“A Verdade sobre a Carne”

.

.

O mundo precisa de religião porque as pessoas não seriam capazes de engolir certas verdades cruas.

.

Anúncios

19 Respostas

  1. Agora religião também é culpada pela pessoa comer carne? Não entendo onde está a relação.

  2. Barros eu realmente não entendi seu objetivo com esse vídeo.
    A questão do aquecimento global já se transformou numa especie de religião entre os cientistas de várias áreas ligados à ela, e a dissensão é atacada como heresia.

    Enquanto via esse vídeo pensei que todos os elementos de religião estão aí. Há o grande mal, o demônio, retratado pelos EUA, o equivalente aos anticristo, Al Gore (não o defendo, de fato eu o acho um típico militante ideológico); a obra do mal, que é a agricultura e pecuária industrial; e há o bem, representado pelos veganos e seus profetas, os artistas. Bem como fazem os evangelizadores, manipulam informações, como quando falam do desmatamento no Brasil, induzindo os espectadores a pensar que a maior parte da floresta e do cerrado são usados para plantar soja. Na verdade o Brasil tem uma área ocupada de cerca 13% do território nacional, onde se concentram todas as atividades humanas.
    O cara que recebe a tal deputada no Capitólio fala como um autêntico pregador evangélico. Ela faz afirmações sensacionalistas destinadas à manipulação emocional,como quando diz que o consumo exagerado de carne está eliminando o alimento de pessoas pobres, desprezando uma série de fatores que têm, muitas vezes, mais peso na questão.
    Tem até um “momento de revelação” com o fazendeiro.
    Fazem exatamente o que as religiões fazem: pegam uma questão complexa, sobre a qual não temos conhecimento suficiente e saem pregando sua “verdade” de forma desonesta e apelativa. Por exemplo,pode até haver por aí, mas nunca vi nenhuma pesquisa séria que fale em apenas 13% de concentração de CO² na atmosfera; a apresentadora deputada sequer toca no balanceamento natural do metano e a conta dela não fecha: 13 mais 18 é 31; onde estão os outros 69% de gases componentes do efeito estufa? E mesmo assim é notável como ela insiste em dizer que metano é a maior causa do efeito estufa.

    No fim do vídeo é que as coisas ficam claras: vacas lendo Che Guevara e sendo associadas a Mao, vacas fazendo revolução, vacas armadas…

    Nem sou de comer muita carne, mas me deu vontade de comer um bom bife!

  3. A minha intenção não tinha um “objetivo” específico. Eu apenas achei a argumentação bastante interessante e válida de divulgação.

    Não tenho como garantir que os números apresentados não sejam manipulações visando a interesses do partido da moça. Como é sabido, a ciência estatística é precisa ao nível matemático da coisa, mas a maneira como se coletam os dados, como eles são interpretados e apresentados sempre fica a cargo das pessoas, e pessoas têm interesses, e esses interesses podem alimentar uma matemática duvidosa.

    Muita coisa apresentada faz imenso sentido. De fato, a produção industrial de proteína animal é bastante dispendiosa. Se a população aumenta e, paralelamente, aumenta ainda desproporcionalmente o consumo de carne, mais animais precisam ser abatidos, mais grãos produzidos, mais terras destinadas ao plantio desses grãos precisam ser desmatadas. Pra fazer tudo isso “rodar”, precisa-se cada vez mais de energia, e gera-se cada vez mais resíduos contaminantes, numa ciranda destrutiva. Não é absurdo imaginar que boa coisa não poderia sair daí…

    Entretanto, o aspecto “religioso” da coisa se revela muito bem como você apontou. É incrível como crente e vegetariano sempre quer mais companhia. Parece que os vegetarianos sentem mais dificuldade em comer suas verduras sabendo que milhões de pessoas estão se divertindo num rodízio de carnes, se empanturrando de picanha e cerveja. Do mesmo jeito que o crente se sente desconfortável com os ateus que nunca vão dizer “Aleluia!” para as idiotices que eles falam.

    Se o palestrante fosse um “carnívoro”, como eu, que estivesse querendo conscientizar as pessoas do aumento excessivo do consumo de carne pelos países ricos e em desenvolvimento, e todo o mal que isso acarreta para o planeta e para a saúde, eu iria achar que seria mais apropriado.

    Foi a proteína animal que nos forneceu o excesso de energia que utilizamos para desenvolver os cérebros que nos tornaram o que somos hoje. Eu acho que seria um tremendo contrassenso, pra dizer o mínimo, querer que toda a raça humana passe a se alimentar exclusivamente de vegetais.

    Se o que o vídeo mostra realmente for o problema, a solução deveria ser outra, que não eu ser obrigado a deixar de comer picanha.

  4. Foi a proteína animal que nos forneceu o excesso de energia que utilizamos para desenvolver os cérebros que nos tornaram o que somos hoje.

    Fico muito curioso em saber como a ‘ciência’ é capaz de afirmar, com alguma credibilidade uma coisa dessas. Tinha alguém do Gallup na pré-história tomando nota de quem comia carne e se fez um grupo de controle para então chegar a uma conclusão como esta? Esse é só um exemplo do quanto de simples teorias sem qualquer comprovação que nos são vendidas como verdade científica.

  5. Shirley
    esse é um assunto complexo mesmo! vc colocou bem as questoes
    há um exagero nisso, a coisa esta tentando para um lado religioso.
    os veganos estao criando uma situaçao de: certo e errado muito radicais! meio que dogmaticas!
    o ser humano é onivoro! o vegano parece nao aceitar essa condiçao. quer mudar a especie humana. do que adianta comer vegetais lotados de agrotoxicos?? do ponto de vista da saude!

    Eu enviei um texto para o Barros no domingo e em parte fala um pouco sobre isso. é ate uma coincidencia legal. um assunto complexo demais e que envolve muitas variaveis!
    bem que o Barros poderia postar o quanto antes, vai acrescentar ainda mais essa discussao!
    e vou dizer 1 coisa: segundo muitos pesquisadores e nutrologos A SOJA nem deveria ser consumida por humanos e animais! – se tratando de alimentaçao a coisa é complicada

    outra coisa: Jesus comia carne e o pai dele adora um churrasco
    rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs

  6. Andre Lopes

    eu sei q vc nao leva muito a serio a evoloçao e adptaçao das especies, afinal voce foi criado pronto deste jeito! pelo seu criador particular. mas sem entrar nesta discussao. veja:
    o ser humano come de tudo , por isso esse é um dos grandes motivos de ter chegado ate aqui e dominado este planeta.
    animais com restriçao alimentar ou com uma dieta especifica acabam por desaparecer ou mudar caracteristicas se tornando outra especie. se um felino nao tiver a caça dele e como comer carne , pode morrer de fome. um herbivoro tambem! num ambiente inospito onde nao ha vegetaçao pode morrer e acabar a especie em pouco tempo, por nao se adaptar as condiçoes!
    ja o ser humano vem consumindo o que o habitat fornecia, carne quando ha outros animais , frutas e vegetais em outras ocasioes!
    isso garantiu alem de sobrevivencia , maior intelecto e desenvolvimento da especie , ano apos ano! gradativamente!

  7. Greg, eu vou publicar o texto, sim, logo depois de terminar a série sobre a moral prostituída dos cristãos.

    Fico muito curioso em saber como a ‘ciência’ é capaz de afirmar, com alguma credibilidade uma coisa dessas.

    Vai morrer curioso, porque você só dá credibilidade à Bíblia, ou a quem se baseia nela pra falar merda.

    Nada do que a ciência afirma está na Bíblia. E vice-versa.

  8. Barros!

    ótima argumentação!

  9. André Lopes,

    crentes não entendem nada de nada mesmo, vivem nas fantasias a respeito de tudo parece, vc devia estudar a história da humanidade baseado em evidencias sérias, vc acha que os homens da caverna se alimentavam de que? produtos que são hoje fornecidos no mercado? acha que cultivavam alimentos? no. é isso tem sim comprovação.

  10. Greg,

    excelente argumentação!

    e é isso mesmo soja e tb o milho e o trigo e os grãos em geral são venenos para a saúde dos seres humanos, e pior que nem é só porque são cheios de agrotóxicos, a genética humana precisa de proteínas e carboidratos simples.

  11. Das mensagens a mim direcionadas acima, mais uma vez só bullshit, intimidação, acusação contra a bíblia e os cristãos, argumento que é bom NADA. Já estou acostumado com isso.

    Barros:

    Vai morrer curioso, porque você só dá credibilidade à Bíblia, ou a quem se baseia nela pra falar merda.

    Você sabe muito bem que eu fiz uma colocação a qual você evitou e preferiu sair como sempre atacando a bíblia, que é uma fixação anal que você tem. Se um dia você tiver coragem de responder ao meu argumento, estou à disposição para lê-lo.

    Adrielle:

    Se você chama a resposta do Barros de “argumentação”, eu só posso crer que você estudou em escola pública, daquelas ruins.

    Adrielletomaz:

    Claro que eu não acho que homem das cavernas ia no Carrefour comprar um quilo de carne. Nem você acha que eu acho isso, só falou para tentar tirar uma lasquinha. Você também me deve um argumento assim como o Barros, me prove que é possível cientificamente afirmar que foi por que comemos carne na pré-história que nosso cérebro se desenvolveu. Vou te dar uma dica por que sou bonzinho: quando você afirma que uma coisa causou outro, você tem que ter certeza que não houve outra causa concorrente.

    Greg:

    eu sei q vc nao leva muito a serio a evoloçao e adptaçao das especies, afinal voce foi criado pronto deste jeito! pelo seu criador particular

    Patinou Greg, eu não tenho nada contra a teoria da evolução porém acho que há pontos controversos, ela não é algo preto no branco, há muitas nuances em que os cientistas divergem.

    Quanto ao seu argumento de que somos o que somos só por que comemos de tudo, como eu disse, é simples teoria, sem comprovação científica. E se for verdade, tudo bem por mim. Lembre-se que a discussão começou por que o Barros, em sua “guerra santa” quer culpar a religião até pelo churrasquinho de domingo.

  12. …que é uma fixação anal que você tem.

    Isso se chama “projeção”: inconscientemente as pessoas tendem a atribuir aos outros seus próprios defeitos, medos e frustrações. Freud explica.

  13. Barros:

    É verdade, devo ter minhas fixações anais, mas sempre de dentro para fora, Seríam os defeitos que você atribui ao cristianismo uma ‘projeção’ sua?

  14. Barros

    Parece que os vegetarianos sentem mais dificuldade em comer suas verduras sabendo que milhões de pessoas estão se divertindo num rodízio de carnes, se empanturrando de picanha e cerveja.

    pena que os convidados principais nos rodizios não possam emitir suas opiniões a respeito.

    ja assisti um um documentários brasileiro: “A carne é fraca” que onde cientistas biólogos defendem os mesmo argumentos:
    Santa catarina cria atualmente mais suínos do que humanos, amazônia mais gado do que humanos e na pratica o que isso representa:
    animais desse porte consomem muito mais agua potável que um ser humano, por exemplo um porco 30 litros dia, são verdadeiras maquinas de poluentes, entra água potável sai água contaminada por toda sorte de antibióticos que vão direto para os rios e lençóis freáticos.
    No futuro poderemos substituir animais por vegetais, mas não água por animais.
    capim e ração são transformados em litros de gaz metano.
    florestas são derrubadas para criações de novos pastos.
    é por esse motivo que europeus preferem importar carne dos países em desenvolvimentos a ter que poluir o pais deles, por aqui por enquanto a agua é barata e não é contabilizada no custo da carne.
    é Surpreendente a quantidade de água gasta para se produzir apenas um quilo de carne.
    Esta situação me lembrou uma empresa que incentivada pelo governo ao avanço tecnológico aventurou se a produzir computadores, no inicio foi só fartura,mas logo faliu.
    Mas neste caso a nossa fartura de carne custará um mundo falido para as futuras gerações, neste caso nada mais justo herdarmos o mundo que estamos deixando para outros, ou seja nós mesmos em uma futuras reencarnação, interessante seria ver pessoas morrendo de sede e se perguntado o que fizeram para merecer tal situação.

  15. Gregs

    outra coisa: Jesus comia carne e o pai dele adora um churrasco

    se Deus fez um inferno a churrascaria divina “existe de fato”

    Jesus comia peixe,mas vivendo em uma comunidade pesqueira se tivesse iniciado sua pregação pelo vegetarismo, teria ido para cruz antes de poder ensinar coisas mais necessárias.
    para homens que matam outros homens, matar animais só pode ser normal e aceitável.

  16. gregs

    ja o ser humano vem consumindo o que o habitat fornecia, carne quando ha outros animais , frutas e vegetais em outras ocasiões!
    isso garantiu alem de sobrevivência , maior intelecto e desenvolvimento da especie , ano apos ano! gradativamente!

    homens primitivos são justificados pela pouca razão.
    atualmente nos reproduzimos como pragas e devastamos nosso planeta.
    Concorrência, stress, violência, pobreza, falta de educação, transito, poluição, tudo gerado pelo consumismo desproporcional.

  17. Adrielle

    a genética humana precisa de proteínas e carboidratos simples.

    uma neonatal garantiu que algumas crianças vegetarianas não são anêmicas , enquanto algumas carnívoras são ?

  18. De fato, Barros, o vídeo tem informações relevantes; o problema aí é que o mensageiro manipula e distorce a mensagem para os próprios fins.
    Eu pessoalmente acho que essa gente odeia os seres humanos e são muito hipócritas.
    Se nossos antepassados ficassem se preocupando com os sentimentos dos bichos a cada vez que saíssem para caçar essa turma não estaria pelas esquinas do mundo declarando seu amor pelos animais. O caso deles é de excesso de conforto, pança cheia e falta do que fazer, além de serem movidos por ódio a tudo que não elegeram como a própria versão do “bem”.
    Se realmente se preocupassem com o consumo exagerado de animais gastariam a energia que têm de sobra estudando e pesquisando formas de otimizar tudo que diga respeito a criação de animais e educando com educação as pessoas, não fazendo-as se sentirem monstros carnívoros.
    Se realmente se preocupassem com a fome que é quase endêmica em algumas regiões do mundo gastariam o tempo que têm para ficar aterrorizando os outros pesquisando sementes adequadas aos biomas dessas regiões, pesquisando formas e meios de irrigação, e explicando que em muitos casos o problema da fome não é de falta de alimento, mas de distribuição; poderiam aproveitar para explicar também que muita ajuda humanitária destinada a esses lugares não chega a quem precisa pela ação dos grupos de guerrilha inspirados no socialismo, que rouba essas doações.
    E essa história de que estamos destruindo o “meio ambiente” é pura manipulação. Essa gente até quando tem uma informação relevante arranja um jeito de mentir e distorcer as coisas.
    O “meio ambiente” vem passando por processos muito mais destruidores do que nossa ação, há bilhões de anos e sempre encontra a própria dinâmica. Nós, para o “meio ambiente”, somos episódicos.
    O correto seria dizer que estamos destruindo nossas chances de sobrevivência, mas raramente vejo esses defensores de meio ambiente dizendo isso, claramente. Deve ser por que fica mais dramático mais apelativo. Funciona tão porcamente que praticamente ninguém dá a mínima.
    Agora, não vá pensar que estou te criticando, por favor, só acho válido deixar um outro ponto de vista, pois esse tipo de argumentação do vídeo tem o propósito de fazer pregação ideológica, não de informar.

  19. Criança falando como se fosse adulta e um monte de adulto falando como se fossem crianças:

Deixe um comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: