ausência de evidência como evidência de ausência.
    Sei que é um equivoco de minha parte tentar “evidenciar” algo com a suposta ausência, porém peço para entendas que a minha fé naturalista exige isso, pois além dela, não há mais nada pelo qual possa me apegar.

    A MACRO -evolução (pelo qual depende dos supostos milhões de anos) é Testável ou Falseável?

    De fato azetech, a Macro-evolução não é falseável e nem testável. Ele é uma hipótese conceitual pelo qual demanda uma crença a priori e muita fé.

    Não poderia Deus efetuar revelação pessoal, iluminando a razão?

    Sim, ele poderia Azetech. Mas se isso ocorre, a minha fé é vazia, logo preciso negar esta possibilidade.

    E como o método ciêntífico demonstra isso?
    E se o cérebro (físico) não é o RESULTADO REFLETIDO NA MATÉRIA , ou ATUA EM CONJUNTO na mente/consciência/razão (Imaterial)?

    Está certo Azetech. Segundo os métodos científicos não há como saber se de fato o pensamento é resultado de ações químicas do cérebro. O que se observa é que ambos atuam em conjunto, e nada mais.

    E quem disse que Fé é sinônimo de irracionalidade? Qual é a fonte para esta tua alegação?

    A minha fonte não é o dicionário, visto que o mesmo alega que Fé, nada mais é do que confiança (independentemente de se haver ou não evidências).
    Logo existem fé não religiosa.
    A minha fonte são sites ateístas como este por exemplo, pelo qual confunde a palavra fé com crendice..

    Existem evidências de NÃO VIDA tornando-se vida? Existem evidências e INFORMAÇÃO CODIFICADA provindo de aleatoriedade?
    Existem evidências de um sistema desorganizado, organizar-se sozinho sem uma fonte externa?
    E quando se tem evidências CONTRÁRIAS aos argumentos apresentados? além de não merecer atenção eles dever ser descartados?
    As evidências observáveis são:
    º Vida provém de Vida
    º Informação codificada provém de inteligência
    º Um Sistema deixado por conta própria, se desorganiza.
    mesmo sabendo que não há provas definitivas de nenhuma parte.

    Além de não haver nenhuma evidência pelo qual corrobore minha crença, existem evidências contrárias a ela (como tu mesmo demonstrou)
    Isso de fato torna minha crença irracional e não condizente com a realidade.

    Como sabes que não há prova definitiva em favor da existência de Deus?
    Fazendo parte do modus operandi de Deus manifestar-se CLARAMENTE de maneira individual, como podes afirmar com certeza que a nenhum ser humano na terra possuiu tal manifestação?

    Eu não sei. Simplesmente acredito que não há. A minha fé naturalista exige que não exista nenhuma evidência da existência de Deus, logo eu preciso desconsiderar a todos os testemunhos pelos quais alegam ao contrário.

    Quais são as constantes, variáveis e a amostragem que utilizaste para mensurar esta probabilidade?
    Poderia cita-los?

    Não há constante e variável nenhuma pelo qual corrobora a minha suposta probabilidade em um parafuso cair do avião e atingir alguém, com a existência de Deus.

    A Irracionalidade é a ausência da Razão. Extrapolar seus limites, como o próprio nome diz (extrapolar – colocar além dos pólos ultrapassar os limites conhecidos), não significa ser isenta dela mas ULTRAPASSA-LA.

    Está certo Azetech. Não fui feliz neste argumento direcionado ao Criaturo.

    Então tu admite que o mundo natural possui atributos visíveis pelo qual EXTRAPOLA a matéria?

    Confesso que fui contraditório nesta frase.

    Se a razão não é ligado a matéria (sendo portanto IMATERIAL), mas pertence ao mundo natural, logo o mundo natural é composto de elementos materiais e IMATERIAIS.

    De fato está certo Azetech. Mas como eu tenho um pacto com o naturalismo filosófico e a palavra “Imaterial” já me remete a Deus, preciso nega-la a todo custo, mesmo que exista eu preciso nega-la.

    Na verdade tem uma falha em teu raciocínio. As tuas experiências pessoais expresso em seu testemunho, para a suposta “não existência” de Deus, baseia-se na AUSÊNCIA dela, ou seja, tu não reconhece NENHUMA evidência para sua existência, logo duvida que ele existe.
    Porém, ao contrário de tí, os testemunhos pessoais para a EXISTÊNCIA de Deus são fundamentados em EVIDÊNCIAS, sendo elas externas e internas.
    Tu está em desvantagem neste caso, e a probabilidade de estar enganado é muito superior da probabilidade de algum Teísta, pelo qual teve experiência pessoal, se enganar.

    Está certo Azetech. Porém se me permitir, desejo complementar o seu posicionamento:
    As evidências da existência de Deus, são suficientemente claras. isso pode ser observado no universo e na vida, pelo qual demonstram ORDEM e INFORMAÇÃO.
    Porém, como desejo rejeitar a Deus (pois não quero prestar contas dos meus atos), utilizo como parâmetro da “evidência da existência de Deus” sua própria presença, ou seja, se Deus se mostrar in loco, é evidência de sua existência, caso contrário, pressuponho que não há nenhuma evidência.
    Sei que é ilusório este meu pensamento, porém assumo que ele me garante um conforto psicológico em vida.

    Um “fato” sem NENHUMA EVIDÊNCIA EMPÍRICA , pelo qual ainda é chamado de TEORIA ????
    Deveria rever teu conhecimento sobre o significado da palavra FATO.

    Sim eu deveria. Com este meu comentário me demonstrei não saber diferenciar o que da teoria evolutiva (como um todo) é hipotética, factual ou filosófica.
    Porém, para validar a minha crença, utilizo da parte factual da teoria (MICRO-evolução) para “corroborar” minha fé pessoal na MACRO-evolução e no NATURALISMO, visto que a MACRO-evolução é uma hipótese, e o Naturalismo é uma filosofia.

    Esta tua alegação pode ser provada ou tu ACREDITAS que ele acredita em uma ilusão criada por sua própria mente.

    A minha CRENÇA naturalista me faz pensar que ele acredita em uma ilusão criada por sua própria mente.
    Não posso provar, simplesmente preciso CRER.

    O Mundo NATURAL é composto pelo material e IMATERIAL. A razão, por exemplo é IMATERIAL.
    Tens duvida disso?

    Não tenho dúvida nenhuma. A razão de fato é um atributo imaterial, visto que a mesma não ser vista, tocada, ouvida, cheirada ou degustada.

    Podes comprovar isso ou tu ACREDITAS que ele treina durante o sono consigo mesmo????

    A minha CRENÇA naturalista me faz pensar que ele treina durante o sono consigo mesmo.
    Não posso provar, simplesmente preciso CRER.

    A afirmação de Freud possui alguma comprovação empírica ou simplesmente TENS FÉ NELE nesta alegação, assumindo suas palavras como um fato????

    Tenho fé em Freud, Marx e em Darwin. eles são meus “profetas” do Naturalismo.

    E como sabes que não és irracional???? Consegues comprovar que toda tua crença e argumentos são racionais???

    Eu não sei, mas como um bom ateu preciso me portar como seu eu fosse o dono da razão e tu o fanático irracional.

    Tu consegues comprovar que esta vida é a única que temos ou simplesmente ACREDITAS NISSO???

    A minha CRENÇA naturalista me faz pensar esta vida é a única que temos.
    Não posso provar, simplesmente preciso CRER.

    Caso reconheças que ACREDITAS (pois não podes comprovar), quais EVIDÊNCIAS EMPÍRICAS o levam a embasar esta crença???

    Nenhuma. Apenas eu DESEJO acreditar assim.

    O ceticismo TENDENCIOSO serve de filtro apenas para barrar argumentos pelos quais não fazem parte do conjunto de crenças pelo qual decidiu possuir, INDEPENDENTEMENTE dos fatos observáveis, logo, o ceticismo tendencioso é IRRACIONAL e conforme o Criaturo disse, LIMITA O CONHECIMENTO.

    Está certo Azetech. Confesso novamente que me equivoquei neste comentário direcionado ao Criaturo.

    A Abiogênese por geração espontânea e a Macro-evolução também nunca foram cientificamente comprovados ou sequer evidenciados. Tu acreditas que eles ocorreram ou os NEGA como também nega a interferência de espíritos desencarnados (vulgo DEMÔNIOS, segundo a Bíblia)???

    Como ateu, eu preciso crer que eles foram factuais. Porém, para não perder o costume, ignoro este fato e me coloco parcial em meus julgamentos.

    A MACRO-evolução também NUNCA foi evidenciado, logo tu a chama de “fato científico”.

    Bingo. Me desmascarou novamente.

    Este é um exemplo claro de Ceticismo TENDENCIOSO, ou seja, tu ESCOLHE sobre o que será cético e sobre o que tomará como um fato, mesmo quando AMBOS se classificam na mesma faixa evidencial.
    Não estaria sendo desonesto consigo mesmo, utilizando dois pesos e duas medidas???

    Sim estou sendo. Porém esta desonestidade me traz um conforto psicológico em minha vida.

    Onde está a razão em utilizar-se de dois pesos e duas medidas???

    Não há razão nenhuma. É apenas emoção pura.

    A tendenciosidade é prejudicial tanto para a religiosidade quanto para a anti-religiosidade (naturalismo).
    Se o pensamento religioso tendencioso deixa o criaturo cego, seu naturalismo tendencioso igualmente o cega.

    Está certo. Estou cego. Por isso não enxergo as lei científica da 2º Termodinâmica, lei científica da Biogênese, As limitaçõpes biológicas pelos quais limitam as mudanças nos seres vivos e a observação empírica de que APENAS INTELIGÊNCIA gera INFORMAÇÃO.

    Tu podes comprovar que ela é de fato ÚNICA?????

    Não, eu apenas desejo que ela seja.
    Não há como se comprovar empiricamente a minha crença, visto que a mesma não se baseia em observações, mas sim em um desejo pessoal.

    ……….

    Ok Marcos, obrigado pelas respostas, pelos quais foram sinceros e remeteram aos fatos.

  208. Exemplo de como o fanatismo pode desenvolver a esquizofrenia em uma pessoa de mente debilitada, produzindo até mesmo dupla personalidade.
    Parece que nosso amigo Azetech levou ao pé da letra a famosa expressão “Fale com a mão!”
    Kkkkkk!!

  209. Azetech,

    A propósito, não vejo onde enxergou ad hominen.
    Eu apenas expliquei o motivo pelo qual não discuto com negacionistas e demonstrei como identifiquei os sintomas em você.

    P.S.: Aprenda acima o uso correto de “pelo qual”.

  210. Marcos Kiyoji

    A propósito, não vejo onde enxergou ad hominen.

    Se não sabes, desviar-se do assunto, colocando-o em segundo plano, acusando o debatedor opositor de Negacionista e esquizofrênico PELO QUAL é um Ad Hominem.

    Mesmo que fosse esquizofrênico e negacionista, conforme o teu Ad Hominem acusa, meus argumentos ainda sim seriam válidos.
    (a não ser, é claro ,que te apoies também a falácia do apelo a autoridade, PELO QUAL não seria muito difícil de acontecer)

    Como simplesmente esquivou-se deles e ao mesmo tempo apelaste para “chulos” Ad hominens, passo a deduzir que não possui capacidade cognitiva de refutar os argumentos de um suposto esquizofrênico negacionista, algo PELO QUAL piora a tua situação e o coloca a nível inferior a estas classificações que tu mesmo determinaste a minha pessoa. (O que seria irônico provindo de uma pessoa PELO QUAL se considera cientista e racional)

    Aprenda acima o uso correto de “pelo qual”.

    Aprendas a se manter estável no assunto debatido, evitando utilizar Ad Hominem e também Red Herring.
    O “pelo qual” não faz parte do escopo abordado e muito menos corrobora as tuas alegações vazias fundamentados exclusivamente a tua CRENÇA pessoal, algo PELO QUAL foi fundamentado em tua naturalista.

    Vais embasar as tuas alegações ou simplesmente continuaras a fugir delas??

    Abraços,

    P.S: A utilização do “Pelo qual” em fontes caixa alta e em negrito (sem contar o uso exessivo) foi exclusivamente em “homenagem” a tua pessoa.

    Espero que aprecie.
    :-)

  211. Espero que aprecie.

    Aprecio sim. Obrigado!
    O uso intencional do termo eu vou tomar como uma homenagem ressaltando a minha importância na sua vida e até mesmo como uma fonte de humor.

    O uso corriqueiro é que é meio irritante. Se bem que eu duvido muito que você use este termo novamente sem pensar em mim.

    Até mais!

    P.S.: Não sei se está ciente disso mas você errou novamente o uso de cada um dos seus “pelo qual”.

  212. Marcos Kiyoji

    O uso corriqueiro é que é meio irritante.

    Concordo. Como uma pessoa sensata e racional, tomarei sua crítica pelo lado positivo. As vezes os vícios de linguagem passam desapercebidos a pessoa que o profere (algo onde um terceiro detecta com facilidade)
    Muito agradecido.

    Porém é uma pena que esta tua “dica” tenha aparecido de uma forma irônica (o que compromete a tua imagem como uma pessoa respeitosa) e também oriundo de uma incapacidade tua em embasar as alegações que fazes, pelo qual utilizara como subterfúgio para mascarar a tua falta de argumentos em comprovar o que afirmas. (isso sem contar, é claro, desviar-se do assunto abordado, o que foi muito evidente).

    Se bem que eu duvido muito que você use este termo novamente sem pensar em mim.

    Igualmente se fores sensato e racional, duvido que irás alegar como um fato o que não podes comprovar ou no mínimo evidenciar

    Hum….. pensando bem…….. não duvido não.

    Acredito que tu continuarás a efetuar afirmações “ao léo”, sem nenhum apoio evidencial, dizendo tratar-se de fatos.

    :-)

    P.S.: Não sei se está ciente disso mas você errou novamente o uso de cada um dos seus “pelo qual”.

    Não sei se está ciente, mas ainda continua a fugir do assunto, pelo qual tratava-se de tuas afirmações gratuitas (sem apoio evidencial).

    Iras honrar as tuas palavras ou continuará simplesmente fugindo da responsabilidade???

    Devo toma-lo como covarde, encerrando o assunto?

  213. Iras honrar as tuas palavras ou continuará simplesmente fugindo da responsabilidade???

    O que eu disse está dito e se não entende não tenho paciência pra te ensinar. O MAF já perdeu bastante tempo tentando tirá-lo das trevas e não pretendo repetir o já dito por ele.

    Devo toma-lo como covarde, encerrando o assunto?

    Ainda está aí?
    Volte a falar com a mão.

  214. Marcos Kiyoji

    O que eu disse está dito e se não entende não tenho paciência pra te ensinar.

    Disse apenas falácias. Isso és tudo o que tens a dizer??
    Decepcionante….

    O MAF já perdeu bastante tempo tentando tirá-lo das trevas e não pretendo repetir o já dito por ele.

    O Marcio não fez nenhuma alegação semelhante a sua, logo não preciso que tu repita as palavras dele.
    O que peço é que EVIDENCIE ou no mínimo EMBASE o que falaste. Não és capaz disso???

    Ainda está aí?

    Ok, eu aceito a sua desistência e covardia.
    Quando tiver mais culhões, me procure.
    :-)

  215. Marcos Kiyoji

    Vejo que tu foste escolhido para ser o cristo da vez pelo campeão dos criacionistas, pelo o qual denomina-se Azetech.
    Ainda bem que tens culhões suficientes para não embarcar na “argumentação” pela a qual o campeão dos criacionistas julga estar referindo a ciência…

  216. A sempre bem humorada deusa dos ateus….

  217. Marcos

    A razão pode até não te dar todas as respostas de imediato mas é o meio mais seguro de se buscar a verdade.
    Entre uma explicação “imaginada” que tenha sentido e validade no mundo natural e outra igualmente “imaginada” que contraria tudo o que se conhece no mundo físico natural, a explicação racional sai na frente por poder ser testada.

    Optar apenas pela racionalidade ja conhecida dificulta o acesso a novos conhecimentos, não sei se voce chegou assistir o filme “as leis da eternidade” Thomas Edson optou por ir alem da razão humana, o cara é um gênio.

    Isso merece alguns esclarecimentos.
    1 – Não pedi provas de nada.

    Sua condição descrente são ausência de evidências

    2 – Amor é um fenômeno mental que pode até não ser completamente explicado em termos científicos mas pode (e é) estudado através da química, da psicologia e da neurociência.

    Sentimento subjetivo e irracional do ponto de vista humano.

    3 – Você mudou o foco da questão para evitar a pergunta que era “Porque você acha a sua hipótese espiritual mais plausível do que a minha hipótese naturalista se a sua hipótese também é considerada (por você) naturalista?”

    Cada caso deve ser analisado imparcialmente, no do Galinha Tonta carece de maiores informações para chegarmos a uma conclusão mais solida, neste quesito sua natural tendenciosidade pende para um dos lados, a sua razão o que a torna limitada em termos de maiores possibilidades.
    Uma amiga me contou que ficou muito triste ao perder sua avó e que possuía uma terrível dor nas costas que médicos não conseguiam curar, certo dia sonhou que estava em uma sala deitada em uma espécie de cama hospitalar e uma moça de branco a examinava, depois ela saiu e para sua surpresa voltou trazendo sua avó falecida, que lhe disse: “filha sua dor nas costas é porque voce precisa ser agasalhar mais.”, seguindo o conselho da avó sua dor nas costas desapareceu definitivamente.
    Quando a “esquizofrenia” começa interagir em nosso mundo, ela passa a ser real.

    Quanto aos espíritos, todos que afirmam terem vistos e se comunicados de alguma forma, mentem ou são esquizofrênicos iludidos ?

    Frente aos relatos que já ouvi, sim.
    No entanto, esta é minha opinião só até agora. Continuo aberto a apresentação de qualquer indício que possa elevar estes relatos ao status de evidência racional.

    Vou fazer um tópico relacionando todos os casos de evidências anedótica conhecidos, mas ja com a previsão das supostas explicações céticas do tipo tudo isso não passa de coincidências e auto ilusões.

    Isso seria o mesmo que afirmar que seres microscópicos só passaram a existir após a criação do microscópio.

    Errado. A diferença é que seres microscópicos podem ter seus efeitos estudados e testados e apresentam indícios de sua existência antes mesmo de poderem ser vistos.

    Podemos observar e sentir os efeitos causados por inteligências fora da matéria agindo nas nossas vidas, quanto a querer racionaliza-las, elas possuem razão próprias o que dificulta muito a ciência da essência dos seres encarnados e dos desencarnados.

    Mais racional seria considerarmos duas possibilidades ao invés de uma radical.

    Podemos considerar inúmeras possibilidades, desde que possam ser testadas.
    Qual o propósito de se considerar uma hipótese que não proporciona falseabilidade?
    Isto nos levaria a simplesmente acreditar na palavra de qualquer um que alegar qualquer coisa surpreendente e não nos basearmos em absolutamente nada para chegar a esta conclusão. Isto é irracional.

    Procuro ser imparcial não duvidar nem acreditar em tudo

    Falta-lhe imparcialidade, apega-se a uma deficiência do inglês tentando insinuar uma suposta falta de conhecimento nos outros idiomas , mesmo sendo elogiados pelos respectivos professores.

    Me apego em evidências. Se a reportagem é muito pobre em evidências, tenho que me apegar àquelas que existem.
    E a única evidência que existe é que o inglês dele é básico.

    A escrita kenji em japonês é boa, como que uma pessoa consegue aprender pronunciar idiomas japonês e alemão estudando livros em casa ? Alias é voce que apenas esta cogitando esta outra possibilidade mais cética.

    Sua obsessão cética, cria em sua mente falsas explicações e ironicamente te torna mais um crente iludido

    O interessante em você falar de obsessão é que o Galinha não disse com todas as letras que as crianças eram espíritos desencarnados que o ensinaram idiomas. Esta foi uma conclusão sua precipitada pelo seu espiritismo obsessivo.

    Errado! Ja comentei que estou aberto a outras possibilidades como ETs.

    Quis dizer que no tempo que ele era uma criança de 7 anos, não havia internet no Brasil, nem o Duolingo.

    Seu pensamento religioso o deixa cego para as inúmeras possibilidades.
    1 – É pouco provável que o contato dele com o idioma se dê apenas em sonhos, de modo que ele seu interesse pelo idioma continua inclusive nos últimos 10 anos.

    A reportagem diz que ele sonhou por 15 anos.

    2 – Ele pode ter tido sonhos com estas crianças falando um simples “What’s your name?” e enquanto crescia foi tendo outros contatos quaisquer com o idioma.

    Em uma cidade em que as pessoas quase não conseguem falar o portugues corretamente, alias peço tolerância quantos aos meus, erros de digitação, concordância verbal e pontuação, mas espero esta me fazer mais ou menos entendido.

    O fato é que até a internet (que é algo que comprovadamente existe) é menos plausível para você do que espiritismo. Isto é fanatismo religioso.

    Ainda hoje nas principais capitais do pais o acesso a internet continua sendo muito limitado, imagine a uns 40 anos atras em uma cidadezinha do interior de MG, por uma criança pobre, alias a própria informática não chegava nesta época nem aos pés de um MSX da gradiente, uma CPU 8080 da prológica, sem multimídia então estudar pronuncias de idiomas em computadores se torna impossível.

    Se não for, então me explique a parte da pergunta que me deixou mais curioso e que você optou por ignorar.
    Por que não considerar abdução e experimentos alienígenas? Exposição a raios cósmicos? Ou “O Segredo” do pensamento positivo?
    Talvez o Galinha Tonta tenha vindo de Krypton e seus pais escondem este segredo do mundo, inclusive dele.
    Por que ignorar tantas outras hipóteses com o mesmo nível de comprovação e considerar unicamente o espiritismo?
    Porque sua hipótese do espiritismo tem mais validade do que estas outras que acabo de citar?

    Não tem! Eu até ja postei um filme concordando com esta possibilidade: https://deusilusao.com/2014/02/27/um-deus-sem-biblia/#comment-51942

  218. ssrodrigues

    Veja bem, o nosso amigo “Bagre ensaboado” Marcos Kiyoji, (ou seria o Washington Cruz “Credo” rsrsrs), fez, assim como tu, afirmações de cunho hipotético, posicionando-os como comprovados, sem nenhuma base evidencial.

    Por exemplo ele AFIRMOU coisas do tipo:

    “”As evidências disponíveis e descobertas até hoje pela humanidade apontam para o fato de que deus (qualquer que seja ele) quase que com certeza não existe.””

    “”O método científico aplicado a este assunto demonstra que a mente/consciência/razão é produto de um cérebro (físico).””

    “”E olha que a possibilidade do parafuso é bem mais provável que a da existência de deus.””

    “”Extrapolar os limites de sua própria razão é estar fora da razão, já que a razão humana é a única que alcançamos por sermos limitados e até você já concordou com isso.
    Estar fora da razão é agir irracionalmente.””

    “evolução é um fato científico”””

    Etc…

    Ele expôs várias conjecturas supostamente factuais, pelos quais estavam vinculados apenas a sua PRÓPRIA CRENÇA .

    Eu simplesmente pedi para que ele demonstrasse as evidências de tais alegações, desejando averiguar por mim mesmo se elas de fato procedem.

    Ele, portanto, como o diabo que foge da cruz, utilizou-se de falácias (Ad Hominem e Red Herring), tentando esconder a sua incapacidade e tentando desviar-se dos meus questionamentos, simplesmente porque sabe que não há nenhuma base para o que atesta.

    Com outras palavras, ele teria de confessar que o que ele alega é simplesmente baseado em sua própria .

    Uma atitude, que na minha concepção, demonstra bem covarde, visto que se alguém possui convicção e evidências a favor de seus argumentos, jamais utilizaria de uma técnica tão evasiva como a dele, pelo contrário, demonstraria embasados nela que os argumentos são reais.

    Apesar que para a minha pessoa, ver alguém agir covardemente como ele, é gratificante, demonstrando que meus argumentos possuem capacidade para refutar e calar as mentiras que alguns vocês proferem.

    :-)

  219. Podemos observar e sentir os efeitos causados por inteligências fora da matéria agindo nas nossas vidas

    Até hoje, só o que vi foram conclusões precipitadas e tendenciosas de eventos obscuros e não totalmente explicados.

    quanto a querer racionaliza-las, elas possuem razão próprias o que dificulta muito a ciência da essência dos seres encarnados e dos desencarnados.

    Então, trata-se de uma conclusão irracional do ponto de vista humano.

    Procuro ser imparcial não duvidar nem acreditar em tudo

    Se não duvida nem acredita, sua participação em qualquer discussão será tão irrelevante quanto a do agnóstico. Só terá uma opinião formada se testar possibilidades.

    Volto a perguntar. Qual é o propósito de se considerar possibilidades que não podem ser testadas?

    A escrita kenji em japonês é boa

    Eu só vi a opinião dos professores. A opinião deles é tendenciosa e já expliquei o motivo.
    Além disso, o nível de fluência dele é irrelevante pra discussão. O importante é determinar como ele adquiriu este conhecimento.

    como que uma pessoa consegue aprender pronunciar idiomas japonês e alemão estudando livros em casa ?

    Argumento da Ignorância.
    – Como isso aconteceu?
    – Não sei como foi, então só podem ser espíritos desencarnados.
    – Porque não aliens?
    – Porque eu gosto mais de espiritismo.

    Alias é voce que apenas esta cogitando esta outra possibilidade mais cética.

    Estou apenas levantando possibilidades que possam ter um explicação natural.
    A certeza só viria após um estudo aprofundado dos dados aos quais não tenho acesso no momento.

    A reportagem diz que ele sonhou por 15 anos.

    Que seja.

    Será que ele não aprendeu nada nos últimos 10 ou 15 anos, quando a internet já era uma ferramenta amplamente difundida?

    Ele sonhou por 15 anos, aprendeu tudo sobre os idiomas e aí parou? Nunca mais exercitou ou desenvolveu seu conhecimento?

    Não temos como voltar no tempo e testar a fluência dele a 15 anos atrás, temos?

    Em uma cidade em que as pessoas quase não conseguem falar o portugues corretamente

    Isso não é impedimento.
    Ele mostrou que vários livros em outros idiomas. Além disso, dá pra perceber que não são livros novos e sim livros já bem velhos e surrados. Ou seja, ele pode tê-los a um bom tempo.

    Ainda hoje nas principais capitais do pais o acesso a internet continua sendo muito limitado, imagine a uns 40 anos atras em uma cidadezinha do interior de MG, por uma criança pobre, alias a própria informática não chegava nesta época nem aos pés de um MSX da gradiente, uma CPU 8080 da prológica, sem multimídia então estudar pronuncias de idiomas em computadores se torna impossível.

    Exatamente por isso eu levantei a possibilidade de ele ter desenvolvido bem seu aprendizado nos últimos 15 anos, quando a inclusão digital foi bem difundida.
    Hoje em dia, qualquer currutela com três casinhas de beira de estrada tem pelo menos uma lan-house.

    Não tem! Eu até ja postei um filme concordando com esta possibilidade

    Então as únicas possibilidades admissíveis são as que não podem ser testadas.
    Qualquer explicação dentro do mundo observável e testável é, por natureza, menos válida que uma explicação extraordinária que apela ao inacessível?

  220. Azetech

    Tu estás tão aquém da capacidade de se desvincular da tua crença medrosa, pelo o qual referes como conhecimento, que não vale a pena considerar que tu venhas a entender nada fora dela.

    Chegastes a tal ponto que desenvolvestes uma outra persona, para contra ela “vencer” discussões.

    Continue falando com sua mão.

  221. ou vai vai ter que ir trabalhar com a Eliana no Bom Dia & CIA!

    “polegares onde estão, aqui estão eles se saudão e se vão…e se vão………”

    desculpa Aze, posso até perder o amigo,mas a piada é imperdível……he..he..he..he

  222. SS

    Chegastes a tal ponto que desenvolvestes uma outra persona, para contra ela “vencer” discussões.

    ironia é acusar o outro de esquizofrenia vaidosa e “achar-ser muito melhor do que Deus” a persona deusa dos ateus.

  223. SSRodrigues

    Chegastes a tal ponto que desenvolvestes uma outra persona, para contra ela “vencer” discussões.

    Conheces aquela frase que diz: “Quem cala consente”?
    Pois bem, não observei da vossa parte, nenhuma refutação as respostas apresentadas, logo deduzo que vocês …….. adivinhe….
    hehehehe

  224. Marcos Kiyoji

    Até hoje, só o que vi foram conclusões precipitadas e tendenciosas de eventos obscuros e não totalmente explicados.

    Semelhantemente as conclusões sobre o Big Bang, abiogênese por geração espontânea e a macro-evolução?

    Volto a perguntar. Qual é o propósito de se considerar possibilidades que não podem ser testadas?

    Oras porque a pergunta? Deverias saber a sensação, visto que a Big Bang, abiogênese e a macro-evolução, não são testadas e mesmo assim tu as considera religiosamente como se fosse um fato.

    Então as únicas possibilidades admissíveis são as que não podem ser testadas.

    Porque o espanto para o Criaturo? Deverias estar acostumado visto que para um naturalista, as únicas possibilidades admissíveis são as que não podem ser testadas.
    Nem o Big Bang, a macro-evolução e muito menos a abiogênese por geração espontânea foram testadas (muito menos observadas), porém elas são essenciais para este modelo de crença.

  225. Marcos

    Qual o sentido de um ateu querer se apegar a vida afirmando que irá perde-la breve e definitivamente?

    O sentido é exatamente este. Por ser breve e por esperar perdê-la definitivamente.

    Quando não existe remédio, remediado esta.

    Digamos que você seja um astronauta designado para fazer uma viagem a Netuno. Você será colocado em estado de hibernação para passar pela viagem que pode durar várias décadas. Você pode nunca mais retornar à Terra ou mesmo se voltar, seus entes queridos como esposa e filhos já estarão todos mortos.
    Seus comandantes lhe dão a oportunidade de passar um último fim de semana com sua família para se despedir deles.
    Considerando que você provavelmente nunca mais voltará a vê-los, este período de tempo com eles não seria precioso pra você?

    Se voce morresse de repente sabendo que antes da sua partida definitiva lhe será concedido alguns minutos na terra, qual seria seu ultimo desejo ?
    É comum pessoas morrerem e irem se despedir avisando aos seu entes queridos que estão partindo e principalmente que a vida continua, conheço vários casos reais.
    Penso diferente sem o amanhã o hoje torna-se irrelevante e o ontem inexistente, ou seja isto não faz sentido algum.
    Sem futuro não pode haver um passado.
    A razão humana age a espera por reações futuras, sem elas as ações presentes tornam-se sem sentidos, ou seja apenas mecânicas.

    Sob meu ponto de vista, imaginar que a vida é eterna e que você nunca a perderá a deixa meio sem importância.

    De fato ,esta ideia esta sendo discutida no topico do Greg, concordo com voce que a ciência da da vida eterna poderia banalizar a morte, ou seja algumas pessoas passariam a ver na morte uma porta de fuga para as eternas frustrações da vida.
    Ao passo que a ignorância do futuro nos faz apegar a vida com unhas e dentes.
    O sentido da vida consiste em agir e poder sentir reações causadas por nossas ações e desejar anular-se é desejar voltar a ser totalmente irracional.

  226. Criaturo,

    Se voce morresse de repente sabendo que antes da sua partida definitiva lhe será concedido alguns minutos na terra, qual seria seu ultimo desejo ?

    Passar estes últimos minutos com a minha família e, se possível, me divertindo.

    É comum pessoas morrerem e irem se despedir avisando aos seu entes queridos que estão partindo e principalmente que a vida continua, conheço vários casos reais.

    É comum dizer que a vida continua num momento destes como forma de amenizar a dor da partida. Só não é comum “saber” que a vida continua.

    Penso diferente sem o amanhã o hoje torna-se irrelevante e o ontem inexistente, ou seja isto não faz sentido algum.

    É uma opinião que não faz o menor sentido para mim mas o que se há de fazer?

    Eu acho que R$1,00 é bem mais importante para quem só tem R$5,00 do que para quem tem R$ 1.000.000.000,00.
    E é menos importante ainda para quem tem dinheiro infinito.

    Sem futuro não pode haver um passado.

    Não vejo sentido sequer filosófico nesta frase.

    A razão humana age a espera por reações futuras, sem elas as ações presentes tornam-se sem sentidos, ou seja apenas mecânicas.

    A razão humana espera usufruir do resultado de suas ações, ou seja, ela abrange um futuro alcançável. De outro modo, não deveríamos nos preocupar com segurança, saúde, estabilidade financeira, transporte, educação.

    Se é a vida extracorpórea que importa mais, então deveríamos nos limitar a fazer o bem não nos incomodando em prolongar a vida atual ou evitar sofrimento. Se morrêssemos de dengue aos 17 anos, tanto melhor, fazemos a passagem mais cedo para nos dedicarmos ao que realmente importa.
    Se a vida além da morte é que importa, então não deveríamos lamentar quando algum jovem promissor morre baleado por causa de um par de tênis. Deveríamos sim agradecer ao latrocida, pois ele aproximou o indivíduo da vida que realmente importa.

    É exatamente aí que eu entendo o texto do Greg que demonstra que na maioria das religiões estabelece-se sim um culto à morte.

    O sentido da vida consiste em agir e poder sentir reações causadas por nossas ações e desejar anular-se é desejar voltar a ser totalmente irracional.

    Não tenho notícia de ninguém desejando anular-se.

  227. Marcos

    Sem futuro não pode haver um passado.

    Não vejo sentido sequer filosófico nesta frase.

    Existe

    Existencia relativa a consciência do ser individual:
    o futuro do ontem é hoje.
    Quando não houver mais o presente o passado deixará de existir.

  228. Marcos

    Procuro ser imparcial não duvidar nem acreditar em tudo

    Se não duvida nem acredita, sua participação em qualquer discussão será tão irrelevante quanto a do agnóstico. Só terá uma opinião formada se testar possibilidades.

    só posso Ter fé no que já senti ou percebi.

    Volto a perguntar. Qual é o propósito de se considerar possibilidades que não podem ser testadas?

    se já determinou o limite da possibilidade, o teste torna-se desnecessário e até irracional.

    A escrita kenji em japonês é boa

    Eu só vi a opinião dos professores. A opinião deles é tendenciosa e já expliquei o motivo.

    a tendência deles foi criada pela sua tendência cetica.

    como que uma pessoa consegue aprender pronunciar idiomas japonês e alemão estudando livros em casa ?

    Argumento da Ignorância.
    – Como isso aconteceu?
    – Não sei como foi, então só podem ser espíritos desencarnados.
    – Porque não aliens?
    – Porque eu gosto mais de espiritismo.

    Eu admito todas possibilidades até a do aprendizado convencional que seria uma fraude sensacionalista , porem seu ceticismo é tendencioso sempre limita-se a essa única possibilidade.

    Qualquer explicação dentro do mundo observável e testável é, por natureza, menos válida que uma explicação extraordinária que apela ao inacessível?

    Digo que devem ser considerada todas as possibilidades é você que limita-se sempre aos conhecimentos apenas da sua razão.
    Voce se considera racionalmente limitado ?

  229. Marcos
    Se voce morresse de repente sabendo que antes da sua partida definitiva lhe será concedido alguns minutos na terra, qual seria seu ultimo desejo ?

    Passar estes últimos minutos com a minha família e, se possível, me divertindo.

    Então faça isso antes de morrer!

    É comum pessoas morrerem e irem se despedir avisando aos seu entes queridos que estão partindo e principalmente que a vida continua, conheço vários casos reais.

    É comum dizer que a vida continua num momento destes como forma de amenizar a dor da partida. Só não é comum “saber” que a vida continua.

    conheço varios relatos de pessoas próximas e comprovados após chegada da noticia do falecimento.

    Eu acho que R$1,00 é bem mais importante para quem só tem R$5,00 do que para quem tem R$ 1.000.000.000,00.

    se não houver um amanhã o presente torna-se irrelevante, ricos e pobres, justos e injustos todos serão contemplados com a mesma inexistência esta sua visão da vida é justa ou injusta ?

    A razão humana age a espera por reações futuras, sem elas as ações presentes tornam-se sem sentidos, ou seja apenas mecânicas.

    A razão humana espera usufruir do resultado de suas ações, ou seja, ela abrange um futuro alcançável. De outro modo, não deveríamos nos preocupar com segurança, saúde, estabilidade financeira, transporte, educação.

    esse seu futuro “alcançável” não passa de uma fé baseada no ontem desejando prever um futuro incerto com na esperança da continuação da vida.
    Isto torna o seu ateísmo contraditório.

    Se é a vida extracorpórea que importa mais, então deveríamos nos limitar a fazer o bem não nos incomodando em prolongar a vida atual ou evitar sofrimento. Se morrêssemos de dengue aos 17 anos, tanto melhor, fazemos a passagem mais cedo para nos dedicarmos ao que realmente importa.
    Se a vida além da morte é que importa, então não deveríamos lamentar quando algum jovem promissor morre baleado por causa de um par de tênis. Deveríamos sim agradecer ao latrocida, pois ele aproximou o indivíduo da vida que realmente importa.
    É exatamente aí que eu entendo o texto do Greg que demonstra que na maioria das religiões estabelece-se sim um culto à morte.

    “todos desejam ir para o céu, mas morrer ninguém quer.”
    Ateus possuem fé que a morte eterna os livrará das suas frustrações, crentes igualmente, porem estes últimos ainda não desapegaram do prazer proporcionado pela vida.
    Crentes e descrentes elegeram a morte como uma porta de fuga para suas frustrações humanas, mas “se herrar é umano” por que desejam parar de errar ?
    Queremos ser Deus ?
    Penso que a morte seja apenas a continuação desta vida de outra forma, ou em outra fôrma.
    Lagrimas e sorrisos formam a essência do ser humano e deixar de ser humano é contrario as leis divinas.

    O sentido da vida consiste em agir e poder sentir reações causadas por nossas ações e desejar anular-se é desejar voltar a ser totalmente irracional.

    Não tenho notícia de ninguém desejando anular-se.

    infelizmente existem suicidas equivocados quanto a esse propósito e atues possuem fé que isso seja possível e provável.

  230. Gregs

    É proclamado em quase todas as religiões do mundo que a verdadeira vida está lá.

    isto serve como um estimulo a pessoa continuar vivendo e progredindo, somos adestrados por promessas de recompensas.
    Melhor esse otimismo crente do que o pessimismo da morte eterna pregada por ateus, falando nisto quando é que voce voltará a ser espirita?

    Lááááá… em outro lugar. Um lugar bem distante do qual não se pode mais voltar. E esse lugar deve ser mesmo muito bom, afinal, não houve registro, até hoje, de alguém que voltou.

    a sim milhares de casos de pessoas ao morrerem terem indo se despedir em espíritos dos seus entes queridos, minha mãe sentiu a presença do meu tio na sala, antes do telefone tocar avisando que ele havia morrido.
    O filme abaixo relata bem este fenômeno que e bem comum:

    “todos desejam ir para o céu, mas morrer ninguém quer.”
    Ateus possuem fé que a morte eterna os livrará das suas frustrações, crentes igualmente, porem estes últimos ainda não desapegaram do prazer proporcionado pela vida.
    Crentes e descrentes elegeram a morte como uma porta de fuga para suas frustrações humanas, mas “se herrar é umano” por que desejam parar de errar ?
    Queremos ser Deus ?
    Penso que a morte seja apenas a continuação desta vida de outra forma, ou em outra fôrma.
    Lagrimas e sorrisos formam a essência do ser humano e deixar de ser humano é contrario as leis divinas.

    A pessoa de fé vai argumentar que Deus criou um belo e magnífico meio para que a vida surja e se expresse em suas mais variadas formas. Tudo perfeito, tudo organizado, tudo testado e aprovado. Será mesmo??

    pera ai! O ideal de perfeito humanos, seria 100% prazer que ao meu ver um grande equivoco, bem apontado no filme Matrix.
    A vida é composta de prazer e sofrimento malgrado o desejo humano, é assim que ela se auto sustenta desde os primórdios.

    O mágico sistema funciona mais ou menos assim: todo ser vivente tem como necessidade básica se alimentar de algo, pois precisa de energia para continuar a existir. E de onde vem essa fonte de energia? Basicamente de outro ser vivo ou de algo que algum concorrente na saga da vida precise para viver também. Na grande maioria das vezes, mais de um ser vivente disputa a mesma fonte de energia, e é aí que a grande obra do criador não parece tão… como posso dizer… grandiosa.

    essa crueldade divina não diminui em nada sua grandiosidade, apenas contraria nossa visão de justiça e principalmente a de ateus adeptos a crença da morte eterna.
    A consciência é formada através de ações e reações criando sentimentos e principalmente a vontade do ser “eu”, para isso é necessário haver uma interação “ativa” entra matéria e consciência , ou seja eu sinto que o mundo pulsa! E Transformação é sinônimo de vida evoluindo.

    Uns mais iluminados da espécie vão dizer: “Eu não mato para comer, ou melhor, eu não como outros animais, sou vegano!”. Ah… tá bom, não mata. Não mata certos tipos de seres viventes, mas quantas vidas são ceifadas nas colheitas e lavouras agrícolas? Cerca de 1.000.000 de seres por metro quadrado são aniquilados pelos pesticidas e vários produtos contra “pragas”, para manter a vida desses iluminados. Pragas – depende de que lado você está, da caça ou do caçador. Lagartas que um dia viriam a ser borboletas, joaninhas, abelhas, grilos, formigas etc., etc., etc., quase que incontáveis. Esses só os que podem ser vistos a olho nu; fora os microscópicos, mas esses últimos não devem ser nem seres, né? São muito pequenos, simples e primitivos. Eles fazem parte de um plano maior, a morte deles mantém os evoluídos vivos.

    trechos de uma discussão com o azetech no meu blog: http://religiaodeuslivre.wordpress.com/2013/10/25/nao-existe-um-criador/#comment-600

    Ja mandei um monte de espermas para o ralo, sem dó nem piedade, tudo pelo prazer !

    Então és hipócrita e falso moralista, visto que uma célula, apesar de possuir baixo “nivel de complexidades dos seus sistemas nervosos” TAMBÉM é um ser VIVO.
    isso contradiz o teu suposto lema: ““viva e deixe viver” nem a nossa vida nos pertence quanto mais a dos outros seres.”
    Puro orgulho!

    Va reclamar com Deus, ta esquecendo dos sonhos!
    Mas de fato quanto maior a consciência do ser, maior será o peso do crime, eu respondo apenas pelo meus crimes intencionais voluntários, quantos aos involuntários onde deus usa cruelmente o sacrifico da vida de uns para manter a vida de outros, ele que responda pela suas criações, por exemplo o sistema imunológico mata seres invasores, para manter a nossa vida.
    Mas se eu piso inconscientemente em cima de uma formiguinha, devo ser punido pela minha ignorância nata concedida por Deus ?

    Mas se tu achas a tua vida tão importante quanto ao de uma ameba……. seja feliz.

    De fato acho, pois isso faz parte da justiça divina.
    O homem esta inserido em um sistema interativo, pelo qual deve viver em harmonia, o fato de Ter alcançado a evolução primiro não lhe da o direito de ser um tirano ,juiz e carrasco das vidas que não lhes pertence, se acham deuses porem não possuem nenhum poder sobre criar vidas.

    Mas isso não o isenta de ser o topo da criação neste universo.

    sim um micro universo ao qual ele age e sofre reações
    A vida microscópica existente dentro do homem ignora que interage com um ser ainda mais complexo, talvez isso também aconteça com o homem em relação a Deus.

    Então tu és um genocida quando manda os espermatozoides para o ralo.

    não! Sou apenas mais um naturalista libertando os seres cativos do meu “saco cheio”.

    O lugar mais estéril que podemos encontrar com certeza é de uma plantação cultivada por uma indústria de alimentos ou qualquer corporação agrícola. Será que o criador nunca pensou num jeito de todos ficarem vivos? Ou pelo menos não sofrerem quando o fatídico momento chegar? Só podemos concluir que não, porque até hoje o sistema não mudou um milímetro sequer.

    pesticidas não pode ser bom para ninguem eles também matam os homem lentamente, assim como todos os antibióticos eles são contra a vida.

    Até o Deus-Jesus morreu para nos dar a “vida”. Fica claro que esse foi o melhor sistema criado por Deus, tanto é que ele morreu para mantê-lo. Meus olhos se enchem d’água quando penso que meu criador saiu de seu mundo mágico e perfeito para vir e salvar sua criatura preferida deste mundo mal e cruel que coincidentemente também foi feito por ele.
    Vai entender.

    Os meus tambem, de tanto rir:

    o deus de Moises faz suas lei incoerentes ensinando nos matarmos em seu nome, ao fazermos a vontade dele, tipo apedrejando pessoas, seremos condenados e punidos com a morte eterna, então ele vem finge-se de homem e diz “ filhinhos burrinhose teimosos” que eu mesmo criei, vocês aprenderam direitinho o que eu ensinei através de Moises a roubar e matar sem piedade , mas como isto não pegou muito bem para minha imagem de santo, agora eu me disfarcei de homem, e ME PUNIREI NO LUGAR DE VOCES, que ao afinal das contas, não possuem culpa nenhuma em seguir as minhas ordens, então irei para cruz.
    Mas depois de dois dias: “há…..há…há…..enganei todos vocês ! Porque sou Deus e não morro nunca, continuo aqui em carne e ossos…..,mas agora não me segurem , não! Que estou indo para o céu, Deus me livre de continuar aqui neste inferno ,Eita! que bichinhos ruins que eu mesmo criei…cruz credo ! he……he.…he……he……he……he

  231. Marcos Kiyoji

    É comum dizer que a vida continua num momento destes como forma de amenizar a dor da partida.

    Digo que é mais fácil dizer que a vida não continuará num momento destes como forma de se isentar da justiça vindoura.
    Nenhum imoral injusto desejarás prestar conta de seus atos cometidos em vida.

    Só não é comum “saber” que a vida continua.

    Digo que não é comum “saber” que os atos cometidos em vida não serão julgados.

    A razão humana espera usufruir do resultado de suas ações, ou seja, ela abrange um futuro alcançável. De outro modo, não deveríamos nos preocupar com segurança, saúde, estabilidade financeira, transporte, educação.

    Mas estes pontos não limitam a razão humana APENAS a esta vida.
    Além da razão humana esperar usufruir do resultado de suas ações em um futuro alcançável, ela espera que o resultado delas sejam ETERNAS.
    Ninguém busca uma condição de vida melhor simplesmente para ser destruído no final.

    Se é a vida extracorpórea que importa mais, então deveríamos nos limitar a fazer o bem não nos incomodando em prolongar a vida atual ou evitar sofrimento.

    Teu raciocínio foi falho.
    Explanarei o motivo:

    O fato de esperarmos usufruir uma boa condição nesta vida, NÃO SIGNIFICA que a desejaremos APENAS a esta vida.
    Podemos muito bem desejarmos vivermos felizes nesta vida, e também na vida vindoura.
    Um desejo não descarta o outro.

    Se morrêssemos de dengue aos 17 anos, tanto melhor, fazemos a passagem mais cedo para nos dedicarmos ao que realmente importa.

    Outro raciocínio falho.
    Tu imputas o desejo por uma vida vindoura como o que “realmente importa” como se obrigatoriamente esta vida seria inútil.
    Esta falsa dicotomia não existe.
    Há um terceira opção:
    Uma dedicação a esta vida e a vida vindoura.

    Se a vida além da morte é que importa, então não deveríamos lamentar quando algum jovem promissor morre baleado por causa de um par de tênis. Deveríamos sim agradecer ao latrocida, pois ele aproximou o indivíduo da vida que realmente importa.

    Mas se para uma pessoa esta vida importa e a vida vindoura também, este teu raciocínio cai terra abaixo.

    É exatamente aí que eu entendo o texto do Greg que demonstra que na maioria das religiões estabelece-se sim um culto à morte.

    Discordo desta tua concepção.
    A tua falha foi em abordar o senário de que se uma religião anuncia uma vida melhor após esta vida, significa que automaticamente ela anuncia que esta vida é inútil.
    É aí que seu raciocínio falha.
    A maioria das religiões anunciam uma vida melhor na eternidade e também uma vida boa NESTE CURTO TEMPO DE VIDA.
    Caso contrário, a maioria das religiões incentivaria o suicídio.
    Percebes como Greg e tu equivocam-se em vossos raciocínios?

    Por uma ignorância sobre o assunto, vocês imputam características inexistentes sobre o que não conhecem.

    Não tenho notícia de ninguém desejando anular-se.

    TODO ateu que se suicida, deseja anular-se.
    Nunca leste uma notícia pelo qual um ateu retirou sua própria vida?

  232. * Cenário

  233. […] meu querido… Li seu texto. Duas vezes. Ufa… Graças a Deus, você não me decepcionou. É um texto até interessante, […]

  234. Você é o criaturo?
    soy jho
    Você tem um bom histórico de sonhos mirabolantes, hein?
    sonhar é preciso, vivo o presente olhando para o passado tentando prever o futuro
    Também não vejo razão em dizer que um burro pariu um sábio e por isso não disse: “Não se chega a ele (Deus) pela razão mas sim subjetivamente pela sensação.”
    a ironia é que são os sentimentos que iniciam a razão do ser “eu”
    não use como parâmetro a sua razão para querer limitar a dos outros, é pela sua razão que as coisas funcionam? ou é por não haver razão alguma? ou ainda seria por haver uma razão que lhe é desconhecida?
    A não ser que seja um burro sábio (metaforicamente, é claro)
    Já discutimos tanto isso e suas metáforas descabidas não levaram a parte alguma.
    ta azedinho heim ?humildade ,perseverança, filosofias e conjecturas levam a novas possibilidades, enquanto que a arrogância estagna.
    o burro seria o seu deus ateu do acaso,nascido da falta de razão.

  235. Criaturo, on 24/07/2014 at 13:35 said:
    Me refiro à razão humana, ao poder de raciocínio, aos critérios de lógica racional concatenados pela humanidade para validar premissas.
    Eu não registrei patente e não a tomo como sendo “minha” razão.
    e desde quando razão humana é quem limita a existência ?
    a falta de visão torna a luz inexistente?talvez seja a sua razão ou falta dela que te impeçam de chegar até Deus.
    Não há “razão” desconhecida por mim que seja conhecida por você, pois ambos somos humanos (eu acho) e você não dispõe de poderes ou recursos especiais x-men que eu também não tenha.
    Temos a mesma “razão”. A não ser que, como sempre, você redefina a palavra razão com um sentido todo particular.
    não existe nenhuma Razão para sua existência?
    o burro seria o seu deus ateu do acaso,nascido da falta de razão.
    Que burro?
    Que deus ateu?
    Desde quando eu tenho algum deus?
    Suas afirmações são totalmente desconexas.
    Que preguiça disso.
    voce afirma ser a existência criação do deus acaso, eis que sua razão nasceu de um burro acaso.
    mas como pode ser isto? filho de peixe peixinho é! Filho de burro um sábio é ?
    Marcos Kiyoji, on 24/07/2014 at 14:53 said:
    Criaturo,
    e desde quando razão humana é quem limita a existência ?
    Qualquer coisa que esteja além ou aquém da razão humana é totalmente irrelevante para humanos, pois humanos só podem utilizar a razão humana. (Como se eu já não tivesse dito isto antes exaustivamente)
    Você se diverte andando em círculos?
    a falta de visão torna a luz inexistente?
    Segundo você, sim!
    Foi você quem sempre defendeu isto.
    Você sempre disse que se um cego não pode perceber a luz, então ela não existe.
    É você quem diz que a realidade existente depende da percepção. Me lembro muito bem disso nas nossas conversas.
    O que houve? O deus criatólico se metamorfoseou de novo?
    talvez seja a sua razão ou falta dela que te impeçam de chegar até Deus.
    De novo.
    Só tenho uma razão, a humana. E é a mesma que você também tem (ou será que não tem?).
    não existe nenhuma Razão para sua existência?
    Como você usou “Razão” iniciado com maiúscula, imagino que se refira à sua definição particular de razão.
    Não posso responder sem que você me explique o que você quer dizer com “Razão”.
    voce afirma ser a existência criação do deus acaso
    Como eu posso ter afirmado isso? Se eu não acredito em divindades, como posso afirmar que o “acaso” é um deus?
    Por favor, não me atribua afirmações que eu não fiz.
    eis que sua razão nasceu de um burro acaso.
    mas como pode ser isto? filho de peixe peixinho é! Filho de burro um sábio é ?
    Você aplica o sentido metafórico para as palavras “burro”, “pariu” e “sábio” e no entanto quer implicar um entendimento literal da sentença.
    Um burro pode parir um sábio?
    Em sentido metafórico e dependendo da intenção dos termos, sim pode.
    Um burro pode parir um sábio?
    Em sentido literal, não.
    Criaturo, on 24/07/2014 at 15:58 said:
    Qualquer coisa que esteja além ou aquém da razão humana é totalmente irrelevante para humanos, pois humanos só podem utilizar a razão humana. (Como se eu já não tivesse dito isto antes exaustivamente)
    antes da razão humana conhecer a eletricidade ela ja agia no ser humano
    Você se diverte andando em círculos?
    a vida é assim,mas e voce pensa estar indo para onde ?
    É você quem diz que a realidade existente depende da percepção. Me lembro muito bem disso nas nossas conversas.
    sim é relativa ao nível de consciência
    De novo.
    Só tenho uma razão, a humana. E é a mesma que você também tem (ou será que não tem?).
    se compartilhássemos a mesma razão , não estaríamos discutindo
    Não posso responder sem que você me explique o que você quer dizer com “Razão”.
    Razão é o que da logica sentido a existência
    Como eu posso ter afirmado isso? Se eu não acredito em divindades, como posso afirmar que o “acaso” é um deus?
    Por favor, não me atribua afirmações que eu não fiz.
    se foi por um acaso que surgiu a vida inteligente, então pode chamar o acaso de criador.
    Um burro pode parir um sábio?
    Em sentido metafórico e dependendo da intenção dos termos, sim pode.
    neste caso voce foi criado por um acaso
    Marcos Kiyoji, on 24/07/2014 at 16:35 said:
    Criaturo,
    antes da razão humana conhecer a eletricidade ela ja agia no ser humano
    A eletricidade não está nem nunca esteve aquém ou além da razão humana.
    Ela foi detectada, estudada, postulada, verificada, testada e enfim conhecida e amplamente utilizada.
    A razão humana é aplicável no estudo da eletricidade.
    É possível fazer tais verificações com o deus criatólico?
    a vida é assim,mas e voce pensa estar indo para onde ?
    Se dependesse de você, a parte alguma.
    sim é relativa ao nível de consciência
    Então você confirma que a falta da visão torna a luz inexistente?
    se compartilhássemos a mesma razão , não estaríamos discutindo
    Não só estaríamos como estamos discutindo. Cada um com sua forma de utilizar sua racionalidade (ou não).
    Ter a mesma razão não significa concordar, mas ter as mesmas ferramentas mentais para processar informações e chegar a conclusões.
    Razão é o que da logica sentido a existência
    Você diz razão no sentido de propósito? Objetivo?
    Qual o motivo da maiúscula? Tive a impressão que você quis dar um ar divino ao termo “razão”.
    Tal como faz com “Ser”, “Consciência”, “Eu”.
    Se for uma pegadinha me avise logo que eu me canso com suas metáforas e abstrações.
    se foi por um acaso que surgiu a vida inteligente, então pode chamar o acaso de criador.
    Seja objetivo e coerente ou então fica parecendo que estou falando com um doido.
    Você disse “deus acaso” e não “criador acaso”.
    Há uma sutil diferença entre os termos e percebi que você os trocou para servir à sua conveniência.
    Além disso, eu também não disse que o acaso “criou” nada. Até mesmo porque você também redefine o conceito do termo “criar”. Seu texto sobre o deus criatólico é todo sobre inversão de conceitos semânticos.
    O acaso não criou diretamente a vida inteligente, mas tão somente ofereceu condições para que ela se desenvolvesse.
    Não é como se houvesse algum tipo de objetivo ou intenção no processo.
    Mas acho que este assunto de acaso já deu o que tinha que dar. Não tenho pretensões de fazer você entender e nem paciência para lidar com abstrações em assuntos objetivos.

  236. Criaturo, on 25/07/2014 at 10:10 said:
    Marcos
    A razão humana é aplicável no estudo da eletricidade.
    É possível fazer tais verificações com o deus criatólico?
    seres vivos vivem dentro dos outros, embora não possuam essa consciência.
    a eletricidade existe desde o principio, porem a consciência dela é bem mais recente.
    para alguns a consciência do deus criatólico apostólico romano poderá demorar bem mais.
    a vida é assim,mas e voce pensa estar indo para onde ?
    Se dependesse de você, a parte alguma.
    é voce que acredita ser um peixe no aquário a espera do fim
    Então você confirma que a falta da visão torna a luz inexistente?
    Claro! isso acontece com voce em relação a Deus, como humanos podem conceber a vida sem oxigênio ?
    A consciência da existência é relativa ao ser.
    se compartilhássemos a mesma razão , não estaríamos discutindo
    Não só estaríamos como estamos discutindo. Cada um com sua forma de utilizar sua racionalidade (ou não).
    Ter a mesma razão não significa concordar, mas ter as mesmas ferramentas mentais para processar informações e chegar a conclusões.
    razão, raciocínio ou lógica podem ser iguais ou não, quando ha discussão só pode esta sendo por razões diferentes.
    possuímos ferramentas apenas semelhantes, por isso somos todos diferentes.
    Razão é o que da logica sentido a existência
    Você diz razão no sentido de propósito? Objetivo?
    Qual o motivo da maiúscula? Tive a impressão que você quis dar um ar divino ao termo “razão”.
    sim , inteligencia visando um proposito,neste sentido a existência vindo de um acaso , não possui nenhuma razão de ser.
    a partir do desejo o acaso desaparece para iniciar a razão do ser
    O acaso não criou diretamente a vida inteligente, mas tão somente ofereceu condições para que ela se desenvolvesse.
    Não é como se houvesse algum tipo de objetivo ou intenção no processo.
    voce é vidente ?
    Mas acho que este assunto de acaso já deu o que tinha que dar. Não tenho pretensões de fazer você entender e nem paciência para lidar com abstrações em assuntos objetivos.
    mimimi, sua objetividade até agora te guia até a :”irracionalidade criando a racionalidade” como ja disse faz voce acreditar em “um burro parindo um sabios”

  237. Marcos Kiyoji, on 28/07/2014 at 14:15 said:
    Criaturo,
    acha lógico afirmar que a razão vem da falta de razão ?
    Agora defina o termo “razão”, porque eu não disse isso aí.
    Pelas definições que você forneceu eu apenas disse que não vejo motivo algum para concluir que a existência humana tenha alguma intenção predeterminada por algum tipo de inteligência anterior.
    a proporcional simetria do corpo e a harmonia espacial deve-se a falta de razão ?
    Agora detalhe o seu entendimento de “proporcional simetria do corpo”. Simetria por si só não é indicativo de perfeição.
    Da mesma forma, qual o sentido desta “harmonia espacial” à qual você se refere? Fala simplesmente das constantes cosmológicas?
    acredita que só exista vida inteligente dentro desta poeirinha cósmica ?
    Agora defina o que quer dizer com “poeirinha cósmica”. Se refere ao planeta Terra?
    Marcos Kiyoji, on 28/07/2014 at 14:21 said:
    Criaturo,
    Quanto à idéia central de sua arguição, esclareço que não acho que a “falta de razão” possam originar coisa alguma.
    Trata-se apenas de uma das característica do processo assim como tantas outras. O fato desta característica estar presente não significa que foi ela que “deu causa” ao produto final.
    Vou dar um exemplo para não deixar mais dúvidas.
    O processo de hidratação do cimento com o consequente endurecimento se dá por uma reação “exotérmica”, ou seja, ela libera calor.
    Isto é apenas uma característica do processo. Não significa que foi o calor que “originou” o endurecimento do cimento.
    Se mesmo assim você não entendeu, tomara pelo menos que esta explicação sirva para quem quer que esteja lendo isto também.

  238. religiaodeuslivre, on 28/07/2014 at 15:17 said:
    Marcos
    acha lógico afirmar que a razão vem da falta de razão ?
    Agora defina o termo “razão”, porque eu não disse isso aí.
    Pelas definições que você forneceu eu apenas disse que não vejo motivo algum para concluir que a existência humana tenha alguma intenção predeterminada por algum tipo de inteligência anterior.
    sim isso mesmo voce afirma: que a sua razão nasceu da ausência de uma razão inteligente e intencional.
    então é por um acaso que voce possui alguma razão ?
    Simetria por si só não é indicativo de perfeição.
    perfeição é apenas mais um dos conceito humanos, por tanto relativa.
    penso que possuo uma perna pouca coisa mais comprida que a outra, fato que me faz pisar torto,mas deixar de reconhecer a engenharia genética que foi planejada para que elas se formassem diante de tal semelhança dando mais credito ao acaso, é querer ignorar a razão da vida, ou então simplifica-la de forma espiritual infantil.
    veja bem, a vida pode rodar no piloto automático mecanicamente, ou em modo manual podemos programa-la, para que saia do padrão segundo nossos desejos.
    algumas deficiências físicas possuem causas apenas mecânicas, outras são intencionais pelos operadores da matéria, quanto maior o conhecimento, mais somos deuses.
    Da mesma forma, qual o sentido desta “harmonia espacial” à qual você se refere? Fala simplesmente das constantes cosmológicas?
    cada partícula não foi parar no seu “quadrado” por acaso
    Agora defina o que quer dizer com “poeirinha cósmica”. Se refere ao planeta Terra?
    sim

  239. Marcos Kiyoji, on 28/07/2014 at 16:07 said:
    Criaturo,
    sim isso mesmo voce afirma: que a sua razão nasceu da ausência de uma razão inteligente e intencional.
    Errado. Eu não disse isso. Leia o meu comentário sobre a característica exotérmica do endurecimento do cimento.
    Ao tentar forçar um entendimento que, definitivamente, não é o meu, você está apenas tentando criar um espantalho. Não funciona.
    então é por um acaso que voce possui alguma razão ?
    Você não definiu “razão”. Se refere à capacidade de raciocínio caracteristicamente (mas não exclusivamente) desenvolvida no ser humano?
    deixar de reconhecer a engenharia genética que foi planejada para que elas se formassem diante de tal semelhança dando mais credito ao acaso, é querer ignorar a razão da vida
    Não há indícios de planejamento na genética humana ou em qualquer outra forma de vida conhecida.
    Leia novamente a minha explicação sobre o cimento. Não acho que o acaso tenha crédito pela genética humana. Está tentando criar um espantalho.
    cada partícula não foi parar no seu “quadrado” por acaso
    Não respondeu.
    Que partícula? Se refere à matéria?
    Que quadrado? Se refere simplesmente à posição das coisas no espaço?
    Assumindo que a poeirinha cósmica é a Terra, então, não tenho evidências de que exista vida inteligente fora dela.
    Contudo, considerando o conhecimento humano sobre o processo evolutivo e considerando também as dimensões cósmicas do universo, me parece plausível que um processo semelhante possa ter ocorrido em alguma outra parte do universo à qual ainda não tivemos acesso e que tenha resultado em formas de vida com capacidade de raciocínio semelhante à nossa.

  240. Marcos
    Criaturo, on 28/07/2014 at 10:26 said:
    origem: existência humana
    irracional: desprovida de uma razão inteligente ,causa não intencional
    acredita que a sua origem é irracional ?
    Marcos Kiyoji, on 28/07/2014 at 10:48 said:
    Criaturo,
    Sim. Não vejo motivos para pensar de outra forma.
    Já respondi tantas vezes que nem sei porque pergunta novamente.
    sim isso mesmo voce afirma: que a sua razão nasceu da ausência de uma razão inteligente e intencional.
    Errado. Eu não disse isso.
    Ao tentar forçar um entendimento que, definitivamente, não é o meu, você está apenas tentando criar um espantalho. Não funciona.
    estamos tendo problemas na comunicação
    Leia o meu comentário sobre a característica exotérmica do endurecimento do cimento.
    a questão é simples voce considera que a origem da razão humana, foi um processo , sem causa intencional, desprovida de razão inteligente, é isso que define o ateísmo.
    então é por um acaso que voce possui alguma razão ?
    Você não definiu “razão”. Se refere à capacidade de raciocínio caracteristicamente (mas não exclusivamente) desenvolvida no ser humano?
    Sim , sua capacidade inteligente de raciocinar teve origem na inexistência de alguma razão inteligente externa ?
    deixar de reconhecer a engenharia genética que foi planejada para que elas se formassem diante de tal semelhança dando mais credito ao acaso, é querer ignorar a razão da vida
    Não há indícios de planejamento na genética humana ou em qualquer outra forma de vida conhecida.
    então não consegue enxergar razão inteligente na formação da genética humana?
    cada partícula não foi parar no seu “quadrado” por acaso
    Que partícula? Se refere à matéria?
    sim
    Que quadrado? Se refere simplesmente à posição das coisas no espaço?
    Sim , macrósmo e micrósmo
    Assumindo que a poeirinha cósmica é a Terra, então, não tenho evidências de que exista vida inteligente fora dela.
    astronautas são ETs
    Marcos Kiyoji, on 29/07/2014 at 09:25 said:
    Criaturo,
    voce considera que a origem da razão humana, foi um processo , sem causa intencional, desprovida de razão inteligente
    Agora sim, você está se aproximando realmente da minha opinião.
    A vida inteligente surgiu “NA” ausência de uma razão intencional. Ela não surgiu “DA” ausência de uma razão intencional.
    Ficou claro o suficiente?
    é isso que define o ateísmo.
    Se isso se encaixa na “SUA” definição. Fique à vontade.
    Eu já apresentei o meu entendimento de ateísmo.
    sua capacidade inteligente de raciocinar teve origem na inexistência de alguma razão inteligente externa ?
    Sim. As evidências analisadas pela Teoria da Evolução apontam para um processo sem essa “razão inteligente externa”.
    então não consegue enxergar razão inteligente na formação da genética humana?
    Absolutamente não. Muito pelo contrário.
    O ENCODE (Encyclopedia of DNA Elements) é um projeto liderado pelo Instituto do Genoma Humano (EUA). Recentemente (julho/2014), este programa divulgou na revista PLoS Genetics os resultados de um estudo que detectou que apenas 8,2% do DNA humano é funcional. Os outros 91,8% são apenas “lixo genético”.
    Os estudos foram estendidos para outros 12 mamíferos e o percentual de DNA funcional encontrado foi o mesmo.
    Para mim isto é um claro sinal de um longo processo de adaptação que deixa resíduos. É exatamente o que se espera de um processo cego de “tentativa e erro” (metaforicamente falando) que ainda está em movimento e que apresenta mais e mais evidências a cada dia.
    Sim , macrósmo e micrósmo
    Não vejo como a posição geométrica das coisas pode apontar para uma razão inteligente e intencional.
    Mesmo você, que tem poder de raciocínio e planejamento, se jogasse um punhado de farinha no fundo de uma forma de bolo, não poderia dizer que cada partícula de farinha caiu exatamente na posição que você intencionou.
    Perceba que nem mesmo em um caso em que comprovadamente há uma inteligência externa envolvida (você) a simples posição das partículas de farinha não apontam para um planejamento intencional.
    Então, porque seria assim com a matéria e o cosmo?
    astronautas são ETs
    Não vejo nenhuma contribuição neste comentário. Uma frase desconexa que causa preocupação quanto ao seu estado psíquico.
    No restante do meu comentário (que você fez questão de omitir) deixo bem claro que me refiro a vida que se desenvolveu adaptada a outra atmosfera ou ambiente que não à terra. Não me referi a viajantes espaciais.
    Acho que você entendeu perfeitamente meu comentário anterior mas usa palhaçadinhas para tentar desviar o foco.

    Criaturo, on 29/07/2014 at 11:10 said:
    Marcos
    voce considera que a origem da razão humana, foi um processo , sem causa intencional, desprovida de razão inteligente
    Agora sim, você está se aproximando realmente da minha opinião.
    A vida inteligente surgiu “NA” ausência de uma razão intencional. Ela não surgiu “DA” ausência de uma razão intencional.
    Ficou claro o suficiente?
    Sim, claro que não!
    (em terra de doidos , fale como um e eles pensaram que voce é normal).
    a impressão que da que voce é orgulhoso e não quer admitir que a razão manifesta em você , possui uma origem inteligente externa.
    sua capacidade inteligente de raciocinar teve origem na inexistência de alguma razão inteligente externa ?
    Sim. As evidências analisadas pela Teoria da Evolução apontam para um processo sem essa “razão inteligente externa”.
    existem maquinas com capacidade de produzir seres inteligentes e complexos e com personalidades individualizadas?
    então não consegue enxergar razão inteligente na formação da genética humana?
    Absolutamente não. Muito pelo contrário.
    O ENCODE (Encyclopedia of DNA Elements) é um projeto liderado pelo Instituto do Genoma Humano (EUA). Recentemente (julho/2014), este programa divulgou na revista PLoS Genetics os resultados de um estudo que detectou que apenas 8,2% do DNA humano é funcional. Os outros 91,8% são apenas “lixo genético”.
    Os estudos foram estendidos para outros 12 mamíferos e o percentual de DNA funcional encontrado foi o mesmo.
    Para mim isto é um claro sinal de um longo processo de adaptação que deixa resíduos. É exatamente o que se espera de um processo cego de “tentativa e erro” (metaforicamente falando) que ainda está em movimento e que apresenta mais e mais evidências a cada dia.
    bom dentro de um universo fechado, não temos como descartar aquilo que ainda não sabemos utilizar, por enquanto no máximo deixa-lo de lado.
    Não existe processo cego sem planejamentos, raciocínios.
    um quebra cabeças não é um processo cego
    Não vejo como a posição geométrica das coisas pode apontar para uma razão inteligente e intencional.
    Mesmo você, que tem poder de raciocínio e planejamento, se jogasse um punhado de farinha no fundo de uma forma de bolo, não poderia dizer que cada partícula de farinha caiu exatamente na posição que você intencionou.
    o raciocínio é mais eficaz do que o acaso
    Perceba que nem mesmo em um caso em que comprovadamente há uma inteligência externa envolvida (você) a simples posição das partículas de farinha não apontam para um planejamento intencional.
    Então, por que seria assim com a matéria e o cosmo?
    Creio só existirem motores movido pela vontade, embora empurrem em direções aleatórias, sempre ha vontade própria.
    Andre, on 29/07/2014 at 11:34 said:
    Criatura,
    Só faltava um pra você :-)
    Marcos Kiyoji, on 29/07/2014 at 12:06 said:
    Criaturo,
    a impressão que da que voce é orgulhoso e não quer admitir que a razão manifesta em você , possui uma origem inteligente externa.
    Expliquei com extrema clareza o erro na sua afirmação, inclusive destacando com aspas e letras maiúsculas o trecho exato.
    Se você prefere, insistir em construir um espantalho simplesmente porque percebeu que não tem argumento, fique à vontade, mas me parece que quem não quer admitir seu próprio orgulho é você.
    existem maquinas com capacidade de produzir seres inteligentes e complexos e com personalidades individualizadas?
    Não tenho notícias disso.
    Qual o propósito da pergunta?
    Não existe processo cego sem planejamentos, raciocínios.
    Estude o básico sobre evolução e perceberá o contrário. Isso se seu orgulho permitir.
    um quebra cabeças não é um processo cego
    Outra metáfora descabida.
    Um dos equívocos mais recorrentes em pessoas que desconhecem o processo evolutivo é a comparação com um quebra-cabeças.
    Os critérios envolvidas são completamente diferentes.
    Mas, como você interpreta a informação de que nosso DNA tem mais de 90% de “lixo genético” não funcional?
    o raciocínio é mais eficaz do que o acaso
    Outra sentença desconexa.
    O que isso tem a ver com o que estávamos falando? Que papo de maluco é esse?
    Estamos falando sobre “como posições geométricas indicam intenção”.
    Creio só existirem motores movido pela vontade, embora empurrem em direções aleatórias, sempre ha vontade própria.
    Creia no que quiser. Você já é grandinho.
    Mas não adianta afirmar que sua crença se baseia na evidência oferecida pela posição das partículas, pois não há evidência aí.
    Se houver, demonstre ao invés de enrolar e falar em enigmas. Não estamos na Caverna do Dragão.
    Em tempo, ao dizer […] empurrem em direções aleatórias […] você não está mencionando justamente o “acaso”? Mas você também não disse que as partículas não podem estar no seu “quadrado” por acaso?
    Por favor, me esclareça esta contradição.

    Criaturo, on 29/07/2014 at 14:14 said:
    Marcos
    existem maquinas com capacidade de produzir seres inteligentes e complexos e com personalidades individualizadas?
    Não tenho notícias disso.
    Qual o propósito da pergunta?
    por comparação quem criou os seres ?
    Não existe processo cego sem planejamentos, raciocínios.
    Estude o básico sobre evolução e perceberá o contrário. Isso se seu orgulho permitir.
    não ha preconceitos da minha parte, vou estudar “o gênio egoísta” do ateu Richard Dawkins
    um quebra cabeças não é um processo cego
    Outra metáfora descabida.
    Um dos equívocos mais recorrentes em pessoas que desconhecem o processo evolutivo é a comparação com um quebra-cabeças.
    Os critérios envolvidas são completamente diferentes.
    Mas, como você interpreta a informação de que nosso DNA tem mais de 90% de “lixo genético” não funcional?
    ja disse dentro do todo não existe inutilidades apenas falta de conhecimento sobre.
    talvez alguma parte antes usada agora não mais.
    o raciocínio é mais eficaz do que o acaso
    Outra sentença desconexa.
    O que isso tem a ver com o que estávamos falando? Que papo de maluco é esse?
    voce quem diz que a criação é um processo burro gerando inteligencias complexas
    Estamos falando sobre “como posições geométricas indicam intenção”.
    ordem implica inteligencia e vontade, o acaso desordem e falta de vontade…..ha..ha..ha.ha
    Creio só existirem motores movido pela vontade, embora empurrem em direções aleatórias, sempre ha vontade própria.
    Creia no que quiser. Você já é grandinho.
    Mas não adianta afirmar que sua crença se baseia na evidência oferecida pela posição das partículas, pois não há evidência aí.
    Se houver, demonstre ao invés de enrolar e falar em enigmas. Não estamos na Caverna do Dragão.
    eu vejo inteligencia e proposito na existência, voce um acaso burro, brincando aleatoriamente de tentativa e erros.
    Em tempo, ao dizer […] empurrem em direções aleatórias […] você não está mencionando justamente o “acaso”? Mas você também não disse que as partículas não podem estar no seu “quadrado” por acaso?
    Por favor, me esclareça esta contradição.
    quanto mais simples o ser vivo ,maior sera sua liberdade para agir aleatoriamente, ir a qualquer direção despreocupadamente, sem planejar consequências, no entanto a vontade de se mover é própria.
    O importante é que este tipo de comportamento aleatório não é por acaso.
    o motor da vida é o desejo do ser, sem a intenção não ha vida.
    Marcos Kiyoji, on 29/07/2014 at 15:04 said:
    Criaturo,
    por comparação quem criou os seres ?
    Comparação de quê com o quê?
    Quais seres?
    Além disso, ao perguntar “quem” criou os seres você continua insistindo na idéia de uma criação inteligente, intencional e pessoal mesmo sem ter evidências disso.
    não ha preconceitos da minha parte, vou estudar “o gênio egoísta” do ateu Richard Dawkins
    É por isso que não entende nada sobre o assunto.
    Você estava procurando o título errado. O nome do livro é “O Gene Egoísta”, mas talvez seja mais instrutivo procurar por “O Maior Espetáculo da Terra”.
    ja disse dentro do todo não existe inutilidades apenas falta de conhecimento sobre.
    talvez alguma parte antes usada agora não mais.
    Ignore as evidências à vontade. Alguns acham que a ignorância é uma benção.
    Mas isso não muda os fatos científicos que você não consegue refutar.
    voce quem diz que a criação é um processo burro gerando inteligencias complexas
    Não adianta contar mentiras num blog onde os comentários ficam registrados.
    Peço que me apresente aonde foi que eu alguma vez disse isso.
    Você continua tentando criar um espantalho por não conseguir contrariar o argumento verdadeiro.
    ordem implica inteligencia e vontade, o acaso desordem e falta de vontade
    Estas implicações e interpretações de ordem e desordem são inteiramente suas.
    Eu já te exemplifiquei que mesmo em um processo comprovadamente intencional a posição das coisas não necessariamente aponta esta intenção.
    eu vejo inteligencia e proposito na existência, voce um acaso burro, brincando aleatoriamente de tentativa e erros.
    Continua criando espantalhos.
    Atacar este ponto de vista ridículo exposto por você mesmo não irá adiantar nada, pois não é este o meu posicionamento.
    quanto mais simples o ser vivo ,maior sera sua liberdade para agir aleatoriamente, ir a qualquer direção despreocupadamente, sem planejar consequências, no entanto a vontade de se mover é própria.
    Para seu raciocínio fazer o mínimo de sentido você precisa agora determinar o critério de complexidade adotado por você para classificar os seres vivos.
    Em seguida deve explicar qual a relação deste discurso com o estávamos falando antes.
    Fiz uma pergunta simplíssima e você ficou mais enrolado que briga de cobras, desviou e não respondeu.
    Você falou que as coisas não estão em cada lugar por acaso. Em seguida disse que as coisas são empurradas em direções aleatórias. Uma vez que aleatoriedade exprime idéia de acaso, então são duas sentenças diametralmente opostas e você não conseguiu explicar.
    O importante é que este tipo de comportamento aleatório não é por acaso.
    Obrigado por tornar a contradição mais explícita ainda.
    Comportamento aleatório que não seja por acaso não é aleatório.
    o motor da vida é o desejo do ser, sem a intenção não ha vida.
    O que isso tem a ver com o resto? Seja claro e objetivo.
    Você utiliza de todos os recursos imagináveis para tentar conduzir a conversa para o campo filosófico, pois é o único lugar onde não se pode chamar um louco de louco.

    Criaturo, on 30/07/2014 at 09:13 said:

    existem maquinas com capacidade de produzir seres inteligentes e complexos e com personalidades individualizadas?
    Não tenho notícias disso.
    Qual o propósito da pergunta?
    por comparação quem criou os seres ?
    Não existe processo, cego sem planejamentos, raciocínios.
    por comparação quem criou os seres ?
    Comparação de quê com o quê?
    Se não há maquinas capazes de criar seres inteligentes e complexos, por comparação um sistema apenas mecânico também não poderia, então o mais lógico por comparação é deduzir que a origem da existência é intencional.
    Quais seres?
    Os vivos
    Além disso, ao perguntar “quem” criou os seres você continua insistindo na idéia de uma criação inteligente, intencional e pessoal mesmo sem ter evidências disso.
    Pela lógica podemos deduzir o incerto
    não ha preconceitos da minha parte, vou estudar “o gênio egoísta” do ateu Richard Dawkins
    É por isso que não entende nada sobre o assunto.
    Você estava procurando o título errado. O nome do livro é “O Gene Egoísta”, mas talvez seja mais instrutivo procurar por “O Maior Espetáculo da Terra”.
    Adoro trocadilhos são irônicos…….he.he.he.he
    ja disse dentro do todo não existe inutilidades apenas falta de conhecimento sobre.
    talvez alguma parte antes usada agora não mais.
    Ignore as evidências à vontade. Alguns acham que a ignorância é uma benção.
    Mas isso não muda os fatos científicos que você não consegue refutar.
    Atrofiamento de membros, glândulas, órgãos podem ser causados por mudanças do meio ambiente, que os torna desnecessários, isso faz parte da evolução das espécies.
    E você tem razão a ignorância é uma dádiva dada por Deus é somente Graças a ela que temos liberdade de ação formando no nosso ser “eu”, o não ser Deus.
    Acredite se o mal causado pela ignorância não fosse necessário a vida, não existiria.
    A única forma de Deus ter criado personalidades diferentes sem a impor nelas a sua vontade, foi dividindo parte do seu potencial consciente até tornar-lo ignorante da sua própria origem.
    Nós humanos somos a parte de Deus que tornou-se ignorante, então por que Deus desejaria anular nós a parte humana de si mesmo ?
    voce quem diz que a criação é um processo burro gerando inteligências complexas
    Não adianta contar mentiras num blog onde os comentários ficam registrados.
    Peço que me apresente aonde foi que eu alguma vez disse isso.
    Você continua tentando criar um espantalho por não conseguir contrariar o argumento verdadeiro.
    Criaturo: voce considera que a origem da razão humana, foi um processo , sem causa intencional, desprovida de razão inteligente
    Marcos: Agora sim, você está se aproximando realmente da minha opinião.
    A vida inteligente surgiu “NA” ausência de uma razão intencional.
    ordem implica inteligencia e vontade, o acaso desordem e falta de vontade
    Estas implicações e interpretações de ordem e desordem são inteiramente suas.
    Eu já te exemplifiquei que mesmo em um processo comprovadamente intencional a posição das coisas não necessariamente aponta esta intenção.
    Não questiono a posição e sim a intenção, intencionalmente fazemos um programa para gerar números aleatórios.
    Resultados aleatórios podem ser intencionais.
    Questiono como algo desprovido de inteligência pode gerar um universo de complexidades, uma maquina poderá montar algo complexo ? sim pode, desde que acha nela um programa intencional vindo de algo com maior nível de inteligência e complexidade.
    eu vejo inteligência e propósito na existência, voce um acaso burro, brincando aleatoriamente de tentativa e erros.
    Continua criando espantalhos.
    Atacar este ponto de vista ridículo exposto por você mesmo não irá adiantar nada, pois não é este o meu posicionamento.
    Então seja mais claro, me ajude acabar com a criação desse espantalho? Se puder…ha…ha.ha.ha
    quanto mais simples o ser vivo ,maior sera sua liberdade para agir aleatoriamente, ir a qualquer direção despreocupadamente, sem planejar conseqüências, no entanto a vontade de se mover é própria.
    Para seu raciocínio fazer o mínimo de sentido você precisa agora determinar o critério de complexidade adotado por você para classificar os seres vivos.
    Em seguida deve explicar qual a relação deste discurso com o estávamos falando antes.
    Fiz uma pergunta simplíssima e você ficou mais enrolado que briga de cobras, desviou e não respondeu.
    Você falou que as coisas não estão em cada lugar por acaso. Em seguida disse que as coisas são empurradas em direções aleatórias. Uma vez que aleatoriedade exprime idéia de acaso, então são duas sentenças diametralmente opostas e você não conseguiu explicar.
    O importante é que este tipo de comportamento aleatório não é por acaso.
    Obrigado por tornar a contradição mais explícita ainda.
    Comportamento aleatório que não seja por acaso não é aleatório.
    Quando você lançou sua farinha no fundo de uma forma, a disposição dos grãos foram aleatórias (já que eles não possuem sentido de direção ), mas o seu ato inicial de gerar tais posicionamento foi intencional e digo mais você os limitou dentro de um determinado espaço.
    Não há contradição em afirmar que podemos intencionalmente gerar casualidades.
    A própria individualidade humana é gerada pelo acaso das nossas escolhas aleatórias, são elas que formam o nosso ser “eu”.
    o motor da vida é o desejo do ser, sem a intenção não ha vida.
    O que isso tem a ver com o resto? Seja claro e objetivo.
    Você utiliza de todos os recursos imagináveis para tentar conduzir a conversa para o campo filosófico, pois é o único lugar onde não se pode chamar um louco de louco.
    “ o bagunho é doido! “ mas. não sou louco , apenas incompreendido….he..he..he..he..he
    Sem desejo, sentimentos não pode haver um “eu”, todo movimento, ação vem de uma intenção

    Criaturo, on 30/07/2014 at 09:15 said:
    o comentário anterior é para o Marcos
    Marcos Kiyoji, on 30/07/2014 at 10:24 said:
    Criaturo,
    Se não há maquinas capazes de criar seres inteligentes e complexos, por comparação um sistema apenas mecânico também não poderia, então o mais lógico por comparação é deduzir que a origem da existência é intencional.
    É uma comparação esdrúxula e descabida.
    Primeiro porque sua afirmação depende de definições que você sempre relativiza e abstrai como “criar”, “inteligentes”, “complexos”, etc.
    Segundo porque eu nunca disse que foi um “sistema mecânico” que “criou” seres “inteligentes”. Isso faz parte do espantalho que você está tentando construir.
    Além disso, já foi provado cientificamente que é possível um processo não intencional formar os elementos orgânicos que compõem a vida como a conhecemos.
    Simplesmente não foram inventadas máquinas capazes de criar seres inteligentes porque existem formas mais “prazerosas” de fazê-lo.
    Portanto, sua dedução é sem fundamento, um tanto risível e eu diria até infantil.
    Pela lógica podemos deduzir o incerto
    Tente utilizar a lógica humana ao invés da “suposta” lógica de deus, senão vai continuar nesse papo de maluco.
    Atrofiamento de membros, glândulas, órgãos podem ser causados por mudanças do meio ambiente, que os torna desnecessários, isso faz parte da evolução das espécies.
    Não! Não é isso o que descreve a Teoria da Evolução. Falta-lhe conhecimento sobre o que critica.
    E você tem razão a ignorância é uma dádiva dada por Deus é somente Graças a ela que temos liberdade de ação formando no nosso ser “eu”, o não ser Deus. (…) dividindo parte do seu potencial consciente até tornar-lo ignorante da sua própria origem.
    Nós humanos somos a parte de Deus que tornou-se ignorante, então por que Deus desejaria anular nós a parte humana de si mesmo ?
    Dhããããã?!?
    Criaturo: voce considera que a origem da razão humana, foi um processo , sem causa intencional, desprovida de razão inteligente
    Marcos: Agora sim, você está se aproximando realmente da minha opinião.
    A vida inteligente surgiu “NA” ausência de uma razão intencional.
    Tem alguns problemas na sua comparação.
    1° – Eu, claramente, não concordei completamente com você. Eu apenas disse que estava se aproximando da realidade. Em seguida, repeti a minha posição.
    2° – Dizer que a razão (capacidade de raciocínio) humana se formou em um processo não intencional é TOTALMENTE DIFERENTE de afirmar que a “criação” (abstração por sua conta) seja um processo burro (qualidade atribuível apenas a quem tem racionalidade) gerando inteligências “complexas” (abstração por sua conta).
    Portanto, você distorce o que eu digo só pra ver se fica mais fácil contradizer. Isso é construir um “espantalho”.
    Não questiono a posição e sim a intenção, intencionalmente fazemos um programa para gerar números aleatórios.
    Resultados aleatórios podem ser intencionais.
    Você não está fazendo o menor sentido.
    Primeiro diz que tudo está em cada lugar não por acaso, mas por intenção.
    Depois diz que o primeiro impulso é que é intencional mas as posições são aleatórias.
    Depois afirma que as posições aleatórias são um indicativo da intenção, apesar de sabermos que a aleatoriedade é uma característica específica do acaso.
    A conclusão final que você parece implicar é que tudo está em posições aleatórias como se tivessem sido arremessadas ao acaso, mas que o fato de parecer ao acaso na verdade indica que houve intenção.
    Isto é a mais pura e completa insanidade. Caso de internação.
    A outra hipótese é a do desespero de quem não sabe mais o que inventar e começa a falar palavras desconexas “ao acaso” (quer dizer, aleatoriamente).
    Questiono como algo desprovido de inteligência pode gerar um universo de complexidades
    Esta é a forma mais básica do argumento da ignorância.
    “Não sei como pode ter sido, então tem que ser alguém com alguma inteligência similar à minha (já que eu sou o cara) mas muito mais poderoso (já que eu quero parecer humilde).”
    Então seja mais claro, me ajude acabar com a criação desse espantalho?
    Não dá pra ser mais claro que isso com alguém que ignora a lógica e foge intencionalmente do objetivismo como o diabo foge da cruz.
    Não há contradição em afirmar que podemos intencionalmente gerar casualidades.
    Nisso realmente não há contradição.
    A contradição está em afirmar que o posicionamento aleatório (que aponta para acaso) serve de indício lógico para deduzir intenção.
    É esta contradição que você não consegue explicar.

    Criaturo, on 30/07/2014 at 14:52 said:
    Marcos
    Além disso, já foi provado cientificamente que é possível um processo não intencional formar os elementos orgânicos que compõem a vida como a conhecemos.
    entre o elemento orgânico e o ser vivo ha um abismo, alem do mais prove que não houve uma intenção.
    Simplesmente não foram inventadas máquinas capazes de criar seres inteligentes porque existem formas mais “prazerosas” de fazê-lo.
    tô fazendo escola…ha.ha.ha.ha
    sim, o prazer do sexo é intencional.
    Criaturo: voce considera que a origem da razão humana, foi um processo , sem causa intencional, desprovida de razão inteligente
    Marcos: Agora sim, você está se aproximando realmente da minha opinião.
    A vida inteligente surgiu “NA” ausência de uma razão intencional.
    Tem alguns problemas na sua comparação.
    1° – Eu, claramente, não concordei completamente com você. Eu apenas disse que estava se aproximando da realidade. Em seguida, repeti a minha posição.
    2° – Dizer que a razão (capacidade de raciocínio) humana se formou em um processo não intencional é TOTALMENTE DIFERENTE de afirmar que a “criação” (abstração por sua conta) seja um processo burro (qualidade atribuível apenas a quem tem racionalidade)
    esta afirmando neste caso quem tem razão é burro ?
    pelo contrario ,para mim burrice seria o mesmo que falta de razão, raciocino.
    burro = ausência de raciocínio, quando total ser irracional.
    gerando inteligências “complexas” (abstração por sua conta).
    Portanto, você distorce o que eu digo só pra ver se fica mais fácil contradizer. Isso é construir um “espantalho”.
    ah, agora, sim! todo esse …bla…bla…bla…. porque voce não aceita ter tido uma origem inteligente, que a sua razão (capacidade de pensar) teve uma origem inteligente externa a voce.
    mas onde esta a lógica em afirmar que ” a sua razão teve origem na falta de uma razão?”isso seria tão logico quanto procurar ar no vácuo.
    sua falta de razão esta comprometendo a lei da herança genética.
    Não questiono a posição e sim a intenção, intencionalmente fazemos um programa para gerar números aleatórios.
    Resultados aleatórios podem ser intencionais.
    A conclusão final que você parece implicar é que tudo está em posições aleatórias como se tivessem sido arremessadas ao acaso, mas que o fato de parecer ao acaso na verdade indica que houve intenção.
    Isto é a mais pura e completa insanidade. Caso de internação.
    esse boneco dançando o samba do criolo doido não é meu não.
    digo que aleatoriedade intencional pode gerar o “inesperado”, quando intencional não ha casos coincidentes, repetidos como no caso da individualidade humana, no principio a nossa ignorância absoluta nos permitia agir livremente, gerando reações de sentimentos aleatórios não intencionais, a vivencia destes sentimentos fez surgir em nós o desejo, a vontade intencional de causarmos a repetição de um sentimento que nos foi agradável, de forma que :
    de ações aleatórias irracionais, surgiu em nós a racionalidade humana(pelo menos nisto aqui concordamos, eu acho?)
    porem como eu ja disse todo este processo veio de uma razão intencional Deus.
    Questiono como algo desprovido de inteligência pode gerar um universo de complexidades
    Esta é a forma mais básica do argumento da ignorância.
    “Não sei como pode ter sido, então tem que ser alguém com alguma inteligência similar à minha (já que eu sou o cara) mas muito mais poderoso (já que eu quero parecer humilde).”
    sua psicologia barata tenta desvirtuar o ser.
    no processo acima eu descrevi que a racionalidade humana nasceu da irracionalidade absoluta de parte da consciência Deus.
    pense na Razão Deus como uma mola encolhendo e expandindo gerando “movimentos”.
    por comparação uma parte de Deus encolhe, vira humanos com tendencia a expansão Deus, ela expande e volta a encolher gerando movimentos ações eternas, percebe que este desequilíbrio de forças é proposital para causar movimento e vida ?
    na verdade esta divisão de forças só é capaz de aumentar o numero de individualidades humanas ,mas não pode aumentar o que ja existe no todo Deus.
    Não há contradição em afirmar que podemos intencionalmente gerar casualidades.
    Nisso realmente não há contradição.
    A contradição está em afirmar que o posicionamento aleatório (que aponta para acaso) serve de indício lógico para deduzir intenção.
    É esta contradição que você não consegue explicar.
    traduzindo a aleatoriedade não prova nada
    porem:
    a individualidade humana denota uma ação externa intencional , pois repetir ações demanda menor racionalidade do que criar sempre o “diferente”, é por isso que em todo o universo, só existe um Marcos Kiyoji e sabe porque ? Voce é um ser único.
    Graças a Deus….ha..ha..ha..ha..ha…

    Marcos Kiyoji, on 30/07/2014 at 16:32 said:
    Criaturo,
    entre o elemento orgânico e o ser vivo ha um abismo
    O elemento orgânico é uma etapa irrefutável e cientificamente comprovada. Esperneie o quanto quiser.
    alem do mais prove que não houve uma intenção.
    Que ridícula demonstração de desespero.
    Primeiro você afirma que é necessária uma intenção na “criação” dos seres, inclusive fazendo uma comparação esdrúxula e infantil com uma máquina fazedora de vida. No entanto, não conseguiu nem demonstrar como a aleatoriedade pode sequer apontar na direção de uma intenção, que dirá “provar” alguma.
    Agora, por algum motivo misterioso, eu é que tenho que me dar ao trabalho de “provar” a falsidade de uma sentença formulada por você sem embasamento nenhum.
    É um conceito novo de lógica pra mim.
    esta afirmando neste caso quem tem razão é burro ?
    pelo contrario ,para mim burrice seria o mesmo que falta de razão, raciocino.
    burro = ausência de raciocínio, quando total ser irracional.
    O adjetivo burro é atribuído a elementos que, apesar de possuir capacidade de processar informações (raciocínio), optam por não fazê-lo ou o fazem de maneira totalmente errada e sem sentido. (Esta descrição me lembrou alguém)
    Portanto, o adjetivo burro não é aplicável para “o processo de formação da vida” assim como não se diz “Nossa, mas que pedra mais burra” ou “Cara, como é burra esta maçã”.
    Você sempre utiliza o termo “burro” simplesmente porque está desesperado para dar uma característica pessoal, intencional ou de planejamento a um processo que não envolve intenção.
    voce não aceita ter tido uma origem inteligente, que a sua razão (capacidade de pensar) teve uma origem inteligente externa a voce.
    Eu aceitaria se você me fornecesse motivos.
    Estou sendo bem receptivo e benevolente. Nem peço “provas” definitivas mas tão somente algum indício sequer da veracidade do seu discurso.
    Nem disso você é capaz.
    mas onde esta a lógica em afirmar que ” a sua razão teve origem na falta de uma razão?”isso seria tão logico quanto procurar ar no vácuo.
    sua falta de razão esta comprometendo a lei da herança genética.
    Faltou estudo de ciência básica nesse discurso.
    Se eu tenho esta herança genética que você falou, então podemos testar sua hipótese.
    Vou tentar me fracionar intencionalmente até perder a auto-consciência do meu ser e criar um universo me tornando um deus.
    Se eu conseguir, prova-se a sua hipótese.
    Acho que vou fazer isso no vaso mais tarde, se eu fizer força demais acidentes podem acontecer.
    (Só brincando pra ter paciência de aguantar o maluco).
    de ações aleatórias irracionais, surgiu em nós a racionalidade humana
    O que houve com “Um burro não pode parir um sábio”?
    Diz uma coisa, depois diz o oposto.
    Que maluquice!
    Além disso, por mais que possa haver intenção por trás do que aparentemente é acaso, você ainda não explicou como o aparente acaso é sinal de intenção.
    Se você vê algo que parece acaso você acha que é acaso e não o contrário.
    digo que aleatoriedade intencional pode gerar o “inesperado”
    Se havia intenção, então o resultado não pode ser inesperado.
    por comparação uma parte de Deus encolhe, vira humanos com tendencia a expansão Deus, ela expande e volta a encolher gerando movimentos ações eternas, percebe que este desequilíbrio de forças é proposital para causar movimento e vida ?
    na verdade esta divisão de forças só é capaz de aumentar o numero de individualidades humanas ,mas não pode aumentar o que ja existe no todo Deus.
    Eu já conheço sua “hipótese” de deus, li o texto sobre ela.
    O que você nunca apresentou foram as evidências que o levaram a formular esta hipótese.
    traduzindo a aleatoriedade não prova nada
    Surtou de novo.
    Quem falou em provas foi você. Estou falando em “pra onde apontam as evidências”.
    Você afirmou e não demonstrou a lógica da afirmação.
    1 – Quando algum evento é classificado como sendo aleatório é porque dá a impressão de ter sido submetido a um processo caracterizado pelo acaso;
    2 – O evento (A) é classificado como aleatório;
    3 – Portanto, (A) dá a impressão de um processo caracterizado pelo acaso;
    4 – O criaturo afirma que concorda com as assertivas (1) e (2) mas que discorda da assertiva (3). Segundo ele, aquilo que parece aleatório na verdade é indício de intenção.
    “Aquela bola ali parece muito ser verde. Parece tanto com verde que só pode ser vermelha”
    Dhãããã!
    Possíveis conclusões:
    5 – O criaturo sofre de insanidade;
    6 – O criaturo falou bobagem e é orgulhoso demais para admitir e continuar para outros tópicos da conversa;
    7 – O criaturo não faz a menor idéia de como utilizar a lógica para concatenar seus pensamentos.

    Criaturo, on 31/07/2014 at 10:49 said:
    Marcos
    Primeiro você afirma que é necessária uma intenção na “criação” dos seres, inclusive fazendo uma comparação esdrúxula e infantil com uma máquina fazedora de vida.
    minha maquina infantil fazedora de vida foi baseada na sua visão da origem mecânica da vida
    No entanto, não conseguiu nem demonstrar como a aleatoriedade pode sequer apontar na direção de uma intenção, que dirá “provar” alguma.
    digo que aleatoriedade pode ser o resultado de uma intenção
    e que dessa aleatoriedade sairá outras intenções menores, se é que você me entende.
    ja voce prefere simplificar afirmando que aleatoriedade é fruto de um acaso inexplicável, pera ai! então acredita em coisas sobrenaturais ?
    É um conceito novo de lógica pra mim.
    vejamos:
    logica Marcos:
    a existência de seres inteligentes e complexos foi gerada por um acaso aleatório, desprovido de razão, inteligência , nem intenção.
    lógica Criaturo:
    Uma vontade inteligente e intencional criou um sistema aleatóriocapaz de gerar vontades menores individualizadas com personalidades únicas.
    neste caso o acaso não é por um acaso qualquer e sim por um acaso intencional.
    esta afirmando neste caso quem tem razão é burro ?
    pelo contrario ,para mim burrice seria o mesmo que falta de razão, raciocino.
    burro = ausência de raciocínio, quando total ser irracional.
    O adjetivo burro é atribuído a elementos que, apesar de possuir capacidade de processar informações (raciocínio), optam por não fazê-lo ou o fazem de maneira totalmente errada e sem sentido. (Esta descrição me lembrou alguém)
    eu sinto muito…he..he…he..he..he
    Portanto, o adjetivo burro não é aplicável para “o processo de formação da vida” assim como não se diz “Nossa, mas que pedra mais burra” ou “Cara, como é burra esta maçã”.
    Você sempre utiliza o termo “burro” simplesmente porque está desesperado para dar uma característica pessoal, intencional ou de planejamento a um processo que não envolve intenção.
    voce se sentiu ofendido por que perguntei se voce se considerava filho de um acaso burro: (mimimi, sua objetividade até agora te guia até a :”irracionalidade criando a racionalidade” como ja disse faz voce acreditar em “um burro parindo sábios”)
    agora fica ai tentando defender que sua razão veio da falta de uma razão intencional e não de um ser irracional,ou seja acha mais lógico acreditar-se um produto de um sistema irracional do que, de um ser irracional, porem isso não elimina o fato de estar afirmando que a sua razão (faculdade de raciocinar),nasceu da falta de uma razão.
    Ateismo é isso, o atributo negando a essência da sua origem.
    Agora vou justificar porque o ateísmo é divino: para Deus conseguir criar vontades diferentes em outros seres, sem querer impor a vontade dele, precisou “negar a si mesmo “, ou seja fez que sua menor parte (a humana infantil) passasse a ignorar a sua própria origem divina, ou a origem dos seus atributos.
    voce não aceita ter tido uma origem inteligente e que a sua razão (capacidade de pensar) teve uma origem inteligente externa a voce.
    Eu aceitaria se você me fornecesse motivos.
    Estou sendo bem receptivo e benevolente. Nem peço “provas” definitivas mas tão somente algum indício sequer da veracidade do seu discurso.
    Nem disso você é capaz.
    Eu possuo uma razão, por isso posso reconhecer que ela deriva de outra, voce prefere acreditar que uma absoluta falta de razão possa “criar” razão, ou seja sua fé na possibilidade da criação é bem maior do que a minha, que afirma ser possível apenas mutações de uma razão inicial, e não de criação de razões.
    mas onde esta a lógica em afirmar que ” a sua razão teve origem na falta de uma razão?”isso seria tão logico quanto procurar ar no vácuo.
    sua falta de razão esta comprometendo a lei da herança genética.
    Faltou estudo de ciência básica nesse discurso.
    Se eu tenho esta herança genética que você falou, então podemos testar sua hipótese.
    Vou tentar me fracionar intencionalmente até perder a auto-consciência do meu ser e criar um universo me tornando um deus.
    Se eu conseguir, prova-se a sua hipótese.
    o amigo ignora o universo de seres vivos existente dentro de você, na decomposição da sua matéria eles brotarão ainda mais.
    Talvez a sua consciência da vida seja semelhante a deles vivendo dentro de voce, ignoram a sua existência, tanto quanto você ignora a existência de Deus.
    de ações aleatórias irracionais, surgiu em nós a racionalidade humana
    O que houve com “Um burro não pode parir um sábio”?
    Diz uma coisa, depois diz o oposto.
    Que maluquice!
    Exato ,mas o contrario pode ser possível: um computador não pode criar um humano com atributos que a maquina não possui, mas o contrario é possível.Um humano pode criar uma maquina com parte dos seus atributos, capacidade de raciocinar semelhante a dele.
    ja disse que o ateísmo infantil é divino , pois uma parte da consciência Deus passou a ignorar sua própria origem divina, dando origem a humanidade na sua infância e que para gerar vontades diferentes e individualizada da sua, a partir de uma ignorância absoluta elas tiveram liberdade para agirem aleatoriamente, reagindo sentimentos ao acaso, até criarem o desejo em si mesmas de intencionar reações que lhe eram agradáveis ao “ser eu”.
    ou seja no inicio os seres totalmente ignorantes de si mesmos agiam
    apenas mecanicamente ( aleatoriamente), até chegarem ao estagio da vontade, da intenção de causarem em si mesmos sentimentos prazerosos, poi é para isso que desenvolvemos a razão .
    Além disso, por mais que possa haver intenção por trás do que aparentemente é acaso, você ainda não explicou como o aparente acaso é sinal de intenção.
    Se você vê algo que parece acaso você acha que é acaso e não o contrário.
    bom se voce afirma que esta aqui neste mundo apenas por um mero acaso, se também por um acaso for embora não devemos da muita importância a esse fato
    digo que aleatoriedade intencional pode gerar o “inesperado”
    Se havia intenção, então o resultado não pode ser inesperado.Você afirmou e não demonstrou a lógica da afirmação.
    1 – Quando algum evento é classificado como sendo aleatório é porque dá a impressão de ter sido submetido a um processo caracterizado pelo acaso;
    2 – O evento (A) é classificado como aleatório;
    3 – Portanto, (A) dá a impressão de um processo caracterizado pelo acaso;
    4 – O criaturo afirma que concorda com as assertivas (1) e (2) mas que discorda da assertiva (3). Segundo ele, aquilo que parece aleatório na verdade é indício de intenção.
    uma programa RND foi projetado intencional para gerar mecanicamente rumeros decimais randômicos, assim podemos prever que ele sempre gerará um numero , porem não podemos determinar qual numero, ou seja o programa parece ter adquirido algum tipo de vida própria, a não ser pelo fato de ainda fazer parte da racionalidade humana que o gerou.
    percebeu ?
    por comparação Deus formou apenas seres mecânicos desprovidos da racionalidade humana, agindo ( se movimentando) aleatoriamente aparentando possuírem vida própria , que só conseguiram obter após zilhões de anos experimentando e memorizando sentimentos é que finalmente conseguiram chegar a razão de ser humano, construindo um eu, movimentado pela força da vontade própria e não mais pela força mecânica inicial.
    “Aquela bola ali parece muito ser verde. Parece tanto com verde que só pode ser vermelha”
    Dhãããã!
    Possíveis conclusões:
    5 – O criaturo sofre de insanidade;
    6 – O criaturo falou bobagem e é orgulhoso demais para admitir e continuar para outros tópicos da conversa;
    7 – O criaturo não faz a menor idéia de como utilizar a lógica para concatenar seus pensamentos.
    por comparação uma parte de Deus encolhe, vira humanos com tendencia a expansão Deus, ela expande e volta a encolher gerando movimentos ações eternas, percebe que este desequilíbrio de forças é proposital para causar movimento e vida ?
    na verdade esta divisão de forças só é capaz de aumentar o numero de individualidades humanas ,mas não pode aumentar o que ja existe no todo Deus.
    Eu já conheço sua “hipótese” de deus, li o texto sobre ela.
    O que você nunca apresentou foram as evidências que o levaram a formular esta hipótese.
    ela é melhor do que o simplismo ateu
    “Aquela bola ali parece muito ser verde. Parece tanto com verde que só pode ser vermelha”
    Dhãããã!
    Possíveis conclusões:
    5 – O criaturo sofre de insanidade;
    6 – O criaturo falou bobagem e é orgulhoso demais para admitir e continuar para outros tópicos da conversa;
    7 – O criaturo não faz a menor idéia de como utilizar a lógica para concatenar seus pensamentos.
    ( ) o Marcos não esta batendo bem das bolas
    ( x) o Marcos não admite ser ilógico

  241. Barros,

    Chama uma ambulância.
    Ou deu pau no computador do criaturo ou ebtão ele tá passando mal.

  242. Rapaz, ele postou a Bíblia toda aí acima, foi? Que porra foi essa!? Eu nem consegui chegar no começo do texto dele.

  243. Eita! O Criaturo pôs no atacado a “sem-noçãozice” dele, foi? Jesus!

  244. Nem pra salvar a minha alma eu leio um troço daquele tamanho escrito por um filósofo de sacristia. KKkkkkkk

    Na verdade, eu rio assim: ráráráráráráráaaaaáaa Quase.

  245. “deus um canalha que consente estupros, assassinatos e torturas

    sim Deus é o criador do mal humano veja o que diz paulo coelho:

    “não falo de amor quase nada,nem vivo sorrindo ao teu lado,eu sou a mão do carrasco, o dente do tubarão, eu sou a beira do abismo”

    mas canalha é apenas um sentimento de revolta por falta de uma melhor visão.

    Deus conceder liberdade é ser injusto ?

    R. sim ! ja que não haverá igualdades

    Isso é bom ou mal ?

    Bom no sentido do prazer de poder existirmos, Mal no sentido que não nos agrada

    Deus impor a sua vontade é ser justo ?

    R. sim! ja que não haverá outras vontades divergentes!

    a raça humana é a liberdade que Deus criou para si mesmo

    Deus = humanidade = ignorância = liberdade = individualidade = sentimentos

    veja só! não é conhecido a união ou divisão (associação ) de diferentes átomos para formação de outros elementos químicos de características diferentes?
    isso é Deus apresentando-se de formas diversas.

    Ao desassociar-se Deus criou elementos com características diferentes, mecânicos com tendencias adquirirem vontade própria ou se preferir apenas “diferentes”.
    Isso que voce propõe Deus voltar a ser uma unica vontade seria um ilógico suicídio da raça humana.
    Para haver personagens é necessário haver no minimo dua opções : Bem e Mal, Deus e humanidade, (+) e (-) definindo a intensidade do Todo.

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: